SlideShare uma empresa Scribd logo
18º CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPORTE E TRÂNSITO
                     Rio de Janeiro - 2011



    PÓLOS GERADORES DE TRÁFEGO:
      APLICAÇÃO E IMPACTOS NOS
   EMPREENDIMENTOS RESIDENCIAIS
            EM SÃO PAULO
                Arquiteta Ada Castro
          Professora Mestre em Arquitetura e Urbanismo e
                       Gestora de Trânsito
DO QUE SE TRATA ESTE TRABALHO!?!


      Entender a relação entre as políticas urbanas
e a mobilidade quando a cidade de São Paulo,
sociedade e os órgãos públicos e gestores, analisa
um novo empreendimento imobiliário, os pólos
geradores de tráfego, se pensando no coletivo ou
como uma situação pontual.
PARA ENTENDER O PROBLEMA


• Primeiro: foi determinante entender o que é o Pólo
  Gerador de Tráfego

      Os PGTs podem ser definidos como edificações
permanentes ou espaços temporários que, pelo seu
porte ou características, atraem uma grande quantidade
de viagens, independente do modo, mas em geral
motorizadas, a um determinado ponto, ou pólo, da
cidade.
Pólos Geradores de Tráfego
PARA ENTENDER O PROBLEMA

• Segundo: conhecer as legislações que regulamentam
  os PGTs.

 Leis Federais      Código de Trânsito Brasileiro
                    Estatuto da Cidade


 Leis Ambientais    Resoluções CONAMA



 Leis Municipais    Código de Obras
 (caso São Paulo)   Legislação de Uso e Ocupação do Solo
                    Legislação Específica
PARA ENTENDER O PROBLEMA

• Terceiro: entender como são analisados os
  empreendimentos de vocação residencial.
Os principais fatores negativos de impacto
causados pelos PGTs são:

• Aumento dos congestionamentos, promovendo um
  acréscimo indesejável de tempo no deslocamento e
  dos custos (desgastes de peças, consumo de
  combustível, utilização de mais passagens do que as
  necessário etc)

• Degradação ambiental na área de influência,
  proporcionando um aumento dos níveis de poluição
  e do número de acidentes além do desconforto nos
  deslocamentos.
Fonte: 500 anos de trânsito, p. 17.
Como observado por Campos, ao se permitir que
ocorra a instalação de um novo empreendimento, se
faz necessário a verificação da capacidade de
escoamento e circulação na região para que se consiga
a sua implantação com o menor impacto possível na
região quanto à deseconomias sociais, ambientais e
congestionamentos (CAMPOS; 2003, p. 26).

“a organização do trânsito de uma cidade será sempre
uma atividade complexa, que não tem possibilidade de
atender a todos os interesses ao mesmo tempo”
(VASCONCELLOS; 1998, p.26)
Pólos Geradores de Tráfego

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

As calçadas e as concessionárias
As calçadas e as concessionáriasAs calçadas e as concessionárias
As calçadas e as concessionárias
João Cascaes
 
3.Projeto Top3
3.Projeto Top33.Projeto Top3
3.Projeto Top3
guestece6ad
 
Operação Urbana Vila Sônia, SEMPLA 2007
Operação Urbana Vila Sônia, SEMPLA 2007Operação Urbana Vila Sônia, SEMPLA 2007
Operação Urbana Vila Sônia, SEMPLA 2007
pelacidadeviva
 
O RUÍDO NO SERVIÇO DE PAVIMENTAÇÃO URBANA
O RUÍDO NO SERVIÇO DE PAVIMENTAÇÃO URBANAO RUÍDO NO SERVIÇO DE PAVIMENTAÇÃO URBANA
O RUÍDO NO SERVIÇO DE PAVIMENTAÇÃO URBANA
Thiago Morəno
 
Apresentacao Metrô 2013
Apresentacao Metrô 2013Apresentacao Metrô 2013
Apresentacao Metrô 2013
famecos2013B
 
Impacto das Olimpíadas na Infraestrutura da Cidade
Impacto das Olimpíadas na Infraestrutura da CidadeImpacto das Olimpíadas na Infraestrutura da Cidade
Impacto das Olimpíadas na Infraestrutura da Cidade
Claudio A. Pinho
 
Levy Fidelix - Programa p/ Prefeito 2008
Levy Fidelix - Programa p/ Prefeito 2008Levy Fidelix - Programa p/ Prefeito 2008
Levy Fidelix - Programa p/ Prefeito 2008
Guilherme Moreira
 
Aeroporto de congonhas painel de parede 10.02
Aeroporto de congonhas   painel de parede 10.02Aeroporto de congonhas   painel de parede 10.02
Aeroporto de congonhas painel de parede 10.02
Meio & Mensagem
 
Declaracao de voto da coligação Novo Rumo
Declaracao de voto da coligação Novo RumoDeclaracao de voto da coligação Novo Rumo
Declaracao de voto da coligação Novo Rumo
estadovelho
 
2011 requer envio de expediente ao exmo sr prefeito municipal solicitando c...
2011   requer envio de expediente ao exmo sr prefeito municipal solicitando c...2011   requer envio de expediente ao exmo sr prefeito municipal solicitando c...
2011 requer envio de expediente ao exmo sr prefeito municipal solicitando c...
drtaylorjr
 
Estudo e análise da dispersão de poluentes
Estudo e análise da dispersão depoluentesEstudo e análise da dispersão depoluentes
Estudo e análise da dispersão de poluentes
Universidade Federal do Pampa
 
Linha amarela S.A. Lamsa
Linha amarela S.A.   LamsaLinha amarela S.A.   Lamsa
Linha amarela S.A. Lamsa
Regina Karla de Azevedo
 
2011 pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas n...
2011   pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas n...2011   pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas n...
2011 pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas n...
drtaylorjr
 
06 nov13 manual faixas exclusivas de ônibus urbanos - experiências de sucesso
06 nov13   manual faixas exclusivas de ônibus urbanos - experiências de sucesso06 nov13   manual faixas exclusivas de ônibus urbanos - experiências de sucesso
06 nov13 manual faixas exclusivas de ônibus urbanos - experiências de sucesso
Roberta Soares
 
Aeroporto santos dumont mega painel 10.12
Aeroporto santos dumont   mega painel 10.12Aeroporto santos dumont   mega painel 10.12
Aeroporto santos dumont mega painel 10.12
Meio & Mensagem
 
Alerta estacionamento aveiro
Alerta estacionamento aveiroAlerta estacionamento aveiro
Alerta estacionamento aveiro
Amigos d'Avenida
 
Pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas no âmbit...
Pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas no âmbit...Pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas no âmbit...
Pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas no âmbit...
drtaylorjr
 
I n d i c a ç ã o 2010 43.doc
I n d i c a ç ã o  2010 43.docI n d i c a ç ã o  2010 43.doc
I n d i c a ç ã o 2010 43.doc
Antonio Mansilhas
 
Correio 17-7-15 1
Correio 17-7-15  1Correio 17-7-15  1
Correio 17-7-15 1
Resgate Cambuí
 
Denuncia do Reluz à policia federal
Denuncia do Reluz à policia federalDenuncia do Reluz à policia federal
Denuncia do Reluz à policia federal
Jamildo Melo
 

Mais procurados (20)

As calçadas e as concessionárias
As calçadas e as concessionáriasAs calçadas e as concessionárias
As calçadas e as concessionárias
 
3.Projeto Top3
3.Projeto Top33.Projeto Top3
3.Projeto Top3
 
Operação Urbana Vila Sônia, SEMPLA 2007
Operação Urbana Vila Sônia, SEMPLA 2007Operação Urbana Vila Sônia, SEMPLA 2007
Operação Urbana Vila Sônia, SEMPLA 2007
 
O RUÍDO NO SERVIÇO DE PAVIMENTAÇÃO URBANA
O RUÍDO NO SERVIÇO DE PAVIMENTAÇÃO URBANAO RUÍDO NO SERVIÇO DE PAVIMENTAÇÃO URBANA
O RUÍDO NO SERVIÇO DE PAVIMENTAÇÃO URBANA
 
Apresentacao Metrô 2013
Apresentacao Metrô 2013Apresentacao Metrô 2013
Apresentacao Metrô 2013
 
Impacto das Olimpíadas na Infraestrutura da Cidade
Impacto das Olimpíadas na Infraestrutura da CidadeImpacto das Olimpíadas na Infraestrutura da Cidade
Impacto das Olimpíadas na Infraestrutura da Cidade
 
Levy Fidelix - Programa p/ Prefeito 2008
Levy Fidelix - Programa p/ Prefeito 2008Levy Fidelix - Programa p/ Prefeito 2008
Levy Fidelix - Programa p/ Prefeito 2008
 
Aeroporto de congonhas painel de parede 10.02
Aeroporto de congonhas   painel de parede 10.02Aeroporto de congonhas   painel de parede 10.02
Aeroporto de congonhas painel de parede 10.02
 
Declaracao de voto da coligação Novo Rumo
Declaracao de voto da coligação Novo RumoDeclaracao de voto da coligação Novo Rumo
Declaracao de voto da coligação Novo Rumo
 
2011 requer envio de expediente ao exmo sr prefeito municipal solicitando c...
2011   requer envio de expediente ao exmo sr prefeito municipal solicitando c...2011   requer envio de expediente ao exmo sr prefeito municipal solicitando c...
2011 requer envio de expediente ao exmo sr prefeito municipal solicitando c...
 
Estudo e análise da dispersão de poluentes
Estudo e análise da dispersão depoluentesEstudo e análise da dispersão depoluentes
Estudo e análise da dispersão de poluentes
 
Linha amarela S.A. Lamsa
Linha amarela S.A.   LamsaLinha amarela S.A.   Lamsa
Linha amarela S.A. Lamsa
 
2011 pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas n...
2011   pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas n...2011   pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas n...
2011 pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas n...
 
06 nov13 manual faixas exclusivas de ônibus urbanos - experiências de sucesso
06 nov13   manual faixas exclusivas de ônibus urbanos - experiências de sucesso06 nov13   manual faixas exclusivas de ônibus urbanos - experiências de sucesso
06 nov13 manual faixas exclusivas de ônibus urbanos - experiências de sucesso
 
Aeroporto santos dumont mega painel 10.12
Aeroporto santos dumont   mega painel 10.12Aeroporto santos dumont   mega painel 10.12
Aeroporto santos dumont mega painel 10.12
 
Alerta estacionamento aveiro
Alerta estacionamento aveiroAlerta estacionamento aveiro
Alerta estacionamento aveiro
 
Pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas no âmbit...
Pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas no âmbit...Pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas no âmbit...
Pl dispőe sobre a retirada de veículos abandonados nas vias públicas no âmbit...
 
I n d i c a ç ã o 2010 43.doc
I n d i c a ç ã o  2010 43.docI n d i c a ç ã o  2010 43.doc
I n d i c a ç ã o 2010 43.doc
 
Correio 17-7-15 1
Correio 17-7-15  1Correio 17-7-15  1
Correio 17-7-15 1
 
Denuncia do Reluz à policia federal
Denuncia do Reluz à policia federalDenuncia do Reluz à policia federal
Denuncia do Reluz à policia federal
 

Semelhante a Pólos Geradores de Tráfego

GERADORES DE TRÁFEGO.pptx
GERADORES DE TRÁFEGO.pptxGERADORES DE TRÁFEGO.pptx
GERADORES DE TRÁFEGO.pptx
PriscillaVilagrande1
 
Taxa de congestionamento: experiências internacionais e os desafios para a re...
Taxa de congestionamento: experiências internacionais e os desafios para a re...Taxa de congestionamento: experiências internacionais e os desafios para a re...
Taxa de congestionamento: experiências internacionais e os desafios para a re...
Diego Mateus da Silva
 
parecer_restriçãoveiculos_recife_camara
parecer_restriçãoveiculos_recife_camaraparecer_restriçãoveiculos_recife_camara
parecer_restriçãoveiculos_recife_camara
Vinícius Sobreira
 
Parecer restrição de veículos
Parecer restrição de veículosParecer restrição de veículos
Parecer restrição de veículos
Jornal do Commercio
 
19 slids soluções logística de mobilidade urbana para ceará
19 slids  soluções logística  de  mobilidade urbana para ceará19 slids  soluções logística  de  mobilidade urbana para ceará
19 slids soluções logística de mobilidade urbana para ceará
delano chaves gurgel do amaral
 
Impacto vizinhança[1]
Impacto vizinhança[1]Impacto vizinhança[1]
Impacto vizinhança[1]
Resgate Cambuí
 
Jornal Olho Verde
Jornal Olho VerdeJornal Olho Verde
Jornal Olho Verde
Chico Macena
 
Mobilidade Urbana - Solução para o caos no trânsito
Mobilidade Urbana - Solução para o caos no trânsitoMobilidade Urbana - Solução para o caos no trânsito
Mobilidade Urbana - Solução para o caos no trânsito
Ricardo Weg
 
Megaeventos e mobilidade urbana
Megaeventos e mobilidade urbanaMegaeventos e mobilidade urbana
Megaeventos e mobilidade urbana
Paulo Ferreira
 
O Uber no Recife e a inaplicabilidade, ao caso, da regulamentação municipal p...
O Uber no Recife e a inaplicabilidade, ao caso, da regulamentação municipal p...O Uber no Recife e a inaplicabilidade, ao caso, da regulamentação municipal p...
O Uber no Recife e a inaplicabilidade, ao caso, da regulamentação municipal p...
Luísa Dubourcq Santana
 
Audiência pública são leopoldo 18.11.2011
Audiência pública são leopoldo   18.11.2011Audiência pública são leopoldo   18.11.2011
Audiência pública são leopoldo 18.11.2011
janainagazola
 
Directrices de la Política Nacional de Movilidad Urbana - José Carlos Xavier
Directrices de la Política Nacional de Movilidad Urbana - José Carlos XavierDirectrices de la Política Nacional de Movilidad Urbana - José Carlos Xavier
Directrices de la Política Nacional de Movilidad Urbana - José Carlos Xavier
Fagner Glinski
 
Projeto basico para legislacao municipal de regulamentacao da publicidade ext...
Projeto basico para legislacao municipal de regulamentacao da publicidade ext...Projeto basico para legislacao municipal de regulamentacao da publicidade ext...
Projeto basico para legislacao municipal de regulamentacao da publicidade ext...
FENAPEX
 
Você sabe o que é planejamento urbano? Sabe o que são os impactos positivos ...
Você sabe o que é planejamento urbano?  Sabe o que são os impactos positivos ...Você sabe o que é planejamento urbano?  Sabe o que são os impactos positivos ...
Você sabe o que é planejamento urbano? Sabe o que são os impactos positivos ...
GT ASSESSORIA ACADÊMICA
 
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docxATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
GT ASSESSORIA ACADÊMICA
 
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docxATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
GT ASSESSORIA ACADÊMICA
 
Ao longo dos anos, diversos engenheiros tentaram se empenhar em medidas que c...
Ao longo dos anos, diversos engenheiros tentaram se empenhar em medidas que c...Ao longo dos anos, diversos engenheiros tentaram se empenhar em medidas que c...
Ao longo dos anos, diversos engenheiros tentaram se empenhar em medidas que c...
GT ASSESSORIA ACADÊMICA
 
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docxATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
GT ASSESSORIA ACADÊMICA
 
Chuva de melaço em Boston: no dia 15 de janeiro de 1919 um acidente na cidade...
Chuva de melaço em Boston: no dia 15 de janeiro de 1919 um acidente na cidade...Chuva de melaço em Boston: no dia 15 de janeiro de 1919 um acidente na cidade...
Chuva de melaço em Boston: no dia 15 de janeiro de 1919 um acidente na cidade...
GT ASSESSORIA ACADÊMICA
 

Semelhante a Pólos Geradores de Tráfego (19)

GERADORES DE TRÁFEGO.pptx
GERADORES DE TRÁFEGO.pptxGERADORES DE TRÁFEGO.pptx
GERADORES DE TRÁFEGO.pptx
 
Taxa de congestionamento: experiências internacionais e os desafios para a re...
Taxa de congestionamento: experiências internacionais e os desafios para a re...Taxa de congestionamento: experiências internacionais e os desafios para a re...
Taxa de congestionamento: experiências internacionais e os desafios para a re...
 
parecer_restriçãoveiculos_recife_camara
parecer_restriçãoveiculos_recife_camaraparecer_restriçãoveiculos_recife_camara
parecer_restriçãoveiculos_recife_camara
 
Parecer restrição de veículos
Parecer restrição de veículosParecer restrição de veículos
Parecer restrição de veículos
 
19 slids soluções logística de mobilidade urbana para ceará
19 slids  soluções logística  de  mobilidade urbana para ceará19 slids  soluções logística  de  mobilidade urbana para ceará
19 slids soluções logística de mobilidade urbana para ceará
 
Impacto vizinhança[1]
Impacto vizinhança[1]Impacto vizinhança[1]
Impacto vizinhança[1]
 
Jornal Olho Verde
Jornal Olho VerdeJornal Olho Verde
Jornal Olho Verde
 
Mobilidade Urbana - Solução para o caos no trânsito
Mobilidade Urbana - Solução para o caos no trânsitoMobilidade Urbana - Solução para o caos no trânsito
Mobilidade Urbana - Solução para o caos no trânsito
 
Megaeventos e mobilidade urbana
Megaeventos e mobilidade urbanaMegaeventos e mobilidade urbana
Megaeventos e mobilidade urbana
 
O Uber no Recife e a inaplicabilidade, ao caso, da regulamentação municipal p...
O Uber no Recife e a inaplicabilidade, ao caso, da regulamentação municipal p...O Uber no Recife e a inaplicabilidade, ao caso, da regulamentação municipal p...
O Uber no Recife e a inaplicabilidade, ao caso, da regulamentação municipal p...
 
Audiência pública são leopoldo 18.11.2011
Audiência pública são leopoldo   18.11.2011Audiência pública são leopoldo   18.11.2011
Audiência pública são leopoldo 18.11.2011
 
Directrices de la Política Nacional de Movilidad Urbana - José Carlos Xavier
Directrices de la Política Nacional de Movilidad Urbana - José Carlos XavierDirectrices de la Política Nacional de Movilidad Urbana - José Carlos Xavier
Directrices de la Política Nacional de Movilidad Urbana - José Carlos Xavier
 
Projeto basico para legislacao municipal de regulamentacao da publicidade ext...
Projeto basico para legislacao municipal de regulamentacao da publicidade ext...Projeto basico para legislacao municipal de regulamentacao da publicidade ext...
Projeto basico para legislacao municipal de regulamentacao da publicidade ext...
 
Você sabe o que é planejamento urbano? Sabe o que são os impactos positivos ...
Você sabe o que é planejamento urbano?  Sabe o que são os impactos positivos ...Você sabe o que é planejamento urbano?  Sabe o que são os impactos positivos ...
Você sabe o que é planejamento urbano? Sabe o que são os impactos positivos ...
 
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docxATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
 
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docxATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
 
Ao longo dos anos, diversos engenheiros tentaram se empenhar em medidas que c...
Ao longo dos anos, diversos engenheiros tentaram se empenhar em medidas que c...Ao longo dos anos, diversos engenheiros tentaram se empenhar em medidas que c...
Ao longo dos anos, diversos engenheiros tentaram se empenhar em medidas que c...
 
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docxATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
ATIVIDADE 1 – GPUB - PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO.docx
 
Chuva de melaço em Boston: no dia 15 de janeiro de 1919 um acidente na cidade...
Chuva de melaço em Boston: no dia 15 de janeiro de 1919 um acidente na cidade...Chuva de melaço em Boston: no dia 15 de janeiro de 1919 um acidente na cidade...
Chuva de melaço em Boston: no dia 15 de janeiro de 1919 um acidente na cidade...
 

Mais de trans_smt

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DOS CORREDORES EXCLUSIVOS DE ...
RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DOS CORREDORES EXCLUSIVOS DE ...RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DOS CORREDORES EXCLUSIVOS DE ...
RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DOS CORREDORES EXCLUSIVOS DE ...
trans_smt
 
ANEXO VIII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA CONSULTORIA INDEPENDENTE
ANEXO VIII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA CONSULTORIA INDEPENDENTEANEXO VIII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA CONSULTORIA INDEPENDENTE
ANEXO VIII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA CONSULTORIA INDEPENDENTE
trans_smt
 
ANEXO VII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA SPTRANS
ANEXO VII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA SPTRANSANEXO VII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA SPTRANS
ANEXO VII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA SPTRANS
trans_smt
 
ANEXO V - PLANO NACIONAL DE REDUÇÃO DE ACIDENTES
ANEXO V - PLANO NACIONAL DE REDUÇÃO DE ACIDENTESANEXO V - PLANO NACIONAL DE REDUÇÃO DE ACIDENTES
ANEXO V - PLANO NACIONAL DE REDUÇÃO DE ACIDENTES
trans_smt
 
Plano Diretor Estratégico-CMTT
Plano Diretor Estratégico-CMTTPlano Diretor Estratégico-CMTT
Plano Diretor Estratégico-CMTT
trans_smt
 
Anexo i introd sistema integrado
Anexo i introd sistema integradoAnexo i introd sistema integrado
Anexo i introd sistema integrado
trans_smt
 
Revista Técnica SPTrans nº01
Revista Técnica SPTrans nº01Revista Técnica SPTrans nº01
Revista Técnica SPTrans nº01
trans_smt
 
Livro Ecofrota
Livro EcofrotaLivro Ecofrota
Livro Ecofrota
trans_smt
 
Manual de Identidade Visual
Manual de Identidade VisualManual de Identidade Visual
Manual de Identidade Visual
trans_smt
 
Apres zmrc antp 2011
Apres zmrc antp 2011Apres zmrc antp 2011
Apres zmrc antp 2011
trans_smt
 
Apresentacao antp zmrf 2011
Apresentacao antp zmrf 2011Apresentacao antp zmrf 2011
Apresentacao antp zmrf 2011
trans_smt
 
Planos de transporte
Planos de transportePlanos de transporte
Planos de transporte
trans_smt
 
Caracterizacao urbana m_boi
Caracterizacao  urbana m_boiCaracterizacao  urbana m_boi
Caracterizacao urbana m_boi
trans_smt
 
Conquistas e desafios na educacao
Conquistas e desafios na educacaoConquistas e desafios na educacao
Conquistas e desafios na educacao
trans_smt
 
Antp vuc
Antp vucAntp vuc
Antp vuc
trans_smt
 
Educacao para o transito instrumento para ed ambiental
Educacao para o transito  instrumento para ed ambientalEducacao para o transito  instrumento para ed ambiental
Educacao para o transito instrumento para ed ambiental
trans_smt
 
Educacao a distacia
Educacao a distaciaEducacao a distacia
Educacao a distacia
trans_smt
 
Coletivo revista técnica da sp trans - nº0
Coletivo   revista técnica da sp trans - nº0Coletivo   revista técnica da sp trans - nº0
Coletivo revista técnica da sp trans - nº0
trans_smt
 
Educação de Trânsito em Redes Sociais
Educação de Trânsito em Redes SociaisEducação de Trânsito em Redes Sociais
Educação de Trânsito em Redes Sociais
trans_smt
 
Sistemas automáticos de fiscalização de trânsito
Sistemas automáticos de fiscalização de trânsitoSistemas automáticos de fiscalização de trânsito
Sistemas automáticos de fiscalização de trânsito
trans_smt
 

Mais de trans_smt (20)

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DOS CORREDORES EXCLUSIVOS DE ...
RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DOS CORREDORES EXCLUSIVOS DE ...RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DOS CORREDORES EXCLUSIVOS DE ...
RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DOS CORREDORES EXCLUSIVOS DE ...
 
ANEXO VIII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA CONSULTORIA INDEPENDENTE
ANEXO VIII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA CONSULTORIA INDEPENDENTEANEXO VIII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA CONSULTORIA INDEPENDENTE
ANEXO VIII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA CONSULTORIA INDEPENDENTE
 
ANEXO VII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA SPTRANS
ANEXO VII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA SPTRANSANEXO VII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA SPTRANS
ANEXO VII - DADOS DA MICROSSIMULAÇÃO DA SPTRANS
 
ANEXO V - PLANO NACIONAL DE REDUÇÃO DE ACIDENTES
ANEXO V - PLANO NACIONAL DE REDUÇÃO DE ACIDENTESANEXO V - PLANO NACIONAL DE REDUÇÃO DE ACIDENTES
ANEXO V - PLANO NACIONAL DE REDUÇÃO DE ACIDENTES
 
Plano Diretor Estratégico-CMTT
Plano Diretor Estratégico-CMTTPlano Diretor Estratégico-CMTT
Plano Diretor Estratégico-CMTT
 
Anexo i introd sistema integrado
Anexo i introd sistema integradoAnexo i introd sistema integrado
Anexo i introd sistema integrado
 
Revista Técnica SPTrans nº01
Revista Técnica SPTrans nº01Revista Técnica SPTrans nº01
Revista Técnica SPTrans nº01
 
Livro Ecofrota
Livro EcofrotaLivro Ecofrota
Livro Ecofrota
 
Manual de Identidade Visual
Manual de Identidade VisualManual de Identidade Visual
Manual de Identidade Visual
 
Apres zmrc antp 2011
Apres zmrc antp 2011Apres zmrc antp 2011
Apres zmrc antp 2011
 
Apresentacao antp zmrf 2011
Apresentacao antp zmrf 2011Apresentacao antp zmrf 2011
Apresentacao antp zmrf 2011
 
Planos de transporte
Planos de transportePlanos de transporte
Planos de transporte
 
Caracterizacao urbana m_boi
Caracterizacao  urbana m_boiCaracterizacao  urbana m_boi
Caracterizacao urbana m_boi
 
Conquistas e desafios na educacao
Conquistas e desafios na educacaoConquistas e desafios na educacao
Conquistas e desafios na educacao
 
Antp vuc
Antp vucAntp vuc
Antp vuc
 
Educacao para o transito instrumento para ed ambiental
Educacao para o transito  instrumento para ed ambientalEducacao para o transito  instrumento para ed ambiental
Educacao para o transito instrumento para ed ambiental
 
Educacao a distacia
Educacao a distaciaEducacao a distacia
Educacao a distacia
 
Coletivo revista técnica da sp trans - nº0
Coletivo   revista técnica da sp trans - nº0Coletivo   revista técnica da sp trans - nº0
Coletivo revista técnica da sp trans - nº0
 
Educação de Trânsito em Redes Sociais
Educação de Trânsito em Redes SociaisEducação de Trânsito em Redes Sociais
Educação de Trânsito em Redes Sociais
 
Sistemas automáticos de fiscalização de trânsito
Sistemas automáticos de fiscalização de trânsitoSistemas automáticos de fiscalização de trânsito
Sistemas automáticos de fiscalização de trânsito
 

Pólos Geradores de Tráfego

  • 1. 18º CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPORTE E TRÂNSITO Rio de Janeiro - 2011 PÓLOS GERADORES DE TRÁFEGO: APLICAÇÃO E IMPACTOS NOS EMPREENDIMENTOS RESIDENCIAIS EM SÃO PAULO Arquiteta Ada Castro Professora Mestre em Arquitetura e Urbanismo e Gestora de Trânsito
  • 2. DO QUE SE TRATA ESTE TRABALHO!?! Entender a relação entre as políticas urbanas e a mobilidade quando a cidade de São Paulo, sociedade e os órgãos públicos e gestores, analisa um novo empreendimento imobiliário, os pólos geradores de tráfego, se pensando no coletivo ou como uma situação pontual.
  • 3. PARA ENTENDER O PROBLEMA • Primeiro: foi determinante entender o que é o Pólo Gerador de Tráfego Os PGTs podem ser definidos como edificações permanentes ou espaços temporários que, pelo seu porte ou características, atraem uma grande quantidade de viagens, independente do modo, mas em geral motorizadas, a um determinado ponto, ou pólo, da cidade.
  • 5. PARA ENTENDER O PROBLEMA • Segundo: conhecer as legislações que regulamentam os PGTs. Leis Federais Código de Trânsito Brasileiro Estatuto da Cidade Leis Ambientais Resoluções CONAMA Leis Municipais Código de Obras (caso São Paulo) Legislação de Uso e Ocupação do Solo Legislação Específica
  • 6. PARA ENTENDER O PROBLEMA • Terceiro: entender como são analisados os empreendimentos de vocação residencial.
  • 7. Os principais fatores negativos de impacto causados pelos PGTs são: • Aumento dos congestionamentos, promovendo um acréscimo indesejável de tempo no deslocamento e dos custos (desgastes de peças, consumo de combustível, utilização de mais passagens do que as necessário etc) • Degradação ambiental na área de influência, proporcionando um aumento dos níveis de poluição e do número de acidentes além do desconforto nos deslocamentos.
  • 8. Fonte: 500 anos de trânsito, p. 17.
  • 9. Como observado por Campos, ao se permitir que ocorra a instalação de um novo empreendimento, se faz necessário a verificação da capacidade de escoamento e circulação na região para que se consiga a sua implantação com o menor impacto possível na região quanto à deseconomias sociais, ambientais e congestionamentos (CAMPOS; 2003, p. 26). “a organização do trânsito de uma cidade será sempre uma atividade complexa, que não tem possibilidade de atender a todos os interesses ao mesmo tempo” (VASCONCELLOS; 1998, p.26)