SlideShare uma empresa Scribd logo
ANEXO
(D)
ACORDO OPERACIONAL DE OBRIGACOES COMUNS
Através do presente instrumento particular, os
Consórcios a seguir qualificados:
- CONSORCIO INTERSUL DE TRANSPORTES,
estabelecido na Rua da Assembléia, n° 10, sala 3911, parte,
Centro, Rio de Janeiro, RJ, inscrito no CNPJ sob o n°
12.464.869/0001-76, devidamente registrado na Junta Comercial do
Rio de Janeiro sob o NIRE 33.5.0002563-8, neste ato, representado
pela empresa líder Real Auto Ônibus Ltda. e esta por Cláudio Callak /[', r
Coelho; )
- CONSORCIO INTERNORTE DE TRANSPORTES,
estabelecido na Rua da Assembléia, n° 10, sala 3911, parte,
Centro, Rio de Janeiro, RJ, inscrito no CNPJ sob o n°
12.464.539/0001-80, devidamente registrado na Junta Comercial do
Rio de Janeiro sob o NIRE 33.5.0002562-0, neste ato, representado
pela empresa líder Viação Nossa Senhora de Lourdes S.A. e esta
por Humberto Fernandes Valente;
- CONSORCIO TRANSCARIOCA DE TRANSPORTES,
estabelecido na Rua da Assembléia, n° 10, sala 3911, parte,
Centro, Rio de Janeiro, RJ, inscrito no CNPJ sob o n°
12.464.553/0001-84, devidamente registrado na Junta Comercial do J *-ÿ
Rio de Janeiro sob o NIRE 33.5.0002561-1, neste ato, representado >,
*
pela empresa líder Viação Redentor Ltda. e esta por Avelino I I
Antunes; e
ÿ
I
- CONSORCIO SANTA CRUZ TRANSPORTES, estabelecido
na Rua da Assembléia, n° 10, sala 3911, parte, Centro, Rio de
Janeiro, RJ, inscrito no CNPJ sob o n° 12.464.577/0001-33,
devidamente registrado na Junta Comercial do Rio de Janeiro sob o
NIRE 33.5.0002560-3, neste ato, representado pela empresa líder
Expresso Pégaso Ltda. e esta por Orlando Pedroso Lopes Marques,
têm justo entre si certo e ajustado, firmar, com fundamento nas
regras constantes dos itens 11.01, (v), 19.04 e 31 do Edital de
Concorrência Pública n° CO 010/2010, lançado pelo Município do
Rio de Janeiro, através da sua Secretaria Municipal de Transportes,
para delegação, mediante concessão, da prestação de Serviço
Público de Passageiros por Ônibus - SPPO-RJ, ACORDO
OPERACIONAL DE OBRIGAÇÕES COMUNS, conforme as
seguintes cláusulas e condições:
CLAÚSULA PRIMEIRA - Conforme compromisso firmado entre os
Consórcios, constante do modelo E, do Anexo V, do Edital de
Concorrência Pública n° CO 010/2010, declaração já apresentada
pelos licitantes com documentação de habilitação, item 11.01, (v),
os Consórcios comprometeram-se a celebração Acordo
Operacional - Obrigações Comuns, com a finalidade de disciplinar
o desempenho de obrigações comuns a todas as quatro Redes de ;
Transportes Regionais - RTRs, no que se refere ao Sistema de j
Bilhetagem Eletrônica. /]
! h
2
CLAÚSULA SEGUNDA - Assim, os Consórcios obrigam-se em
cumprir fielmente e de forma coordenada as obrigações comuns a
todas as concessionárias decorrentes da lei, da regulamentação
aplicável, do Edital de Concorrência Pública n° CO 010/2010 e
respectivos Anexos, além de assumirem responsabilidade solidária
por todas as obrigações dele decorrentes.
CLAÚSULA TERCEIRA - Cada uma das empresas consorciadas,
através dos Consórcios reitera a declaração, feita no contrato de
consórcio, que vem efetuando a operação dos serviços de
transporte coletivo de passageiros por ônibus, através de
organização empresarial própria, que inclui os meios materiais e
humanos empregados na prestação do serviço. //,-
/
V- w
/
CLAÚSULA QUARTA - As novas ordens de serviço que forem w
dirigidas aos consórcios, depois de celebrado o contrato de
concessão, envolvendo, como se um só todo fosse, os serviços que
englobam, nas referidas RTRs, todas as linhas que, até então, cada
uma das empresas consorciadas vinha operando, serão cumpridas
pelas consorciadas da mesma forma, e pelos mesmos meios
mencionados no parágrafo anterior, de sorte a manter, até o limite
do operacionalmente possível, a situação anterior.
CLAÚSULA QUINTA - Obrigam-se os Consórcios a operação
compartilhada dos Terminais Urbanos, pelo prazo da concessão,
proporcional à frota operante entre as concessionárias que os
utilizarem, conforme a listagem constante do item 7.1.5, do Projeto
Básico, a saber: /
RTR 1 -Terminal da Misericórdia (Praça XV);
Terminal Padre Henrique Otti (Santo Cristo);
Terminal Procópio Ferreira (Central);
Terminal Alfredo Agache;
Terminal Jamil Amiden;
RTR 2 - Terminal do Cosme Velho;
RTR 3 - Terminal Américo Ayres (Méier);
Terminal Arquiteto Pacciello (Méier);
Terminal Arquiteto Mario Costa e Souza (Pavuna);
Terminal sob o Viaduto João XXIII (Penha
Circular);
Terminal da Integração (Ribeira);
Terminal Rodoviário Enock Anselmo dos Santos
(Amarelinho);
Terminal Rodoviário da Lobo Junior;
RTR 4 - Terminal da Joatinga (Barra);
ÿ'
/ /; . /
*
Terminal da PUC (Gávea);
Terminal Rodoviário da Usina - Carlos Manes
Barbosa;
Terminal da Alvorada (Barra);
Terminal do Terreirão (Recreio);
Terminal Deputado Jose de Souza Marques
(Cascadura);
Terminal Arquiteto Julius Sass (Anil);
Terminal Rodoviário Urbano de Madureira;
Terminal de Cascadura (N. Senhora do
.1
âf 4
Amparo);
Terminal de Curicica;
RTR 5 - Terminal da Serrinha (Campo Grande);
Terminal Rodoviária Urbano de Santa Cruz
(Terminal Álvaro Alberto).
CLAÚSULA SEXTA - Se por qualquer razão houver termino da
concessão outorgada à empresa consorciada, licitante vencedora
para determinada Rede de Transporte Regional - RTR, todas as
concessionárias das demais Redes de Transportes Regionais -
RTRs, através dos respectivos consórcios, deverão firmar acordo
com a nova concessionária para esta ingresse, nas mesmas
condições originais nos Acordos Operacionais.
CLAÚSULA SÉTIMA - Para os efeitos do item 31.02.1, do Edital de
Concorrência Pública n° CO 010/2010, fica indicada, como empresa
responsável pela coordenação e execução do presente Acordo, a
líder de cada Consórcio, signatária do presente Acordo
Operacional.
CLAÚSULA OITAVA - O prazo de duração do presente Acordo é
o mesmo contrato de concessão, que é de 20 (vinte) anos,
contados a partir da data da assinatura do contrato de concessão
entre o Município do Rio de Janeiro e os Consórc
y
poderá ser prorrogado, uma única vez, por novo
(vinte) anos.
período de 20
5
CLAÚSULA NONA - O presente Acordo Operacional - Obrigações
Comuns deverá ser previamente submetido à aprovação do Poder
Público, assim como suas eventuais alterações.
CLAÚSULA DÉCIMA - Os Consórcios comprometem-se a
empregar todos os esforços para a perfeita execução do presente
Acordo e responderão solidariamente por todas as obrigações dele
decorrentes.
presente instrumento, em 5 (cinco) vias de igual teor e forma, na
presença das testemunhas abaixo assinadas, para que produza os
seus regulares efeitos.
E por estarem justos e acordados firmam o
Rio de Janeiro, 15 de setembro de 2010.
CONSORCKHNTERSUL QE TfiAÍ)ÍSP£RTES
OTNysQfíCIO INTERWRTEÿé-TRANSPORT
CONSORCIO TRANSCARIOCA DE TRANSPORTES
CONSORCIO SANTAÿCROZTRANSPORTES
6

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

30º Fórum Paulista do Transporte – Mobilidade e Abastecimento Urbano - Palest...
30º Fórum Paulista do Transporte – Mobilidade e Abastecimento Urbano - Palest...30º Fórum Paulista do Transporte – Mobilidade e Abastecimento Urbano - Palest...
30º Fórum Paulista do Transporte – Mobilidade e Abastecimento Urbano - Palest...
SETCESP - Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região
 
Projeto de lei liberato - rodízio
Projeto de lei   liberato - rodízioProjeto de lei   liberato - rodízio
Projeto de lei liberato - rodízio
Jamildo Melo
 
Projeto de lei_embarque e desembarque de idosos e pessoas com deficiência em ...
Projeto de lei_embarque e desembarque de idosos e pessoas com deficiência em ...Projeto de lei_embarque e desembarque de idosos e pessoas com deficiência em ...
Projeto de lei_embarque e desembarque de idosos e pessoas com deficiência em ...
Claudio Figueiredo
 
Prot. 1373 17 pl dispõe sobre a obrigatoriedade de embarque e desembarque d...
Prot. 1373 17   pl dispõe sobre a obrigatoriedade de embarque e desembarque d...Prot. 1373 17   pl dispõe sobre a obrigatoriedade de embarque e desembarque d...
Prot. 1373 17 pl dispõe sobre a obrigatoriedade de embarque e desembarque d...
Claudio Figueiredo
 
Prot. 1280 14 pl obriga o poder executivo municipal a disponibilizar vagas ...
Prot. 1280 14   pl obriga o poder executivo municipal a disponibilizar vagas ...Prot. 1280 14   pl obriga o poder executivo municipal a disponibilizar vagas ...
Prot. 1280 14 pl obriga o poder executivo municipal a disponibilizar vagas ...
ramonpeyroton
 
Antp vuc
Antp vucAntp vuc
Antp vuc
trans_smt
 
Justiça derruba decreto que acabava com a segunda passagem
Justiça derruba decreto que acabava com a segunda passagemJustiça derruba decreto que acabava com a segunda passagem
Justiça derruba decreto que acabava com a segunda passagem
Sofia Cavedon
 
Anexo A Intersul
Anexo A IntersulAnexo A Intersul
Anexo A Intersul
Rio Ônibus Informa
 
Encontro Mercedes-Benz - Tayguara Helou
Encontro Mercedes-Benz - Tayguara Helou Encontro Mercedes-Benz - Tayguara Helou
Guia Oficial do RNTRC para Transportadores
Guia Oficial do RNTRC para TransportadoresGuia Oficial do RNTRC para Transportadores
Guia Oficial do RNTRC para Transportadores
Transvias
 
2011 pl dispõe sobre a obrigatoriedade de ser observada a lotação máxima de...
2011   pl dispõe sobre a obrigatoriedade de ser observada a lotação máxima de...2011   pl dispõe sobre a obrigatoriedade de ser observada a lotação máxima de...
2011 pl dispõe sobre a obrigatoriedade de ser observada a lotação máxima de...
drtaylorjr
 
8509 (2).PDF
8509 (2).PDF8509 (2).PDF
8509 (2).PDF
EdvaniaZatesko
 
Pl obriga os estabelecimentos com grande concentração de pessoas a fixarem pl...
Pl obriga os estabelecimentos com grande concentração de pessoas a fixarem pl...Pl obriga os estabelecimentos com grande concentração de pessoas a fixarem pl...
Pl obriga os estabelecimentos com grande concentração de pessoas a fixarem pl...
drtaylorjr
 
13 7-23
13 7-2313 7-23
13 7-23
Bruno Moreno
 
Antt Aspectos Regulatorios
Antt Aspectos RegulatoriosAntt Aspectos Regulatorios
Lei n° 426
Lei n° 426Lei n° 426
Lei n° 426
Ceu Jr
 
Projeto de lei recapeamento asfáltico
Projeto de lei recapeamento asfálticoProjeto de lei recapeamento asfáltico
Projeto de lei recapeamento asfáltico
Claudio Figueiredo
 
Prot. 0507 15 pl obriga o recapeamento das vias pelas prestadoras de serviç...
Prot. 0507 15   pl obriga o recapeamento das vias pelas prestadoras de serviç...Prot. 0507 15   pl obriga o recapeamento das vias pelas prestadoras de serviç...
Prot. 0507 15 pl obriga o recapeamento das vias pelas prestadoras de serviç...
Claudio Figueiredo
 
Indenização das empresas urbs
Indenização das empresas   urbsIndenização das empresas   urbs
Indenização das empresas urbs
Professora Josete
 

Mais procurados (19)

30º Fórum Paulista do Transporte – Mobilidade e Abastecimento Urbano - Palest...
30º Fórum Paulista do Transporte – Mobilidade e Abastecimento Urbano - Palest...30º Fórum Paulista do Transporte – Mobilidade e Abastecimento Urbano - Palest...
30º Fórum Paulista do Transporte – Mobilidade e Abastecimento Urbano - Palest...
 
Projeto de lei liberato - rodízio
Projeto de lei   liberato - rodízioProjeto de lei   liberato - rodízio
Projeto de lei liberato - rodízio
 
Projeto de lei_embarque e desembarque de idosos e pessoas com deficiência em ...
Projeto de lei_embarque e desembarque de idosos e pessoas com deficiência em ...Projeto de lei_embarque e desembarque de idosos e pessoas com deficiência em ...
Projeto de lei_embarque e desembarque de idosos e pessoas com deficiência em ...
 
Prot. 1373 17 pl dispõe sobre a obrigatoriedade de embarque e desembarque d...
Prot. 1373 17   pl dispõe sobre a obrigatoriedade de embarque e desembarque d...Prot. 1373 17   pl dispõe sobre a obrigatoriedade de embarque e desembarque d...
Prot. 1373 17 pl dispõe sobre a obrigatoriedade de embarque e desembarque d...
 
Prot. 1280 14 pl obriga o poder executivo municipal a disponibilizar vagas ...
Prot. 1280 14   pl obriga o poder executivo municipal a disponibilizar vagas ...Prot. 1280 14   pl obriga o poder executivo municipal a disponibilizar vagas ...
Prot. 1280 14 pl obriga o poder executivo municipal a disponibilizar vagas ...
 
Antp vuc
Antp vucAntp vuc
Antp vuc
 
Justiça derruba decreto que acabava com a segunda passagem
Justiça derruba decreto que acabava com a segunda passagemJustiça derruba decreto que acabava com a segunda passagem
Justiça derruba decreto que acabava com a segunda passagem
 
Anexo A Intersul
Anexo A IntersulAnexo A Intersul
Anexo A Intersul
 
Encontro Mercedes-Benz - Tayguara Helou
Encontro Mercedes-Benz - Tayguara Helou Encontro Mercedes-Benz - Tayguara Helou
Encontro Mercedes-Benz - Tayguara Helou
 
Guia Oficial do RNTRC para Transportadores
Guia Oficial do RNTRC para TransportadoresGuia Oficial do RNTRC para Transportadores
Guia Oficial do RNTRC para Transportadores
 
2011 pl dispõe sobre a obrigatoriedade de ser observada a lotação máxima de...
2011   pl dispõe sobre a obrigatoriedade de ser observada a lotação máxima de...2011   pl dispõe sobre a obrigatoriedade de ser observada a lotação máxima de...
2011 pl dispõe sobre a obrigatoriedade de ser observada a lotação máxima de...
 
8509 (2).PDF
8509 (2).PDF8509 (2).PDF
8509 (2).PDF
 
Pl obriga os estabelecimentos com grande concentração de pessoas a fixarem pl...
Pl obriga os estabelecimentos com grande concentração de pessoas a fixarem pl...Pl obriga os estabelecimentos com grande concentração de pessoas a fixarem pl...
Pl obriga os estabelecimentos com grande concentração de pessoas a fixarem pl...
 
13 7-23
13 7-2313 7-23
13 7-23
 
Antt Aspectos Regulatorios
Antt Aspectos RegulatoriosAntt Aspectos Regulatorios
Antt Aspectos Regulatorios
 
Lei n° 426
Lei n° 426Lei n° 426
Lei n° 426
 
Projeto de lei recapeamento asfáltico
Projeto de lei recapeamento asfálticoProjeto de lei recapeamento asfáltico
Projeto de lei recapeamento asfáltico
 
Prot. 0507 15 pl obriga o recapeamento das vias pelas prestadoras de serviç...
Prot. 0507 15   pl obriga o recapeamento das vias pelas prestadoras de serviç...Prot. 0507 15   pl obriga o recapeamento das vias pelas prestadoras de serviç...
Prot. 0507 15 pl obriga o recapeamento das vias pelas prestadoras de serviç...
 
Indenização das empresas urbs
Indenização das empresas   urbsIndenização das empresas   urbs
Indenização das empresas urbs
 

Destaque

Dúvidas dos Novos Escritores
Dúvidas dos Novos EscritoresDúvidas dos Novos Escritores
Dúvidas dos Novos Escritores
Rodrigo Capella
 
Grupo saude
Grupo saudeGrupo saude
Grupo saude
Cinara Aline
 
Anexo B Transcarioca
Anexo B TranscariocaAnexo B Transcarioca
Anexo B Transcarioca
Rio Ônibus Informa
 
A arte da guerra sun tzu
A arte da guerra   sun tzuA arte da guerra   sun tzu
A arte da guerra sun tzu
Ed Gerf
 
Sergipe bate recorde na geração de empregos
Sergipe bate recorde na geração de empregosSergipe bate recorde na geração de empregos
Sergipe bate recorde na geração de empregos
Governo de Sergipe
 
Dpise cme carta educativa
Dpise   cme carta educativaDpise   cme carta educativa
Dpise cme carta educativa
fapodivel
 
Java5
Java5Java5
Governança eletrônica móvel no Brasil - Clad 2012
Governança eletrônica móvel no Brasil - Clad 2012Governança eletrônica móvel no Brasil - Clad 2012
Governança eletrônica móvel no Brasil - Clad 2012
everson lopes de aguiar
 
Projeto ilustrar ler mais...caminhar
Projeto   ilustrar ler mais...caminharProjeto   ilustrar ler mais...caminhar
Projeto ilustrar ler mais...caminhar
Maria Pires
 
Palestra encontro nacional PMI-DF 2010
Palestra encontro nacional PMI-DF 2010Palestra encontro nacional PMI-DF 2010
Palestra encontro nacional PMI-DF 2010
Marcelo Bastos
 
Revista da turma da monica sobre drogas
Revista da turma da monica sobre drogasRevista da turma da monica sobre drogas
Revista da turma da monica sobre drogas
Escola Municipal "João Salto"
 
Refrigerantes alerta da petrobras - pas-164
Refrigerantes   alerta da petrobras - pas-164Refrigerantes   alerta da petrobras - pas-164
Refrigerantes alerta da petrobras - pas-164Marcos Schürmann
 
Altea Xl-Lista preturi 2010
Altea Xl-Lista preturi 2010Altea Xl-Lista preturi 2010
Altea Xl-Lista preturi 2010seatmetrotehnica
 
Powe Mariano
Powe MarianoPowe Mariano
Powe Mariano
marianocastillo
 
.
..
Diferencial zap book
Diferencial zap bookDiferencial zap book
Diferencial zap book
Zap Book
 
Ponte de Lima, Portugal
Ponte de Lima, PortugalPonte de Lima, Portugal
Ponte de Lima, Portugal
Tatiane Martins
 
Circular%2023%20 producao%20e%20uso%20de%20silagem
Circular%2023%20 producao%20e%20uso%20de%20silagemCircular%2023%20 producao%20e%20uso%20de%20silagem
Circular%2023%20 producao%20e%20uso%20de%20silagem
Diana Cleide Silva
 
Madrigalejo (cáceres)
Madrigalejo (cáceres)Madrigalejo (cáceres)
Madrigalejo (cáceres)
rubenparedes19
 

Destaque (20)

Dúvidas dos Novos Escritores
Dúvidas dos Novos EscritoresDúvidas dos Novos Escritores
Dúvidas dos Novos Escritores
 
Grupo saude
Grupo saudeGrupo saude
Grupo saude
 
Anexo B Transcarioca
Anexo B TranscariocaAnexo B Transcarioca
Anexo B Transcarioca
 
A arte da guerra sun tzu
A arte da guerra   sun tzuA arte da guerra   sun tzu
A arte da guerra sun tzu
 
Sergipe bate recorde na geração de empregos
Sergipe bate recorde na geração de empregosSergipe bate recorde na geração de empregos
Sergipe bate recorde na geração de empregos
 
Dpise cme carta educativa
Dpise   cme carta educativaDpise   cme carta educativa
Dpise cme carta educativa
 
Java5
Java5Java5
Java5
 
Governança eletrônica móvel no Brasil - Clad 2012
Governança eletrônica móvel no Brasil - Clad 2012Governança eletrônica móvel no Brasil - Clad 2012
Governança eletrônica móvel no Brasil - Clad 2012
 
Projeto ilustrar ler mais...caminhar
Projeto   ilustrar ler mais...caminharProjeto   ilustrar ler mais...caminhar
Projeto ilustrar ler mais...caminhar
 
Palestra encontro nacional PMI-DF 2010
Palestra encontro nacional PMI-DF 2010Palestra encontro nacional PMI-DF 2010
Palestra encontro nacional PMI-DF 2010
 
9
99
9
 
Revista da turma da monica sobre drogas
Revista da turma da monica sobre drogasRevista da turma da monica sobre drogas
Revista da turma da monica sobre drogas
 
Refrigerantes alerta da petrobras - pas-164
Refrigerantes   alerta da petrobras - pas-164Refrigerantes   alerta da petrobras - pas-164
Refrigerantes alerta da petrobras - pas-164
 
Altea Xl-Lista preturi 2010
Altea Xl-Lista preturi 2010Altea Xl-Lista preturi 2010
Altea Xl-Lista preturi 2010
 
Powe Mariano
Powe MarianoPowe Mariano
Powe Mariano
 
.
..
.
 
Diferencial zap book
Diferencial zap bookDiferencial zap book
Diferencial zap book
 
Ponte de Lima, Portugal
Ponte de Lima, PortugalPonte de Lima, Portugal
Ponte de Lima, Portugal
 
Circular%2023%20 producao%20e%20uso%20de%20silagem
Circular%2023%20 producao%20e%20uso%20de%20silagemCircular%2023%20 producao%20e%20uso%20de%20silagem
Circular%2023%20 producao%20e%20uso%20de%20silagem
 
Madrigalejo (cáceres)
Madrigalejo (cáceres)Madrigalejo (cáceres)
Madrigalejo (cáceres)
 

Semelhante a Anexo D Intersul

Anexo ii cp003 2014
Anexo ii  cp003 2014Anexo ii  cp003 2014
Anexo ii cp003 2014
Rogerio Catanese
 
Anexo 9
Anexo 9Anexo 9
Modal escolar
Modal escolarModal escolar
Modal escolar
sinterj
 
Concessões de rodovias
Concessões de rodoviasConcessões de rodovias
Concessões de rodovias
Fernando Uva Rossa
 
Edital
EditalEdital
M i n u t a edital da ppp patrocinada - garagens
M i n u t a   edital da ppp patrocinada - garagensM i n u t a   edital da ppp patrocinada - garagens
M i n u t a edital da ppp patrocinada - garagens
Jamildo Melo
 
Segundo termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Segundo termo aditivo do contrato de concessão consórcio TranscariocaSegundo termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Segundo termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Rio Ônibus Informa
 
Audiência pública transporte coletivo
Audiência pública transporte coletivoAudiência pública transporte coletivo
Audiência pública transporte coletivo
Prefeitura de Porto Alegre
 
Portagensa23
Portagensa23Portagensa23
Portagensa23
ourodaestrela
 
7ª Conferência SETCESP - Tarifas de Frete - Caroline Duarte
7ª Conferência SETCESP - Tarifas de Frete - Caroline Duarte7ª Conferência SETCESP - Tarifas de Frete - Caroline Duarte
7ª Conferência SETCESP - Tarifas de Frete - Caroline Duarte
SETCESP - Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região
 
Segundo aditivo do contrato Internorte
Segundo aditivo do contrato InternorteSegundo aditivo do contrato Internorte
Segundo aditivo do contrato Internorte
Rio Ônibus Informa
 
Acordao tcu 346/2012
 Acordao tcu 346/2012 Acordao tcu 346/2012
Acordao tcu 346/2012
Janine Andreiv Rodrigues
 
Edital de Corredores Metropolitanos BRT EMTU
Edital de Corredores Metropolitanos BRT EMTUEdital de Corredores Metropolitanos BRT EMTU
Edital de Corredores Metropolitanos BRT EMTU
Chico Macena
 
Edital licitação
Edital licitaçãoEdital licitação
Edital licitação
Francis Zeman
 
BRT Edital licitação-Campinas
BRT Edital licitação-CampinasBRT Edital licitação-Campinas
BRT Edital licitação-Campinas
Laura Magalhães
 
Projeto de lei gilberto alves - restrição de veículos
Projeto de lei   gilberto alves - restrição de veículosProjeto de lei   gilberto alves - restrição de veículos
Projeto de lei gilberto alves - restrição de veículos
Jamildo Melo
 
Edital - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
Edital  - PPP de Eficiência Energética de CaruaruEdital  - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
Edital - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
gabinetedigitalcaruaru
 
Edital 2
Edital 2Edital 2
Edital 2
Francis Zeman
 
Contrato - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
Contrato - PPP de Eficiência Energética de CaruaruContrato - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
Contrato - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
gabinetedigitalcaruaru
 
Contrato de aluguel de carros.pdf
Contrato de aluguel de carros.pdfContrato de aluguel de carros.pdf
Contrato de aluguel de carros.pdf
Portal do Cerrado Conteúdos Ltda
 

Semelhante a Anexo D Intersul (20)

Anexo ii cp003 2014
Anexo ii  cp003 2014Anexo ii  cp003 2014
Anexo ii cp003 2014
 
Anexo 9
Anexo 9Anexo 9
Anexo 9
 
Modal escolar
Modal escolarModal escolar
Modal escolar
 
Concessões de rodovias
Concessões de rodoviasConcessões de rodovias
Concessões de rodovias
 
Edital
EditalEdital
Edital
 
M i n u t a edital da ppp patrocinada - garagens
M i n u t a   edital da ppp patrocinada - garagensM i n u t a   edital da ppp patrocinada - garagens
M i n u t a edital da ppp patrocinada - garagens
 
Segundo termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Segundo termo aditivo do contrato de concessão consórcio TranscariocaSegundo termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Segundo termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
 
Audiência pública transporte coletivo
Audiência pública transporte coletivoAudiência pública transporte coletivo
Audiência pública transporte coletivo
 
Portagensa23
Portagensa23Portagensa23
Portagensa23
 
7ª Conferência SETCESP - Tarifas de Frete - Caroline Duarte
7ª Conferência SETCESP - Tarifas de Frete - Caroline Duarte7ª Conferência SETCESP - Tarifas de Frete - Caroline Duarte
7ª Conferência SETCESP - Tarifas de Frete - Caroline Duarte
 
Segundo aditivo do contrato Internorte
Segundo aditivo do contrato InternorteSegundo aditivo do contrato Internorte
Segundo aditivo do contrato Internorte
 
Acordao tcu 346/2012
 Acordao tcu 346/2012 Acordao tcu 346/2012
Acordao tcu 346/2012
 
Edital de Corredores Metropolitanos BRT EMTU
Edital de Corredores Metropolitanos BRT EMTUEdital de Corredores Metropolitanos BRT EMTU
Edital de Corredores Metropolitanos BRT EMTU
 
Edital licitação
Edital licitaçãoEdital licitação
Edital licitação
 
BRT Edital licitação-Campinas
BRT Edital licitação-CampinasBRT Edital licitação-Campinas
BRT Edital licitação-Campinas
 
Projeto de lei gilberto alves - restrição de veículos
Projeto de lei   gilberto alves - restrição de veículosProjeto de lei   gilberto alves - restrição de veículos
Projeto de lei gilberto alves - restrição de veículos
 
Edital - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
Edital  - PPP de Eficiência Energética de CaruaruEdital  - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
Edital - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
 
Edital 2
Edital 2Edital 2
Edital 2
 
Contrato - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
Contrato - PPP de Eficiência Energética de CaruaruContrato - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
Contrato - PPP de Eficiência Energética de Caruaru
 
Contrato de aluguel de carros.pdf
Contrato de aluguel de carros.pdfContrato de aluguel de carros.pdf
Contrato de aluguel de carros.pdf
 

Mais de Rio Ônibus Informa

Manual de tarifa e TIR
Manual de tarifa e TIRManual de tarifa e TIR
Manual de tarifa e TIR
Rio Ônibus Informa
 
Tarifa Municipal 2014
Tarifa Municipal 2014Tarifa Municipal 2014
Tarifa Municipal 2014
Rio Ônibus Informa
 
Convencao Coletiva 2014
Convencao Coletiva 2014Convencao Coletiva 2014
Convencao Coletiva 2014
Rio Ônibus Informa
 
Consulta Internorte
Consulta InternorteConsulta Internorte
Consulta Internorte
Rio Ônibus Informa
 
Parecer do professor Miguel Reale Júnior
Parecer do professor Miguel Reale Júnior Parecer do professor Miguel Reale Júnior
Parecer do professor Miguel Reale Júnior
Rio Ônibus Informa
 
Anexo E Intersul
Anexo E IntersulAnexo E Intersul
Anexo E Intersul
Rio Ônibus Informa
 
Anexo B Intersul
Anexo B IntersulAnexo B Intersul
Anexo B Intersul
Rio Ônibus Informa
 
1 termoaditivoconsorciointersul
1 termoaditivoconsorciointersul1 termoaditivoconsorciointersul
1 termoaditivoconsorciointersul
Rio Ônibus Informa
 
Sistema de ônibus da cidade do Rio de Janeiro
Sistema de ônibus da cidade do Rio de JaneiroSistema de ônibus da cidade do Rio de Janeiro
Sistema de ônibus da cidade do Rio de Janeiro
Rio Ônibus Informa
 
Anexo E Transcarioca
Anexo E TranscariocaAnexo E Transcarioca
Anexo E Transcarioca
Rio Ônibus Informa
 
Anexo A Transcarioca
Anexo A TranscariocaAnexo A Transcarioca
Anexo A Transcarioca
Rio Ônibus Informa
 
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio TranscariocaTermo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Rio Ônibus Informa
 
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Santa Cruz
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Santa CruzTermo aditivo do contrato de concessão consórcio Santa Cruz
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Santa Cruz
Rio Ônibus Informa
 
Anexo E Santa Cruz
Anexo E Santa CruzAnexo E Santa Cruz
Anexo E Santa Cruz
Rio Ônibus Informa
 
Anexo A Santa Cruz
Anexo A Santa CruzAnexo A Santa Cruz
Anexo A Santa Cruz
Rio Ônibus Informa
 
Anexo B contrato Santa Cruz
Anexo B contrato Santa CruzAnexo B contrato Santa Cruz
Anexo B contrato Santa Cruz
Rio Ônibus Informa
 
Primeiro aditivo contrato Santa Cruz
Primeiro aditivo contrato Santa CruzPrimeiro aditivo contrato Santa Cruz
Primeiro aditivo contrato Santa Cruz
Rio Ônibus Informa
 
Primeiro aditivo do contrato Internorte
Primeiro aditivo do contrato InternortePrimeiro aditivo do contrato Internorte
Primeiro aditivo do contrato Internorte
Rio Ônibus Informa
 
Anexo E Internorte
Anexo E InternorteAnexo E Internorte
Anexo E Internorte
Rio Ônibus Informa
 

Mais de Rio Ônibus Informa (19)

Manual de tarifa e TIR
Manual de tarifa e TIRManual de tarifa e TIR
Manual de tarifa e TIR
 
Tarifa Municipal 2014
Tarifa Municipal 2014Tarifa Municipal 2014
Tarifa Municipal 2014
 
Convencao Coletiva 2014
Convencao Coletiva 2014Convencao Coletiva 2014
Convencao Coletiva 2014
 
Consulta Internorte
Consulta InternorteConsulta Internorte
Consulta Internorte
 
Parecer do professor Miguel Reale Júnior
Parecer do professor Miguel Reale Júnior Parecer do professor Miguel Reale Júnior
Parecer do professor Miguel Reale Júnior
 
Anexo E Intersul
Anexo E IntersulAnexo E Intersul
Anexo E Intersul
 
Anexo B Intersul
Anexo B IntersulAnexo B Intersul
Anexo B Intersul
 
1 termoaditivoconsorciointersul
1 termoaditivoconsorciointersul1 termoaditivoconsorciointersul
1 termoaditivoconsorciointersul
 
Sistema de ônibus da cidade do Rio de Janeiro
Sistema de ônibus da cidade do Rio de JaneiroSistema de ônibus da cidade do Rio de Janeiro
Sistema de ônibus da cidade do Rio de Janeiro
 
Anexo E Transcarioca
Anexo E TranscariocaAnexo E Transcarioca
Anexo E Transcarioca
 
Anexo A Transcarioca
Anexo A TranscariocaAnexo A Transcarioca
Anexo A Transcarioca
 
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio TranscariocaTermo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Transcarioca
 
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Santa Cruz
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Santa CruzTermo aditivo do contrato de concessão consórcio Santa Cruz
Termo aditivo do contrato de concessão consórcio Santa Cruz
 
Anexo E Santa Cruz
Anexo E Santa CruzAnexo E Santa Cruz
Anexo E Santa Cruz
 
Anexo A Santa Cruz
Anexo A Santa CruzAnexo A Santa Cruz
Anexo A Santa Cruz
 
Anexo B contrato Santa Cruz
Anexo B contrato Santa CruzAnexo B contrato Santa Cruz
Anexo B contrato Santa Cruz
 
Primeiro aditivo contrato Santa Cruz
Primeiro aditivo contrato Santa CruzPrimeiro aditivo contrato Santa Cruz
Primeiro aditivo contrato Santa Cruz
 
Primeiro aditivo do contrato Internorte
Primeiro aditivo do contrato InternortePrimeiro aditivo do contrato Internorte
Primeiro aditivo do contrato Internorte
 
Anexo E Internorte
Anexo E InternorteAnexo E Internorte
Anexo E Internorte
 

Anexo D Intersul

  • 2. ACORDO OPERACIONAL DE OBRIGACOES COMUNS Através do presente instrumento particular, os Consórcios a seguir qualificados: - CONSORCIO INTERSUL DE TRANSPORTES, estabelecido na Rua da Assembléia, n° 10, sala 3911, parte, Centro, Rio de Janeiro, RJ, inscrito no CNPJ sob o n° 12.464.869/0001-76, devidamente registrado na Junta Comercial do Rio de Janeiro sob o NIRE 33.5.0002563-8, neste ato, representado pela empresa líder Real Auto Ônibus Ltda. e esta por Cláudio Callak /[', r Coelho; ) - CONSORCIO INTERNORTE DE TRANSPORTES, estabelecido na Rua da Assembléia, n° 10, sala 3911, parte, Centro, Rio de Janeiro, RJ, inscrito no CNPJ sob o n° 12.464.539/0001-80, devidamente registrado na Junta Comercial do Rio de Janeiro sob o NIRE 33.5.0002562-0, neste ato, representado pela empresa líder Viação Nossa Senhora de Lourdes S.A. e esta por Humberto Fernandes Valente; - CONSORCIO TRANSCARIOCA DE TRANSPORTES, estabelecido na Rua da Assembléia, n° 10, sala 3911, parte, Centro, Rio de Janeiro, RJ, inscrito no CNPJ sob o n° 12.464.553/0001-84, devidamente registrado na Junta Comercial do J *-ÿ Rio de Janeiro sob o NIRE 33.5.0002561-1, neste ato, representado >, * pela empresa líder Viação Redentor Ltda. e esta por Avelino I I Antunes; e ÿ I
  • 3. - CONSORCIO SANTA CRUZ TRANSPORTES, estabelecido na Rua da Assembléia, n° 10, sala 3911, parte, Centro, Rio de Janeiro, RJ, inscrito no CNPJ sob o n° 12.464.577/0001-33, devidamente registrado na Junta Comercial do Rio de Janeiro sob o NIRE 33.5.0002560-3, neste ato, representado pela empresa líder Expresso Pégaso Ltda. e esta por Orlando Pedroso Lopes Marques, têm justo entre si certo e ajustado, firmar, com fundamento nas regras constantes dos itens 11.01, (v), 19.04 e 31 do Edital de Concorrência Pública n° CO 010/2010, lançado pelo Município do Rio de Janeiro, através da sua Secretaria Municipal de Transportes, para delegação, mediante concessão, da prestação de Serviço Público de Passageiros por Ônibus - SPPO-RJ, ACORDO OPERACIONAL DE OBRIGAÇÕES COMUNS, conforme as seguintes cláusulas e condições: CLAÚSULA PRIMEIRA - Conforme compromisso firmado entre os Consórcios, constante do modelo E, do Anexo V, do Edital de Concorrência Pública n° CO 010/2010, declaração já apresentada pelos licitantes com documentação de habilitação, item 11.01, (v), os Consórcios comprometeram-se a celebração Acordo Operacional - Obrigações Comuns, com a finalidade de disciplinar o desempenho de obrigações comuns a todas as quatro Redes de ; Transportes Regionais - RTRs, no que se refere ao Sistema de j Bilhetagem Eletrônica. /] ! h 2
  • 4. CLAÚSULA SEGUNDA - Assim, os Consórcios obrigam-se em cumprir fielmente e de forma coordenada as obrigações comuns a todas as concessionárias decorrentes da lei, da regulamentação aplicável, do Edital de Concorrência Pública n° CO 010/2010 e respectivos Anexos, além de assumirem responsabilidade solidária por todas as obrigações dele decorrentes. CLAÚSULA TERCEIRA - Cada uma das empresas consorciadas, através dos Consórcios reitera a declaração, feita no contrato de consórcio, que vem efetuando a operação dos serviços de transporte coletivo de passageiros por ônibus, através de organização empresarial própria, que inclui os meios materiais e humanos empregados na prestação do serviço. //,- / V- w / CLAÚSULA QUARTA - As novas ordens de serviço que forem w dirigidas aos consórcios, depois de celebrado o contrato de concessão, envolvendo, como se um só todo fosse, os serviços que englobam, nas referidas RTRs, todas as linhas que, até então, cada uma das empresas consorciadas vinha operando, serão cumpridas pelas consorciadas da mesma forma, e pelos mesmos meios mencionados no parágrafo anterior, de sorte a manter, até o limite do operacionalmente possível, a situação anterior. CLAÚSULA QUINTA - Obrigam-se os Consórcios a operação compartilhada dos Terminais Urbanos, pelo prazo da concessão, proporcional à frota operante entre as concessionárias que os utilizarem, conforme a listagem constante do item 7.1.5, do Projeto Básico, a saber: /
  • 5. RTR 1 -Terminal da Misericórdia (Praça XV); Terminal Padre Henrique Otti (Santo Cristo); Terminal Procópio Ferreira (Central); Terminal Alfredo Agache; Terminal Jamil Amiden; RTR 2 - Terminal do Cosme Velho; RTR 3 - Terminal Américo Ayres (Méier); Terminal Arquiteto Pacciello (Méier); Terminal Arquiteto Mario Costa e Souza (Pavuna); Terminal sob o Viaduto João XXIII (Penha Circular); Terminal da Integração (Ribeira); Terminal Rodoviário Enock Anselmo dos Santos (Amarelinho); Terminal Rodoviário da Lobo Junior; RTR 4 - Terminal da Joatinga (Barra); ÿ' / /; . / * Terminal da PUC (Gávea); Terminal Rodoviário da Usina - Carlos Manes Barbosa; Terminal da Alvorada (Barra); Terminal do Terreirão (Recreio); Terminal Deputado Jose de Souza Marques (Cascadura); Terminal Arquiteto Julius Sass (Anil); Terminal Rodoviário Urbano de Madureira; Terminal de Cascadura (N. Senhora do .1 âf 4
  • 6. Amparo); Terminal de Curicica; RTR 5 - Terminal da Serrinha (Campo Grande); Terminal Rodoviária Urbano de Santa Cruz (Terminal Álvaro Alberto). CLAÚSULA SEXTA - Se por qualquer razão houver termino da concessão outorgada à empresa consorciada, licitante vencedora para determinada Rede de Transporte Regional - RTR, todas as concessionárias das demais Redes de Transportes Regionais - RTRs, através dos respectivos consórcios, deverão firmar acordo com a nova concessionária para esta ingresse, nas mesmas condições originais nos Acordos Operacionais. CLAÚSULA SÉTIMA - Para os efeitos do item 31.02.1, do Edital de Concorrência Pública n° CO 010/2010, fica indicada, como empresa responsável pela coordenação e execução do presente Acordo, a líder de cada Consórcio, signatária do presente Acordo Operacional. CLAÚSULA OITAVA - O prazo de duração do presente Acordo é o mesmo contrato de concessão, que é de 20 (vinte) anos, contados a partir da data da assinatura do contrato de concessão entre o Município do Rio de Janeiro e os Consórc y poderá ser prorrogado, uma única vez, por novo (vinte) anos. período de 20 5
  • 7. CLAÚSULA NONA - O presente Acordo Operacional - Obrigações Comuns deverá ser previamente submetido à aprovação do Poder Público, assim como suas eventuais alterações. CLAÚSULA DÉCIMA - Os Consórcios comprometem-se a empregar todos os esforços para a perfeita execução do presente Acordo e responderão solidariamente por todas as obrigações dele decorrentes. presente instrumento, em 5 (cinco) vias de igual teor e forma, na presença das testemunhas abaixo assinadas, para que produza os seus regulares efeitos. E por estarem justos e acordados firmam o Rio de Janeiro, 15 de setembro de 2010. CONSORCKHNTERSUL QE TfiAÍ)ÍSP£RTES OTNysQfíCIO INTERWRTEÿé-TRANSPORT CONSORCIO TRANSCARIOCA DE TRANSPORTES CONSORCIO SANTAÿCROZTRANSPORTES 6