SlideShare uma empresa Scribd logo
A JUVENTUDE FAZ (Randolph Bourne, 1886~1918)
… a juventude é a corporificação da razão em
luta contra a rigidez da tradição; a juventude
faz a tudo que é velho e estabelecido a
pergunta impiedosa: Por quê? Para que serve
isso? E, quando recebe dos defensores
respostas inarticuladas e evasivas, aplica seu
próprio espírito de racionalidade, lúcido e
claro, a instituições, costumes é ideias, e,
julgando-os estúpidos, frívolos ou
perniciosos, põe-se instintivamente a trabalhar para derrubá-los e construir em seu lugar
as coisas que fervilham em sua fantasia…
A juventude é a levedura que mantém todas essas atitudes de questionamento e análise
em fermentação no mundo, não fosse por essa atividade perturbadora que ela exerce,
com sua aversão a sofismas e falsas aparências, sua insistência nas coisas como elas
são, a sociedade pereceria por simples deterioração. A esperteza da geração mais velha,
na medida em que se adapta ao mundo, consiste em esconder-se das coisas
desagradáveis onde for possível, ou manter uma conspiração de silêncio e um
complicado simulacro de que tais coisas não existem. Mas, enquanto isso, as feridas não
deixam de ir supurando. A juventude é o antisséptico drástico… Põe à mostra os males
ocultos e insiste em que sejam explicados. Não é de espantar que a geração mais velha
tenha temor e desconfiança dos mais jovens. A juventude é o Nêmesis vingador em seu
rastro… Nossa gente idosa é sempre otimista em suas opiniões sobre o futuro; a
juventude é pessimista em relação ao presente e gloriosamente esperançosa quanto ao
futuro.
E é essa esperança que é a alavanca do progresso – a única alavanca do progresso,
pode-se dizer…
O segredo da vida é, portanto, jamais perder esse elevado espírito juvenil. Da turbulência
da juventude deveria emergir esse sutil precipitado – um sadio, forte e agressivo espírito
de arrojo e realização. Deve ser um espírito flexível, em crescimento, com receptividade
para novas ideias e aguçado discernimento na experiência. Conservar vividas e
verdadeiras as próprias reações é ter encontrado o segredo da eterna juventude, e a
eterna juventude é a salvação.
Fonte: The World of Randolph Bourne; Lilian Schlissel, ed. New York, E. P. Dutton and
Co., 1965. p. 9-11, 15.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a A JUVENTUDE FAZ

A construção da identidade
A construção da identidadeA construção da identidade
A construção da identidade
José Luiz Costa
 
Momentosdeconsciencia
MomentosdeconscienciaMomentosdeconsciencia
Momentosdeconsciencia
luzesdobem
 
TRANSUBSTANCIAÇÃO
TRANSUBSTANCIAÇÃOTRANSUBSTANCIAÇÃO
Grecia
GreciaGrecia
Grecia
jmeirelles
 
Grecia
GreciaGrecia
Impulso Surdo
Impulso Surdo Impulso Surdo
Impulso Surdo
Clea Alves
 
Os sete saberes necessários à educação do futuro
Os sete saberes necessários à educação do futuroOs sete saberes necessários à educação do futuro
Os sete saberes necessários à educação do futuro
Celi Jandy Moraes Gomes
 
Sombra [salvo automaticamente]
Sombra [salvo automaticamente]Sombra [salvo automaticamente]
Sombra [salvo automaticamente]
Lívia França
 
CapíTulo 9 Livro
CapíTulo 9 LivroCapíTulo 9 Livro
CapíTulo 9 Livro
jmeirelles
 
CapíTulo 9 Livro
CapíTulo 9 LivroCapíTulo 9 Livro
CapíTulo 9 Livro
jmeirelles
 
Obsessão e desobsessão (suely caldas schubert)
Obsessão e desobsessão (suely caldas schubert)Obsessão e desobsessão (suely caldas schubert)
Obsessão e desobsessão (suely caldas schubert)
Helio Cruz
 
Suely caldasshubertobsessaoe desobsessao
Suely caldasshubertobsessaoe desobsessaoSuely caldasshubertobsessaoe desobsessao
Suely caldasshubertobsessaoe desobsessao
Wallancy Nunes
 
Obsessao e desobsessao (suely caldas schubert)
Obsessao e desobsessao (suely caldas schubert)Obsessao e desobsessao (suely caldas schubert)
Obsessao e desobsessao (suely caldas schubert)
LidiceReisPereira
 
Gente nutritiva 2010
Gente nutritiva  2010Gente nutritiva  2010
Gente nutritiva 2010
Jesus (Cristal)
 
O ser consciente divaldo franco joanna de angelis
O ser consciente divaldo franco joanna de angelisO ser consciente divaldo franco joanna de angelis
O ser consciente divaldo franco joanna de angelis
Francisco Baptista
 
Breve ensaio sobre o mal
Breve ensaio sobre o malBreve ensaio sobre o mal
Breve ensaio sobre o mal
Andreia Quesada
 
Jornal A Família Católica, 6 edição. novembro 2013
Jornal A Família Católica, 6 edição. novembro 2013Jornal A Família Católica, 6 edição. novembro 2013
Jornal A Família Católica, 6 edição. novembro 2013
Thiago Guerino
 
J eus como modelo de vida
J eus como modelo de vidaJ eus como modelo de vida
J eus como modelo de vida
Laura Brasil
 
Mediunidade
MediunidadeMediunidade
TRANSUBSTANCIAÇÃO - SUBSTÂNCIA TRANSCENDENTE
TRANSUBSTANCIAÇÃO - SUBSTÂNCIA TRANSCENDENTETRANSUBSTANCIAÇÃO - SUBSTÂNCIA TRANSCENDENTE
TRANSUBSTANCIAÇÃO - SUBSTÂNCIA TRANSCENDENTE
MARCO AURÉLIO BICALHO DE ABREU CHAGAS
 

Semelhante a A JUVENTUDE FAZ (20)

A construção da identidade
A construção da identidadeA construção da identidade
A construção da identidade
 
Momentosdeconsciencia
MomentosdeconscienciaMomentosdeconsciencia
Momentosdeconsciencia
 
TRANSUBSTANCIAÇÃO
TRANSUBSTANCIAÇÃOTRANSUBSTANCIAÇÃO
TRANSUBSTANCIAÇÃO
 
Grecia
GreciaGrecia
Grecia
 
Grecia
GreciaGrecia
Grecia
 
Impulso Surdo
Impulso Surdo Impulso Surdo
Impulso Surdo
 
Os sete saberes necessários à educação do futuro
Os sete saberes necessários à educação do futuroOs sete saberes necessários à educação do futuro
Os sete saberes necessários à educação do futuro
 
Sombra [salvo automaticamente]
Sombra [salvo automaticamente]Sombra [salvo automaticamente]
Sombra [salvo automaticamente]
 
CapíTulo 9 Livro
CapíTulo 9 LivroCapíTulo 9 Livro
CapíTulo 9 Livro
 
CapíTulo 9 Livro
CapíTulo 9 LivroCapíTulo 9 Livro
CapíTulo 9 Livro
 
Obsessão e desobsessão (suely caldas schubert)
Obsessão e desobsessão (suely caldas schubert)Obsessão e desobsessão (suely caldas schubert)
Obsessão e desobsessão (suely caldas schubert)
 
Suely caldasshubertobsessaoe desobsessao
Suely caldasshubertobsessaoe desobsessaoSuely caldasshubertobsessaoe desobsessao
Suely caldasshubertobsessaoe desobsessao
 
Obsessao e desobsessao (suely caldas schubert)
Obsessao e desobsessao (suely caldas schubert)Obsessao e desobsessao (suely caldas schubert)
Obsessao e desobsessao (suely caldas schubert)
 
Gente nutritiva 2010
Gente nutritiva  2010Gente nutritiva  2010
Gente nutritiva 2010
 
O ser consciente divaldo franco joanna de angelis
O ser consciente divaldo franco joanna de angelisO ser consciente divaldo franco joanna de angelis
O ser consciente divaldo franco joanna de angelis
 
Breve ensaio sobre o mal
Breve ensaio sobre o malBreve ensaio sobre o mal
Breve ensaio sobre o mal
 
Jornal A Família Católica, 6 edição. novembro 2013
Jornal A Família Católica, 6 edição. novembro 2013Jornal A Família Católica, 6 edição. novembro 2013
Jornal A Família Católica, 6 edição. novembro 2013
 
J eus como modelo de vida
J eus como modelo de vidaJ eus como modelo de vida
J eus como modelo de vida
 
Mediunidade
MediunidadeMediunidade
Mediunidade
 
TRANSUBSTANCIAÇÃO - SUBSTÂNCIA TRANSCENDENTE
TRANSUBSTANCIAÇÃO - SUBSTÂNCIA TRANSCENDENTETRANSUBSTANCIAÇÃO - SUBSTÂNCIA TRANSCENDENTE
TRANSUBSTANCIAÇÃO - SUBSTÂNCIA TRANSCENDENTE
 

Mais de Giba Canto

Casamento à prova de amantes (Cristina Chen)
Casamento à prova de amantes (Cristina Chen)Casamento à prova de amantes (Cristina Chen)
Casamento à prova de amantes (Cristina Chen)
Giba Canto
 
SHOCKLEY FATORES AO ESCREVER UM ARTIGO.pdf
SHOCKLEY FATORES AO ESCREVER UM ARTIGO.pdfSHOCKLEY FATORES AO ESCREVER UM ARTIGO.pdf
SHOCKLEY FATORES AO ESCREVER UM ARTIGO.pdf
Giba Canto
 
Caso de marketing Glastron Giba Canto.pdf
Caso de marketing Glastron Giba Canto.pdfCaso de marketing Glastron Giba Canto.pdf
Caso de marketing Glastron Giba Canto.pdf
Giba Canto
 
Fukuyama 20 anos depois (Almeida)
Fukuyama 20 anos depois (Almeida)Fukuyama 20 anos depois (Almeida)
Fukuyama 20 anos depois (Almeida)
Giba Canto
 
Corruption - Walfrido Warde 2018
Corruption - Walfrido Warde 2018Corruption - Walfrido Warde 2018
Corruption - Walfrido Warde 2018
Giba Canto
 
Meninos de Zinco
Meninos de ZincoMeninos de Zinco
Meninos de Zinco
Giba Canto
 
10 atitudes para o sucesso
10 atitudes para o sucesso10 atitudes para o sucesso
10 atitudes para o sucesso
Giba Canto
 
Quem eh a i gen
Quem eh a i genQuem eh a i gen
Quem eh a i gen
Giba Canto
 
Geracoes no ocidente
Geracoes no ocidenteGeracoes no ocidente
Geracoes no ocidente
Giba Canto
 
Cultivando discípulos do futuro
Cultivando discípulos do futuroCultivando discípulos do futuro
Cultivando discípulos do futuro
Giba Canto
 
Jordan Peterson OUT 2021
Jordan Peterson OUT 2021Jordan Peterson OUT 2021
Jordan Peterson OUT 2021
Giba Canto
 
Leituras Prof Giba Canto ABR 2021
Leituras Prof Giba Canto ABR 2021Leituras Prof Giba Canto ABR 2021
Leituras Prof Giba Canto ABR 2021
Giba Canto
 
Camarotes degradam o espirito civico
Camarotes degradam o espirito civicoCamarotes degradam o espirito civico
Camarotes degradam o espirito civico
Giba Canto
 
Verdade (Rita Canto)
Verdade (Rita Canto)Verdade (Rita Canto)
Verdade (Rita Canto)
Giba Canto
 
COLI by Michael J Sandel
COLI by Michael J SandelCOLI by Michael J Sandel
COLI by Michael J Sandel
Giba Canto
 
Aforismos Imorais (Pondé)
Aforismos Imorais (Pondé)Aforismos Imorais (Pondé)
Aforismos Imorais (Pondé)
Giba Canto
 
O mundo narcisico
O mundo narcisicoO mundo narcisico
O mundo narcisico
Giba Canto
 
O silencio do mundo (Pondé)
O silencio do mundo (Pondé)O silencio do mundo (Pondé)
O silencio do mundo (Pondé)
Giba Canto
 
Capital Civico (Zingales)
Capital Civico (Zingales)Capital Civico (Zingales)
Capital Civico (Zingales)
Giba Canto
 
Pequeno Tratado de Subversão da Ordem
Pequeno Tratado de Subversão da OrdemPequeno Tratado de Subversão da Ordem
Pequeno Tratado de Subversão da Ordem
Giba Canto
 

Mais de Giba Canto (20)

Casamento à prova de amantes (Cristina Chen)
Casamento à prova de amantes (Cristina Chen)Casamento à prova de amantes (Cristina Chen)
Casamento à prova de amantes (Cristina Chen)
 
SHOCKLEY FATORES AO ESCREVER UM ARTIGO.pdf
SHOCKLEY FATORES AO ESCREVER UM ARTIGO.pdfSHOCKLEY FATORES AO ESCREVER UM ARTIGO.pdf
SHOCKLEY FATORES AO ESCREVER UM ARTIGO.pdf
 
Caso de marketing Glastron Giba Canto.pdf
Caso de marketing Glastron Giba Canto.pdfCaso de marketing Glastron Giba Canto.pdf
Caso de marketing Glastron Giba Canto.pdf
 
Fukuyama 20 anos depois (Almeida)
Fukuyama 20 anos depois (Almeida)Fukuyama 20 anos depois (Almeida)
Fukuyama 20 anos depois (Almeida)
 
Corruption - Walfrido Warde 2018
Corruption - Walfrido Warde 2018Corruption - Walfrido Warde 2018
Corruption - Walfrido Warde 2018
 
Meninos de Zinco
Meninos de ZincoMeninos de Zinco
Meninos de Zinco
 
10 atitudes para o sucesso
10 atitudes para o sucesso10 atitudes para o sucesso
10 atitudes para o sucesso
 
Quem eh a i gen
Quem eh a i genQuem eh a i gen
Quem eh a i gen
 
Geracoes no ocidente
Geracoes no ocidenteGeracoes no ocidente
Geracoes no ocidente
 
Cultivando discípulos do futuro
Cultivando discípulos do futuroCultivando discípulos do futuro
Cultivando discípulos do futuro
 
Jordan Peterson OUT 2021
Jordan Peterson OUT 2021Jordan Peterson OUT 2021
Jordan Peterson OUT 2021
 
Leituras Prof Giba Canto ABR 2021
Leituras Prof Giba Canto ABR 2021Leituras Prof Giba Canto ABR 2021
Leituras Prof Giba Canto ABR 2021
 
Camarotes degradam o espirito civico
Camarotes degradam o espirito civicoCamarotes degradam o espirito civico
Camarotes degradam o espirito civico
 
Verdade (Rita Canto)
Verdade (Rita Canto)Verdade (Rita Canto)
Verdade (Rita Canto)
 
COLI by Michael J Sandel
COLI by Michael J SandelCOLI by Michael J Sandel
COLI by Michael J Sandel
 
Aforismos Imorais (Pondé)
Aforismos Imorais (Pondé)Aforismos Imorais (Pondé)
Aforismos Imorais (Pondé)
 
O mundo narcisico
O mundo narcisicoO mundo narcisico
O mundo narcisico
 
O silencio do mundo (Pondé)
O silencio do mundo (Pondé)O silencio do mundo (Pondé)
O silencio do mundo (Pondé)
 
Capital Civico (Zingales)
Capital Civico (Zingales)Capital Civico (Zingales)
Capital Civico (Zingales)
 
Pequeno Tratado de Subversão da Ordem
Pequeno Tratado de Subversão da OrdemPequeno Tratado de Subversão da Ordem
Pequeno Tratado de Subversão da Ordem
 

Último

Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
sesiomzezao
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
edusegtrab
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 

Último (20)

Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 

A JUVENTUDE FAZ

  • 1. A JUVENTUDE FAZ (Randolph Bourne, 1886~1918) … a juventude é a corporificação da razão em luta contra a rigidez da tradição; a juventude faz a tudo que é velho e estabelecido a pergunta impiedosa: Por quê? Para que serve isso? E, quando recebe dos defensores respostas inarticuladas e evasivas, aplica seu próprio espírito de racionalidade, lúcido e claro, a instituições, costumes é ideias, e, julgando-os estúpidos, frívolos ou perniciosos, põe-se instintivamente a trabalhar para derrubá-los e construir em seu lugar as coisas que fervilham em sua fantasia… A juventude é a levedura que mantém todas essas atitudes de questionamento e análise em fermentação no mundo, não fosse por essa atividade perturbadora que ela exerce, com sua aversão a sofismas e falsas aparências, sua insistência nas coisas como elas são, a sociedade pereceria por simples deterioração. A esperteza da geração mais velha, na medida em que se adapta ao mundo, consiste em esconder-se das coisas desagradáveis onde for possível, ou manter uma conspiração de silêncio e um complicado simulacro de que tais coisas não existem. Mas, enquanto isso, as feridas não deixam de ir supurando. A juventude é o antisséptico drástico… Põe à mostra os males ocultos e insiste em que sejam explicados. Não é de espantar que a geração mais velha tenha temor e desconfiança dos mais jovens. A juventude é o Nêmesis vingador em seu rastro… Nossa gente idosa é sempre otimista em suas opiniões sobre o futuro; a juventude é pessimista em relação ao presente e gloriosamente esperançosa quanto ao futuro. E é essa esperança que é a alavanca do progresso – a única alavanca do progresso, pode-se dizer… O segredo da vida é, portanto, jamais perder esse elevado espírito juvenil. Da turbulência da juventude deveria emergir esse sutil precipitado – um sadio, forte e agressivo espírito de arrojo e realização. Deve ser um espírito flexível, em crescimento, com receptividade para novas ideias e aguçado discernimento na experiência. Conservar vividas e verdadeiras as próprias reações é ter encontrado o segredo da eterna juventude, e a eterna juventude é a salvação. Fonte: The World of Randolph Bourne; Lilian Schlissel, ed. New York, E. P. Dutton and Co., 1965. p. 9-11, 15.