SlideShare uma empresa Scribd logo
Introdução
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
 Quero meditar, compartilhar com os irmãos sobre:
“A importância de conhecer a Deus” Veja!
 Por mais que o homem pesquise e tente fazer contatos
com Deus não conseguirá conhecê-lo totalmente, pois a
mente humana é limitada e Deus é um ser infinito.
Somente o Livro dos livros poderá revelar para o
mundo os mistérios da graça de Jesus Cristo.
 Mas vejamos aqui! O que significa a palavra Conhecer?
 “Conhecer é saber, ser muito versado. Ter informação.
Privar de Intimidade.”
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
1.1 - O Conhecimento de Deus é parcial para o homem.
- O homem não tem um conhecimento completo de Deus.
Veja o que diz: (1Co13.9,10): “Porque, em parte, conhecemos e, em parte,
profetizamos. Quando, porém, vier o que é perfeito, então, o que é perfeito será
aniquilado. “Isto porque o homem é carne e Deus é Espírito; o homem é pecador e
Deus é santo”. Interpretando o texto:
O texto nos indica quando esses dons cessarão; “quando vier o que é perfeito”
Muitos comentaristas com seus próprios pressupostos, entende que Paulo se
referia aqui, ao “Cânon” da Escrituras do Novo Testamento, como a “Perfeição”
Esta interpretação surgiu no século XX. É dentro deste contexto que os dons
cessaram, entende os cessacionistas. É claro que qualquer intérprete sincero,
descobrirá que Paulo está falando de uma perfeição que acontecerá depois da
Segunda volta de Cristo, depois de recebermos um corpo perfeito e glorificado em
Cristo.
I – VERDADES FUNDAMENTAIS SOBRE O CONHECIMENTO DE DEUS.
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
1.2 - O homem só poderá conhecer o que Deus revelar a ele.
- Deus só revelou o que o homem pode compreender.
Veja o que diz: (Rm 1.19,20)
“Porquanto o que de Deus se pode conhecer neles se manifesta, porque
Deus lhes manifestou.
- O Pecado impõe limites ao entendimento humano.
1.3 - O conhecimento de Deus está além da compreensão humana.
- É uma ciência muito alta para a compreensão humana.
Veja o que diz: (Sl 139.6) “Deus conhece todos os nossos pensamentos,
motivos, desejos e temores. Não há nada que lhe seja oculto.
1.4 - O conhecimento sobre Deus é infinito.
- O conhecimento de Deus é processual, gradativo.
Veja o que diz: (Os 6.3) - Não tem ninguém que tenha feito doutorado e conheça tudo
sobre Deus.
I – VERDADES FUNDAMENTAIS SOBRE O CONHECIMENTO DE DEUS.
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
II – FONTES DE INFORMÇÕES PELAS QUAIS PODEMOS CONHECER A DEUS
2.1 - Através do intelecto. (Fonte – As Escrituras).
- Jesus destacou a importância dessa fonte para o conhecermos.
Veja o que diz: (João 5.39) “Examinais as Escrituras, porque julgais ter
nelas a vida eterna, e são elas mesmas que testificam de mim.”
- O Profeta Daniel sabia muito bem o valor do estudo.
Veja o que diz: (Daniel 9.2) “no ano primeiro do seu reinado, eu, Daniel,
entendi pelos livros...”.
- Paulo também das Escrituras afirmando: Trazei os pergaminhos...
2.2 - Através de nossa comunhão com Deus. (Fonte: Oração)
- Se buscarmos perseverantemente conhecer a Deus através da oração,
Deus se revelará a nós (Pv 2.3-5). Devemos meditar, estudar a Palavra
porém, busquemos a sabedoria de Deus através da oração.
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
II – FONTES DE INFORMÇÕES PELAS QUAIS PODEMOS CONHECER A DEUS
2.3 - Através de revelações. (Fonte: O Espírito Santo).
- Paulo teve uma revelação. Por isso recebeu um espírito na carne (2Co
12.7). Podemos nos aprofundar no conhecimento de Deus através do
Espírito Santo, pois Ele conhece as profundezas de Deus (1CO 2.10).
2.4 - Através das tribulações. (Fonte: Nossas experiências cotidianas).
- Paulo descobriu muitos segredos de Deus na escola da tribulação (2Tm
3.10,11)
- A nossa alegria é saber que o senhor tem poder para nos livrar de todas
as tribulações.
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
III – CONSEQUÊNCIAS PARA QUEM DESPREZA O CONHECIMENTO DE DEUS.
3.1 - Deus entrará em contenda com essas pessoas
- É estabelecida uma inimizade entre Deus e o homem.
Veja o que diz: (Os 4.1): “Ouvi a palavra do Senhor, vós, filhos de
Israel, porque o Senhor tem uma contenda com os habitantes da
terra, porque não há verdade, nem benignidade, nem conhecimento
de Deus na terra”.
- Esta inimizade é causada pela falta de conhecimento de Deus,
maldade e menina.
3.2 - Deus as entregará a sentimentos pervertidos.
- Cairão em práticas de devassidão e destruição (Rm 1.28-38). Deus
os entregou aos sentimentos carnais (v.280. Porém, eles sofrerão a
conseqüências de seus pecados na carne, e serão condenados no
juízo.
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
III – CONSEQUÊNCIAS PARA QUEM DESPREZA O CONHECIMENTO DE DEUS.
3.3 - Deus as abandonará nas práticas do mal.
- Isto acontece quando o homem despreza o conhecimento de Deus
(Os 4.2). Nossa natureza pecaminosa se fortalece cada vez que nos
afastamos da graça do Senhor.
3.4 - Terão uma vida catastrófica.
- O desprezo ao conhecimento de Deus causa catástrofes na vida do
ser humano e na natureza (Os 4.3). A terra tem sofrido os efeitos do
pecado desde a queda do homem.
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
IV – CONSEQUÊNCIAS ESPIRITUAIS PARA QUEM DESPREZA O CONHECIMENTO DE DEUS.
4.1 - São destruídos pelo Senhor (Os 4.6ª).
– A falta de conhecimento destrói o povo de Deus.
- Não são poucos os crentes que estão sendo destruídos
pelos costumes mundanos porque não conhecem a
Palavra.
4.2 - São rejeitados (Os 4.6b) – Deus é santo não pode
compactuar com o pecado.
EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS
TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS.
TEXTO: Os 6.3
IV – CONSEQUÊNCIAS ESPIRITUAIS PARA QUEM DESPREZA O CONHECIMENTO DE DEUS.
4.3 - São julgados pelo Senhor (Os 4.9) - Toda atitude que você
tomar na vida terá consequências. Naquele grande dia, todos,
pequenos e grandes, ricos e pobres, haverão de comparecer diante
do Senhor para que sejam julgados.
- Conclusão: Quem busca o conhecimento de Deus aprende a
cultivar o autocontrole, desfruta da paz e da graça celestial, está
sempre otimista, alegre e cheio de amor, perdão e da presença de
Deus. O conhecimento de Deus produz dinamismo e avivamento.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Teologia Sistemática - Revelação Especifica
Teologia Sistemática - Revelação EspecificaTeologia Sistemática - Revelação Especifica
Teologia Sistemática - Revelação Especifica
Pr. Luiz Carlos Lopes
 
Revelação Geral e Revelação Especial
Revelação Geral e Revelação EspecialRevelação Geral e Revelação Especial
Revelação Geral e Revelação Especial
Alberto Simonton
 
Conhecendo deus
Conhecendo deusConhecendo deus
Conhecendo deus
Lucia Barbosa
 
3aulabibliologia 180623135630
3aulabibliologia 1806231356303aulabibliologia 180623135630
3aulabibliologia 180623135630
rafaeldesouza76
 
Teologia Sistemática - Revelação Geral
Teologia Sistemática - Revelação GeralTeologia Sistemática - Revelação Geral
Teologia Sistemática - Revelação Geral
Pr. Luiz Carlos Lopes
 
Como estudar a bíblia
Como estudar a bíbliaComo estudar a bíblia
Como estudar a bíblia
Bruno Cesar Santos de Sousa
 
Bibliologia
BibliologiaBibliologia
Conhecendo deus
Conhecendo deusConhecendo deus
Conhecendo deus
Luiz Siles
 
1 teologia sistematica - apostilia
1 teologia sistematica - apostilia1 teologia sistematica - apostilia
1 teologia sistematica - apostilia
AndrRicardo86
 
Pontos de teologia dos reformadores Calvino e Lutero
Pontos de teologia dos reformadores  Calvino e LuteroPontos de teologia dos reformadores  Calvino e Lutero
Pontos de teologia dos reformadores Calvino e Lutero
Alberto Simonton
 
precisamos ser cheios do espírito santo em 2014 pib 05.01.14
precisamos ser cheios do espírito santo em 2014   pib 05.01.14precisamos ser cheios do espírito santo em 2014   pib 05.01.14
precisamos ser cheios do espírito santo em 2014 pib 05.01.14
Pastor Cerqueira
 
Silas a importância de ser cheio do espírito santo
Silas a importância de ser cheio do espírito santoSilas a importância de ser cheio do espírito santo
Silas a importância de ser cheio do espírito santo
Tarcila Lais
 
Paul washer o_unico_deus_verdadeiro
Paul washer o_unico_deus_verdadeiroPaul washer o_unico_deus_verdadeiro
Paul washer o_unico_deus_verdadeiro
Mateus Bragança
 
Curso internacional de teologia ebook gratuito
Curso internacional de teologia ebook gratuitoCurso internacional de teologia ebook gratuito
Curso internacional de teologia ebook gratuito
Cristiane Farias
 
Lição 8: A MORDOMIA DO TEMPO
Lição 8: A MORDOMIA DO TEMPOLição 8: A MORDOMIA DO TEMPO
Lição 8: A MORDOMIA DO TEMPO
Hamilton Souza
 
Conceito de fé
Conceito de féConceito de fé
Conceito de fé
fbarboith
 
UMA CARTA DE AMOR
UMA CARTA DE AMORUMA CARTA DE AMOR

Mais procurados (17)

Teologia Sistemática - Revelação Especifica
Teologia Sistemática - Revelação EspecificaTeologia Sistemática - Revelação Especifica
Teologia Sistemática - Revelação Especifica
 
Revelação Geral e Revelação Especial
Revelação Geral e Revelação EspecialRevelação Geral e Revelação Especial
Revelação Geral e Revelação Especial
 
Conhecendo deus
Conhecendo deusConhecendo deus
Conhecendo deus
 
3aulabibliologia 180623135630
3aulabibliologia 1806231356303aulabibliologia 180623135630
3aulabibliologia 180623135630
 
Teologia Sistemática - Revelação Geral
Teologia Sistemática - Revelação GeralTeologia Sistemática - Revelação Geral
Teologia Sistemática - Revelação Geral
 
Como estudar a bíblia
Como estudar a bíbliaComo estudar a bíblia
Como estudar a bíblia
 
Bibliologia
BibliologiaBibliologia
Bibliologia
 
Conhecendo deus
Conhecendo deusConhecendo deus
Conhecendo deus
 
1 teologia sistematica - apostilia
1 teologia sistematica - apostilia1 teologia sistematica - apostilia
1 teologia sistematica - apostilia
 
Pontos de teologia dos reformadores Calvino e Lutero
Pontos de teologia dos reformadores  Calvino e LuteroPontos de teologia dos reformadores  Calvino e Lutero
Pontos de teologia dos reformadores Calvino e Lutero
 
precisamos ser cheios do espírito santo em 2014 pib 05.01.14
precisamos ser cheios do espírito santo em 2014   pib 05.01.14precisamos ser cheios do espírito santo em 2014   pib 05.01.14
precisamos ser cheios do espírito santo em 2014 pib 05.01.14
 
Silas a importância de ser cheio do espírito santo
Silas a importância de ser cheio do espírito santoSilas a importância de ser cheio do espírito santo
Silas a importância de ser cheio do espírito santo
 
Paul washer o_unico_deus_verdadeiro
Paul washer o_unico_deus_verdadeiroPaul washer o_unico_deus_verdadeiro
Paul washer o_unico_deus_verdadeiro
 
Curso internacional de teologia ebook gratuito
Curso internacional de teologia ebook gratuitoCurso internacional de teologia ebook gratuito
Curso internacional de teologia ebook gratuito
 
Lição 8: A MORDOMIA DO TEMPO
Lição 8: A MORDOMIA DO TEMPOLição 8: A MORDOMIA DO TEMPO
Lição 8: A MORDOMIA DO TEMPO
 
Conceito de fé
Conceito de féConceito de fé
Conceito de fé
 
UMA CARTA DE AMOR
UMA CARTA DE AMORUMA CARTA DE AMOR
UMA CARTA DE AMOR
 

Semelhante a A importância de conhecer a deus.

A importancia de conhecer a deus (2)
A importancia de conhecer a deus (2)A importancia de conhecer a deus (2)
A importancia de conhecer a deus (2)
Antonio Filho
 
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade (windscreen)
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade (windscreen)Lição 1 - Deus se revelou à humanidade (windscreen)
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade (windscreen)
Éder Tomé
 
18. como estudar a biblía ii
18. como estudar a biblía ii18. como estudar a biblía ii
18. como estudar a biblía ii
pohlos
 
Como saber se você é um verdadeiro cristão
Como saber se você é um verdadeiro cristãoComo saber se você é um verdadeiro cristão
Como saber se você é um verdadeiro cristão
infomerso
 
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade
Lição 1 - Deus se revelou à humanidadeLição 1 - Deus se revelou à humanidade
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade
Éder Tomé
 
Como saber se você e um verdadeiro cristão jonathan edwards
Como saber se você e um verdadeiro cristão   jonathan edwardsComo saber se você e um verdadeiro cristão   jonathan edwards
Como saber se você e um verdadeiro cristão jonathan edwards
Francisco Deuzilene
 
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
Antonio Ferreira
 
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
Antonio Ferreira
 
Dons de Revelação
Dons de RevelaçãoDons de Revelação
Dons de Revelação
Antonio Fernandes
 
Aula 2 - Teologia Natural
Aula 2 - Teologia NaturalAula 2 - Teologia Natural
Aula 2 - Teologia Natural
Gustavo Zimmermann
 
Estudo sobre as Escrituras
Estudo sobre as EscriturasEstudo sobre as Escrituras
Estudo sobre as Escrituras
Alberto Simonton
 
Cristo é a_nossa_suficiencia.
Cristo é a_nossa_suficiencia.Cristo é a_nossa_suficiencia.
Cristo é a_nossa_suficiencia.
levibanez
 
Teologia da Revelação (Revelação Universal de Deus)
Teologia da Revelação (Revelação Universal de Deus)Teologia da Revelação (Revelação Universal de Deus)
Teologia da Revelação (Revelação Universal de Deus)
Jorge A. Ferreira
 
Revista conhecendo Deus
Revista   conhecendo DeusRevista   conhecendo Deus
Revista conhecendo Deus
Igreja CEIFA Nova Iguaçu
 
MATERIAL DE APOIO - E-BOOK - CURSO TEOLOGIA DA BÍBLIA
MATERIAL DE APOIO - E-BOOK - CURSO TEOLOGIA DA BÍBLIAMATERIAL DE APOIO - E-BOOK - CURSO TEOLOGIA DA BÍBLIA
MATERIAL DE APOIO - E-BOOK - CURSO TEOLOGIA DA BÍBLIA
Insituto Propósitos de Ensino
 
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
Natalino das Neves Neves
 
Curso de crisma
Curso de crismaCurso de crisma
Curso de crisma
Suely SS
 
Salvação 1
Salvação 1Salvação 1
Salvação 1
Dagmar Wendt
 
Quebranto paradigma
Quebranto paradigmaQuebranto paradigma
Quebranto paradigma
alexandrep7
 
A Decisão
A DecisãoA Decisão

Semelhante a A importância de conhecer a deus. (20)

A importancia de conhecer a deus (2)
A importancia de conhecer a deus (2)A importancia de conhecer a deus (2)
A importancia de conhecer a deus (2)
 
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade (windscreen)
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade (windscreen)Lição 1 - Deus se revelou à humanidade (windscreen)
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade (windscreen)
 
18. como estudar a biblía ii
18. como estudar a biblía ii18. como estudar a biblía ii
18. como estudar a biblía ii
 
Como saber se você é um verdadeiro cristão
Como saber se você é um verdadeiro cristãoComo saber se você é um verdadeiro cristão
Como saber se você é um verdadeiro cristão
 
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade
Lição 1 - Deus se revelou à humanidadeLição 1 - Deus se revelou à humanidade
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade
 
Como saber se você e um verdadeiro cristão jonathan edwards
Como saber se você e um verdadeiro cristão   jonathan edwardsComo saber se você e um verdadeiro cristão   jonathan edwards
Como saber se você e um verdadeiro cristão jonathan edwards
 
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
 
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
23168645 como-saber-se-voce-e-um-verdadeiro-cristao-jonathan-edwards
 
Dons de Revelação
Dons de RevelaçãoDons de Revelação
Dons de Revelação
 
Aula 2 - Teologia Natural
Aula 2 - Teologia NaturalAula 2 - Teologia Natural
Aula 2 - Teologia Natural
 
Estudo sobre as Escrituras
Estudo sobre as EscriturasEstudo sobre as Escrituras
Estudo sobre as Escrituras
 
Cristo é a_nossa_suficiencia.
Cristo é a_nossa_suficiencia.Cristo é a_nossa_suficiencia.
Cristo é a_nossa_suficiencia.
 
Teologia da Revelação (Revelação Universal de Deus)
Teologia da Revelação (Revelação Universal de Deus)Teologia da Revelação (Revelação Universal de Deus)
Teologia da Revelação (Revelação Universal de Deus)
 
Revista conhecendo Deus
Revista   conhecendo DeusRevista   conhecendo Deus
Revista conhecendo Deus
 
MATERIAL DE APOIO - E-BOOK - CURSO TEOLOGIA DA BÍBLIA
MATERIAL DE APOIO - E-BOOK - CURSO TEOLOGIA DA BÍBLIAMATERIAL DE APOIO - E-BOOK - CURSO TEOLOGIA DA BÍBLIA
MATERIAL DE APOIO - E-BOOK - CURSO TEOLOGIA DA BÍBLIA
 
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
2014 2 tri lição 3 - Dons de Revelação
 
Curso de crisma
Curso de crismaCurso de crisma
Curso de crisma
 
Salvação 1
Salvação 1Salvação 1
Salvação 1
 
Quebranto paradigma
Quebranto paradigmaQuebranto paradigma
Quebranto paradigma
 
A Decisão
A DecisãoA Decisão
A Decisão
 

Mais de Antonio Filho

A realidade do inferno.
A realidade do inferno.A realidade do inferno.
A realidade do inferno.
Antonio Filho
 
Exposições bíblicas e temáticas
Exposições bíblicas e temáticasExposições bíblicas e temáticas
Exposições bíblicas e temáticas
Antonio Filho
 
O caráter inclusivo da expressão “em cristo”
O caráter inclusivo da expressão “em cristo”O caráter inclusivo da expressão “em cristo”
O caráter inclusivo da expressão “em cristo”
Antonio Filho
 
Lição 13 (sobre a família e a sua natureza)ebd 2017
Lição 13 (sobre a família e a sua natureza)ebd 2017Lição 13 (sobre a família e a sua natureza)ebd 2017
Lição 13 (sobre a família e a sua natureza)ebd 2017
Antonio Filho
 
Lição 12(o mundo vindouro)2017
Lição 12(o mundo vindouro)2017Lição 12(o mundo vindouro)2017
Lição 12(o mundo vindouro)2017
Antonio Filho
 
Aula( a segunda vinda de cristo)2017
Aula( a segunda vinda de cristo)2017Aula( a segunda vinda de cristo)2017
Aula( a segunda vinda de cristo)2017
Antonio Filho
 
Princípios para vida
Princípios para vidaPrincípios para vida
Princípios para vida
Antonio Filho
 
Cultivar virtudes
Cultivar virtudesCultivar virtudes
Cultivar virtudes
Antonio Filho
 
Inferno – destino eterno dos ímpios
Inferno – destino eterno dos ímpiosInferno – destino eterno dos ímpios
Inferno – destino eterno dos ímpios
Antonio Filho
 
A igreja de cristo
A igreja de cristoA igreja de cristo
A igreja de cristo
Antonio Filho
 
Lição 07 (ebd)2017
Lição 07 (ebd)2017Lição 07 (ebd)2017
Lição 07 (ebd)2017
Antonio Filho
 
Aula(sistema de numeração) 6º ano
Aula(sistema de numeração) 6º anoAula(sistema de numeração) 6º ano
Aula(sistema de numeração) 6º ano
Antonio Filho
 
Aula(a importancia de (ere)introdução) (3)
Aula(a importancia de (ere)introdução) (3)Aula(a importancia de (ere)introdução) (3)
Aula(a importancia de (ere)introdução) (3)
Antonio Filho
 
Para que serve a religião
Para que serve a religiãoPara que serve a religião
Para que serve a religião
Antonio Filho
 
O verdadeiro sentido da páscoa (2)
O verdadeiro sentido da páscoa (2)O verdadeiro sentido da páscoa (2)
O verdadeiro sentido da páscoa (2)
Antonio Filho
 
A historia e importancia da ebd(plenária – 01)
A historia e importancia da ebd(plenária – 01)A historia e importancia da ebd(plenária – 01)
A historia e importancia da ebd(plenária – 01)
Antonio Filho
 
Equação 2º grau
Equação 2º grauEquação 2º grau
Equação 2º grau
Antonio Filho
 
Aulas de matemática(soares)números inteiros (2)
Aulas de matemática(soares)números inteiros (2)Aulas de matemática(soares)números inteiros (2)
Aulas de matemática(soares)números inteiros (2)
Antonio Filho
 
ÂNGULOS
ÂNGULOSÂNGULOS
ÂNGULOS
Antonio Filho
 
Os quatro pilares da educação
Os quatro pilares da educaçãoOs quatro pilares da educação
Os quatro pilares da educação
Antonio Filho
 

Mais de Antonio Filho (20)

A realidade do inferno.
A realidade do inferno.A realidade do inferno.
A realidade do inferno.
 
Exposições bíblicas e temáticas
Exposições bíblicas e temáticasExposições bíblicas e temáticas
Exposições bíblicas e temáticas
 
O caráter inclusivo da expressão “em cristo”
O caráter inclusivo da expressão “em cristo”O caráter inclusivo da expressão “em cristo”
O caráter inclusivo da expressão “em cristo”
 
Lição 13 (sobre a família e a sua natureza)ebd 2017
Lição 13 (sobre a família e a sua natureza)ebd 2017Lição 13 (sobre a família e a sua natureza)ebd 2017
Lição 13 (sobre a família e a sua natureza)ebd 2017
 
Lição 12(o mundo vindouro)2017
Lição 12(o mundo vindouro)2017Lição 12(o mundo vindouro)2017
Lição 12(o mundo vindouro)2017
 
Aula( a segunda vinda de cristo)2017
Aula( a segunda vinda de cristo)2017Aula( a segunda vinda de cristo)2017
Aula( a segunda vinda de cristo)2017
 
Princípios para vida
Princípios para vidaPrincípios para vida
Princípios para vida
 
Cultivar virtudes
Cultivar virtudesCultivar virtudes
Cultivar virtudes
 
Inferno – destino eterno dos ímpios
Inferno – destino eterno dos ímpiosInferno – destino eterno dos ímpios
Inferno – destino eterno dos ímpios
 
A igreja de cristo
A igreja de cristoA igreja de cristo
A igreja de cristo
 
Lição 07 (ebd)2017
Lição 07 (ebd)2017Lição 07 (ebd)2017
Lição 07 (ebd)2017
 
Aula(sistema de numeração) 6º ano
Aula(sistema de numeração) 6º anoAula(sistema de numeração) 6º ano
Aula(sistema de numeração) 6º ano
 
Aula(a importancia de (ere)introdução) (3)
Aula(a importancia de (ere)introdução) (3)Aula(a importancia de (ere)introdução) (3)
Aula(a importancia de (ere)introdução) (3)
 
Para que serve a religião
Para que serve a religiãoPara que serve a religião
Para que serve a religião
 
O verdadeiro sentido da páscoa (2)
O verdadeiro sentido da páscoa (2)O verdadeiro sentido da páscoa (2)
O verdadeiro sentido da páscoa (2)
 
A historia e importancia da ebd(plenária – 01)
A historia e importancia da ebd(plenária – 01)A historia e importancia da ebd(plenária – 01)
A historia e importancia da ebd(plenária – 01)
 
Equação 2º grau
Equação 2º grauEquação 2º grau
Equação 2º grau
 
Aulas de matemática(soares)números inteiros (2)
Aulas de matemática(soares)números inteiros (2)Aulas de matemática(soares)números inteiros (2)
Aulas de matemática(soares)números inteiros (2)
 
ÂNGULOS
ÂNGULOSÂNGULOS
ÂNGULOS
 
Os quatro pilares da educação
Os quatro pilares da educaçãoOs quatro pilares da educação
Os quatro pilares da educação
 

Último

Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
KeilianeOliveira3
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
AdrianoMontagna1
 
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptxLIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
WelidaFreitas1
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
analuisasesso
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
kdn15710
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
Mary Alvarenga
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdfiNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
andressacastro36
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Luana Neres
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
Escola Municipal Jesus Cristo
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
sthefanydesr
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
ssuser701e2b
 
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptxApresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
JulianeMelo17
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
enpfilosofiaufu
 
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Luana Neres
 
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdflivro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
Escola Municipal Jesus Cristo
 

Último (20)

Química orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptxQuímica orgânica e as funções organicas.pptx
Química orgânica e as funções organicas.pptx
 
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...“A classe operária vai ao paraíso  os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
“A classe operária vai ao paraíso os modos de produzir e trabalhar ao longo ...
 
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptxLIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
LIÇÃO 9 - ORDENANÇAS PARA UMA VIDA DE SANTIFICAÇÃO.pptx
 
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de CarvalhoO sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
O sentimento nacional brasiliero, segundo o historiador Jose Murlo de Carvalho
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptxAula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
Aula01 - ensino médio - (Filosofia).pptx
 
Acróstico - Reciclar é preciso
Acróstico   -  Reciclar é preciso Acróstico   -  Reciclar é preciso
Acróstico - Reciclar é preciso
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdfiNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
 
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
Aula 3- 6º HIS - As origens da humanidade, seus deslocamentos e os processos ...
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
 
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdfEgito antigo resumo - aula de história.pdf
Egito antigo resumo - aula de história.pdf
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
LIBRO LAS MANOS NO SON PARA PEGAR-MAESTRA EN PREESCOLAR_organized_rotated (1)...
 
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptxApresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
Apresentação_Primeira_Guerra_Mundial 9 ANO-1.pptx
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdfCaderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
Caderno de Resumos XVIII ENPFil UFU, IX EPGFil UFU E VII EPFEM.pdf
 
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
Aula 2 - 6º HIS - Formas de registro da história e da produção do conheciment...
 
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdflivro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
livro da EJA - 2a ETAPA - 4o e 5o ano. para análise do professorpdf
 

A importância de conhecer a deus.

  • 1. Introdução EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3  Quero meditar, compartilhar com os irmãos sobre: “A importância de conhecer a Deus” Veja!  Por mais que o homem pesquise e tente fazer contatos com Deus não conseguirá conhecê-lo totalmente, pois a mente humana é limitada e Deus é um ser infinito. Somente o Livro dos livros poderá revelar para o mundo os mistérios da graça de Jesus Cristo.  Mas vejamos aqui! O que significa a palavra Conhecer?  “Conhecer é saber, ser muito versado. Ter informação. Privar de Intimidade.”
  • 2. EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3 1.1 - O Conhecimento de Deus é parcial para o homem. - O homem não tem um conhecimento completo de Deus. Veja o que diz: (1Co13.9,10): “Porque, em parte, conhecemos e, em parte, profetizamos. Quando, porém, vier o que é perfeito, então, o que é perfeito será aniquilado. “Isto porque o homem é carne e Deus é Espírito; o homem é pecador e Deus é santo”. Interpretando o texto: O texto nos indica quando esses dons cessarão; “quando vier o que é perfeito” Muitos comentaristas com seus próprios pressupostos, entende que Paulo se referia aqui, ao “Cânon” da Escrituras do Novo Testamento, como a “Perfeição” Esta interpretação surgiu no século XX. É dentro deste contexto que os dons cessaram, entende os cessacionistas. É claro que qualquer intérprete sincero, descobrirá que Paulo está falando de uma perfeição que acontecerá depois da Segunda volta de Cristo, depois de recebermos um corpo perfeito e glorificado em Cristo. I – VERDADES FUNDAMENTAIS SOBRE O CONHECIMENTO DE DEUS.
  • 3. EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3 1.2 - O homem só poderá conhecer o que Deus revelar a ele. - Deus só revelou o que o homem pode compreender. Veja o que diz: (Rm 1.19,20) “Porquanto o que de Deus se pode conhecer neles se manifesta, porque Deus lhes manifestou. - O Pecado impõe limites ao entendimento humano. 1.3 - O conhecimento de Deus está além da compreensão humana. - É uma ciência muito alta para a compreensão humana. Veja o que diz: (Sl 139.6) “Deus conhece todos os nossos pensamentos, motivos, desejos e temores. Não há nada que lhe seja oculto. 1.4 - O conhecimento sobre Deus é infinito. - O conhecimento de Deus é processual, gradativo. Veja o que diz: (Os 6.3) - Não tem ninguém que tenha feito doutorado e conheça tudo sobre Deus. I – VERDADES FUNDAMENTAIS SOBRE O CONHECIMENTO DE DEUS.
  • 4. EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3 II – FONTES DE INFORMÇÕES PELAS QUAIS PODEMOS CONHECER A DEUS 2.1 - Através do intelecto. (Fonte – As Escrituras). - Jesus destacou a importância dessa fonte para o conhecermos. Veja o que diz: (João 5.39) “Examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna, e são elas mesmas que testificam de mim.” - O Profeta Daniel sabia muito bem o valor do estudo. Veja o que diz: (Daniel 9.2) “no ano primeiro do seu reinado, eu, Daniel, entendi pelos livros...”. - Paulo também das Escrituras afirmando: Trazei os pergaminhos... 2.2 - Através de nossa comunhão com Deus. (Fonte: Oração) - Se buscarmos perseverantemente conhecer a Deus através da oração, Deus se revelará a nós (Pv 2.3-5). Devemos meditar, estudar a Palavra porém, busquemos a sabedoria de Deus através da oração.
  • 5. EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3 II – FONTES DE INFORMÇÕES PELAS QUAIS PODEMOS CONHECER A DEUS 2.3 - Através de revelações. (Fonte: O Espírito Santo). - Paulo teve uma revelação. Por isso recebeu um espírito na carne (2Co 12.7). Podemos nos aprofundar no conhecimento de Deus através do Espírito Santo, pois Ele conhece as profundezas de Deus (1CO 2.10). 2.4 - Através das tribulações. (Fonte: Nossas experiências cotidianas). - Paulo descobriu muitos segredos de Deus na escola da tribulação (2Tm 3.10,11) - A nossa alegria é saber que o senhor tem poder para nos livrar de todas as tribulações.
  • 6. EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3 III – CONSEQUÊNCIAS PARA QUEM DESPREZA O CONHECIMENTO DE DEUS. 3.1 - Deus entrará em contenda com essas pessoas - É estabelecida uma inimizade entre Deus e o homem. Veja o que diz: (Os 4.1): “Ouvi a palavra do Senhor, vós, filhos de Israel, porque o Senhor tem uma contenda com os habitantes da terra, porque não há verdade, nem benignidade, nem conhecimento de Deus na terra”. - Esta inimizade é causada pela falta de conhecimento de Deus, maldade e menina. 3.2 - Deus as entregará a sentimentos pervertidos. - Cairão em práticas de devassidão e destruição (Rm 1.28-38). Deus os entregou aos sentimentos carnais (v.280. Porém, eles sofrerão a conseqüências de seus pecados na carne, e serão condenados no juízo.
  • 7. EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3 III – CONSEQUÊNCIAS PARA QUEM DESPREZA O CONHECIMENTO DE DEUS. 3.3 - Deus as abandonará nas práticas do mal. - Isto acontece quando o homem despreza o conhecimento de Deus (Os 4.2). Nossa natureza pecaminosa se fortalece cada vez que nos afastamos da graça do Senhor. 3.4 - Terão uma vida catastrófica. - O desprezo ao conhecimento de Deus causa catástrofes na vida do ser humano e na natureza (Os 4.3). A terra tem sofrido os efeitos do pecado desde a queda do homem.
  • 8. EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3 IV – CONSEQUÊNCIAS ESPIRITUAIS PARA QUEM DESPREZA O CONHECIMENTO DE DEUS. 4.1 - São destruídos pelo Senhor (Os 4.6ª). – A falta de conhecimento destrói o povo de Deus. - Não são poucos os crentes que estão sendo destruídos pelos costumes mundanos porque não conhecem a Palavra. 4.2 - São rejeitados (Os 4.6b) – Deus é santo não pode compactuar com o pecado.
  • 9. EXPOSIÇÕES BÍBLICAS E TEMÁTICAS TEMA: A IMPORTÂNCIA DE CONHECER A DEUS. TEXTO: Os 6.3 IV – CONSEQUÊNCIAS ESPIRITUAIS PARA QUEM DESPREZA O CONHECIMENTO DE DEUS. 4.3 - São julgados pelo Senhor (Os 4.9) - Toda atitude que você tomar na vida terá consequências. Naquele grande dia, todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, haverão de comparecer diante do Senhor para que sejam julgados. - Conclusão: Quem busca o conhecimento de Deus aprende a cultivar o autocontrole, desfruta da paz e da graça celestial, está sempre otimista, alegre e cheio de amor, perdão e da presença de Deus. O conhecimento de Deus produz dinamismo e avivamento.