SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Baixar para ler offline
UNIBAN- UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO PAULO
LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA
GINÁSTICA GERAL E OLÍMPICA
PROF. MARÍLIA DE CAMPOS FERREIRA
PLANO DE AULA DE GINÁSTICA
I- PLANEJAMENTO DAS AULAS- Ao se planejar uma aula de educação Física
devem ser levados em consideração alguns aspectos que fazem parte do conteúdo para
as aulas. São eles:
a)Relevância social- Selecionadas práticas da cultura corporal, cuja aprendizagem
favorece: a ampliação das capacidades de integração sociocultural, o usufruto das
possibilidades de lazer e a promoção e a manutenção da saúde.
b)Características dos alunos-A definição dos conteúdos buscou guardar, uma
amplitude que possibilite a consideração das diferenças entre regiões, cidades e
localidades brasileiras e suas respectivas populações e considera o crescimento e as
possibilidades de aprendizagem dos alunos nesta etapa da escolaridade.
c)Características da própria área-Os conteúdos são um recorde possível da enorme
gama de conhecimentos que vêm sendo produzidos sobre a cultura corporal e está
incorporada pela Educação Física.
Os EIXOS TEMÁTICOS que fazem parte dos PCNs (Parâmeros Curriculares
Nacionais) são:
1-ESQUEMA CORPORAL (conhecimento do meio). É a estrutura corporal, ajuste
postural, respiração, relaxamento e lateralidade). Elemento básico para formação da
personalidade da criança, é a representação global e científica e diferenciada que a
criança tem do seu corpo. Faz parte do Esquema corporal:
Estrutura corporal -noção da nomenclatura e localização e conhecimento das partes
do corpo.
Postura- posicionamento do corpo estático perante a execução de um movimento.
Respiração –possibilita a troca gasosa, eliminando as substâncias nocivas ao corpo e
renovando o ciclo energético.
Relaxamento –capacidade de descontração da musculatura voluntária.
Lateralidade –saber diferenciar o lado direito do lado esquerdo.
2-ESTRUTURAÇÃO ESPACIAL(conhecimento das relações com o meio )
É a tomada de consciência do seu corpo em um meio ambiente, isto é, do lugar e da
orientação que pode ter em relação às pessoas e coisas, possibilitando à criança
organizar-se diante do mundo que a cerca, organizar os objetos entre si e movimenta-los
e coloca-los em um determinado lugar, envolve: coordenação dinâmica geral,
1
coordenação dinâmica específica, apreciação do espaço corporal, localização espacial-
(reconhecimento do espaço de ação-dentro-fora, acima - abaixo, frente - trás), dispersão
e agrupamento/aproximação, distância/união e separação.
3-ORIENTAÇÃO TEMPORAL- São as dimensões fundamentais da ação humana o
espaço e o tempo (Piaget). Faz parte da orientação temporal: aquisição de noções de:
antes, durante, depois, sucessão, simultaneidade, duração, pausa, duração da pausa,
estruturação rítmicas, velocidade e aceleração.
4-FASES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR- Ao elaborar as aulas de educação
Física temos que conhecer essa criança sobre os aspectos cognitivo, afetivo-social e
psicomotor.
4.1-ASPECTOS PSICOMOTORES
• Locomoção:(andar, correr, saltar, saltitar, trepar, rolar, galopar, e saltar no mesmo
pé)
• Manipulação:(arremessar, receber, rebater, chutar, drible, condução de bola, com
pé e voleio)
• Não Locomoção:(estar de pé, estar sentado, girar os braços, e girar o tronco,
parada de mãos, rolamento, equilíbrio num só pé e caminhar por uma superfície de
pequena amplitude).
4.2- ASPECTOS COGNITIVOS; Atenção, Concentração, Memorização,
Discriminação visual/auditiva, Identificar, Comparar, Transferir, Classificar, Conhecer.
4.3-ASPECTOS AFETIVO-SOCIAIS; Conhecimento sobre si e dos outros, Respeito
a si e aos outros, Respeito às normas e regras, Espírito de equipe, Responsabilidade,
Disciplina, Auto-controle, Organização, Participação, Cooperação, Autoconfiança,
Esforço para superar-se, Honestidade.
DIVISÃO DOS CICLOS de acordo com os PCNs
• Os objetivos Gerais da área de Educação Física são divididos em Quatro Ciclos:
Primeiro Ciclo- 1º, 2º e 3º anos engloba (antiga Pré-escola,1º e 2º séries).
Segundo Ciclo- 4º e 5º anos as ( antiga 3º e 4º séries).
Terceiro Ciclo- 6º e 7º anos engloba (antiga 5º e 6º séries).
Quarto Ciclo- 8º e 9º anos engloba (antiga 7º e 8º séries).
II- BLOCOS DE CONTEÚDOS
Os Blocos de Conteúdo de acordo com os PCNs.
Conteúdos de Educação Física na Educação Infantil e Ensino Fundamental I
Os Parâmetros Curriculares Nacionais estão organizados em Blocos de Conteúdos, são
eles:
1-ESPORTES, JOGOS, LUTAS E GINÁSTICAS:
a)No esporte as práticas em que são adotadas regras de caráter oficial e competitivo,
organizadas em federações regionais nacionais e internacionais que regulamentam a
atuação amadora e a profissional.
2
b) Os jogos podem ter uma flexibilidade maior nas regulamentações, que são adaptadas
em função das condições de espaço e material disponíveis, do número de participantes,
entre outros.
c) As lutas são disputas em que o(os) oponente (s) deve(m) ser subjugado(s), através de
técnicas e estratégias de desequilíbrio, contusão, imobilização ou exclusão de um
determinado espaço na combinação de ações de ataque e defesa.
d) As ginásticas são técnicas de trabalho corporal que, de modo geral, assumem um
caráter individualizado com finalidades diversas,
2- ATIVIDADES RÍTMICAS E EXPRESSIVAS: Neste bloco de conteúdo inclui
manifestações da cultura corporal que têm como característica comum à intenção de
expressão e comunicação através dos gestos e a presença de estímulos sonoros como
referência para o movimento corporal.
3-CONHECIMENTOS SOBRE O CORPO: Diz respeito aos conhecimentos e
conquistas individuais que subsidiam as práticas corporais expressas nos outros dois
blocos e que dão recursos para o indivíduo gerenciar sua atividade corporal de forma
autônoma.
CONTEÚDOS da EDUCAÇÃO FÍSICA na EDUCAÇÃO INFANTIL
-Atividade que favoreçam a vivência, o controle e o deslocamento do corpo;
Desenvolver o conhecimento sobre o corpo; Favorecer a integração social; Estimular a
criatividade e a expressão corporal; Brincadeiras nos aparelhos do parque; Jogos de
correr; Brincadeiras de rua; Jogos Simbólicos; Espaços e materiais adequados; Pouca
interferência de fatores externos durante as aulas; Sua principal linguagem é a corporal;
Brincadeiras de roda e com bola; Competições entre dois times; O faz de conta (faz de
conta que esta no trem, serve comida, etc...); Aula estoriada; Construir, destruir,
transformar objetos leva a criança a conhecer as propriedades dos materiais,
construírem conceitos de peso, textura e tamanho (altura, largura e espessura);
Desenvolver noções sobre saúde (nutrição, higiene) e educação.
CONTEÚDOS da EDUCAÇÃO FÍSICA no ENSINO FUNDAMENTAL
Desenvolver o prazer e o gosto pela atividade física; Desenvolver o gosto e o prazer
sobre o corpo e os cuidados com o seu e com o dos outros; Solucionar problemas de
ordem corporal; Conhecer, organizar e modificar locais para as atividades corporais;
Favorecer a integração social; Estimular a expressão corporal e a criatividade;
3
Desenvolver as habilidades e as capacidades físicas e motoras; Desenvolver noções
esportivas; Adquirir noções de regras e aceitação de resultados; Oferecer oportunidades
e situações para que a criança analise, critique e apresente propostas de mudanças nas
atividades; Criar um ambiente de igualdade de direitos e posições nas atividades; Jogos
adaptados e pré-desportivos; Desenvolver noções sobre saúde (nutrição, higiene e
postura); Utilização de pequenos e grandes materiais; Variar o grau de dificuldades das
tarefas, a complexidade e a exigência quanto às respostas dos alunos e os resultados por
eles alcançados.
III- PLANO DE AULA-
Um plano de aula se divide em:
PARTE INICIAL: ´
-Caracterizado pelo aquecimento, preparação para a parte principal.
-Pode ser jogos de quebra-gelo, alongamentos, atividades como aquecimento muscular
intensivo e a capacidade de concentração.
-Alongamento- preparar o corpo para a aula.
-Aquecimento muscular e articular com as formas básicas de movimento:
deslocamentos, andar, saltitos, pequenas corridas.
-Preparação para a parte principal da aula.
-É a parte mais curta da aula.
-Deve conter exercícios simples e suaves.
PARTE PRINCIPAL: -
-Onde serão desenvolvidas as atividades principais das aulas.
-Corresponde a 50% do total da aula.
-Desenvolve o objetivo principal da aula.
-É a parte mais longa da aula.
-Deve conter exercícios complexos e intensos.
PARTE FINAL
- Pode ser aplicado algo aprendido durante a aula;
- Deve acontecer uma finalização agradável da aula;
- Atividades de pouca movimentação para volta a calma;
- Fazer previsões para a aula seguinte.
4
IV- EXEMPLO DE PLANO DE AULA DE HABILIDADE MOTORA COM
MATERIAL
-SÉRIE: 4º ano do E.Fundamental I
-TEMA: DESENVOLVIMENTO DA HABILIDADE MOTORA COM BANCO
SUÉCO.
-OBJETIVO: Desenvolver a Habilidade Motora de Locomoção através de
deslocamentos no banco sueco de diferentes formas e em distintas posições.
Desenvolver a Coordenação Motora, Agilidade, Força de MMSS e MMII, Lateralidade.
-MÉTODOS: Prático, verbal, auditivo.
-MATERIAL: Banco sueco.
PARTE INICIAL:
-Pega-pega americano da ponte.
-Pega-pega do perneta.
-Cada criança se desloca pela quadra e ao sinal do professor se reúnem em grupos de
dois, três, quatro e assim por diante. Quem não conseguir grupo paga um mico.
PARTE PRINCIPAL:
Banco sueco colocado no sentido longitudinal em relação aos alunos.
-Deslocar pelo banco andando de frente /lado direito /lado esquerdo/ costas.
-Deslocar pelo banco andando de diferentes formas sem o apoio do calcanhar.
-Deslocar pelo banco na posição do gato/elefante/ caranguejo.
-Deslocar pelo banco em quadrupedia/ tripedia.
-Deslocar pelo banco com apoio das mãos e sem apoio dos pés, saltando de um lado
para o outro.
Banco sueco colocado no sentido transversal em relação aos alunos.
-Subir no banco com o apoio do pé direito/ esquerdo.
-Subir no banco com o apoio dos dois pés.
-Saltar o banco com o pé direito/ esquerdo à frente.
-Saltar o banco com os dois pés.
-Passar por baixo dos bancos rastejando.
-Saltar o 1º banco por cima, o 2º por baixo, o 3º por cima e o 4º por baixo.
PARTE FINAL
Jogo dos Números sobre o banco.
Objetivo do Jogo: Socialização, concentração, disciplina e atenção.
-Numerar os alunos que deverão estar sentados atrás dos bancos na formação de
colunas.
-Ao sinal do professor o aluno chamado obedece a ordem do professor ( ex: saltar o
banco com o pé direito à frente) e se desloca sobre o banco e retorna ao seu lugar e
senta. Aquele que sentar primeiro a coluna vai ganhando pontos. Vence a coluna que
tiver mais pontos no final do jogo.
5
V-AULA EM CIRCUITO -A aula em forma de CIRCUITO é caracterizada por uma
seqüência de exercícios divididos em estações de forma progressiva com objetivos
específicos oferecendo benefícios como:
-Resultado em curto prazo
-Fácil aprendizagem
-Variabilidade de movimento de tempo e espaço/
-Pouco material/ espaço físico/
-Todos se exercitando ao mesmo tempo/
-Tempo determinado de recuperação/
-Trabalho de várias capacidades físicas.
EXERCÍCIOS a serem desenvolvidos em cada uma das estações:
Estação-1-Força abdominal
Estação 2-Flexibilidade de pernas
Estação 3-Agilidade
Estação 4-Força de braços
Estação 5-Flexibilidade de braços
Estação 6-Equilíbrio
Estação 7-Força abdominal lateral
Estação 8-Potência
Estação 9-Flexibilidade de coluna vertebral
Estação 10-Ritmo
VI-CURVA DE ESFORÇO
Ao ser planejada a aula, ela deverá seguir uma seleção gradativa de dificuldades
chamada de CURVA DE ESFORÇO na seguinte seqüência:
-Dos exercícios mais fáceis e de baixa intensidade ( simples e suaves ) para os
exercícios mais difíceis e de alta intensidade ( complexos e intensos), seguindo uma
seleção natural na escolha dos mesmos.
Essa ordem deverá ser seguida na Parte Inicial e Principal da aula.
Na Parte Final os exercícios deverão ser na ordem contrária para que os alunos voltem à
calma e o professor encerre a aula.
BIBLIOGRAFIA –
DICIONÁRIO DE ED. FÍSICA E ESPORTES- Valdir Barbanti.
PCNs- Parâmetros Curriculares Nacionais.
APOSTILA de Metodologia e Prática de Ensino- Prof. Marília de Campos Ferreira.
6
V-AULA EM CIRCUITO -A aula em forma de CIRCUITO é caracterizada por uma
seqüência de exercícios divididos em estações de forma progressiva com objetivos
específicos oferecendo benefícios como:
-Resultado em curto prazo
-Fácil aprendizagem
-Variabilidade de movimento de tempo e espaço/
-Pouco material/ espaço físico/
-Todos se exercitando ao mesmo tempo/
-Tempo determinado de recuperação/
-Trabalho de várias capacidades físicas.
EXERCÍCIOS a serem desenvolvidos em cada uma das estações:
Estação-1-Força abdominal
Estação 2-Flexibilidade de pernas
Estação 3-Agilidade
Estação 4-Força de braços
Estação 5-Flexibilidade de braços
Estação 6-Equilíbrio
Estação 7-Força abdominal lateral
Estação 8-Potência
Estação 9-Flexibilidade de coluna vertebral
Estação 10-Ritmo
VI-CURVA DE ESFORÇO
Ao ser planejada a aula, ela deverá seguir uma seleção gradativa de dificuldades
chamada de CURVA DE ESFORÇO na seguinte seqüência:
-Dos exercícios mais fáceis e de baixa intensidade ( simples e suaves ) para os
exercícios mais difíceis e de alta intensidade ( complexos e intensos), seguindo uma
seleção natural na escolha dos mesmos.
Essa ordem deverá ser seguida na Parte Inicial e Principal da aula.
Na Parte Final os exercícios deverão ser na ordem contrária para que os alunos voltem à
calma e o professor encerre a aula.
BIBLIOGRAFIA –
DICIONÁRIO DE ED. FÍSICA E ESPORTES- Valdir Barbanti.
PCNs- Parâmetros Curriculares Nacionais.
APOSTILA de Metodologia e Prática de Ensino- Prof. Marília de Campos Ferreira.
6

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 10-plano-de-aula-ginastica-150722164339-lva1-app6892.pdf

Apresentação da Disciplina Educação Física
Apresentação da Disciplina Educação FísicaApresentação da Disciplina Educação Física
Apresentação da Disciplina Educação FísicaJunior Oliveira
 
Eb eafm programa_1c_0
Eb eafm programa_1c_0Eb eafm programa_1c_0
Eb eafm programa_1c_0Rita Arantes
 
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamentalMetodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamentalRafael Hatyla
 
Ensino de educação física escolar e psicomotricidade
Ensino de educação física escolar e psicomotricidadeEnsino de educação física escolar e psicomotricidade
Ensino de educação física escolar e psicomotricidadeJosimar Santos
 
14. didatica aplicada a ef
14. didatica aplicada a ef14. didatica aplicada a ef
14. didatica aplicada a efAnderson Madeira
 
A importância da flexibilidade
A importância da flexibilidadeA importância da flexibilidade
A importância da flexibilidadePedro Kangombe
 
Intervenção da educação física no projeto vida saudável
Intervenção da educação física no projeto vida saudávelIntervenção da educação física no projeto vida saudável
Intervenção da educação física no projeto vida saudávelgepef
 
Plano anual-5ª-série
Plano anual-5ª-sériePlano anual-5ª-série
Plano anual-5ª-sérieMarcelo Silva
 
Dancaescolar
DancaescolarDancaescolar
Dancaescolarprofluli
 
Seção 2 caderno temático
Seção 2   caderno temáticoSeção 2   caderno temático
Seção 2 caderno temáticoSandra Andrea
 
Dimensões de ensino da educação física
Dimensões de ensino da educação físicaDimensões de ensino da educação física
Dimensões de ensino da educação físicaRoger Lima
 

Semelhante a 10-plano-de-aula-ginastica-150722164339-lva1-app6892.pdf (20)

Atividade presencial 3
Atividade presencial 3Atividade presencial 3
Atividade presencial 3
 
Apresentação da Disciplina Educação Física
Apresentação da Disciplina Educação FísicaApresentação da Disciplina Educação Física
Apresentação da Disciplina Educação Física
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aula
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aula
 
Eb eafm programa_1c_0
Eb eafm programa_1c_0Eb eafm programa_1c_0
Eb eafm programa_1c_0
 
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamentalMetodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
Metodologia do ensino da educação física no ensino fundamental
 
041 educacao fisica
041 educacao fisica041 educacao fisica
041 educacao fisica
 
Ensino de educação física escolar e psicomotricidade
Ensino de educação física escolar e psicomotricidadeEnsino de educação física escolar e psicomotricidade
Ensino de educação física escolar e psicomotricidade
 
14. didatica aplicada a ef
14. didatica aplicada a ef14. didatica aplicada a ef
14. didatica aplicada a ef
 
Epistemologia da docência
Epistemologia da docênciaEpistemologia da docência
Epistemologia da docência
 
Aula valdey
Aula valdeyAula valdey
Aula valdey
 
Educação física
Educação físicaEducação física
Educação física
 
Apresentação professor
Apresentação professorApresentação professor
Apresentação professor
 
A importância da flexibilidade
A importância da flexibilidadeA importância da flexibilidade
A importância da flexibilidade
 
Intervenção da educação física no projeto vida saudável
Intervenção da educação física no projeto vida saudávelIntervenção da educação física no projeto vida saudável
Intervenção da educação física no projeto vida saudável
 
Plano anual-5ª-série
Plano anual-5ª-sériePlano anual-5ª-série
Plano anual-5ª-série
 
Dancaescolar
DancaescolarDancaescolar
Dancaescolar
 
Seção 2 caderno temático
Seção 2   caderno temáticoSeção 2   caderno temático
Seção 2 caderno temático
 
Corrida orientação escola
Corrida orientação escolaCorrida orientação escola
Corrida orientação escola
 
Dimensões de ensino da educação física
Dimensões de ensino da educação físicaDimensões de ensino da educação física
Dimensões de ensino da educação física
 

Mais de VanSilva24

AÇOES PEDAGOGICAS ED FISICA SAO BRAZ.docx
AÇOES PEDAGOGICAS ED FISICA SAO BRAZ.docxAÇOES PEDAGOGICAS ED FISICA SAO BRAZ.docx
AÇOES PEDAGOGICAS ED FISICA SAO BRAZ.docxVanSilva24
 
projetoolimpadas-120622095436-phpapp01.pdf
projetoolimpadas-120622095436-phpapp01.pdfprojetoolimpadas-120622095436-phpapp01.pdf
projetoolimpadas-120622095436-phpapp01.pdfVanSilva24
 
IV-Sem.-DUNAS EDUCAÇÃO FISICA PROJETOS SOCIAIS
IV-Sem.-DUNAS EDUCAÇÃO FISICA PROJETOS SOCIAISIV-Sem.-DUNAS EDUCAÇÃO FISICA PROJETOS SOCIAIS
IV-Sem.-DUNAS EDUCAÇÃO FISICA PROJETOS SOCIAISVanSilva24
 
JOGOS POPULARES EDUCAÇÃO FISICA IMPORTANCIA DOS JOGOS
JOGOS POPULARES EDUCAÇÃO FISICA IMPORTANCIA DOS JOGOSJOGOS POPULARES EDUCAÇÃO FISICA IMPORTANCIA DOS JOGOS
JOGOS POPULARES EDUCAÇÃO FISICA IMPORTANCIA DOS JOGOSVanSilva24
 
Plano Trimestral 7 ano - 2023 (1) (1).docx
Plano Trimestral 7 ano - 2023 (1) (1).docxPlano Trimestral 7 ano - 2023 (1) (1).docx
Plano Trimestral 7 ano - 2023 (1) (1).docxVanSilva24
 
ESCOLA MUNICIPAL SÃO BRAZ PROJETO MES AGOSTO SETEMBRO GINASTICA.docx
ESCOLA MUNICIPAL SÃO BRAZ PROJETO MES AGOSTO SETEMBRO GINASTICA.docxESCOLA MUNICIPAL SÃO BRAZ PROJETO MES AGOSTO SETEMBRO GINASTICA.docx
ESCOLA MUNICIPAL SÃO BRAZ PROJETO MES AGOSTO SETEMBRO GINASTICA.docxVanSilva24
 

Mais de VanSilva24 (6)

AÇOES PEDAGOGICAS ED FISICA SAO BRAZ.docx
AÇOES PEDAGOGICAS ED FISICA SAO BRAZ.docxAÇOES PEDAGOGICAS ED FISICA SAO BRAZ.docx
AÇOES PEDAGOGICAS ED FISICA SAO BRAZ.docx
 
projetoolimpadas-120622095436-phpapp01.pdf
projetoolimpadas-120622095436-phpapp01.pdfprojetoolimpadas-120622095436-phpapp01.pdf
projetoolimpadas-120622095436-phpapp01.pdf
 
IV-Sem.-DUNAS EDUCAÇÃO FISICA PROJETOS SOCIAIS
IV-Sem.-DUNAS EDUCAÇÃO FISICA PROJETOS SOCIAISIV-Sem.-DUNAS EDUCAÇÃO FISICA PROJETOS SOCIAIS
IV-Sem.-DUNAS EDUCAÇÃO FISICA PROJETOS SOCIAIS
 
JOGOS POPULARES EDUCAÇÃO FISICA IMPORTANCIA DOS JOGOS
JOGOS POPULARES EDUCAÇÃO FISICA IMPORTANCIA DOS JOGOSJOGOS POPULARES EDUCAÇÃO FISICA IMPORTANCIA DOS JOGOS
JOGOS POPULARES EDUCAÇÃO FISICA IMPORTANCIA DOS JOGOS
 
Plano Trimestral 7 ano - 2023 (1) (1).docx
Plano Trimestral 7 ano - 2023 (1) (1).docxPlano Trimestral 7 ano - 2023 (1) (1).docx
Plano Trimestral 7 ano - 2023 (1) (1).docx
 
ESCOLA MUNICIPAL SÃO BRAZ PROJETO MES AGOSTO SETEMBRO GINASTICA.docx
ESCOLA MUNICIPAL SÃO BRAZ PROJETO MES AGOSTO SETEMBRO GINASTICA.docxESCOLA MUNICIPAL SÃO BRAZ PROJETO MES AGOSTO SETEMBRO GINASTICA.docx
ESCOLA MUNICIPAL SÃO BRAZ PROJETO MES AGOSTO SETEMBRO GINASTICA.docx
 

Último

Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em crianças
Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em criançasSlide - HIV (1) edit.pptx hiv em crianças
Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em criançasnarayaskara215
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaIlda Bicacro
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosFernanda Ledesma
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptParticular
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroBrenda Fritz
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfMaiteFerreira4
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxMartin M Flynn
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdfPLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdfLUCASAUGUSTONASCENTE
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...Manuais Formação
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfssuserbb4ac2
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorialNeuroppIsnayaLciaMar
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"Ilda Bicacro
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e SenegalTrabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e SenegalErikOliveira40
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Rosana Andrea Miranda
 
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxUnidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxRaquelMartins389880
 

Último (20)

Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em crianças
Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em criançasSlide - HIV (1) edit.pptx hiv em crianças
Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em crianças
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdfPLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e SenegalTrabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
Trabalho sobre as diferenças demograficas entre EUA e Senegal
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxUnidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
 

10-plano-de-aula-ginastica-150722164339-lva1-app6892.pdf

  • 1. UNIBAN- UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO PAULO LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA GINÁSTICA GERAL E OLÍMPICA PROF. MARÍLIA DE CAMPOS FERREIRA PLANO DE AULA DE GINÁSTICA I- PLANEJAMENTO DAS AULAS- Ao se planejar uma aula de educação Física devem ser levados em consideração alguns aspectos que fazem parte do conteúdo para as aulas. São eles: a)Relevância social- Selecionadas práticas da cultura corporal, cuja aprendizagem favorece: a ampliação das capacidades de integração sociocultural, o usufruto das possibilidades de lazer e a promoção e a manutenção da saúde. b)Características dos alunos-A definição dos conteúdos buscou guardar, uma amplitude que possibilite a consideração das diferenças entre regiões, cidades e localidades brasileiras e suas respectivas populações e considera o crescimento e as possibilidades de aprendizagem dos alunos nesta etapa da escolaridade. c)Características da própria área-Os conteúdos são um recorde possível da enorme gama de conhecimentos que vêm sendo produzidos sobre a cultura corporal e está incorporada pela Educação Física. Os EIXOS TEMÁTICOS que fazem parte dos PCNs (Parâmeros Curriculares Nacionais) são: 1-ESQUEMA CORPORAL (conhecimento do meio). É a estrutura corporal, ajuste postural, respiração, relaxamento e lateralidade). Elemento básico para formação da personalidade da criança, é a representação global e científica e diferenciada que a criança tem do seu corpo. Faz parte do Esquema corporal: Estrutura corporal -noção da nomenclatura e localização e conhecimento das partes do corpo. Postura- posicionamento do corpo estático perante a execução de um movimento. Respiração –possibilita a troca gasosa, eliminando as substâncias nocivas ao corpo e renovando o ciclo energético. Relaxamento –capacidade de descontração da musculatura voluntária. Lateralidade –saber diferenciar o lado direito do lado esquerdo. 2-ESTRUTURAÇÃO ESPACIAL(conhecimento das relações com o meio ) É a tomada de consciência do seu corpo em um meio ambiente, isto é, do lugar e da orientação que pode ter em relação às pessoas e coisas, possibilitando à criança organizar-se diante do mundo que a cerca, organizar os objetos entre si e movimenta-los e coloca-los em um determinado lugar, envolve: coordenação dinâmica geral, 1
  • 2. coordenação dinâmica específica, apreciação do espaço corporal, localização espacial- (reconhecimento do espaço de ação-dentro-fora, acima - abaixo, frente - trás), dispersão e agrupamento/aproximação, distância/união e separação. 3-ORIENTAÇÃO TEMPORAL- São as dimensões fundamentais da ação humana o espaço e o tempo (Piaget). Faz parte da orientação temporal: aquisição de noções de: antes, durante, depois, sucessão, simultaneidade, duração, pausa, duração da pausa, estruturação rítmicas, velocidade e aceleração. 4-FASES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR- Ao elaborar as aulas de educação Física temos que conhecer essa criança sobre os aspectos cognitivo, afetivo-social e psicomotor. 4.1-ASPECTOS PSICOMOTORES • Locomoção:(andar, correr, saltar, saltitar, trepar, rolar, galopar, e saltar no mesmo pé) • Manipulação:(arremessar, receber, rebater, chutar, drible, condução de bola, com pé e voleio) • Não Locomoção:(estar de pé, estar sentado, girar os braços, e girar o tronco, parada de mãos, rolamento, equilíbrio num só pé e caminhar por uma superfície de pequena amplitude). 4.2- ASPECTOS COGNITIVOS; Atenção, Concentração, Memorização, Discriminação visual/auditiva, Identificar, Comparar, Transferir, Classificar, Conhecer. 4.3-ASPECTOS AFETIVO-SOCIAIS; Conhecimento sobre si e dos outros, Respeito a si e aos outros, Respeito às normas e regras, Espírito de equipe, Responsabilidade, Disciplina, Auto-controle, Organização, Participação, Cooperação, Autoconfiança, Esforço para superar-se, Honestidade. DIVISÃO DOS CICLOS de acordo com os PCNs • Os objetivos Gerais da área de Educação Física são divididos em Quatro Ciclos: Primeiro Ciclo- 1º, 2º e 3º anos engloba (antiga Pré-escola,1º e 2º séries). Segundo Ciclo- 4º e 5º anos as ( antiga 3º e 4º séries). Terceiro Ciclo- 6º e 7º anos engloba (antiga 5º e 6º séries). Quarto Ciclo- 8º e 9º anos engloba (antiga 7º e 8º séries). II- BLOCOS DE CONTEÚDOS Os Blocos de Conteúdo de acordo com os PCNs. Conteúdos de Educação Física na Educação Infantil e Ensino Fundamental I Os Parâmetros Curriculares Nacionais estão organizados em Blocos de Conteúdos, são eles: 1-ESPORTES, JOGOS, LUTAS E GINÁSTICAS: a)No esporte as práticas em que são adotadas regras de caráter oficial e competitivo, organizadas em federações regionais nacionais e internacionais que regulamentam a atuação amadora e a profissional. 2
  • 3. b) Os jogos podem ter uma flexibilidade maior nas regulamentações, que são adaptadas em função das condições de espaço e material disponíveis, do número de participantes, entre outros. c) As lutas são disputas em que o(os) oponente (s) deve(m) ser subjugado(s), através de técnicas e estratégias de desequilíbrio, contusão, imobilização ou exclusão de um determinado espaço na combinação de ações de ataque e defesa. d) As ginásticas são técnicas de trabalho corporal que, de modo geral, assumem um caráter individualizado com finalidades diversas, 2- ATIVIDADES RÍTMICAS E EXPRESSIVAS: Neste bloco de conteúdo inclui manifestações da cultura corporal que têm como característica comum à intenção de expressão e comunicação através dos gestos e a presença de estímulos sonoros como referência para o movimento corporal. 3-CONHECIMENTOS SOBRE O CORPO: Diz respeito aos conhecimentos e conquistas individuais que subsidiam as práticas corporais expressas nos outros dois blocos e que dão recursos para o indivíduo gerenciar sua atividade corporal de forma autônoma. CONTEÚDOS da EDUCAÇÃO FÍSICA na EDUCAÇÃO INFANTIL -Atividade que favoreçam a vivência, o controle e o deslocamento do corpo; Desenvolver o conhecimento sobre o corpo; Favorecer a integração social; Estimular a criatividade e a expressão corporal; Brincadeiras nos aparelhos do parque; Jogos de correr; Brincadeiras de rua; Jogos Simbólicos; Espaços e materiais adequados; Pouca interferência de fatores externos durante as aulas; Sua principal linguagem é a corporal; Brincadeiras de roda e com bola; Competições entre dois times; O faz de conta (faz de conta que esta no trem, serve comida, etc...); Aula estoriada; Construir, destruir, transformar objetos leva a criança a conhecer as propriedades dos materiais, construírem conceitos de peso, textura e tamanho (altura, largura e espessura); Desenvolver noções sobre saúde (nutrição, higiene) e educação. CONTEÚDOS da EDUCAÇÃO FÍSICA no ENSINO FUNDAMENTAL Desenvolver o prazer e o gosto pela atividade física; Desenvolver o gosto e o prazer sobre o corpo e os cuidados com o seu e com o dos outros; Solucionar problemas de ordem corporal; Conhecer, organizar e modificar locais para as atividades corporais; Favorecer a integração social; Estimular a expressão corporal e a criatividade; 3
  • 4. Desenvolver as habilidades e as capacidades físicas e motoras; Desenvolver noções esportivas; Adquirir noções de regras e aceitação de resultados; Oferecer oportunidades e situações para que a criança analise, critique e apresente propostas de mudanças nas atividades; Criar um ambiente de igualdade de direitos e posições nas atividades; Jogos adaptados e pré-desportivos; Desenvolver noções sobre saúde (nutrição, higiene e postura); Utilização de pequenos e grandes materiais; Variar o grau de dificuldades das tarefas, a complexidade e a exigência quanto às respostas dos alunos e os resultados por eles alcançados. III- PLANO DE AULA- Um plano de aula se divide em: PARTE INICIAL: ´ -Caracterizado pelo aquecimento, preparação para a parte principal. -Pode ser jogos de quebra-gelo, alongamentos, atividades como aquecimento muscular intensivo e a capacidade de concentração. -Alongamento- preparar o corpo para a aula. -Aquecimento muscular e articular com as formas básicas de movimento: deslocamentos, andar, saltitos, pequenas corridas. -Preparação para a parte principal da aula. -É a parte mais curta da aula. -Deve conter exercícios simples e suaves. PARTE PRINCIPAL: - -Onde serão desenvolvidas as atividades principais das aulas. -Corresponde a 50% do total da aula. -Desenvolve o objetivo principal da aula. -É a parte mais longa da aula. -Deve conter exercícios complexos e intensos. PARTE FINAL - Pode ser aplicado algo aprendido durante a aula; - Deve acontecer uma finalização agradável da aula; - Atividades de pouca movimentação para volta a calma; - Fazer previsões para a aula seguinte. 4
  • 5. IV- EXEMPLO DE PLANO DE AULA DE HABILIDADE MOTORA COM MATERIAL -SÉRIE: 4º ano do E.Fundamental I -TEMA: DESENVOLVIMENTO DA HABILIDADE MOTORA COM BANCO SUÉCO. -OBJETIVO: Desenvolver a Habilidade Motora de Locomoção através de deslocamentos no banco sueco de diferentes formas e em distintas posições. Desenvolver a Coordenação Motora, Agilidade, Força de MMSS e MMII, Lateralidade. -MÉTODOS: Prático, verbal, auditivo. -MATERIAL: Banco sueco. PARTE INICIAL: -Pega-pega americano da ponte. -Pega-pega do perneta. -Cada criança se desloca pela quadra e ao sinal do professor se reúnem em grupos de dois, três, quatro e assim por diante. Quem não conseguir grupo paga um mico. PARTE PRINCIPAL: Banco sueco colocado no sentido longitudinal em relação aos alunos. -Deslocar pelo banco andando de frente /lado direito /lado esquerdo/ costas. -Deslocar pelo banco andando de diferentes formas sem o apoio do calcanhar. -Deslocar pelo banco na posição do gato/elefante/ caranguejo. -Deslocar pelo banco em quadrupedia/ tripedia. -Deslocar pelo banco com apoio das mãos e sem apoio dos pés, saltando de um lado para o outro. Banco sueco colocado no sentido transversal em relação aos alunos. -Subir no banco com o apoio do pé direito/ esquerdo. -Subir no banco com o apoio dos dois pés. -Saltar o banco com o pé direito/ esquerdo à frente. -Saltar o banco com os dois pés. -Passar por baixo dos bancos rastejando. -Saltar o 1º banco por cima, o 2º por baixo, o 3º por cima e o 4º por baixo. PARTE FINAL Jogo dos Números sobre o banco. Objetivo do Jogo: Socialização, concentração, disciplina e atenção. -Numerar os alunos que deverão estar sentados atrás dos bancos na formação de colunas. -Ao sinal do professor o aluno chamado obedece a ordem do professor ( ex: saltar o banco com o pé direito à frente) e se desloca sobre o banco e retorna ao seu lugar e senta. Aquele que sentar primeiro a coluna vai ganhando pontos. Vence a coluna que tiver mais pontos no final do jogo. 5
  • 6. V-AULA EM CIRCUITO -A aula em forma de CIRCUITO é caracterizada por uma seqüência de exercícios divididos em estações de forma progressiva com objetivos específicos oferecendo benefícios como: -Resultado em curto prazo -Fácil aprendizagem -Variabilidade de movimento de tempo e espaço/ -Pouco material/ espaço físico/ -Todos se exercitando ao mesmo tempo/ -Tempo determinado de recuperação/ -Trabalho de várias capacidades físicas. EXERCÍCIOS a serem desenvolvidos em cada uma das estações: Estação-1-Força abdominal Estação 2-Flexibilidade de pernas Estação 3-Agilidade Estação 4-Força de braços Estação 5-Flexibilidade de braços Estação 6-Equilíbrio Estação 7-Força abdominal lateral Estação 8-Potência Estação 9-Flexibilidade de coluna vertebral Estação 10-Ritmo VI-CURVA DE ESFORÇO Ao ser planejada a aula, ela deverá seguir uma seleção gradativa de dificuldades chamada de CURVA DE ESFORÇO na seguinte seqüência: -Dos exercícios mais fáceis e de baixa intensidade ( simples e suaves ) para os exercícios mais difíceis e de alta intensidade ( complexos e intensos), seguindo uma seleção natural na escolha dos mesmos. Essa ordem deverá ser seguida na Parte Inicial e Principal da aula. Na Parte Final os exercícios deverão ser na ordem contrária para que os alunos voltem à calma e o professor encerre a aula. BIBLIOGRAFIA – DICIONÁRIO DE ED. FÍSICA E ESPORTES- Valdir Barbanti. PCNs- Parâmetros Curriculares Nacionais. APOSTILA de Metodologia e Prática de Ensino- Prof. Marília de Campos Ferreira. 6
  • 7. V-AULA EM CIRCUITO -A aula em forma de CIRCUITO é caracterizada por uma seqüência de exercícios divididos em estações de forma progressiva com objetivos específicos oferecendo benefícios como: -Resultado em curto prazo -Fácil aprendizagem -Variabilidade de movimento de tempo e espaço/ -Pouco material/ espaço físico/ -Todos se exercitando ao mesmo tempo/ -Tempo determinado de recuperação/ -Trabalho de várias capacidades físicas. EXERCÍCIOS a serem desenvolvidos em cada uma das estações: Estação-1-Força abdominal Estação 2-Flexibilidade de pernas Estação 3-Agilidade Estação 4-Força de braços Estação 5-Flexibilidade de braços Estação 6-Equilíbrio Estação 7-Força abdominal lateral Estação 8-Potência Estação 9-Flexibilidade de coluna vertebral Estação 10-Ritmo VI-CURVA DE ESFORÇO Ao ser planejada a aula, ela deverá seguir uma seleção gradativa de dificuldades chamada de CURVA DE ESFORÇO na seguinte seqüência: -Dos exercícios mais fáceis e de baixa intensidade ( simples e suaves ) para os exercícios mais difíceis e de alta intensidade ( complexos e intensos), seguindo uma seleção natural na escolha dos mesmos. Essa ordem deverá ser seguida na Parte Inicial e Principal da aula. Na Parte Final os exercícios deverão ser na ordem contrária para que os alunos voltem à calma e o professor encerre a aula. BIBLIOGRAFIA – DICIONÁRIO DE ED. FÍSICA E ESPORTES- Valdir Barbanti. PCNs- Parâmetros Curriculares Nacionais. APOSTILA de Metodologia e Prática de Ensino- Prof. Marília de Campos Ferreira. 6