SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Baixar para ler offline
Mega Bytes
                                Da Paixão

       O Vandemilson  ­ mais conhecido na empresa como – estava digitando 
mais um dois incontáveis e­mails que despachava todos os dias quando , justo 
na hora de ele teclar o emoticon de fechamento (:­ “tou meio em dúvida”) ­pif­, 
o sistema cai . E aí o vandemilson se põe a pressionar todas as combinações 
imagináveis de Clt e Alt , até se convencer de que , realmente , aquele  era um 
problema de proporções cósmicas. E fez então a única coisa que lhe restava 
fazer : Ficou ali encarando a tela escura , com aquela mesma cara de que um 
pingüim faria se , de repente , acordase no meio do deserto do Saara.
       Dez minutos de vigília depois , como nada de prático  acontecesse , o 
   Vandemilson resolveu fazer algo inédito em sua rotina diária : Levantar­se da 
   cadeira . E , uma em pé , pôde constatar que o local onde trabalhava era 
   enorme , repleto de baias iguais á sua , centenas delas , distribuídas ao longo 
   de cinco corredores que atravessavam todo o pavimento . Havia até quadros 
   na parede , bebedouros  , vasos... e , então , veio a grande surpresa : num 
   estalo , o Vandemilson notou algo ali que ele nunca percebera antes : 
   Pessoas! Um bando de gente , em pé ou circulando lentamente , e todo 
   mundo com uma expressão de espanto idêntica a dele , Foi então que ele 
   ouviu  um som , vindo da baia vizinha :
– Oi.

       Levou alguns segundos até o Vandemilson  racionalizar e decodificar 
exatamente o que era aquilo : uma voz! E, aparentemente , humana . Emitida 
por uma loirinha que , o Vandemilson logo concluiu , estava se dirigindo a ele.
– Tudo Bem ? Eu sou a Natália.

– Natália... ­ O Vandemilson  se pôs a conjeturar como aquele nome ficaria 

   numa fonte Matisse ITC , Corpo 14 , em itálico . E foi então que a Natália 
   proferiu a frase mágica , que tocou profundamente o coração  do 
   Vandemilson :
       A Nat ! O Vandemilson já havia mandado milhões de e­mails para a ela , 
       e recebido outros tantos , só que nunca imaginaria que ela pudesse ter , 
       assim , vamos dizer , cabelo , boca , braços... Nas ela tinha 

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Informativo Cristianismo Redivivo Setembro
Informativo Cristianismo Redivivo SetembroInformativo Cristianismo Redivivo Setembro
Informativo Cristianismo Redivivo Setembrocristianismoredivivo
 
Inclusão de Profissionais com Deficiência e Gestão por Indicadores
Inclusão de Profissionais com Deficiência e Gestão por IndicadoresInclusão de Profissionais com Deficiência e Gestão por Indicadores
Inclusão de Profissionais com Deficiência e Gestão por IndicadoresReinaldo Bulgarelli
 
Requerimento 091 Poda Das áRvores E ReposiçãO Das LâMpadas Da PraçA Do EstáDi...
Requerimento 091 Poda Das áRvores E ReposiçãO Das LâMpadas Da PraçA Do EstáDi...Requerimento 091 Poda Das áRvores E ReposiçãO Das LâMpadas Da PraçA Do EstáDi...
Requerimento 091 Poda Das áRvores E ReposiçãO Das LâMpadas Da PraçA Do EstáDi...cairo maia
 
Programa Terra Em Transe[1]
Programa Terra Em Transe[1]Programa Terra Em Transe[1]
Programa Terra Em Transe[1]tatig2001
 
Carlo Lovatelli
Carlo LovatelliCarlo Lovatelli
Carlo LovatelliBeefPoint
 
MAFSessao4tarefa2
MAFSessao4tarefa2MAFSessao4tarefa2
MAFSessao4tarefa2ameliafig
 
Sessao7tarefa2
Sessao7tarefa2Sessao7tarefa2
Sessao7tarefa2Rui Jorge
 
seguridad alimentaria
seguridad alimentariaseguridad alimentaria
seguridad alimentariaHEIDI0101
 
Classificações 14.12.09
Classificações 14.12.09Classificações 14.12.09
Classificações 14.12.09guest29bb18
 

Destaque (20)

Informativo Cristianismo Redivivo Setembro
Informativo Cristianismo Redivivo SetembroInformativo Cristianismo Redivivo Setembro
Informativo Cristianismo Redivivo Setembro
 
Health agency
Health agencyHealth agency
Health agency
 
Inclusão de Profissionais com Deficiência e Gestão por Indicadores
Inclusão de Profissionais com Deficiência e Gestão por IndicadoresInclusão de Profissionais com Deficiência e Gestão por Indicadores
Inclusão de Profissionais com Deficiência e Gestão por Indicadores
 
Requerimento 091 Poda Das áRvores E ReposiçãO Das LâMpadas Da PraçA Do EstáDi...
Requerimento 091 Poda Das áRvores E ReposiçãO Das LâMpadas Da PraçA Do EstáDi...Requerimento 091 Poda Das áRvores E ReposiçãO Das LâMpadas Da PraçA Do EstáDi...
Requerimento 091 Poda Das áRvores E ReposiçãO Das LâMpadas Da PraçA Do EstáDi...
 
Plano De Aula
Plano De AulaPlano De Aula
Plano De Aula
 
Mapa mundi 4 partes
Mapa mundi 4 partesMapa mundi 4 partes
Mapa mundi 4 partes
 
Realiadad nacional
Realiadad nacionalRealiadad nacional
Realiadad nacional
 
Hospitalistas no Brasil
Hospitalistas no BrasilHospitalistas no Brasil
Hospitalistas no Brasil
 
O Maabe
O MaabeO Maabe
O Maabe
 
4
44
4
 
Programa Terra Em Transe[1]
Programa Terra Em Transe[1]Programa Terra Em Transe[1]
Programa Terra Em Transe[1]
 
Boletim Informativo de Hortolândia - Agosto/2009
Boletim Informativo de Hortolândia - Agosto/2009Boletim Informativo de Hortolândia - Agosto/2009
Boletim Informativo de Hortolândia - Agosto/2009
 
Motores de búsqueda
Motores de búsquedaMotores de búsqueda
Motores de búsqueda
 
Boletim Informativo de Hortolândia - Setembro de 2009
Boletim Informativo de Hortolândia - Setembro de 2009Boletim Informativo de Hortolândia - Setembro de 2009
Boletim Informativo de Hortolândia - Setembro de 2009
 
Adelcioantunes Ativ4
Adelcioantunes Ativ4Adelcioantunes Ativ4
Adelcioantunes Ativ4
 
Carlo Lovatelli
Carlo LovatelliCarlo Lovatelli
Carlo Lovatelli
 
MAFSessao4tarefa2
MAFSessao4tarefa2MAFSessao4tarefa2
MAFSessao4tarefa2
 
Sessao7tarefa2
Sessao7tarefa2Sessao7tarefa2
Sessao7tarefa2
 
seguridad alimentaria
seguridad alimentariaseguridad alimentaria
seguridad alimentaria
 
Classificações 14.12.09
Classificações 14.12.09Classificações 14.12.09
Classificações 14.12.09
 

Mais de KATIA CAVALCANTI

Resumo do caderno 6 etapa I- Avaliação no ensino médio- Orientadora Profª Kát...
Resumo do caderno 6 etapa I- Avaliação no ensino médio- Orientadora Profª Kát...Resumo do caderno 6 etapa I- Avaliação no ensino médio- Orientadora Profª Kát...
Resumo do caderno 6 etapa I- Avaliação no ensino médio- Orientadora Profª Kát...KATIA CAVALCANTI
 
Resumo da caderno 5 etapa I- Organização e gestão democrática da escola cade...
Resumo da caderno 5 etapa I- Organização e gestão democrática da escola  cade...Resumo da caderno 5 etapa I- Organização e gestão democrática da escola  cade...
Resumo da caderno 5 etapa I- Organização e gestão democrática da escola cade...KATIA CAVALCANTI
 
Resumo do caderno 3 etapa I- O curriculo do ensino médio,seus sujeitos e o de...
Resumo do caderno 3 etapa I- O curriculo do ensino médio,seus sujeitos e o de...Resumo do caderno 3 etapa I- O curriculo do ensino médio,seus sujeitos e o de...
Resumo do caderno 3 etapa I- O curriculo do ensino médio,seus sujeitos e o de...KATIA CAVALCANTI
 
Resumo do caderno 2 etapa I - O jovem como sujeito do ensino médio- Orientado...
Resumo do caderno 2 etapa I - O jovem como sujeito do ensino médio- Orientado...Resumo do caderno 2 etapa I - O jovem como sujeito do ensino médio- Orientado...
Resumo do caderno 2 etapa I - O jovem como sujeito do ensino médio- Orientado...KATIA CAVALCANTI
 
Recuperação paralela de química 1
Recuperação paralela de química 1Recuperação paralela de química 1
Recuperação paralela de química 1KATIA CAVALCANTI
 
Recuperação paralela de física 1
Recuperação paralela de física 1Recuperação paralela de física 1
Recuperação paralela de física 1KATIA CAVALCANTI
 
Recuperação paralela de biologia 1
Recuperação paralela de biologia 1Recuperação paralela de biologia 1
Recuperação paralela de biologia 1KATIA CAVALCANTI
 
Quimica.1. recuperação paralela.doc. aluno
Quimica.1. recuperação paralela.doc. alunoQuimica.1. recuperação paralela.doc. aluno
Quimica.1. recuperação paralela.doc. alunoKATIA CAVALCANTI
 
Fisica.1.recuperação paralela .doc aluno
Fisica.1.recuperação paralela .doc alunoFisica.1.recuperação paralela .doc aluno
Fisica.1.recuperação paralela .doc alunoKATIA CAVALCANTI
 
Biologia.1. recuperação paralela
Biologia.1. recuperação paralelaBiologia.1. recuperação paralela
Biologia.1. recuperação paralelaKATIA CAVALCANTI
 
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE FÍSICA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE FÍSICAAPOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE FÍSICA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE FÍSICAKATIA CAVALCANTI
 
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE QUÍMICA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE QUÍMICAAPOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE QUÍMICA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE QUÍMICAKATIA CAVALCANTI
 
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE BIOLOGIA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE BIOLOGIAAPOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE BIOLOGIA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE BIOLOGIAKATIA CAVALCANTI
 
Oficina de Internet Slideshare
Oficina de Internet  SlideshareOficina de Internet  Slideshare
Oficina de Internet SlideshareKATIA CAVALCANTI
 
RELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICAS
RELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICASRELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICAS
RELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICASKATIA CAVALCANTI
 

Mais de KATIA CAVALCANTI (17)

Resumo do caderno 6 etapa I- Avaliação no ensino médio- Orientadora Profª Kát...
Resumo do caderno 6 etapa I- Avaliação no ensino médio- Orientadora Profª Kát...Resumo do caderno 6 etapa I- Avaliação no ensino médio- Orientadora Profª Kát...
Resumo do caderno 6 etapa I- Avaliação no ensino médio- Orientadora Profª Kát...
 
Resumo da caderno 5 etapa I- Organização e gestão democrática da escola cade...
Resumo da caderno 5 etapa I- Organização e gestão democrática da escola  cade...Resumo da caderno 5 etapa I- Organização e gestão democrática da escola  cade...
Resumo da caderno 5 etapa I- Organização e gestão democrática da escola cade...
 
Resumo do caderno 3 etapa I- O curriculo do ensino médio,seus sujeitos e o de...
Resumo do caderno 3 etapa I- O curriculo do ensino médio,seus sujeitos e o de...Resumo do caderno 3 etapa I- O curriculo do ensino médio,seus sujeitos e o de...
Resumo do caderno 3 etapa I- O curriculo do ensino médio,seus sujeitos e o de...
 
Resumo do caderno 2 etapa I - O jovem como sujeito do ensino médio- Orientado...
Resumo do caderno 2 etapa I - O jovem como sujeito do ensino médio- Orientado...Resumo do caderno 2 etapa I - O jovem como sujeito do ensino médio- Orientado...
Resumo do caderno 2 etapa I - O jovem como sujeito do ensino médio- Orientado...
 
Recuperação paralela de química 1
Recuperação paralela de química 1Recuperação paralela de química 1
Recuperação paralela de química 1
 
Recuperação paralela de física 1
Recuperação paralela de física 1Recuperação paralela de física 1
Recuperação paralela de física 1
 
Recuperação paralela de biologia 1
Recuperação paralela de biologia 1Recuperação paralela de biologia 1
Recuperação paralela de biologia 1
 
Quimica.1. recuperação paralela.doc. aluno
Quimica.1. recuperação paralela.doc. alunoQuimica.1. recuperação paralela.doc. aluno
Quimica.1. recuperação paralela.doc. aluno
 
Fisica.1.recuperação paralela .doc aluno
Fisica.1.recuperação paralela .doc alunoFisica.1.recuperação paralela .doc aluno
Fisica.1.recuperação paralela .doc aluno
 
Biologia.1. recuperação paralela
Biologia.1. recuperação paralelaBiologia.1. recuperação paralela
Biologia.1. recuperação paralela
 
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE FÍSICA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE FÍSICAAPOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE FÍSICA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE FÍSICA
 
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE QUÍMICA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE QUÍMICAAPOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE QUÍMICA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE QUÍMICA
 
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE BIOLOGIA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE BIOLOGIAAPOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE BIOLOGIA
APOSTILA DE DEPENDÊNCIA DE BIOLOGIA
 
Oficina de Internet Slideshare
Oficina de Internet  SlideshareOficina de Internet  Slideshare
Oficina de Internet Slideshare
 
CaçA Palavra Sexualidade
CaçA Palavra SexualidadeCaçA Palavra Sexualidade
CaçA Palavra Sexualidade
 
violência nas escolas
violência nas escolasviolência nas escolas
violência nas escolas
 
RELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICAS
RELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICASRELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICAS
RELAÇÕES ECOLÓGICAS DESARMÔNICAS
 

Último

O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoModelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoprofleticiasantosbio
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxJosAurelioGoesChaves
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no textoMariaPauladeSouzaTur
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 

Último (20)

O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumoModelos atômicos: quais são, história, resumo
Modelos atômicos: quais são, história, resumo
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no texto
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 

Sistema cai e Vandemilson descobre colegas de trabalho

  • 1. Mega Bytes Da Paixão O Vandemilson  ­ mais conhecido na empresa como – estava digitando  mais um dois incontáveis e­mails que despachava todos os dias quando , justo  na hora de ele teclar o emoticon de fechamento (:­ “tou meio em dúvida”) ­pif­,  o sistema cai . E aí o vandemilson se põe a pressionar todas as combinações  imagináveis de Clt e Alt , até se convencer de que , realmente , aquele  era um  problema de proporções cósmicas. E fez então a única coisa que lhe restava  fazer : Ficou ali encarando a tela escura , com aquela mesma cara de que um  pingüim faria se , de repente , acordase no meio do deserto do Saara. Dez minutos de vigília depois , como nada de prático  acontecesse , o  Vandemilson resolveu fazer algo inédito em sua rotina diária : Levantar­se da  cadeira . E , uma em pé , pôde constatar que o local onde trabalhava era  enorme , repleto de baias iguais á sua , centenas delas , distribuídas ao longo  de cinco corredores que atravessavam todo o pavimento . Havia até quadros  na parede , bebedouros  , vasos... e , então , veio a grande surpresa : num  estalo , o Vandemilson notou algo ali que ele nunca percebera antes :  Pessoas! Um bando de gente , em pé ou circulando lentamente , e todo  mundo com uma expressão de espanto idêntica a dele , Foi então que ele  ouviu  um som , vindo da baia vizinha : – Oi. Levou alguns segundos até o Vandemilson  racionalizar e decodificar  exatamente o que era aquilo : uma voz! E, aparentemente , humana . Emitida  por uma loirinha que , o Vandemilson logo concluiu , estava se dirigindo a ele. – Tudo Bem ? Eu sou a Natália. – Natália... ­ O Vandemilson  se pôs a conjeturar como aquele nome ficaria  numa fonte Matisse ITC , Corpo 14 , em itálico . E foi então que a Natália  proferiu a frase mágica , que tocou profundamente o coração  do  Vandemilson : A Nat ! O Vandemilson já havia mandado milhões de e­mails para a ela ,  e recebido outros tantos , só que nunca imaginaria que ela pudesse ter ,  assim , vamos dizer , cabelo , boca , braços... Nas ela tinha