Fontes

4.365 visualizações

Publicada em

FONTE

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.365
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
154
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
224
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fontes

  1. 1. Fonte de Alimentação<br />
  2. 2. Fonte de Alimentação<br />Função:Converter tensão de entrada alternada, 110 ou 220 VAC, 60 Hz, em tensões contínuas;<br />Apresenta em sua saída diversos tipos de conectores, atendendo às necessidades dos diversos componente do computador.<br />
  3. 3. Sinais típicos na saída<br />+5V: placa mãe, uP, memória<br />-5V: áudio, vídeo e outras interfaces<br />+12V: HD’s, cooler, drives de CD’s, drives disquetes<br />-12V: interfaces seriais, modems, áudio e vídeo, outras interfaces<br />+3,3V: placa mãe, uP, memória<br />GND ou terra: todas as partes<br />
  4. 4. Fontes Lineares<br />Transformador: Reduz a tensão AC;<br />Ponte retificadora: Converte AC para DC;<br />Regulador de tensão: Reduz o valor valor da tensão de saída, dissipando o excedente de tensão em calor <br />
  5. 5. Fontes Chaveadas<br />Retifica a tensão AC de entrada, obtendo 300VDC;<br />Converte a tensão DC em um trem de pulsos de alta frequência (40KHz), que é enviado para um transformador abaixador de tensão;<br />Por ser de ferrite e trabalhar com alta frequência, o transformador é bem menor que os tradicionais;<br />
  6. 6. Fontes Chaveadas<br />As tensão pulsadas nas saídas do transformador passam por filtros LC, gerando as tensões DC que alimentam o micro <br />A maioria das fontes chaveadas têm um sinal de saída digital (Power Good) que informa para a placa-mãe que a fonte está funcionando OK.<br />
  7. 7. Diagrama simplificado de umafonte chaveada<br />
  8. 8. Esquema de uma Fonte Chaveada de PC<br />
  9. 9. Fonte chaveada – Entrada e Retificação<br />
  10. 10. Fonte chaveada Transformador e conversão principal DC - DC<br />
  11. 11. Fonte chaveada – CI principal de controle<br />
  12. 12. Fonte chaveada – Saídas DC<br />
  13. 13. Lay-outs típicos (Form Factors)<br />PC/XT Style – PC Original<br />AT/Desk Style <br />AT/Tower Style<br />Baby-AT Style<br />Slim Style – Compatível com AT<br />ATX Style – Funções adicionais<br />
  14. 14. Caixa e conectores da fonte PC-XT<br />
  15. 15. Caixa e conectores da fonte AT / Desktop<br />
  16. 16. Caixa e conectores da fonte AT / Torre<br />
  17. 17. Caixa e conectores da fonte Baby - AT<br />
  18. 18. Caixa e conectores da fonte Slim - AT<br />
  19. 19. Sinais de saída - AT e XT<br />
  20. 20. Detalhe do Conector ATX<br />
  21. 21. Fonte ATX_12V<br />Uma versão aprimorada das fontes ATX, com um conector adicional de 4 pinos de +12V, e outro de 6 pinos para 3,3 e +5V.<br />Motivo: Suprir correntes adicionais para processadores e memória.<br />
  22. 22. Padrão BTX<br />É baseado na ATX. Essa fonte possui um conector de 24 terminais, dividido em duas colunas de doze, e um conector auxiliar de 8 terminais. É possível usar um adaptador para converter uma fonte ATX em BTX e vice-versa. Usadas em Placas recentes para Pentium IV.<br />
  23. 23. Padrão BTX x ATX<br />ATX<br />BTX<br />
  24. 24. Ventilação no Gabinete<br />O ventilador da fonte tem a função de tirar o ar quente do gabinete.<br />Ventiladores adicionais devem ser instalados no gabinete: Frente para “chupar ar frio” Atrás para tirar o ar quente.<br />
  25. 25. Potência típica de uma fonte ATX<br />+3,3V - 20A<br />+5,0V - 25A<br />+12,0V - 12A<br />-5,0V - 0,5A<br />-12,0V - 0,5A<br />+5VSB – 2A<br />Qual o total ?<br />
  26. 26.                                                                                                                                                  <br />Fontes ATX<br />
  27. 27.                                                                                                                                                  <br />                                                                                                                                                 <br />                                                                                        <br />Fontes ATX<br />
  28. 28. Como medir as tensões de saída de uma fonte AT<br />
  29. 29. Detalhe dos conectores P8 e P9 (fonte AT)<br />
  30. 30. Tolerâncias máximas das tensões de alimentação(fonte ATX)<br />
  31. 31. Potências típicas de diversos dispositivos<br />
  32. 32.                                                                                                              <br />Etiqueta de fontes de alimentação<br />
  33. 33. Fotos de detalhes de fontes de alimentação<br />
  34. 34. Fotos de detalhes de fontes de alimentação<br />
  35. 35. Fotos de detalhes de fontes de alimentação<br />
  36. 36. Baterias <br />Estão presentes em:<br />No-break’s<br />Na placa mãe:<br />Mantêm o relógio funcionando;<br />Mantêm alimentada uma pequena RAM, com informações do SETUP (CMOS RAM);<br />As mais usadas são de Ni-Cd (3,6V, recarregável)<br /> e Lithium (3V, não-recarregável) <br />
  37. 37. Tecnologia <br />Voltagem<br />da célula <br />Densidade Wh/kg <br />Curva de descarga<br />Descarga<br />natural <br />Carbon-zinc <br />1.5 <br />70 <br />Sloping <br />15%/ano <br />Alkaline <br />1.5 <br />130 <br />Sloping <br />4%/ano <br />Lithium <br />3.2 <br />230 <br />Flat <br />1%/ano <br />Silver oxide <br />1.5 <br />120 <br />Flat <br />6%/ano <br />Nickel-cadmium<br />1.2 <br />42 <br />Flat <br />1%/dia <br />Nickel-metal hydride <br />1.2 <br />64 <br />Flat <br />1%/dia <br />Zinc-air <br />1.4 <br />310 <br />Flat <br />2%/ano <br />Tecnologias de Baterias<br />
  38. 38. Curvas Típica de Descarga de Baterias<br />

×