Enf.º de Reabilitação e o Serviço de Cardio-Toracica

11.890 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo
0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11.890
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5.996
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Enf.º de Reabilitação e o Serviço de Cardio-Toracica

  1. 1. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas O Enfermeiro de URR Reabilitação no Proveniência Serviço de Cirurgia Pré-operatório de Cardio-Torácica Pós-operatório # Imediato # Mediato Olinda Margarida Rodrigues de Sousa Faria # Tardio Rêgo – Enfermeira de Reabilitação Complicações Serviço de Pneumologia Unidade de Reabilitação Respiratória Estatística Enf.º Chefe Belmiro Rocha Conclusão
  2. 2. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Cinesiterapia Respiratória Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Cinesiterapia Respiratória ou Proveniência Reeducação Funcional Respiratória é uma terapêutica baseada no movimento e, Pré-operatório como tal, vai actuar principalmente sobre Pós-operatório os fenómenos mecânicos da respiração, # Imediato ou seja, sobre a ventilação interna e, # Mediato através desta, tentar melhorar a ventilação alveolar. # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  3. 3. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Objectivos Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Prevenção e correcção das alterações do Proveniência esqueleto e músculo. Redução da tensão psíquica e muscular. Pré-operatório Assegurar a permeabilidade das vias Pós-operatório aéreas. # Imediato Prevenção e correcção dos defeitos ventilatórios. # Mediato Melhoria da “performance” dos músculos # Tardio respiratórios. Complicações Reeducação no esforço. Estatística Conclusão
  4. 4. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Técnicas Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Posições de descanso. Pré-operatório Técnicas de relaxamento. Pós-operatório Controlo de respiração. # Imediato Técnicas de correcção postural. # Mediato Mobilização ósteo – articular e muscular. # Tardio Técnicas de drenagem. Complicações Estatística Conclusão
  5. 5. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação A Unidade de Reabilitação Respiratória Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas 1 12 Internamento Enfermeiras URR Pneumologia Reabilitação Proveniência Pré-operatório 1 UCIP Pós-operatório 2 Cardio- # Imediato Torácica # Mediato 1 UCICT # Tardio 1 Complicações Internamentos de Cardiologia Estatística e Cardio- Torácica Conclusão UCIC
  6. 6. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Proveniência Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Domicílio Outros Proveniência Hospitais Ginásio Reabilitação Pré-operatório Respiratória Outros Proveniência Pós-operatório Serviços Internamento # Imediato Pneumologia Internamento # Mediato Cardiologia UCIC # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  7. 7. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Actuação nos Doentes de Cirurgia Torácica Respiratória Pré-operatório Conceito Objectivos e Técnicas Colheita de Dados URR Proveniência Dados pessoais. Pré-operatório Antecedentes pessoais. Pós-operatório O que sabe sobre a doença. Gravidade da doença. # Imediato Cirurgia a que vai ser submetido. # Mediato Tipo de incisão cirúrgica. # Tardio Explicação, ensino e execução de técnicas. Complicações Estatística Conclusão
  8. 8. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Actuação nos Doentes de Cirurgia Torácica Respiratória Pós-operatório Imediato Conceito Doente na UCICT Objectivos e Técnicas 24h – 48h URR Doente em ventilação controlada; Proveniência Doente em ventilação espontânea; Dados importantes a avaliar: Pré-operatório SPO2, Pós-operatório Frequência Cardíaca, Respiratória; # Imediato Drenagens: # Mediato Qualidade, Quantidade; # Tardio Execução de técnicas; Complicações Levante. Estatística Conclusão
  9. 9. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Actuação nos Doentes de Cirurgia Torácica Respiratória Pós-operatório Mediato Conceito Objectivos e Técnicas Doente na Enfermaria 3º ao 4º / 5º dia URR Proveniência Avaliação da frequência cardíaca e respiratória; Pré-operatório Vigilância de drenagens; Pós-operatório # Imediato Continuidade a todas as técnicas já iniciadas; # Mediato Adequar as técnicas em função das necessidades do # Tardio doente e da evolução do pós – operatório. Complicações Estatística Conclusão
  10. 10. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Actuação nos Doentes de Cirurgia Torácica Respiratória Pós-operatório Tardio Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Doente na Enfermaria; Pré-operatório Preparação para Alta Hospitalar; Pós-operatório Incentivo à auto reeducação; # Imediato Ensino. # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  11. 11. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Cirurgia Cardio-Torácica Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  12. 12. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Cirurgia Pulmonar Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  13. 13. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  14. 14. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  15. 15. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  16. 16. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  17. 17. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  18. 18. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  19. 19. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Lobectomia Superior Direita Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  20. 20. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Respiratória Lobectomia Superior Direita Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  21. 21. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Lobectomia Superior Direita Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  22. 22. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Lobectomia Superior Direita Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  23. 23. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Lobectomia Superior Direita Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  24. 24. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  25. 25. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório mediato Reabilitação Lobectomia Superior Direita Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  26. 26. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório mediato Reabilitação Lobectomia Superior Direita Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  27. 27. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório mediato Reabilitação Lobectomia Superior Direita Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  28. 28. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Cirurgia Cardíaca Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  29. 29. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  30. 30. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  31. 31. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  32. 32. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  33. 33. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  34. 34. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Pré-operatório Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  35. 35. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  36. 36. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  37. 37. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  38. 38. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  39. 39. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  40. 40. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  41. 41. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  42. 42. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  43. 43. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  44. 44. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  45. 45. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório mediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  46. 46. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  47. 47. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Pós-operatório imediato Reabilitação Revascularização do Miocárdio Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  48. 48. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Complicações Respiratória Que prolongam o internamento Conceito Objectivos e Técnicas URR Insuficiência Cárdio – Respiratória; Proveniência Atlectasias extensas; Infecções; Pré-operatório Derrame pleural que necessite de Pós-operatório drenagem; # Imediato Pneumotórax com ou sem # Mediato pneumomediastino e enfisema subcutâneo extenso. # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  49. 49. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Complicações Respiratória Doente em ambulatório Conceito Objectivos e Técnicas URR Atlectasias de um lobo pulmonar ou Proveniência segmento, habitualmente nos lobos Pré-operatório inferiores, junto ao diafragma; Pós-operatório Derrame pleural de pequeno e médio volume que não condicionam a # Imediato insuficiência cárdio – respiratória; # Mediato Pneumotórax – habitualmente os # Tardio apicais. Complicações Estatística Conclusão
  50. 50. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Movimento Total por Patologias Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas 1800 URR 1600 Proveniência 1400 UCIP Pré-operatório Mov. Cirúrgico 1200 Bronquet Pós-operatório 1000 Asma 800 # Imediato DPCO 600 Af Pleurais # Mediato Outros 400 # Tardio 200 Complicações 0 Estatística 94 95 96 97 98 99 00 01 19 19 19 19 19 19 20 20 Conclusão
  51. 51. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Complicações Cirúrgicas cardíacas e pulmonares Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas 400 URR 343 350 Proveniência Homens 300 Pré-operatório 250 Homens Pós-operatório complicações 196 200 # Imediato Mulheres 150 109 # Mediato 100 Mulheres # Tardio 50 complicações 46 50 19 7 Complicações 3 0 Estatística Cirurgia Cardíca Cirurgia Pulmonar Conclusão Movimento cirúrgico referente a 2001
  52. 52. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Conclusão Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório A Cinesiterapia Respiratória em doentes de Pós-operatório cirurgia torácica é imprescindível para que o pós-operatório decorra sem complicações e a # Imediato sua recuperação será rápida e completa. # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão
  53. 53. Cinesiterapia Respiratória Unidade de Reabilitação Respiratória Conceito Objectivos e Técnicas URR Proveniência Pré-operatório Pós-operatório # Imediato # Mediato # Tardio Complicações Estatística Conclusão

×