SlideShare uma empresa Scribd logo

Articulaoppt 110101163554-phpapp01

Artur (Ft)
Artur (Ft)
Artur (Ft)fiel de armazém na Armazém de Ranhosos em Armazém de Ranhosos

Articulaoppt 110101163554-phpapp01

1 de 24
Baixar para ler offline
(Des)Articulação Curricular entre a 
Educação Pré-Escolar e o 
1.º Ciclo do Ensino Básico
Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular 
com o 1º Ciclo do Ensino Básico 
Articulação Curricular entre a Educação 
Pré-Escolar e o 1.º CEB 
 Articulação: suporte legislativo / documental 
 Conceitos de Articulação Curricular 
 Articulação Curricular e Continuidade 
Educativa 
 Articulação Curricular versus Não Articulação 
 Articulação curricular: das intenções às 
práticas educativas
Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular 
com o 1.º Ciclo do Ensino Básico 
Lei de Bases do Sistema Educativo 
(Artigo 8º, ponto 2): 
“… a articulação entre ciclos obedece a 
uma sequencialidade progressiva, 
conferindo a cada ciclo a função de 
completar, aprofundar e alargar o ciclo 
anterior, numa perspectiva de unidade 
global do ensino básico.”
Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular 
com o 1.º Ciclo do Ensino Básico 
 Dec.-Lei n.º 75/2008, de 22 de Abril 
“O agrupamento de escolas é uma unidade organizacional 
constituída por estabelecimentos de educação pré-escolar 
e de escolas de um ou mais níveis e ciclos de ensino, 
com vista a… proporcionar um percurso sequencial e 
articulado… e favorecer a transição adequada entre 
níveis e ciclos de ensino. A constituição de agrupamentos 
de escolas obedece a critérios de construção de 
percursos escolares integrados, articulação curricular 
entre níveis e ciclos educativos e proximidade 
geográfica.” (art.º 6.º).
Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular 
com o 1.º Ciclo do Ensino Básico 
 Despacho n.º 11120-A/2010, de 6 de Julho 
1.6 — Na programação das reuniões de avaliação, 
devem os directores dos agrupamentos de escolas e 
dos estabelecimentos de educação pré-escolar e 
escolas não agrupadas assegurar a articulação entre 
os educadores de infância e os docentes do 1.º ciclo 
do ensino básico de modo a garantir o 
acompanhamento pedagógico das crianças no seu 
percurso da educação pré -escolar para o 1.º ciclo do 
ensino básico.
Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular 
com o 1.º Ciclo do Ensino Básico 
 PROJECTO EDUCATIVO 
Princípio da articulação, com uma nova 
filosofia de programação e melhor 
enquadramento de forma a encontrar novos 
caminhos que conduzam a uma maior e uma 
melhor aquisição de conhecimentos e 
capacidades fundamentais, valorizando as 
atitudes e valores, bem como o 
desenvolvimento de competências, entre os 
vários níveis e ciclos de ensino.

Recomendados

AESPC: Projeto de Articulação de Matemática 2013/2014
AESPC: Projeto de Articulação de Matemática 2013/2014AESPC: Projeto de Articulação de Matemática 2013/2014
AESPC: Projeto de Articulação de Matemática 2013/2014AE Spc
 
Articulação ppt
Articulação pptArticulação ppt
Articulação pptfriasfrias
 
Didaticgeoaula12
Didaticgeoaula12Didaticgeoaula12
Didaticgeoaula12Ana Beatriz
 
Aula 3 metodologias ativas
Aula 3   metodologias ativasAula 3   metodologias ativas
Aula 3 metodologias ativasNdiaCortez
 
Caderno 3 2ª etapa pacto
Caderno 3   2ª etapa pactoCaderno 3   2ª etapa pacto
Caderno 3 2ª etapa pactoAdri Ruas
 
ESQUEMA DOS PCNs PARTE 1
ESQUEMA DOS PCNs PARTE 1ESQUEMA DOS PCNs PARTE 1
ESQUEMA DOS PCNs PARTE 1Thiagogui
 
Parametros curriculares pcns
Parametros curriculares pcnsParametros curriculares pcns
Parametros curriculares pcnspibidsociais
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

ETAPA II- 3º CADERNO Ciências da Natureza
ETAPA II- 3º CADERNO Ciências da NaturezaETAPA II- 3º CADERNO Ciências da Natureza
ETAPA II- 3º CADERNO Ciências da Naturezajosinalda
 
Orientacoes curriculares para o ensino medio volume mat e ciencias
Orientacoes curriculares para o ensino medio    volume  mat e cienciasOrientacoes curriculares para o ensino medio    volume  mat e ciencias
Orientacoes curriculares para o ensino medio volume mat e cienciasEdinho Fialho
 
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIO
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIOORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIO
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIOwil
 
Slides Parâmetros curriculares nacionais (Grupo: Ináia, Giliane, Eunice)
Slides Parâmetros curriculares nacionais (Grupo: Ináia, Giliane, Eunice)Slides Parâmetros curriculares nacionais (Grupo: Ináia, Giliane, Eunice)
Slides Parâmetros curriculares nacionais (Grupo: Ináia, Giliane, Eunice)pibidsociais
 
Parametros Curriculares Nacionais
Parametros Curriculares NacionaisParametros Curriculares Nacionais
Parametros Curriculares Nacionaispibidsociais
 
Introdução aos parâmetros curriculares nacionais
Introdução aos parâmetros curriculares nacionaisIntrodução aos parâmetros curriculares nacionais
Introdução aos parâmetros curriculares nacionaisFAETEC - ETESC
 
Parâmetros curriculares nacionais
Parâmetros curriculares nacionais Parâmetros curriculares nacionais
Parâmetros curriculares nacionais pibidsociais
 
PPP 2012 EC 29
PPP 2012 EC 29PPP 2012 EC 29
PPP 2012 EC 29Ana Silva
 
Planejamento vertical e horizontal nas escolas do vale do juruá atual
Planejamento  vertical e horizontal nas escolas do vale do juruá atualPlanejamento  vertical e horizontal nas escolas do vale do juruá atual
Planejamento vertical e horizontal nas escolas do vale do juruá atualRaniquele Silva
 
O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: APROXIMAÇÕES COM...
O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: APROXIMAÇÕES COM...O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: APROXIMAÇÕES COM...
O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: APROXIMAÇÕES COM...ProfessorPrincipiante
 
Inclusão encontros
Inclusão encontrosInclusão encontros
Inclusão encontrosDenise Lemos
 
6a8aa414e3815e1c61e980af467b5870.concepcoes pedagogicas aula 18 04
6a8aa414e3815e1c61e980af467b5870.concepcoes pedagogicas aula 18 046a8aa414e3815e1c61e980af467b5870.concepcoes pedagogicas aula 18 04
6a8aa414e3815e1c61e980af467b5870.concepcoes pedagogicas aula 18 04prefeitura municipal de logradouro
 
Exemplo. Relatório. Fundamentação
Exemplo. Relatório. FundamentaçãoExemplo. Relatório. Fundamentação
Exemplo. Relatório. FundamentaçãoBárbara Caldeira
 
Apresentação da equipe de apoio da UNIEB
Apresentação da equipe de apoio da UNIEBApresentação da equipe de apoio da UNIEB
Apresentação da equipe de apoio da UNIEBAnaí Peña
 
Organização dos tempos e espaços escolares
Organização dos tempos e espaços escolaresOrganização dos tempos e espaços escolares
Organização dos tempos e espaços escolaresElaine Soeira
 

Mais procurados (19)

Pcn
PcnPcn
Pcn
 
ETAPA II- 3º CADERNO Ciências da Natureza
ETAPA II- 3º CADERNO Ciências da NaturezaETAPA II- 3º CADERNO Ciências da Natureza
ETAPA II- 3º CADERNO Ciências da Natureza
 
Pcn médio
Pcn médioPcn médio
Pcn médio
 
Orientacoes curriculares para o ensino medio volume mat e ciencias
Orientacoes curriculares para o ensino medio    volume  mat e cienciasOrientacoes curriculares para o ensino medio    volume  mat e ciencias
Orientacoes curriculares para o ensino medio volume mat e ciencias
 
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIO
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIOORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIO
ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIO
 
Slides Parâmetros curriculares nacionais (Grupo: Ináia, Giliane, Eunice)
Slides Parâmetros curriculares nacionais (Grupo: Ináia, Giliane, Eunice)Slides Parâmetros curriculares nacionais (Grupo: Ináia, Giliane, Eunice)
Slides Parâmetros curriculares nacionais (Grupo: Ináia, Giliane, Eunice)
 
Didaticgeoaula8
Didaticgeoaula8Didaticgeoaula8
Didaticgeoaula8
 
Parametros Curriculares Nacionais
Parametros Curriculares NacionaisParametros Curriculares Nacionais
Parametros Curriculares Nacionais
 
Introdução aos parâmetros curriculares nacionais
Introdução aos parâmetros curriculares nacionaisIntrodução aos parâmetros curriculares nacionais
Introdução aos parâmetros curriculares nacionais
 
Parâmetros curriculares nacionais
Parâmetros curriculares nacionais Parâmetros curriculares nacionais
Parâmetros curriculares nacionais
 
PPP 2012 EC 29
PPP 2012 EC 29PPP 2012 EC 29
PPP 2012 EC 29
 
Planejamento vertical e horizontal nas escolas do vale do juruá atual
Planejamento  vertical e horizontal nas escolas do vale do juruá atualPlanejamento  vertical e horizontal nas escolas do vale do juruá atual
Planejamento vertical e horizontal nas escolas do vale do juruá atual
 
O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: APROXIMAÇÕES COM...
O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: APROXIMAÇÕES COM...O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: APROXIMAÇÕES COM...
O ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES: APROXIMAÇÕES COM...
 
Inclusão encontros
Inclusão encontrosInclusão encontros
Inclusão encontros
 
6a8aa414e3815e1c61e980af467b5870.concepcoes pedagogicas aula 18 04
6a8aa414e3815e1c61e980af467b5870.concepcoes pedagogicas aula 18 046a8aa414e3815e1c61e980af467b5870.concepcoes pedagogicas aula 18 04
6a8aa414e3815e1c61e980af467b5870.concepcoes pedagogicas aula 18 04
 
Exemplo. Relatório. Fundamentação
Exemplo. Relatório. FundamentaçãoExemplo. Relatório. Fundamentação
Exemplo. Relatório. Fundamentação
 
Apresentação da equipe de apoio da UNIEB
Apresentação da equipe de apoio da UNIEBApresentação da equipe de apoio da UNIEB
Apresentação da equipe de apoio da UNIEB
 
O que é currículo
O que é currículoO que é currículo
O que é currículo
 
Organização dos tempos e espaços escolares
Organização dos tempos e espaços escolaresOrganização dos tempos e espaços escolares
Organização dos tempos e espaços escolares
 

Destaque

Articulação vertical e horizontal em musica
Articulação vertical e horizontal   em musicaArticulação vertical e horizontal   em musica
Articulação vertical e horizontal em musicaAMG Sobrenome
 
Grelhas articulação-avaliacao be pct
Grelhas articulação-avaliacao be pctGrelhas articulação-avaliacao be pct
Grelhas articulação-avaliacao be pctBibliotecaAroes
 
Grelha 0- 5A - Referencial - luisafadista
Grelha 0- 5A - Referencial -  luisafadistaGrelha 0- 5A - Referencial -  luisafadista
Grelha 0- 5A - Referencial - luisafadistaBe Alvito
 
Articulação vertical e horizontal geo
Articulação vertical e horizontal   geoArticulação vertical e horizontal   geo
Articulação vertical e horizontal geoAMG Sobrenome
 
Articulação vertical e horizontal ef
Articulação vertical e horizontal   efArticulação vertical e horizontal   ef
Articulação vertical e horizontal efAMG Sobrenome
 
Projeto Curricular agrupament oD.Dinis - ODIVELAS 2014
Projeto  Curricular  agrupament oD.Dinis - ODIVELAS 2014Projeto  Curricular  agrupament oD.Dinis - ODIVELAS 2014
Projeto Curricular agrupament oD.Dinis - ODIVELAS 2014AMG Sobrenome
 

Destaque (8)

Brincar infantil
Brincar infantilBrincar infantil
Brincar infantil
 
Articulação vertical e horizontal em musica
Articulação vertical e horizontal   em musicaArticulação vertical e horizontal   em musica
Articulação vertical e horizontal em musica
 
Grelhas articulação-avaliacao be pct
Grelhas articulação-avaliacao be pctGrelhas articulação-avaliacao be pct
Grelhas articulação-avaliacao be pct
 
Grelha 0- 5A - Referencial - luisafadista
Grelha 0- 5A - Referencial -  luisafadistaGrelha 0- 5A - Referencial -  luisafadista
Grelha 0- 5A - Referencial - luisafadista
 
Articulação vertical e horizontal geo
Articulação vertical e horizontal   geoArticulação vertical e horizontal   geo
Articulação vertical e horizontal geo
 
Articulação vertical e horizontal ef
Articulação vertical e horizontal   efArticulação vertical e horizontal   ef
Articulação vertical e horizontal ef
 
Projeto Curricular agrupament oD.Dinis - ODIVELAS 2014
Projeto  Curricular  agrupament oD.Dinis - ODIVELAS 2014Projeto  Curricular  agrupament oD.Dinis - ODIVELAS 2014
Projeto Curricular agrupament oD.Dinis - ODIVELAS 2014
 
Grelha nova 2
Grelha nova 2Grelha nova 2
Grelha nova 2
 

Semelhante a Articulaoppt 110101163554-phpapp01

Orientações curriculares do estado do acre ensino fundamental.
Orientações curriculares do estado do acre   ensino fundamental.Orientações curriculares do estado do acre   ensino fundamental.
Orientações curriculares do estado do acre ensino fundamental.Mauro Uchoa
 
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão EscolarU8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão EscolarElaine Cruz
 
Orientações curriculares para o ensino médio - história
Orientações curriculares para o ensino médio -  históriaOrientações curriculares para o ensino médio -  história
Orientações curriculares para o ensino médio - históriaLucas Guimarães
 
Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias volume 2
Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias volume 2Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias volume 2
Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias volume 2familiaestagio
 
Book volume 01_internet
Book volume 01_internetBook volume 01_internet
Book volume 01_internetLuiz Dias
 
Pcnem [linguagens, códigos e suas tecnologias]
Pcnem [linguagens, códigos e suas tecnologias]Pcnem [linguagens, códigos e suas tecnologias]
Pcnem [linguagens, códigos e suas tecnologias]Erica Zibetti
 
Educação ambiental livro 5
Educação ambiental livro 5Educação ambiental livro 5
Educação ambiental livro 5cfrancisca
 
Planejamento com sugestões de atividades e avaliação ciências ef
Planejamento com sugestões de atividades e avaliação   ciências efPlanejamento com sugestões de atividades e avaliação   ciências ef
Planejamento com sugestões de atividades e avaliação ciências efCristino Renato da Silva
 
Proposta curricular para os anos iniciais em MT.pptx2
Proposta curricular para os anos iniciais em MT.pptx2Proposta curricular para os anos iniciais em MT.pptx2
Proposta curricular para os anos iniciais em MT.pptx2Coraci Machado Araújo
 
Caderno 5 2ª etapa pacto
Caderno 5   2ª etapa pactoCaderno 5   2ª etapa pacto
Caderno 5 2ª etapa pactoAdri Ruas
 
Parâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares NacionaisParâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares NacionaisMarcelo Assis
 
O_PLANEJAMENTO_DA_ACAO_DIDATICA_1.pptx
O_PLANEJAMENTO_DA_ACAO_DIDATICA_1.pptxO_PLANEJAMENTO_DA_ACAO_DIDATICA_1.pptx
O_PLANEJAMENTO_DA_ACAO_DIDATICA_1.pptxjnrm
 

Semelhante a Articulaoppt 110101163554-phpapp01 (20)

Orientações curriculares do estado do acre ensino fundamental.
Orientações curriculares do estado do acre   ensino fundamental.Orientações curriculares do estado do acre   ensino fundamental.
Orientações curriculares do estado do acre ensino fundamental.
 
Mg1
Mg1Mg1
Mg1
 
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão EscolarU8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
U8 - PNAIC - Avaliação e Progressão Escolar
 
Book volume 03_internetx
Book volume 03_internetxBook volume 03_internetx
Book volume 03_internetx
 
Orientações curriculares para o ensino médio - história
Orientações curriculares para o ensino médio -  históriaOrientações curriculares para o ensino médio -  história
Orientações curriculares para o ensino médio - história
 
Book volume 03_internet
Book volume 03_internetBook volume 03_internet
Book volume 03_internet
 
Book volume 03_internet
Book volume 03_internetBook volume 03_internet
Book volume 03_internet
 
Limgua inglesa
Limgua inglesaLimgua inglesa
Limgua inglesa
 
Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias volume 2
Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias volume 2Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias volume 2
Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias volume 2
 
Book volume 01_internet
Book volume 01_internetBook volume 01_internet
Book volume 01_internet
 
Oc ns
Oc nsOc ns
Oc ns
 
Pcnem [linguagens, códigos e suas tecnologias]
Pcnem [linguagens, códigos e suas tecnologias]Pcnem [linguagens, códigos e suas tecnologias]
Pcnem [linguagens, códigos e suas tecnologias]
 
Educação ambiental livro 5
Educação ambiental livro 5Educação ambiental livro 5
Educação ambiental livro 5
 
Planejamento com sugestões de atividades e avaliação ciências ef
Planejamento com sugestões de atividades e avaliação   ciências efPlanejamento com sugestões de atividades e avaliação   ciências ef
Planejamento com sugestões de atividades e avaliação ciências ef
 
Ano 2 unidade_8_miolo
Ano 2 unidade_8_mioloAno 2 unidade_8_miolo
Ano 2 unidade_8_miolo
 
Proposta curricular para os anos iniciais em MT.pptx2
Proposta curricular para os anos iniciais em MT.pptx2Proposta curricular para os anos iniciais em MT.pptx2
Proposta curricular para os anos iniciais em MT.pptx2
 
Caderno 5 2ª etapa pacto
Caderno 5   2ª etapa pactoCaderno 5   2ª etapa pacto
Caderno 5 2ª etapa pacto
 
Parâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares NacionaisParâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares Nacionais
 
O_PLANEJAMENTO_DA_ACAO_DIDATICA_1.pptx
O_PLANEJAMENTO_DA_ACAO_DIDATICA_1.pptxO_PLANEJAMENTO_DA_ACAO_DIDATICA_1.pptx
O_PLANEJAMENTO_DA_ACAO_DIDATICA_1.pptx
 
Didaticgeoaula2
Didaticgeoaula2Didaticgeoaula2
Didaticgeoaula2
 

Mais de Artur (Ft)

Ensina me-a-viver-bjharvest
Ensina me-a-viver-bjharvestEnsina me-a-viver-bjharvest
Ensina me-a-viver-bjharvestArtur (Ft)
 
Deixa deus entrar
Deixa deus entrarDeixa deus entrar
Deixa deus entrarArtur (Ft)
 
05.08 tao perto_de_mim
05.08 tao perto_de_mim05.08 tao perto_de_mim
05.08 tao perto_de_mimArtur (Ft)
 
Tocata e fuga rem bach
Tocata e fuga rem bachTocata e fuga rem bach
Tocata e fuga rem bachArtur (Ft)
 
Pafc setembro 2018.pdf
Pafc setembro 2018.pdfPafc setembro 2018.pdf
Pafc setembro 2018.pdfArtur (Ft)
 
Parecer 19abril2013.pdf
Parecer 19abril2013.pdfParecer 19abril2013.pdf
Parecer 19abril2013.pdfArtur (Ft)
 
Avaliacao diretor
Avaliacao diretorAvaliacao diretor
Avaliacao diretorArtur (Ft)
 
12 filho de deus
12 filho de deus12 filho de deus
12 filho de deusArtur (Ft)
 
11. em tua presenca (pos comunhao)
11. em tua presenca (pos comunhao)11. em tua presenca (pos comunhao)
11. em tua presenca (pos comunhao)Artur (Ft)
 
10. pelos prados e campinas (comunhao)
10. pelos prados e campinas (comunhao)10. pelos prados e campinas (comunhao)
10. pelos prados e campinas (comunhao)Artur (Ft)
 
09. cordeiro de deus
09. cordeiro de deus09. cordeiro de deus
09. cordeiro de deusArtur (Ft)
 
07. santo e o senhor
07. santo e o senhor07. santo e o senhor
07. santo e o senhorArtur (Ft)
 
06. disposto a partilhar
06. disposto a partilhar06. disposto a partilhar
06. disposto a partilharArtur (Ft)
 
192695738 livro-de-canticos-kairos
192695738 livro-de-canticos-kairos192695738 livro-de-canticos-kairos
192695738 livro-de-canticos-kairosArtur (Ft)
 
Matematica [teste avaliacao_9ano]
Matematica [teste avaliacao_9ano]Matematica [teste avaliacao_9ano]
Matematica [teste avaliacao_9ano]Artur (Ft)
 
Senhor tem piedade
Senhor tem piedadeSenhor tem piedade
Senhor tem piedadeArtur (Ft)
 
Santo.cartageno
Santo.cartagenoSanto.cartageno
Santo.cartagenoArtur (Ft)
 

Mais de Artur (Ft) (20)

Salmo
SalmoSalmo
Salmo
 
Ensina me-a-viver-bjharvest
Ensina me-a-viver-bjharvestEnsina me-a-viver-bjharvest
Ensina me-a-viver-bjharvest
 
Deixa deus entrar
Deixa deus entrarDeixa deus entrar
Deixa deus entrar
 
05.08 tao perto_de_mim
05.08 tao perto_de_mim05.08 tao perto_de_mim
05.08 tao perto_de_mim
 
Tocata e fuga rem bach
Tocata e fuga rem bachTocata e fuga rem bach
Tocata e fuga rem bach
 
Pafc setembro 2018.pdf
Pafc setembro 2018.pdfPafc setembro 2018.pdf
Pafc setembro 2018.pdf
 
Parecer 19abril2013.pdf
Parecer 19abril2013.pdfParecer 19abril2013.pdf
Parecer 19abril2013.pdf
 
Avaliacao diretor
Avaliacao diretorAvaliacao diretor
Avaliacao diretor
 
12 filho de deus
12 filho de deus12 filho de deus
12 filho de deus
 
11. em tua presenca (pos comunhao)
11. em tua presenca (pos comunhao)11. em tua presenca (pos comunhao)
11. em tua presenca (pos comunhao)
 
10. pelos prados e campinas (comunhao)
10. pelos prados e campinas (comunhao)10. pelos prados e campinas (comunhao)
10. pelos prados e campinas (comunhao)
 
09. cordeiro de deus
09. cordeiro de deus09. cordeiro de deus
09. cordeiro de deus
 
08. pai nosso
08. pai nosso08. pai nosso
08. pai nosso
 
07. santo e o senhor
07. santo e o senhor07. santo e o senhor
07. santo e o senhor
 
06. disposto a partilhar
06. disposto a partilhar06. disposto a partilhar
06. disposto a partilhar
 
05. aleluia
05. aleluia05. aleluia
05. aleluia
 
192695738 livro-de-canticos-kairos
192695738 livro-de-canticos-kairos192695738 livro-de-canticos-kairos
192695738 livro-de-canticos-kairos
 
Matematica [teste avaliacao_9ano]
Matematica [teste avaliacao_9ano]Matematica [teste avaliacao_9ano]
Matematica [teste avaliacao_9ano]
 
Senhor tem piedade
Senhor tem piedadeSenhor tem piedade
Senhor tem piedade
 
Santo.cartageno
Santo.cartagenoSanto.cartageno
Santo.cartageno
 

Articulaoppt 110101163554-phpapp01

  • 1. (Des)Articulação Curricular entre a Educação Pré-Escolar e o 1.º Ciclo do Ensino Básico
  • 2. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1º Ciclo do Ensino Básico Articulação Curricular entre a Educação Pré-Escolar e o 1.º CEB  Articulação: suporte legislativo / documental  Conceitos de Articulação Curricular  Articulação Curricular e Continuidade Educativa  Articulação Curricular versus Não Articulação  Articulação curricular: das intenções às práticas educativas
  • 3. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Lei de Bases do Sistema Educativo (Artigo 8º, ponto 2): “… a articulação entre ciclos obedece a uma sequencialidade progressiva, conferindo a cada ciclo a função de completar, aprofundar e alargar o ciclo anterior, numa perspectiva de unidade global do ensino básico.”
  • 4. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico  Dec.-Lei n.º 75/2008, de 22 de Abril “O agrupamento de escolas é uma unidade organizacional constituída por estabelecimentos de educação pré-escolar e de escolas de um ou mais níveis e ciclos de ensino, com vista a… proporcionar um percurso sequencial e articulado… e favorecer a transição adequada entre níveis e ciclos de ensino. A constituição de agrupamentos de escolas obedece a critérios de construção de percursos escolares integrados, articulação curricular entre níveis e ciclos educativos e proximidade geográfica.” (art.º 6.º).
  • 5. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico  Despacho n.º 11120-A/2010, de 6 de Julho 1.6 — Na programação das reuniões de avaliação, devem os directores dos agrupamentos de escolas e dos estabelecimentos de educação pré-escolar e escolas não agrupadas assegurar a articulação entre os educadores de infância e os docentes do 1.º ciclo do ensino básico de modo a garantir o acompanhamento pedagógico das crianças no seu percurso da educação pré -escolar para o 1.º ciclo do ensino básico.
  • 6. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico  PROJECTO EDUCATIVO Princípio da articulação, com uma nova filosofia de programação e melhor enquadramento de forma a encontrar novos caminhos que conduzam a uma maior e uma melhor aquisição de conhecimentos e capacidades fundamentais, valorizando as atitudes e valores, bem como o desenvolvimento de competências, entre os vários níveis e ciclos de ensino.
  • 7. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Gestão do currículo na educação pré-escolar “A articulação entre as várias etapas do percurso educativo implica uma sequencialidade progressiva, conferindo a cada etapa a função de completar, aprofundar e alargar a etapa anterior, numa perspetiva de continuidade e unidade global de educação/ensino. Aos educadores de infância e professores do 1.º ciclo compete ter uma atitude proactiva na procura desta continuidade/ /sequencialidade, não deixando de afirmar a especificidade de cada etapa, porém criando condições para uma articulação co-construída escutando os pais, os profissionais, as crianças e as suas perspetivas. Cabe ao educador, em conjunto com o professor do 1º CEB, proporcionar à criança uma situação de transição facilitadora da continuidade educativa.” (Circular n.º 17/DSDC/DEPEB/2007, de 10-10)
  • 8. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico  Desenho curricular da Educação Pré- Escolar I - Princípios Gerais:  Objectivos pedagógicos  Orientações globais ao educador II – Intencionalidade Educativa Organização do Ambiente Educativo Áreas de Conteúdo Continuidade Educativa Abordagem sistémica e ecológica Organização do grupo, do espaço e do tempo Organização do meio institucional Relação com pais e outros parceiros Articulação de conteúdos Formação Pessoal e Social Expressão/Comunicação: Dramática, motora, plástica e musical Linguagem oral e abordagem à escrita Matemática Conhecimento do Mundo Início da Educação Pré-Escolar Transição para a Escolaridade Básica
  • 9. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Transição para a Escolaridade Básica
  • 10. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Articulação Curricular “... mecanismos encontrados pelos docentes para facilitar a transição entre ciclos.” (Serra, 2004) Continuidade Educativa “… diz respeito à forma como estão organizados os saberes, de forma sequenciada e organizada, ao longo dos vários níveis educativos, tendo em consideração o desenvolvimento das crianças e as suas capacidades de aprendizagem em cada nível educativo.” (Serra, 2004)
  • 11. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico “A continuidade educativa é uma percepção exterior do fenómeno, enquanto que numa observação mais profunda se compreende a necessidade de uma articulação para um maior aproveitamento dos ciclos, certamente ligados, mas intrinsecamente diferenciados. Na visão da continuidade aparece uma imagem do produto objectivado, na articulação é o processo que se dimensiona.” (Dinello, 1987: 60)
  • 12. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Orientações Curriculares: áreas de conteúdo Programa para o 1.º ano de Ensino Básico: áreas de aprendizagem Formação Pessoal e Social Conhecimento do Mundo Expressão e Comunicação Expressão Motora Expressão Musical Expressão Dramática Expressão Plástica Linguagem Escrita Linguagem Oral Matemática Desenvolvimento Pessoal e Social Estudo do Meio Expressão e Educação Físico-motora Expressão e Educação Musical Expressão e Educação Dramática Expressão e Educação Plástica Língua Portuguesa: Comunicação Escrita Comunicação Oral Matemática Comparação entre as áreas de conteúdo das Orientações Curricularas e o Programa do 1.º CEB
  • 13. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1º Ciclo do Ensino Básico Orientações Curriculares: áreas de conteúdo Programa para o 1º ano de Ensino Básico: áreas de aprendizagem “… conjunto de princípios gerais organizados, para serem utilizados pelo educador na tomada de decisões sobre a sua prática, ou seja, para planear e avaliar o processo educativo a desenvolver com as crianças.” (Silva, 2001: 53) “… é um documento prescritivo mas deixa em aberto um vasto campo de “ possibilidades de desenvolvimento curricular, a eleger de acordo com as condições concretas do terreno pedagógico [na convicção] de que ninguém melhor que os próprios agentes do processo educativo estará apto a tomar tais decisões.” (ME, 1998:12)
  • 14. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Perspetivar a articulação curricular não quer dizer que se assuma a educação de infância como uma extensão para a base da escolaridade básica nem que se centre na preparação para o nível seguinte....
  • 15. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Tipos de Articulação Curricular (Serra, 2002) Articulação curricular espontânea Estabelece-se de modo natural, fruto da proximidade geográfica entre as instituições e da qual surgem projectos que envolvem os dois níveis educativos. Articulação curricular regulamentada Advém de imperativos legais e que consta dos documentos das escolas.
  • 16. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Tipos de Articulação Curricular (Cont.): Articulação Curricular Efectiva Acontece porque, de modo consciente e assumido entre os docentes de níveis diferentes. Pode assumir três formas: Articulação Curricular Activa Articulação Curricular Reservada Articulação Curricular Passiva
  • 17. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Articulação Curricular Activa: Caracteriza-se pelo conhecimento profundo dos dois níveis educativos, quer pelos educadores, quer pelos professores, e das possibilidades de trabalharem em comum, tendo como mais valia as semelhanças e diferenças dos dois níveis educativos e as faixas etárias a que se destinam. São optimizados os recursos existentes, quer na escola, quer no J.I., e os docentes estão efectivamente empenhados em encontrar práticas educativas que promovam a articulação curricular entre os dois níveis.
  • 18. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Articulação Curricular Reservada: Caracteriza-se por uma atitude menos voluntária, mais expectante, não se empenhando todos os recursos e vontades, antes esperando que algo aconteça. Não denotando falta de interesse, pode admitir-se que, pontualmente, sejam tomadas decisões conjuntas entre docentes dos dois níveis educativos quando razões consideradas muito fortes o justifiquem.
  • 19. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Articulação Curricular Passiva: Caracteriza-se por um certo desinteresse das suas responsabilidades neste campo. A articulação curricular, se a há, é fruto da proximidade geográfica das duas instituições, o que possibilita o contacto físico entre as crianças nas horas dos recreios e nas saídas, por exemplo. Falta às reuniões, resistência ao trabalho conjunto com docentes de outros níveis, poderão ser indicadores deste tipo de articulação.
  • 20. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Não Articulação: Caracteriza-se por não existir qualquer tipo de contacto entre docentes ou crianças de níveis diferentes. Os docentes conhecem unicamente a realidade onde exercem funções, não demonstrando nem interesse nem preocupação relativamente aos níveis antecedentes ou consequentes.
  • 21. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico FAMÍLIAS ESCOLA JARDIM DE INFÂNCIA
  • 22. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico Articulação Curricular: das intenções às práticas educativas “O dizer não é apenas a expressão do pensamento, mas também a sua realização. Do mesmo modo, o caminhar não é apenas a expressão do desejo de alcançar uma meta, mas também a sua realização.” Benjamin, citado em Leite e Kramer, 1999: 73
  • 23. Currículo na Educação Pré-Escolar e Articulação Curricular com o 1.º Ciclo do Ensino Básico “... ensinamos-lhe tudo o que se pode ensinar... Numa altura em que ele ainda não sabia ler. Abrimos-lhe, até ao infinito, uma enorme diversidade de coisas imaginárias... ... a escola veio mesmo a propósito. O futuro ficava nas suas mãos. Ler, escrever e contar... A princípio o entusiasmo era enorme. Era magnífico como os traços, as argolas, os arcos, as pontezinhas formavam letras! E quando se juntavam, as letras formavam sílabas, e as sílabas iam formando palavras. Nem queria acreditar. Mas a verdadeira magia era descobrir que conhecia algumas dessas palavras! Mamã, por exemplo, mamã: três pontezinhas, um arco, uma argola, mais três pontezinhas, outro arco, outra argola, um toldo por cima da última argola; resultado, mamã! É impossível sair deste deslumbramento” (Pennac, 1987: 17 e 38)
  • 24. Bibliografia  DINELLO, R. (1987). Actualização na educação infantil. Santa Maria: Palloti.  LEITE, M. ; KRAMER, S. (Org.). (1999).Infância: fios e desafios da pesquisa. Campinas, SP: Papirus.  PENNAC, D. (1997). Como um Romance (8ª Edi). Lisboa: Edições ASA.  SERRA, C. (2004) Currículo na Educação Pré-escolar e articulação com o 1º CEB. Col Educação nº 21. Porto: Porto Editora.  Lei de bases do Sistema Educativo  Despacho nº 17/2007, de 10 de Outubro – Gestão do Currículo na Educação Pré-Escolar.  Despacho n.º 11120-A/2010, de 6 de Julho

Notas do Editor

  1. 1. Aparece-nos a articulação curricular ligada à prática docente e não a mecanismos teóricos previamente estabelecidos