Situação de aprendizagem

212 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
212
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
70
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Situação de aprendizagem

  1. 1. Professora: Darlete Aparecida de OliveiraRocha
  2. 2. Meu Primeiro BeijoAntonio BarretoÉ difícil acreditar, mas meu primeiro beijo foi num ônibus, na volta da escola. E sabem com quem? Com o Cultura Inútil!Pode? Até que foi legal. Nem eu nem ele sabíamos exatamente o que era "o beijo". Só de filme. Estávamos virgens nesse assunto, emorrendo de medo. Mas aprendemos. E foi assim...Não sei se numa aula de Biologia ou de Química, o Culta tinha me mandado um dos seus milhares de bilhetinhos:" Você é a glicose do meu metabolismo.Te amo muito!Paracelso"E assinou com uma letrinha miúda: Paracelso. Paracelso era outro apelido dele. Assinou com letrinha tão minúscula quequase tive dó, tive pena, instinto maternal, coisas de mulher...E também não sei por que: resolvi dar uma chance pra ele, mesmo sem saberque tipo de lance ia rolar.No dia seguinte, depois do inglês, pediu pra me acompanhar até em casa. No ônibus, veio com o seguinte papo:- Um beijo pode deixar a gente exausto, sabia? - Fiz cara de desentendida.Mas ele continuou:- Dependendo do beijo, a gente põe em ação 29 músculos, consome cerca de 12 calorias e acelera o coração de 70 para 150batidas por minuto. - Aí ele tomou coragem e pegou na minha mão. Mas continuou salivando seus perdigotos:- A gente também gasta, na saliva, nada menos que 9 mg de água; 0,7 mg de albumina; 0,18 g de substâncias orgânica; 0,711mg de matérias graxas; 0,45 mg de sais e pelo menos 250 bactérias...Aí o bactéria falante aproximou o rosto do meu e, tremendo, tirou seus óculos, tirou os meus, e ficamos nos olhando, depertinho. O bastante para que eu descobrisse que, sem os óculos, seus olhos eram bonitos e expressivos, azuis e brilhantes. E achei gostosoaquele calorzinho que envolvia o corpo da gente. Ele beijou a pontinha do meu nariz, fechei os olhos e senti sua respiração ofegante. Seuslábios tocaram os meus. Primeiro de leve, depois com mais força, e então nos abraçamos de bocas coladas, por alguns segundos.E de repente o ônibus já havia chegado no ponto final e já tínhamos transposto , juntos, o abismo do primeiro beijo.Desci, cheguei em casa, nos beijamos de novo no portão do prédio, e aí ficamos apaixonados por vária semanas. Até que o mundo rolou, asluas vieram e voltaram, o tempo se esqueceu do tempo, as contas de telefone aumentaram, depois diminuíram...e foi ficando nisso. Normal.Que nem meu primeiro beijo. Mas foi inesquecível!BARRETO, Antonio. Meu primeiro beijo. Balada do primeiro amor. São Paulo: FTD, 1977. p. 134-6
  3. 3. O professor deve fazer perguntas quetrabalhem por meio da oralidade:a) Ativação de conhecimentos prévios: Só pelo título, o que você acha que irá tratar otexto? Você já leu algo sobre o autor do texto?b) Antecipação ou levantamento de hipóteses: Alguém aqui já beijou? Como foi o primeiro beijo? Quais são os sentimentos e sensações nomomento do primeiro beijo?
  4. 4. Após os alunos receberem uma cópia dotexto, o professor pode lê-lo em voz altapara que eles ouçam, fazendo paradasestratégicas para checagem de hipótesescomo: Quem está contando sobre seu primeirobeijo? Como vocês acham que acontecerá essebeijo?
  5. 5. Após a leitura o professor podefazer algumas perguntas orais e/ou escritassobre o entendimento do texto lido,trabalhando:a)Localização de informações; comparaçãode informações; generalizações: Levantamento do vocabulário do texto,usando o dicionário.
  6. 6.  Análise dos elementos da narrativa: O texto é narrado em 1ª ou 3ª pessoa?Justifique com trechos do texto. Quem são os personagens envolvidos? Onde se passa a história? Quando aconteceu o primeiro beijo? Para a narradora como foi a experiência doprimeiro beijo?
  7. 7. b) Produção de inferências locais e globais: No texto, alguns elementos nos permitemafirmar que as personagens sãoadolescentes. Que elementos são eles? Por que Paracelso passou para a narradoratantas informações à respeito do beijo? Qualera sua intenção?
  8. 8. c) Recuperação do contexto de produção: Fazer uma pesquisa sobre o autor, na sala deinformática da escola.d) Intertextualidade/Interdiscursividade: Fazer intertextualidade/interdiscursividadeentre o texto e o filme “Meu primeiro amor”.e) Percepção de outras linguagens: Oralmente: Vocês se lembram de músicas, quadros,fotos, livros com a temática sobre o primeirobeijo?
  9. 9.  Solicitar que os alunos façam uma narrativacontando como foi seu primeiro beijo, casoainda não tenha acontecido, sugerir queusem a imaginação. Por último o professor fará a correção de umtexto na lousa apontando possíveis erros deortografia, concordância, pontuação etc.
  10. 10.  DOLZ, J. M.; NOVERRAZ, M.; SCHNEUWLY, B.Gêneros e Progressão em expressão oral eescrita – Elementos para reflexões sobre umaexperiência suíça. ROJO, Roxane. Letramento e capacidades deleitura para a cidadania. (Roxane Rojo/LAEL/PUC-SP).

×