SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
Baixar para ler offline
EMEB MARCOS ROGÉRIO DA ROSA
                  PLANO ANUAL DE TRABALHO – 2012

                            PAPES DALVANICE E SILVIA



 Diretrizes da Secretaria de Educação para o trabalho com as
Tecnologias da Informação e Comunicação na rede de ensino:

 Integrar as novas Tecnologias digitais
da Informação e Comunicação (TDIC) à           Divulgar a Ciência e a Tecnologia
               Educação


                       Desenvolver uma Cultura Digital em
                             nossa rede de ensino
Organização da Seção de Laboratório e Educação Tecnológica:

NTE - Núcleo de Tecnologia Educacional:
• Gerenciamento das ações formativas com os diferentes segmentos de
  profissionais da educação e da socialização de práticas com informática
  educacional, gerenciamento de projetos nos laboratórios e com os laptops
  educacionais.
• Objetivo: Integrar as TDICs à Educação, promovendo a Cibercultura

NID - Núcleo de Inclusão Digital:
• Gerenciamento das ações para inclusão digital da comunidade escolar e
  comunidade e a democratização do acesso aos laboratórios de informática das
  escolas;.
• Objetivo: Desenvolvimento de Cultura Digital na escola

NCT - Núcleo de Ciência e Tecnologia:
• Gerenciamento de projetos relacionados à experimentação científica, por meio da
  interação com a Exposição de Ciência e Tecnologia e do desenvolvimento de
  trabalhos com Educação Tecnológica e com a Robótica Educacional.
• Objetivo: Divulgação da Ciência e Tecnologia
NTE - Núcleo de Tecnologia Educacional:
Estratégias:
• Coordenar ações em TDICs na unidade escolar.
• Elevar o conhecimento e a autonomia dos professores da unidade escolar uso das TDICs.
• Divulgar as práticas educativas relacionadas às TDICs.
• Estimular o uso contínuo dos ambientes colaborativos da rede para a prática da cooperação cultural dentro da
  unidade escolar.
• Promover a comunidade da unidade escolar no ambiente colaborativo da rede (Entremeios) como veículo de
  comunicação rápido e interativo visando o enriquecimento das práticas educativas.
• Oferecer subsídio e apoio para o uso dos recursos digitais no laboratório e em sala de aula com os laptops
  educacionais.


Metas:
• Participar dos HTPC para elaboração do planejamento.
• Estabelecer parceria com as Coordenadoras Pedagógicas para as necessidades formativas do grupo em TDIC.
• Realizar formações em HTPC de acordo com as necessidades formativas dos professores.
• Estabelecer parcerias com as Coordenadoras Pedagógicas e professores para o desenvolvimento pedagógico do
  Programa Conect@.
• Capacitar professores para o uso dos laptops educacionais e demais mídias digitais.
• Realizar reuniões semanais com a equipe de gestão para discutir o uso das TDIC e possibilidades de aprimoramento
  do trabalho desenvolvido.
• Realizar encontro para orientar a equipe escolar quanto aos procedimentos necessários para o uso do laboratório.
• Elevar o número de professores que usam o laboratório autonomamente.
• Elaborar guia de orientações para uso do laboratório, contendo procedimentos e senhas.
• Auxiliar os professores da Educação de Jovens e Adultos durante as aulas e na oficina que é realizada no
  Laboratório de Informática às sextas-feiras.
• Estabelecer e acompanhar ações no/s ambiente/s.
• Gerenciar o blog da escola e divulgar os trabalhos realizados.


Ações:
• Participar dos momentos de planejamento dos professores.
• Reunir semanalmente com a equipe gestora para discutirmos o uso das TDIC e planejamento das ações articuladas.
• Realizar levantamento de necessidades formativas dos professores.
• Discutir os resultados com a equipe de gestão e organizar calendário para as formações em HTPC.
• Realizar formações em HTPC.
• Disponibilização de horários semanal para agendamento com uso autônomo do laboratório e laptops educacionais.
• Preparar material em PowerPoint e impresso com orientação para uso do laboratório.
• Apresentar o material nas reuniões com a equipe gestora e depois em HTPC.
• Auxiliar os professores durante a realização das oficinas da Educação de Jovens e Adultos.
• Gerenciar o blog da escola e a comunidade da escola no Entremeios em parceria com o Coordenador Pedagógico.
• Convidar os professores para socializar o trabalho realizado com suas turmas.
• Apresentar o ambiente virtual colaborativo Entremeios e fazer a inscrição dos professores


Indicadores:
• Aulas com autonomia do professor
• O uso do laboratório e laptops educacionais com autonomia
• Planejamento das formações
• Reunião realizada
• Tabulação da pesquisa
• Trabalhos do dia a dia
• Grade de atendimentos no laboratório
• Planejamento das classes
• Registros diversos.
• Registro/backup de arquivos utilizados para subsidiar a equipe docente para o trabalho com as mídias digitais
• Levantamento de necessidades formativas (instrumento e dados tabulados)
• Material de apoio (Backup de arquivos usados nas aulas/ formações)
• Ata/registro das formações realizadas em HTPC
• Acessos e postagens em ambientes virtuais (blog da escola e Entremeios)
• Arquivos postados nos blogs (da escola ou de projetos)
• Guia de Orientações (elaborado para uso autônomo do laboratório)
NID - Núcleo de Inclusão digital
Estratégias:
• Promover o acesso dos professores, funcionários e comunidade aos laboratórios da unidade escolar.
• Promover a inclusão digital aos membros da comunidade.
• Incentivar os trabalhos com monitoria (ciclo II e Educação de Jovens e Adultos) e comunidade na unidade escolar.
• Contribuir para inserção da equipe escolar na Cultura Digital.


Metas:
• Garantir acesso semanal ao laboratório pela equipe escolar e comunidade.
• Capacitar as equipes escolares e comunidade, oferecendo oficinas e/ou mini-cursos no laboratório.
• Capacitar alunos do ciclo II e EJA para atuarem como monitores do laboratório/laptops educacionais.


Ações:
• Garantia de horário semanal para formação de monitores.
• Disponibilização de horários semanais para uso livre para funcionários, sendo que na 5ª feira das 11h ás 11h50 e na
  sexta-feira das 13h às 13h50 com auxílio de uma das PAPEs.
• Disponibilização horário semanal para oficinas/cursos de informática para integrantes da comunidade (na 5ª feira das
  11h ás 11h50 e na sexta-feira das 13h às 13h50).
• Divulgar os horários destinados para o uso da comunidade (na reunião de pais, nos murais dentro da escola, no
  portão do lado de fora da escola e, posteriormente, pelo bairro.
• Levantar os conhecimentos prévios e interesses dos funcionários e comunidade.
• Planejar as etapas do trabalho a ser realizado com a comunidade.
• Divulgar o Projeto Monitoria em cartazes e nas salas de aula.
• Fazer inscrição dos alunos interessados e depois fazer a seleção.
• Realizar formações semanais.


Indicadores:
• Levantamento de interesses e necessidades
• Instrumento de divulgação das oficinas/cursos
• Listas de presença semanal
• Planejamento e registros das aulas e informativos
• Plano formativo dos monitores
• Registros diversos
• Fichas de inscrição (Monitoria)
• Grade de horário
• Inscrição e autorização dos pais (Monitoria)
• Presença dos monitores na formação
• Registro do uso e ocorrências em caderno próprio, quando houver uso autônomo.
  Manter o blog atualizado.
NCT - Núcleo de Ciência e Tecnologia
Estratégias:
• Estimular o trabalho com Educação Tecnológica e a Robótica Educacional na escola.
• Contribuir para o desenvolvimento de projetos relacionados à Ciência e à Tecnologia, visando garantir acesso ao
  conhecimento científico e tecnológico.


Metas:
• Elevar o número de professores que desenvolvem projetos relacionados à Ciência e à Tecnologia.
• Capacitar professores da unidade escolar para o trabalho com a Educação Tecnológica e a Robótica Educacional.
• Subsidiar os professores e disponibilizar material de apoio referente aos projetos.
• Elevar a frequência de atividades científicas, lúdicas e interativas oferecidas aos alunos da escola.
• Realizar trabalho com educação tecnológica e robótica.


Ações:
• Orientar, planejar e desenvolver o projeto junto aos alunos e professores.
• Divulgar trabalhos realizados.
• Realizar formações sobre Educação Tecnológica e Robótica Educacional.
Indicadores:
• Planejamento, registros das aulas e informativos.
• Registros das atividades de pesquisa, montagem e programação no laboratório.
•   Ata/registro das formações realizadas em HTPC.
• Materiais de divulgação de eventos relacionados à temática

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Formação cdp nov.2010
Formação cdp nov.2010Formação cdp nov.2010
Formação cdp nov.2010
Ádila Faria
 
12 o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
12  o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica12  o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
12 o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
juniorfuleragem
 

Mais procurados (17)

Formação cdp nov.2010
Formação cdp nov.2010Formação cdp nov.2010
Formação cdp nov.2010
 
Tecnologia curriculos 2015
Tecnologia curriculos 2015Tecnologia curriculos 2015
Tecnologia curriculos 2015
 
Laboratório de Informática Educativa
Laboratório de Informática EducativaLaboratório de Informática Educativa
Laboratório de Informática Educativa
 
Projeto informática
Projeto informáticaProjeto informática
Projeto informática
 
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental II
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental IIPlano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental II
Plano de Ação - Laboratório de Informática - Ensino Fundamental II
 
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas
Informática educativa 2022 - Projeto Metodologias Ativas e as TICs nas Escolas
 
Projeto Proinfo
Projeto ProinfoProjeto Proinfo
Projeto Proinfo
 
Atribuicoes cli
Atribuicoes cliAtribuicoes cli
Atribuicoes cli
 
Banner pibid ii feira de integração
Banner pibid ii feira de integraçãoBanner pibid ii feira de integração
Banner pibid ii feira de integração
 
CONCEÇÕES E EXPECTATIVAS DE PROFESSORES E EDUCADORES DE INFÂNCIA A PROPÓSITO ...
CONCEÇÕES E EXPECTATIVAS DE PROFESSORES E EDUCADORES DE INFÂNCIA A PROPÓSITO ...CONCEÇÕES E EXPECTATIVAS DE PROFESSORES E EDUCADORES DE INFÂNCIA A PROPÓSITO ...
CONCEÇÕES E EXPECTATIVAS DE PROFESSORES E EDUCADORES DE INFÂNCIA A PROPÓSITO ...
 
Plano de Ação LIE 2011
Plano de Ação LIE 2011Plano de Ação LIE 2011
Plano de Ação LIE 2011
 
Planejamento e atividades com uso das TDIC - NTE0Regional/MS
Planejamento e atividades com uso das TDIC - NTE0Regional/MSPlanejamento e atividades com uso das TDIC - NTE0Regional/MS
Planejamento e atividades com uso das TDIC - NTE0Regional/MS
 
12 o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
12  o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica12  o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
12 o uso do laboratório de informática como ferramenta pedagógica
 
/Home/professor/desktop/apresentacao do curso1 100h
/Home/professor/desktop/apresentacao do curso1 100h/Home/professor/desktop/apresentacao do curso1 100h
/Home/professor/desktop/apresentacao do curso1 100h
 
A PresentaçãO Do Nte
A PresentaçãO Do NteA PresentaçãO Do Nte
A PresentaçãO Do Nte
 
Nosso nte
Nosso nteNosso nte
Nosso nte
 
Apresentação nte pwlb
Apresentação nte pwlbApresentação nte pwlb
Apresentação nte pwlb
 

Semelhante a Plano de trabalho pape 2012

Impacto das tic na formação de educadores brasileiros
Impacto das tic na formação de educadores brasileirosImpacto das tic na formação de educadores brasileiros
Impacto das tic na formação de educadores brasileiros
rositalima
 
TDICs na rede municipal de SBC
TDICs na rede municipal de SBCTDICs na rede municipal de SBC
TDICs na rede municipal de SBC
alinefaris
 
Apresentacao eproinfo curso2
Apresentacao eproinfo curso2Apresentacao eproinfo curso2
Apresentacao eproinfo curso2
nogcaritas
 
RelatóRio Crie Para Post
RelatóRio Crie Para PostRelatóRio Crie Para Post
RelatóRio Crie Para Post
Eduardo1
 
Slideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalSlideintroduoaeducaodigital
Slideintroduoaeducaodigital
marciom26
 
Slideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalSlideintroduoaeducaodigital
Slideintroduoaeducaodigital
Andrea DE Brito
 

Semelhante a Plano de trabalho pape 2012 (20)

Impacto das tic na formação de educadores brasileiros
Impacto das tic na formação de educadores brasileirosImpacto das tic na formação de educadores brasileiros
Impacto das tic na formação de educadores brasileiros
 
Guia de orientação nte
Guia de orientação nteGuia de orientação nte
Guia de orientação nte
 
TDICs na rede municipal de SBC
TDICs na rede municipal de SBCTDICs na rede municipal de SBC
TDICs na rede municipal de SBC
 
NTE-Regional-Reunião PROGETEC-2013
NTE-Regional-Reunião PROGETEC-2013NTE-Regional-Reunião PROGETEC-2013
NTE-Regional-Reunião PROGETEC-2013
 
Padde be
Padde bePadde be
Padde be
 
Wie2010formacaoucabethalmeida 100724142933-phpapp01 cópia
Wie2010formacaoucabethalmeida 100724142933-phpapp01 cópiaWie2010formacaoucabethalmeida 100724142933-phpapp01 cópia
Wie2010formacaoucabethalmeida 100724142933-phpapp01 cópia
 
Wie2010 Formacao UCA Beth Almeida
Wie2010 Formacao UCA Beth AlmeidaWie2010 Formacao UCA Beth Almeida
Wie2010 Formacao UCA Beth Almeida
 
Apresentacao eproinfo curso2
Apresentacao eproinfo curso2Apresentacao eproinfo curso2
Apresentacao eproinfo curso2
 
RelatóRio Crie Para Post
RelatóRio Crie Para PostRelatóRio Crie Para Post
RelatóRio Crie Para Post
 
Formação uca sp por beth almeida
Formação uca sp por beth almeidaFormação uca sp por beth almeida
Formação uca sp por beth almeida
 
Dulcemeire
DulcemeireDulcemeire
Dulcemeire
 
Oficina de formação
Oficina de formaçãoOficina de formação
Oficina de formação
 
Oficina de Formação
Oficina de FormaçãoOficina de Formação
Oficina de Formação
 
Formação
Formação Formação
Formação
 
Ojetivos projeto tepa
Ojetivos projeto tepaOjetivos projeto tepa
Ojetivos projeto tepa
 
Slideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalSlideintroduoaeducaodigital
Slideintroduoaeducaodigital
 
Slideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalSlideintroduoaeducaodigital
Slideintroduoaeducaodigital
 
Tecnologia na educação
Tecnologia na educaçãoTecnologia na educação
Tecnologia na educação
 
Cursos proinfo-nte-2017
Cursos proinfo-nte-2017Cursos proinfo-nte-2017
Cursos proinfo-nte-2017
 
1 apresentação do curso
1  apresentação do curso1  apresentação do curso
1 apresentação do curso
 

Mais de dalvanice (20)

Olimpiadas 2012
Olimpiadas 2012Olimpiadas 2012
Olimpiadas 2012
 
Alfabetização
AlfabetizaçãoAlfabetização
Alfabetização
 
Cordel 2011
Cordel 2011Cordel 2011
Cordel 2011
 
Rio
RioRio
Rio
 
Diretrizes e orientações sobre tdic na rede
Diretrizes e orientações sobre tdic na redeDiretrizes e orientações sobre tdic na rede
Diretrizes e orientações sobre tdic na rede
 
Paint
PaintPaint
Paint
 
Usando o hagáquê
Usando o hagáquêUsando o hagáquê
Usando o hagáquê
 
Criando um documento word
Criando um documento wordCriando um documento word
Criando um documento word
 
Releituras Romero Britto
Releituras Romero BrittoReleituras Romero Britto
Releituras Romero Britto
 
Ficha Técnica: Animais Marinhos - Projeto Ler e Escrever
Ficha Técnica: Animais Marinhos - Projeto Ler e EscreverFicha Técnica: Animais Marinhos - Projeto Ler e Escrever
Ficha Técnica: Animais Marinhos - Projeto Ler e Escrever
 
Joaninha
JoaninhaJoaninha
Joaninha
 
Aranhas
Aranhas  Aranhas
Aranhas
 
Conhecendo os netbooks 2º A Prof Eliane
Conhecendo os netbooks 2º A Prof ElianeConhecendo os netbooks 2º A Prof Eliane
Conhecendo os netbooks 2º A Prof Eliane
 
Parlendas 1º ano
Parlendas 1º anoParlendas 1º ano
Parlendas 1º ano
 
Agata nicole
Agata nicoleAgata nicole
Agata nicole
 
Clécio e pablo
Clécio e pablo Clécio e pablo
Clécio e pablo
 
Agnes e vitoria
Agnes e vitoriaAgnes e vitoria
Agnes e vitoria
 
Ana larissa
Ana larissaAna larissa
Ana larissa
 
Llucas e alisson
Llucas e alissonLlucas e alisson
Llucas e alisson
 
Parlenda 1º ano F do Ciclo I
Parlenda 1º ano F do Ciclo IParlenda 1º ano F do Ciclo I
Parlenda 1º ano F do Ciclo I
 

Último

TAMPINHAS Sílabas. Para fazer e trabalhar com as crianças.
TAMPINHAS Sílabas. Para fazer e trabalhar com as crianças.TAMPINHAS Sílabas. Para fazer e trabalhar com as crianças.
TAMPINHAS Sílabas. Para fazer e trabalhar com as crianças.
FLAVIA LEZAN
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
sfwsoficial
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
andreaLisboa7
 

Último (20)

Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
TAMPINHAS Sílabas. Para fazer e trabalhar com as crianças.
TAMPINHAS Sílabas. Para fazer e trabalhar com as crianças.TAMPINHAS Sílabas. Para fazer e trabalhar com as crianças.
TAMPINHAS Sílabas. Para fazer e trabalhar com as crianças.
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolarMODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdfSistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
Sistema de Acompanhamento - Diário Online 2021.pdf
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 

Plano de trabalho pape 2012

  • 1. EMEB MARCOS ROGÉRIO DA ROSA PLANO ANUAL DE TRABALHO – 2012 PAPES DALVANICE E SILVIA Diretrizes da Secretaria de Educação para o trabalho com as Tecnologias da Informação e Comunicação na rede de ensino: Integrar as novas Tecnologias digitais da Informação e Comunicação (TDIC) à Divulgar a Ciência e a Tecnologia Educação Desenvolver uma Cultura Digital em nossa rede de ensino
  • 2. Organização da Seção de Laboratório e Educação Tecnológica: NTE - Núcleo de Tecnologia Educacional: • Gerenciamento das ações formativas com os diferentes segmentos de profissionais da educação e da socialização de práticas com informática educacional, gerenciamento de projetos nos laboratórios e com os laptops educacionais. • Objetivo: Integrar as TDICs à Educação, promovendo a Cibercultura NID - Núcleo de Inclusão Digital: • Gerenciamento das ações para inclusão digital da comunidade escolar e comunidade e a democratização do acesso aos laboratórios de informática das escolas;. • Objetivo: Desenvolvimento de Cultura Digital na escola NCT - Núcleo de Ciência e Tecnologia: • Gerenciamento de projetos relacionados à experimentação científica, por meio da interação com a Exposição de Ciência e Tecnologia e do desenvolvimento de trabalhos com Educação Tecnológica e com a Robótica Educacional. • Objetivo: Divulgação da Ciência e Tecnologia
  • 3. NTE - Núcleo de Tecnologia Educacional: Estratégias: • Coordenar ações em TDICs na unidade escolar. • Elevar o conhecimento e a autonomia dos professores da unidade escolar uso das TDICs. • Divulgar as práticas educativas relacionadas às TDICs. • Estimular o uso contínuo dos ambientes colaborativos da rede para a prática da cooperação cultural dentro da unidade escolar. • Promover a comunidade da unidade escolar no ambiente colaborativo da rede (Entremeios) como veículo de comunicação rápido e interativo visando o enriquecimento das práticas educativas. • Oferecer subsídio e apoio para o uso dos recursos digitais no laboratório e em sala de aula com os laptops educacionais. Metas: • Participar dos HTPC para elaboração do planejamento. • Estabelecer parceria com as Coordenadoras Pedagógicas para as necessidades formativas do grupo em TDIC. • Realizar formações em HTPC de acordo com as necessidades formativas dos professores. • Estabelecer parcerias com as Coordenadoras Pedagógicas e professores para o desenvolvimento pedagógico do Programa Conect@. • Capacitar professores para o uso dos laptops educacionais e demais mídias digitais.
  • 4. • Realizar reuniões semanais com a equipe de gestão para discutir o uso das TDIC e possibilidades de aprimoramento do trabalho desenvolvido. • Realizar encontro para orientar a equipe escolar quanto aos procedimentos necessários para o uso do laboratório. • Elevar o número de professores que usam o laboratório autonomamente. • Elaborar guia de orientações para uso do laboratório, contendo procedimentos e senhas. • Auxiliar os professores da Educação de Jovens e Adultos durante as aulas e na oficina que é realizada no Laboratório de Informática às sextas-feiras. • Estabelecer e acompanhar ações no/s ambiente/s. • Gerenciar o blog da escola e divulgar os trabalhos realizados. Ações: • Participar dos momentos de planejamento dos professores. • Reunir semanalmente com a equipe gestora para discutirmos o uso das TDIC e planejamento das ações articuladas. • Realizar levantamento de necessidades formativas dos professores. • Discutir os resultados com a equipe de gestão e organizar calendário para as formações em HTPC. • Realizar formações em HTPC. • Disponibilização de horários semanal para agendamento com uso autônomo do laboratório e laptops educacionais. • Preparar material em PowerPoint e impresso com orientação para uso do laboratório. • Apresentar o material nas reuniões com a equipe gestora e depois em HTPC. • Auxiliar os professores durante a realização das oficinas da Educação de Jovens e Adultos. • Gerenciar o blog da escola e a comunidade da escola no Entremeios em parceria com o Coordenador Pedagógico.
  • 5. • Convidar os professores para socializar o trabalho realizado com suas turmas. • Apresentar o ambiente virtual colaborativo Entremeios e fazer a inscrição dos professores Indicadores: • Aulas com autonomia do professor • O uso do laboratório e laptops educacionais com autonomia • Planejamento das formações • Reunião realizada • Tabulação da pesquisa • Trabalhos do dia a dia • Grade de atendimentos no laboratório • Planejamento das classes • Registros diversos. • Registro/backup de arquivos utilizados para subsidiar a equipe docente para o trabalho com as mídias digitais • Levantamento de necessidades formativas (instrumento e dados tabulados) • Material de apoio (Backup de arquivos usados nas aulas/ formações) • Ata/registro das formações realizadas em HTPC • Acessos e postagens em ambientes virtuais (blog da escola e Entremeios) • Arquivos postados nos blogs (da escola ou de projetos) • Guia de Orientações (elaborado para uso autônomo do laboratório)
  • 6. NID - Núcleo de Inclusão digital Estratégias: • Promover o acesso dos professores, funcionários e comunidade aos laboratórios da unidade escolar. • Promover a inclusão digital aos membros da comunidade. • Incentivar os trabalhos com monitoria (ciclo II e Educação de Jovens e Adultos) e comunidade na unidade escolar. • Contribuir para inserção da equipe escolar na Cultura Digital. Metas: • Garantir acesso semanal ao laboratório pela equipe escolar e comunidade. • Capacitar as equipes escolares e comunidade, oferecendo oficinas e/ou mini-cursos no laboratório. • Capacitar alunos do ciclo II e EJA para atuarem como monitores do laboratório/laptops educacionais. Ações: • Garantia de horário semanal para formação de monitores. • Disponibilização de horários semanais para uso livre para funcionários, sendo que na 5ª feira das 11h ás 11h50 e na sexta-feira das 13h às 13h50 com auxílio de uma das PAPEs. • Disponibilização horário semanal para oficinas/cursos de informática para integrantes da comunidade (na 5ª feira das 11h ás 11h50 e na sexta-feira das 13h às 13h50).
  • 7. • Divulgar os horários destinados para o uso da comunidade (na reunião de pais, nos murais dentro da escola, no portão do lado de fora da escola e, posteriormente, pelo bairro. • Levantar os conhecimentos prévios e interesses dos funcionários e comunidade. • Planejar as etapas do trabalho a ser realizado com a comunidade. • Divulgar o Projeto Monitoria em cartazes e nas salas de aula. • Fazer inscrição dos alunos interessados e depois fazer a seleção. • Realizar formações semanais. Indicadores: • Levantamento de interesses e necessidades • Instrumento de divulgação das oficinas/cursos • Listas de presença semanal • Planejamento e registros das aulas e informativos • Plano formativo dos monitores • Registros diversos • Fichas de inscrição (Monitoria) • Grade de horário • Inscrição e autorização dos pais (Monitoria) • Presença dos monitores na formação • Registro do uso e ocorrências em caderno próprio, quando houver uso autônomo. Manter o blog atualizado.
  • 8. NCT - Núcleo de Ciência e Tecnologia Estratégias: • Estimular o trabalho com Educação Tecnológica e a Robótica Educacional na escola. • Contribuir para o desenvolvimento de projetos relacionados à Ciência e à Tecnologia, visando garantir acesso ao conhecimento científico e tecnológico. Metas: • Elevar o número de professores que desenvolvem projetos relacionados à Ciência e à Tecnologia. • Capacitar professores da unidade escolar para o trabalho com a Educação Tecnológica e a Robótica Educacional. • Subsidiar os professores e disponibilizar material de apoio referente aos projetos. • Elevar a frequência de atividades científicas, lúdicas e interativas oferecidas aos alunos da escola. • Realizar trabalho com educação tecnológica e robótica. Ações: • Orientar, planejar e desenvolver o projeto junto aos alunos e professores. • Divulgar trabalhos realizados. • Realizar formações sobre Educação Tecnológica e Robótica Educacional.
  • 9. Indicadores: • Planejamento, registros das aulas e informativos. • Registros das atividades de pesquisa, montagem e programação no laboratório. • Ata/registro das formações realizadas em HTPC. • Materiais de divulgação de eventos relacionados à temática