SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Baixar para ler offline
EB1 de Armação de Pêra
Biblioteca Escolar
Plano de Actividades
Ano lectivo 2010/2011
Domínio Subdomínio Acções/Actividades Intervenientes / Responsáveis Avaliação Calendarização Avaliação
A - Apoio
ao
Desenvolvi
mento
Curricular
A.1 - Articulação
Curricular da BE com as
Estruturas de
Coordenação Educativa e
Supervisão Pedagógica e
os Docentes:
A.1.1 - Cooperação da BE
com as estruturas de
coordenação educativa e
supervisão pedagógica da
escola/agrupamento.
A1.2 – Parceria da BE
com os docentes
responsáveis pelas áreas
A.1.1
- Colaborar com os
coordenadores de estabelecimento
de ensino, os conselhos de escola e
com os docentes titulares das turmas
com o objectivo de conhecer os
diferentes projectos curriculares e de
se envolver no planeamento das
respectivas actividades, estratégias e
recursos.
- Apresentar aos docentes sugestões
de trabalho conjunto em torno do
tratamento de diferentes unidades
de ensino ou temas.
- Apresentar a BE no início do ano e os
seus recursos.
A.1.2
- Contribuir para o enriquecimento
do trabalho de estudo
acompanhado/apoio ao estudo,
assegurando a inclusão da BE e dos
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma e
educadoras de infância.
- Alunos.
- Registos de
reuniões/contactos.
- Registos de projectos
desenvolvidos pela
BE.
- Referências à BE
nas planificações e
nos Projectos
Curriculares de Turma.
- Registos de
reuniões/contactos.
- Referências à BE
nas planificações e
nos Projectos
Curriculares de Turma.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Setembro
- Ao longo do ano
lectivo.
Direcção Regional de Educação do Algarve
Agrupamento Vertical de Escolas de Armação de Pêra
Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos Dr. António da Costa Contreiras ( 3 4 4 8 0 1 )
Escolas do Pré-Escolar de Armação de Pêra, Pêra e Alcantarilha e Escolas do 1º Ciclo de Armação de Pêra, Pêra e AlcantarilhaEscolas do Pré-Escolar de Armação de Pêra, Pêra e Alcantarilha e Escolas do 1º Ciclo de Armação de Pêra, Pêra e Alcantarilha
A - Apoio
ao
Desenvolvi
mento
Curricular
curriculares não
disciplinares (ACND) da
escola.
A.1.3 Articulação da BE
com os docentes
responsáveis pelos
serviços de apoios
especializados e
educativos (SAE) da
escola.
A.1.4 Ligação da BE ao
Plano Tecnológico da
Educação (PTE) e a
outros programas e
projectos curriculares de
acção, inovação
pedagógica e formação
existentes na escola.
seus recursos naquelas actividades.
- Organizar acções informais de
formação sobre a BE junto dos
docentes.
- Desenvolver actividades
relacionadas com as ACND ou
outros projectos de carácter
multidisciplinar, em
parceria com os docentes ou de forma
autónoma.
A.1.3
- Desenvolver actividades em parceria
com os docentes de
Educação Especial e Apoios Educativos.
Melhorar a colecção para se adequar a
este público.
A.1.4
- Apoiar e desenvolver actividades
curriculares e formativas
relacionadas com a utilização das
TIC.
- Difundir materiais produzidos neste
âmbito.
- Professores das ACND.
- Professora bibliotecária.
- Professores de Educação Especial e
Apoios Educativos.
- Professora bibliotecária.
Professora bibliotecária.
- Registos de reuniões
/contactos.
- Registos de reuniões
/contactos.
- Registos de
projectos.
- Registos de reuniões
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
A - Apoio
ao
Desenvolvi
mento
Curricular
A.1.5 Integração da BE
no plano de ocupação
dos tempos (OTE) da
escola.
A.1.6 Colaboração da BE
com os docentes na
concretização das
actividades curriculares
desenvolvidas no espaço
da BE ou tendo por base
os seus recursos.
A.2 Promoção das
Literacias da Informação,
A.1.5
- Dinamizar sessões de promoção da
leitura, actividades de estudo, pesquisa
orientada ou outras actividades de
substituição.
Dinamizar a “Hora do Conto”.
A.1.6
- Produzir ou colaborar, com os
docentes na elaboração de materiais
didácticos,
webquests, guiões de pesquisa,
orientadores de leitura, maletas
pedagógicas,
fichas de trabalho e outros materiais
formativos e de apoio às diferentes
actividades.
- Auxiliar no
acompanhamento de
grupos/turmas/alunos em trabalho
orientado na BE.
- Divulgar os materiais produzidos.
A.2.1
- Realizar acções de formação de
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma e das
AEC.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma.
- Alunos.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma e das
/contactos.
- Plano de Actividades
da BE.
- Registos de
reuniões/contactos.
- Registos de
Projectos.
- Materiais de apoio
produzidos e editados.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
A - Apoio
ao
Desenvolvi
mento
Curricular
A - Apoio
Tecnológica e Digital.
A.2.1 Organização de
actividades de formação
de utilizadores na escola.
A.2.2 Promoção do
ensino em contexto de
competências de
informação da escola.
A.2.3 Promoção do
ensino em contexto de
competências
tecnológicas e digitais na
escola.
A.2.4 Impacto da BE nas
competências
tecnológicas, digitais e de
utilizadores.
- Produzir materiais de apoio à formação
de utilizadores.
A.2.2
- Fazer um levantamento nos currículos
das competências de informação por área
curricular.
- Desenvolver um Programa de Literacia
da Informação.
- Implementar um modelo de pesquisa de
informação.
- Produzir materiais de apoio.
- Organizar e participar em
actividades de formação para alunos no
domínio da
literacia tecnológica e digital, utilizando o
computador Magalhães.
- Produzir materiais informativos.
- Apoiar os utilizadores
na selecção e utilização de recursos
electrónicos e media, de acordo com
as suas necessidades.
A.2.4
- Utilização de ferramentas Web de forma
AEC.
– Alunos.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma.
- Professora bibliotecária.
- Professores.
- Alunos.
- Professora bibliotecária.
- Plano de Actividades
da BE.
- Registos de
reuniões/planificação
das actividades.
- Materiais de apoio
produzidos e editados.
- Observação da
utilização da BE.
- Referências à BE no
Projecto Educativo e
Curricular do
Agrupamento.
- Referências à BE
nos Projectos
Curriculares de Turma.
- Projectos
desenvolvidos com
professores ou/e
alunos.
- Observação da
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
ao
Desenvolvi
mento
Curricular
B-Leitura
e Literacia
informação dos alunos na
escola.
A.2.5 Impacto da BE no
desenvolvimento de
valores e atitudes
indispensáveis à
formação da cidadania e
à aprendizagem ao longo
da vida.
B.1 Trabalho da BE ao
serviço da promoção da
leitura na escola.
articulada e transversal em actividades a
realizar na BE e/ou a disponibilizar por
esta.
A.2.5
- Formar dois novos monitores para a BE.
- Reformular e difundir o Guia do
utilizador.
B1
- Incentivar o empréstimo domiciliário.
- Avaliar a colecção com vista a adequá-
la aos utilizadores.
- Utilizar diversas fontes de informação
para difusão de materiais de interesse
para os utilizadores.
- Colaborar em acções e actividades
propostas pelo PNL.
- Envolver os pais e encarregados de
- Professora bibliotecária.
- Alunos monitores.
- Encarregados de Educação.
- Professores.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma.
- Auxiliares de Acção Educativa.
- Pais e Encarregados de Educação.
utilização da BE.
- Trabalhos escolares
dos alunos.
- Estatísticas de
utilização da BE.
- Questionários.
- Regimento da BE.
- Estatísticas de
requisição/uso de
recursos de
informação
relacionados com a
leitura.
- Estatísticas de
utilização informal da
BE.
- Estatísticas de
utilização da BE para
actividades de leitura
programada/articulada
com outros docentes.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
B-Leitura
e Literacia
B.2 Integração da BE nas
estratégias e programas
de leitura ao nível da
escola.
B.3 Impacto do trabalho
da BE nas atitudes e
competências dos alunos,
no âmbito da leitura e da
literacia.
educação em actividades como:
Feira do Livro, Feira do Livro Usado e
Semana da Leitura.
- Elaborar e divulgar “guias de leitura em
casa”.
- Divulgar novidades literárias.
B2
- Conhecer os livros recomendados para
cada nível de ensino (desde a pré- escola
ao 4º ano de escolaridade).
- Elaborar uma planificação para a
concretização do PNL.
- Produzir materiais de apoio.
Promover a articulação da
leitura com os
docentes, com a BM ou outras
instituições.
- Possibilitar a existência de
ambientes de leitura ricos e
diversificados, fornecendo livros e
outros recursos às salas de aula.
- Difundir informação sobre
livros e autores, organizar guiões de
leitura, bibliografias e outros
materiais de apoio relacionados com
matérias de interesse curricular ou
formativo.
B.3
- Melhorar as ofertas de actividades de
promoção da leitura e de apoio ao
desenvolvimento de competências no
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma.
- Alunos.
- Registos de projectos
desenvolvidos no
âmbito da promoção
da leitura.
- Questionários.
- Projectos e
actividades comuns
desenvolvidas neste
âmbito.
- Materiais de apoio
produzidos e editados.
- Estatísticas de
utilização da BE para
actividades de leitura.
- Estatística de
requisição domiciliária.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
C-
Projectos,
parcerias
e
actividade
s livres e
de
abertura à
Comunida
de
C.1 Apoio a actividades
livres, extra-curriculares e
de enriquecimento
curricular.
C.1.1 Apoio à aquisição e
desenvolvimento de
métodos de trabalho e de
estudo autónomos.
C.1.2 Dinamização de
actividades livres, de
carácter lúdico e cultural
na escola.
C.1.3 Apoio à utilização
autónoma e voluntária da
BE como espaço de lazer
e livre fruição dos
recursos.
âmbito da leitura e da literacia.
- Fazer levantamentos de interesses e
necessidades dos alunos e professsores
neste âmbito.
C.1.1
- Apoio a actividades livres de leitura,
pesquisa, estudo e execução de trabalhos
escolares dos alunos.
C.1.2
- Apoiar e desenvolver as iniciativas de
caractér cultural e lúdico:
.Ciclo de Cinema;
. Desafio Literário;
. Celebração de efemérides;
. Concursos;
. Oficinas e Desafios;
. Tarde de Jogos;
. Autor do mês;
. Dia do Livro.
- Divulgar o programa e animação
cultural a toda a comunidade educativa.
C.1.3
Disponibilizar um horário adequado às
necessidades dos utilizadores.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma.
- Alunos.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma.
- Alunos.
- Auxiliares de acção educativa.
- Comunidade educativa.
- Professora bibliotecária.
- Observação de
utilização da BE.
- Trabalhos realizados
pelos alunos.
- Questionários.
- Horário da BE.
- Observação de
utilização da BE.
- Questionário aos
alunos.
- Plano de Actividades
da BE.
- Registos sobre a
preparação, o
desenrolar e avaliação
das actividades.
- Questionário aos
alunos.
- Horário da BE.
- Observação de
utilização da BE.
- Estatística de
utilização da BE.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
C-
Projectos,
parcerias
e
actividade
s livres e
de
abertura à
Comunida
de
C-
Projectos,
parcerias
e
actividade
s livres e
de
C.1.4 Disponibilização de
espaços, tempos e
recursos para a iniciativa
e intervenção livre dos
alunos.
C.1.5 Apoio às
actividades de
enriquecimento curricular
(AEC),
conciliando-as com a
utilização livre
da BE.
C.2.1 Envolvimento da BE
em projectos da
respectiva escola ou
desenvolvidos em
parceria, a nível local ou
mais amplo.
C.2.2 Desenvolvimento
de trabalho e serviços
colaborativos com outras
escolas, agrupamentos e
BE.
C.1.4
- Incentivar e divulgar mais o trabalho
realizado pelos alunos no contexto da BE.
C.1.5
- Colaborar directamente com os
docentes das AEC com a disponibilização
de espaço, horário e meios.
C.2.1
- Dinamização de comemorações:
. Dia Mundial das Bibliotecas
Escolares;
.Dia Mundial da Linguagem
Gestual;
. Dia Mundial da Poesia;
. Dia Mundial do Livro;
. Dia Mundial do Autor Português;
.Semana da Leitura.
- Participação em eventos dinamizados
pela escola/agrupamento.
C.2.2
- Promover o empréstimo inter-escolas e
com a biblioteca municipal.
- Professora bibliotecária.
Professores das AEC.
- Professora bibliotecária.
- Professores titulares de turma.
- Alunos.
- Professora bibliotecária.
- Resultados de
avaliação da colecção.
- Registos sobre
actividades/projectos
promovidos pelos
alunos.
- Plano de Actividades
da BE.
- Registos de
reuniões/contactos.
- Estatística de
utilização BE.
- Plano de Actividades
da BE.
- Registos sobre os
projectos.
- Estatística de
utilização da BE.
- Registos sobre
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
abertura à
Comunida
de C.2.3 Participação com
outras
escolas/agrupamentos e,
eventualmente, com
outras entidades
(RBE, DRE, CFAE) em
reuniões da
BM/SABE ou outro grupo
de trabalho
a nível concelhio ou
interconcelhio.
C.2.4. Estímulo à
participação e
mobilização dos
pais/encarregados de
educação no domínio da
promoção
da leitura e do
desenvolvimento de
competências das
crianças e jovens
que frequentam a
escola/agrupamento.
- Incentivar a visita de todas as turmas à
biblioteca da escola sede do
agrupamento e à Biblioteca Municipal.
C.2.3
- Participar nas reuniões de trabalho
concelhias.
C.2.4
- Produzir materiais formativos e de apoio
destinados aos pais e encarregados de
educação.
- BMS.
- Professores bibliotecários do
GTBSilves.
- Professores titulares de turma.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Pais e encarregados de educação.
actividades/projectos
desenvolvidos pela BE
envolvendo outras
escolas.
- Estatísticas de
empréstimos inter-
bibliotecas ou inter-
escolas.
- Plano de Actividades
da BE.
- Registos de
reuniões/contactos.
- Materiais de apoio
produzidos e editados
em cooperação.
- Ferramentas de
informação e
comunicação
utilizadas.
- Estatísticas de
empréstimo inter-
bibliotecas.
Registos de frequência
da BE por
pais/encarregados de
educação com as
crianças.
- Registos de
reuniões/contactos.
- Materiais de apoio
produzidos e editados.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
D- Gestão
da BE
D- Gestão
da BE
D.1 Articulação da BE
com a
Escola/Agrupamento.
Acesso e serviços
prestados pela BE
D.1.1 Integração/acção
da BE na
escola/agrupamento.
D.1.2 Valorização da BE
pelos órgãos
de direcção,
administração e gestão
da escola/agrupamento.
D.1.3 Resposta da BE às
necessidades
da escola/agrupamento.
D.1.1
- O plano anual de actividades da
BE relaciona-se, em termos de
objectivos operacionais, com o apoio
ao currículo, com o plano anual de
actividades da escola e com outros
projectos em desenvolvimento.
D.1.2
- Manter um diálogo constante com o
Director.
- Ser proactivo e sugerir projectos e
actividades junto dos conselhos de escola
e de docentes.
- Elaborar um Plano de Marketing.
D.1.3
- Garantir a abertura da BE num
horário alargado.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Referência à BE na
documentação
institucional que define
os objectivos e regula
o funcionamento da
escola.
- Documentos que
regem a BE.
- Registos de
reuniões/contactos.
- Documentos de
gestão da BE.
Registos de projectos
de articulação.
- Horário da BE.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
Outubro.
- Ao longo do ano
D- Gestão
da BE
D.1.4 Avaliação da BE na
escola/agrupamento.
D.2. Condições humanas
e materiais para a
prestação dos serviços.
D.2.1 Liderança do
professor
bibliotecário na
escola/agrupamento.
D.2.2 Adequação dos
- Criar condições de acolhimento e
um ambiente propício à fruição do
espaço e ao estudo e pesquisa/uso da
informação.
- Apoiar os utilizadores no acesso na
procura e produção da informação,
incentivando uma cultura de acesso e
uso da BE e dos recursos.
D.1.4
- Implementar um sistema de auto-
avaliação contínuo.
- Adoptar e aplicar instrumentos de
recolha de informação.
- Alterar práticas de acordo com a
identificação dos pontos fortes e fracos.
- Divulgar os resultados obtidos.
D.2.1
- Realizar um trabalho articulado com
todos os docentes.
- Garantir igualdade de condições no
acesso aos recursos de informação e
actividades que facultem o apoio ao
currículo e a formação para diferentes
literacias.
- Realizar sistematicamente
- Equipa da BE.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Professores e educadores.
- Estatísticas de
ocupação da BE.
- Registos de
actividades
promovidas pela BE.
- Questionários.
- Caixa de sugestões.
- Registos de
observação,
questionários,
entrevistas ou outros
realizados no âmbito
da avaliação interna
da BE.
- Excertos de
documentação e
relatórios relativos ao
funcionamento da BE.
- Autoavaliação da
professora
bibliotecária.
- Questionário aos
professores.
- Registos de trabalho
articulado com os
professores.
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
D- Gestão
da BE
recursos
humanos às
necessidades
funcionamento da BE na
escola/agrupamento.
D.2.3 Adequação da BE
em termos de
espaço às necessidades
da
escola/agrupamento.
D.2.4 Adequação dos
computadores e
equipamentos
tecnológicos ao
trabalho da BE e dos
utilizadores na
escola/agrupamento.
D.3 Gestão da
Colecção/da informação
D.3.1 Planeamento/
gestão da
colecção de acordo com a
inventariação das
necessidades
curriculares e dos
utilizadores da
contactos/reuniões formais e informais
com os docentes.
D.2.2
- Inventariar as necessidades da BE.
- Assegurar condições de
funcionamento às BE do
agrupamento e serviços de biblioteca
a todas as escolas.
- Aprofundar conhecimentos pessoais.
D.2.3
- Solicitar apoio técnico junto dos
serviços competentes.
- Reorganizar espaços.
D.2.4
- Aprofundar a ligação com a equipa de
PTE.
- Inventariar necessidades em
termos de número, actualização ou
de reparação técnica dos
equipamentos.
D.3.1
- Avaliar a colecção anualmente.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Coordenador de PTE do
Agrupamento.
- Registos de projectos
desenvolvidos pela
BE.
- Currículo profissional
da professora
bibliotecária.
- Horário da equipa.
- Questionário aos
professores.
- Documentos
caracterizadores da
BE (plantas,
inventários…).
- Registos de
observação do
funcionamento.
- Questionários.
- Inventário do material
existente.
- Questionários.
- Documentação que
define o
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
D- Gestão
da BE
escola/agrupamento.
D.3.2 Adequação dos
livros e de
outros recursos de
informação (no
local e online) às
necessidades
curriculares e aos
interesses dos
utilizadores na
escola/agrupamento.
D.3.3 Uso da colecção
pelos
utilizadores da
escola/agrupamento.
D.3.4 Organização da
informação.
Informatização da
colecção.
D.3.5 Difusão da
informação
D.3.2
- Detectar os pontos fracos da
colecção e reforçar as áreas com
carências identificadas.
- Consultar os docentes para sugestões
de títulos a adquirir.
- Sugerir fontes de financiamento ao
órgão de administração e gestão e
solicitar uma verba anual que reforce
as áreas da colecção que
apresentem maiores carências.
D.3.3
- Promover a circulação e empréstimos
do fundo documental entre BE/escolas.
- Alargar o empréstimo domiciliário.
D.3.4
- Incluir na colecção recursos online
acessíveis através da página Web da
biblioteca, de uma intranet ou de outro
dispositivo online.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Professores e educadoras de
Infância do Agrupamento.
- Professora bibliotecária.
- Professora bibliotecária.
- Professores.
desenvolvimento da
colecção - “Política de
Gestão da Colecção”.
- Registos de
relatórios.
- Checklist.
- Resultados da
avaliação da colecção.
- Estatísticas de
empréstimo.
- Registos de
requisição pelos
professores.
- Questionários.
- Caixa de sugestões.
- Estatísticas de
empréstimos.
- Questionários.
- Checklist.
- Ambientes, recursos
e ferramentas Web
disponibilizados neste
âmbito e usados pelos
utilizadores.
- Checklist.
- Maio/Junho.
- Setembro e
Junho.
- Ao longo do ano
lectivo.
- Ao longo do
ano lectivo.
- Ao longo do ano
lectivo.
D.3.5
- Definir e implementar uma
estratégia de promoção e de difusão
da informação.
- Criar as condições tecnológicas e
materiais necessárias.
- Aproveitar as possibilidades da
WEB e recorrer aos novos
dispositivos para produzir, difundir e
comunicar a informação.
- Professora bibliotecária.
- Documentos/
instrumentos em
diferentes formatos.
- Checklist.
- Ao longo do ano
lectivo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

4 relatorio-de-avaliacao2018-2019
4 relatorio-de-avaliacao2018-20194 relatorio-de-avaliacao2018-2019
4 relatorio-de-avaliacao2018-2019antoniojosetavares
 
Plano atividades 14 15
Plano atividades 14 15Plano atividades 14 15
Plano atividades 14 15gracabib
 
Plano de Melhoria das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas nº 1 de...
Plano de Melhoria das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas nº 1 de...Plano de Melhoria das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas nº 1 de...
Plano de Melhoria das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas nº 1 de...bepedronunes
 
6 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2019-20
6 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2019-206 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2019-20
6 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2019-20antoniojosetavares
 
3 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2017-18
3 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2017-183 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2017-18
3 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2017-18antoniojosetavares
 
1 relatorio-de-avaliacao2016-2017
1 relatorio-de-avaliacao2016-20171 relatorio-de-avaliacao2016-2017
1 relatorio-de-avaliacao2016-2017antoniojosetavares
 

Mais procurados (17)

4 relatorio-de-avaliacao2018-2019
4 relatorio-de-avaliacao2018-20194 relatorio-de-avaliacao2018-2019
4 relatorio-de-avaliacao2018-2019
 
4 plano de melhoria 2015-2016
4 plano de melhoria 2015-20164 plano de melhoria 2015-2016
4 plano de melhoria 2015-2016
 
Plano atividades 14 15
Plano atividades 14 15Plano atividades 14 15
Plano atividades 14 15
 
3 avaliacao2014-2015
3 avaliacao2014-20153 avaliacao2014-2015
3 avaliacao2014-2015
 
1 avaliacao2012-2013
1 avaliacao2012-20131 avaliacao2012-2013
1 avaliacao2012-2013
 
2 plano-de-melhoria-2017-2018
2 plano-de-melhoria-2017-20182 plano-de-melhoria-2017-2018
2 plano-de-melhoria-2017-2018
 
Plano de Melhoria das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas nº 1 de...
Plano de Melhoria das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas nº 1 de...Plano de Melhoria das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas nº 1 de...
Plano de Melhoria das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas nº 1 de...
 
5 plano-de-melhoria-2019-2020
5 plano-de-melhoria-2019-20205 plano-de-melhoria-2019-2020
5 plano-de-melhoria-2019-2020
 
SessãO 3 Tarefa 2
SessãO 3   Tarefa 2SessãO 3   Tarefa 2
SessãO 3 Tarefa 2
 
6 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2019-20
6 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2019-206 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2019-20
6 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2019-20
 
Grelha paa be
Grelha paa beGrelha paa be
Grelha paa be
 
3 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2017-18
3 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2017-183 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2017-18
3 relatorio-de-execucao-do-plano-de-melhoria-2017-18
 
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Atividades da Biblioteca EscolarPlano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
 
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
 
PAA BE AEMS 17.18
PAA BE AEMS 17.18PAA BE AEMS 17.18
PAA BE AEMS 17.18
 
Mabe 2011
Mabe 2011Mabe 2011
Mabe 2011
 
1 relatorio-de-avaliacao2016-2017
1 relatorio-de-avaliacao2016-20171 relatorio-de-avaliacao2016-2017
1 relatorio-de-avaliacao2016-2017
 

Semelhante a Promoção da leitura e literacia na biblioteca escolar

Plano de acção ave leça-santa cruz do bispo
Plano de acção ave leça-santa cruz do bispoPlano de acção ave leça-santa cruz do bispo
Plano de acção ave leça-santa cruz do bispoBiblioleca
 
PAA BECRE 2013.2014 agrupamento de escolas josé Silvestre Ribeiro
PAA BECRE  2013.2014 agrupamento de escolas josé Silvestre RibeiroPAA BECRE  2013.2014 agrupamento de escolas josé Silvestre Ribeiro
PAA BECRE 2013.2014 agrupamento de escolas josé Silvestre RibeiroDores Pinto
 
Tabela sessao mod._escola-_trab_1_1_
Tabela sessao mod._escola-_trab_1_1_Tabela sessao mod._escola-_trab_1_1_
Tabela sessao mod._escola-_trab_1_1_candidamatos
 
Tabela sessao mod._escola-_trab_1
Tabela sessao mod._escola-_trab_1Tabela sessao mod._escola-_trab_1
Tabela sessao mod._escola-_trab_1mariasalgueiro
 
Paa 2014 2015-bibliotecas_escolares
Paa 2014 2015-bibliotecas_escolaresPaa 2014 2015-bibliotecas_escolares
Paa 2014 2015-bibliotecas_escolaresRisoleta Montez
 
Plano de Ação da BMM
Plano de Ação da BMMPlano de Ação da BMM
Plano de Ação da BMMBibliosaberes
 
Biblioteca EB1 Mãe Soberana - Auto avaliação - Dominio A - 2010/2011
Biblioteca EB1 Mãe Soberana -  Auto avaliação - Dominio A - 2010/2011Biblioteca EB1 Mãe Soberana -  Auto avaliação - Dominio A - 2010/2011
Biblioteca EB1 Mãe Soberana - Auto avaliação - Dominio A - 2010/2011Biblioteca Mãe Soberana
 
Plano%20 de%20actividades%202010 2011%20-%20para%20integrar%20informação[2]
Plano%20 de%20actividades%202010 2011%20-%20para%20integrar%20informação[2]Plano%20 de%20actividades%202010 2011%20-%20para%20integrar%20informação[2]
Plano%20 de%20actividades%202010 2011%20-%20para%20integrar%20informação[2]bibliotecaesla
 
Paa be 2012 2013(geral)
Paa be 2012 2013(geral)Paa be 2012 2013(geral)
Paa be 2012 2013(geral)cristinaplaza
 
Tabela análise à situação da be
Tabela   análise à situação da beTabela   análise à situação da be
Tabela análise à situação da beisabelsilvareis
 
Oficina%20 Forma%C3%87%C3%83 O%20 %20 Teresa%20 Semedo[1]
Oficina%20 Forma%C3%87%C3%83 O%20 %20 Teresa%20 Semedo[1]Oficina%20 Forma%C3%87%C3%83 O%20 %20 Teresa%20 Semedo[1]
Oficina%20 Forma%C3%87%C3%83 O%20 %20 Teresa%20 Semedo[1]Teresa Semedo
 
ApresentaçãO Cp E Projectos
ApresentaçãO Cp E ProjectosApresentaçãO Cp E Projectos
ApresentaçãO Cp E Projectoseva.fabia
 

Semelhante a Promoção da leitura e literacia na biblioteca escolar (20)

Workshop parte IV
Workshop parte IVWorkshop parte IV
Workshop parte IV
 
Tabela sessao mod._esc...
Tabela sessao mod._esc...Tabela sessao mod._esc...
Tabela sessao mod._esc...
 
Plano de acção ave leça-santa cruz do bispo
Plano de acção ave leça-santa cruz do bispoPlano de acção ave leça-santa cruz do bispo
Plano de acção ave leça-santa cruz do bispo
 
PAA BECRE 2013.2014 agrupamento de escolas josé Silvestre Ribeiro
PAA BECRE  2013.2014 agrupamento de escolas josé Silvestre RibeiroPAA BECRE  2013.2014 agrupamento de escolas josé Silvestre Ribeiro
PAA BECRE 2013.2014 agrupamento de escolas josé Silvestre Ribeiro
 
Tabela sessao mod._escola-_trab_1_1_
Tabela sessao mod._escola-_trab_1_1_Tabela sessao mod._escola-_trab_1_1_
Tabela sessao mod._escola-_trab_1_1_
 
Tabela sessao mod._escola-_trab_1
Tabela sessao mod._escola-_trab_1Tabela sessao mod._escola-_trab_1
Tabela sessao mod._escola-_trab_1
 
Paa 2014 2015-bibliotecas_escolares
Paa 2014 2015-bibliotecas_escolaresPaa 2014 2015-bibliotecas_escolares
Paa 2014 2015-bibliotecas_escolares
 
Ppt Mav SessãO3
Ppt Mav SessãO3Ppt Mav SessãO3
Ppt Mav SessãO3
 
Plano de avaliação
Plano de avaliaçãoPlano de avaliação
Plano de avaliação
 
Plano de Ação da BMM
Plano de Ação da BMMPlano de Ação da BMM
Plano de Ação da BMM
 
Biblioteca EB1 Mãe Soberana - Auto avaliação - Dominio A - 2010/2011
Biblioteca EB1 Mãe Soberana -  Auto avaliação - Dominio A - 2010/2011Biblioteca EB1 Mãe Soberana -  Auto avaliação - Dominio A - 2010/2011
Biblioteca EB1 Mãe Soberana - Auto avaliação - Dominio A - 2010/2011
 
Plano%20 de%20actividades%202010 2011%20-%20para%20integrar%20informação[2]
Plano%20 de%20actividades%202010 2011%20-%20para%20integrar%20informação[2]Plano%20 de%20actividades%202010 2011%20-%20para%20integrar%20informação[2]
Plano%20 de%20actividades%202010 2011%20-%20para%20integrar%20informação[2]
 
Paa be 2012 2013(geral)
Paa be 2012 2013(geral)Paa be 2012 2013(geral)
Paa be 2012 2013(geral)
 
Tabela análise à situação da be
Tabela   análise à situação da beTabela   análise à situação da be
Tabela análise à situação da be
 
Pb trabalhosunid1
Pb trabalhosunid1Pb trabalhosunid1
Pb trabalhosunid1
 
Autoavaliacao da biblioteca escolar 2009/2010
Autoavaliacao da biblioteca escolar 2009/2010Autoavaliacao da biblioteca escolar 2009/2010
Autoavaliacao da biblioteca escolar 2009/2010
 
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Atividades da Biblioteca EscolarPlano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar
 
Oficina%20 Forma%C3%87%C3%83 O%20 %20 Teresa%20 Semedo[1]
Oficina%20 Forma%C3%87%C3%83 O%20 %20 Teresa%20 Semedo[1]Oficina%20 Forma%C3%87%C3%83 O%20 %20 Teresa%20 Semedo[1]
Oficina%20 Forma%C3%87%C3%83 O%20 %20 Teresa%20 Semedo[1]
 
ApresentaçãO Cp E Projectos
ApresentaçãO Cp E ProjectosApresentaçãO Cp E Projectos
ApresentaçãO Cp E Projectos
 
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar 2013/2014
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar 2013/2014Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar 2013/2014
Plano Anual de Atividades da Biblioteca Escolar 2013/2014
 

Mais de bibliotecap

Alfabeto, vogais e fonoema grafema
Alfabeto, vogais e fonoema grafemaAlfabeto, vogais e fonoema grafema
Alfabeto, vogais e fonoema grafemabibliotecap
 
Folheto ler em família
Folheto ler em famíliaFolheto ler em família
Folheto ler em famíliabibliotecap
 
Coelhinho criativo-ideias
Coelhinho criativo-ideiasCoelhinho criativo-ideias
Coelhinho criativo-ideiasbibliotecap
 
Projeto metros de leitura se os bichos- grelha avaliação
Projeto metros de leitura  se os bichos- grelha avaliaçãoProjeto metros de leitura  se os bichos- grelha avaliação
Projeto metros de leitura se os bichos- grelha avaliaçãobibliotecap
 
Diário de pesquisa
Diário de pesquisaDiário de pesquisa
Diário de pesquisabibliotecap
 
Critérios de avaliação
Critérios de avaliaçãoCritérios de avaliação
Critérios de avaliaçãobibliotecap
 
Organizar a pesquisa
Organizar a pesquisaOrganizar a pesquisa
Organizar a pesquisabibliotecap
 
Corre, corre cabacinha
Corre, corre cabacinhaCorre, corre cabacinha
Corre, corre cabacinhabibliotecap
 
Boletim fevereiro 13 14
Boletim fevereiro 13 14Boletim fevereiro 13 14
Boletim fevereiro 13 14bibliotecap
 
Educação sexual 2.º ciclo a
Educação sexual 2.º ciclo aEducação sexual 2.º ciclo a
Educação sexual 2.º ciclo abibliotecap
 
Educação sexual 2.º ciclo a
Educação sexual 2.º ciclo aEducação sexual 2.º ciclo a
Educação sexual 2.º ciclo abibliotecap
 
O mundo está cheio de bebés 3º ano
O mundo está cheio de bebés 3º anoO mundo está cheio de bebés 3º ano
O mundo está cheio de bebés 3º anobibliotecap
 

Mais de bibliotecap (20)

Alfabeto, vogais e fonoema grafema
Alfabeto, vogais e fonoema grafemaAlfabeto, vogais e fonoema grafema
Alfabeto, vogais e fonoema grafema
 
Apresentação3
Apresentação3Apresentação3
Apresentação3
 
Apresentação4
Apresentação4Apresentação4
Apresentação4
 
Folheto ler em família
Folheto ler em famíliaFolheto ler em família
Folheto ler em família
 
Folheto 2
Folheto 2Folheto 2
Folheto 2
 
Folheto 1
Folheto 1Folheto 1
Folheto 1
 
Coelhinho criativo-ideias
Coelhinho criativo-ideiasCoelhinho criativo-ideias
Coelhinho criativo-ideias
 
Quiz ines
Quiz inesQuiz ines
Quiz ines
 
Projeto metros de leitura se os bichos- grelha avaliação
Projeto metros de leitura  se os bichos- grelha avaliaçãoProjeto metros de leitura  se os bichos- grelha avaliação
Projeto metros de leitura se os bichos- grelha avaliação
 
Ouvir e ler
Ouvir e lerOuvir e ler
Ouvir e ler
 
Diário de pesquisa
Diário de pesquisaDiário de pesquisa
Diário de pesquisa
 
Critérios de avaliação
Critérios de avaliaçãoCritérios de avaliação
Critérios de avaliação
 
Organizar a pesquisa
Organizar a pesquisaOrganizar a pesquisa
Organizar a pesquisa
 
Ouvir e ler
Ouvir e lerOuvir e ler
Ouvir e ler
 
Entrevista
EntrevistaEntrevista
Entrevista
 
Corre, corre cabacinha
Corre, corre cabacinhaCorre, corre cabacinha
Corre, corre cabacinha
 
Boletim fevereiro 13 14
Boletim fevereiro 13 14Boletim fevereiro 13 14
Boletim fevereiro 13 14
 
Educação sexual 2.º ciclo a
Educação sexual 2.º ciclo aEducação sexual 2.º ciclo a
Educação sexual 2.º ciclo a
 
Educação sexual 2.º ciclo a
Educação sexual 2.º ciclo aEducação sexual 2.º ciclo a
Educação sexual 2.º ciclo a
 
O mundo está cheio de bebés 3º ano
O mundo está cheio de bebés 3º anoO mundo está cheio de bebés 3º ano
O mundo está cheio de bebés 3º ano
 

Último

atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
8 ano - Congruência e Semelhança e Angulos em Triangulos.ppt
8 ano - Congruência e Semelhança e  Angulos em Triangulos.ppt8 ano - Congruência e Semelhança e  Angulos em Triangulos.ppt
8 ano - Congruência e Semelhança e Angulos em Triangulos.pptDaniloConceiodaSilva
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfWALDIRENEPINTODEMACE
 
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturaPizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturagomescostamma
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfRafaela Vieira
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...MANUELJESUSVENTURASA
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 

Último (20)

atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
8 ano - Congruência e Semelhança e Angulos em Triangulos.ppt
8 ano - Congruência e Semelhança e  Angulos em Triangulos.ppt8 ano - Congruência e Semelhança e  Angulos em Triangulos.ppt
8 ano - Congruência e Semelhança e Angulos em Triangulos.ppt
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
 
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturaPizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 

Promoção da leitura e literacia na biblioteca escolar

  • 1. EB1 de Armação de Pêra Biblioteca Escolar Plano de Actividades Ano lectivo 2010/2011 Domínio Subdomínio Acções/Actividades Intervenientes / Responsáveis Avaliação Calendarização Avaliação A - Apoio ao Desenvolvi mento Curricular A.1 - Articulação Curricular da BE com as Estruturas de Coordenação Educativa e Supervisão Pedagógica e os Docentes: A.1.1 - Cooperação da BE com as estruturas de coordenação educativa e supervisão pedagógica da escola/agrupamento. A1.2 – Parceria da BE com os docentes responsáveis pelas áreas A.1.1 - Colaborar com os coordenadores de estabelecimento de ensino, os conselhos de escola e com os docentes titulares das turmas com o objectivo de conhecer os diferentes projectos curriculares e de se envolver no planeamento das respectivas actividades, estratégias e recursos. - Apresentar aos docentes sugestões de trabalho conjunto em torno do tratamento de diferentes unidades de ensino ou temas. - Apresentar a BE no início do ano e os seus recursos. A.1.2 - Contribuir para o enriquecimento do trabalho de estudo acompanhado/apoio ao estudo, assegurando a inclusão da BE e dos - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma e educadoras de infância. - Alunos. - Registos de reuniões/contactos. - Registos de projectos desenvolvidos pela BE. - Referências à BE nas planificações e nos Projectos Curriculares de Turma. - Registos de reuniões/contactos. - Referências à BE nas planificações e nos Projectos Curriculares de Turma. - Ao longo do ano lectivo. - Setembro - Ao longo do ano lectivo. Direcção Regional de Educação do Algarve Agrupamento Vertical de Escolas de Armação de Pêra Escola Básica dos 2º e 3º Ciclos Dr. António da Costa Contreiras ( 3 4 4 8 0 1 ) Escolas do Pré-Escolar de Armação de Pêra, Pêra e Alcantarilha e Escolas do 1º Ciclo de Armação de Pêra, Pêra e AlcantarilhaEscolas do Pré-Escolar de Armação de Pêra, Pêra e Alcantarilha e Escolas do 1º Ciclo de Armação de Pêra, Pêra e Alcantarilha
  • 2. A - Apoio ao Desenvolvi mento Curricular curriculares não disciplinares (ACND) da escola. A.1.3 Articulação da BE com os docentes responsáveis pelos serviços de apoios especializados e educativos (SAE) da escola. A.1.4 Ligação da BE ao Plano Tecnológico da Educação (PTE) e a outros programas e projectos curriculares de acção, inovação pedagógica e formação existentes na escola. seus recursos naquelas actividades. - Organizar acções informais de formação sobre a BE junto dos docentes. - Desenvolver actividades relacionadas com as ACND ou outros projectos de carácter multidisciplinar, em parceria com os docentes ou de forma autónoma. A.1.3 - Desenvolver actividades em parceria com os docentes de Educação Especial e Apoios Educativos. Melhorar a colecção para se adequar a este público. A.1.4 - Apoiar e desenvolver actividades curriculares e formativas relacionadas com a utilização das TIC. - Difundir materiais produzidos neste âmbito. - Professores das ACND. - Professora bibliotecária. - Professores de Educação Especial e Apoios Educativos. - Professora bibliotecária. Professora bibliotecária. - Registos de reuniões /contactos. - Registos de reuniões /contactos. - Registos de projectos. - Registos de reuniões - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 3. A - Apoio ao Desenvolvi mento Curricular A.1.5 Integração da BE no plano de ocupação dos tempos (OTE) da escola. A.1.6 Colaboração da BE com os docentes na concretização das actividades curriculares desenvolvidas no espaço da BE ou tendo por base os seus recursos. A.2 Promoção das Literacias da Informação, A.1.5 - Dinamizar sessões de promoção da leitura, actividades de estudo, pesquisa orientada ou outras actividades de substituição. Dinamizar a “Hora do Conto”. A.1.6 - Produzir ou colaborar, com os docentes na elaboração de materiais didácticos, webquests, guiões de pesquisa, orientadores de leitura, maletas pedagógicas, fichas de trabalho e outros materiais formativos e de apoio às diferentes actividades. - Auxiliar no acompanhamento de grupos/turmas/alunos em trabalho orientado na BE. - Divulgar os materiais produzidos. A.2.1 - Realizar acções de formação de - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma e das AEC. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma. - Alunos. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma e das /contactos. - Plano de Actividades da BE. - Registos de reuniões/contactos. - Registos de Projectos. - Materiais de apoio produzidos e editados. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 4. A - Apoio ao Desenvolvi mento Curricular A - Apoio Tecnológica e Digital. A.2.1 Organização de actividades de formação de utilizadores na escola. A.2.2 Promoção do ensino em contexto de competências de informação da escola. A.2.3 Promoção do ensino em contexto de competências tecnológicas e digitais na escola. A.2.4 Impacto da BE nas competências tecnológicas, digitais e de utilizadores. - Produzir materiais de apoio à formação de utilizadores. A.2.2 - Fazer um levantamento nos currículos das competências de informação por área curricular. - Desenvolver um Programa de Literacia da Informação. - Implementar um modelo de pesquisa de informação. - Produzir materiais de apoio. - Organizar e participar em actividades de formação para alunos no domínio da literacia tecnológica e digital, utilizando o computador Magalhães. - Produzir materiais informativos. - Apoiar os utilizadores na selecção e utilização de recursos electrónicos e media, de acordo com as suas necessidades. A.2.4 - Utilização de ferramentas Web de forma AEC. – Alunos. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma. - Professora bibliotecária. - Professores. - Alunos. - Professora bibliotecária. - Plano de Actividades da BE. - Registos de reuniões/planificação das actividades. - Materiais de apoio produzidos e editados. - Observação da utilização da BE. - Referências à BE no Projecto Educativo e Curricular do Agrupamento. - Referências à BE nos Projectos Curriculares de Turma. - Projectos desenvolvidos com professores ou/e alunos. - Observação da - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 5. ao Desenvolvi mento Curricular B-Leitura e Literacia informação dos alunos na escola. A.2.5 Impacto da BE no desenvolvimento de valores e atitudes indispensáveis à formação da cidadania e à aprendizagem ao longo da vida. B.1 Trabalho da BE ao serviço da promoção da leitura na escola. articulada e transversal em actividades a realizar na BE e/ou a disponibilizar por esta. A.2.5 - Formar dois novos monitores para a BE. - Reformular e difundir o Guia do utilizador. B1 - Incentivar o empréstimo domiciliário. - Avaliar a colecção com vista a adequá- la aos utilizadores. - Utilizar diversas fontes de informação para difusão de materiais de interesse para os utilizadores. - Colaborar em acções e actividades propostas pelo PNL. - Envolver os pais e encarregados de - Professora bibliotecária. - Alunos monitores. - Encarregados de Educação. - Professores. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma. - Auxiliares de Acção Educativa. - Pais e Encarregados de Educação. utilização da BE. - Trabalhos escolares dos alunos. - Estatísticas de utilização da BE. - Questionários. - Regimento da BE. - Estatísticas de requisição/uso de recursos de informação relacionados com a leitura. - Estatísticas de utilização informal da BE. - Estatísticas de utilização da BE para actividades de leitura programada/articulada com outros docentes. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 6. B-Leitura e Literacia B.2 Integração da BE nas estratégias e programas de leitura ao nível da escola. B.3 Impacto do trabalho da BE nas atitudes e competências dos alunos, no âmbito da leitura e da literacia. educação em actividades como: Feira do Livro, Feira do Livro Usado e Semana da Leitura. - Elaborar e divulgar “guias de leitura em casa”. - Divulgar novidades literárias. B2 - Conhecer os livros recomendados para cada nível de ensino (desde a pré- escola ao 4º ano de escolaridade). - Elaborar uma planificação para a concretização do PNL. - Produzir materiais de apoio. Promover a articulação da leitura com os docentes, com a BM ou outras instituições. - Possibilitar a existência de ambientes de leitura ricos e diversificados, fornecendo livros e outros recursos às salas de aula. - Difundir informação sobre livros e autores, organizar guiões de leitura, bibliografias e outros materiais de apoio relacionados com matérias de interesse curricular ou formativo. B.3 - Melhorar as ofertas de actividades de promoção da leitura e de apoio ao desenvolvimento de competências no - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma. - Alunos. - Registos de projectos desenvolvidos no âmbito da promoção da leitura. - Questionários. - Projectos e actividades comuns desenvolvidas neste âmbito. - Materiais de apoio produzidos e editados. - Estatísticas de utilização da BE para actividades de leitura. - Estatística de requisição domiciliária. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 7. C- Projectos, parcerias e actividade s livres e de abertura à Comunida de C.1 Apoio a actividades livres, extra-curriculares e de enriquecimento curricular. C.1.1 Apoio à aquisição e desenvolvimento de métodos de trabalho e de estudo autónomos. C.1.2 Dinamização de actividades livres, de carácter lúdico e cultural na escola. C.1.3 Apoio à utilização autónoma e voluntária da BE como espaço de lazer e livre fruição dos recursos. âmbito da leitura e da literacia. - Fazer levantamentos de interesses e necessidades dos alunos e professsores neste âmbito. C.1.1 - Apoio a actividades livres de leitura, pesquisa, estudo e execução de trabalhos escolares dos alunos. C.1.2 - Apoiar e desenvolver as iniciativas de caractér cultural e lúdico: .Ciclo de Cinema; . Desafio Literário; . Celebração de efemérides; . Concursos; . Oficinas e Desafios; . Tarde de Jogos; . Autor do mês; . Dia do Livro. - Divulgar o programa e animação cultural a toda a comunidade educativa. C.1.3 Disponibilizar um horário adequado às necessidades dos utilizadores. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma. - Alunos. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma. - Alunos. - Auxiliares de acção educativa. - Comunidade educativa. - Professora bibliotecária. - Observação de utilização da BE. - Trabalhos realizados pelos alunos. - Questionários. - Horário da BE. - Observação de utilização da BE. - Questionário aos alunos. - Plano de Actividades da BE. - Registos sobre a preparação, o desenrolar e avaliação das actividades. - Questionário aos alunos. - Horário da BE. - Observação de utilização da BE. - Estatística de utilização da BE. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 8. C- Projectos, parcerias e actividade s livres e de abertura à Comunida de C- Projectos, parcerias e actividade s livres e de C.1.4 Disponibilização de espaços, tempos e recursos para a iniciativa e intervenção livre dos alunos. C.1.5 Apoio às actividades de enriquecimento curricular (AEC), conciliando-as com a utilização livre da BE. C.2.1 Envolvimento da BE em projectos da respectiva escola ou desenvolvidos em parceria, a nível local ou mais amplo. C.2.2 Desenvolvimento de trabalho e serviços colaborativos com outras escolas, agrupamentos e BE. C.1.4 - Incentivar e divulgar mais o trabalho realizado pelos alunos no contexto da BE. C.1.5 - Colaborar directamente com os docentes das AEC com a disponibilização de espaço, horário e meios. C.2.1 - Dinamização de comemorações: . Dia Mundial das Bibliotecas Escolares; .Dia Mundial da Linguagem Gestual; . Dia Mundial da Poesia; . Dia Mundial do Livro; . Dia Mundial do Autor Português; .Semana da Leitura. - Participação em eventos dinamizados pela escola/agrupamento. C.2.2 - Promover o empréstimo inter-escolas e com a biblioteca municipal. - Professora bibliotecária. Professores das AEC. - Professora bibliotecária. - Professores titulares de turma. - Alunos. - Professora bibliotecária. - Resultados de avaliação da colecção. - Registos sobre actividades/projectos promovidos pelos alunos. - Plano de Actividades da BE. - Registos de reuniões/contactos. - Estatística de utilização BE. - Plano de Actividades da BE. - Registos sobre os projectos. - Estatística de utilização da BE. - Registos sobre - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 9. abertura à Comunida de C.2.3 Participação com outras escolas/agrupamentos e, eventualmente, com outras entidades (RBE, DRE, CFAE) em reuniões da BM/SABE ou outro grupo de trabalho a nível concelhio ou interconcelhio. C.2.4. Estímulo à participação e mobilização dos pais/encarregados de educação no domínio da promoção da leitura e do desenvolvimento de competências das crianças e jovens que frequentam a escola/agrupamento. - Incentivar a visita de todas as turmas à biblioteca da escola sede do agrupamento e à Biblioteca Municipal. C.2.3 - Participar nas reuniões de trabalho concelhias. C.2.4 - Produzir materiais formativos e de apoio destinados aos pais e encarregados de educação. - BMS. - Professores bibliotecários do GTBSilves. - Professores titulares de turma. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Pais e encarregados de educação. actividades/projectos desenvolvidos pela BE envolvendo outras escolas. - Estatísticas de empréstimos inter- bibliotecas ou inter- escolas. - Plano de Actividades da BE. - Registos de reuniões/contactos. - Materiais de apoio produzidos e editados em cooperação. - Ferramentas de informação e comunicação utilizadas. - Estatísticas de empréstimo inter- bibliotecas. Registos de frequência da BE por pais/encarregados de educação com as crianças. - Registos de reuniões/contactos. - Materiais de apoio produzidos e editados. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 10. D- Gestão da BE D- Gestão da BE D.1 Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE D.1.1 Integração/acção da BE na escola/agrupamento. D.1.2 Valorização da BE pelos órgãos de direcção, administração e gestão da escola/agrupamento. D.1.3 Resposta da BE às necessidades da escola/agrupamento. D.1.1 - O plano anual de actividades da BE relaciona-se, em termos de objectivos operacionais, com o apoio ao currículo, com o plano anual de actividades da escola e com outros projectos em desenvolvimento. D.1.2 - Manter um diálogo constante com o Director. - Ser proactivo e sugerir projectos e actividades junto dos conselhos de escola e de docentes. - Elaborar um Plano de Marketing. D.1.3 - Garantir a abertura da BE num horário alargado. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Referência à BE na documentação institucional que define os objectivos e regula o funcionamento da escola. - Documentos que regem a BE. - Registos de reuniões/contactos. - Documentos de gestão da BE. Registos de projectos de articulação. - Horário da BE. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo. Outubro. - Ao longo do ano
  • 11. D- Gestão da BE D.1.4 Avaliação da BE na escola/agrupamento. D.2. Condições humanas e materiais para a prestação dos serviços. D.2.1 Liderança do professor bibliotecário na escola/agrupamento. D.2.2 Adequação dos - Criar condições de acolhimento e um ambiente propício à fruição do espaço e ao estudo e pesquisa/uso da informação. - Apoiar os utilizadores no acesso na procura e produção da informação, incentivando uma cultura de acesso e uso da BE e dos recursos. D.1.4 - Implementar um sistema de auto- avaliação contínuo. - Adoptar e aplicar instrumentos de recolha de informação. - Alterar práticas de acordo com a identificação dos pontos fortes e fracos. - Divulgar os resultados obtidos. D.2.1 - Realizar um trabalho articulado com todos os docentes. - Garantir igualdade de condições no acesso aos recursos de informação e actividades que facultem o apoio ao currículo e a formação para diferentes literacias. - Realizar sistematicamente - Equipa da BE. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Professores e educadores. - Estatísticas de ocupação da BE. - Registos de actividades promovidas pela BE. - Questionários. - Caixa de sugestões. - Registos de observação, questionários, entrevistas ou outros realizados no âmbito da avaliação interna da BE. - Excertos de documentação e relatórios relativos ao funcionamento da BE. - Autoavaliação da professora bibliotecária. - Questionário aos professores. - Registos de trabalho articulado com os professores. lectivo. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 12. D- Gestão da BE recursos humanos às necessidades funcionamento da BE na escola/agrupamento. D.2.3 Adequação da BE em termos de espaço às necessidades da escola/agrupamento. D.2.4 Adequação dos computadores e equipamentos tecnológicos ao trabalho da BE e dos utilizadores na escola/agrupamento. D.3 Gestão da Colecção/da informação D.3.1 Planeamento/ gestão da colecção de acordo com a inventariação das necessidades curriculares e dos utilizadores da contactos/reuniões formais e informais com os docentes. D.2.2 - Inventariar as necessidades da BE. - Assegurar condições de funcionamento às BE do agrupamento e serviços de biblioteca a todas as escolas. - Aprofundar conhecimentos pessoais. D.2.3 - Solicitar apoio técnico junto dos serviços competentes. - Reorganizar espaços. D.2.4 - Aprofundar a ligação com a equipa de PTE. - Inventariar necessidades em termos de número, actualização ou de reparação técnica dos equipamentos. D.3.1 - Avaliar a colecção anualmente. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Coordenador de PTE do Agrupamento. - Registos de projectos desenvolvidos pela BE. - Currículo profissional da professora bibliotecária. - Horário da equipa. - Questionário aos professores. - Documentos caracterizadores da BE (plantas, inventários…). - Registos de observação do funcionamento. - Questionários. - Inventário do material existente. - Questionários. - Documentação que define o - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 13. D- Gestão da BE escola/agrupamento. D.3.2 Adequação dos livros e de outros recursos de informação (no local e online) às necessidades curriculares e aos interesses dos utilizadores na escola/agrupamento. D.3.3 Uso da colecção pelos utilizadores da escola/agrupamento. D.3.4 Organização da informação. Informatização da colecção. D.3.5 Difusão da informação D.3.2 - Detectar os pontos fracos da colecção e reforçar as áreas com carências identificadas. - Consultar os docentes para sugestões de títulos a adquirir. - Sugerir fontes de financiamento ao órgão de administração e gestão e solicitar uma verba anual que reforce as áreas da colecção que apresentem maiores carências. D.3.3 - Promover a circulação e empréstimos do fundo documental entre BE/escolas. - Alargar o empréstimo domiciliário. D.3.4 - Incluir na colecção recursos online acessíveis através da página Web da biblioteca, de uma intranet ou de outro dispositivo online. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Professores e educadoras de Infância do Agrupamento. - Professora bibliotecária. - Professora bibliotecária. - Professores. desenvolvimento da colecção - “Política de Gestão da Colecção”. - Registos de relatórios. - Checklist. - Resultados da avaliação da colecção. - Estatísticas de empréstimo. - Registos de requisição pelos professores. - Questionários. - Caixa de sugestões. - Estatísticas de empréstimos. - Questionários. - Checklist. - Ambientes, recursos e ferramentas Web disponibilizados neste âmbito e usados pelos utilizadores. - Checklist. - Maio/Junho. - Setembro e Junho. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo. - Ao longo do ano lectivo.
  • 14. D.3.5 - Definir e implementar uma estratégia de promoção e de difusão da informação. - Criar as condições tecnológicas e materiais necessárias. - Aproveitar as possibilidades da WEB e recorrer aos novos dispositivos para produzir, difundir e comunicar a informação. - Professora bibliotecária. - Documentos/ instrumentos em diferentes formatos. - Checklist. - Ao longo do ano lectivo.