SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
Questão 18 – CRC 02/2017 – Prova Bacharel – Contabilidade
Geral
Em 31.12.2016, uma Sociedade Empresária adquiriu o direito de
uso de uma patente por R$1.800.000,00; pagou 80% à vista e o
restante com vencimento em 31.1.2017. Para fins de registro
contábil do ativo, o efeito do valor do dinheiro no tempo foi
considerado imaterial.
Essa patente permite à Sociedade Empresária fabricar e
comercializar, durante os próximos 6 anos, um produto exclusivo
e de grande aceitação no mercado.
A projeção de produção e comercialização desse produto é
apresentada a seguir:
Informações Adicionais:
 A Sociedade Empresária utiliza, como Critério de
Amortização, o Método de Unidades Produzidas.
 Ao final do 6º ano de utilização, a patente tem valor residual
estimado igual a zero.
 Conforme projetado, no 1º ano foram produzidas e vendidas
100.000 unidades e não houve alteração do volume de
produção previsto para os anos seguintes.
Considerando-se apenas as informações apresentadas e o que
dispõe a NBC TG 04 (R3) – ATIVO INTANGÍVEL, o valor contábil
do grupo Ativo Não Circulante – Intangível, ao final do 1º ano,
será de:
a) R$1.440.000,00.
b) R$1.500.000,00.
c) R$1.650.000,00.
d) R$1.800.000,00.
Resolução em texto elaborada pelo Prof. Thiago Chaim.
1º) O que a questão pede?
Para identificar a alternativa que apresente corretamente o valor
contábil do grupo Ativo Não Circulante – Intangível ao final do 1º
ano.
2º) Qual estratégia vamos usar para resolver?
Essa questão é relativamente simples de responder uma vez que
todas as informações importantes fornecidas pelo enunciado
sejam levadas em consideração.
Esse é um ponto chave para quem está se preparando para a
próxima prova. Saber o que é relevante e o que não é relevante
para a resolução das questões. Saber identificar isso vai ajudar a
responder as questões de forma muito mais objetiva, ganhando
tempo e diminuindo a chance de erro, pois você não terá de se
preocupar com informações que possam te confundir.
Exemplo disso, é o fato da empresa ter pago 80% do valor do ativo
intangível à vista e o restante em outra data. Essa informação é
totalmente irrelevante para nós.
O importante é saber que o Ativo Intangível possui o valor de
1.800.000,00.
O fato da empresa poder comercializar o produto pelos próximos
6 anos, também é irrelevante. O que temos de levar em
consideração são as unidades produzidas, pois a amortização é
feita seguindo esse critério.
Outras duas informações que são muito importantes são o fato de
que a patente não tem valor residual, ou seja, quando terminar
de produzir todas as 1.200.000 unidades, o valor dela será zero.
Com isso, sabemos que o valor amortizável da patente será o
total dos 1.800.000,00
Por último, mas tão importante quanto os outros é o fato de que
no 1º ano foram produzidas as 100.000 unidades.
Pronto, agora é só resolver a questão. =)
Se o ativo intangível possui o valor de 1.800.000,00 e é capaz de
produzir 1.200.000 unidades, basta dividir um pelo outro e
encontraremos o valor que cada unidade produzida irá amortizar
esse ativo.
1.800.000,00 / 1.200.000 = 1,50
Se para cada unidade produzida, o ativo deve ser amortizado em
1,50, então ao produzir as 100.000 unidades do 1º ano teremos:
1,50 * 100.000 = 150.000,00
Esse é o valor da Amortização do primeiro ano.
A questão está perguntando o valor contábil do ativo e sabemos
que (de maneira simplificada) o valor contábil = custo de
aquisição – amortização. Então, temos que
1.800.000,00 – 150.000,00 = 1.650.000,00
Esse é o valor contábil do Ativo Intangível ao final do primeiro
ano.
Gabarito: “C”
Resolução em vídeo elaborada pela Prof.ª Yasmin:
...em breve...
Acesse outras questões resolvidas no link abaixo:
Questões_Bacharel_02_2017
Participe do nosso grupo no Facebook!
Se inscreva no nosso canal no Youtube!
Compartilhe com os amigos!
Deus abençoe!
Grande abraço!
Bons estudos!

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Exame Suficiência CFC 2017 Questão 18

CONTABILIDADE_PARA_CONCURSOS_E_EXAME_DE.pdf
CONTABILIDADE_PARA_CONCURSOS_E_EXAME_DE.pdfCONTABILIDADE_PARA_CONCURSOS_E_EXAME_DE.pdf
CONTABILIDADE_PARA_CONCURSOS_E_EXAME_DE.pdfBeacarol
 
Questionario contabilidade 01
Questionario contabilidade 01Questionario contabilidade 01
Questionario contabilidade 01razonetecontabil
 
Apresentação 1T10
Apresentação 1T10Apresentação 1T10
Apresentação 1T10brproperties
 
Caderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiCaderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiNeimar Pereira
 
Caderno de exercicios de contabilidade-ii FUCCAMP, razonetes e balancetes
Caderno de exercicios de contabilidade-ii FUCCAMP, razonetes e balancetesCaderno de exercicios de contabilidade-ii FUCCAMP, razonetes e balancetes
Caderno de exercicios de contabilidade-ii FUCCAMP, razonetes e balancetesDaniel Itabaiana
 
Caderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiCaderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iizeramento contabil
 
Aula 04 contabilidade
Aula 04 contabilidadeAula 04 contabilidade
Aula 04 contabilidadecontacontabil
 
Prova bacharel 2013 - 1º
Prova bacharel   2013 - 1ºProva bacharel   2013 - 1º
Prova bacharel 2013 - 1ºJose Manoel
 
Contabilidade i exercicio 12 gastos
Contabilidade i   exercicio 12 gastosContabilidade i   exercicio 12 gastos
Contabilidade i exercicio 12 gastosapostilacontabil
 
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 42
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 42Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 42
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 42Thiago Chaim
 
Apostila 05 operacoes com mercadorias
Apostila 05 operacoes com mercadoriasApostila 05 operacoes com mercadorias
Apostila 05 operacoes com mercadoriaszeramento contabil
 
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO VLR 50,00 WPP (92) 994683158
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO VLR 50,00 WPP (92) 994683158DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO VLR 50,00 WPP (92) 994683158
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO VLR 50,00 WPP (92) 994683158Acade Consultoria
 
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO CONTABILIDADE VLR 50,00 (92) 994683158
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO CONTABILIDADE VLR 50,00 (92) 994683158DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO CONTABILIDADE VLR 50,00 (92) 994683158
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO CONTABILIDADE VLR 50,00 (92) 994683158Acade Consultoria
 

Semelhante a Exame Suficiência CFC 2017 Questão 18 (18)

CONTABILIDADE_PARA_CONCURSOS_E_EXAME_DE.pdf
CONTABILIDADE_PARA_CONCURSOS_E_EXAME_DE.pdfCONTABILIDADE_PARA_CONCURSOS_E_EXAME_DE.pdf
CONTABILIDADE_PARA_CONCURSOS_E_EXAME_DE.pdf
 
Questionario contabilidade 01
Questionario contabilidade 01Questionario contabilidade 01
Questionario contabilidade 01
 
Apresentação 1T10
Apresentação 1T10Apresentação 1T10
Apresentação 1T10
 
Caderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiCaderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-ii
 
Caderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiCaderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-ii
 
Caderno de exercicios de contabilidade-ii FUCCAMP, razonetes e balancetes
Caderno de exercicios de contabilidade-ii FUCCAMP, razonetes e balancetesCaderno de exercicios de contabilidade-ii FUCCAMP, razonetes e balancetes
Caderno de exercicios de contabilidade-ii FUCCAMP, razonetes e balancetes
 
Caderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiCaderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-ii
 
Aula 04 contabilidade
Aula 04 contabilidadeAula 04 contabilidade
Aula 04 contabilidade
 
Prova bacharel 2013 - 1º
Prova bacharel   2013 - 1ºProva bacharel   2013 - 1º
Prova bacharel 2013 - 1º
 
Exame de suficiência 1 2013
Exame de suficiência 1 2013Exame de suficiência 1 2013
Exame de suficiência 1 2013
 
Prova bacharel 1_2013
Prova bacharel 1_2013Prova bacharel 1_2013
Prova bacharel 1_2013
 
Contabilidade i exercicio 12 gastos
Contabilidade i   exercicio 12 gastosContabilidade i   exercicio 12 gastos
Contabilidade i exercicio 12 gastos
 
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 42
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 42Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 42
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 42
 
Apostila -curso_de_hp-12_c
Apostila  -curso_de_hp-12_cApostila  -curso_de_hp-12_c
Apostila -curso_de_hp-12_c
 
Apostila 05 operacoes com mercadorias
Apostila 05 operacoes com mercadoriasApostila 05 operacoes com mercadorias
Apostila 05 operacoes com mercadorias
 
Lista Exercicios 1.docx
Lista Exercicios 1.docxLista Exercicios 1.docx
Lista Exercicios 1.docx
 
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO VLR 50,00 WPP (92) 994683158
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO VLR 50,00 WPP (92) 994683158DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO VLR 50,00 WPP (92) 994683158
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO VLR 50,00 WPP (92) 994683158
 
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO CONTABILIDADE VLR 50,00 (92) 994683158
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO CONTABILIDADE VLR 50,00 (92) 994683158DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO CONTABILIDADE VLR 50,00 (92) 994683158
DESAFIO PROFISSIONAL AREZZO CONTABILIDADE VLR 50,00 (92) 994683158
 

Mais de Thiago Chaim

Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 42
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 42Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 42
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 42Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 50
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 50Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 50
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 50Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 48
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 48Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 48
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 48Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 46
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 46Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 46
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 46Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 44
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 44Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 44
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 44Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 40
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 40Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 40
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 40Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 38
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 38Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 38
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 38Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 36
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 36Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 36
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 36Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 34
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 34Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 34
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 34Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 32
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 32Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 32
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 32Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 30
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 30Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 30
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 30Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 26
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 26Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 26
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 26Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 22
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 22Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 22
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 22Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 14
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 14Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 14
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 14Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 06
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 06Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 06
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 06Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 04
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 04Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 04
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 04Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 02
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 02Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 02
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 02Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 48
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 48Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 48
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 48Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 44
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 44Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 44
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 44Thiago Chaim
 
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 36
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 36Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 36
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 36Thiago Chaim
 

Mais de Thiago Chaim (20)

Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 42
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 42Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 42
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 42
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 50
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 50Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 50
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 50
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 48
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 48Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 48
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 48
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 46
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 46Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 46
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 46
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 44
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 44Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 44
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 44
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 40
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 40Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 40
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 40
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 38
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 38Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 38
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 38
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 36
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 36Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 36
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 36
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 34
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 34Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 34
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 34
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 32
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 32Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 32
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 32
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 30
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 30Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 30
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 30
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 26
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 26Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 26
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 26
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 22
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 22Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 22
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 22
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 14
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 14Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 14
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 14
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 06
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 06Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 06
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 06
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 04
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 04Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 04
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 04
 
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 02
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 02Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 02
Exame Suficiência CFC 2018/2 Prova Branca Questão 02
 
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 48
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 48Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 48
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 48
 
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 44
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 44Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 44
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 44
 
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 36
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 36Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 36
Exame Suficiência CFC 2018/1 Prova Branca Questão 36
 

Último

Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfSandra Pratas
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfPARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfceajajacu
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonAlgumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonRosiniaGonalves
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfSandra Pratas
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfWALDIRENEPINTODEMACE
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfRafaela Vieira
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 

Último (20)

Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfPARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonAlgumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 

Exame Suficiência CFC 2017 Questão 18

  • 1. Questão 18 – CRC 02/2017 – Prova Bacharel – Contabilidade Geral Em 31.12.2016, uma Sociedade Empresária adquiriu o direito de uso de uma patente por R$1.800.000,00; pagou 80% à vista e o restante com vencimento em 31.1.2017. Para fins de registro contábil do ativo, o efeito do valor do dinheiro no tempo foi considerado imaterial. Essa patente permite à Sociedade Empresária fabricar e comercializar, durante os próximos 6 anos, um produto exclusivo e de grande aceitação no mercado. A projeção de produção e comercialização desse produto é apresentada a seguir: Informações Adicionais:  A Sociedade Empresária utiliza, como Critério de Amortização, o Método de Unidades Produzidas.  Ao final do 6º ano de utilização, a patente tem valor residual estimado igual a zero.  Conforme projetado, no 1º ano foram produzidas e vendidas 100.000 unidades e não houve alteração do volume de produção previsto para os anos seguintes. Considerando-se apenas as informações apresentadas e o que dispõe a NBC TG 04 (R3) – ATIVO INTANGÍVEL, o valor contábil
  • 2. do grupo Ativo Não Circulante – Intangível, ao final do 1º ano, será de: a) R$1.440.000,00. b) R$1.500.000,00. c) R$1.650.000,00. d) R$1.800.000,00. Resolução em texto elaborada pelo Prof. Thiago Chaim. 1º) O que a questão pede? Para identificar a alternativa que apresente corretamente o valor contábil do grupo Ativo Não Circulante – Intangível ao final do 1º ano. 2º) Qual estratégia vamos usar para resolver? Essa questão é relativamente simples de responder uma vez que todas as informações importantes fornecidas pelo enunciado sejam levadas em consideração. Esse é um ponto chave para quem está se preparando para a próxima prova. Saber o que é relevante e o que não é relevante para a resolução das questões. Saber identificar isso vai ajudar a responder as questões de forma muito mais objetiva, ganhando tempo e diminuindo a chance de erro, pois você não terá de se preocupar com informações que possam te confundir. Exemplo disso, é o fato da empresa ter pago 80% do valor do ativo intangível à vista e o restante em outra data. Essa informação é totalmente irrelevante para nós. O importante é saber que o Ativo Intangível possui o valor de 1.800.000,00. O fato da empresa poder comercializar o produto pelos próximos 6 anos, também é irrelevante. O que temos de levar em
  • 3. consideração são as unidades produzidas, pois a amortização é feita seguindo esse critério. Outras duas informações que são muito importantes são o fato de que a patente não tem valor residual, ou seja, quando terminar de produzir todas as 1.200.000 unidades, o valor dela será zero. Com isso, sabemos que o valor amortizável da patente será o total dos 1.800.000,00 Por último, mas tão importante quanto os outros é o fato de que no 1º ano foram produzidas as 100.000 unidades. Pronto, agora é só resolver a questão. =) Se o ativo intangível possui o valor de 1.800.000,00 e é capaz de produzir 1.200.000 unidades, basta dividir um pelo outro e encontraremos o valor que cada unidade produzida irá amortizar esse ativo. 1.800.000,00 / 1.200.000 = 1,50 Se para cada unidade produzida, o ativo deve ser amortizado em 1,50, então ao produzir as 100.000 unidades do 1º ano teremos: 1,50 * 100.000 = 150.000,00 Esse é o valor da Amortização do primeiro ano. A questão está perguntando o valor contábil do ativo e sabemos que (de maneira simplificada) o valor contábil = custo de aquisição – amortização. Então, temos que 1.800.000,00 – 150.000,00 = 1.650.000,00 Esse é o valor contábil do Ativo Intangível ao final do primeiro ano.
  • 4. Gabarito: “C” Resolução em vídeo elaborada pela Prof.ª Yasmin: ...em breve... Acesse outras questões resolvidas no link abaixo: Questões_Bacharel_02_2017 Participe do nosso grupo no Facebook! Se inscreva no nosso canal no Youtube! Compartilhe com os amigos! Deus abençoe! Grande abraço! Bons estudos!