Pluralidade cultural, diversidade e cidadania 01

6.746 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.746
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3.212
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
43
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pluralidade cultural, diversidade e cidadania 01

  1. 1. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA FREDERICO SANTOS PROFESSOR ODAIRPLURALIDADE CULTURAL,DIVERSIDADE E CIDADANIA
  2. 2. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos PLURALIDADE CULTURAL: A temática Pluralidade Cultural diz respeito ao conhecimento e avalorização de características étnicas e culturais dos diferentes grupos sociais que convivem no território nacional.A temática Pluralidade Cultural busca apontar transformações necessárias, oferecendo elementos para a compreensão de que valorizar as diferentes etnias e culturas não significa aderir aos valores do outro, mas respeitá-lo como expressão da diversidade. ( PCN’s, Temas Transversais , 1998. p. 121)
  3. 3. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico SantosConhecer e respeitar o modo de vida dos diferentes grupos, em diversos tempos e espaços , em suas manifestações culturais econômicas, políticas e sociais, reconhecendo semelhanças e diferenças entre eles,continuidades e descontinuidades, conflitos e contradições.( PCN’s – HISTÓRIA – 3ºs e 4º ciclos – Ens. Fundamental, 1998. p.43)
  4. 4. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos DIVERSIDADE: A Diversidade é norma da espécie humana: seres humanos são diversos em suas experiências culturais, são únicos em suas personalidades e são também diversos em suas formas de perceber o mundo.( Indagações sobre Currículo. Diversidade e Currículo, MEC/2008. pg. 19)
  5. 5. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos CIDADANIA: Ser cidadão é participa r de uma sociedade, tendo direitos a ter direitos, bem como construir novos direitos e rever os já existentes.Participar é ser parte e fazer parte – com seu fazer, sua interferênciacriativa na construção da sociedade , os indivíduos configuram seu ser, sua especificidade, sua marca humana . ( PCN’s – Temas Transversais, 1998, p.54)
  6. 6. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos
  7. 7. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos
  8. 8. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de educação Básica Frederico Santos
  9. 9. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos
  10. 10. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos
  11. 11. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos
  12. 12. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 11.645, DE 10 MARÇO DE 2008.Altera a Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, modificada pela Lei no 10.639, de 9 de janeiro de 2003, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para incluir no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena”.O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:Art. 1o O art. 26-A da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, passa a vigorar com a seguinte redação:Art. 26-A. Nos estabelecimentos de ensino fundamental e de ensino médio, públicos e privados, torna- se obrigatório o estudo da história e cultura afro-brasileira e indígena.§ 1o O conteúdo programático a que se refere este artigo incluirá diversos aspectos da história e da cultura que caracterizam a formação da população brasileira, a partir desses dois grupos étnicos, tais como o estudo da história da África e dos africanos, a luta dos negros e dos povos indígenas no Brasil, a cultura negra e indígena brasileira e o negro e o índio na formação da sociedade nacional, resgatando as suas contribuições nas áreas social, econômica e política, pertinentes à história do Brasil.
  13. 13. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de educação Básica Frederico Santos  § 2º Os conteúdos referentes à história e cultura afro-brasileira e dos povos indígenas brasileiros serão  ministrados no âmbito de todo o currículo escolar, em especial nas áreas de educação artística e de  literatura e história brasileiras.” (NR)Art. 2o  Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Brasília,  10  de  março  de 2008; 187o da Independência e 120o da República. LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA Fernando Haddad Este texto não substitui o publicado no DOU de 11.3.2008.
  14. 14. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos
  15. 15. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos POVOS INDÍGENAS DA: AMÉRICA DO NORTE AMÉRICA CENTRAL AMÉRICA DO SUL
  16. 16. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos INDIO CAIAPÓ INDÍO CAIAPÓCaiapó é uma  denominação que  data do início do século XIX e  tem origem em outros grupos  indígenas circunvizinhos desta  etnia. Kayapó significa homens semelhantes aos macacos, em  grande medida devido a certos  rituais que este grupo realiza  nos quais são utilizadas  máscaras de macaco pelos  homens.
  17. 17. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos INDIO INUIT INDÍO INUTISOs  esquimós  (ou  inuit  como  se  autodenominam)  vivem  no  Ártico  uma  das regiões mais frias da Terra.Hoje,  os  esquimós  não  formam  nem  pertencem  a  alguma  nação.  Trata-se  de  um  povo  solidário  ,  acolhedor  e  muito  pacífico. São nômades por natureza. Sua  civilização  se  baseia  na  família,  patriarcal  e  poligâmica,  na  qual  o  homem  tem  mais  mulheres  na  medida  em que possui mais riquezas.A  estatura  dos  esquimós  é  pequena,  os  homens  medem,  em  média,  1,60  m  e  as  mulheres 10 cm menos. Seus corpos são  fortes e seus membros curtos.
  18. 18. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos
  19. 19. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico SantosTEMPLOS DE RITUAIS MAIAS TEMPLOS DE RITUAIS MAIASRuínas de templos onde se faziam rituais em Palenque – cidade maia.
  20. 20. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos Pirâmide Maia Pirâmide MaiaPirâmide Maia, em Chichen Itza
  21. 21. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos DEVERÍAMOS:TRIBOS  trocar por AGRUPAMENTOS HUMANOSTRIBOS RAÇAS    trocar por ETNIAS RAÇAS PRIMITIVOS, SELVAGENS trocar por  PRIMEIRAS SOCIEDADES DA AMÉRICAPRIMEIROS GRUPOS HUMANOS DA AMÉRICA INDÍO trocar por INDÍGENAS INDÍO
  22. 22. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos Inserir Vídeo:“AS SOCIEDADES SECRETAS: ASTECAS, INCAS E MAIAS”
  23. 23. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos Inserir vídeo: “1492 – a conquista do paraíso”
  24. 24. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico Santos
  25. 25. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA Escola de Educação Básica Frederico SantosPOVOS INDÍGENAS DO BRASIL
  26. 26. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL Inserir vídeo: “ MÚSICA: CHEGANÇA”
  27. 27. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  28. 28. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL Inserir VÍDEO DO YOUTUBE “ CAMPANHA DE VALORIZAÇÃO DOS POVOS INDÍGENAS”
  29. 29. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  30. 30. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL INDIO PANKARARU
  31. 31. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL INDIO PATAXÓ
  32. 32. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL INDIOS GUARANIS
  33. 33. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL INDIOS XAVANTES
  34. 34. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL Inserir vídeo:“INDIOS DO BRASIL: QUEM SÃO ELES” ELES
  35. 35. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  36. 36. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  37. 37. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  38. 38. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  39. 39. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  40. 40. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  41. 41. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  42. 42. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL
  43. 43. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASILPOVOS INDIGENAS DE SANTA CATARINA: KAIGANGUES XOKLENGS GUARANIS
  44. 44. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA EM SANTA CATARINA
  45. 45. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA EM SANTA CATARINA
  46. 46. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL Inserir Vídeo: “ A MURALHA”
  47. 47. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIA DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASIL CONCLUSÃO Leitura de trechos do livro: “ VIOLÊNCIA E CIDADNIA NO BRASIL – 500 anos de exclusão”, de Regina Célia Prado. “Heróis da Preservação: Ameaça às nações indígenas”, página 60 Para Reflexão:• Como mudarmos?• Como tratarmos à todos com igualdade?• O que me faz diferente do outro?• Por que respeitar o ser humano, meu semelhante?• Qual a minha responsabilidade para criar no mundo, no Brasil, em Santa Catarina, em Paulo Lopes, na minha escola uma cultura de paz, e de respeito?• Como tratarmos a todos com igualdade?
  48. 48. PLURALIDADE CULTURAL, DIVERSIDADE E CIDADANIAREFERÊNCIAS: DIVERSIDADE INDÍGENA NO BRASILBRASIL, Parâmetros Curriculares Nacionais. TEMAS TRANSVERSAIS. Brasília: MEC/SEF, 1998.BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais. HISTÓRIA. Brasília: MEC/SEF, 1998.BRASIL. Indagações sobre Currículo – Diversidade e Currículo. Brasília; MEC/SED, 2008FUNARI, Pedro Paulo & PINON, Ana. A TEMÁTICA INDIGENA NA ESCOLA – subsídios para os professores.São Paulo: Contexto, 2011.RAMPINELLI, Waldir José & Ouriques, Nildo Domingos. OS 500 ANOS – A Conquista Interminável. Petrópolis, RJ: Vozes,1999.SANTA CATARINA. Proposta Curricular – Temas Multidisciplinares. Florianópolis: COGEM, 1998.SILVA, Aracy Lopes & GRUPIONI, Luis Donizete Benzi.A TEMATICA INDIGENA NA ESCOLA – Novos Subsídios para professores de 1ºs e 2ºs graus. Brasília: MEC/UNESCO, 1995.ZENUN, Katsue Hamada & Adissi, Valeria Maria Alves. SER INDIO HOJE. São Paulo: Loyola, 1998.OUTROS:- Vídeos do Youtube (Diversos)- Filme: 1492 – A CONQUISTA DO PARAÍSO- Cenas da minissérie: A MURALHA- Documentário: AS SOCIEDADES SECRETAS- ASTECAS, INCAS E MAIAS – (da TV FUTURA)- Documentário; INDIOS DO BRASIL. Quem São Eles? TV Escola/MEC

×