Redes e o campo sóciopolítico dos
direitos da infância e da adolescência
- Ciça Lessa -
“Uma rede deve ser um fio invisível
conectando pérolas:
formado o colar, dá-se o seu valor”
reminiscência livre de uma fra...
Internet
Possibilidades de conexão
Comunicação
Conforto
Tecido
Trama
Segurança
Abundância
Multiplicação do resultado de nossas ações
Cooperação
Ação política
Linha do tempo
1989
Convenção dos
direitos da criança
1988
Constituição
Federal do Brasil
1990
Estatuto da
criança e do
ad...
Artigo 227 da Constituição Federal de 1988
“É dever da família, da sociedade e do Estado
assegurar à criança e ao adolesce...
“(…) o movimento popular foi o grande
incentivador não só na difusão da
proposta, mas, e, sobretudo, na captação
das suges...
“Os órgãos públicos e as organizações
da sociedade civil, que integram o
Sistema de Garantia dos Direitos da
Criança e do ...
Redes territoriais
Redes temáticas
Fórum Nacional Permanente de Entidades Não-Governamentais de
Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescen...
“O fenômeno que se apresenta pode,
assim, ser entendido como a dinâmica de
constituição de um tecido social em que a
artic...
Rede ANDI Brasil
Rede ANDI Brasil
Redes se relacionam com outras redes e
outros atores
OBRIGADA!
Ciça Lessa
lessacica@gmail.com
OBR
Lançamento Projeto DI - Seminário Garantias de Direitos da Crianças e do Adolescente
Lançamento Projeto DI - Seminário Garantias de Direitos da Crianças e do Adolescente
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Lançamento Projeto DI - Seminário Garantias de Direitos da Crianças e do Adolescente

569 visualizações

Publicada em

Redes e o campo sóciopolítico dos direitos da infância e da adolescência, foi a temática do Seminário de Lançamento do Projeto de Desenvolvimento Institucional do Instituto Comunitário Grande Florianópolis.

Publicada em: Governo e ONGs
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
569
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
87
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lançamento Projeto DI - Seminário Garantias de Direitos da Crianças e do Adolescente

  1. 1. Redes e o campo sóciopolítico dos direitos da infância e da adolescência - Ciça Lessa -
  2. 2. “Uma rede deve ser um fio invisível conectando pérolas: formado o colar, dá-se o seu valor” reminiscência livre de uma frase citada e atribuída a Antonio Carlos Gomes da Costa em um evento sobre Redes promovido pela Fundação Telefônica
  3. 3. Internet Possibilidades de conexão Comunicação
  4. 4. Conforto
  5. 5. Tecido Trama
  6. 6. Segurança
  7. 7. Abundância Multiplicação do resultado de nossas ações
  8. 8. Cooperação Ação política
  9. 9. Linha do tempo 1989 Convenção dos direitos da criança 1988 Constituição Federal do Brasil 1990 Estatuto da criança e do adolescente 19901980 2000
  10. 10. Artigo 227 da Constituição Federal de 1988 “É dever da família, da sociedade e do Estado assegurar à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à saúde, à alimentação, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão.”
  11. 11. “(…) o movimento popular foi o grande incentivador não só na difusão da proposta, mas, e, sobretudo, na captação das sugestões e encaminhamentos à comissão de redação. Telefonemas, palestras, reuniões amplas ou restritas faziam parte do nosso cotidiano” (SDH, 2010). Lembrança de Munir Cury, Procurador de Justiça do Estado de São Paulo e redator do primeiro esboço do ECA
  12. 12. “Os órgãos públicos e as organizações da sociedade civil, que integram o Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente, deverão exercer suas funções em rede.” Resolução 113 do CONANDA, de 19 de abril de 2006, que reúne os parâmetros para a institucionalização e fortalecimento do SGD
  13. 13. Redes territoriais
  14. 14. Redes temáticas Fórum Nacional Permanente de Entidades Não-Governamentais de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente – Fórum DCA Comitê Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes Rede Nacional de Combate ao Trabalho Infantil e Fórum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Fórum PETI) Rede Primeira Infância Rede Não Bata, Eduque Campanha Nacional pelo Direito à Educação E outras… Muitas outras…
  15. 15. “O fenômeno que se apresenta pode, assim, ser entendido como a dinâmica de constituição de um tecido social em que a articulação de atores institucionais, interagindo de forma colaborativa e guiados por objetivos compartilhados, pretende criar e fortalecer: uma sociedade comprometida com a defesa e a promoção dos direitos de crianças e adolescentes” Ciça Lessa, Vida em rede
  16. 16. Rede ANDI Brasil
  17. 17. Rede ANDI Brasil
  18. 18. Redes se relacionam com outras redes e outros atores
  19. 19. OBRIGADA! Ciça Lessa lessacica@gmail.com OBR

×