Amamentação

341 visualizações

Publicada em

Amamentação e desmame do bebê.

Publicada em: Alimentos
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Amamentação

  1. 1. A herança de uma alimentação nutritiva e saudável Carolina Guida, Esther Borges Barros Silva, Luíza Helena Pinto Domingues, Sarah Moreira Carvalho
  2. 2. Introdução Em virtude da rápida taxa de crescimento no primeiro ano, a infância é um dos períodos mais críticos no ciclo da vida e, desta forma, o alimento é de máxima importância. As necessidades nutricionais são altas relativamente ao tamanho da criança, sendo a nutrição adequada nesta época muito importante para a saúde e o vigor durante a vida. Nesse processo, é incontestável o valor do leite materno, pois tem papel decisivo para a condição nutricional da criança.
  3. 3. Leite Materno ● Dois primeiros anos de vida; ● Benefícios nutricionais, emocionais e psicológicos; ● Os aminoácidos essenciais constituem 45% dos aminoácidos totais no leite humano;
  4. 4. Leite Humano ● O conteúdo proteico é mais elevado no colostro e diminui durante o resto da lactação; ● Do mesmo modo, a taxa de crescimento da criança diminui, à medida que a quantidade de leite que ela ingere aumenta.
  5. 5. Tabela de Comparação
  6. 6. Papel imunológico do leite materno para o recém-nascido ● OMS - Amamentação até o sexto mês ● Diarreia, Bacteremia, Infecções Respiratórias Agudas (IRA), Botulismo, Doenças Digestivas Crônicas ● Diarreia – 83% de proteção
  7. 7. Papel imunológico do leite materno para o recém-nascido Macrófagos, Neutrófilos e Eosinófilos Colostro IgA IgM IgE IgD
  8. 8. Papel imunológico do leite materno para o recém-nascido ● Infecções Respiratórias Agudas ● 5 vezes menor crianças amamentadas X crianças não amamentadas
  9. 9. Papel imunológico do leite materno para o recém-nascido ● Alergias ● 65% de risco ● Lactoferrina
  10. 10. Benefícios do aleitamento Materno para a mãe ● Benefícios psicológicos; ● Prevenção contra várias doenças.
  11. 11. Benefícios do Aleitamento Materno para a mãe ● O câncer de mama reduz 4,3% a cada 12 meses de amamentação; ● Redução da diabetes tipo 2 para cada ano de lactação; ● Prevenção da obesidade; ● Prevenção da depressão pós-parto; ● Redução da hemorragia pós-parto; ● Prevenção de doenças metabólicas; ● Efeito anticoncepcional da amamentação- LAM (Lactational amenorrhea method)- 98% de eficácia como anticoncepcional; ● Redução do estresse e mau humor após a amamentação.
  12. 12. Desmame • O desmame ideal é um processo gradual; • Envolve os aspectos físicos e psicológicos do bebê; • Não ocorre no mesmo período para todas as crianças; • Deve começar aos 6 meses e terminar após os 2 anos; • É importante que tenha o acompanhamento de um especialista.
  13. 13. Indícios de o que chegou o momento do desmame: • Idade após um ano; • Menos interesse nas mamadas; • Aceita variedades de outros alimentos; • É seguro na relação com a mãe; • Aceita outras formas de consolo; • Aceita não ser amamentado em certos locais ou situações; • Prefere brincar ou fazer outra atividade com a mãe.
  14. 14. Desmame abrupto Problemas ● Mamite ● Desequilíbrio hormonal ● Insegurança ● Sentimento de rejeição ● Rebeldia ● Desenvolvimento motor-oral
  15. 15. Um vínculo quebrado (olho a olho) • Carícias • Brincadeiras • Abraços • Beijos O desmame tem que ser tratado com responsabilidade respeito!
  16. 16. Complementos Alimentares ● Criança com maturidade fisiológica e neurológica; ● Sem reflexo de protrusão da língua; ● Produz enzimas digestivas suficientes; ● Já consegui sustentar o pescoço.
  17. 17. Complementação Precoce ● Diminui a duração do aleitamento; ● Influi na absorção de nutrientes; ● Reduz a eficiência da lactação na prevenção da gravidez. Complementação Tardia • Desnutrição ; • Crescimento menor que o esperado do bebê.
  18. 18. ● A liberdade de horários para complementação permite que a criança distinga entre a sensação de fome e saciedade; ● Os alimentos devem ser energéticos e nutritivos; ● Higiene na manipulação do alimento.
  19. 19. ● Energia total requerida 615 kcal/dia dos 6 - 8 meses de idade, 686 kcal/dia dos 9 - 11 meses e 894 kcal/dia dos 12 - 23 meses; ● Alimentos semi-sólidos 3 vezes ao dia; ● Oferecer água nos intervalos das refeições.
  20. 20. Macronutrientes e Micronutrientes ● Proteínas: sua necessidade de densidade proteica é de 0,7 g/100 kcal, dos 6 aos 24 meses; ● Gorduras: recomenda-se que sua ingestão seja de 30 - 45 % da energia total; ● Ferro: Sua exigência é de 4 mg/100 kcal dos 6 aos 8 meses, de 2,4 mg/100 kcal dos 9 aos 11 meses e de 0,8 mg/100 kcal dos 12 aos 24 meses. ● Vitamina A: Suprida por uma mãe com boa alimentação; ● Vitamina D: Poucas horas de exposição à luz solar no verão produz vitamina D suficiente para evitar deficiência por muito tempo.
  21. 21. Fim

×