Comunidade virtual de aprendizagem

3.108 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Comunidade virtual de aprendizagem

  1. 1. Comunidade Virtual de Aprendizagem<br />Potencialidades da utilização das ferramentas da Web 2.0 no ensino aprendizagem<br />Trabalho realizado por:<br />Pedro Poléry<br />Paula Silva<br />Jorge Neves <br />
  2. 2. Comunidade Virtual de Aprendizagem<br />A noção de Comunidade Virtual de Aprendizagem é mais apropriada no quadro de uma concepção flexível e distribuída, na qual os sistemas hipertexto e hipermédia, não só constituem as tecnologias de representação e organização da informação na Web 2.0, como também se apresentam sob a forma de instrumentos colaborativos extremamente poderosos para a construção social do conhecimento.<br />
  3. 3. Introdução<br />O trabalho realizado foi conseguido através de uma pesquisa e selecção de fontes de informação de ferramentas de colaboração on-line, que permitem contextualizar o âmbito da utilização das ferramentas da Web 2.0 na construção de uma Comunidade Virtual de Aprendizagem. <br />Foram assim seleccionadas algumas ferramentas que contribuem para ajudar e suportar o funcionamento de uma Comunidade Virtual de Prática.<br />
  4. 4. criar<br />partilhar<br />Estas ferramentas não se reduzem à mera utilização no processo de ensino e aprendizagem, mas sim as possibilidades que estas ferramentas potenciam.<br />colaborar<br />socializar<br />
  5. 5.
  6. 6. Partilha de Conteúdos - Slideshare<br />Na página official o Slideshareauto caracteriza-se comosendo “the world's largest community for sharing presentations on the web”. Esta ferramenta permite partilhar conteúdos disponibilizados na Web 2.0.<br />O Slideshare é uma ferramenta muito utilizada para colocar apresentações de aulas, seminários, conferências, trabalhos elaborados por alunos e professores, de entre outros. <br />O Slideshare, constitui um repositório alargado de informação sobre as mais variadas categorias. <br />
  7. 7. Potencialidades da utilização da ferramenta Slideshare no ensino aprendizagem<br />Uma possível utilização passa pela publicação on-line de uma apresentação, prolongando a sua utilização para além do ambiente virtual de aprendizagem ou, no caso do ensino presencial, para além da sala de aula.<br />Este software social permite uma maior interacção entre os alunos e entre estes e os conteúdos. <br />
  8. 8. Trabalho Colaborativo - Google docs<br />O Google Docs é uma ferramenta do Google baseado em AJAX. Funciona totalmente on‐line directamente no browser. <br />As aplicações são compatíveis com o Microsoft Office e o OpenOffice.org, e actualmente é composto de um processador de texto, um editor de apresentações e editor de folhas de cálculo.<br />
  9. 9. Potencialidades da utilização da plataforma Google docsno ensino aprendizagem<br />O Google docs é bastante útil para a elaboração de trabalhos colaborativos. Esta ferramenta orientada para o utilizador permite criar, colaborar e partilhar documentos, folhas de cálculo e apresentações on-line pelos seus utilizadores.<br />Tendo em conta essas funcionalidades, a ferramenta Google docs pode ser utilizada pelos professores em ambiente sala de aula favorecendo o processo de ensino-aprendizagem através da escrita colaborativa.<br />
  10. 10. Plataforma VCoPs - Plataforma Ning<br />Ning (palavra chinesa para “tranquilo”) . Criado em 2005, na Califórnia, por MarcAndreessen e GinaBianchini, o Ningpermite ao utilizador mais do que a simples criação de comunidades, mas sim verdadeiras redes sociais.<br />É uma plataforma que possibilita a criação de múltiplas redes sociais individualizadas. Cada utilizador pode criar a sua própria rede social e aderir a redes de utilizadores que partilhem de interesses comuns. Faz-se a inscrição, disponibilizando as suas opiniões, ideias, sentimentos, experiências, relatos e outros. Esta ferramenta possibilita a introdução de recursos multimédia e hipertexto, pode-se colocar hiperligações, vídeos, música, mensagens e fotos.<br />
  11. 11. Potencialidades da utilização da plataforma Ning no ensino aprendizagem<br />A plataforma Ning permite também a realização de diversas actividades de aprendizagem (debate e lançamento de temas nos fóruns, criação de portfolios recorrendo ao Blog, comunicar com diversas utilizadores da rede: chat, eventos, criação de grupos na rede, …) tendo em conta os objectivos educativos do professor e/ou do aluno. <br />No contexto educativo, é possível intervir no desenvolvimento de actividades, trabalhos, outros. Também é possível verificar uma maior participação dos alunos nas tarefas desenvolvidas/ elaboradas. Um aspecto positivo a destacar é a possibilidade que a plataforma permite na criação de grupos na rede.<br />
  12. 12. Social Bookmarking- Delicious<br />A ferramenta Delicious criada em 2003 é, de acordo com Alexander (2006) a mais popular entre as ferramentas que evidenciam este tipo de tecnologia.<br />
  13. 13. Potencialidades da utilização do Delicious no ensino aprendizagem<br />O Delicious é usado por muitos utilizadores e este permite publicar e divulgar os seus sites. <br />Assim, quanto mais utilizadores adicionarem a página/ postagem aos favoritos, mais popular ficará o site. <br />Desta forma, a maioria dos criadores de blogs costumam cadastrar as postagens neste serviço para atrair novos visitantes.<br />
  14. 14. Gestão e partilha de recursos de investigação - Zotero<br />O Zotero é produzido pelo Centro de História e Novas Mídias da George MasonUniversity (GMU). O nome Zoteroderiva do albanês que significa "mestre".<br />O Zotero é uma extensão do browser para o MozillaFirefox capaz de catalogar páginas da internet automaticamente e manter organizada a colecção de itens. A extensão permite armazenar sites com artigos, vídeos, arquivos em pdf e outras publicações encontradas na web de forma fácil e rápida.<br />
  15. 15. Potencialidades da utilização do Zotero no ensino aprendizagem<br />Nos trabalhos académicos e sempre que é necessário desenvolver um projecto académico é necessário colocar as respectivas referências bibliográficas que são obrigatórias nesse documento. <br />O Zotero auxilia na organização de referências de uma forma muito eficiente, pois funciona directamente no navegador, onde as pesquisas são feitas.<br />
  16. 16. Conclusão<br />Os resultados obtidos da investigação e análise da contribuição das ferramentas de colaboração na Web 2.0, aqui seleccionadas (Slideshare; Google docs; Ning; Delicious e Zotero), demonstram que estas potenciam, nas Comunidades Virtuais de Aprendizagem, a comunicação, a interacção, a colaboração e a socialização, promovendo uma aprendizagem em contexto.<br />No entanto, deve-se ter em consideração algumas das limitações referidas, que estas ferramentas apresentam, pois podem comprometer o bom funcionamento das Comunidades Virtuais de Aprendizagem criadas.<br />
  17. 17. Referências Bibliográficas<br />Alexander, B. (2006). Web 2.0: A new wave of innovation for teaching and learning. EDUCAUSE Review. EDUCAUSE: Boulder, USA. , Vol. 41, No. 2, p. 32–44.<br />Disponível em: [www.educause.edu/apps/er/erm06/erm0621.asp]<br />BASSO, M. A. ( 2009). Currículo e web 2.0 argumentos possíveis a uma diferenciação em educação digital. Universidade Católica de Santos.<br />Disponível em:<br />[www.revistas.pucsp.br/index.php/curriculum/article/view/3222]<br />Costa, R. M., & Macário, R. J. Comunidades de prática e ferramentas Web 2.0: uma experiência em um curso de especialização em Matemática. Universidade Federal, Fluminense; Universidade do Estado do Rio de Janeiro, .<br />Disponívelem: [www.sbc.org.br/bibliotecadigital/download.php?paper=1257<br />
  18. 18. Referências Bibliográficas<br />Coutinho, C. (2008). Del.icio.us: uma ferramenta da Web 2.0 ao serviço da investigação em educação. Educação, Formação e Tecnologias , vol(1), 104-115.<br />Disponível em [www.eft.educom.pt]<br />Gray, K. T. (2008). Issues of referencing and citation for academic integrity. The internet and Higher Education.<br />Disponível em: [www.dx.doi.org/10.1016/j.iheduc.2008.03.001]<br />Hammond, T. H. (2005). Social Bookmarking Tools (I): A General Review. D-Lib Magazine. Volume 11 .<br />Disponível em: [www.dlib.org/dlib/april05/hammond/04hammond.html]<br />Holzner, S. &. (2009). Google Docs 4 Everyone.<br />Jorge, N. R. (2009). Contextos de aprendizagem 2.0 a utilização de ferramentas web 2.0 para uma aprendizagem em contexto.<br />Disponível em: [www.repositorioaberto.univ-ab.pt/bitstream/.../tese_nelson_jorge.pdf]<br />
  19. 19. Referências Bibliográficas<br />Lima, J. C., & Informática. (2006). Gestão de Conhecimento em Comunidades Virtuais de Prática: Uma Ferramenta Baseada nas Tecnologias da Web Semântica. Universidade Federal de Goiás.<br />Disponívelem: [www.inf.ufg.br/this2/uploads/files/1/ds_Junio.pdf]<br />Lomas, C. (. 7 things you should know about Social Bookmarking. EducauseLearning .<br />Disponível em: [www.educause.edu/eli/]<br />Santoro, F. M., Pimentel, F. S., Sousa, A. P., Santos, R. d., & Neide. (s.d.). Estudo de Ambientes de Suporte à Aprendizagem Cooperativa .<br />Disponível em: [www.ime.uerj.br/professores/neide/pags51-68%5B1%5D.pdf]<br />
  20. 20. Referências Bibliográficas<br />Serafim, M. L. (1999). Aprendizagem colaborativa e interatividade na web: experiências com o googledocs no ensino de graduação. <br />Disponível em: [www.ufpe.br/.../Maria-Lucia-Serafim_Fernando-Pimentel-e-Ana-Paula-do-O.pdf]<br />TAVARES, M. D. COMUNIDADE DE PRATICA: GESTAO DE CONHECIMENTO NAS EMPRESAS.Trevisan Editora.<br />Vector21. (s.d.). Tecnologias de Informação - As Tecnologias Interactivas e o Desenvolvimento das Comunidades Virtuais de Aprendizagem. <br />Disponível em: [ http://www.vector21.com/?id_categoria=55&id_item=5149#1<br />
  21. 21. Fim<br />Trabalho realizado por:<br />Pedro Poléry<br />Paula Silva<br />Jorge Neves <br />

×