Metodologia_ensino_avaliacao

689 visualizações

Publicada em

Qualidade do projeto Arquitetônico

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
689
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Metodologia_ensino_avaliacao

  1. 1. CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO PROJETO ARQUITETÔNICO ● Leandro Carlos Fernandes – Arquiteto, Prof. nos Cursos de Arq. e Eng. – Especialista em Gerenciamento de Obras – Mestre em Tecnologia
  2. 2. Experiência como aluno ● Disciplina de Projeto como Composição ● Experiência como estagiário
  3. 3. “O CAUSO DE APUCARANA” ● Antes de discutir-se os critérios de avaliação da qualidade do projeto arquitetônico é necessário apresentar a metodologia de ensino do projeto arquitetônico e os motivos de sua escolha, estabelecendo um a linha de raciocínio.
  4. 4. “O CAUSO DE APUCARANA” ● O “Pré-Causo de Maringá”
  5. 5. “O CAUSO DE APUCARANA”
  6. 6. “O CAUSO DE APUCARANA”
  7. 7. “O CAUSO DE APUCARANA”
  8. 8. “O CAUSO DE APUCARANA”
  9. 9. “O CAUSO DE APUCARANA”
  10. 10. “O CAUSO DE APUCARANA”
  11. 11. “O CAUSO DE APUCARANA” ● Conclusões – O processo de produção de projeto depende do que se entende por ARQUITETURA – Os Critérios de Avaliação da Qualidade do Projeto Arquitetônico dependem do que se entende por ARQUITETURA e PELO PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DO PROJETO – O projeto não correspondia às necessidades, assim NECESSIDADE se caracteriza como critério de avaliação.
  12. 12. DEFINIÇÃO DE ARQUITETURA ● Arquitetura é o ofício de projetar e construir edificações para o homem. – Não possui a palavra arte, no sentido de coisa grandiosa, capaz de emocionar o observador/usuário, despertando- lhe sensações comparáveis às produzidas por uma bela música ou pintura.
  13. 13. IMPLICAÇÕES DA DEFINIÇÃO DE ARQUITETURA ● No processo de ensino de projeto arquitetônico – Como arte
  14. 14. IMPLICAÇÕES DA DEFINIÇÃO DE ARQUITETURA ● No processo de ensino de projeto arquitetônico – Como atividade, ofício
  15. 15. IMPLICAÇÕES DA DEFINIÇÃO DE ARQUITETURA ● Van Gogh ● Mondrian ● Nos Critérios de Avaliação da Qualidade do Projeto Arquitetônico ●Como ofício ●Como arte
  16. 16. PARTICULARIDADES DA DISCIPLINA DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Conteúdos próprios, porém dependência de conteúdos “externos” ● Diferentes critérios de avaliação para cada etapa
  17. 17. DEFINIÇÃO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● “Projeto arquitetônico é uma proposta de solução para um particular problema de organização do entorno humano, através de uma determinada forma construível, bem como a descrição desta forma e as prescrições para sua construção”. (SILVA, p. 39, 1998)
  18. 18. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● “pode-se afirmar que o processo projetual na arquitetura é representável por uma progressão, que parte de um ponto inicial (...) e evolui em direção de uma proposta de solução (...). As diferentes fases desse processo se caracterizam por um gradativo decréscimo do teor de incerteza e pelo conseqüente incremento do grau de definição da proposta.” (SILVA, P. 78, 1998)
  19. 19. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO
  20. 20. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Etapas – Levantamento das necessidades e aspirações do cliente (professor) ● Em sala de aula, pode-se enunciar o problema, cabendo ao aluno expressá-lo em forma de um programa de necessidades e uma carta de requisitos: projetar uma residência unifamiliar para uma família de classe média, composta por um jovem casal e 3 filhos em idade escolar... ● Podem ser acrescentadas informações relevantes para o cliente (professor)
  21. 21. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● PROGRAMA DE NECESSIDADES – SETOR ÍNTIMO: ● 2 quartos ● 1 suíte ● banheiro ● sala de televisão – SETOR DE SERVIÇOS ● cozinha ● garagem ● lavanderia ● despensa – SETOR SOCIAL ● estar ● jantar ● EXIGÊNCIAS – Espaço para carros de visitantes – Sair com o carro voltado para a frente do terreno – Sacadas – Sótão – Fundo do terreno para lazer dos filhos – ...
  22. 22. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● PROGRAMA DE NECESSIDADES – SETOR ÍNTIMO: ● 2 quartos 10m²/quarto ● 1 suíte 15m² ● Banheiro 3m² ● Sala de televisão 12m² – SETOR DE SERVIÇOS ● Cozinha 7m² ● Garagem 2 carros 25m² ● Lavanderia 4m² ● Despensa 3m² – SETOR SOCIAL ● Estar 12m² ● Jantar 12m²
  23. 23. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Equacionamento do problema – Contextualização da edificação a ser proposta ● dimensões e características do terreno ● visuais interessantes ● legislação local ● características do bairro ● clima ● segurança ● capacidade de investimento do cliente ● ...
  24. 24. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Estudos de caso
  25. 25. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Ocupação do terreno, estudo de fluxos e escolha da tipologia – Agrupando-se os ambientes em setores, pode-se trabalhar respostas ao “lugar” de inserção do edifício: ● Qual a melhor disposição dos setores em relação ao clima? ● A topografia do terreno sugere padrões de uso? ● Manter as vistas originais ou voltar o edifício para si mesmo? ● Como solucionar o acesso ao terreno? ● Como se relacionam os acessos com as ruas do entorno? (FAWCETT, 1999)
  26. 26. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Ocupação do terreno, estudo de fluxos e escolha da tipologia
  27. 27. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Disposição dos ambientes e verificação da viabilidade
  28. 28. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Escolha do processo construtivo ● Composição
  29. 29. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Composição
  30. 30. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Representação (ESTUDO PRELIMINAR) ● ANTEPROJETO
  31. 31. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO ● Representação (ESTUDO PRELIMINAR) ● ANTEPROJETO ● PROJETO EXECUTIVO
  32. 32. METODOLOGIA PARA O ENSINO DE PROJETO ARQUITETÔNICO
  33. 33. CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO PROJETO ARQUITETÔNICO ● Conforme Elvan Silva, “o valor arquitetônico está na obra , e não no projeto, é possível, contudo, dentro de certos limites, avaliar-se o potencial do projeto enquanto proposta.” (SILVA, p. 38, 1998)
  34. 34. CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO PROJETO ARQUITETÔNICO ● Na disciplina de projeto, a forma de avaliação das qualidades do projeto deve estar amarrada à metodologia de ensino. ● A avaliação deve fazer parte do processo de ensino, tendo finalidade pedagógica. ● Na metodologia aqui sugerida é desejável avaliar o aluno ao longo do processo e não apenas o produto final, enfatizando a importância do método de projeto.
  35. 35. CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO PROJETO ARQUITETÔNICO ● Categorias para avaliação do projeto arquitetônico – Necessidade (ou utilidade) – Resolubilidade – Otimização – Viabilidade – Grau de definição – Comunicação
  36. 36. CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO PROJETO ARQUITETÔNICO ● Comunicação (O projeto é um meio, não um fim)
  37. 37. CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO PROJETO ARQUITETÔNICO ● Avaliação em etapas – Equacionamento do problema – Estudo preliminar – Anteprojeto
  38. 38. CONSIDERAÇÕES FINAIS

×