Slid seminário-lurdes-editado-20-03-15

238 visualizações

Publicada em

d

Publicada em: Governo e ONGs
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
238
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slid seminário-lurdes-editado-20-03-15

  1. 1. Ciências Econômicas – Noite Economia Regional e Urbana Professora: Maria de Lourdes Araújo Equipe: Antonio Fagundes G. da Silva Danyelle Belém Araújo Luanna Pereira de Morais Mariany Lopes da Silva Vanessa Maria Monte Crato-CE, 06 de Abril de 2015 1
  2. 2. 2
  3. 3. 3
  4. 4. Uma nova maneira de pensar Capacitando soluções de negócios para Cidades Inteligentes A população mundial está crescendo e se aglomerando nas cidades. Este é um processo que se iniciou com a revolução industrial, há duzentos anos e ainda está intensamente ativo. A concentração da população e da atividade econômica em cidades significa que as cidades são vitais para o sucesso do desenvolvimento global. Um relatório de 2011 das Nações Unidas sobre Assentamentos Humanos estima que 75% da população estará vivendo em cidades em 2050 , o que implica que o foco na sustentabilidade está se movendo para as cidades As cidades terão que lidar com os desafios do século 21: As alterações climáticas, o alto consumo de fontes de energia não renováveis, a ascensão das economias em desenvolvimento, aumentando a densidade populacional e infraestruturas obsoletas. 4
  5. 5. 5
  6. 6. Barcelona Smart City Barcelona é uma das cidades mais fascinantes e cosmopolitas da Europa. A cidade tem sido o destinatário de uma reforma urbana, econômica e social para criar um ambiente de alta qualidade para trabalhar e viver. Tornou-se um dos principais destinos de turismo sustentável e estudo, o que prova o compromisso da cidade com os valores econômicos, sociais, culturais e ambientais. É um crescente centro de negócios com um desempenho em termos de sustentabilidade ambiental, competitividade econômica, e qualidade dos serviços de vida e para a cidade. A partir da rede de ônibus ortogonal ou o sistema de partilha de bicicletas, e o sistema de pagamento sem contato usando tecnologia NFC ou os novos sensores urbanos, estão transformando a cidade em si em um laboratório urbano. E a implantação de um plano de mobilidade elétrica para a cidade, a Vivo Barcelona Project, é uma nova oportunidade para posicionar Barcelona como um centro de inovação em mobilidade elétrica em escala mundial. 6
  7. 7. SISTEMA DE PARTILHA DE BICICLETA REDE DE ÔNIBUS ORTOGONAL MÁQUINA DE BILHETE DE TRANSPORTE E INFORMATIVO 7
  8. 8. BARCELONA - ESPANHA 8
  9. 9. Smart City Expo World Congress 2012 in Barcelona Barcelona é a sede do Congresso Mundial de Cidades Inteligentes, a edição de 2012 aconteceu de 13-15 novembro no Gran Via Venue. É o congresso único a nível mundial, que está liderando o movimento para desenvolver comunidades inteligentes que irão conduzir cidades inovadores e sustentáveis, um evento que se tornou referência mundial para o setor de cidades inteligentes. Barcelona, é uma cidade inovadora e pioneira na implementação de políticas sustentáveis, é o anfitrião da Smart City Expo World Congress. 9
  10. 10. GRAN VIA VENUE10
  11. 11. Congresso Mundial Pensamento inteligente A Smart City Expo Congresso Mundial é o ponto de encontro para empresas, administração pública, empresários e centros de pesquisa para mostrar, aprender, compartilhar, fazer contatos e encontrar inspiração para o desenvolvimento das cidades do futuro . É construído em torno do conceito de uma “sociedade inteligente para as empresas inovadoras e cidades sustentáveis”. A Smart City Expo World Congress vai sediar especialistas e líderes para compartilhar seus mais recentes desenvolvimentos, resultados e estratégias. Setores público e privado vão reunir-se para discutir as melhores ideias e soluções para cidades inteligentes. As principais empresas vão trazer e apresentar o seu conhecimento, soluções inovadoras e construir relacionamentos fortes com as cidades e parceiros. A Smart City Expo Congresso Mundial é um evento que se tornou a líder da indústria em cidades inteligentes. Sua posição como o evento de referência lhe dá enorme poder de convocação, e reuniu mais de 7.000 visitantes, 140 empresas e 3.055 delegados de países ao redor do mundo na edição de 2012. A Smart City Expo Congresso Mundial promove o desafio global da mudança das cidades em que vivemos e a maneira como usamos nossos recursos. Essa visão engloba soluções nas áreas de energia, tecnologia, mobilidade, planejamento urbano, meio ambiente, geospace e gestão para o desenvolvimento de cidades sustentáveis, mais eficientes. 11
  12. 12. ENERGIA As cidades são um dos principais contribuintes para as emissões de CO2 na América e na Europa. Desafios iminentes incluem: melhorar a eficiência na consumo de energia e transportes, aumentar a produção a partir de fontes renováveis, o desenvolvimento da rede de energia; equilibrar a energia em direção as renováveis; redução do impacto ambiental; construção do carbono zero; e desenvolver a infraestrutura elétrica necessária a fim de permitir a utilização do veículo elétrico mais generalizado. PALESTRANTES 12
  13. 13. TEMAS  Novos desafios cenário energético As cidades são um dos principais contribuintes para as emissões de CO2. Como podemos fornecer às cidades mais verde, mais sustentável e energia mais segura? Como desenvolvimento das redes de energia está tentando para lidar com esse desafio. Como será esse impacto em nossas cidades? Qual é a perspectiva real de seu desenvolvimento?  Novas fontes de energia As economias precisam pensar em novas fontes de energia que nos ajudam a afastar-se da gasolina e da nuclear. Como essas fontes podem ser? Poderia cidades tornam-se mais autónomos em termos de energia?  Smart grid e armazenamento de energia A estratégia de rede de energia tenta trazer a produção e armazenamento de suas necessidades de energia para a cidade em questão. Qual é o estado atual desta nova infraestrutura de energia?  Mudanças nos modelos e regras de negócios de energia Que novos modelos de negócios e mudanças na regulamentação são necessários para facilitar o desenvolvimento e fornecer viável serviços de rede de energia? 13
  14. 14.  Melhorar a eficiência energética Como resultado da elevada procura, um enorme esforço tem sido feito para melhorar a maneira em que a energia é consumida; no entanto, como isso poderia ser desenvolvida?  Impacto na construção e na economia Como resultado do aumento da população, há uma necessidade urgente de reduzir as necessidades de energia e da pegada ambiental geradas por nossas casas. Como isso pode ser feito de uma forma eficiente e economicamente viável?  infraestrutura eMobility O que deve ser fornecida para tornar a mobilidade elétrica um conceito mais viável? Quais são as estratégias e visões a respeito um mercado de mobilidade elétrica e infraestrutura nas cidades? 14
  15. 15. TECNOLOGIA E INOVAÇÃO Graças a tecnologia moderna, agora cidades podem ser convertidas em seres sensoriais que transmitem as suas necessidades e respostas para determinados cenários em tempo real. Para responder de forma eficiente aos desafios em áreas como mobilidade, energia e meio ambiente e proteção, cidades do futuro devem criar sistemas capazes de lidar com a enorme quantidade de dados gerados por seus residentes. PALESTRANTES 15
  16. 16. TEMAS  A tecnologia impulsionando cidades inteligentes Como a tecnologia é melhorar a vida urbana, social e política? Como é o trabalho e empreendedorismo evoluindo? Como é que as TIC mudando economias cidade? O que podemos esperar de desenvolvimentos futuros? Como a tecnologia pode ajudar a desenvolver cidades mais eficientes?  Big Data Dados e informações está derramando a partir de sensores, sistemas de gestão e os cidadãos. Como é que toda esta informação sergestão, a fim de ganhar o valor máximo a partir dele? Quais são as inovações esperadas em desenvolvimentos futuros?  Tendências da IoT & M2M Novos serviços inteligentes aparecer a partir da possibilidade de obter uma série de informações através de qualquer dispositivo, graças à Internetdas Coisas (IoT) e máquina para conexões de máquina (M2M). Quais são as tendências futuras vai ser? Como pode IoT / M2Mcontribuir para o desenvolvimento de cidades inteligentes?  Mobile Payment & NFC Near Field Communication (NFC) abre um mar de possibilidades para máquinas diálogos bi-direcional-máquina (M2M) to-. É apenas NFCoutra tecnologia ou é a criação de um novo paradigma? Que novas possibilidades é que introduzir e como eles serão gerenciados? 16
  17. 17.  Tap & Go Cidade Caso Barcelona Barcelona e da iniciativa privada se aliaram para alcançar a primeira cidade europeia a implementar de forma abrangente NFC tecnologia de pagamento sem contato. Este projeto é um passo fundamental para o desenvolvimento da sociedade digital.  Plataforma Cidade Um dos desafios cidade inteligente é fornecer uma plataforma de cidade para conectar todos os sistemas e dispositivos e integrar toda a informação disponível. O que é a base de uma plataforma cidade? Como pode um sistema aberto ser estabelecido?  Cidade na Nuvem Telecomunicações e serviços de cloud computing são a base para o desenvolvimento da cidade na nuvem: Informação e serviços de computação acessível a partir de qualquer lugar. Quais são os desenvolvimentos mais avançados desta visão?  Visualizando a vida na cidade As informações geradas pelos sensores, dispositivos e os cidadãos podem ajudar a analisar como funciona a cidade. A visualização é uma ferramenta-chave para esta análise. Quais são as experiências mais relevantes? Onde está se dirigindo a visualização?  Sensores e mapeamento Como a sociedade e as organizações tornam-se mais conscientes espacialmente através de sensores e de mapeamento, que relações e padrões estão sendo revelados? Como isso vai fazer as pessoas pensarem de forma diferente sobre geografia?  Cidades inteligentes: Tecnologia aplicada a um novo modelo de sociedade 17
  18. 18. Sociedade Smart & Collaborative Cidade As cidades são principalmente sobre as pessoas e as suas condições de vida. As TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação) estão estabelecendo um novo cenário para a análise de uma sociedade a fim de interagir e colaborar para capacitar os seus cidadãos a desenvolver as suas iniciativas, promovendo a criatividade e inovação. Além disso, o mesmo se aplica quando as TIC não são amplamente disponíveis, por exemplo, em países em desenvolvimento, como a chave políticas ainda lidar com a colaboração, criatividade, decisões corretas e de uma sociedade melhor. Dois fundos diferentes poderiam ser definidas: em países ainda imersos em uma migração rural-urbana, as cidades são confrontadas com aumento da população; enquanto que nos países desenvolvidos, as cidades têm de lidar com as suas economias industriais obsoletos e o envelhecimento da população. Neste contexto, a tecnologia proporciona maneiras de aumentar a participação do cidadão, a criatividade e desenvolver governos abertos. PALESTRANTES 18
  19. 19. TEMAS  A cidade de colaboração: a chave para uma sociedade inteligente Tecnologia, mídia e métodos de comunicação estão dando voz e capacidades para o cidadão. O que está acontecendo e o que se pode esperar do cidadão em relação à urbana, social e desenvolvimento político? O que pode ser fornecido para promover e facilitar a criatividade e a colaboração?  Participação e envolvimento dos cidadãos desafios Quais são os fatores-chave das estratégias de participação cidadã de sucesso? Como os cidadãos podem se envolver mais na cidade governo?  Informações sobre a cidade Que informações são cidades e cidadãos que prestam e gerando? Como isso pode ser usado para ajudar a imaginar e design uma inclusiva e envolvente modelo de cidade?  Ambientes interativos Como a tecnologia e sensores podem ser usados ​​para envolver indivíduos com projetos da cidade? Como pode pública interativa espaços ser usado para aumentar a consciência de ideias e reunir informações? 19
  20. 20.  Necessidades, ideias, mercados: cidades e da economia da prestação de contas Com as inovações emergentes em alta velocidade e soluções integradas convergentes portfólios de serviços distintos, cidades e as empresas estão começando a descobrir a importância da fase pré- procurement. Nesta etapa, as necessidades são articuladas, diferentes opções validados e testados, e as especificações para os investimentos e regulamentos transformadoras são projetados.  A inovação social No atual contexto de rápida urbanização, o crescimento da população e do desenvolvimento tecnológico, o que é a chave para desenvolvimento social paralelo? Que tem se mostrado como iniciativas e estratégias bem-sucedidas?  Cidades Inteligentes: O caminho para o crescimento O papel das empresas de capital de risco, estratégias para novas empresas e pontos-chave para estimular o crescimento nas Cidades Inteligentes sector. Esta sessão irá explorar como conectar os diferentes intervenientes e expandir a nossa solução para internacional mercados comprovada como iniciativas e estratégias bem-sucedidas?  Reinventando a cidadania através da inovação Nós explorar novos métodos de comunicação entre as cidades e os cidadãos: participação e co-criação com êxito iniciativas e estratégias?  Turismo inteligente: novos desafios, novas oportunidades Cidades inteligentes influenciar a criação de mais oportunidades de turismo. Como uma acentuada melhoria na gestão de uma cidade meio ambiente, suas relações de cidadania, tecnologia e planejamento urbano pode ter um efeito positivo sobre a cidade como um destino turístico. 20
  21. 21. AMBIENTE O mundo está enfrentando grandes desafios ambientais, e as cidades são grandes consumidores de energia e recursos naturais. Novas infraestruturas descentralizadas de produção de energia são postos no centro do debate. Sistemas de igual modo, de resíduos e de gestão da água tem que evoluir a partir do modelo de reciclagem de hoje para um novo modelo que inclui o ciclo de vida do produto, procedimentos de logística inversa e redução do consumo de água / resíduos. Outros tópicos nesta área são aqueles centrados na redução de CO objetivo para o qual, por exemplo, o veículo elétrico contribui. PALESTRANTES 21
  22. 22. TEMAS  Desafios para cidades mais sustentáveis As cidades são grandes consumidores de energia e recursos naturais. Qual é o passo em frente para a sustentabilidade da cidade? Quais são as novas ideias em torno da redução das emissões e consumo de recursos nas cidades? Qual é o futuro para a gestão de resíduos e água?  Observação Nova Terra Quais são as capacidades, possibilidades e limitações do sistema e da arquitetura no local para a observação da Terra? O Que são os futuros desafios no ecossistema de cidades inteligentes?  Gestão da água Quais são os novos sistemas mais eficientes para a introdução de água volta para o ciclo natural? Grids de água inteligente e esperto sistemas de gestão de água para ajudar a tirar o máximo partido dos recursos hídricos disponíveis.  Gestão de Resíduos & ciclo de produto Novas abordagens para reduzir a produção de resíduos urbanos: reutilização, reciclagem e engenharia de produto.  A mudança climática Estratégias e lições aprendidas para combater as emissões de CO2 na cidade.  Espaços verdes Colaborativos Como podemos desenvolver os espaços verdes urbanos com envolvimento bairro e participação? 22
  23. 23. PLANEJAMENTO URBANO E CONSTRUÇÃO Planejamento urbano lida com o espaço onde vivemos e trabalhamos: Como ele é produzido e gerenciados, como é imaginado e como se torna viável. Depois de meio século de planejamento centrado no carro, ambas as disciplinas estão agora reorientando-a escala humana. É imperativo considerar como o desenvolvimento da cidade promove a criatividade, inovação e desenvolvimento econômico. Além disso, devemos avaliar como é um projeto inclusivo para todos os cidadãos. É importante saber como as próprias cidades se reinventam e se transformam; como cuidar e proteger o meio ambiente; e como eles se integram os diferentes tipos de espaços verdes, a agricultura urbana, serviços urbanos e utilitários no novo modelo (rede de energia, reaproveitamento de água, as TIC), etc. Quando redesenhar cidades, ao reinventar a forma como construímos a nossa habitação e edifícios, os recursos que são posteriormente necessário para mantê-los habitáveis ​​são um fator importante. É igualmente importante ter em conta o desenvolvimento de novos espaços urbanos para testar novas soluções PALESTRANTES
  24. 24. TEMAS  Estratégias inteligentes para transformar cidades A população mundial está crescendo e se concentrar nas cidades. Como são cidades lidar comeste aumento no respeito dos objetivos sociais e ambientais e criando um ativo economia?  requalificação urbana Contrastando estratégias para superar a escassez de recursos físicos em diferentes realidades urbanas.  Estratégias para a regeneração urbana inteligente Maneiras de enfrentar os desafios urbanos, sociais e ambientais, criando uma economia urbana forte.  crescimento inteligente Quais são as estratégias para o acelerado processo de urbanização, com a minimização do impacto ambiental?  Verde urbano inteligente Os esquemas para gerir os espaços verdes urbanos de forma mais eficiente: a partir de sua saída do meio ambiente para a sua viabilidade económica.  Minimizar o impacto da construção Melhores práticas para minimizar os impactos ambientais de edifícios: processo de construção, materiais utilizados e de impacto subsequente. 24
  25. 25. MOBILIDADE Nos últimos 20 anos, as cidades foram desafiando o paradigma da mobilidade gerada em torno de carros como o principal meio de transporte. Hoje, o paradigma do veículo também está sendo contestada pela mudança climática e a atual implantação recursos naturais. Há uma utilização generalizada de novas TICs para todos os meios de transporte, que permitem a informação em tempo real ou de sinalização variável de acordo com as condições de tráfego. Há uma mudança de foco das políticas a desenvolver infraestruturas para aqueles preocupados com a melhoria e integração da gestão de serviços de mobilidade. Por exemplo, tem havido uma mudança de foco da propriedade do veículo para o uso de outros modos de mobilidade; melhoria generalizada das condições de andar a pé e de bicicleta; uma integração do planejamento urbano com a mobilidade; melhoria significativa e promoção de veículos elétricos e híbridos, e uma extensão da rede de pontos de carregamento. Há uma necessidade urgente em muitas cidades para reduzir a poluição proveniente do tráfego e uma exigência global para encontrar alternativas ao petróleo como a principal fonte de energia nos transportes. PALESTRANTES 25
  26. 26. TEMAS  Novos paradigmas de mobilidade: seu, e, mutlimodal & compartilhado Mobility enfrenta muitas realidades urbanas diferentes e melhorar a mobilidade da cidade sempre implica respostas complexas. Quais serão os conceitos que definem o futuro urbano políticas de mobilidade? Consideramos que o veículo elétrico e as suas infraestruturas e os jornada multimodal e os serviços e espaços compartilhados.  ITS & Mobility Management 1 Quais são os de entrada Sistemas de Transporte Inteligentes (ITS) para gerenciar as redes atuais de mobilidade complexos?  Mobilidade Multimodal na demanda Como criar e gerir um sistema de mobilidade complexo que seria atribuir o modo mais eficiente e eficaz de transporte para cada viagem?  ITS & Mobility Management 2 Quais são os de entrada Sistemas de Transporte Inteligentes (ITS) para gerenciar as redes atuais de mobilidade complexos ?  Compartilhando espaço de mobilidade urbana Os regimes de mobilidade em que os cidadãos são parte do processo de tomada de decisões por trás do processo de planejamento de transportes: compartilhando informação, meios de transporte e infraestruturas públicas.  Mobilidade e localização de gestão As formas de utilizar eficazmente os dados de dispositivos de navegação GPS, soluções de gestão de frotas e redes GSM, a fim para melhorar a utilização e gestão das redes de transporte. 26
  27. 27. GOVERNANÇA E ECONOMIA Na sociedade moderna, as prefeituras são confrontados com maiores demandas de seus cidadãos no que diz respeito aos serviços oferecidos, e a capacidade do cidadão de influenciar ou de ter uma voz no governo da cidade. Isso acontece em um ambiente com menos recursos econômicos e dentro de uma participação conflituosa de responsabilidades entre a cidade,, organismos nacionais e supranacionais dos governos regionais. Os governos municipais são geralmente na vanguarda de todos os níveis superiores da administração que nos governam. Parcerias com empresas privadas são cruciais para o desenvolvimento de novos projetos com novos instrumentos financeiros. Além disso, a abertura do governo para o público e para a promoção da criatividade e empreendedorismo estão entre as principais políticas que têm de ser desenvolvidas: governo aberto, transparência e dados abertos. A liderança do governo da cidade tem de desempenhar um papel importante na implementação de programas de reforma. PALESTRANTES 27
  28. 28. TEMAS Mudar modelos de governança As prefeituras enfrentam crescentes desafios sociais e econômicos. Como são os governos, as empresas e os cidadãos que vão trabalhar em conjunto e colocar as políticas económicas adequadas no local para contribuir para o desenvolvimento econômico, social e ambiental? Qual será o papel da tecnologia estar jogando?  Colaboração público-privada Como criar e gerir um sistema de mobilidade complexo que seria atribuir o modo mais eficiente e eficaz de transporte para cada viagem?  Financiamento de Transformação O que as políticas económicas devem ser postas em prática para ajudar organizações parceiras públicas para modernizar os serviços públicos?  Smart & Governo Aberto Como os governos podem ser acessados ​​pelo cidadão para obter um maior envolvimento e maior transparência?  Protocolo da Cidade: construir juntos melhores cidades Promover a inovação urbana e ao desenvolvimento de novas cidades sustentáveis ​​e eficientes através da partilha de conhecimentos sobre as cidades.  Cidades conectadas para o desenvolvimento econômico O desenvolvimento econômico, social e ambiental a nível da cidade e local governo: como vamos conseguir todas as informações necessárias ?  Dados Abertos Grande organização esquemas de dados aberto com êxito. 28
  29. 29. EMERGÊNCIAS E SEGURANÇA As TICs (Tecnologias de Informação e Comunicação) estão a tornar-se um jogador-chave para ajudar a gerenciar, monitorar e detectar acidentes, falhas de sistema ou anomalias, e dirigir situações críticas. Eles ajudam a coordenação da polícia, emergência ou serviços de saúde de emergência e a monitorização e gestão da cidade de resiliência. Cidade resiliência refere-se a capacidade da cidade para reagir a desastres naturais ou acidentes inesperados que podem causar interrupções nos serviços urbanos ou redes de transportes. PALESTRANTES 29
  30. 30. TEMAS  Emergências e Urban Resiliência 1 Serviços urbanos complexos, redes de transporte e serviços de emergência tornar-se infraestrutura crítica de uma cidade. Quais são hoje desenvolvimentos no que diz respeito à coordenação de procedimentos, mecanismos e estratégias em caso de interrupções de serviço inesperadas?  Emergências e Resiliência Urbana 2 Serviços urbanos complexos, redes de transporte e serviços de emergência tornar-se infraestrutura crítica de uma cidade. Quais são hoje desenvolvimentos no que diz respeito à coordenação de procedimentos, mecanismos e estratégias em caso de interrupções de serviço inesperadas?  Cidade sala de situação Serviços de emergência da cidade de plataformas operacionais comuns para o compartilhamento de informações e tomada de decisão colaborativa. 30
  31. 31. Smart GEO (INTELIGENTE TERRA) Smart Geo abrange uma ampla variedade de campos. Estes vão desde o levantamento topográfico, sistemas de geo-informação, sensoriamento remoto e técnicas de fotogrametria para soluções e tecnologias complementares. O Sistema de Informação Geográfica (SIG) facilita a análise dos diferentes sistemas que compõem a cidade inteligente (energia, meio ambiente, mobilidade ...) com soluções de visualização de dados capturados globalmente (satélites, sensoriamento remoto, etc.) e dados de geo-informação locais. Smart Geo também oferece uma plataforma para os desenvolvimentos pioneiros de hoje e amanhã do mercado: a tecnologia multi-sensor em aquisição de dados, computação móvel, nuvem de sourcing, aplicativos 3D, utilizando o posicionamento por satélite e a tendência para soluções geo-web. PALESTRANTES 31
  32. 32. TEMAS  De cidades Geo para cidades inteligentes Tecnologias e padrões de gestão e representando modelos de cidades em 3D e fazer análise de dados para uma melhor gestão urbana: geo-informação, geo-referenciamento, geo- localização e geo-serviços. 32
  33. 33. CASOS PAÍS E CIDADE Atualmente, as cidades estão no centro de negócios e desenvolvimento social. Desafios sustentáveis ​​e crescimento urbano exigem cidades repensadas, a fim de torná-las mais eficientes, ambientalmente amigável e capaz de oferecer uma melhor qualidade de vida. A colaboração entre governos, empresas, acadêmicos, empresários e cidadãos é essencial para atingir essas metas. PALESTRANTES 33
  34. 34. TEMAS  Comissão da UE Cidades Inteligentes Oficina Serviços urbanos complexos, redes de transporte e serviços de emergência tornar-se infraestrutura crítica de uma cidade. Quais são hoje desenvolvimentos no que diz respeito à coordenação de procedimentos, mecanismos e estratégias em caso de interrupções de serviço inesperadas?  Painel Colômbia  Estratégias de engajamento, capacitando as partes interessadas da cidade Com representantes de Guadalajara, Boston, Vancouver e Haifa, esta sessão irá explorar a visão e implementação de projetos de cidades inovadoras que se conectam e envolver os cidadãos, as empresas e os empresários com os objetivos e as ações do governo.  Japão Simpósio  Japão estudo de caso com especial atenção para as políticas energética e ambiental.  Caso Cidade: América do Sul  Painel UK  Caso Cidade: Espanha  Caso Cidade: Europa  Caso Cidade: Ásia  Painel China  Caso Cidade: Catalunya 34
  35. 35. CIDADE INTELIGENTE 35
  36. 36. Cidades brasileiras que colaboram com o Smart City Expo World Congress.36
  37. 37. As Edições do Congresso mostram uma visão integrada de todas as áreas envolvidas no desenvolvimento de cidades inovadoras e sustentáveis.  CONGRESSO 2011: “A cidade inteligente” - O primeiro Congresso teve mais de 70 sessões focadas em Cidades Habitáveis, Visão Integrada, Cidades Sustentáveis ​​e Mobilidade Urbana.  CONGRESSO 2012: “pensamento inteligente” - A ênfase foi colocada sobre a necessidade de uma sociedade inteligente para Cidades e questões inovadoras e sustentáveis ​​relacionadas ao planejamento urbano e Smart Geo.  CONGRESSO 2013: “novo modo de pensar” – Ideias e alternativas foram apresentadas em áreas como energia, tecnologia, Governança, Sustentabilidade do Ambiente e Mobilidade.  CONGRESSO 2014: “Mude o mundo” 37
  38. 38. 38
  39. 39. PATROCINADORES 39
  40. 40. 40
  41. 41. 41
  42. 42. As Cidades são o verdadeiro motor de transformação do mundo. Identificar as demandas estruturais que afetam o Meio Ambiente, Mobilidade Urbana e Geração de Energia dão o tom do futuro. O SMART CITY BUSINESS AMÉRICA é uma plataforma que pretende trazer o debate, trocar informações e alternativas de soluções inteligentes para os desafios encontrados nas Cidades modernas. 42
  43. 43. ONDE AS CIDADES SE ENCONTRAM O SMART CITY BUSINESS AMERICA é o lugar de convergência, onde os participantes poderão discutir os principais problemas encontrados nas Cidades, compartilhar diferentes visões, soluções e casos de sucesso. Uma plataforma de negócios que pretende disseminar as melhores práticas e conhecimentos do setor. Nesta terceira edição, no formato CONGRESS & EXPO, passa a ser um evento com relevância internacional. Receberá representantes de cidades, instituições, universidades, centros de pesquisa e desenvolvimento, empresas e empreendedores dos cinco continentes, trazendo consigo ideias que possam fazer a diferença. 43
  44. 44. 44
  45. 45. 45
  46. 46. A globalização acelerada trouxe na sua esteira o fenômeno da urbanização mundial crescente. O processo trouxe novos desafios para serem enfrentados durante o decorrer do Século XXI:46
  47. 47. Esses novos desafios afetam de forma transversal as diferentes áreas da cidade, e a solução de cada um deles deve ser abordada com uma visão integrada e inovadora, a partir de todas as suas perspectivas e áreas principais. Para superar esses desafios as cidades devem desenvolver um modelo de gestão de maior qualidade e eficiência que permita: 47
  48. 48. As cidades que conseguirem implantar essas soluções terão criado um novo modelo organizacional, em que a incorporação de tecnologias para as infraestruturas e serviços da cidade permite um aumento da eficiência e da qualidade de sua gestão. Esse conceito engloba, ainda, os seguintes processos de gestão: 48
  49. 49. OBJETIVOS 49
  50. 50. PALESTRANTES 50
  51. 51. 51
  52. 52. TEMAS PRINCIPAIS 52
  53. 53. REFERÊNCIAS Site: http://www.smartcityexpo.com/ http://www.smartcitybusiness.com.br/ 53
  54. 54. OBRIGADO PELA ATENÇÃO 54

×