04 12 11

284 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
284
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

04 12 11

  1. 1. Nº 1.887 (Ano B/roxo) - 2º Domingo do Advento - 4 de dezembro de 2011 CAMPANHA PARA A EVANGELIZAÇÃO "PREPARAI O CAMINHO DO SENHOR" nhando, juntos como irmãos, ao en- contro do Senhor. C.2 Neste Domingo, o segundo do Ad- vento, clamando no deserto de nossa rea- lidade, chega até nós, pela voz de João Ba- tista, um forte apelo para endireitarmos os caminhos para a vinda do Senhor. É preci- so reconhecer que andamos, ainda, por estradas tortuosas de injustiça, corrupção, e brutal violência que paralisam e conso- mem nossas energias. Uma sincera e coti- diana conversão ao projeto de Deus se impõe a nós. Iniciemos nossa celebração cantando. 02. CANTO O Senhor está pra chegar... nº 124SUGESTÃO: 03. ACOLHIDA E SAUDAÇÃO- Distribuir hoje os envelopes da Campanha para D. Como filhos e filhas amados de Deus,a Evangelização estamos aqui reunidos: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém!01. MOTIVAÇÃO A paz de Deus nosso Pai, o amor de Cris-C.1 Irmãos e irmãs sejam todos bem vin- to Jesus, e a comunhão do Espírito Santodos. O Cristo que veio, que vem e que virá, estejam convosco!é a razão pela qual nos encontramos reuni- Todos: Bendito seja Deus...dos, para celebrarmos juntos a mesma fé noDeus que vem ao encontro do seu povo. 04. DEUS NOS PERDOARefr.: Juntos como irmãos, membros da D. Deus deseja a conversão de todos osIgreja, vamos caminhando, vamos cami- seus filhos e filhas. Eis para nós o tempo
  2. 2. favorável. Através do canto penitencial, SEGUNDA LEITURA: 2Pd 3, 8-14manifestemos nosso arrependimento e bus-quemos o perdão de Deus. L.2 Leitura da Segunda Carta de SãoCanto: Ó Deus bondade... nº 185 Pedro.05. ACENDIMENTO DA 2ª VELA EVANGELHO: Mc 1, 1-8(Um jovem, vestido de João Batista, acende a 2ªvela da Coroa do Advento, enquanto se canta o CANTO DE ACLAMAÇÃO2º refrão do canto 136) Aleluia... voz que clama... nº 353C.1 A segunda vela acesa nos convida aodesejo de conversão, arrependimento dos Evangelho de Jesus Cristo segundonossos pecados e também o compromisso Marcos.de prepararmos, assim como João Batista,o caminho do Senhor que virá. Esta vela 08. PARTILHANDO A PALAVRAlembra ainda a fé dos patriarcas e de São Neste segundo domingo do advento, a Pala-João Batista, que anuncia a salvação para vra de Deus alimenta ainda mais nossa ex-todos os povos. pectativa para chegada do Senhor. O profe- ta Isaías indica a libertação do povo da es-06. ORAÇÃO cravidão como um sinal claro da proximida-D. Ó Deus amigo da humanidade, pela de dessa chegada. Além disso, o profeta nos fala do perdão dos pecados e doboca de João Batista, anunciastes ao restabelecimento da amizade entre o povo evosso povo um tempo de graça e a pro- Deus, que agora volta como pastor entre omessa de que, toda a carne verá a sal- seu rebanho.vação. Dai-nos a graça de estar sem- A palavra do profeta restitui a esperança epre na vossa presença e de superar toda convida à confiança. Deus vem e caminha àatitude pessimista com relação a nós frente do seu povo para reconduzi-lo, livre,mesmos e aos outros, até o dia em que da terra do exílio à sua própria terra. O Bomavistaremos a luz de Jesus Cristo, vos- Pastor cuida dos fracos e pequenos; Deusso Filho e nosso Salvador, por quem vos forte, alegra-se em perdoar e renovar todas as coisas.pedimos, na unidade do Espírito Santo. Marcos começa o seu Evangelho com a fi-Amém. gura e a pregação de João Batista. João é o precursor do Messias que prega, em confor-07. DEUS NOS FALA midade com as profecias de Isaías, um ba-Vamos ouvir a palavra de Deus, aprender tismo de conversão para o perdão dos peca-com ela e depois colocá-la em prática. dos. O evangelista se preocupa em deixar bem claro que João Batista não é o Messias.PRIMEIRA LEITURA: Is 40,1-5.9-11 Ele é apenas o precursor. É símbolo da pes- soa vigilante e pronta para receber a boa- nova do Messias.L.1 Leitura do Livro do Profeta Isaías. Em João Batista encontramos as qualidades de quem está preparado para abraçar os no-SALMO RESPONSORIAL – 84(85) vos tempos, a nova realidade dentro da his-Refrão: Mostrai-nos, ó Senhor, vossa tória da salvação. Desprendido e humilde,bondade,/ e a vossa salvação nos mas entusiasmado pela causa do Reino. Joãoconcedei! é verdadeiro profeta, alguém cheio de Deus
  3. 3. e que fala de Deus. em plenitude.Ao descrever a figura de João Batista, Mar- Antes de pensarmos que o Senhor demora acos dá todos os traços dos grandes profetas. voltar, vamos aproveitar este tempo que EleAo dizer que o Batista se vestia com pele de nos dá para crescermos mais no caminho dacamelo, o ligou imediatamente ao mais res- conversão buscando maior santidade de vidapeitado profeta do Antigo Testamento, Elias, e a promoção da justiça.que também se vestia assim. Ao dizer queJoão andava com um cinto de couro à cintu- 09. PROFISSÃO DE FÉra, está dizendo que era um homem sóbrio, D. Juntos professemos nossa fé no Deuspuro, atento à voz do Senhor, pronto a ir para que enviou seu Filho para nos dar a salva-onde Deus quisesse. Os gafanhotos simboli-zam a Palavra de Deus que é sempre humil- ção. Creio em Deus Pai...de, mas com uma força interna capaz dederrotar os demônios. Segundo antigas tra- 10. PRECES DA COMUNIDADEdições, o gafanhoto, na sua debilidade, en- D. Com fé e esperança, apresentemos afrenta as serpentes e chega a matá-las. O Deus nossas preces.mel, também encontrável no deserto, é outro L.1 Para que todos nós, cristãos, especial-símbolo da Palavra de Deus. João, portanto, mente neste tempo de Advento, saibamosse alimenta da Palavra de Deus e, com a nos colocar em estado de conversão e nosforça desse alimento, transmite ao povo achegada daquele que é a Palavra de Deus aproximemos do sacramento da reconcili-encarnada, a Palavra eterna. ação. Rezemos ao Senhor.João nos convida a exprimir, através de um L.2 Para que nossa comunidade, fortalecidasinal que não é apenas ritual, a vontade de pela Palavra, busque em sua caminhada criarconversão e a esperança dos tempos novos, relações de fraternidade que promovam ocaracterizados pela efusão do Espírito San- perdão e a conversão das famílias para oto. Nesses tempos novos, que para nós já amor. Rezemos ao Senhor.começaram, embora ainda não totalmente L.1 Para que nossa Igreja imite, em sua obrarealizados, o convite à conversão manifesta-se necessariamente em gestos significativos. de evangelização, a paciência de Deus queEntre esses há certamente o batismo e a dá ao ser humano tempo para optar livre-penitência, verdadeiras experiências de en- mente por ele. Rezemos ao Senhor.contro com o Deus que salva e que perdoa, L.2 Pela paróquia de Conceição da Barra,mas também as atitudes concretas da comu- que no dia 8 festeja sua padroeira, Nossanidade e de cada um em que transparece a Senhora da Conceição. Que ela desperte orealidade de um coração novo. Fazem parte amor e misericórdia no coração de cadadestas atitudes concretas: a partilha, o per-dão, a acolhida, a solidariedade, a disponibili- cristão. Rezemos ao Senhor.dade para serviços voluntários e gratuitos que L.1 No próximo dia 10 comemoramos ofazem crescer a comunidade e transformar dia da Declaração Universal dos Direitosa sociedade. Humanos, rezemos por nossos governantesPreparar os caminhos do Senhor hoje é atu- para que possam oferecer condições dear mais decididamente como cristão e como vida digna para todos, respeitando a vidacidadão para promover a justiça e a paz. É que é dom de Deus. Rezemos ao Senhor.continuar atuando na caridade fraterna, D. Acolhei Senhor, na vossa infinita bonda-engajando-nos nos movimentos sociais daparóquia e da diocese, na defesa dos Direi- de os pedidos que vos apresentamos e ostos Humanos, a fim de criar mais relações que ficaram em nossos corações. Por Cris-de fraternidade para que todos tenham vida to nosso Senhor. Amém!
  4. 4. 10. APRESENTAÇÃO DOS DONS irmãs, saudemo-nos com um sinal de recon-C.1 Depositemos diante do altar do Se- ciliação e paz.nhor nossa oferta pelos dons que recebe- Canto: É bonita demais... nº 545mos do Pai. É o sinal de nossa gratidão.Canto: Preparo esta mesa... n° 481 (sem 14. ORAÇÃOa 1ª estrofe) D. Ó Deus, pela participação nesta San- ta Liturgia, nos ensinastes a julgar com11. CAMPANHA PARA A sabedoria os valores terrenos e colocarEVANGELIZAÇÃO nossas esperanças nos bens eternos.C.1 O objetivo da Campanha para a Fazei que assim caminhemos e possa-Evangelização é despertar os leigos para o mos nos alegrar com a vossa recompen-compromisso evangelizador e para a res- sa. Por Cristo, nosso Senhor. Amém!ponsabilidade pela sustentação das ativi-dades pastorais da Igreja no Brasil. Do- 15. AVISOSmingo que vem vamos contribuir! D. Hoje receberemos os envelopes para aRefrão: Vem Senhor, vem nos salvar, Campanha para a Evangelização. No pró-com o teu povo vem caminhar.D. Oremos: (pausa): Senhor Jesus Cris- ximo Domingo faremos nossa oferta.to, vós nos deixastes a missão deevangelizar. Ajudai-nos a sentir a be- 16. BÊNÇÃO E DESPEDIDAleza de crer em vós. Despertai em nós D. O Senhor esteja convosco!a consciência da grandeza da missão. Todos: Ele está no meio de nós!Renovai o ardor e a responsabilidade D. Que o Deus onipotente e misericordiosodos cristãos na participação da obra da nos ilumine com o advento do seu Filho, emevangelização. Dai-nos um coração ge- cuja vinda cremos e cuja volta esperamos, eneroso para colaborar espiritual e ma- derrame sobre nós as suas bênçãos, Pai eterialmente na missão. Com nossa Filho e Espírito Santo. Amém!oferta, feita com alegria, testemunhe-mos a alegria de sermos vossa Igreja 17. CANTOdiscípula missionária. Amém! Estou pensando em Deus... n° 77112. PAI NOSSOD. Iluminados pela Palavra que nos convi-da a converter-nos e a preparar o cami- Leituras para a Semananho do Senhor, rezemos a oração que Je- 2ª Is 35, 1-10 / Sl 84 / Lc 5, 17-26sus nos ensinou: Pai Nosso... 3ª Is 40, 1-11 / Sl 95 / Mt 18, 12-14 4ª Is 40, 25-31 / Sl 102 / Mt 11, 28-30 5ª Imaculada Conceição de Nª Senhora13. ABRAÇO DA PAZ 6ª Is 48, 17-19 / Sl 1 / Mt 11, 16-19D. Em Jesus que nos fez todos irmãos e Sáb.: Eclo 48, 1-4.9-11 / Sl 79 / Mt 17, 10-13 Secretariado Diocesano de Pastoral Av. João XXIII, 410-Centro 29930-420-S. Mateus/ES - Tel: (27) 3763.1177 Fax 3763.3104 - E-mail: secretariado@diocesedesaomateus.org.br / Site: www.diocesedesaomateus.org.br Rádio Católica da nossa região, é a Kairós FM 94,7. www.radiokairos.com.br Associe-se ao Clube do Ouvinte e ajude a manter a rádio. Informações pelo telefone 3767-2000.

×