CF1204CASO DE INOVAÇÃOSISTEMA BATISTA MINEIRO DE EDUCAÇÃO - NOVO MODELO DE NEGÓCIOSHugo Ferreira Braga TadeuINTRODUÇÃO    ...
Neste cenário, os resultados do PISA indicam que 19,4% da população na faixa etária em estudo nãoteria boa condição para a...
Finalmente, em ciências, para aqueles que acreditam que algum resultado poderia ser diferente dasFiguras 02 e 03, novament...
Ranking                 Cidade                         Escola             Participação       Média                        ...
Os desafios do SBME para o longo prazo estão         região? Por que não profissionalizar a gestão, comrelacionados a manu...
A proposta da Figura 06, consiste em descrever o             ANÁLISES DOS RESULTADOSmodelo de negócios das organizações, b...
Neste contexto, o SBME vem buscando educar oseus alunos, não somente para os vestibulares,mas para a vida. O modelo pedagó...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Caso de Inovação: Sistema Batista Mineiro de Educação - Novo Modelo de Negócios

798 visualizações

Publicada em

Por Hugo Ferreira Braga Tadeu

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
798
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Caso de Inovação: Sistema Batista Mineiro de Educação - Novo Modelo de Negócios

  1. 1. CF1204CASO DE INOVAÇÃOSISTEMA BATISTA MINEIRO DE EDUCAÇÃO - NOVO MODELO DE NEGÓCIOSHugo Ferreira Braga TadeuINTRODUÇÃO deve (em tese) ter todo o conhecimento técnico para a sua formação.E Como resultado, o conhecido teste de PISA - m “falência educacional – complô ou lógica”, o “Programme for International Student Assessment”,economista Gustavo Ioshpe propõe uma reflexão desenvolvido pela OCDE – Organização parasobre os problemas da educação no Brasil, desde a Cooperação e Desenvolvimento Econômico,proposta de valor pedagógica das escolas públicas destacou o Brasil entre os piores colocados do mundo,e privadas, até a baixa qualidade dos alunos e se posicionando no grupo dos subdesenvolvidos,professores. Deveríamos formar para a vida ou na 53ª posicão, dentre as 60 disponíveis. Osimplesmente para o vestibular? destaque está para os Filandeses, Canadenses eDa mesma forma, diversos outros especialistas Sul Coreanos, conforme a Figura 01.no tema, citando o também economista Claudiode Moura e Castro, com inúmeros livros e artigospublicados sobre a qualidade da educação noBrasil, bem como a pesquisadora do BancoMundial, Mona Mourshed, vem destacando quemuito trabalho deveria ser realizado para queos alunos brasileiros pudessem ter uma maiorinserção no cenário internacional.Enquanto a China e a Coréia do Sul acreditamque para alcançarem o patamar de potenciaeconômica mundial, bastaria investir em educaçãode alta qualidade, para aumento da produtividadelocal e por uma mão de obra diferenciada, noBrasil, a opção vem sendo por investimentos eminfraestrutura e cada vez menos em educação.Enquanto nos países citados acima, a propostaeducacional refere-se a um modelo em que sebusca o foco no ensino para a vida, em que o alunotem uma cesta de conteúdos disponível para a suaescolha e formação integral, o modelo nacional évasto, pesado e difícil de ser compreendido. Desdeconhecimentos em história geral, geografia, física,química, inglês, espanhol, português, matemática Figura 1 – Capacidade de Leituraentre tantos outros assuntos, o aluno brasileiro Fonte: Veja.com (2011)
  2. 2. Neste cenário, os resultados do PISA indicam que 19,4% da população na faixa etária em estudo nãoteria boa condição para a leitura, isto é, “dez jovens de 15 anos não tem as devidas condições paracompreender textos simples no Brasil”, segundo a Veja (2011).Ainda de acordo com a OCDE (2012), as condições para a leitura são ótimas no Canadá, em algunspaíses europeus, Coréia do Sul e Austrália, conforme a Figura 02.Figura 2 – Desempenho Mundial em LeituraFonte: OCDE (2011)Para o conhecimento em matemática, o destaque está novamente para o Canadá, alguns paíseseuropeus, Coréia do Sul e Austrália, conforme a Figura 03.Figura 3 – Desempenho Mundial em MatemáticaFonte: OCDE (2011) Casos FDC - Nova Lima - 2012 - CF1204 2
  3. 3. Finalmente, em ciências, para aqueles que acreditam que algum resultado poderia ser diferente dasFiguras 02 e 03, novamente os primeiros colocados são o Canadá, alguns países europeus, Coréia doSul e Austrália, conforme a Figura 04.Figura 4 – Desempenho Mundial em CiênciasFonte: OCDE (2011)Em todos os estudos da OCDE, o Brasil aparece de avaliar o ensino médio no Brasil, com vistas“abaixo da média”, isto é, os estudantes nacionais a entrada no ensino superior, o destaque estáestão reprovados em português, matemática e para as escolas privadas, com ensino tradicional,ciências. Como o país poderia se destacar em sendo o oposto das escolas públicas. O ENEM exigeinovação organizacional e tecnológica com estes conhecimentos em ciências da natureza, ciênciasresultados, para uma visão de longo prazo? humanas, matemática, português e redação,Avaliando os resultados do ENEM – Exame similar a proposta do PISA. Os melhores colocadosNacional do Ensino Médio, prova criada pelo do ENEM no Brasil estão na Figura 05.Ministério da Educação no Brasil, com o intuito Ranking Cidade Escola Participação Média 1 Rio de Janeiro (RJ) Colégio de São Bento 100% 761,7 2 Teresina (PI) Instituto Dom Barreto 95,70% 754,13 3 São Paulo (SP) Colégio Vértice (Unidade II) 84,40% 743,75 4 Belo Horizonte (MG) Colégio Bernoulli 100% 741,97 5 Belo Horizonte (MG) Colégio Santo Antônio 100% 740,06 6 Rio de Janeiro (RJ) Colégio Cruzeiro 100% 732,12 Casos FDC - Nova Lima - 2012 - CF1204 3
  4. 4. Ranking Cidade Escola Participação Média Educandário Santa Maria 7 Teresina (PI) 100% 727,6 Goretti 8 Viçosa (MG) Escola de Aplicação da UFV 98,10% 726,42 9 Rio de Janeiro (RJ) Colégio Santo Agostinho 100% 726,26 10 Belo Horizonte (MG) Colegium 100% 725,95Figura 5 – Resultado do ENEMFonte: Veja.com (2011)O Estado de Minas Gerais tem grande destaque na Com a proposta de prepar os alunos para a vida equalidade no ensino no Brasil, com o maior número não somente para habilidades técnicas, o Sistemade escolas aprovadas pelo ENEM, seguido do Rio Batista Mineiro de Educação – SBME propõe umade Janeiro. Os resultados do Colégio Bernoulli formação social, valorizando o indivíduo, propondo(Belo Horizonte) e Escola de Aplicação da UFV programas sociais, culturais e a promoção do(Viçosa, Minas Gerais), chamam a atenção, por exercício a cidadania aos seus alunos, totalizandoserem escolas com grande direcionamento para 8.200 participantes, nas suas unidades de ensinoo vestibular. Apesar dos excelentes resultados em Belo Horizonte, Betim, Nova Contagem, Ourodestas escolas, estariam os alunos preparados Branco e Uberlândia.para a vida? Qual a correlação entre o ENEM e oteste de PISA?Figura 5 – Unidade do SBMEFonte: SBME (2012) Casos FDC - Nova Lima - 2012 - CF1204 4
  5. 5. Os desafios do SBME para o longo prazo estão região? Por que não profissionalizar a gestão, comrelacionados a manutenção dos valores da indicadores de processos e alinhamento plenoorganização, apresentando no entanto, inovações entre os departamentos? Que tipo de tecnologiaorganizacionais, melhorias de processos e inserir em sala de aula? Finalmente, qual asustentabilidade financeira. percepção dos alunos para o SBME? Da mesma forma, qual a análise dos concorrentes?PROBLEMA METODOLOGIAQual o modelo de negócios ideal para o sistemaBatista, observando os tópicos escritos na Neste item, apresenta-se a metodologia utilizadaintrodução? para a solução dos problemas do SBME. O tipo deDe acordo com os resultados das avalições do teste pesquisa utilizado e os problemas enfrentados aode PISA e ENEM, as escolas devem repensar a sua longo do trabalho também serão relatados.proposta de valor, preparando com mais qualidade O estudo realizado foi qualitativo, com a adoçãoos seus alunos. No entanto, não basta preparar de análises técnicas a posteriori, de acordo com ossomente para os vestibulares, mas para a vida. resultados gerados. A metodologia utiliza o modeloNeste sentido, o SBME vem atuando desde a sua CANVAS (quadro; em inglês), desenvolvido pelofundação, necessitando estar agora presente entre professor Alex Osterwalder, do Business Modelas escolas de Minas Gerais mais bem posicionadas Generation.no Ranking, segundo o ENEM. Todo o levantamento de dados, debates e propostasAlém das avaliações do governo, o SBME vem relatadas foi realizado durante o PDD – Programa deapresentando uma demanda constante para se Desenvolvimento de Dirigentes, da FDC – Fundaçãoreinventar, destacando-se a necessidade para Dom Cabral, com foco em gestão de operações emelhorias nos processos internos organizacionais, serviços, em março de 2012. O trabalho envolveubem como nas metodologias educacionais, as seguintes etapas: (i) debate e exposição desegundo o novo perfil dos alunos. idéias entre os participantes do SBME e o professor Hugo Ferreira Braga Tadeu, como coordenador dasNão basta uma proposta de valor excelente. Há a propostas de trabalho, (ii) “chuva de idéias”, istonecessidade de ótimos resultados nas avaliações é, levantamento de todos os possíveis problemas egovernamentais e a sustentabilidade financeira. propostas de solução para o SBME, (iii) utilização dePara o SBME, tornou-se importante o repensar flip-charts, contento o modelo CANVAS, facilitandosobre os modelos de negócios. Por que não atuar a visualização dos problemas e (iv) elaboração desegmentando o seu portfólio de serviços por um plano de ação.Figura 6 – Modelo de NegóciosFonte: Business Model Generation (2012) Casos FDC - Nova Lima - 2012 - CF1204 5
  6. 6. A proposta da Figura 06, consiste em descrever o ANÁLISES DOS RESULTADOSmodelo de negócios das organizações, buscandoinovações de processos e uma nova proposta devalor. Para tanto, a reflexão sobre os padrões Após uma série de debates, análises quantoatualmente realizados e se o cliente percebe uma aos alunos, concorrentes e uma série dediferenciação do serviço ofertado refletem as estudos entre a equipe do SBME e a equipe dacaracterísticas do modelo. Por que não expressar FDC, tornou-se possível a escrita do CANVAS,uma nova proposta de valor? Quais os novos conforme a Figura 07.conhecimentos são necessários para suportaro novo modelo de negócios? Qual o futuro da Todo o processo de trabalho foi realizado duranteorganização, considerando os próximos três, um dia de trabalho e ampla troca de experiênciascinco, dez e quinze anos? com outras empresas participantes do PDD, com visões distintas do processo educacional, gerando novas formas do pensamento para a SBME. Parceiros Atividades CORE Proposta de Relacionamento Clientes Valor com Clientes Fornecedores de Educação para tecnologia a vida País de alunos Reunião de pais Professores como Educação baseada parceiros em valores Educação para a vida Reunião com a Sociedade inserida Atividades mídia Escolas adjacentes Adjacentes Casses B e C Política de Cursos qualificação complementares Estrutura de custos Receitas e margem financeira Melhorar a gestão Novos serviços Foco em margem Novos alunos de custos Trabalhar com Custo por unidade Análise ABC indicadores Foco na eficiência operacional Foco no negócio Foco no cliente Foco no acionista (parceiro) Figura 07 – CANVAS SBME Fonte: Business Model Generation (2012)A partir da Figura 07, tornou-se possível repensar CONCLUSÕESos principais processos de negócio e a propostade valor para os alunos, buscando inovaçõesorganizacionais e pedagógicas para o SBME. De acordo com os resultados do teste de PISAComo proposta da FDC, coube a elaboração e do ENEM, é imperativo a necessidade porde um plano de ação para acompanhamento um repensar o modelo educacional nacional. Ados processos, seus indicadores e melhorias qualidade dos alunos, quanto ao conhecimentoesperadas, para a sustentabilidade da organização em português, matemática e ciências não éno curto e longo prazo. condizente aos padrões internacionais, ainda mais, para uma nação que deseja conquistar o nível de desenvolvimento. Casos FDC - Nova Lima - 2012 - CF1204 6
  7. 7. Neste contexto, o SBME vem buscando educar oseus alunos, não somente para os vestibulares,mas para a vida. O modelo pedagógico éousado, com soluções inovadoras. No entanto, aorganização não está entre as melhores de MinasGerais, segundo dados do ENEM, reavaliando asua gestão de operações.Logo, os desafios do SBME para o longo prazoestão relacionados a manutenção dos valores daorganização, apresentando no entanto, inovaçõesorganizacionais, melhorias de processos esustentabilidade financeira.Como uma limitação ao estudo, destaca-se anecessidade para uma maior visão estratégica e denegócios para a educação, pautada em resultadosoperacionais e educacionais. Há que se equilibrara visão pedagógica neste processo.A partir do modelo CANVAS desenvolvido, abusca por melhores resultados de gestão e arevisão da proposta de valor da organização foiiniciada, configurando um processo de inovaçãoorganizacional, justificando o desenvolvimentodeste artigo.REFERÊNCIASPDD - Programa de Desenvolvimento de Dirigentes, da FDC – Fundação Dom Cabral, Nova Lima, nomês de março de 2012, guiada por: •• Hugo Ferreira Braga Tadeu, professor associado da FDC.Consultas ao site http://www.sistemabatista.com.br, durante o mês de abril/2012.Consultas ao site http://www.veja.com.vr, duranteo mês de abril/2012.Consultas ao site http://www.ocde.org, duranteo mês de abril/2012.Consultas ao site http://www.businessmodelgeneration.com, durante o mêsde abril/2012. Casos FDC - Nova Lima - 2012 - CF1204 7

×