Carta Aberta à Sociedade Conquistense

729 visualizações

Publicada em

Algumas considerações sobre o fechamento da escola estadual marcelo rangel pestana

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
729
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Carta Aberta à Sociedade Conquistense

  1. 1. CARTA ABERTA À SOCIEDADE CONQUISTENSE Vitória da Conquista, 24 de outubro de 2011 Consideramos que a educação é uma atividade especificamente humana cujaorigem coincide com a origem do próprio homem e que existirá enquanto existir ohomem. O mesmo não podemos dizer da escola. Ela surge para atender a uma ouvárias comunidades. Embora tenha data de criação, o seu fim se dá quando ela perdesua função social para aquela comunidade a qual se destina. Há escolas que resistemao tempo. A exemplo temos o Colégio D. Pedro II no Rio de Janeiro que desde operíodo imperial até os dias atuais desenvolve os seus trabalhos, tendo o respaldo daprópria sociedade. Até quando? Não sabemos. Podemos evidenciar isso aqui em Vitória da Conquista com o fechamento deescolas que serviram a sociedade por um bom período, mas tiveram os seus trabalhosencerrados. Quem não se lembra do Colégio Otávio Mansur, Diocesano, São Tarcísio,Maria Viana, Estrutural Gama, e recentemente o Dirlene Mendonça? Estas e muitasoutras cumpriram com a ordem natural das coisas. Encerraram um ciclo. Normalmente o fechamento de uma escola se dá por dois motivos. 1º - Queda gradativa de matrícula. A cada ano menos alunos procuram a escolaresultando em salas ociosas. Possíveis causas: taxa de natalidade cada vez menor.Tendência dos casais terem menos filhos do que os seus pais. Outro fator é aconstrução de escolas próximas às comunidades que estão distantes da referidaescola. Os alunos deixariam de fazer um longo percurso para estudarem numa escolapróxima das suas residências. 2° - Má gestão escolar. A conseqüência leva ao primeiro motivo. Os pais não sesentem seguros em matricular os seus filhos em escolas que a equipe gestora deixa àdesejar. Um lugar onde vale tudo, na verdade não vale nada. Um lugar que a faltaprofessor, merenda, normas, etc, sobra desconfiança, violência, insegurança...
  2. 2. A Escola Estadual Marcelo Rangel Pestana localizada na Av. Integração, surgiunos anos 1960 com o objetivo de atender aos filhos dos funcionários do DepartamentoNacional de Estradas e Rodagens – DNER (hoje DNIT) na época dos trabalhos deconstrução da BR 116 no perímetro conquistense. Com o desenvolvimento da rodoviae o acesso fácil, à escola passou a atender toda a comunidade local. Desde o seu início (meados dos anos 60), a escola procura manter uma éticaeducacional, valorizando o aluno e procurando sempre estar junto à comunidade. Ao longo dos anos, ela foi reestruturando a sua oferta já que os trabalhos darodovia federal estavam concluídos. Nos anos 1980 ela passa para a esfera estadual viaportaria n°235081 DO 11 e 12/04/1981. Hoje ela oferta o segundo segmento do EnsinoFundamental (5ª a 8ª séries). No mês de setembro soubemos por pessoas de outras escolas que a RangelPestana estava com os “dias contados”. Acionamos a direção da escola queprontamente buscou saber sobre aqueles burburinhos que estavam circulando nacidade. A direção conseguiu agendar uma reunião com o diretor regional da Direc-20Sr. Ricardo Moraes com os professores e funcionários da escola no dia 20 do referidomês para manifestar-se sobre o assunto. Daí veio o comunicado que até o momentonão entendemos: fechamento da escola. Estaria a Escola Rangel Pestana exaurida e decadente para a SEC (lê-se Direc-20)decretar o seu fechamento? Será que ela já cumpriu com suas funções? CertamenteNÃO! Se não vejamos:  Solicitamos da secretaria da escola um levantamento da matrícula dos últimos oito anos e notamos que não houve redução. Hoje a escola conta com 503 alunos matriculados. Houve uma queda sim no turno noturno ao longo desses anos, mas isso é uma tendência em todas as escolas da rede estadual de ensino.  No último Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) a Rangel Pestana obteve uma das notas mais altas da região Sudoeste, inclusive superior ao do Colégio Militar.
  3. 3.  A escola fora convidada em 2010 e 2011 pela Câmara dos vereadores de Conquista pelo reconhecimento dos trabalhos realizados na cidade. Estiveram presentes em tais sessões representantes de todos os segmentos da escola.  Para evitar concorrência com outras escolas públicas do seu entorno, o Rangel Pestana passou desde 2009 a garimpar alunos de escolas particulares. Ressaltamos que o nosso maior compromisso é com as famílias carentes que esta instituição assiste. No entanto, tal iniciativa elevou o nível de ensino, já que é comprovado que o nível de conhecimento dos alunos do Ensino Fundamental das escolas particulares é superior à rede pública.  A escola atende a muitos alunos de bairro distantes como Vila Serrana IV, Candeias, Urbis VI e até Lagoa das Flores. O que leva os pais a matricularem os seus filhos no Rangel Pestana já que no percurso de suas casas até o Rangel há outras escolas públicas que ofertam o mesmo ensino? Credibilidade e confiança. Qual a justificativa alegada pela Secretaria Estadual de Educação (SEC) para ofechamento da Escola Marcelo Rangel Pestana? O diretor da Direc-20 apresentoucomo justificativa a criação de um centro de Intermediação Tecnológica. Ou seja, aescola daria lugar para um projeto do governo atual que ainda está em fase deimplantação no Estado. Entendemos que implantação de um Centro de Intermediação Tecnológico paraatender não apenas Vitória da Conquista, mas vários municípios da região seja muitosalutar. Nós não somos contrários. Haja vista da desenvoltura do projeto. O que geraindignação é por que logo no Rangel Pestana? Se a escola está dando respostas para asociedade, por que encerrar os seus trabalhos? Será que não existe outro local para aimplantação do Centro? A quem interessa esse centro? A SEC deveria ao menos dialogar com a sociedade, especificamente acomunidade escolar sobre essa medida irresponsável. Subtende-se que algo públicoseja aquilo que pertença à sociedade. Há uma insatisfação explícita sobre o
  4. 4. fechamento do Rangel Pestana da sociedade conquistense, sobretudo da comunidadeque é assistida pela escola estando à mesma cumprido plenamente com as suafunções seja social, cultural, política etc. Aqui reside um paradoxo. Ao menos que oconceito de público para o atual governo tenha se desvirtuado para estatal, passandocom isso a serem sinônimos. Somos defensores sim de uma escola pública dequalidade e não de uma escola estatal. Por fim manifestamos aqui a nossa indignação por uma atitude descabida,inconseqüente e equivocada da SEC, que premia o trabalho de uma escola que estádando resultados satisfatórios com o fechamento dos seus trabalhos! Colegiado Escolar Marcelo Rangel Pestana

×