Codigo de hamurabi e Nuremberg

719 visualizações

Publicada em

o slide relata sobre o codigo de hamurabi eo tribunal de nuremberg

Publicada em: Direito
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
719
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Codigo de hamurabi e Nuremberg

  1. 1. O Código De Hamurabi E O Código De Nuremberg
  2. 2. ж O inicio da civilização; ж revolução agrícola; ж surgimento das primeiras cidades; ж domínio dos recursos hídricos; ж Não predominância de unidade política.
  3. 3. Mesopotâmia, do grego Meso= meio, Potamos= rios. A terra entre rios
  4. 4. As primeiras Cidades.
  5. 5. Reconstituição da cidade de Uruk
  6. 6. Vista panorâmica da cidade babilônia
  7. 7. As cidades-estados eram monarquias, onde o rei também era o líder religioso
  8. 8. O império babilônico
  9. 9. O Rei Hamurabi
  10. 10. Rei Nabucodonosor
  11. 11. Jardins suspensos da babilônia
  12. 12. O código de Hamurabi
  13. 13. estrutura do código:  Leis punitivas de prováveis delitos praticados durante um processo judicial (parágrafos 1 a 5) Leis regulatórias do direito patrimonial (parágrafos 6 a 126) Leis regulatórias do direito de família e heranças (parágrafos 127 a 195) Leis destinadas a punir lesões corporais (parágrafos 196 a 214) Leis que regulam os direitos e obrigações de classes especiais como: a) Médicos (§§215 – 223) b) Veterinários (§§ 224 – 225) c) Barbeiros (§§ 226 – 227) d) Pedreiros (§§ 228 - 233) e) Barqueiros (§§ 234 – 240) (parágrafos 215 a 240) Leis regulatórias de preços e salários (parágrafos 241 – 277) Leis adicionais regulatórias da posse de escravos (parágrafos 278 – 282) Lei Do Talião Ela se faz presente na maior parte dos duzentos e oitenta e dois artigos do código. Muitos delitos acabam tendo com sanção punitiva o talião, ou às vezes a pena de morte. Apesar de parecer chocante a condenação à pena de morte, esta era uma condenação bastante usual, pelo menos na legislação.
  14. 14. Um bom ponto que talvez ilustre perfeitamente a finalidade da composição de tal legislação é o prólogo, no qual está escrito o seguinte: “(...) por esse tempo Anu e Bel me chamaram, a mim Hamurabi, o excelso príncipe, o adorador dos deuses, para implantar justiça na terra, para destruir os maus e o mal, para prevenir a opressão do fraco pelo forte, para iluminar o mundo e propiciar o bem-estar do povo (...)” Finalidade
  15. 15. O Código De Nuremberg
  16. 16. Historicidade Hitler e os judeus;  Os experimentos ;  Tribunal de Nuremberg ; Código de Nuremberg.
  17. 17. Os Dez Princípios Do Código De Nuremberg
  18. 18. Características O Código de Nuremberg possui dez princípios básicos e determina as normas do Consentimento informado e da ilegalidade da coerção; regulamenta a experimentação científica, e defende a beneficência como um dos fatores justificáveis sobre os participantes dos experimentos.

×