FOLHA DO CMMS                                                 Olivedos 50 anosVolume 1, edição 1           Tiragem: 100 ex...
V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1                    O LI V E D O S 5 0 A NO S                                    PÁGINA 2Aluno...
PÁGINA 3                                        O LI V E D O S 5 0 A NO S                         V O LU M E 1 , E D I Ç Ã...
V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1                    O LI V E D O S 5 0 A NO S                                PÁGINA 4         ...
PÁGINA 5                                       O LI V E D O S 5 0 A NO S                       V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O ...
O L I VED O S 50 AN O SV O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1                                                                       ...
PÁGINA 7                                       O LI V E D O S 5 0 A NO S                     V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1P...
PÁGINA 8                                                   O LI V E D O S 5 0 A NO S                                      ...
V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1                     O LI V E D O S 5 0 A NO S                                       PÁGINA 9 ...
PÁGINA 10                           O LI V E D O S 5 0 A NO S                        V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1Passando ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal do CMMS. Volume I, edição I.

673 visualizações

Publicada em

Jornal do Colégio Municipal Monsenhor Stanilaw. Volume I, edição I.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
673
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal do CMMS. Volume I, edição I.

  1. 1. FOLHA DO CMMS Olivedos 50 anosVolume 1, edição 1 Tiragem: 100 exemplares Sexta-feira, 18 de novembro de 2011 “Só deixo o meu Cariri no último pau de arara” da quantidade de pessoas pois das épocas de seca tora passam por grandes que tivesse na casa, se ti- houve grandes chuvas, por fazendas e os donos dessas vesse uma pessoa doente alguns considerados dilú- os quebram para subornar era oferecido algumas latas vios, que ocorreram entre a água, sendo assim, cida- a mais, em alguns locais 1974 e 1985. De acordo com des como Olivedos sofre eram descobertas “água de relato de algumas pessoas, com o descaso há muitos veia” que servia para os nesse tempo choveu por anos; e até agora nenhum serviços de casa e para todos os anos de seca. governante tomou uma “escapar” algumas vacas de Após tantos anos de atitude. Até porque, se- Olivedos, situada no leite, mas os outros ani- seca, os governantes decidi- gundo relatos, são fazen- agreste paraibano, curi- mais morriam de sede. A ram ajudar. No ano de deiros poderosos... mataú ocidental, de água era trazida em carro- 1986 foi construído o açude É importante fazer um clima semi-árido e bio- Canaã por reivindicações ma caatinga, já passou ças de boi ou de burro com paralelo entre as duas épo- barris e tambores. Nessa do então prefeito Evilásio cas relatadas: percebe-se e ainda passa por anos Albuquerque e do governa- época o índice de mortali- que houve melhoras, no de seca, mas as que dor na época Wilson Braga, dade infantil e de idosos entanto estamos voltando mais marcaram por era altíssimo, também mor- a população esperava chu- ao tempo de “água de vei- serem as piores foram riam de fome e de sede, até vas para o açude encher. a”, pois é incerta a hora entre os anos de 1970 a porque os idosos ainda não Por volta de 1990, o go- que essa água vai chegar. 1973 e de 1979 a 1983, eram aposentados e não vernador eleito Tarcísio de É preciso que todos reivin- anos que ficaram co- conseguiam trabalhar. Miranda Burity implantou diquem seus direitos en- nhecidos como “anos de Entre a seca de 1979 a a CAGEPA no município, quanto cidadãos. seca Braba”. 1983, o pior ano foi o de com um sistema que bom- E ainda mais, é preciso Na época da seca 1983, pois absolutamente beava água do açude Cana- que cada um tome consci- entre 1970 a 1973, era tudo já estava seco, a única ã para ser tratada e distri- ência da importância de se oferecida a população solução foi o abastecimento buída por toda a cidade. economizar esse líquido água potável de carros de carros pipa, nessa época Vendo, nesse momento, ter tão precioso. pipas e cada família a seca foi maior, mas o di- “água na torneira” e com- reito as “latas d’água” au- parando-o aos anos de seca, Reportagem: Euller Tha- tinha direito a apenas mentaram e por isso, foi era o que realmente todos les, Henrique Batista Bor- duas “latas d’água”, mais branda. queriam, mas a população ges, Karlos Diego, Jacileide mas também dependia começou a reclamar porque O chamariz comunitário Epifânio, Mayra Nágila, era abastecido com água a água não dava para o Monalisa Cavalcante, Vitó-EDITORIAL vinda de uma caixa d’água consumo, pois era ria Fernandes,Van Basty e Olá, queridos leitores da do município de Campina “salobra”. Wlliane Borges.Folha do CMMS! Após a morte de Antô- Revisão do Texto: Profª Lu- Grande no conjunto Presi- Neste ano de 2011 nio Mariz, seu vice José cia Albuquerque.produzimos a primeira edição. É dente Médici e do açude Targino Maranhão o subs- (Alunos do 3º ano do En-um momento de alegria e Timbaúba no município de tituiu, e foi no projeto adu- sino Médio).satisfação termos a Sossego, nessa época tam-oportunidade de produzir um bém houve morte, mas foi tora do cariri que Olive-jornal com a cara de cada um. menos até porque a quanti- dos foi contemplada e co- Neste exemplar vocês irão meçou a rece- dade de água oferecida eraencontrar vários gêneros ber uma águatextuais. maior e já existiam alguns Queremos convidar-lhes a aposentados, e também melhor.mergulhar nesse mundo surgiu o pagamento da Atualmen-letrado. As matérias foram “cachorra maga” que ajuda- te, depois defeitas para vocês. Boa Leitura!!! va os agricultores, que em tudo isso, po- virtude da seca não tinham de-se observarAlunos do CMMS. como lucrar. Segundo rela- uma situaçãoProfessores Colaboradores:Ana Nery Campos, Júlio Cezar tos, todos os animais mor- vergonhosa,Apolinário, Lucia Aparecida reram, pois a água ofereci- pois na épocaAlbuquerque, Maria Goretti da só dava para o consumo de seca faltaBarbosa, Mirtes Revoredo, água, algunsMoises Allysson Silva e humano. Coincidentemente, de- canos da adu-Vanderli do Nascimento.
  2. 2. V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1 O LI V E D O S 5 0 A NO S PÁGINA 2Alunos fazem homenagem a Moizés Saudades do tempo em que a que você defendia o Treze, o Vasco e nunca se vai para sempre." (Bobgente voltava a ser criança e brin- o Santa Cruz. Eternas Saudades de Marley)cava na sala, que você passava o Você, nosso amigo!dia todo nos pergun- “Cedo ou tarde a gente vai setando, se nós tínhamos "Os ventos que às vezes encontrar tenho certeza numafeito as atividades, do tiram algo que ama- bem melhor” (Nx Zero – Cedo ouseu gol feito nos jogos mos, são os mesmos tarde).internos, saudades do ventos que nos trazemtempo em que nós ía- algo que aprendemos amos para casa de Gus- a m a r .tavo estudar para as Por isso, não devemosprovas, de quando você chorar pelo que nos foi Homenagem feita pelos alunos:pedia para Renan ir tirado e sim, aprender Márcio Guedesjogar no treze e das a amar o que nos foi Aurélio Santosnossas discussões de dado. Pois tudo aquilo Juarisson Mellofutebol na sala, em que é realmente nosso,Crônica Partindo de Histórias Uma cidadezinha de grandes contra nativos da região. Seja como for, o que mais im-histórias, Olivedos nasceu em Oliveira era um homem que porta não é o nome, mas o povo1961 e ganhou este nome por abusava do seu poder, causou que habita este lugar. Quem sa-causa de um homem que diziam muitos estragos a nossa terrinha be, com o passar do tempo, possaser herói, só que não passava de amada.um grande terrorista. Agora por que não haver uma “revolta” e, ao invés Antes se chamava São Fran- adotaram um nome de olivedenses, passaremos acisco, devido ao santo padroeiro, relacionado à mulher ser chamados de joanenses.depois mudando para homenage- que era famosa peloar Teodósio de Oliveira Ledo, seu cabaré – Farol de Autoras: Fabiana de Sousa,sendo esse o nome atual. Não Joana Preta, pois era Patrícia de Oliveira, Mariaentendo o motivo pelo qual sur- mais honesta e traba- Roziane de Andrade e O-giu a mudança no nome, passan- lhadora? Acredito quedo de um religioso solucionador fosse pelo medo da dacy Barros - (3º ano do Ensi-de problemas, era o que afirma- população de enfrentar o homem no Médio).vam, para esse que trouxe de mais poderoso da região.volta a lembrança os horrores
  3. 3. PÁGINA 3 O LI V E D O S 5 0 A NO S V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1Entrevista com ex-aluno do C.M.M.S Entrevista realizada com o ex- seu curso no mercado de trabalho? Que mudanças podem ser realizadasaluno José Jomárcio Costa San- para melhores condições de educa-tos, 21 anos, cursou o ensino mé- Jomárcio: Tentar amenizar os des- ção, cultura e política?dio no Colégio Municipal Monse- gastes acontecidos no meio ambien- Jomárcio: Muito pouco, mais res-nhor Stanislaw, tendo concluído no te, protegendo as “espécies”. ponsabilidades e liberação de verbasano de 2007. Atualmente esta cur- dos poderes mais elevados.sando o curso de Biologia. M. Guedes: Quais tipos de espécies? A entrevista foi realizada Jomárcio: Desgaste a extinção das M. Guedes: Que previsões você fazpelos alunos Marcio Guedes e Espécies sejam elas animais ou vege- para o futuro?Aurélio (1º ano médio A). tais. Jomárcio: Eu me vejo um acadêmi-M. Guedes: Como você observa o M. Guedes: Quais os prós e contras co formado, buscando melhorias eseu papel como aluno na do curso escolhido? aprofundamentos na minha área deépoca de Ensino Funda- trabalho e ser um profissional quali-mental e Médio? Jomárcio: Estudar ficado. minuciosamente aJomárcio: Visava pas- “bio” dos minúscu- M. Guedes: Que dificuldades en-sar no vestibular, porém los seres até os ma- frentou (e tem enfrentado) para con-não era um aluno dedica- cros seres e suas seguir realizar tudo que almejas?do nem me esforçava funções desempe-muito. nhadas na nature- Jomárcio: Muitas responsabilida- za. Muitos detalhes des em poucos períodos de tempo.M. Guedes: Sabe-se que que devemos sabervocê é aluno do curso mais nem todos M. Guedes: Como avalia o seu pa-superior de Biologia. Que usarão. pel, hoje, na comunidade em que vivepessoas ou fatos tiveram na vida social e como futuro profis-mais influência nas suas M. Guedes: Que sional na área escolhida?escolhas relacionadas ao conselhos você dari-curso superior (escolhido): O lado a para um jovem indeciso quantos a Jomárcio: Vejo-me um jovem parti-econômico ou a posterior realização escolha da carreira a seguir? cipativo e sempre buscando e inovan-profissional? do melhorias para um crescimento Jomárcio: Eles devem observar intelectual, social e profissionalJomárcio: Meu contato ainda cri- seus dia-a-dia e suas principais afi-ança com os animais e a realização nidades.profissional. M. Guedes: Como você avalia a atu-M. Guedes: Qual a importância do ação do jovem na sociedade atual?Os 15 anos da Joyce Borges - Comemoração em grande estilo Joyce Borges comemorou, emgrande estilo, seu 15º aniversáriono último sábado (12/11/2011),no Clube do Pascoal, cercada poramigos e familiares e com umacaprichada produção. Joyce estácursando o 1º ano do ensino mé-dio, no Colégio Municipal Monse-nhor Stanislaw.
  4. 4. V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1 O LI V E D O S 5 0 A NO S PÁGINA 4 Babado!A fofoca está rolando... dela, por motivos que não podemos Deborah Rayne volta o seu roman- informar. ce com Ricardo.Fufa pega sua filha Deborah, fi-cando com Jó na praça e faz um Cinco ou mais aviões do exército João Paulo abre o jogo para algu-barraco. passou em Olivedos no dia 16 de mas pessoas e afirma que está gos- novembro às 10h 10min da manhã tando de Pricila! E ai será que esseKarol arranha Genézio e ele fica e todos os matutos ficaram olhando muidinho vai dar em alguma coi-falando umas indiretas e dá conse- e gritando. Como sempre só podia sa?lhos para ela tomar chá verde para ser esse povo besta mesmo!baixar o bucho. Laíza ia pular com os garotos do Há meses que todos os dias de aula Moto Lama, mas no final deu Á-Karol está malhando e está se a- Rosimara e Cleiton se encontram guia pra ela, porque Bi não deixou!chando uma paniquete perfeita, de perto da quadra e fi-perna, bunda e peitos duros e cam conversando e Está rolando alguns comen-grandes. namorando! Arrasou tários no C. M. M. S. que querida! Eva (Atual Miss de Olive-Deborah aproveita a valsa do ani- dos) usará na entrega doversário de Joyce e vai ficar com Jó Eduarda troca Davi título este ano, um vestidolá na Beira Rio. por um garoto de de oncinha e também há Campina Grande-PB comentários que Eva em-Bianca fica bêbada e louca no ani- prestará toda sua beleza deversário de Joyce e torce o pé. Obs: Bianca Cristina abre o jogo e afir- vestido, para o desfile deste ano.Mas recebe uma massagem de Rô- ma de uma vez por todas que AMAmulo. Caio. E outra melhor ainda ele Depois de ficar por muito tempo, também diz que A AMA MUITO! Gerônimo e Joyce assumem o na-Balega vai para Recife, mas chega moro no dia 12 de novembro. Eno dia 16/11/2011. A professora Joelma adorou a feira estão arrasando com essa notícia! de Artes do C. M. M. S. principal-Hellen vai para o aniversário de mente, as esculturas de frutas.Joyce e fica se achando! Coitada!! Porque ganhou duas macaxeiras de presente dos alunos do projeto ePoliana faz barraco com sua filha faz a festa!no meio da rua e puxa os cabelosE tome fofoca... Cal e há comentários que já estão namorando. Karline é chamada por muitos de bunda de Taiba!Monalisa fica com Karline foi demitida da padaria e não pode mais ser chama-Oscar na festa de da de “Loira do Trigo”aniversário de Bian-ca no dia 24/09/2011 Diógenes tinha as quatro pernas arriadas de amor pelae ele vai deixar ela “Loira do Trigo” (Karline) e não conseguiu nada!em casa de carro.Arrasou querida! Monalisa bate altos papos com Gustavo (primo de Bianca) noQue Boffe! aniversário de Joyce. Arrocha querida!Mayra fica com Do-nizete no banco de Restaurante O Casarão Panificadora e Rua: Teodozio de Oli- Mercadinho Moura veira Ledo- Olivedos- Rua: Oscar Costa-Rua: Frei Ibiapina- Olivedos- Centro Centro- OlivedosCentro Fone: (83) 9120-1471 Fone: (83) 3389-Fone: (83) 3389-1009 Org: Karina e Família 1027Org: Silvana Org: Armando Moura e Família
  5. 5. PÁGINA 5 O LI V E D O S 5 0 A NO S V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1Miss Olivedos 2011 Em Olivedos, acontece muitos ma disputa muito acirrada, mas decidido se este ano vai ter o desfi-eventos interessantes, bons, di- com a vitória de Rômulo (20), que le do Mister, mas provavelmentevertidos e muito legais. Um deles estudava o 3º Ano do Ensino Mé- sim e com a participação de quatroé o desfile da Miss Olivedense, dio e que foi premiado com a faixa homens. São eles: Expedito, Flávioque há muito tempo atrás foi cria- de Mister e vários outros prêmios. José, Juarisson e Silvio. Vai serdo na cidade e que acontecia todos Mas também a mulher não pode- uma grande e acirrada disputa.os anos. Mas não durou muito ria ficar de fora! Tivemos a vitória Pois só será premiado quem ga-tempo e foi acabando. Passaram- de Eva Melo (16), que nhar em 1º Lugar. Osse anos e anos e voltou a aconte- conseguiu “derrubar” meninos precisarão decer no ano de 2007, com a primei- todas as suas concor- muita sorte e um bomra vitória de Natália, a segunda rentes e com muita gar- desempenho na passa-de Juliete, a terceira de Yara e a ra, força e determina- rela para ser vitorioso.quarta de Eva Melo (atual Miss ção conseguiu o primei- Todos avisam que esteOlivedense). As mesmas são mu- ríssimo lugar. Eva es- ano será realizado nolheres muito lindas, que arrasa- tudava o 9º Ano do En- dia 19 de novembro, naram na passarela e fez por mere- sino Fundamental e Casa do Show de Pasco-cerem a vitória. que também foi premia- al, tendo a participação Este desfile é organizado pelo da com muitos brindes de muitas pessoas, com3º Ano do Ensino Médio, com a e sua faixa da Miss Oli- início às 19h30min pro-ajuda do Colégio Municipal Mon- vedense. Eva Melo. Miss Olivedos vavelmente e com assenhor Stanislaw (C.M.M.S.), Com muita concor- 2010 bandas: Perfil e Forróprincipalmente pelo professor rência, neste ano vamos ter mui- na Hora.Lindinaldo Henrique Custódio, tas participantes e todas dizem É desejado a todos (as) partici-patrocinadores da própria cidade que esse ano promete! E são elas: pantes uma ótima apresentação ee com bandas e jurados de fora. Jacileide, Lady Day, Elizângela que tudo dê certo neste dia muito No ano de 2010, teve o início Farias, Nádia Vanessa, Érika, importante para todos deles! Quede desfiles de homens, que os de- Elizângela, Viviane, Geandra, Ri- seja vitoriosa a pessoa que mere-mais chamaram de Mister, onde ta de Cássia, Rayvânia e Karlin cer e tiver um maravilhoso desem-teve vários concorrentes, com u- Ainda não estar devidamente penho.Times de futebol de OlivedosTime: C.S.O Ex: Zé Antonio Títulos: Bi-campeão ‘aspirante,Fundador: Rafael Gonçalves Título: 3 campeonatos e 12 tor- torneio inicio 1992 municipal, eBorges neio também o torneio inicio da copaFundação: 15/08/2009 Paraíba 1993 e vice campeão daPresidente: Virginia Gonçalves Time: Independente mesma, vice campeão LFPP 2006 eBorges campeão de futsal 2010.Vice: Gregório de Almeida Souto. Fundação: 31/outubro/2005 Fundador: Toim, Nilso e BetimTime: Corintinha Presidente: ToimFundação: 01/11/1992 Vice: BetimFundador: Zé Costa e Ceuzim Ex: Toim GrandãoPresidente: Vanderley Costa Títulos: 8 torneios e campeona- Nota de falecimento:Vice: Zé Buscapé tos.Ex: Zé Costa O esporte de Olivedos lamentaTítulos: Campeão Olivedense, no a perda do árbitro Márcio e deixa Time: LeãoBoqueirão , em Pedra D’água. aqui o registro de agradecimento Fundação: 15/05/1952 pela a arbitragem decente feita Fundador: José Silvino Dias (ZéTime: Veterano no atual campeonato municipal. de Marica)Fundação: 1988 Presidente: Luciano (Tany)Fundador: Zé Preto Vice: TeteuPresidente: Novinho Ex: Luiz Manuel dos SantosVice: Géso
  6. 6. O L I VED O S 50 AN O SV O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1 PÁGINA 6BULLYING: brincadeiras que ferem Você já ouviu falar de bullying? Bullying é um O bullying é praticado em escolas de todo o mundo.termo em inglês que pode causar estranhamento Na maioria das vezes, ele é visto como brincadeirapara muitos, com atitudes agressivas e repetitivas própria do amadurecimento da criança.que ridicularizam, agridem e humilham as pesso-as. A palavra inglesa bullyingsignifica valen- tão, brigão. Atoscomo empurrar, bater, colocarapelidos ofensi- vos, fazer gestosameaçadores, humilhar, rejei-tar e até mesmo ameaçar sexual-mente um cole- ga dentro deuma relação desigual de po-der, seja por idade, desenvol-vimento físico ou relações como grupo, são classificados como bullying. Bullying é um problema mundial,encontradonas escolas, não se restringindo a um tipo específi-co de instituição. Esse “ fenômeno “ começou a serpesquisado há cerca de 10 anos na Europa, quandose descobriu que ele estava por trás de muitas ten-tativas de suicídios entre adolescentes. Arte feita pelo o aluno, Ayrton do 9º ano do ensino médio. ATENÇÃO! O BULLING É RUIM PARA TODOS! Pra quem pratica Para quem sofre Pra quem testemunha Tem medo de vira sofrer bulling •Tem uma falsa sensação de •Sente-se humilhado Sente-se intimidado, indefeso e poder •Sente-se intimida •Pode prejudicar sua convi- inseguro •Seu aprendizado é prejudicado vência com os colegas Sofre em silencio •Pode vir adotar, no futuro, •Sofre em silêncio Não sabe como ajudar a quem so- comportamentos deliquentes •Não consegue buscar ajuda •Pode tornar-se um adulto fre bulling •Isola-se dos colegas violento, inclusive com a famí- Sente medo de ir à escola •Pode ter reações violentas lia Fica ansioso •Pode envolver-se em atos •Tem medo de ir à escola criminosos Seu aprendizado é prejudicado •Sofre em silêncio Pode acreditar que seja bom prati- •Sua autoestima fica abalada car bulling •Pode prejudicar a sua vida adulta •Sente dor •Pode tentar ou cometer suicídio
  7. 7. PÁGINA 7 O LI V E D O S 5 0 A NO S V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1Profissões – funções exercidas por cada profissionalem sua área específica Arquiteto ligados à concepção, realização e gestão de pessoas. É o profissional responsável pelo implementação de produtos, 6. Acompanhar cliente duranteprojeto, supervisão e execução de sistemas ou serviços. o processo de tratamento ou cura,obras de arquitetura. Embora esta O engenheiro pode atuar tanto psíquica como física em aten-seja sua principal atividade, o campo dentro de várias especialidades, dimento individual ou grupal.de atuação de um arquiteto envolve dentre elas: Mecânica,Química, 7. Proporcionar suporte emocio-todas as áreas correlatas ao controle Elétrica, Computação, Civil, nal para cliente internado em hos-e desenho do espaço habitado, como Produção, Aeronáutica e pital e seus familiares, auxiliando-o urbanismo, o paisagismo, e diver- Projetos. os na elaboração de experiência desas formas de design. Para ser engenheiro, você doença orgânica, crises e perdas. Na maior parte dos países do precisa estudar Análise 8. Realizar acompanhamentomundo a legislação exige que para Matemática, Física, Álgebra terapêutico no pré, peri e pós-que alguém possa ser considerado Linear e Geometria Analítica, cirúrgico.um arquiteto, este deve possuir um Resistência dos Materiais, 9. Observar e propor mudançasdiploma de nível superior. Materiais de Construção,Betão, em situações e fatos que envolvam Biomedicina Estruturas, Vias de a possibilidade de humanização do É a área das Ciências Biológicas Comunicação, Hidráulica, contexto hospitalar.voltada para a pesquisa das doenças Hidrologia, Geotécnica,Desenho 10. Participar de equipes inter-humanas, suas causas e os meios de técnico, Introdução à disciplinares e multiprofissionais,tratá-las. O biomédico identifica, Informática, Planejamento físico realizando atividades em conjunto,classifica e estuda os microrganis- e ambiental etc. tais como: visitas médicas; discus-mos causadores de enfermidades e são de casos; reuniões administra-procura medicamentos e vacinas Psicologia tivas; visitas domiciliares etc.para combatê-las. Faz exames e in- O papel do profissional de psi- 11. Realizar e coordenar ativi-terpreta os resultados de análises cologia – o psicólogo - é estudar, dades educativas e grupos de ade-clínicas, para diagnosticar doenças, pesquisar e avaliar o desenvolvi- são com clientes e familiares, espe-e análises bromatológicas, para veri- mento emocional e os processos cialmente em casos de doenças crô-ficar contaminações em alimentos. mentais e sociais de indivíduos, nicas.Esse profissional trabalha em hospi- grupos e instituições. Diagnosti- 12. Proporcionar suporte emo-tais, laboratórios e órgãos públicos car e avaliar distúrbios emocio- cional para a equipe de saúde emde saúde, fazendo pesquisas e testes. nais e mentais e de adaptação situações extremas.Atua em parceria com bioquímicos, social. Planejar estratégias no 13. Participar, conforme a polí-biólogos, médicos e farmacêuticos. contexto de gestão de pessoas. tica interna da Instituição, de pro- Acompanhar cliente durante o jetos, cursos, eventos, comissões, Designer gráfico processo de tratamento ou cura. convênios e programas de ensino, O designer gráfico é o Descrição detalhada das tare- pesquisa e extensão.profissional habilitado a efetuar fas que compõem a Função: 14. Elaborar relatórios e laudosatividades relacionadas ao design 1. Avaliar comportamento técnicos em sua área de especiali-gráfico. Logo, o designer gráfico é individual, grupal e institucio- dade.aquele profissional que traz ordem nal. 15. Participar de programa deestrutural e forma à informação 2. Aprofundar o conhecimento treinamento, quando convocado.visual impressa. Exemplos de das características individuais, 16. Trabalhar segundo normasprodutos do trabalho de um designer situações e problemas. padrão de biossegurança, qualida-gráfico são as páginas diagramadas 3. Analisar a influência dos de, produtividade, higiene e preser-de um livro ou uma revista, a fatores hereditários, ambientais vação ambiental.configuração visual de uma e psicossociais sobre o indivíduo, 17. Executar tarefas pertinentesembalagem, logotipos de empresas e na sua dinâmica inter e intra- à área de atuação, utilizando-se deinstituições, fontes tipográficas, psíquica e suas relações sociais, equipamentos e programas de in-entre outros. para orientar-se no diagnóstico e formática. atendimento psicológico. 18. Executar outras tarefas Engenheiro 4. Definir protocolos e instru- compatíveis com as exigências para É uma pessoa com formação mentos de avaliação, aplicar e o exercício da função.técnico-científica que o torna capaz mensurar os resultados.de resolver problemas tecnológicos, 5. Elaborar e executar estudos Aluna: Tatiane Cezário Santospráticos e muitas vezes complexos, e projetos ou rotinas na área de
  8. 8. PÁGINA 8 O LI V E D O S 5 0 A NO S V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1 Aos mestres Aos Mestres, com carinho! de encontrar as melhores pala- agradecemos o incentivo aos so- Uma singela homenagem... vras para falar deles, senti a res- nhos, as aulas de cidadania, hu- posta: não há palavras. Elas são manidade e companheirismo, Depois de tantas tentativas desnecessárias diante das emo- cujos valores não se leem nosde chegar às pa- ções. As emoções são livros. Aos mestres, devemos serlavras certas, o que mais se apro- sempre gratos.conclui que eu xima do que possoexperimentava, falar dos mestres. Ano papel, aquilo eles todos nós deve- Profª: Lucia Aparecida Albu-que fazem nossos mos a mais pura querque Cunha.mestres na vida: alegria e satisfaçãodar o melhor de da vida profissionalsi. Neste esforço oportunizada. A elesDoenças no aparelho circulatório Principais causas de mortalidade no municipio de Olivedos/PB em 2008 39,10% 17,40% 17,40% 8,70% 8,70% 4,30% 4,30% Doenças Neoplasias Doenças do Doenças do Algumas Causas Demais infecciosas e (Tumores) aparelho aparelho afec externas de causas parasitarias Circulatório respiratório originadas morbidade e definidas no período mortalidade perinatal Como diziam os mais experientes “se tá com sa- uma causa conhecida para a hipertensão arterial,úde tá tudo bem”, mas, segundo dados do SIM embora em algumas situações seja possível encon-(Situação da base de dados nacional em trar uma doença associada que é a verdadeira cau-14/01/2009) têm que as principais causa da morte sa da hipertensão arterial. Por exemplo: a apneiada população olivedense estão apresentadas no do sono, a doença renal crônica, o hiperaldostero-gráfico acima. nismo primário, a hipertensão renovascular, a sín- No gráfico, nota-se, que em 2008, 39,1% da po- drome de Cushing ou terapêutica esteróide, a feo-pulação que morreu, foi por doenças no aparelho cromocitoma, a coarctação da aorta ou a doença ti-circulatório, entre estas doenças tem-se o infarto do roideia e paratiroideia. A hereditariedade e a idademiocárdio, o AVC, Hipertensão arterial, Ateroscle- são dois fatores a ter também em atenção.rose, Aneurisma, Embolia pulmonar, Varizes, entre Além desses motivos ainda tem os fatores de ris-outras. cos como obesidade, consumo exagerado de álcool, A hipertensão arterial, apesar de parecer uma sedentarismo, má alimentação e stress (avise isto adoença de pessoas com idade avançada, cada vez seus professores). Como esta doença não tem cura,mais jovens vem sofrendo desta doença. Esta doen- o melhor a ser feito é a prevenção, entre os fatoresça consiste em situações em que se verificam valo- de prevenção temos os hábitos para uma vida sau-res de tensão arterial aumentados. Para esta carac- dável, podendo reduzir a ingestão de sal na comida,terização, consideram-se valores de tensão arterial trocar as alimentações gordurosas por frutas e ver-sistólica superiores ou iguais a 140 mm Hg duras, fazer exercícios físicos regularmente entre(milímetros de mercúrio) e/ou valores de tensão outras atitudes que o ajudem a ter uma vida saudá-arterial diastólica superiores a 90 mm Hg. vel. Na maior parte dos casos (90 por cento), não há
  9. 9. V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1 O LI V E D O S 5 0 A NO S PÁGINA 9 Palavras Cruzadas 1 2 Horizontais: 3 1. Que não está fechado 4. Onde nos deitamos para dormir 4 5. Com ela fazemos móveis 7. O carteiro a entrega 5 9. Flor muito popular 10. Antônimo de torta, sinuosa 11. Inventar 6 7 Verticais: 8 2. Substantivo relativo a belo 9 3. Está sempre casando 4. Macho da égua 10 6. Rochedo, rocha 7. Antônimo de errado 11 8. LarQue signo mais parece com você? Desafio(1): A lesma no poço Uma lesma está no fundo de um po- ço que tem 15 metros de profundidade, e quer sair dele. Como lesma é lesma, ela sobe 4 metros durante o dia, mas desce três durante a noite. Em quantos dias ela conseguirá sair do poço? Desafio (2): Travessia de barco Três homens querem atravessar um rio. O barco suporta no máximo 130 kg. Eles pesam 60, 65 e 80 kg. Como devem proceder para atravessar o rio, sem afundar o barco? Mailtom Rações Rua: Oscar Costa- Olivedos Bianca Perfumes e Cosméti- Centro cos Fone: (83) 9120-1471 Rua: Oscar Costa- Centro- Olivedos Fone: (83) 3389-1023Mercadinho Mania Org: Bianca eRua: Dyvone Maria de Oliveira- CatarinaOlivedos- Centro Org: MailtomFone: (83) 9129-1464/ (83) 9165-1447 e Maycon
  10. 10. PÁGINA 10 O LI V E D O S 5 0 A NO S V O LU M E 1 , E D I Ç Ã O 1Passando o tempo... Sudoku número e Doku, único). Em bom japonês, o nome As possibilidades: O primeiroesquisito é uma simplificação passo é analisar cada linha, co-da frase “suji wa dokushin ni luna e célula e encontrar os nú-kagiru”, que significa “os nú- meros que poderiam ser coloca-meros têm que ser únicos” e dos ali – ou seja, aqueles quese refere a um passatempo ainda não existem em nenhumanumérico de instruções bem dessas 3 posições. Comece sem-simples, que exige lógica e pre pelos grupos que têm maisraciocínio para a resolução. números – pista já dispostos. OInstruções básicas: O joga- ideal é anotar todas as possibili-dor precisa distribuir, num dades a lápis, para poder ir apa-quadrado de 81 casas, os nú- gando depois.meros 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8 e 9.Não é preciso fazer nenhuma Tirando da reta: Nas casas emconta, basta espalhar os alga- que só há uma possibilidade,rismos sem repeti-los na hori- você já tem o resultado. Escrevazontal, na vertical ou nos o número e exclua-o das outrasquadrados menores (de 9 cé- casas que estejam na mesmalulas). Só existe uma solução linha, coluna ou célula. Repita ocerta para cada casa (na a- processo várias vezes, até pre-breviação, Su quer dizer nú- encher todo o quadrado.Quadrado mágico O quadrado mágico 3x3 é uma Desafio (3):tabela quadrada de lado 3, ondeas somas dos números das li- Corte uma torta em 8 pedaços,nhas, das colunas e das diago- fazendo apenas 3 movimentos (3nais é sempre 15, ou seja, sempre cortes).o mesmo valor, e os nove núme-ros dentro do quadrado não serepetem.Os número são 1, 2, 3, 4,5, 6, 7, 8 e 9.Dica: Comece colocando o núme-ro 5 no centro da tabela. Desafio (4): Desafio (5):Charadas Quantos triângulos há nesta A Maria e o Manuel disputaramPortuguês-matemática figura? um jogo no qual são atribuídos 2Lobato tinha 12 vacas, Nenhuma pontos por vitória e é retirado ummorreu, quantas ficaram? ponto por derrota. Inicialmente cada um tinha 5 pontos. Se o Ma- nuel ganhou exatamente 3 parti- das, e a Maria no final ficou com 10 pontos, quantas partidas eles dis- putaram?

×