SlideShare uma empresa Scribd logo
“Um Estranho em Casa, 
Uma Casa Estranha: 
Pessoa e Psiquiatria” 
Prof. Doutor Vincenzo Di Nicola 
Comentários por Prof. Nuno Miguel Proença 
e Dr. Nuno Borja Santos 
Casa Fernando Pessoa 
Lisboa, Portugal 
31 de Outubro de 2012 – das 18.30 às 20.00h
Pessoa e Psiquiatria 
Casa Fernando Pessoa 
Professor Doutor Vincenzo Di Nicola 
Prof. Nuno Miguel Proença, Filósofo 
Dr. Nuno Borja Santos, Médico Psiquiatra
Agradecimentos 
• Casa Fernando Pessoa 
• Prof. Nuno Miguel Proença 
• Dr. Nuno Borja Santos 
• Dra. Ana Neto 
Photo : Arsinée Donoyan
Pessoa e Psiquiatria 
Eu próprio sou aquilo que perdi ... 
de: Um Estranha Na Família 
O argumento do pipa com a linha 
“The Book of Insomnia” de “After Fernando” 
O último poéta 
Where the Sea Ends and the Earth Awaits
Um Estranho na Família 
Cultura, Famílias e Terapia
Pessoa e Psiquiatria 
“A somática da saudade” 
de: Um Estranha Na Família 
Hoje sou a saudade imperial 
Do que já na distância de mim vi ... 
Eu próprio sou aquilo que perdi ... 
—Fernando Pessoa 
Passos da Cruz. VI
Pessoa e Psiquiatria 
Quem faz um poema abre uma janela. 
—Mario Quintana
Pessoa e Psiquiatria 
Onde a terra se acaba 
e o mar começa. 
—José Saramago 
O Ano da Morte de Ricardo Reis
Pessoa e Psiquiatria 
A mãe falava com ele em francês 
desde a infância 
Perdeu o pai 
A mãe se casou de novo 
Mudaram de pais, de lingua e de cultura 
como criança de 6 anos 
Voltou a Lisboa um jovem de 17 anos
Pessoa e Psiquiatria 
Fernando Pessoa – 
“Um mutante cultural” 
(cf. Um Estranha na Família) 
Um ser limiar, vivendo “na soleira” entre 
mundos, línguas, sentimentos e identidades
Lembro-me de repente de quando era 
criança, e via, como hoje não posso ver, 
a manhã raiar sobre a cidade. Ela então 
não raiava para mim, mas para a vida, 
porque então eu (não sendo consciente) 
era a vida. Via a manhã e tinha alegria; 
hoje vejo a manhã, e tenho alegria, e 
fico triste. A criança ficou mas 
emudeceu. 
—Fernando Pessoa/Bernardo Soares 
O Livro do Desassossego
Sim, outrora eu era ja daqui; hoje, a cada 
paisagem, nova para mim que seja, 
regresso estrangeiro, hóspede e peregrino 
da sua presentação, forasteiro do que 
vejo e ouço, velho de mim. 
—Fernando Pessoa/Bernardo Soares 
O Livro do Desassossego
Os atributos da liminaridade ou das 
personae liminares (pessoas que estão num 
limiar, na soleira) são necessariamente 
ambíguos, uma vez que essa condição e 
essas pessoas escapam ou escorregam da 
rede de classificações que normalmente 
localiza estados e posições intermediária 
entre as posições designadas e 
organizadoras pela lei, costumes, 
convenções e cerimônias. Como tal, seus 
atributos ambíguos e indeterminados são 
expressos por uma rica variedade de 
símbolos nas muitas sociedades que 
ritualizam as transições sociais e culturais. 
—Victor Turner, The Ritual Process (1969)
Pessoa e Psiquiatria 
Sem a metáfora da memória e história, nós 
não podemos imaginar … o que é ser uma 
outra pessoa. A metáfora é o agente 
recíproco, a força universalizadora que torna 
possível imaginar o coração do estranho. 
— Cynthia Ozick
Pessoa e Psiquiatria 
Turku, Finlândia Photo : V Di Nicola
Pessoa e Psiquiatria 
Extremamente curioso o que diz sobre o seu 
desdobramento em várias personagens – e o sentir-se 
mais elas, às vezes do que Você próprio. 
—Mário de Sá Carneiro 
Cartas a Fernando Pessoa. 
Lisboa, Edições Ática, 1958, Vol. 1, p. 183
Pessoa e Psiquiatria 
Mário de Sá Carneiro 
Carneiro 
Ca(rn)eiro 
Alberto Caeiro
Pessoa e Psiquiatria 
Toda a obra de Pessoa é busca de identidade perdida. 
—Octavio Paz 
El Desconocido de Si Mesmo – Fernando Pessoa. 
Madrid, Alianza Editorial, 1983.
Pessoa e Psiquiatria 
A menor unidade humana indivisível 
são duas pessoas, não uma; 
uma é uma ficção. 
—Tony Kushner
Pessoa e Psiquiatria 
Podemos imaginar o dia triunfal 
na vida de Fernando Pessoa 
aquela noite quando Alberto Caiero 
chegou 
Esta foi uma ruptura … um evento 
que mudou a vida dele
Pessoa e Psiquiatria 
Três aspectos do evento 
(Alain Badiou) 
Viver uma experiência 
Nomear esta experiência “evento” 
Ter fidelidade ao evento
Pessoa e Psiquiatria 
É precisamente a fidelidade 
ao evento que cria um sujeito
Pessoa e Psiquiatria 
Nos damos a cada pessoa 
o direito de contar sua história 
à sua propria maneira. 
—Ignazio Silone
Pessoa e Psiquiatria 
Aqui o mar acaba e 
a terra principia. 
—José Saramago 
O Ano da Morte de Ricardo Reis
Referências Bibliográficas 
Balso, Judith. Pessoa, Le Passeur Métaphysique. Paris, Éditions du Seuil, 
2006. Tradução por Drew Burk: Pessoa, The Metaphysical Courrier. New 
York & Dresden, Atropos Press, 2011. 
Bréchon, Robert. Étrange Étranger: Une Biographie de Fernando Pessoa. 
Paris, Christian Bourgois. 1996. 
Di Nicola, Vincenzo. Um Estrahna na Família: Cultura, Famílias e 
Terapia. Tradução por Maria Adriana Veríssimo Veronese. Porto Alegre, 
Artes Médicas, 1998. 
Di Nicola, Vincenzo. “After Fernando.” The Unsecured Present: 3-Day 
Novels & Pomes for Pilgrims. New York & Dresden, Atropos Press, 2012. 
Saraiva, Mário. O Caso Clínico de Fernando Pessoa. Post-fácio do Prof. 
Doutor Luís Duarte Santos. Lisboa, Edições Referendo.
Turku, Finlândia Photo : V Di Nicola

Mais conteúdo relacionado

Destaque

O papel do enfermeiro em Saúde Mental e Psiquiatria
O papel do enfermeiro em Saúde Mental e PsiquiatriaO papel do enfermeiro em Saúde Mental e Psiquiatria
O papel do enfermeiro em Saúde Mental e Psiquiatria
Aliny Lima
 
História da psiquiatria aula 1
História da psiquiatria   aula 1História da psiquiatria   aula 1
História da psiquiatria aula 1
Shirley Kellen Ferreira
 
O Processo de enfermagem na enfermagem em saúde mental
O Processo de enfermagem na enfermagem em saúde mentalO Processo de enfermagem na enfermagem em saúde mental
O Processo de enfermagem na enfermagem em saúde mental
Aroldo Gavioli
 
Teorias de Enfermagem
Teorias de EnfermagemTeorias de Enfermagem
Teorias de Enfermagem
Enf.Savana das G.
 
Saúde Mental
Saúde MentalSaúde Mental
Saúde Mental
Rosemar Prota
 
Teorias de enfermagem
Teorias de enfermagemTeorias de enfermagem
Teorias de enfermagem
Anhanguera Enfermagem A/B
 
Aula Saúde Mental
Aula Saúde MentalAula Saúde Mental
Aula Saúde Mental
Simone Elisa Heitor
 

Destaque (7)

O papel do enfermeiro em Saúde Mental e Psiquiatria
O papel do enfermeiro em Saúde Mental e PsiquiatriaO papel do enfermeiro em Saúde Mental e Psiquiatria
O papel do enfermeiro em Saúde Mental e Psiquiatria
 
História da psiquiatria aula 1
História da psiquiatria   aula 1História da psiquiatria   aula 1
História da psiquiatria aula 1
 
O Processo de enfermagem na enfermagem em saúde mental
O Processo de enfermagem na enfermagem em saúde mentalO Processo de enfermagem na enfermagem em saúde mental
O Processo de enfermagem na enfermagem em saúde mental
 
Teorias de Enfermagem
Teorias de EnfermagemTeorias de Enfermagem
Teorias de Enfermagem
 
Saúde Mental
Saúde MentalSaúde Mental
Saúde Mental
 
Teorias de enfermagem
Teorias de enfermagemTeorias de enfermagem
Teorias de enfermagem
 
Aula Saúde Mental
Aula Saúde MentalAula Saúde Mental
Aula Saúde Mental
 

Semelhante a Um estranho em casa, uma casa estranha - Pessoa e psiquiatria - Casa Fernando Pessoa, Lisboa - 31.10.2012

Um, dois e a multidão: Ofélia Queiroz e seus múltiplos amores com Fernando P...
Um, dois e a multidão: Ofélia Queiroz e seus múltiplos amores com Fernando P...Um, dois e a multidão: Ofélia Queiroz e seus múltiplos amores com Fernando P...
Um, dois e a multidão: Ofélia Queiroz e seus múltiplos amores com Fernando P...
Université de Montréal
 
Mediunidade diagnostico dificil
Mediunidade diagnostico dificilMediunidade diagnostico dificil
Mediunidade diagnostico dificil
Associação Espirita Lagos
 
Factos Espiritas em Portugal
Factos Espiritas em PortugalFactos Espiritas em Portugal
Factos Espiritas em Portugal
ADEP Portugal
 
Divaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia
Divaldo Franco - Peru, Equador e ColômbiaDivaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia
Divaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia
mansaodocaminho
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - biografia # ernesto bozzano
( Espiritismo)   # - amag ramgis - biografia # ernesto bozzano( Espiritismo)   # - amag ramgis - biografia # ernesto bozzano
( Espiritismo) # - amag ramgis - biografia # ernesto bozzano
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
# Amag ramgis - biografia # ernesto bozzano - [ espiritismo]
#   Amag ramgis - biografia # ernesto bozzano - [ espiritismo]#   Amag ramgis - biografia # ernesto bozzano - [ espiritismo]
# Amag ramgis - biografia # ernesto bozzano - [ espiritismo]
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
O Despertar da Consciência no Além Túmulo - o suporte Espiritual
O Despertar da Consciência no Além Túmulo - o suporte EspiritualO Despertar da Consciência no Além Túmulo - o suporte Espiritual
O Despertar da Consciência no Além Túmulo - o suporte Espiritual
ADALBERTO COELHO DA SILVA JR
 
Síntese fp
Síntese fpSíntese fp
Síntese fp
lenaeira
 
Face à Família do Terapeuta Familiar: A Busca Continua, A Memória Permanece
Face à Família do Terapeuta Familiar: A Busca Continua, A Memória PermaneceFace à Família do Terapeuta Familiar: A Busca Continua, A Memória Permanece
Face à Família do Terapeuta Familiar: A Busca Continua, A Memória Permanece
Université de Montréal
 
MORRER NO PLURAL: UMA REFLEXÃO ANTROPOLÓGICA SOBRE A MORTE E A MORTE DE QUINC...
MORRER NO PLURAL: UMA REFLEXÃO ANTROPOLÓGICA SOBRE A MORTE E A MORTE DE QUINC...MORRER NO PLURAL: UMA REFLEXÃO ANTROPOLÓGICA SOBRE A MORTE E A MORTE DE QUINC...
MORRER NO PLURAL: UMA REFLEXÃO ANTROPOLÓGICA SOBRE A MORTE E A MORTE DE QUINC...
Patrícia Loebens
 
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
Denise Aguiar
 
Os precursores do espiritismo
Os precursores do espiritismoOs precursores do espiritismo
Os precursores do espiritismo
Fatoze
 
O Modernismo em Portugal - Movimento Literário
O Modernismo em Portugal - Movimento LiterárioO Modernismo em Portugal - Movimento Literário
O Modernismo em Portugal - Movimento Literário
Ceber Alves
 
Umbanda e loucura
Umbanda e loucuraUmbanda e loucura
Umbanda e loucura
Zeca B.
 
Sonhar dia 13 2.0
Sonhar dia 13 2.0Sonhar dia 13 2.0
Sonhar dia 13 2.0
Eduardo Lucas Andrade
 
J. HERCULANO PIRES "O metro que melhor mediu Kardec"
J. HERCULANO PIRES "O metro que melhor mediu Kardec"J. HERCULANO PIRES "O metro que melhor mediu Kardec"
J. HERCULANO PIRES "O metro que melhor mediu Kardec"
Jorge Luiz dos Santos
 
Psicanálise
PsicanálisePsicanálise
Psicanálise
Silvia Marina Anaruma
 
Seculos Indígenas
Seculos IndígenasSeculos Indígenas
Seculos Indígenas
oarantes
 
Fernando Pessoa e Heterónimos
Fernando Pessoa e HeterónimosFernando Pessoa e Heterónimos
Fernando Pessoa e Heterónimos
Custódia Rebocho
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
Lurdes Augusto
 

Semelhante a Um estranho em casa, uma casa estranha - Pessoa e psiquiatria - Casa Fernando Pessoa, Lisboa - 31.10.2012 (20)

Um, dois e a multidão: Ofélia Queiroz e seus múltiplos amores com Fernando P...
Um, dois e a multidão: Ofélia Queiroz e seus múltiplos amores com Fernando P...Um, dois e a multidão: Ofélia Queiroz e seus múltiplos amores com Fernando P...
Um, dois e a multidão: Ofélia Queiroz e seus múltiplos amores com Fernando P...
 
Mediunidade diagnostico dificil
Mediunidade diagnostico dificilMediunidade diagnostico dificil
Mediunidade diagnostico dificil
 
Factos Espiritas em Portugal
Factos Espiritas em PortugalFactos Espiritas em Portugal
Factos Espiritas em Portugal
 
Divaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia
Divaldo Franco - Peru, Equador e ColômbiaDivaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia
Divaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - biografia # ernesto bozzano
( Espiritismo)   # - amag ramgis - biografia # ernesto bozzano( Espiritismo)   # - amag ramgis - biografia # ernesto bozzano
( Espiritismo) # - amag ramgis - biografia # ernesto bozzano
 
# Amag ramgis - biografia # ernesto bozzano - [ espiritismo]
#   Amag ramgis - biografia # ernesto bozzano - [ espiritismo]#   Amag ramgis - biografia # ernesto bozzano - [ espiritismo]
# Amag ramgis - biografia # ernesto bozzano - [ espiritismo]
 
O Despertar da Consciência no Além Túmulo - o suporte Espiritual
O Despertar da Consciência no Além Túmulo - o suporte EspiritualO Despertar da Consciência no Além Túmulo - o suporte Espiritual
O Despertar da Consciência no Além Túmulo - o suporte Espiritual
 
Síntese fp
Síntese fpSíntese fp
Síntese fp
 
Face à Família do Terapeuta Familiar: A Busca Continua, A Memória Permanece
Face à Família do Terapeuta Familiar: A Busca Continua, A Memória PermaneceFace à Família do Terapeuta Familiar: A Busca Continua, A Memória Permanece
Face à Família do Terapeuta Familiar: A Busca Continua, A Memória Permanece
 
MORRER NO PLURAL: UMA REFLEXÃO ANTROPOLÓGICA SOBRE A MORTE E A MORTE DE QUINC...
MORRER NO PLURAL: UMA REFLEXÃO ANTROPOLÓGICA SOBRE A MORTE E A MORTE DE QUINC...MORRER NO PLURAL: UMA REFLEXÃO ANTROPOLÓGICA SOBRE A MORTE E A MORTE DE QUINC...
MORRER NO PLURAL: UMA REFLEXÃO ANTROPOLÓGICA SOBRE A MORTE E A MORTE DE QUINC...
 
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OBSESSÃO REALIZADA - GRUPO FRATERNIDADE - I...
 
Os precursores do espiritismo
Os precursores do espiritismoOs precursores do espiritismo
Os precursores do espiritismo
 
O Modernismo em Portugal - Movimento Literário
O Modernismo em Portugal - Movimento LiterárioO Modernismo em Portugal - Movimento Literário
O Modernismo em Portugal - Movimento Literário
 
Umbanda e loucura
Umbanda e loucuraUmbanda e loucura
Umbanda e loucura
 
Sonhar dia 13 2.0
Sonhar dia 13 2.0Sonhar dia 13 2.0
Sonhar dia 13 2.0
 
J. HERCULANO PIRES "O metro que melhor mediu Kardec"
J. HERCULANO PIRES "O metro que melhor mediu Kardec"J. HERCULANO PIRES "O metro que melhor mediu Kardec"
J. HERCULANO PIRES "O metro que melhor mediu Kardec"
 
Psicanálise
PsicanálisePsicanálise
Psicanálise
 
Seculos Indígenas
Seculos IndígenasSeculos Indígenas
Seculos Indígenas
 
Fernando Pessoa e Heterónimos
Fernando Pessoa e HeterónimosFernando Pessoa e Heterónimos
Fernando Pessoa e Heterónimos
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
 

Mais de Université de Montréal

“Psychiatry and the Humanities”: An Innovative Course at the University of Mo...
“Psychiatry and the Humanities”: An Innovative Course at the University of Mo...“Psychiatry and the Humanities”: An Innovative Course at the University of Mo...
“Psychiatry and the Humanities”: An Innovative Course at the University of Mo...
Université de Montréal
 
Terms of the Social: Updating the Lexicon of Social Psychiatry
Terms of the Social: Updating the Lexicon of Social PsychiatryTerms of the Social: Updating the Lexicon of Social Psychiatry
Terms of the Social: Updating the Lexicon of Social Psychiatry
Université de Montréal
 
The Social Determinants of Health – Social Psychiatry’s Basic Science
The Social Determinants of Health – Social Psychiatry’s Basic ScienceThe Social Determinants of Health – Social Psychiatry’s Basic Science
The Social Determinants of Health – Social Psychiatry’s Basic Science
Université de Montréal
 
Migration - Maps of Meaning, Maps of Belonging
Migration - Maps of Meaning, Maps of BelongingMigration - Maps of Meaning, Maps of Belonging
Migration - Maps of Meaning, Maps of Belonging
Université de Montréal
 
Slow Thought in a Fast City
Slow Thought in a Fast CitySlow Thought in a Fast City
Slow Thought in a Fast City
Université de Montréal
 
“The Trouble with Normal”: Reading 2 Canadian Bestsellers - Gabor Maté’s "The...
“The Trouble with Normal”: Reading 2 Canadian Bestsellers - Gabor Maté’s "The...“The Trouble with Normal”: Reading 2 Canadian Bestsellers - Gabor Maté’s "The...
“The Trouble with Normal”: Reading 2 Canadian Bestsellers - Gabor Maté’s "The...
Université de Montréal
 
From Quebec’s “Two Solitudes” to the Global South
From Quebec’s “Two Solitudes” to the Global SouthFrom Quebec’s “Two Solitudes” to the Global South
From Quebec’s “Two Solitudes” to the Global South
Université de Montréal
 
What Is Called Therapy? Towards a Unifying Theory of Therapy Based on the Event
What Is Called Therapy?  Towards a Unifying Theory of Therapy Based on the EventWhat Is Called Therapy?  Towards a Unifying Theory of Therapy Based on the Event
What Is Called Therapy? Towards a Unifying Theory of Therapy Based on the Event
Université de Montréal
 
Émile Nelligan - poète québécois, pris entre deux solitudes : la poèsie et la...
Émile Nelligan - poète québécois, pris entre deux solitudes : la poèsie et la...Émile Nelligan - poète québécois, pris entre deux solitudes : la poèsie et la...
Émile Nelligan - poète québécois, pris entre deux solitudes : la poèsie et la...
Université de Montréal
 
“Bound Upon a Wheel of Fire”: Reflections on Trauma
“Bound Upon a Wheel of Fire”: Reflections on Trauma“Bound Upon a Wheel of Fire”: Reflections on Trauma
“Bound Upon a Wheel of Fire”: Reflections on Trauma
Université de Montréal
 
Sin Magia ni Maestros: Para las prácticas sistémicas y sociales mexicanas
Sin Magia ni Maestros: Para las prácticas sistémicas y sociales mexicanasSin Magia ni Maestros: Para las prácticas sistémicas y sociales mexicanas
Sin Magia ni Maestros: Para las prácticas sistémicas y sociales mexicanas
Université de Montréal
 
“This Is Your Brain on War” – Poetry for Peace in a Time of War
“This Is Your Brain on War” – Poetry for Peace in a Time of War“This Is Your Brain on War” – Poetry for Peace in a Time of War
“This Is Your Brain on War” – Poetry for Peace in a Time of War
Université de Montréal
 
Polarization: On the Threshold between Political Ideology and Social Reality
Polarization: On the Threshold between Political Ideology and Social RealityPolarization: On the Threshold between Political Ideology and Social Reality
Polarization: On the Threshold between Political Ideology and Social Reality
Université de Montréal
 
“The Web of Meaning” – Family Therapy is Social Psychiatry’s Therapeutic Branch
“The Web of Meaning” – Family Therapy is Social Psychiatry’s Therapeutic Branch“The Web of Meaning” – Family Therapy is Social Psychiatry’s Therapeutic Branch
“The Web of Meaning” – Family Therapy is Social Psychiatry’s Therapeutic Branch
Université de Montréal
 
Against “The Myth of Independence” – For a More Convivial and Interdependent...
Against “The Myth of Independence” –  For a More Convivial and Interdependent...Against “The Myth of Independence” –  For a More Convivial and Interdependent...
Against “The Myth of Independence” – For a More Convivial and Interdependent...
Université de Montréal
 
Social Psychiatry Comes of Age - Inaugural Column in Psychiatric Times
Social Psychiatry Comes of Age - Inaugural Column in Psychiatric TimesSocial Psychiatry Comes of Age - Inaugural Column in Psychiatric Times
Social Psychiatry Comes of Age - Inaugural Column in Psychiatric Times
Université de Montréal
 
Take Your Time: Seven Lessons for Young Therapists
Take Your Time: Seven Lessons for Young TherapistsTake Your Time: Seven Lessons for Young Therapists
Take Your Time: Seven Lessons for Young Therapists
Université de Montréal
 
“Atado a una rueda de fuego”: Reflexiones sobre una vida en los estudios de t...
“Atado a una rueda de fuego”: Reflexiones sobre una vida en los estudios de t...“Atado a una rueda de fuego”: Reflexiones sobre una vida en los estudios de t...
“Atado a una rueda de fuego”: Reflexiones sobre una vida en los estudios de t...
Université de Montréal
 
El Evento Como Desencadenante del Cambio Ontólogico
El Evento Como Desencadenante del Cambio OntólogicoEl Evento Como Desencadenante del Cambio Ontólogico
El Evento Como Desencadenante del Cambio Ontólogico
Université de Montréal
 
From Populations to Patients: Social Determinants of Health & Mental Health i...
From Populations to Patients: Social Determinants of Health & Mental Health i...From Populations to Patients: Social Determinants of Health & Mental Health i...
From Populations to Patients: Social Determinants of Health & Mental Health i...
Université de Montréal
 

Mais de Université de Montréal (20)

“Psychiatry and the Humanities”: An Innovative Course at the University of Mo...
“Psychiatry and the Humanities”: An Innovative Course at the University of Mo...“Psychiatry and the Humanities”: An Innovative Course at the University of Mo...
“Psychiatry and the Humanities”: An Innovative Course at the University of Mo...
 
Terms of the Social: Updating the Lexicon of Social Psychiatry
Terms of the Social: Updating the Lexicon of Social PsychiatryTerms of the Social: Updating the Lexicon of Social Psychiatry
Terms of the Social: Updating the Lexicon of Social Psychiatry
 
The Social Determinants of Health – Social Psychiatry’s Basic Science
The Social Determinants of Health – Social Psychiatry’s Basic ScienceThe Social Determinants of Health – Social Psychiatry’s Basic Science
The Social Determinants of Health – Social Psychiatry’s Basic Science
 
Migration - Maps of Meaning, Maps of Belonging
Migration - Maps of Meaning, Maps of BelongingMigration - Maps of Meaning, Maps of Belonging
Migration - Maps of Meaning, Maps of Belonging
 
Slow Thought in a Fast City
Slow Thought in a Fast CitySlow Thought in a Fast City
Slow Thought in a Fast City
 
“The Trouble with Normal”: Reading 2 Canadian Bestsellers - Gabor Maté’s "The...
“The Trouble with Normal”: Reading 2 Canadian Bestsellers - Gabor Maté’s "The...“The Trouble with Normal”: Reading 2 Canadian Bestsellers - Gabor Maté’s "The...
“The Trouble with Normal”: Reading 2 Canadian Bestsellers - Gabor Maté’s "The...
 
From Quebec’s “Two Solitudes” to the Global South
From Quebec’s “Two Solitudes” to the Global SouthFrom Quebec’s “Two Solitudes” to the Global South
From Quebec’s “Two Solitudes” to the Global South
 
What Is Called Therapy? Towards a Unifying Theory of Therapy Based on the Event
What Is Called Therapy?  Towards a Unifying Theory of Therapy Based on the EventWhat Is Called Therapy?  Towards a Unifying Theory of Therapy Based on the Event
What Is Called Therapy? Towards a Unifying Theory of Therapy Based on the Event
 
Émile Nelligan - poète québécois, pris entre deux solitudes : la poèsie et la...
Émile Nelligan - poète québécois, pris entre deux solitudes : la poèsie et la...Émile Nelligan - poète québécois, pris entre deux solitudes : la poèsie et la...
Émile Nelligan - poète québécois, pris entre deux solitudes : la poèsie et la...
 
“Bound Upon a Wheel of Fire”: Reflections on Trauma
“Bound Upon a Wheel of Fire”: Reflections on Trauma“Bound Upon a Wheel of Fire”: Reflections on Trauma
“Bound Upon a Wheel of Fire”: Reflections on Trauma
 
Sin Magia ni Maestros: Para las prácticas sistémicas y sociales mexicanas
Sin Magia ni Maestros: Para las prácticas sistémicas y sociales mexicanasSin Magia ni Maestros: Para las prácticas sistémicas y sociales mexicanas
Sin Magia ni Maestros: Para las prácticas sistémicas y sociales mexicanas
 
“This Is Your Brain on War” – Poetry for Peace in a Time of War
“This Is Your Brain on War” – Poetry for Peace in a Time of War“This Is Your Brain on War” – Poetry for Peace in a Time of War
“This Is Your Brain on War” – Poetry for Peace in a Time of War
 
Polarization: On the Threshold between Political Ideology and Social Reality
Polarization: On the Threshold between Political Ideology and Social RealityPolarization: On the Threshold between Political Ideology and Social Reality
Polarization: On the Threshold between Political Ideology and Social Reality
 
“The Web of Meaning” – Family Therapy is Social Psychiatry’s Therapeutic Branch
“The Web of Meaning” – Family Therapy is Social Psychiatry’s Therapeutic Branch“The Web of Meaning” – Family Therapy is Social Psychiatry’s Therapeutic Branch
“The Web of Meaning” – Family Therapy is Social Psychiatry’s Therapeutic Branch
 
Against “The Myth of Independence” – For a More Convivial and Interdependent...
Against “The Myth of Independence” –  For a More Convivial and Interdependent...Against “The Myth of Independence” –  For a More Convivial and Interdependent...
Against “The Myth of Independence” – For a More Convivial and Interdependent...
 
Social Psychiatry Comes of Age - Inaugural Column in Psychiatric Times
Social Psychiatry Comes of Age - Inaugural Column in Psychiatric TimesSocial Psychiatry Comes of Age - Inaugural Column in Psychiatric Times
Social Psychiatry Comes of Age - Inaugural Column in Psychiatric Times
 
Take Your Time: Seven Lessons for Young Therapists
Take Your Time: Seven Lessons for Young TherapistsTake Your Time: Seven Lessons for Young Therapists
Take Your Time: Seven Lessons for Young Therapists
 
“Atado a una rueda de fuego”: Reflexiones sobre una vida en los estudios de t...
“Atado a una rueda de fuego”: Reflexiones sobre una vida en los estudios de t...“Atado a una rueda de fuego”: Reflexiones sobre una vida en los estudios de t...
“Atado a una rueda de fuego”: Reflexiones sobre una vida en los estudios de t...
 
El Evento Como Desencadenante del Cambio Ontólogico
El Evento Como Desencadenante del Cambio OntólogicoEl Evento Como Desencadenante del Cambio Ontólogico
El Evento Como Desencadenante del Cambio Ontólogico
 
From Populations to Patients: Social Determinants of Health & Mental Health i...
From Populations to Patients: Social Determinants of Health & Mental Health i...From Populations to Patients: Social Determinants of Health & Mental Health i...
From Populations to Patients: Social Determinants of Health & Mental Health i...
 

Um estranho em casa, uma casa estranha - Pessoa e psiquiatria - Casa Fernando Pessoa, Lisboa - 31.10.2012

  • 1. “Um Estranho em Casa, Uma Casa Estranha: Pessoa e Psiquiatria” Prof. Doutor Vincenzo Di Nicola Comentários por Prof. Nuno Miguel Proença e Dr. Nuno Borja Santos Casa Fernando Pessoa Lisboa, Portugal 31 de Outubro de 2012 – das 18.30 às 20.00h
  • 2. Pessoa e Psiquiatria Casa Fernando Pessoa Professor Doutor Vincenzo Di Nicola Prof. Nuno Miguel Proença, Filósofo Dr. Nuno Borja Santos, Médico Psiquiatra
  • 3. Agradecimentos • Casa Fernando Pessoa • Prof. Nuno Miguel Proença • Dr. Nuno Borja Santos • Dra. Ana Neto Photo : Arsinée Donoyan
  • 4. Pessoa e Psiquiatria Eu próprio sou aquilo que perdi ... de: Um Estranha Na Família O argumento do pipa com a linha “The Book of Insomnia” de “After Fernando” O último poéta Where the Sea Ends and the Earth Awaits
  • 5. Um Estranho na Família Cultura, Famílias e Terapia
  • 6. Pessoa e Psiquiatria “A somática da saudade” de: Um Estranha Na Família Hoje sou a saudade imperial Do que já na distância de mim vi ... Eu próprio sou aquilo que perdi ... —Fernando Pessoa Passos da Cruz. VI
  • 7. Pessoa e Psiquiatria Quem faz um poema abre uma janela. —Mario Quintana
  • 8. Pessoa e Psiquiatria Onde a terra se acaba e o mar começa. —José Saramago O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • 9. Pessoa e Psiquiatria A mãe falava com ele em francês desde a infância Perdeu o pai A mãe se casou de novo Mudaram de pais, de lingua e de cultura como criança de 6 anos Voltou a Lisboa um jovem de 17 anos
  • 10. Pessoa e Psiquiatria Fernando Pessoa – “Um mutante cultural” (cf. Um Estranha na Família) Um ser limiar, vivendo “na soleira” entre mundos, línguas, sentimentos e identidades
  • 11. Lembro-me de repente de quando era criança, e via, como hoje não posso ver, a manhã raiar sobre a cidade. Ela então não raiava para mim, mas para a vida, porque então eu (não sendo consciente) era a vida. Via a manhã e tinha alegria; hoje vejo a manhã, e tenho alegria, e fico triste. A criança ficou mas emudeceu. —Fernando Pessoa/Bernardo Soares O Livro do Desassossego
  • 12. Sim, outrora eu era ja daqui; hoje, a cada paisagem, nova para mim que seja, regresso estrangeiro, hóspede e peregrino da sua presentação, forasteiro do que vejo e ouço, velho de mim. —Fernando Pessoa/Bernardo Soares O Livro do Desassossego
  • 13. Os atributos da liminaridade ou das personae liminares (pessoas que estão num limiar, na soleira) são necessariamente ambíguos, uma vez que essa condição e essas pessoas escapam ou escorregam da rede de classificações que normalmente localiza estados e posições intermediária entre as posições designadas e organizadoras pela lei, costumes, convenções e cerimônias. Como tal, seus atributos ambíguos e indeterminados são expressos por uma rica variedade de símbolos nas muitas sociedades que ritualizam as transições sociais e culturais. —Victor Turner, The Ritual Process (1969)
  • 14. Pessoa e Psiquiatria Sem a metáfora da memória e história, nós não podemos imaginar … o que é ser uma outra pessoa. A metáfora é o agente recíproco, a força universalizadora que torna possível imaginar o coração do estranho. — Cynthia Ozick
  • 15. Pessoa e Psiquiatria Turku, Finlândia Photo : V Di Nicola
  • 16. Pessoa e Psiquiatria Extremamente curioso o que diz sobre o seu desdobramento em várias personagens – e o sentir-se mais elas, às vezes do que Você próprio. —Mário de Sá Carneiro Cartas a Fernando Pessoa. Lisboa, Edições Ática, 1958, Vol. 1, p. 183
  • 17. Pessoa e Psiquiatria Mário de Sá Carneiro Carneiro Ca(rn)eiro Alberto Caeiro
  • 18. Pessoa e Psiquiatria Toda a obra de Pessoa é busca de identidade perdida. —Octavio Paz El Desconocido de Si Mesmo – Fernando Pessoa. Madrid, Alianza Editorial, 1983.
  • 19. Pessoa e Psiquiatria A menor unidade humana indivisível são duas pessoas, não uma; uma é uma ficção. —Tony Kushner
  • 20. Pessoa e Psiquiatria Podemos imaginar o dia triunfal na vida de Fernando Pessoa aquela noite quando Alberto Caiero chegou Esta foi uma ruptura … um evento que mudou a vida dele
  • 21. Pessoa e Psiquiatria Três aspectos do evento (Alain Badiou) Viver uma experiência Nomear esta experiência “evento” Ter fidelidade ao evento
  • 22. Pessoa e Psiquiatria É precisamente a fidelidade ao evento que cria um sujeito
  • 23.
  • 24. Pessoa e Psiquiatria Nos damos a cada pessoa o direito de contar sua história à sua propria maneira. —Ignazio Silone
  • 25. Pessoa e Psiquiatria Aqui o mar acaba e a terra principia. —José Saramago O Ano da Morte de Ricardo Reis
  • 26. Referências Bibliográficas Balso, Judith. Pessoa, Le Passeur Métaphysique. Paris, Éditions du Seuil, 2006. Tradução por Drew Burk: Pessoa, The Metaphysical Courrier. New York & Dresden, Atropos Press, 2011. Bréchon, Robert. Étrange Étranger: Une Biographie de Fernando Pessoa. Paris, Christian Bourgois. 1996. Di Nicola, Vincenzo. Um Estrahna na Família: Cultura, Famílias e Terapia. Tradução por Maria Adriana Veríssimo Veronese. Porto Alegre, Artes Médicas, 1998. Di Nicola, Vincenzo. “After Fernando.” The Unsecured Present: 3-Day Novels & Pomes for Pilgrims. New York & Dresden, Atropos Press, 2012. Saraiva, Mário. O Caso Clínico de Fernando Pessoa. Post-fácio do Prof. Doutor Luís Duarte Santos. Lisboa, Edições Referendo.
  • 27. Turku, Finlândia Photo : V Di Nicola