SlideShare uma empresa Scribd logo
Sistema Integrado de Bibliotecas
Universidade de São Paulo
Outubro 2017
Tutorial USP
para uso do ORCID
Sumário
Neste tutorial você aprenderá a:
 Criar seu ORCID iD autenticado USP;
 Incluir sua biografia, informações de formação,
emprego e financiamento de pesquisas;
 Integrar seu Registro a outras organizações
 Importar seus trabalhos do Researcher ID, do Scopus
ID, caso possua, ou do Google Scholar;
 Adicionar manualmente seus trabalhos ao ORCID;
 Incluir seu ORCID no Currículo Lattes.
Identificadores de autor
Um identificador de autor é um código digital, como um
RG, atribuído por um determinado sistema, que permite
identificar e individualizar pesquisadores e seus
trabalhos.
Existem hoje vários sistemas de identificação: Scopus ID,
Researcher ID, Lattes iD, Google iD, ORCiD, etc.
O ORCiD surgiu para ser um registro central gratuito de
identificadores de autores.
Já possui Currículo Lattes iD, Researcher ID,
Google Scholar iD ou Scopus ID ?
 Por que criar mais um identificador?
 O ORCiD integra todos os outros identificadores;
 O ORCiD proporciona visibilidade internacional;
 A Universidade de São Paulo é membro do ORCID e
isso vai facilitar a integração e validação de dados.
Vantagens do ORCID para você
 O Registro ORCiD resolve problemas de ambiguidade, impedindo a
confusão entre homônimos, atribuição errônea de autoria ou a dissociação
do nome quando escrito de formas diferentes (por extenso, abreviado,
"nome profissional”, etc.);
 O ORCiD está integrado com outros sistemas internacionais como Crossref
(DOI), Web of Science (ResearcherID), Scopus, e Agências de Financiamento
como Fapesp, CNPq, NIH, etc.
 O ORCID registra, em um único local, todas as suas publicações, e, através
da integração com outros identificadores (Researcher ID, Scopus ID, Crossref
DOI, etc), garante que seu trabalho seja automaticamente atualizado e
reconhecido no mundo todo;
 O ORCiD permite participar de uma “rede social” de pesquisadores da
mesma área em que você atua, provenientes do Brasil e de outros países.
 O ORCiD é um identificador mundialmente reconhecido, que ganha adeptos
dia a dia.
Características do ORCID
 O ORCID (Open Researcher and Contributor iD) é gratuito, não
tem fins lucrativos e não está vinculado a nenhuma editora;
 Seu objetivo é fornecer um único identificador digital
internacional persistente que distingue um pesquisador de
outro;
 Garante também a integração nos fluxos das atividades
científicas, desde a submissão de manuscritos até a publicação
de artigos e registro em bases de dados, fazendo ligações entre
o pesquisador e suas atividades profissionais;
 Recomenda-se que todos os docentes e pesquisadores da USP
façam seu cadastro.
Não possui um Researcher ID ou Scopus ID
ou outro identificador ?
Não é obrigatório possuir outro identificador para
obter seu número ORCID. Registre-se agora.
Três Passos
Universidade de São Paulo
BRASIL
Universidade de São Paulo
BRASIL
Como registrar-se?
Acesse o site: http://www.usp.br/orcid
Universidade de São Paulo
BRASIL
Você poderá
conectar-se usando
sua conta pessoal ou
através da conta da
Instituição,
com seu nº USP e
Senha Única
(Sistemas USP)
Insira seu nº USP e senha USP
Autenticação ORCiD USP
Tutorial ORCiD - Como criar seu registro ORCiD autenticado USP
Ao criar sua conta, um e-mail de confirmação
será enviado
Ao confirmar seu e-mail, nova mensagem
é enviada
Tutorial ORCiD - Como criar seu registro ORCiD autenticado USP
Tutorial ORCiD - Como criar seu registro ORCiD autenticado USP
Universidade de São Paulo
BRASIL
Clique na figura de editar e preencha todos os itens indicados,
em especial o item “Também conhecido como”, onde você
colocará todas as variáveis de seu nome como autor.
 Biografia
 Educação
 Emprego
 Financiamento
 Trabalhos
Principais elementos de seu registro
 É possível escolher como cada
elemento de seu registro será
visualizado pelo mundo
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Digite aqui sua biografia em português e em inglês,
para que também possa ser lida por pesquisadores de
outros países.
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
Escolha a opção
USP - UNIVERSIDADE DE SAO PAULO
pois é importante que o nome da Instituição fique
normalizado.
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome Sobrenome
http://orcid.org/0000-0002-0123-208X
IMPORTAR FINANCIAMENTO
Utilizando o assistente de importação ÜberWizard for ORCID
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
Universidade de São Paulo
BRASIL
Exemplo de Busca: José Goldemberg
Universidade de São Paulo
BRASIL
FAZER A
CONEXÃO
MANUALMENTE
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
PESQUISAR E
CONECTAR
Integração ORCiD e CrossRef (DOI)
Nome Sobrenome
http://orcid.org/0000-0002-0123-208X
Integração ORCID e ResearcherID
http://orcid.org/0000-0002-0123-208X
Nome Sobrenome
Integração ORCID e Scopus ID
Nome Sobrenome
http://orcid.org/0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Permite importar registros do perfil do Google Scholar
Como importar trabalhos do Google para o seu
ORCID
 Acesse o seu perfil no Google Scholar.
 Selecione seus trabalhos
 Clique em Exportar
 Exporte o arquivo no formato BibTex
 Salve em seu computador
 Retorne ao ORCID, selecione o arquivo e importe
Universidade de São Paulo
BRASIL
Nome
Sobrenome
0000-0002-0123-208X
Universidade de São Paulo
BRASIL
ADICIONAR
MANUALMENTE
Universidade de São Paulo
BRASIL
Adicione no item Trabalhos, seus artigos, trabalhos de
eventos, dissertação, tese, capítulo de livro, livro, etc.
O ORCID suporta 37 tipos de trabalhos. Para saber mais
sobre as tipologias, acesse:
https://members.orcid.org/api/supported-work-types
Registre seus trabalhos
Como integrar o ResearcherID ao ORCID
 Acesse o site: https://www.researcherid.com/ e
logue-se.
 Clique em “Exchange Data With ORCID” para
habilitar a troca de dados.
Sobrenome, Nome
L-8999-2015
Habilite a integração
Como integrar o Scopus ID ao ORCID
 Acesse o site: https://www.scopus.com/customer/authenticate.uri
 Clique em “Add to ORCID” para habilitar a troca de dados.
Sobrenome, Nome
67192125901
Habilite a integração
Nome Sobrenome
67192125901
Universidade de São Paulo
BRASIL
Inclua seu número identificador ORCID em seus
trabalhos, pôsteres e apresentações em power-
point, ao enviar publicações para editoras, solicitar
financiamentos e em qualquer fluxo de trabalho
de pesquisa, para garantir que sua produção seja
creditada a você como autor ou coautor.
Visualizando a versão pública de seu ORCID
A visualização vai depender das permissões previamente
registradas por você em seu perfil.
Exemplo
de Registro
ORCID com
todos os
elementos
visíveis
Universidade de São Paulo
BRASIL
Procure quem está envolvido com a mesma área
de sua pesquisa e forme uma rede de contatos
Insira palavras em
português e em inglês.
Inclua seu número identificador ORCID
em seu Currículo Lattes
1) Acesse a plataforma do Currículo Lattes e Atualize seu
Currículo: http://buscacv.cnpq.br/buscacv
2) No menu superior, selecione Dados gerais;
3) Clique em Identificação;
4) Clique em Outras bases bibliográficas;
5) Clique em Inserir nova;
6) Digite seu número ORCID;
7) Clique em Validar ID e em Confirmar;
8) Clique em Salvar e em Enviar ao CNPq.
Inclua seu número identificador ORCID
em seu Currículo Lattes
Na página principal de seu Currículo Lattes
aparecerá o link para seu ORCID:
Configurações da sua conta ORCID
Clique em
Configurações da
conta.
Edite as Configurações de sua Conta
ORCID
Verifique as
Organizações Confiáveis
nas Configurações de
sua Conta ORCID
Permissão para alguém confiável
atualizar sua conta ORCID
Você pode permitir que
sua conta ORCID seja
atualizada por alguém
confiável.
Clique em
Configurações da
conta.
Caso queira, registre
aqui indivíduos ou
organizações confiáveis
para manejar seu perfil.
A organização ou
pessoa confiável
também deve possuir
cadastro no ORCID
Verifique as contas de
e-mail cadastradas
para acesso ao seu
ORCiD
Dúvidas
 Para mais informações
 Consulte os profissionais das Bibliotecas da Universidade de
São Paulo.
 Envie mensagem ao e-mail: atendimento@sibi.usp.br
A/C Elisabeth Adriana Dudziak
 Agradecemos a contribuição dos colegas das Bibliotecas.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fundamentos da bioquimica
Fundamentos da bioquimicaFundamentos da bioquimica
Fundamentos da bioquimica
emanuel
 
O conhecimento filosofico
O conhecimento filosoficoO conhecimento filosofico
O conhecimento filosofico
Lybia Sarraff
 
Aula 1 - Urgência e emergência
Aula 1 - Urgência e emergênciaAula 1 - Urgência e emergência
Aula 1 - Urgência e emergência
Ricardo Augusto
 
1 carcteristicas gerais sist imune 2016_1_prof herminio
1 carcteristicas gerais sist imune   2016_1_prof herminio1 carcteristicas gerais sist imune   2016_1_prof herminio
1 carcteristicas gerais sist imune 2016_1_prof herminio
PriclesFigueiredo
 
1ª aula amostras biológicas
1ª aula   amostras biológicas1ª aula   amostras biológicas
1ª aula amostras biológicas
Lilian Keila Alves
 
EJA AULA 2: Introdução aos estudos da Educação de Jovens e Adultos: o campo d...
EJA AULA 2: Introdução aos estudos da Educação de Jovens e Adultos: o campo d...EJA AULA 2: Introdução aos estudos da Educação de Jovens e Adultos: o campo d...
EJA AULA 2: Introdução aos estudos da Educação de Jovens e Adultos: o campo d...
profamiriamnavarro
 
Prevenção e Controle de Microrganismo Multirresistente
Prevenção e Controle de Microrganismo MultirresistentePrevenção e Controle de Microrganismo Multirresistente
Prevenção e Controle de Microrganismo Multirresistente
nuiashrl
 
David ausubel - Aprendizagem Significativa
David ausubel - Aprendizagem SignificativaDavid ausubel - Aprendizagem Significativa
David ausubel - Aprendizagem Significativa
Kete Martins Rufino
 
introduçao a microbiologia
introduçao a microbiologiaintroduçao a microbiologia
introduçao a microbiologia
Lucio Silva
 
aulapronto-socorro
 aulapronto-socorro  aulapronto-socorro
aulapronto-socorro
Gabriela Bragagnollo
 
Auto-estima do professor
Auto-estima do professorAuto-estima do professor
Auto-estima do professor
Blog Amiga da Pedagogia By Nathália
 
biossegurança
biossegurançabiossegurança
biossegurança
João Junior
 
Imunidade Adquirida - Humoral
Imunidade Adquirida - HumoralImunidade Adquirida - Humoral
Imunidade Adquirida - Humoral
Isabel Lopes
 
Microbiologia
MicrobiologiaMicrobiologia
Microbiologia
Thiago Paulino
 
Coleta de materiais biológicos
Coleta de materiais biológicosColeta de materiais biológicos
Coleta de materiais biológicos
Péricles Monteiro
 
Punção venosa.
Punção venosa.Punção venosa.
Punção venosa.
Centro Universitário Ages
 
Ética profissional
Ética profissionalÉtica profissional
Ética profissional
Alessandra Floriano Amaro
 
TCC: Introdução, Revisão da Literatura e Objetivos - Profa. Rilva Muñoz - UFPB
TCC: Introdução, Revisão da Literatura e Objetivos - Profa. Rilva Muñoz - UFPBTCC: Introdução, Revisão da Literatura e Objetivos - Profa. Rilva Muñoz - UFPB
TCC: Introdução, Revisão da Literatura e Objetivos - Profa. Rilva Muñoz - UFPB
Rilva Lopes de Sousa Muñoz
 
Tratamento de feridas
Tratamento de feridasTratamento de feridas
Tratamento de feridas
Gilson Betta Sevilha
 
Aula 2 coleta de material para exames laboratoriais.
Aula 2 coleta de material para exames laboratoriais.Aula 2 coleta de material para exames laboratoriais.
Aula 2 coleta de material para exames laboratoriais.
Adriana Saraiva
 

Mais procurados (20)

Fundamentos da bioquimica
Fundamentos da bioquimicaFundamentos da bioquimica
Fundamentos da bioquimica
 
O conhecimento filosofico
O conhecimento filosoficoO conhecimento filosofico
O conhecimento filosofico
 
Aula 1 - Urgência e emergência
Aula 1 - Urgência e emergênciaAula 1 - Urgência e emergência
Aula 1 - Urgência e emergência
 
1 carcteristicas gerais sist imune 2016_1_prof herminio
1 carcteristicas gerais sist imune   2016_1_prof herminio1 carcteristicas gerais sist imune   2016_1_prof herminio
1 carcteristicas gerais sist imune 2016_1_prof herminio
 
1ª aula amostras biológicas
1ª aula   amostras biológicas1ª aula   amostras biológicas
1ª aula amostras biológicas
 
EJA AULA 2: Introdução aos estudos da Educação de Jovens e Adultos: o campo d...
EJA AULA 2: Introdução aos estudos da Educação de Jovens e Adultos: o campo d...EJA AULA 2: Introdução aos estudos da Educação de Jovens e Adultos: o campo d...
EJA AULA 2: Introdução aos estudos da Educação de Jovens e Adultos: o campo d...
 
Prevenção e Controle de Microrganismo Multirresistente
Prevenção e Controle de Microrganismo MultirresistentePrevenção e Controle de Microrganismo Multirresistente
Prevenção e Controle de Microrganismo Multirresistente
 
David ausubel - Aprendizagem Significativa
David ausubel - Aprendizagem SignificativaDavid ausubel - Aprendizagem Significativa
David ausubel - Aprendizagem Significativa
 
introduçao a microbiologia
introduçao a microbiologiaintroduçao a microbiologia
introduçao a microbiologia
 
aulapronto-socorro
 aulapronto-socorro  aulapronto-socorro
aulapronto-socorro
 
Auto-estima do professor
Auto-estima do professorAuto-estima do professor
Auto-estima do professor
 
biossegurança
biossegurançabiossegurança
biossegurança
 
Imunidade Adquirida - Humoral
Imunidade Adquirida - HumoralImunidade Adquirida - Humoral
Imunidade Adquirida - Humoral
 
Microbiologia
MicrobiologiaMicrobiologia
Microbiologia
 
Coleta de materiais biológicos
Coleta de materiais biológicosColeta de materiais biológicos
Coleta de materiais biológicos
 
Punção venosa.
Punção venosa.Punção venosa.
Punção venosa.
 
Ética profissional
Ética profissionalÉtica profissional
Ética profissional
 
TCC: Introdução, Revisão da Literatura e Objetivos - Profa. Rilva Muñoz - UFPB
TCC: Introdução, Revisão da Literatura e Objetivos - Profa. Rilva Muñoz - UFPBTCC: Introdução, Revisão da Literatura e Objetivos - Profa. Rilva Muñoz - UFPB
TCC: Introdução, Revisão da Literatura e Objetivos - Profa. Rilva Muñoz - UFPB
 
Tratamento de feridas
Tratamento de feridasTratamento de feridas
Tratamento de feridas
 
Aula 2 coleta de material para exames laboratoriais.
Aula 2 coleta de material para exames laboratoriais.Aula 2 coleta de material para exames laboratoriais.
Aula 2 coleta de material para exames laboratoriais.
 

Destaque

ResearcherID e Google Scholar-IFSC
ResearcherID e Google Scholar-IFSCResearcherID e Google Scholar-IFSC
ResearcherID e Google Scholar-IFSC
SIBiUSP
 
Patentes Lsi
Patentes LsiPatentes Lsi
Patentes Lsi
Elisabeth Dudziak
 
Guia de informações, serviços e produtos da Biblioteca Florestan Fernandes FF...
Guia de informações, serviços e produtos da Biblioteca Florestan Fernandes FF...Guia de informações, serviços e produtos da Biblioteca Florestan Fernandes FF...
Guia de informações, serviços e produtos da Biblioteca Florestan Fernandes FF...
Ana Cristina Dudziak Guimarães
 
Senai 2013
Senai 2013Senai 2013
Senai 2013
Elisabeth Dudziak
 
Tecidoteca da Escola de Artes, Ciências e Humanidades - EACH
Tecidoteca da Escola de Artes, Ciências e Humanidades - EACHTecidoteca da Escola de Artes, Ciências e Humanidades - EACH
Tecidoteca da Escola de Artes, Ciências e Humanidades - EACH
SIBiUSP
 
A biblioteca e os filmes da eca
A biblioteca e os filmes da ecaA biblioteca e os filmes da eca
A biblioteca e os filmes da eca
Biblioteca da Eca
 
Tutorial Sistemas de Identificação de pesquisadores usp
Tutorial Sistemas de Identificação de pesquisadores uspTutorial Sistemas de Identificação de pesquisadores usp
Tutorial Sistemas de Identificação de pesquisadores usp
SIBiUSP
 
Ulrichsweb - diretório de periódicos: Tutorial para pesquisas de revistas em ...
Ulrichsweb - diretório de periódicos: Tutorial para pesquisas de revistas em ...Ulrichsweb - diretório de periódicos: Tutorial para pesquisas de revistas em ...
Ulrichsweb - diretório de periódicos: Tutorial para pesquisas de revistas em ...
Ana Cristina Dudziak Guimarães
 
Confoa 2012 bdpi 2012
Confoa 2012   bdpi 2012Confoa 2012   bdpi 2012
Confoa 2012 bdpi 2012
Elisabeth Dudziak
 
CONFOA 2012 - Biblioteca da Produção Intelectual da USP - Célia de Oliveira Rosa
CONFOA 2012 - Biblioteca da Produção Intelectual da USP - Célia de Oliveira RosaCONFOA 2012 - Biblioteca da Produção Intelectual da USP - Célia de Oliveira Rosa
CONFOA 2012 - Biblioteca da Produção Intelectual da USP - Célia de Oliveira Rosa
Elisabeth Dudziak
 
Minhas citações
Minhas citaçõesMinhas citações
Minhas citações
Biblioteca da Eca
 
Competência em informação uma abordagem comunicacional : constituição da ár...
Competência em informação uma abordagem comunicacional: constituição da ár...Competência em informação uma abordagem comunicacional: constituição da ár...
Competência em informação uma abordagem comunicacional : constituição da ár...
Elisabeth Dudziak
 
Scopus Content Selection Process 2017 - Criterios de Selecao de Revistas para...
Scopus Content Selection Process 2017 - Criterios de Selecao de Revistas para...Scopus Content Selection Process 2017 - Criterios de Selecao de Revistas para...
Scopus Content Selection Process 2017 - Criterios de Selecao de Revistas para...
SIBiUSP
 
Gestao De Conhecimento Em Bibliotecas Universitarias
Gestao De Conhecimento Em Bibliotecas UniversitariasGestao De Conhecimento Em Bibliotecas Universitarias
Gestao De Conhecimento Em Bibliotecas Universitarias
Elisabeth Dudziak
 
Ufsc ocs ojs
Ufsc ocs ojsUfsc ocs ojs
Ufsc ocs ojs
Elisabeth Dudziak
 
Producao cientifica lsi
Producao cientifica lsiProducao cientifica lsi
Producao cientifica lsi
Elisabeth Dudziak
 

Destaque (16)

ResearcherID e Google Scholar-IFSC
ResearcherID e Google Scholar-IFSCResearcherID e Google Scholar-IFSC
ResearcherID e Google Scholar-IFSC
 
Patentes Lsi
Patentes LsiPatentes Lsi
Patentes Lsi
 
Guia de informações, serviços e produtos da Biblioteca Florestan Fernandes FF...
Guia de informações, serviços e produtos da Biblioteca Florestan Fernandes FF...Guia de informações, serviços e produtos da Biblioteca Florestan Fernandes FF...
Guia de informações, serviços e produtos da Biblioteca Florestan Fernandes FF...
 
Senai 2013
Senai 2013Senai 2013
Senai 2013
 
Tecidoteca da Escola de Artes, Ciências e Humanidades - EACH
Tecidoteca da Escola de Artes, Ciências e Humanidades - EACHTecidoteca da Escola de Artes, Ciências e Humanidades - EACH
Tecidoteca da Escola de Artes, Ciências e Humanidades - EACH
 
A biblioteca e os filmes da eca
A biblioteca e os filmes da ecaA biblioteca e os filmes da eca
A biblioteca e os filmes da eca
 
Tutorial Sistemas de Identificação de pesquisadores usp
Tutorial Sistemas de Identificação de pesquisadores uspTutorial Sistemas de Identificação de pesquisadores usp
Tutorial Sistemas de Identificação de pesquisadores usp
 
Ulrichsweb - diretório de periódicos: Tutorial para pesquisas de revistas em ...
Ulrichsweb - diretório de periódicos: Tutorial para pesquisas de revistas em ...Ulrichsweb - diretório de periódicos: Tutorial para pesquisas de revistas em ...
Ulrichsweb - diretório de periódicos: Tutorial para pesquisas de revistas em ...
 
Confoa 2012 bdpi 2012
Confoa 2012   bdpi 2012Confoa 2012   bdpi 2012
Confoa 2012 bdpi 2012
 
CONFOA 2012 - Biblioteca da Produção Intelectual da USP - Célia de Oliveira Rosa
CONFOA 2012 - Biblioteca da Produção Intelectual da USP - Célia de Oliveira RosaCONFOA 2012 - Biblioteca da Produção Intelectual da USP - Célia de Oliveira Rosa
CONFOA 2012 - Biblioteca da Produção Intelectual da USP - Célia de Oliveira Rosa
 
Minhas citações
Minhas citaçõesMinhas citações
Minhas citações
 
Competência em informação uma abordagem comunicacional : constituição da ár...
Competência em informação uma abordagem comunicacional: constituição da ár...Competência em informação uma abordagem comunicacional: constituição da ár...
Competência em informação uma abordagem comunicacional : constituição da ár...
 
Scopus Content Selection Process 2017 - Criterios de Selecao de Revistas para...
Scopus Content Selection Process 2017 - Criterios de Selecao de Revistas para...Scopus Content Selection Process 2017 - Criterios de Selecao de Revistas para...
Scopus Content Selection Process 2017 - Criterios de Selecao de Revistas para...
 
Gestao De Conhecimento Em Bibliotecas Universitarias
Gestao De Conhecimento Em Bibliotecas UniversitariasGestao De Conhecimento Em Bibliotecas Universitarias
Gestao De Conhecimento Em Bibliotecas Universitarias
 
Ufsc ocs ojs
Ufsc ocs ojsUfsc ocs ojs
Ufsc ocs ojs
 
Producao cientifica lsi
Producao cientifica lsiProducao cientifica lsi
Producao cientifica lsi
 

Semelhante a Tutorial ORCiD - Como criar seu registro ORCiD autenticado USP

Tutorial ORCID
Tutorial ORCIDTutorial ORCID
ORCID
ORCIDORCID
perfil de investigadores na web
perfil de investigadores na webperfil de investigadores na web
perfil de investigadores na web
Bella Nolasco
 
Tutorial ORCID
Tutorial ORCIDTutorial ORCID
Tutorial ORCID
Biblioteca Central UFRGS
 
Tutorial ORCID
Tutorial ORCIDTutorial ORCID
2016 orcid as suas publicações num único identificador
2016 orcid as suas publicações num único identificador2016 orcid as suas publicações num único identificador
2016 orcid as suas publicações num único identificador
Bibliotecas da Universidade de Aveiro
 
Orcid ID (Open Researcher and Contributor ID): identificador digital único - ...
Orcid ID (Open Researcher and Contributor ID): identificador digital único - ...Orcid ID (Open Researcher and Contributor ID): identificador digital único - ...
Orcid ID (Open Researcher and Contributor ID): identificador digital único - ...
Biblioteca IFGW / Physics Library - UNICAMP
 
ORCID: as suas publicações num único identificador
ORCID: as suas publicações num único identificadorORCID: as suas publicações num único identificador
ORCID: as suas publicações num único identificador
Bibliotecas da Universidade de Aveiro
 
Identidade acadêmica: por que gerenciá-la? - Tutorial
Identidade acadêmica: por que gerenciá-la? - TutorialIdentidade acadêmica: por que gerenciá-la? - Tutorial
Identidade acadêmica: por que gerenciá-la? - Tutorial
Biblioteca IFGW / Physics Library - UNICAMP
 
ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?
Suelybcs .
 
Cultura digital e editores científicos
Cultura digital e editores científicosCultura digital e editores científicos
Cultura digital e editores científicos
Suelybcs .
 
#CulturaDigital #Editores
#CulturaDigital #Editores#CulturaDigital #Editores
#CulturaDigital #Editores
Portal de Periódicos UFMG
 
ORCID – Open Researcher and Contributor ID - Lilian Pessoa
ORCID – Open Researcher and Contributor ID - Lilian PessoaORCID – Open Researcher and Contributor ID - Lilian Pessoa
ORCID – Open Researcher and Contributor ID - Lilian Pessoa
SciELO - Scientific Electronic Library Online
 
ResearcherID
ResearcherIDResearcherID
ResearcherID
Biblioteca FEAUSP
 
Autoridade e Validação em Comunicação Digital
Autoridade e Validação em Comunicação DigitalAutoridade e Validação em Comunicação Digital
Autoridade e Validação em Comunicação Digital
ORCID, Inc
 
Lilian Pessoa - Autoridade e Integração em Comunicação Digital: ORCID
Lilian Pessoa - Autoridade e Integração em Comunicação Digital: ORCIDLilian Pessoa - Autoridade e Integração em Comunicação Digital: ORCID
Lilian Pessoa - Autoridade e Integração em Comunicação Digital: ORCID
SIBiUSP
 
ORCID (III Curso de Atualização SciELO-ScholarOne)
ORCID (III Curso de Atualização SciELO-ScholarOne)ORCID (III Curso de Atualização SciELO-ScholarOne)
ORCID (III Curso de Atualização SciELO-ScholarOne)
SciELO - Scientific Electronic Library Online
 
ORCID para autores
ORCID para autoresORCID para autores
ORCID para autores
Suelybcs .
 
O papel da ORCID no processo de publicação
O papel da ORCID no processo de publicaçãoO papel da ORCID no processo de publicação
O papel da ORCID no processo de publicação
ORCID, Inc
 
ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?
Suelybcs .
 

Semelhante a Tutorial ORCiD - Como criar seu registro ORCiD autenticado USP (20)

Tutorial ORCID
Tutorial ORCIDTutorial ORCID
Tutorial ORCID
 
ORCID
ORCIDORCID
ORCID
 
perfil de investigadores na web
perfil de investigadores na webperfil de investigadores na web
perfil de investigadores na web
 
Tutorial ORCID
Tutorial ORCIDTutorial ORCID
Tutorial ORCID
 
Tutorial ORCID
Tutorial ORCIDTutorial ORCID
Tutorial ORCID
 
2016 orcid as suas publicações num único identificador
2016 orcid as suas publicações num único identificador2016 orcid as suas publicações num único identificador
2016 orcid as suas publicações num único identificador
 
Orcid ID (Open Researcher and Contributor ID): identificador digital único - ...
Orcid ID (Open Researcher and Contributor ID): identificador digital único - ...Orcid ID (Open Researcher and Contributor ID): identificador digital único - ...
Orcid ID (Open Researcher and Contributor ID): identificador digital único - ...
 
ORCID: as suas publicações num único identificador
ORCID: as suas publicações num único identificadorORCID: as suas publicações num único identificador
ORCID: as suas publicações num único identificador
 
Identidade acadêmica: por que gerenciá-la? - Tutorial
Identidade acadêmica: por que gerenciá-la? - TutorialIdentidade acadêmica: por que gerenciá-la? - Tutorial
Identidade acadêmica: por que gerenciá-la? - Tutorial
 
ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?
 
Cultura digital e editores científicos
Cultura digital e editores científicosCultura digital e editores científicos
Cultura digital e editores científicos
 
#CulturaDigital #Editores
#CulturaDigital #Editores#CulturaDigital #Editores
#CulturaDigital #Editores
 
ORCID – Open Researcher and Contributor ID - Lilian Pessoa
ORCID – Open Researcher and Contributor ID - Lilian PessoaORCID – Open Researcher and Contributor ID - Lilian Pessoa
ORCID – Open Researcher and Contributor ID - Lilian Pessoa
 
ResearcherID
ResearcherIDResearcherID
ResearcherID
 
Autoridade e Validação em Comunicação Digital
Autoridade e Validação em Comunicação DigitalAutoridade e Validação em Comunicação Digital
Autoridade e Validação em Comunicação Digital
 
Lilian Pessoa - Autoridade e Integração em Comunicação Digital: ORCID
Lilian Pessoa - Autoridade e Integração em Comunicação Digital: ORCIDLilian Pessoa - Autoridade e Integração em Comunicação Digital: ORCID
Lilian Pessoa - Autoridade e Integração em Comunicação Digital: ORCID
 
ORCID (III Curso de Atualização SciELO-ScholarOne)
ORCID (III Curso de Atualização SciELO-ScholarOne)ORCID (III Curso de Atualização SciELO-ScholarOne)
ORCID (III Curso de Atualização SciELO-ScholarOne)
 
ORCID para autores
ORCID para autoresORCID para autores
ORCID para autores
 
O papel da ORCID no processo de publicação
O papel da ORCID no processo de publicaçãoO papel da ORCID no processo de publicação
O papel da ORCID no processo de publicação
 
ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?
 

Mais de SIBiUSP

2020.03.09 creative commons_agencia_usp
2020.03.09 creative commons_agencia_usp2020.03.09 creative commons_agencia_usp
2020.03.09 creative commons_agencia_usp
SIBiUSP
 
Aguia apresentacao 20200309_ab
Aguia apresentacao 20200309_abAguia apresentacao 20200309_ab
Aguia apresentacao 20200309_ab
SIBiUSP
 
Apresentacao fapesp usp_09032020
Apresentacao fapesp usp_09032020Apresentacao fapesp usp_09032020
Apresentacao fapesp usp_09032020
SIBiUSP
 
Comunicacao usp fev2020_aguiab
Comunicacao usp fev2020_aguiabComunicacao usp fev2020_aguiab
Comunicacao usp fev2020_aguiab
SIBiUSP
 
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Vania Mara Alv...
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Vania Mara Alv...Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Vania Mara Alv...
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Vania Mara Alv...
SIBiUSP
 
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Valéria Valls
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Valéria VallsUm novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Valéria Valls
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Valéria Valls
SIBiUSP
 
Atividades de pesquisa na Graduação e o desenvolvimento profissional
Atividades de pesquisa na Graduação e o desenvolvimento profissionalAtividades de pesquisa na Graduação e o desenvolvimento profissional
Atividades de pesquisa na Graduação e o desenvolvimento profissional
SIBiUSP
 
Pós-Graduação e pesquisa: programas e projetos USP
Pós-Graduação e pesquisa: programas e projetos USPPós-Graduação e pesquisa: programas e projetos USP
Pós-Graduação e pesquisa: programas e projetos USP
SIBiUSP
 
Panorama e ações para o desenvolvimento da pesquisa na USP
Panorama e ações para o desenvolvimento da pesquisa na USPPanorama e ações para o desenvolvimento da pesquisa na USP
Panorama e ações para o desenvolvimento da pesquisa na USP
SIBiUSP
 
SIBiUSP e o suporte ao pesquisador
SIBiUSP e o suporte ao pesquisadorSIBiUSP e o suporte ao pesquisador
SIBiUSP e o suporte ao pesquisador
SIBiUSP
 
Presentacion usp oct 18
Presentacion usp oct 18Presentacion usp oct 18
Presentacion usp oct 18
SIBiUSP
 
Workshop IEEE na USP – Como aumentar o impacto de suas pesquisas e publicações
Workshop IEEE na USP – Como aumentar o impacto de suas pesquisas e publicaçõesWorkshop IEEE na USP – Como aumentar o impacto de suas pesquisas e publicações
Workshop IEEE na USP – Como aumentar o impacto de suas pesquisas e publicações
SIBiUSP
 
Guia para Publicar Emerald 2018
Guia para Publicar Emerald 2018Guia para Publicar Emerald 2018
Guia para Publicar Emerald 2018
SIBiUSP
 
Apresentação - Slides do Workshop AJE na USP
Apresentação - Slides do Workshop AJE na USPApresentação - Slides do Workshop AJE na USP
Apresentação - Slides do Workshop AJE na USP
SIBiUSP
 
Prevencao de Plagio e Ferramentas
Prevencao de Plagio e FerramentasPrevencao de Plagio e Ferramentas
Prevencao de Plagio e Ferramentas
SIBiUSP
 
Gestão de Dados de Pesquisa e o Papel dos Bibliotecários
Gestão de Dados de Pesquisa e o Papel dos BibliotecáriosGestão de Dados de Pesquisa e o Papel dos Bibliotecários
Gestão de Dados de Pesquisa e o Papel dos Bibliotecários
SIBiUSP
 
ORCiD e a integração com dados de pesquisa
ORCiD e a integração com dados de pesquisaORCiD e a integração com dados de pesquisa
ORCiD e a integração com dados de pesquisa
SIBiUSP
 
Boas Práticas de Pesquisa e a importância da gestão dos dados
Boas Práticas de Pesquisa e a importância da gestão dos dadosBoas Práticas de Pesquisa e a importância da gestão dos dados
Boas Práticas de Pesquisa e a importância da gestão dos dados
SIBiUSP
 
Abertura: Gestão de dados de pesquisa: desafios e perspectivas USP
Abertura: Gestão de dados de pesquisa: desafios e perspectivas USPAbertura: Gestão de dados de pesquisa: desafios e perspectivas USP
Abertura: Gestão de dados de pesquisa: desafios e perspectivas USP
SIBiUSP
 
Springer nature e a importância dos dados de pesquisa
Springer nature e a importância dos dados de pesquisaSpringer nature e a importância dos dados de pesquisa
Springer nature e a importância dos dados de pesquisa
SIBiUSP
 

Mais de SIBiUSP (20)

2020.03.09 creative commons_agencia_usp
2020.03.09 creative commons_agencia_usp2020.03.09 creative commons_agencia_usp
2020.03.09 creative commons_agencia_usp
 
Aguia apresentacao 20200309_ab
Aguia apresentacao 20200309_abAguia apresentacao 20200309_ab
Aguia apresentacao 20200309_ab
 
Apresentacao fapesp usp_09032020
Apresentacao fapesp usp_09032020Apresentacao fapesp usp_09032020
Apresentacao fapesp usp_09032020
 
Comunicacao usp fev2020_aguiab
Comunicacao usp fev2020_aguiabComunicacao usp fev2020_aguiab
Comunicacao usp fev2020_aguiab
 
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Vania Mara Alv...
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Vania Mara Alv...Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Vania Mara Alv...
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Vania Mara Alv...
 
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Valéria Valls
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Valéria VallsUm novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Valéria Valls
Um novo olhar sobre a atuação dos Bibliotecários - Profa. Dra. Valéria Valls
 
Atividades de pesquisa na Graduação e o desenvolvimento profissional
Atividades de pesquisa na Graduação e o desenvolvimento profissionalAtividades de pesquisa na Graduação e o desenvolvimento profissional
Atividades de pesquisa na Graduação e o desenvolvimento profissional
 
Pós-Graduação e pesquisa: programas e projetos USP
Pós-Graduação e pesquisa: programas e projetos USPPós-Graduação e pesquisa: programas e projetos USP
Pós-Graduação e pesquisa: programas e projetos USP
 
Panorama e ações para o desenvolvimento da pesquisa na USP
Panorama e ações para o desenvolvimento da pesquisa na USPPanorama e ações para o desenvolvimento da pesquisa na USP
Panorama e ações para o desenvolvimento da pesquisa na USP
 
SIBiUSP e o suporte ao pesquisador
SIBiUSP e o suporte ao pesquisadorSIBiUSP e o suporte ao pesquisador
SIBiUSP e o suporte ao pesquisador
 
Presentacion usp oct 18
Presentacion usp oct 18Presentacion usp oct 18
Presentacion usp oct 18
 
Workshop IEEE na USP – Como aumentar o impacto de suas pesquisas e publicações
Workshop IEEE na USP – Como aumentar o impacto de suas pesquisas e publicaçõesWorkshop IEEE na USP – Como aumentar o impacto de suas pesquisas e publicações
Workshop IEEE na USP – Como aumentar o impacto de suas pesquisas e publicações
 
Guia para Publicar Emerald 2018
Guia para Publicar Emerald 2018Guia para Publicar Emerald 2018
Guia para Publicar Emerald 2018
 
Apresentação - Slides do Workshop AJE na USP
Apresentação - Slides do Workshop AJE na USPApresentação - Slides do Workshop AJE na USP
Apresentação - Slides do Workshop AJE na USP
 
Prevencao de Plagio e Ferramentas
Prevencao de Plagio e FerramentasPrevencao de Plagio e Ferramentas
Prevencao de Plagio e Ferramentas
 
Gestão de Dados de Pesquisa e o Papel dos Bibliotecários
Gestão de Dados de Pesquisa e o Papel dos BibliotecáriosGestão de Dados de Pesquisa e o Papel dos Bibliotecários
Gestão de Dados de Pesquisa e o Papel dos Bibliotecários
 
ORCiD e a integração com dados de pesquisa
ORCiD e a integração com dados de pesquisaORCiD e a integração com dados de pesquisa
ORCiD e a integração com dados de pesquisa
 
Boas Práticas de Pesquisa e a importância da gestão dos dados
Boas Práticas de Pesquisa e a importância da gestão dos dadosBoas Práticas de Pesquisa e a importância da gestão dos dados
Boas Práticas de Pesquisa e a importância da gestão dos dados
 
Abertura: Gestão de dados de pesquisa: desafios e perspectivas USP
Abertura: Gestão de dados de pesquisa: desafios e perspectivas USPAbertura: Gestão de dados de pesquisa: desafios e perspectivas USP
Abertura: Gestão de dados de pesquisa: desafios e perspectivas USP
 
Springer nature e a importância dos dados de pesquisa
Springer nature e a importância dos dados de pesquisaSpringer nature e a importância dos dados de pesquisa
Springer nature e a importância dos dados de pesquisa
 

Último

Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
marcos oliveira
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 

Tutorial ORCiD - Como criar seu registro ORCiD autenticado USP

  • 1. Sistema Integrado de Bibliotecas Universidade de São Paulo Outubro 2017 Tutorial USP para uso do ORCID
  • 2. Sumário Neste tutorial você aprenderá a:  Criar seu ORCID iD autenticado USP;  Incluir sua biografia, informações de formação, emprego e financiamento de pesquisas;  Integrar seu Registro a outras organizações  Importar seus trabalhos do Researcher ID, do Scopus ID, caso possua, ou do Google Scholar;  Adicionar manualmente seus trabalhos ao ORCID;  Incluir seu ORCID no Currículo Lattes.
  • 3. Identificadores de autor Um identificador de autor é um código digital, como um RG, atribuído por um determinado sistema, que permite identificar e individualizar pesquisadores e seus trabalhos. Existem hoje vários sistemas de identificação: Scopus ID, Researcher ID, Lattes iD, Google iD, ORCiD, etc. O ORCiD surgiu para ser um registro central gratuito de identificadores de autores.
  • 4. Já possui Currículo Lattes iD, Researcher ID, Google Scholar iD ou Scopus ID ?  Por que criar mais um identificador?  O ORCiD integra todos os outros identificadores;  O ORCiD proporciona visibilidade internacional;  A Universidade de São Paulo é membro do ORCID e isso vai facilitar a integração e validação de dados.
  • 5. Vantagens do ORCID para você  O Registro ORCiD resolve problemas de ambiguidade, impedindo a confusão entre homônimos, atribuição errônea de autoria ou a dissociação do nome quando escrito de formas diferentes (por extenso, abreviado, "nome profissional”, etc.);  O ORCiD está integrado com outros sistemas internacionais como Crossref (DOI), Web of Science (ResearcherID), Scopus, e Agências de Financiamento como Fapesp, CNPq, NIH, etc.  O ORCID registra, em um único local, todas as suas publicações, e, através da integração com outros identificadores (Researcher ID, Scopus ID, Crossref DOI, etc), garante que seu trabalho seja automaticamente atualizado e reconhecido no mundo todo;  O ORCiD permite participar de uma “rede social” de pesquisadores da mesma área em que você atua, provenientes do Brasil e de outros países.  O ORCiD é um identificador mundialmente reconhecido, que ganha adeptos dia a dia.
  • 6. Características do ORCID  O ORCID (Open Researcher and Contributor iD) é gratuito, não tem fins lucrativos e não está vinculado a nenhuma editora;  Seu objetivo é fornecer um único identificador digital internacional persistente que distingue um pesquisador de outro;  Garante também a integração nos fluxos das atividades científicas, desde a submissão de manuscritos até a publicação de artigos e registro em bases de dados, fazendo ligações entre o pesquisador e suas atividades profissionais;  Recomenda-se que todos os docentes e pesquisadores da USP façam seu cadastro.
  • 7. Não possui um Researcher ID ou Scopus ID ou outro identificador ? Não é obrigatório possuir outro identificador para obter seu número ORCID. Registre-se agora.
  • 9. Universidade de São Paulo BRASIL
  • 10. Universidade de São Paulo BRASIL Como registrar-se? Acesse o site: http://www.usp.br/orcid
  • 11. Universidade de São Paulo BRASIL Você poderá conectar-se usando sua conta pessoal ou através da conta da Instituição, com seu nº USP e Senha Única (Sistemas USP)
  • 12. Insira seu nº USP e senha USP
  • 15. Ao criar sua conta, um e-mail de confirmação será enviado
  • 16. Ao confirmar seu e-mail, nova mensagem é enviada
  • 19. Universidade de São Paulo BRASIL Clique na figura de editar e preencha todos os itens indicados, em especial o item “Também conhecido como”, onde você colocará todas as variáveis de seu nome como autor.
  • 20.  Biografia  Educação  Emprego  Financiamento  Trabalhos Principais elementos de seu registro  É possível escolher como cada elemento de seu registro será visualizado pelo mundo
  • 21. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X Digite aqui sua biografia em português e em inglês, para que também possa ser lida por pesquisadores de outros países.
  • 22. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X
  • 23. Universidade de São Paulo BRASIL
  • 24. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X
  • 25. Universidade de São Paulo BRASIL Escolha a opção USP - UNIVERSIDADE DE SAO PAULO pois é importante que o nome da Instituição fique normalizado.
  • 26. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X
  • 27. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X
  • 28. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome http://orcid.org/0000-0002-0123-208X IMPORTAR FINANCIAMENTO Utilizando o assistente de importação ÜberWizard for ORCID
  • 29. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X
  • 30. Universidade de São Paulo BRASIL
  • 31. Universidade de São Paulo BRASIL Exemplo de Busca: José Goldemberg
  • 32. Universidade de São Paulo BRASIL FAZER A CONEXÃO MANUALMENTE
  • 33. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X
  • 34. Universidade de São Paulo BRASIL PESQUISAR E CONECTAR
  • 35. Integração ORCiD e CrossRef (DOI) Nome Sobrenome http://orcid.org/0000-0002-0123-208X
  • 36. Integração ORCID e ResearcherID http://orcid.org/0000-0002-0123-208X Nome Sobrenome
  • 37. Integração ORCID e Scopus ID Nome Sobrenome http://orcid.org/0000-0002-0123-208X
  • 38. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X
  • 39. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X Permite importar registros do perfil do Google Scholar
  • 40. Como importar trabalhos do Google para o seu ORCID  Acesse o seu perfil no Google Scholar.  Selecione seus trabalhos  Clique em Exportar  Exporte o arquivo no formato BibTex  Salve em seu computador  Retorne ao ORCID, selecione o arquivo e importe
  • 41. Universidade de São Paulo BRASIL Nome Sobrenome 0000-0002-0123-208X
  • 42. Universidade de São Paulo BRASIL ADICIONAR MANUALMENTE
  • 43. Universidade de São Paulo BRASIL Adicione no item Trabalhos, seus artigos, trabalhos de eventos, dissertação, tese, capítulo de livro, livro, etc. O ORCID suporta 37 tipos de trabalhos. Para saber mais sobre as tipologias, acesse: https://members.orcid.org/api/supported-work-types Registre seus trabalhos
  • 44. Como integrar o ResearcherID ao ORCID  Acesse o site: https://www.researcherid.com/ e logue-se.  Clique em “Exchange Data With ORCID” para habilitar a troca de dados. Sobrenome, Nome L-8999-2015
  • 46. Como integrar o Scopus ID ao ORCID  Acesse o site: https://www.scopus.com/customer/authenticate.uri  Clique em “Add to ORCID” para habilitar a troca de dados. Sobrenome, Nome 67192125901
  • 47. Habilite a integração Nome Sobrenome 67192125901
  • 48. Universidade de São Paulo BRASIL Inclua seu número identificador ORCID em seus trabalhos, pôsteres e apresentações em power- point, ao enviar publicações para editoras, solicitar financiamentos e em qualquer fluxo de trabalho de pesquisa, para garantir que sua produção seja creditada a você como autor ou coautor.
  • 49. Visualizando a versão pública de seu ORCID A visualização vai depender das permissões previamente registradas por você em seu perfil.
  • 50. Exemplo de Registro ORCID com todos os elementos visíveis
  • 51. Universidade de São Paulo BRASIL Procure quem está envolvido com a mesma área de sua pesquisa e forme uma rede de contatos Insira palavras em português e em inglês.
  • 52. Inclua seu número identificador ORCID em seu Currículo Lattes 1) Acesse a plataforma do Currículo Lattes e Atualize seu Currículo: http://buscacv.cnpq.br/buscacv 2) No menu superior, selecione Dados gerais; 3) Clique em Identificação; 4) Clique em Outras bases bibliográficas; 5) Clique em Inserir nova; 6) Digite seu número ORCID; 7) Clique em Validar ID e em Confirmar; 8) Clique em Salvar e em Enviar ao CNPq.
  • 53. Inclua seu número identificador ORCID em seu Currículo Lattes Na página principal de seu Currículo Lattes aparecerá o link para seu ORCID:
  • 54. Configurações da sua conta ORCID Clique em Configurações da conta.
  • 55. Edite as Configurações de sua Conta ORCID
  • 56. Verifique as Organizações Confiáveis nas Configurações de sua Conta ORCID
  • 57. Permissão para alguém confiável atualizar sua conta ORCID Você pode permitir que sua conta ORCID seja atualizada por alguém confiável. Clique em Configurações da conta.
  • 58. Caso queira, registre aqui indivíduos ou organizações confiáveis para manejar seu perfil. A organização ou pessoa confiável também deve possuir cadastro no ORCID
  • 59. Verifique as contas de e-mail cadastradas para acesso ao seu ORCiD
  • 60. Dúvidas  Para mais informações  Consulte os profissionais das Bibliotecas da Universidade de São Paulo.  Envie mensagem ao e-mail: atendimento@sibi.usp.br A/C Elisabeth Adriana Dudziak  Agradecemos a contribuição dos colegas das Bibliotecas.