SlideShare uma empresa Scribd logo
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel


1. A púrpura trombocitopênica imunológica (PTI) é uma doença associada à produção de
anticorpos anormais contra autoantígenos expressos nas plaquetas. Na PTI, o maior alvo
destes auto-anticorpos são glicoproteínas presentes na membrana plaquetária, GPIIb-IIIa,
levando a uma destruição prematura da plaqueta no baço. As contagens normais de plaquetas
numa pessoa adulta geralmente apresenta-se em torno de 150.000 à 400.000 por microlitro de
sangue, enquanto o paciente com PTI geralmente apresenta menos de 100.000 por microlitro
de sangue. Imagine uma situação hipotética: Um jovem com PTI sofre um acidente de moto, e
tem de ser submetido a uma esplenectomia (cirurgia de retirada do baço) de risco. Caso o
jovem sobreviva à cirurgia, qual das opções abaixo possivelmente iria acontecer em imediato
com o mesmo:
a) melhoria nas condições de coagulação sanguínea.
b) piora nas condições de coagulação sanguínea.
c) aumento na produção de células com hemoglobina.
d) redução da produção de linfócitos, consequentemente redução na produção de auto-
   anticorpos.

2. A produção de soro antiofídico é feita por meio da extração da peçonha de serpentes que,
após tratamento, é introduzida em um cavalo. Em seguida são feitas sangrias para avaliar a
concentração de anticorpos produzidos pelo cavalo. Quando essa concentração atinge o valor
desejado, é realizada a sangria final para obtenção do soro. As hemácias são devolvidas ao
animal, por meio de uma técnica denominada plasmaferese, a fim de reduzir os efeitos
colaterais provocados pela sangria.

A plasmaferese é importante, pois, se o animal ficar com uma baixa quantidade de hemácias,
poderá apresentar
a) febre alta e constante.
b) redução de imunidade.
c) aumento da pressão arterial.
d) quadro de leucemia profunda.
e) problemas no transporte de oxigênio.

3. Existem diferentes tipos de hemoglobina, inclusive entre indivíduos da mesma espécie.
Essas diferenças nas cadeias polipeptídicas interferem nas propriedades da ligação reversível
da hemoglobina com o oxigênio. Tal ligação, por sua vez, depende da pressão parcial de
oxigênio - PO2.
Observe o gráfico abaixo, que indica as diferenças de afinidade entre a hemoglobina fetal e a
materna.




Para valores de PO2 entre 40 e 60 mmHg, indique qual das duas moléculas de hemoglobina
humana conseguirá captar mais O2, apontando a vantagem da diferença de afinidade em
relação a esse gás.

4. Um grupo de substâncias conhecidas como polissacarídeos sulfatados estão envolvidos
em diversos processos como adesão, proliferação e diferenciação celular. Além disso,
apresentam propriedades farmacológicas, podendo agir como anticoagulantes, anti-
inflamatórios e antitumorais. Essas substâncias vêm sendo pesquisadas em animais, como
ouriços-do-mar, pepinos-do-mar e ascídias.
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel


Um dos mecanismos pesquisados está relacionado com o fato de que um espermatozoide de
ouriço só fecunda um óvulo da mesma espécie. Em outro estudo, foi descoberto em ascídias,
uma substância semelhante à heparina, utilizada no tratamento de trombose.

Assinale a alternativa correta.
a) Ouriços apresentam fecundação interna, exigindo um mecanismo de identificação dos
   gametas.
b) Mecanismos de identificação dos gametas tem como objetivo garantir a variabilidade
   genética.
c) A utilização de heparina no tratamento da trombose se deve ao fato de que essa substância
   impede a formação de fibrina.
d) Ouriços-do-mar, pepinos-do-mar e ascídias pertencem ao mesmo filo.
e) Os animais citados no texto são celomados e protostômios, como os demais invertebrados.

5. Um paciente deu entrada em um pronto-socorro apresentando os seguintes sintomas:
cansaço, dificuldade em respirar e sangramento nasal. O médico solicitou um hemograma ao
paciente para definir um diagnóstico. Os resultados estão dispostos na tabela:

 Constituinte        Número normal                  Paciente
   Glóbulos                           3                            3
                     4,8 milhões/mm               4 milhões/mm
  vermelhos
   Glóbulos                               3                    3
                  (5 000 - 10 000)/mm              9 000/mm
   brancos
                                              3                3
  Plaquetas     (250 000 - 400 000)/mm             200 000/m


Relacionando os sintomas apresentados pelo paciente com os resultados de seu hemograma,
constata-se que
a) o sangramento nasal é devido à baixa quantidade de plaquetas, que são responsáveis pela
   coagulação sanguínea.
b) o cansaço ocorreu em função da quantidade de glóbulos brancos, que são responsáveis
   pela coagulação sanguínea.
c) a dificuldade respiratória ocorreu da baixa quantidade de glóbulos vermelhos, que são
   responsáveis pela defesa imunológica.
d) o sangramento nasal é decorrente da baixa quantidade de glóbulos brancos, que são
   responsáveis pelo transporte de gases no sangue.
e) a dificuldade respiratória ocorreu pela quantidade de plaquetas, que são responsáveis pelo
   transporte de oxigênio no sangue.

6. O gráfico ilustra a concentração de duas substâncias (I e II) no processo de coagulação
sanguínea.




As substâncias I e II são, respectivamente,
a) fibrina e fibrinogênio.
b) protrombina e vitamina K.
c) protrombina e trombina.
d) trombina e cálcio.
e) protrombina e tromboplastina.
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel


7. Analise a Tabela a seguir, na qual é apresentado o resultado de parte de um hemograma
de um indivíduo adulto do sexo masculino, com peso e altura compatíveis.

 Elementos              Valores          Valores de
 Figurados            Encontrados        Referência
 Hemácias                 5,2         4,5 – 6,0 (M/μL)
 Hematócritos             50            40 – 52 (%)
 Hemoglobinas            16,5          13 – 18 (g/dL)
 Neutrófilos Totais       59            51 – 65 (%)
 Linfócitos               31            20 – 35 (%)
 Eosinófilos               2              1 – 4 (%)
 Monócitos                 7             2 – 14 (%)
 Plaquetas                68         150 – 500 (giga/L)

O resultado apresentado indica que esse indivíduo tem uma predisposição à
a) anemia.
b) infecção.
c) hemorragia.
d) siclemia.
e) talassemia.

8. No quadro abaixo é demonstrada a característica geral dos leucócitos e a sua função.




      Desenho
    esquemático



 Nome do leucócito               1                        2                     Linfócito

                                                 Núcleo geralmente
    Característica                                   trilobulado           Núcleo ocupando
                                 3
        geral                                                              quase toda célula


       Função                                   Fagocitar elementos
                        Fagocitar bactérias                                         4
                                                      estranhos

Assinale a alternativa correta que completa o quadro acima na sequência 1, 2, 3 e 4.
a) 1. Linfócito, 2. Neutrófilo, 3. Núcleo trilobulado e 4. Produção de anticorpos.
b) 1. Monócito, 2. Neutrófilo, 3. Núcleo em forma de rim e 4. Produção de anticorpos.
c) 1. Monócito, 2. Eosinófilo, 3. Núcleo em forma de rim e 4. Libera heparina.
d) 1. Linfócito, 2. Basófilo, 3. Núcleo em forma de rim e 4. Libera heparina.
e) 1. Basófilo, 2. Neutrófilo, 3. Núcleo trilobulado e 4. Produção de anticorpos.

9. O gráfico mostra a relação da concentração de células e substâncias ([ ]) em um mamífero
com o decorrer do tempo (T). A partir do tempo T1, é CORRETO afirmar que está ocorrendo
um processo de:
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel




a) infecção viral no sangue
b) fratura óssea
c) inflamação cutânea
d) estiramento e lesão muscular

10. A doação de sangue é um ato de solidariedade e pode salvar a vida de muitas pessoas.
Sobre os componentes desse tecido, assinale a alternativa correta.
a) O O2 e os nutrientes, como glicose e aminoácidos, são transportados através das hemácias.
b) O plasma sanguíneo é o componente extracelular em abundância, característico do tecido
   conjuntivo.
c) Os reticulócitos - células de defesa do sangue - produzem anticorpos quando entram em
   contato com elementos estranhos.
d) A hemoglobina perde sua conformação estrutural e, consequentemente, a função devido a
   uma falha na síntese proteica, ocasionada por uma doença hereditária, a anemia falciforme.
e) A coagulação sanguínea é desencadeada por uma série de enzimas, culminando na
   formação de um trombo, cujos principais componentes são hemácias e leucócitos.

11. No caso de transplantes de órgãos, o processo de aceitação/rejeição do órgão
transplantado pelo indivíduo receptor está diretamente relacionado à(ao):
a) capacidade de digestão de toxinas do doador, pelo receptor.
b) capacidade de multiplicação das células do doador.
c) sistema nervoso do receptor.
d) sistema imunológico do receptor.
e) sistema imunológico do doador.

12. Os leucócitos, células conhecidas como glóbulos brancos, que desempenham relevante
papel na defesa imunológica do organismo, estão, normalmente, presentes em maior
quantidade na(o)
a) tendões e nervos.
b) sangue e derme.
c) cartilagem e ossos.
d) epiderme e lâmina adiposa.

13. O "dopping", baseado na injeção de hemácias extras, é basicamente natural. A vantagem
deste "dopping" é relativa à função desempenhada pelas hemácias. Por outro lado, a menor
concentração de hemácias no sangue indica um problema de saúde. Indique a opção que
aponta, RESPECTIVAMENTE, a função das hemácias no sangue e a doença causada pela
diminuição da quantidade dessas células.
a) Transporte de gases e hemofilia.
b) Transporte de nutrientes e hemofilia.
c) Transporte de gases e anemia.
d) Defesa imunológica e anemia.
e) Defesa imunológica e falta de imunidade.

14. Em maio de 2006, foi divulgada pela mídia a morte do experiente alpinista brasileiro Vítor
Negrete, de 38 anos, na trilha final da escalada ao Monte Everest, a montanha mais alta do
mundo, a 8.844 metros de altitude. Negrete conseguiu atingir o cume do Everest sem o auxílio
do cilindro de oxigênio, mas morreu na volta ao acampamento 3 da face norte da montanha,
que fica a 8,3 mil metros de altitude. Essa era a segunda vez que Vítor Negrete atingia o cume
da montanha mais alta do mundo. Em junho de 2005, o brasileiro conseguiu o feito com a
ajuda de oxigênio extra. A causa da morte foi relacionada à síndrome denominada "mal da
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel


montanha", desencadeada por várias respostas orgânicas à redução da pressão parcial de
oxigênio no ar inspirado. Considerando que os ajustes respiratórios, cardiovasculares e
metabólicos do organismo em condições hipobáricas severas são múltiplos e complexos,
assinale a alternativa correta.
a) Uma resposta aguda à redução da pressão parcial de O2 no ar inspirado é a queda da
   ventilação alveolar.
b) A concentração sanguínea média de hemoglobina tende a diminuir com o tempo de
   aclimatização à altitude elevada.
c) A capacidade vital tende a diminuir com a aclimatização à altitude elevada.
d) A adaptação à hipoxia (aclimatização) induz maior produção de hemácias, diminuindo a
   proporção entre o volume de plasma e de células no sangue.
e) Pessoas nativas de altitudes elevadas, como nos Andes, tendem a ter menor peso e volume
   do coração em comparação com pessoas nascidas ao nível do mar.

15. As ilustrações a seguir (a, b e c) representam o que pode acontecer quando uma lesão na
pele permite a entrada de bactérias que causam infecção.




Analise as afirmativas a seguir:

I - A inflamação é uma resposta imune do corpo, na tentativa de destruir agentes invasores.
II - O tecido lesado libera sinais químicos (histamina e prostaglandinas) que promovem a
dilatação dos vasos na área lesada.
III - Alguns tipos de leucócitos (glóbulos brancos) atravessam as paredes dos capilares por
diapedese e deslocam-se pelo tecido, fagocitando os microorganismos patogênicos.

Marque a alternativa correta.
a) Apenas I e II são corretas.
b) I, II e III são corretas.
c) Apenas II e III são corretas.
d) Apenas I é correta.

16. Observe o esquema, que mostra a diferenciação de células-tronco humanas nos
elementos figurados indicados.
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel




Assinale a afirmativa INCORRETA.
a) A célula-tronco é pluripotente com capacidade de se diferenciar em diversos tipos celulares.
b) Pelo menos 3 tipos de células diferenciadas no esquema dado são encontradas no sangue.
c) Plaquetas e hemácias não apresentam capacidade de proliferação mitótica.
d) Apenas 2 das células diferenciadas apresentam núcleo.

17. Nosso corpo é formado por quatrilhões de células vivas que necessitam ao mesmo tempo
de água, alimentos, ar, entre outras substâncias. O sangue é o veículo que transporta as
substâncias necessárias à vida das células. Sobre as diferentes funções do sangue é correto
afirmar que:
a) os leucócitos transportam nutrientes e hormônios.
b) o plasma é responsável pelo transporte de oxigênio.
c) as plaquetas ajudam na coagulação do sangue.
d) as hemácias são responsáveis pela defesa do organismo.
e) os glóbulos vermelhos regulam a manutenção da temperatura.

18. Nos hemogramas, conhecidos popularmente como "exames de sangue", diversas
características são avaliadas.

Hemogramas de três pacientes, X, Y e Z, foram realizados para determinar se eles estavam em
condições de sofrer cirurgias de "ponte de safena", nas quais partes de vasos sanguíneos das
pernas são removidas e implantadas no coração, substituindo artérias cujo funcionamento
esteja comprometido.

Os resultados parciais dos três hemogramas estão apresentados na tabela a seguir.




Com base nesses resultados, os médicos suspenderam a cirurgia de um dos pacientes.
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel


Identifique o paciente que teve a cirurgia suspensa e diga por que os médicos tomaram tal
decisão.

19. O hematócrito é a percentagem de sangue que é constituída de células. O hematócrito de
três amostras de sangue está ilustrado nos tubos 1, 2 e 3, cujas partes escuras representam as
células. As células foram sedimentadas, nos tubos graduados, por meio de centrifugação.




A linha tracejada representa o nível do hematócrito de um indivíduo normal, vivendo ao nível do
mar. Uma das amostras de sangue foi obtida de um indivíduo normal, que morava há vinte
anos numa cidade localizada a 4500 m acima do nível do mar.

Qual amostra provém desse indivíduo? Justifique sua resposta.

20. "Nos últimos 10 anos, os imunologistas realizaram avanços impressionantes no
conhecimento sobre a geração de respostas imunes para a defesa do organismo. Um dos
resultados mais promissores levou à retomada dos estudos de imunoterapia para controlar o
crescimento de tumores."
           (Trecho extraído da revista "Ciência Hoje", volume 35 (207), p. 28, agosto de 2004).

Com relação aos assuntos citados no texto, é CORRETO afirmar que:
01) o corpo humano tem suas defesas, que formam o chamado sistema fisiológico.
02) o câncer é o resultado de modificações genéticas produzidas em células, seja por vírus ou
    por agentes externos, como radiação ou substâncias químicas.
04) os leucócitos (células brancas) e as hemácias (células vermelhas) são "unidades móveis"
    que atuam na defesa dos organismos.
08) as células imunes, ricas em lisossomos, penetram nos tecidos de todo o corpo através da
    intermediação de enzimas especiais que possibilitam a realização do transporte ativo.
16) a medula óssea está envolvida com a produção de células do sistema imune.
32) quando do surgimento de um tumor, células normais sofrem alterações que afetam sua
    capacidade de divisão.

21. O termo inflamação pode ser definido como
a) o processo de instalação, multiplicação e dano tecidual pela ação de um determinado
   patógeno.
b) a resposta do organismo contra diversos tipos de agentes lesivos, na tentativa de combatê-
   los e regenerar o tecido.
c) a produção de anticorpos específicos contra microrganismos invasores no organismo
   hospedeiro.
d) o estabelecimento de células tumorais em determinados tecidos, que originam o câncer.
e) a reação da memória imunitária a uma exposição antigênica subsequente.

22. Observe o hemograma:
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel




Analisando esse hemograma de um determinado animal, pode-se dizer que
I - as hemácias têm como função o transporte de oxigênio e de gás carbônico no sangue.
II - os leucócitos são responsáveis pela imunidade e atuam contra infecções; em doenças
infecciosas, tendem a aumentar em número.
Ill - as plaquetas estão relacionadas com a coagulação do sangue; taxas elevadas dessas
plaquetas podem favorecer a ocorrência de hemorragias.
IV- o animal analisado pode ser um vertebrado.
V- o animal analisado pode ser um invertebrado.

Estão corretas
a) apenas I, II e IV.
b) apenas I, II e V.
c) apenas I, III e V.
d) apenas II, III e IV.
e) apenas II, III e V.

23. O hemograma é um exame laboratorial que informa o número de hemácias, glóbulos
brancos e plaquetas presentes no sangue. A tabela apresenta os valores considerados normais
para adultos. Os gráficos mostram os resultados do hemograma de 5 estudantes adultos.
                                                                   3
Todos os resultados são expressos em número de elementos por mm de sangue.

Valores normais para adultos
                                3
Hemácias: 4,5 a 5,9 milhões/mm
                                3
Glóbulos brancos: 5 a 10 mil/mm
                             3
Plaquetas: 200 a 400 mil/mm
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel


Podem estar ocorrendo deficiência no sistema de defesa do organismo, prejuízos no transporte
de gases respiratórios e alterações no processo de coagulação sanguínea, respectivamente,
com os estudantes
a) Maria, José e Roberto.
b) Roberto, José e Abel.
c) Maria, Luísa e Roberto.
d) Roberto, Maria e Luísa.
e) Luísa, Roberto e Abel.
                                                                                     3
24. Este quadro refere-se ao número de células sanguíneas, expresso em células/mm de
sangue, encontradas nos exames de sangue de um indivíduo normal e de um indivíduo doente.




Entre as possíveis alterações apresentadas pelo indivíduo doente, NÃO se inclui
a) alergia.
b) anemia.
c) distúrbio da coagulação.
d) infecção.

25. Um técnico, ao colher o sangue de uma pessoa, preparar um esfregaço e observar ao
microscópio, constatou algumas coisas. Observe a figura a seguir e analise as afirmações,
destacando as verdadeiras:




I- Através da contagem do número de leucócitos no campo do microscópio, podemos suspeitar
que o paciente apresenta uma infecção.
II- O elevado número de hemácias é uma indicação de que o indivíduo está doente.
III- A contagem de hemácias e leucócitos não é um indício seguro para caracterizar uma
infecção ou anemia.

Está(ão) correta(s) somente a(s) afirmativa(s):
a) I
b) II
c) III
d) I e II
e) II e III
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel



Gabarito:

Resposta da questão 1:
[A] O jovem apresentará melhora no processo de coagulação sanguínea, porque suas
plaquetas apresentarão maior durabilidade.

Resposta da questão 2:
 [E] As hemácias (eritrócitos) são os elementos figurados do sangue responsáveis pelo
transporte de oxigênio.

Resposta da questão 3:
 Hemoglobina fetal: facilitar a transferência placentária de O2 do sangue materno para o sangue
fetal.
O gráfico mostra que para uma mesma PO2, por exemplo 40 mmHg, a saturação pelo O2 é
maior pela hemoglobina fetal.

Resposta da questão 4:
[C] A heparina é uma substância anticoagulante. Produzida naturalmente no fígado e por
basófilos, ela impede a formação de coágulos anormais.

Resposta da questão 5:
 [A] As plaquetas são os elementos figurados do sangue responsáveis pela coagulação
sanguínea. A deficiência desses elementos pode causar episódios hemorrágicos
acompanhados de sintomas como cansaço e dificuldade respiratória.

Resposta da questão 6:
[C] A protrombina se transforma em trombina no processo de coagulação. Assim, no gráfico, à
medida que a taxa de protrombina cai, a de trombina aumenta.

Resposta da questão 7:
 [C] No hemograma apresentado acima, apenas as plaquetas estão com valores abaixo do
considerado normal. Níveis baixos de plaquetas levam o indivíduo a apresentar uma
predisposição a hemorragias, pois as plaquetas sanguíneas são agentes importantes na
coagulação do sangue.

Resposta da questão 8:
[B] Os monócitos possuem núcleo em forma de rim e fagocitam bactérias.
Os neutrófilos possuem núcleo geralmente trilobulado e fagocitam elementos estranhos.
Os linfócitos possuem núcleo ocupando quase toda célula e produzem anticorpos.

Resposta da questão 9:
 [C] Em um processo de inflamação cutânea os mastócitos do tecido conjuntivo liberam a
histamina, uma substância com efeito vasodilatador. Consequentemente ocorre maior liberação
de plasma sanguíneo pelos capilares; fato que permite maior perfusão de macrófagos
fagocitários no local inflamado.

Resposta da questão 10:
[B] O plasma, composto basicamente de água e proteínas, é o local onde estão mergulhados
os elementos figurados do sangue ( hemácias, leucócitos e plaquetas).

Resposta da questão 11:
[D]

Resposta da questão 12:
[B]
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel


Resposta da questão 13:
[C]

Resposta da questão 14:
[D]

Resposta da questão 15:
[B]

Resposta da questão 16:
[B]

Resposta da questão 17:
[C]

Resposta da questão 18:
Paciente X. A quantidade de plaquetas é menor que a normal, e essas células são essenciais
para a coagulação sanguínea.

Resposta da questão 19:
 A amostra 3. A menor quantidade relativa de oxigênio nas grandes altitudes ativa um processo
fisiológico compensatório que leva ao aumento do número de hemácias, daí o elevado
hematócrito dessa amostra.

Resposta da questão 20:
02 + 16 + 32 = 50

Resposta da questão 21:
[B]

Resposta da questão 22:
[A]

Resposta da questão 23:
 [A] Maria apresenta imunodeficiência, porque apresenta glóbulos brancos abaixo do normal.
José está anêmico; ele possui hemácias abaixo do padrão. Roberto pode sofrer hemorragias,
porque suas plaquetas são numericamente baixas.

Resposta da questão 24:
[B]

Resposta da questão 25:
[A]
Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Treinamento aberto III - Bahiana de Medicina
Treinamento aberto III -  Bahiana de MedicinaTreinamento aberto III -  Bahiana de Medicina
Treinamento aberto III - Bahiana de Medicina
emanuel
 
Lista organelas citoplamasticas_(biologia)[1]
Lista organelas citoplamasticas_(biologia)[1]Lista organelas citoplamasticas_(biologia)[1]
Lista organelas citoplamasticas_(biologia)[1]
educafro
 
Questoes da bahiana com gabarito
Questoes da bahiana com gabarito Questoes da bahiana com gabarito
Questoes da bahiana com gabarito
brandaobio
 
Lista sobre citoplasma e organelas
Lista sobre citoplasma e organelasLista sobre citoplasma e organelas
Lista sobre citoplasma e organelas
Ionara Urrutia Moura
 
Treinamento Bahiana - 2ª etapa
Treinamento Bahiana -  2ª etapaTreinamento Bahiana -  2ª etapa
Treinamento Bahiana - 2ª etapa
emanuel
 
Treinamento proteína e vitaminas
Treinamento proteína e vitaminasTreinamento proteína e vitaminas
Treinamento proteína e vitaminas
emanuel
 
Lista de Exercícios III
Lista de Exercícios IIILista de Exercícios III
Lista de Exercícios III
Carlos Priante
 
Citoplasma
CitoplasmaCitoplasma
Citoplasma
Vitória Almeida
 
Treinamento Consultec - introdução citologia
Treinamento Consultec - introdução citologiaTreinamento Consultec - introdução citologia
Treinamento Consultec - introdução citologia
emanuel
 
Exercícios de Célula
Exercícios de CélulaExercícios de Célula
Exercícios de Célula
Andrea Barreto
 
Treinamento para Bahiana - 1ª etapa
Treinamento para Bahiana - 1ª etapaTreinamento para Bahiana - 1ª etapa
Treinamento para Bahiana - 1ª etapa
emanuel
 
Fuvest 1999 - 2º fase - biologia
Fuvest   1999 - 2º fase - biologiaFuvest   1999 - 2º fase - biologia
Fuvest 1999 - 2º fase - biologia
Simone Rocha
 
Treinamento enem introdução a citologia
Treinamento enem   introdução a citologiaTreinamento enem   introdução a citologia
Treinamento enem introdução a citologia
emanuel
 
Avaliação mensal - 1o ANO
Avaliação mensal - 1o ANOAvaliação mensal - 1o ANO
Avaliação mensal - 1o ANO
Eldon Clayton
 
Biologia citologia exercicios
Biologia citologia exerciciosBiologia citologia exercicios
T.D CITOLOGIA
T.D CITOLOGIAT.D CITOLOGIA
T.D CITOLOGIA
Joselito Oliveira Neto
 
Exercícios de biologia vespertino com gabarito
Exercícios de biologia   vespertino com gabaritoExercícios de biologia   vespertino com gabarito
Exercícios de biologia vespertino com gabarito
Cacu-o (Cursinho Alternativo Campus Unesp Ourinhos)
 
Exercicios organelas
Exercicios organelas Exercicios organelas
Exercicios organelas
Juliana Pedro
 
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celularEstudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Ronaldo Santana
 
Exercicios biologia reino_animal_sistema_digestivo
Exercicios biologia reino_animal_sistema_digestivoExercicios biologia reino_animal_sistema_digestivo
Exercicios biologia reino_animal_sistema_digestivo
Ionara Urrutia Moura
 

Mais procurados (20)

Treinamento aberto III - Bahiana de Medicina
Treinamento aberto III -  Bahiana de MedicinaTreinamento aberto III -  Bahiana de Medicina
Treinamento aberto III - Bahiana de Medicina
 
Lista organelas citoplamasticas_(biologia)[1]
Lista organelas citoplamasticas_(biologia)[1]Lista organelas citoplamasticas_(biologia)[1]
Lista organelas citoplamasticas_(biologia)[1]
 
Questoes da bahiana com gabarito
Questoes da bahiana com gabarito Questoes da bahiana com gabarito
Questoes da bahiana com gabarito
 
Lista sobre citoplasma e organelas
Lista sobre citoplasma e organelasLista sobre citoplasma e organelas
Lista sobre citoplasma e organelas
 
Treinamento Bahiana - 2ª etapa
Treinamento Bahiana -  2ª etapaTreinamento Bahiana -  2ª etapa
Treinamento Bahiana - 2ª etapa
 
Treinamento proteína e vitaminas
Treinamento proteína e vitaminasTreinamento proteína e vitaminas
Treinamento proteína e vitaminas
 
Lista de Exercícios III
Lista de Exercícios IIILista de Exercícios III
Lista de Exercícios III
 
Citoplasma
CitoplasmaCitoplasma
Citoplasma
 
Treinamento Consultec - introdução citologia
Treinamento Consultec - introdução citologiaTreinamento Consultec - introdução citologia
Treinamento Consultec - introdução citologia
 
Exercícios de Célula
Exercícios de CélulaExercícios de Célula
Exercícios de Célula
 
Treinamento para Bahiana - 1ª etapa
Treinamento para Bahiana - 1ª etapaTreinamento para Bahiana - 1ª etapa
Treinamento para Bahiana - 1ª etapa
 
Fuvest 1999 - 2º fase - biologia
Fuvest   1999 - 2º fase - biologiaFuvest   1999 - 2º fase - biologia
Fuvest 1999 - 2º fase - biologia
 
Treinamento enem introdução a citologia
Treinamento enem   introdução a citologiaTreinamento enem   introdução a citologia
Treinamento enem introdução a citologia
 
Avaliação mensal - 1o ANO
Avaliação mensal - 1o ANOAvaliação mensal - 1o ANO
Avaliação mensal - 1o ANO
 
Biologia citologia exercicios
Biologia citologia exerciciosBiologia citologia exercicios
Biologia citologia exercicios
 
T.D CITOLOGIA
T.D CITOLOGIAT.D CITOLOGIA
T.D CITOLOGIA
 
Exercícios de biologia vespertino com gabarito
Exercícios de biologia   vespertino com gabaritoExercícios de biologia   vespertino com gabarito
Exercícios de biologia vespertino com gabarito
 
Exercicios organelas
Exercicios organelas Exercicios organelas
Exercicios organelas
 
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celularEstudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
Estudo dirigido de Biologia: citologia e divisão celular
 
Exercicios biologia reino_animal_sistema_digestivo
Exercicios biologia reino_animal_sistema_digestivoExercicios biologia reino_animal_sistema_digestivo
Exercicios biologia reino_animal_sistema_digestivo
 

Destaque

Compartilhe+ Aula Ao Vivo - Encontro 1 História - Revisão UPE 2013
Compartilhe+ Aula Ao Vivo - Encontro 1 História - Revisão UPE 2013Compartilhe+ Aula Ao Vivo - Encontro 1 História - Revisão UPE 2013
Compartilhe+ Aula Ao Vivo - Encontro 1 História - Revisão UPE 2013
Isaquel Silva
 
Questoes de revisao biologia abertas 1
Questoes de revisao biologia abertas 1Questoes de revisao biologia abertas 1
Questoes de revisao biologia abertas 1
Fabio Magalhães
 
The cell - Introdução a citologia
The cell - Introdução a citologiaThe cell - Introdução a citologia
The cell - Introdução a citologia
emanuel
 
Treinamento consultec introdução citologia
Treinamento consultec   introdução citologiaTreinamento consultec   introdução citologia
Treinamento consultec introdução citologia
emanuel
 
Treinamento para a AV1 - II bimestre
Treinamento para a AV1 - II  bimestreTreinamento para a AV1 - II  bimestre
Treinamento para a AV1 - II bimestre
emanuel
 
Diferenciação celular das linhagens somática e germinativa
Diferenciação celular das linhagens somática e germinativaDiferenciação celular das linhagens somática e germinativa
Diferenciação celular das linhagens somática e germinativa
emanuel
 
Leitura complementar de imunologia II
Leitura complementar de imunologia IILeitura complementar de imunologia II
Leitura complementar de imunologia II
emanuel
 
Treinamento para AV2 - Biologia
Treinamento para AV2 - BiologiaTreinamento para AV2 - Biologia
Treinamento para AV2 - Biologia
emanuel
 
Biomoleculas
BiomoleculasBiomoleculas
Biomoleculas
emanuel
 
2º simulado do Super Super MED
2º simulado do Super Super MED2º simulado do Super Super MED
2º simulado do Super Super MED
emanuel
 
Leitura de Introdução a fisiologia Humana
Leitura de Introdução a fisiologia HumanaLeitura de Introdução a fisiologia Humana
Leitura de Introdução a fisiologia Humana
emanuel
 
Av2 de biologia,química e física
Av2 de biologia,química e físicaAv2 de biologia,química e física
Av2 de biologia,química e física
emanuel
 
15 joias da evolucao
15 joias da evolucao15 joias da evolucao
15 joias da evolucao
emanuel
 
Leitura sobre manguezal
Leitura sobre manguezalLeitura sobre manguezal
Leitura sobre manguezal
emanuel
 
Chaperoninas
ChaperoninasChaperoninas
Chaperoninas
emanuel
 
Av1 de biologia,química e física
Av1 de biologia,química e física Av1 de biologia,química e física
Av1 de biologia,química e física
emanuel
 
Introdução a biologia celular - Leitura complementar
Introdução a biologia celular - Leitura complementarIntrodução a biologia celular - Leitura complementar
Introdução a biologia celular - Leitura complementar
emanuel
 
Treinamento sistema excretor
Treinamento sistema excretorTreinamento sistema excretor
Treinamento sistema excretor
emanuel
 
1º Simulado super super med
1º Simulado super super med1º Simulado super super med
1º Simulado super super med
emanuel
 
Leitura sobre célula- fundamentada em uma célula vegetal
Leitura sobre célula- fundamentada em uma célula vegetalLeitura sobre célula- fundamentada em uma célula vegetal
Leitura sobre célula- fundamentada em uma célula vegetal
emanuel
 

Destaque (20)

Compartilhe+ Aula Ao Vivo - Encontro 1 História - Revisão UPE 2013
Compartilhe+ Aula Ao Vivo - Encontro 1 História - Revisão UPE 2013Compartilhe+ Aula Ao Vivo - Encontro 1 História - Revisão UPE 2013
Compartilhe+ Aula Ao Vivo - Encontro 1 História - Revisão UPE 2013
 
Questoes de revisao biologia abertas 1
Questoes de revisao biologia abertas 1Questoes de revisao biologia abertas 1
Questoes de revisao biologia abertas 1
 
The cell - Introdução a citologia
The cell - Introdução a citologiaThe cell - Introdução a citologia
The cell - Introdução a citologia
 
Treinamento consultec introdução citologia
Treinamento consultec   introdução citologiaTreinamento consultec   introdução citologia
Treinamento consultec introdução citologia
 
Treinamento para a AV1 - II bimestre
Treinamento para a AV1 - II  bimestreTreinamento para a AV1 - II  bimestre
Treinamento para a AV1 - II bimestre
 
Diferenciação celular das linhagens somática e germinativa
Diferenciação celular das linhagens somática e germinativaDiferenciação celular das linhagens somática e germinativa
Diferenciação celular das linhagens somática e germinativa
 
Leitura complementar de imunologia II
Leitura complementar de imunologia IILeitura complementar de imunologia II
Leitura complementar de imunologia II
 
Treinamento para AV2 - Biologia
Treinamento para AV2 - BiologiaTreinamento para AV2 - Biologia
Treinamento para AV2 - Biologia
 
Biomoleculas
BiomoleculasBiomoleculas
Biomoleculas
 
2º simulado do Super Super MED
2º simulado do Super Super MED2º simulado do Super Super MED
2º simulado do Super Super MED
 
Leitura de Introdução a fisiologia Humana
Leitura de Introdução a fisiologia HumanaLeitura de Introdução a fisiologia Humana
Leitura de Introdução a fisiologia Humana
 
Av2 de biologia,química e física
Av2 de biologia,química e físicaAv2 de biologia,química e física
Av2 de biologia,química e física
 
15 joias da evolucao
15 joias da evolucao15 joias da evolucao
15 joias da evolucao
 
Leitura sobre manguezal
Leitura sobre manguezalLeitura sobre manguezal
Leitura sobre manguezal
 
Chaperoninas
ChaperoninasChaperoninas
Chaperoninas
 
Av1 de biologia,química e física
Av1 de biologia,química e física Av1 de biologia,química e física
Av1 de biologia,química e física
 
Introdução a biologia celular - Leitura complementar
Introdução a biologia celular - Leitura complementarIntrodução a biologia celular - Leitura complementar
Introdução a biologia celular - Leitura complementar
 
Treinamento sistema excretor
Treinamento sistema excretorTreinamento sistema excretor
Treinamento sistema excretor
 
1º Simulado super super med
1º Simulado super super med1º Simulado super super med
1º Simulado super super med
 
Leitura sobre célula- fundamentada em uma célula vegetal
Leitura sobre célula- fundamentada em uma célula vegetalLeitura sobre célula- fundamentada em uma célula vegetal
Leitura sobre célula- fundamentada em uma célula vegetal
 

Semelhante a Treinamento Super Med - sangue

Apostila hematologia 130814
Apostila hematologia 130814Apostila hematologia 130814
Apostila hematologia 130814
Adriana Mendes Drica
 
Hemograma
HemogramaHemograma
Hemograma
Fábio Falcão
 
Aula_Sangue e Coagulação_Parte 1 Slides (1).pptx
Aula_Sangue e Coagulação_Parte 1 Slides (1).pptxAula_Sangue e Coagulação_Parte 1 Slides (1).pptx
Aula_Sangue e Coagulação_Parte 1 Slides (1).pptx
eumarcia461
 
Hemograma2
Hemograma2Hemograma2
Hemograma2
Eduardo Alves
 
Hemograma2
Hemograma2Hemograma2
Hemograma2
Eduardo Alves
 
Hemograma2
Hemograma2Hemograma2
Hemograma2
Eduardo Alves
 
Hemograma2
Hemograma2Hemograma2
Hemograma2
Eduardo Alves
 
ATLAS DE HEMATOLOGIA - CELULA SANGUÍNEAS
ATLAS DE HEMATOLOGIA - CELULA SANGUÍNEASATLAS DE HEMATOLOGIA - CELULA SANGUÍNEAS
ATLAS DE HEMATOLOGIA - CELULA SANGUÍNEAS
useblastllove
 
Teste 9.3
Teste 9.3Teste 9.3
Teste 9.3
Márcia Barbosa
 
Hematologia M.Z (1).pptx
Hematologia M.Z (1).pptxHematologia M.Z (1).pptx
Hematologia M.Z (1).pptx
luiskiani
 
44207-755-1342160709709.ppt
44207-755-1342160709709.ppt44207-755-1342160709709.ppt
44207-755-1342160709709.ppt
NeydivaldoPereiraDos
 
O dia-a-dia Hematológico na Patologia Clínica
O dia-a-dia Hematológico na Patologia Clínica O dia-a-dia Hematológico na Patologia Clínica
O dia-a-dia Hematológico na Patologia Clínica
Gregorio Leal da Silva
 
Sangue e hêmoderivâdos. Slideshare. Medi
Sangue e hêmoderivâdos. Slideshare. MediSangue e hêmoderivâdos. Slideshare. Medi
Sangue e hêmoderivâdos. Slideshare. Medi
Isaias Mavunice
 
Anemias classificação diagnóstico_diferencial
Anemias classificação diagnóstico_diferencialAnemias classificação diagnóstico_diferencial
Anemias classificação diagnóstico_diferencial
Eminelvino Fonseca Soares Neto
 
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
James Martins
 
Tec Sanguineo
Tec SanguineoTec Sanguineo
Tec Sanguineo
Natalianeto
 
Tec Sanguineo
Tec SanguineoTec Sanguineo
Tec Sanguineo
Natalianeto
 
O Plasma e os Elementos figurados do sangue.pptx
O Plasma e os Elementos figurados do sangue.pptxO Plasma e os Elementos figurados do sangue.pptx
O Plasma e os Elementos figurados do sangue.pptx
MARIAAPARECIDAMOTASO
 
EXERCÍCIOS DOS TESTES INTERMÉDIOS
EXERCÍCIOS DOS TESTES INTERMÉDIOSEXERCÍCIOS DOS TESTES INTERMÉDIOS
EXERCÍCIOS DOS TESTES INTERMÉDIOS
sandranascimento
 
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James MartinsLista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
James Martins
 

Semelhante a Treinamento Super Med - sangue (20)

Apostila hematologia 130814
Apostila hematologia 130814Apostila hematologia 130814
Apostila hematologia 130814
 
Hemograma
HemogramaHemograma
Hemograma
 
Aula_Sangue e Coagulação_Parte 1 Slides (1).pptx
Aula_Sangue e Coagulação_Parte 1 Slides (1).pptxAula_Sangue e Coagulação_Parte 1 Slides (1).pptx
Aula_Sangue e Coagulação_Parte 1 Slides (1).pptx
 
Hemograma2
Hemograma2Hemograma2
Hemograma2
 
Hemograma2
Hemograma2Hemograma2
Hemograma2
 
Hemograma2
Hemograma2Hemograma2
Hemograma2
 
Hemograma2
Hemograma2Hemograma2
Hemograma2
 
ATLAS DE HEMATOLOGIA - CELULA SANGUÍNEAS
ATLAS DE HEMATOLOGIA - CELULA SANGUÍNEASATLAS DE HEMATOLOGIA - CELULA SANGUÍNEAS
ATLAS DE HEMATOLOGIA - CELULA SANGUÍNEAS
 
Teste 9.3
Teste 9.3Teste 9.3
Teste 9.3
 
Hematologia M.Z (1).pptx
Hematologia M.Z (1).pptxHematologia M.Z (1).pptx
Hematologia M.Z (1).pptx
 
44207-755-1342160709709.ppt
44207-755-1342160709709.ppt44207-755-1342160709709.ppt
44207-755-1342160709709.ppt
 
O dia-a-dia Hematológico na Patologia Clínica
O dia-a-dia Hematológico na Patologia Clínica O dia-a-dia Hematológico na Patologia Clínica
O dia-a-dia Hematológico na Patologia Clínica
 
Sangue e hêmoderivâdos. Slideshare. Medi
Sangue e hêmoderivâdos. Slideshare. MediSangue e hêmoderivâdos. Slideshare. Medi
Sangue e hêmoderivâdos. Slideshare. Medi
 
Anemias classificação diagnóstico_diferencial
Anemias classificação diagnóstico_diferencialAnemias classificação diagnóstico_diferencial
Anemias classificação diagnóstico_diferencial
 
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
Lista de-exercícios- 2º ano - bio-4º-bim-2016
 
Tec Sanguineo
Tec SanguineoTec Sanguineo
Tec Sanguineo
 
Tec Sanguineo
Tec SanguineoTec Sanguineo
Tec Sanguineo
 
O Plasma e os Elementos figurados do sangue.pptx
O Plasma e os Elementos figurados do sangue.pptxO Plasma e os Elementos figurados do sangue.pptx
O Plasma e os Elementos figurados do sangue.pptx
 
EXERCÍCIOS DOS TESTES INTERMÉDIOS
EXERCÍCIOS DOS TESTES INTERMÉDIOSEXERCÍCIOS DOS TESTES INTERMÉDIOS
EXERCÍCIOS DOS TESTES INTERMÉDIOS
 
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James MartinsLista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
Lista 2º bim 2016 Terceirão com gabarito - Prof. James Martins
 

Mais de emanuel

Revisão bahiana 2ª etapa
Revisão bahiana 2ª etapaRevisão bahiana 2ª etapa
Revisão bahiana 2ª etapa
emanuel
 
Revisão ENEM EVOLUÇÃO
Revisão ENEM EVOLUÇÃORevisão ENEM EVOLUÇÃO
Revisão ENEM EVOLUÇÃO
emanuel
 
Revisão de Ecologia
Revisão de Ecologia   Revisão de Ecologia
Revisão de Ecologia
emanuel
 
3° simulado ENEM - matematica e linguagens
3° simulado ENEM -  matematica e linguagens3° simulado ENEM -  matematica e linguagens
3° simulado ENEM - matematica e linguagens
emanuel
 
3º simulado enem - ciencias humanas e naturais
3º simulado enem -  ciencias humanas e naturais3º simulado enem -  ciencias humanas e naturais
3º simulado enem - ciencias humanas e naturais
emanuel
 
Noções de Biotecnologia
Noções de BiotecnologiaNoções de Biotecnologia
Noções de Biotecnologia
emanuel
 
Noções de Cladistica
Noções de CladisticaNoções de Cladistica
Noções de Cladistica
emanuel
 
Sistema digestório e circulatório
Sistema digestório e circulatórioSistema digestório e circulatório
Sistema digestório e circulatório
emanuel
 
2º simulado Enem - Matematica e Linguagens
2º simulado Enem - Matematica e Linguagens2º simulado Enem - Matematica e Linguagens
2º simulado Enem - Matematica e Linguagens
emanuel
 
2º simulado Enem- Ciências Humanas e Naturais
2º simulado Enem- Ciências Humanas e Naturais2º simulado Enem- Ciências Humanas e Naturais
2º simulado Enem- Ciências Humanas e Naturais
emanuel
 
1º simulado Enem Compacto
1º simulado   Enem Compacto 1º simulado   Enem Compacto
1º simulado Enem Compacto
emanuel
 
Simulado Bahiana 2015.1
Simulado Bahiana 2015.1Simulado Bahiana 2015.1
Simulado Bahiana 2015.1
emanuel
 
1º simulado ENEM - Matematica e Linguagens
1º simulado ENEM - Matematica e Linguagens1º simulado ENEM - Matematica e Linguagens
1º simulado ENEM - Matematica e Linguagens
emanuel
 
Ecologia - Níveis de organização
Ecologia - Níveis de organizaçãoEcologia - Níveis de organização
Ecologia - Níveis de organização
emanuel
 
Câncer ( arquivo atualizado)
Câncer ( arquivo atualizado)Câncer ( arquivo atualizado)
Câncer ( arquivo atualizado)
emanuel
 
Lista de Histologia Animal
Lista de Histologia AnimalLista de Histologia Animal
Lista de Histologia Animal
emanuel
 
Reino Monera 2015
Reino Monera 2015Reino Monera 2015
Reino Monera 2015
emanuel
 
Aula dica 2014
Aula dica 2014Aula dica 2014
Aula dica 2014
emanuel
 
Aula Dica 2014 - Lâminas
Aula Dica 2014 - Lâminas Aula Dica 2014 - Lâminas
Aula Dica 2014 - Lâminas
emanuel
 
Gabarito s4 sim_teste_2014
Gabarito s4 sim_teste_2014Gabarito s4 sim_teste_2014
Gabarito s4 sim_teste_2014
emanuel
 

Mais de emanuel (20)

Revisão bahiana 2ª etapa
Revisão bahiana 2ª etapaRevisão bahiana 2ª etapa
Revisão bahiana 2ª etapa
 
Revisão ENEM EVOLUÇÃO
Revisão ENEM EVOLUÇÃORevisão ENEM EVOLUÇÃO
Revisão ENEM EVOLUÇÃO
 
Revisão de Ecologia
Revisão de Ecologia   Revisão de Ecologia
Revisão de Ecologia
 
3° simulado ENEM - matematica e linguagens
3° simulado ENEM -  matematica e linguagens3° simulado ENEM -  matematica e linguagens
3° simulado ENEM - matematica e linguagens
 
3º simulado enem - ciencias humanas e naturais
3º simulado enem -  ciencias humanas e naturais3º simulado enem -  ciencias humanas e naturais
3º simulado enem - ciencias humanas e naturais
 
Noções de Biotecnologia
Noções de BiotecnologiaNoções de Biotecnologia
Noções de Biotecnologia
 
Noções de Cladistica
Noções de CladisticaNoções de Cladistica
Noções de Cladistica
 
Sistema digestório e circulatório
Sistema digestório e circulatórioSistema digestório e circulatório
Sistema digestório e circulatório
 
2º simulado Enem - Matematica e Linguagens
2º simulado Enem - Matematica e Linguagens2º simulado Enem - Matematica e Linguagens
2º simulado Enem - Matematica e Linguagens
 
2º simulado Enem- Ciências Humanas e Naturais
2º simulado Enem- Ciências Humanas e Naturais2º simulado Enem- Ciências Humanas e Naturais
2º simulado Enem- Ciências Humanas e Naturais
 
1º simulado Enem Compacto
1º simulado   Enem Compacto 1º simulado   Enem Compacto
1º simulado Enem Compacto
 
Simulado Bahiana 2015.1
Simulado Bahiana 2015.1Simulado Bahiana 2015.1
Simulado Bahiana 2015.1
 
1º simulado ENEM - Matematica e Linguagens
1º simulado ENEM - Matematica e Linguagens1º simulado ENEM - Matematica e Linguagens
1º simulado ENEM - Matematica e Linguagens
 
Ecologia - Níveis de organização
Ecologia - Níveis de organizaçãoEcologia - Níveis de organização
Ecologia - Níveis de organização
 
Câncer ( arquivo atualizado)
Câncer ( arquivo atualizado)Câncer ( arquivo atualizado)
Câncer ( arquivo atualizado)
 
Lista de Histologia Animal
Lista de Histologia AnimalLista de Histologia Animal
Lista de Histologia Animal
 
Reino Monera 2015
Reino Monera 2015Reino Monera 2015
Reino Monera 2015
 
Aula dica 2014
Aula dica 2014Aula dica 2014
Aula dica 2014
 
Aula Dica 2014 - Lâminas
Aula Dica 2014 - Lâminas Aula Dica 2014 - Lâminas
Aula Dica 2014 - Lâminas
 
Gabarito s4 sim_teste_2014
Gabarito s4 sim_teste_2014Gabarito s4 sim_teste_2014
Gabarito s4 sim_teste_2014
 

Treinamento Super Med - sangue

  • 1. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel 1. A púrpura trombocitopênica imunológica (PTI) é uma doença associada à produção de anticorpos anormais contra autoantígenos expressos nas plaquetas. Na PTI, o maior alvo destes auto-anticorpos são glicoproteínas presentes na membrana plaquetária, GPIIb-IIIa, levando a uma destruição prematura da plaqueta no baço. As contagens normais de plaquetas numa pessoa adulta geralmente apresenta-se em torno de 150.000 à 400.000 por microlitro de sangue, enquanto o paciente com PTI geralmente apresenta menos de 100.000 por microlitro de sangue. Imagine uma situação hipotética: Um jovem com PTI sofre um acidente de moto, e tem de ser submetido a uma esplenectomia (cirurgia de retirada do baço) de risco. Caso o jovem sobreviva à cirurgia, qual das opções abaixo possivelmente iria acontecer em imediato com o mesmo: a) melhoria nas condições de coagulação sanguínea. b) piora nas condições de coagulação sanguínea. c) aumento na produção de células com hemoglobina. d) redução da produção de linfócitos, consequentemente redução na produção de auto- anticorpos. 2. A produção de soro antiofídico é feita por meio da extração da peçonha de serpentes que, após tratamento, é introduzida em um cavalo. Em seguida são feitas sangrias para avaliar a concentração de anticorpos produzidos pelo cavalo. Quando essa concentração atinge o valor desejado, é realizada a sangria final para obtenção do soro. As hemácias são devolvidas ao animal, por meio de uma técnica denominada plasmaferese, a fim de reduzir os efeitos colaterais provocados pela sangria. A plasmaferese é importante, pois, se o animal ficar com uma baixa quantidade de hemácias, poderá apresentar a) febre alta e constante. b) redução de imunidade. c) aumento da pressão arterial. d) quadro de leucemia profunda. e) problemas no transporte de oxigênio. 3. Existem diferentes tipos de hemoglobina, inclusive entre indivíduos da mesma espécie. Essas diferenças nas cadeias polipeptídicas interferem nas propriedades da ligação reversível da hemoglobina com o oxigênio. Tal ligação, por sua vez, depende da pressão parcial de oxigênio - PO2. Observe o gráfico abaixo, que indica as diferenças de afinidade entre a hemoglobina fetal e a materna. Para valores de PO2 entre 40 e 60 mmHg, indique qual das duas moléculas de hemoglobina humana conseguirá captar mais O2, apontando a vantagem da diferença de afinidade em relação a esse gás. 4. Um grupo de substâncias conhecidas como polissacarídeos sulfatados estão envolvidos em diversos processos como adesão, proliferação e diferenciação celular. Além disso, apresentam propriedades farmacológicas, podendo agir como anticoagulantes, anti- inflamatórios e antitumorais. Essas substâncias vêm sendo pesquisadas em animais, como ouriços-do-mar, pepinos-do-mar e ascídias.
  • 2. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel Um dos mecanismos pesquisados está relacionado com o fato de que um espermatozoide de ouriço só fecunda um óvulo da mesma espécie. Em outro estudo, foi descoberto em ascídias, uma substância semelhante à heparina, utilizada no tratamento de trombose. Assinale a alternativa correta. a) Ouriços apresentam fecundação interna, exigindo um mecanismo de identificação dos gametas. b) Mecanismos de identificação dos gametas tem como objetivo garantir a variabilidade genética. c) A utilização de heparina no tratamento da trombose se deve ao fato de que essa substância impede a formação de fibrina. d) Ouriços-do-mar, pepinos-do-mar e ascídias pertencem ao mesmo filo. e) Os animais citados no texto são celomados e protostômios, como os demais invertebrados. 5. Um paciente deu entrada em um pronto-socorro apresentando os seguintes sintomas: cansaço, dificuldade em respirar e sangramento nasal. O médico solicitou um hemograma ao paciente para definir um diagnóstico. Os resultados estão dispostos na tabela: Constituinte Número normal Paciente Glóbulos 3 3 4,8 milhões/mm 4 milhões/mm vermelhos Glóbulos 3 3 (5 000 - 10 000)/mm 9 000/mm brancos 3 3 Plaquetas (250 000 - 400 000)/mm 200 000/m Relacionando os sintomas apresentados pelo paciente com os resultados de seu hemograma, constata-se que a) o sangramento nasal é devido à baixa quantidade de plaquetas, que são responsáveis pela coagulação sanguínea. b) o cansaço ocorreu em função da quantidade de glóbulos brancos, que são responsáveis pela coagulação sanguínea. c) a dificuldade respiratória ocorreu da baixa quantidade de glóbulos vermelhos, que são responsáveis pela defesa imunológica. d) o sangramento nasal é decorrente da baixa quantidade de glóbulos brancos, que são responsáveis pelo transporte de gases no sangue. e) a dificuldade respiratória ocorreu pela quantidade de plaquetas, que são responsáveis pelo transporte de oxigênio no sangue. 6. O gráfico ilustra a concentração de duas substâncias (I e II) no processo de coagulação sanguínea. As substâncias I e II são, respectivamente, a) fibrina e fibrinogênio. b) protrombina e vitamina K. c) protrombina e trombina. d) trombina e cálcio. e) protrombina e tromboplastina.
  • 3. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel 7. Analise a Tabela a seguir, na qual é apresentado o resultado de parte de um hemograma de um indivíduo adulto do sexo masculino, com peso e altura compatíveis. Elementos Valores Valores de Figurados Encontrados Referência Hemácias 5,2 4,5 – 6,0 (M/μL) Hematócritos 50 40 – 52 (%) Hemoglobinas 16,5 13 – 18 (g/dL) Neutrófilos Totais 59 51 – 65 (%) Linfócitos 31 20 – 35 (%) Eosinófilos 2 1 – 4 (%) Monócitos 7 2 – 14 (%) Plaquetas 68 150 – 500 (giga/L) O resultado apresentado indica que esse indivíduo tem uma predisposição à a) anemia. b) infecção. c) hemorragia. d) siclemia. e) talassemia. 8. No quadro abaixo é demonstrada a característica geral dos leucócitos e a sua função. Desenho esquemático Nome do leucócito 1 2 Linfócito Núcleo geralmente Característica trilobulado Núcleo ocupando 3 geral quase toda célula Função Fagocitar elementos Fagocitar bactérias 4 estranhos Assinale a alternativa correta que completa o quadro acima na sequência 1, 2, 3 e 4. a) 1. Linfócito, 2. Neutrófilo, 3. Núcleo trilobulado e 4. Produção de anticorpos. b) 1. Monócito, 2. Neutrófilo, 3. Núcleo em forma de rim e 4. Produção de anticorpos. c) 1. Monócito, 2. Eosinófilo, 3. Núcleo em forma de rim e 4. Libera heparina. d) 1. Linfócito, 2. Basófilo, 3. Núcleo em forma de rim e 4. Libera heparina. e) 1. Basófilo, 2. Neutrófilo, 3. Núcleo trilobulado e 4. Produção de anticorpos. 9. O gráfico mostra a relação da concentração de células e substâncias ([ ]) em um mamífero com o decorrer do tempo (T). A partir do tempo T1, é CORRETO afirmar que está ocorrendo um processo de:
  • 4. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel a) infecção viral no sangue b) fratura óssea c) inflamação cutânea d) estiramento e lesão muscular 10. A doação de sangue é um ato de solidariedade e pode salvar a vida de muitas pessoas. Sobre os componentes desse tecido, assinale a alternativa correta. a) O O2 e os nutrientes, como glicose e aminoácidos, são transportados através das hemácias. b) O plasma sanguíneo é o componente extracelular em abundância, característico do tecido conjuntivo. c) Os reticulócitos - células de defesa do sangue - produzem anticorpos quando entram em contato com elementos estranhos. d) A hemoglobina perde sua conformação estrutural e, consequentemente, a função devido a uma falha na síntese proteica, ocasionada por uma doença hereditária, a anemia falciforme. e) A coagulação sanguínea é desencadeada por uma série de enzimas, culminando na formação de um trombo, cujos principais componentes são hemácias e leucócitos. 11. No caso de transplantes de órgãos, o processo de aceitação/rejeição do órgão transplantado pelo indivíduo receptor está diretamente relacionado à(ao): a) capacidade de digestão de toxinas do doador, pelo receptor. b) capacidade de multiplicação das células do doador. c) sistema nervoso do receptor. d) sistema imunológico do receptor. e) sistema imunológico do doador. 12. Os leucócitos, células conhecidas como glóbulos brancos, que desempenham relevante papel na defesa imunológica do organismo, estão, normalmente, presentes em maior quantidade na(o) a) tendões e nervos. b) sangue e derme. c) cartilagem e ossos. d) epiderme e lâmina adiposa. 13. O "dopping", baseado na injeção de hemácias extras, é basicamente natural. A vantagem deste "dopping" é relativa à função desempenhada pelas hemácias. Por outro lado, a menor concentração de hemácias no sangue indica um problema de saúde. Indique a opção que aponta, RESPECTIVAMENTE, a função das hemácias no sangue e a doença causada pela diminuição da quantidade dessas células. a) Transporte de gases e hemofilia. b) Transporte de nutrientes e hemofilia. c) Transporte de gases e anemia. d) Defesa imunológica e anemia. e) Defesa imunológica e falta de imunidade. 14. Em maio de 2006, foi divulgada pela mídia a morte do experiente alpinista brasileiro Vítor Negrete, de 38 anos, na trilha final da escalada ao Monte Everest, a montanha mais alta do mundo, a 8.844 metros de altitude. Negrete conseguiu atingir o cume do Everest sem o auxílio do cilindro de oxigênio, mas morreu na volta ao acampamento 3 da face norte da montanha, que fica a 8,3 mil metros de altitude. Essa era a segunda vez que Vítor Negrete atingia o cume da montanha mais alta do mundo. Em junho de 2005, o brasileiro conseguiu o feito com a ajuda de oxigênio extra. A causa da morte foi relacionada à síndrome denominada "mal da
  • 5. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel montanha", desencadeada por várias respostas orgânicas à redução da pressão parcial de oxigênio no ar inspirado. Considerando que os ajustes respiratórios, cardiovasculares e metabólicos do organismo em condições hipobáricas severas são múltiplos e complexos, assinale a alternativa correta. a) Uma resposta aguda à redução da pressão parcial de O2 no ar inspirado é a queda da ventilação alveolar. b) A concentração sanguínea média de hemoglobina tende a diminuir com o tempo de aclimatização à altitude elevada. c) A capacidade vital tende a diminuir com a aclimatização à altitude elevada. d) A adaptação à hipoxia (aclimatização) induz maior produção de hemácias, diminuindo a proporção entre o volume de plasma e de células no sangue. e) Pessoas nativas de altitudes elevadas, como nos Andes, tendem a ter menor peso e volume do coração em comparação com pessoas nascidas ao nível do mar. 15. As ilustrações a seguir (a, b e c) representam o que pode acontecer quando uma lesão na pele permite a entrada de bactérias que causam infecção. Analise as afirmativas a seguir: I - A inflamação é uma resposta imune do corpo, na tentativa de destruir agentes invasores. II - O tecido lesado libera sinais químicos (histamina e prostaglandinas) que promovem a dilatação dos vasos na área lesada. III - Alguns tipos de leucócitos (glóbulos brancos) atravessam as paredes dos capilares por diapedese e deslocam-se pelo tecido, fagocitando os microorganismos patogênicos. Marque a alternativa correta. a) Apenas I e II são corretas. b) I, II e III são corretas. c) Apenas II e III são corretas. d) Apenas I é correta. 16. Observe o esquema, que mostra a diferenciação de células-tronco humanas nos elementos figurados indicados.
  • 6. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel Assinale a afirmativa INCORRETA. a) A célula-tronco é pluripotente com capacidade de se diferenciar em diversos tipos celulares. b) Pelo menos 3 tipos de células diferenciadas no esquema dado são encontradas no sangue. c) Plaquetas e hemácias não apresentam capacidade de proliferação mitótica. d) Apenas 2 das células diferenciadas apresentam núcleo. 17. Nosso corpo é formado por quatrilhões de células vivas que necessitam ao mesmo tempo de água, alimentos, ar, entre outras substâncias. O sangue é o veículo que transporta as substâncias necessárias à vida das células. Sobre as diferentes funções do sangue é correto afirmar que: a) os leucócitos transportam nutrientes e hormônios. b) o plasma é responsável pelo transporte de oxigênio. c) as plaquetas ajudam na coagulação do sangue. d) as hemácias são responsáveis pela defesa do organismo. e) os glóbulos vermelhos regulam a manutenção da temperatura. 18. Nos hemogramas, conhecidos popularmente como "exames de sangue", diversas características são avaliadas. Hemogramas de três pacientes, X, Y e Z, foram realizados para determinar se eles estavam em condições de sofrer cirurgias de "ponte de safena", nas quais partes de vasos sanguíneos das pernas são removidas e implantadas no coração, substituindo artérias cujo funcionamento esteja comprometido. Os resultados parciais dos três hemogramas estão apresentados na tabela a seguir. Com base nesses resultados, os médicos suspenderam a cirurgia de um dos pacientes.
  • 7. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel Identifique o paciente que teve a cirurgia suspensa e diga por que os médicos tomaram tal decisão. 19. O hematócrito é a percentagem de sangue que é constituída de células. O hematócrito de três amostras de sangue está ilustrado nos tubos 1, 2 e 3, cujas partes escuras representam as células. As células foram sedimentadas, nos tubos graduados, por meio de centrifugação. A linha tracejada representa o nível do hematócrito de um indivíduo normal, vivendo ao nível do mar. Uma das amostras de sangue foi obtida de um indivíduo normal, que morava há vinte anos numa cidade localizada a 4500 m acima do nível do mar. Qual amostra provém desse indivíduo? Justifique sua resposta. 20. "Nos últimos 10 anos, os imunologistas realizaram avanços impressionantes no conhecimento sobre a geração de respostas imunes para a defesa do organismo. Um dos resultados mais promissores levou à retomada dos estudos de imunoterapia para controlar o crescimento de tumores." (Trecho extraído da revista "Ciência Hoje", volume 35 (207), p. 28, agosto de 2004). Com relação aos assuntos citados no texto, é CORRETO afirmar que: 01) o corpo humano tem suas defesas, que formam o chamado sistema fisiológico. 02) o câncer é o resultado de modificações genéticas produzidas em células, seja por vírus ou por agentes externos, como radiação ou substâncias químicas. 04) os leucócitos (células brancas) e as hemácias (células vermelhas) são "unidades móveis" que atuam na defesa dos organismos. 08) as células imunes, ricas em lisossomos, penetram nos tecidos de todo o corpo através da intermediação de enzimas especiais que possibilitam a realização do transporte ativo. 16) a medula óssea está envolvida com a produção de células do sistema imune. 32) quando do surgimento de um tumor, células normais sofrem alterações que afetam sua capacidade de divisão. 21. O termo inflamação pode ser definido como a) o processo de instalação, multiplicação e dano tecidual pela ação de um determinado patógeno. b) a resposta do organismo contra diversos tipos de agentes lesivos, na tentativa de combatê- los e regenerar o tecido. c) a produção de anticorpos específicos contra microrganismos invasores no organismo hospedeiro. d) o estabelecimento de células tumorais em determinados tecidos, que originam o câncer. e) a reação da memória imunitária a uma exposição antigênica subsequente. 22. Observe o hemograma:
  • 8. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel Analisando esse hemograma de um determinado animal, pode-se dizer que I - as hemácias têm como função o transporte de oxigênio e de gás carbônico no sangue. II - os leucócitos são responsáveis pela imunidade e atuam contra infecções; em doenças infecciosas, tendem a aumentar em número. Ill - as plaquetas estão relacionadas com a coagulação do sangue; taxas elevadas dessas plaquetas podem favorecer a ocorrência de hemorragias. IV- o animal analisado pode ser um vertebrado. V- o animal analisado pode ser um invertebrado. Estão corretas a) apenas I, II e IV. b) apenas I, II e V. c) apenas I, III e V. d) apenas II, III e IV. e) apenas II, III e V. 23. O hemograma é um exame laboratorial que informa o número de hemácias, glóbulos brancos e plaquetas presentes no sangue. A tabela apresenta os valores considerados normais para adultos. Os gráficos mostram os resultados do hemograma de 5 estudantes adultos. 3 Todos os resultados são expressos em número de elementos por mm de sangue. Valores normais para adultos 3 Hemácias: 4,5 a 5,9 milhões/mm 3 Glóbulos brancos: 5 a 10 mil/mm 3 Plaquetas: 200 a 400 mil/mm
  • 9. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel Podem estar ocorrendo deficiência no sistema de defesa do organismo, prejuízos no transporte de gases respiratórios e alterações no processo de coagulação sanguínea, respectivamente, com os estudantes a) Maria, José e Roberto. b) Roberto, José e Abel. c) Maria, Luísa e Roberto. d) Roberto, Maria e Luísa. e) Luísa, Roberto e Abel. 3 24. Este quadro refere-se ao número de células sanguíneas, expresso em células/mm de sangue, encontradas nos exames de sangue de um indivíduo normal e de um indivíduo doente. Entre as possíveis alterações apresentadas pelo indivíduo doente, NÃO se inclui a) alergia. b) anemia. c) distúrbio da coagulação. d) infecção. 25. Um técnico, ao colher o sangue de uma pessoa, preparar um esfregaço e observar ao microscópio, constatou algumas coisas. Observe a figura a seguir e analise as afirmações, destacando as verdadeiras: I- Através da contagem do número de leucócitos no campo do microscópio, podemos suspeitar que o paciente apresenta uma infecção. II- O elevado número de hemácias é uma indicação de que o indivíduo está doente. III- A contagem de hemácias e leucócitos não é um indício seguro para caracterizar uma infecção ou anemia. Está(ão) correta(s) somente a(s) afirmativa(s): a) I b) II c) III d) I e II e) II e III
  • 10. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel Gabarito: Resposta da questão 1: [A] O jovem apresentará melhora no processo de coagulação sanguínea, porque suas plaquetas apresentarão maior durabilidade. Resposta da questão 2: [E] As hemácias (eritrócitos) são os elementos figurados do sangue responsáveis pelo transporte de oxigênio. Resposta da questão 3: Hemoglobina fetal: facilitar a transferência placentária de O2 do sangue materno para o sangue fetal. O gráfico mostra que para uma mesma PO2, por exemplo 40 mmHg, a saturação pelo O2 é maior pela hemoglobina fetal. Resposta da questão 4: [C] A heparina é uma substância anticoagulante. Produzida naturalmente no fígado e por basófilos, ela impede a formação de coágulos anormais. Resposta da questão 5: [A] As plaquetas são os elementos figurados do sangue responsáveis pela coagulação sanguínea. A deficiência desses elementos pode causar episódios hemorrágicos acompanhados de sintomas como cansaço e dificuldade respiratória. Resposta da questão 6: [C] A protrombina se transforma em trombina no processo de coagulação. Assim, no gráfico, à medida que a taxa de protrombina cai, a de trombina aumenta. Resposta da questão 7: [C] No hemograma apresentado acima, apenas as plaquetas estão com valores abaixo do considerado normal. Níveis baixos de plaquetas levam o indivíduo a apresentar uma predisposição a hemorragias, pois as plaquetas sanguíneas são agentes importantes na coagulação do sangue. Resposta da questão 8: [B] Os monócitos possuem núcleo em forma de rim e fagocitam bactérias. Os neutrófilos possuem núcleo geralmente trilobulado e fagocitam elementos estranhos. Os linfócitos possuem núcleo ocupando quase toda célula e produzem anticorpos. Resposta da questão 9: [C] Em um processo de inflamação cutânea os mastócitos do tecido conjuntivo liberam a histamina, uma substância com efeito vasodilatador. Consequentemente ocorre maior liberação de plasma sanguíneo pelos capilares; fato que permite maior perfusão de macrófagos fagocitários no local inflamado. Resposta da questão 10: [B] O plasma, composto basicamente de água e proteínas, é o local onde estão mergulhados os elementos figurados do sangue ( hemácias, leucócitos e plaquetas). Resposta da questão 11: [D] Resposta da questão 12: [B]
  • 11. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel Resposta da questão 13: [C] Resposta da questão 14: [D] Resposta da questão 15: [B] Resposta da questão 16: [B] Resposta da questão 17: [C] Resposta da questão 18: Paciente X. A quantidade de plaquetas é menor que a normal, e essas células são essenciais para a coagulação sanguínea. Resposta da questão 19: A amostra 3. A menor quantidade relativa de oxigênio nas grandes altitudes ativa um processo fisiológico compensatório que leva ao aumento do número de hemácias, daí o elevado hematócrito dessa amostra. Resposta da questão 20: 02 + 16 + 32 = 50 Resposta da questão 21: [B] Resposta da questão 22: [A] Resposta da questão 23: [A] Maria apresenta imunodeficiência, porque apresenta glóbulos brancos abaixo do normal. José está anêmico; ele possui hemácias abaixo do padrão. Roberto pode sofrer hemorragias, porque suas plaquetas são numericamente baixas. Resposta da questão 24: [B] Resposta da questão 25: [A]
  • 12. Super Med – Treinamento – Sangue – Prof. Emanuel