SlideShare uma empresa Scribd logo
REGIMES TOTALITÁRIOS
NAZISMO - FASCISMO
PROFESSORA CRISTINA SOARES
SÃO JOSÉ DOS CAMPOS –SP
2013
20/5/2013 1PROFESSORA CRISTINA SOARES
INTRODUÇÃO
• Crise econômica pós-guerra
– Início da década de 20
– Gastou-se muito dinheiro durante a guerra
– Os soldados sobrevivente não encontraram
emprego em seus países
– A produção continuou alta e pouca gente tinha
dinheiro para comprar os produtos.
20/5/2013 2PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRISE ECONÔMICA DE 1929
20/5/2013 3PROFESSORA CRISTINA SOARES
DESEMPREGO
20/5/2013 4PROFESSORA CRISTINA SOARES
SEM DINHEIRO ...
20/5/2013 5PROFESSORA CRISTINA SOARES
A CRISE FINANCEIRA DE 1929
• EUA maior potência econômica do mundo
• surgimento de muitas empresas
• Final da década de 20 situação insustentável
– Muitas empresas fantasmas
– Centenas de ações de empresas fantasmas valendo
nada, mas vendidas na Bolsa de Valores
– Compra dessas ações por pessoas de baixo poder
aquisitivo
– Queda nos preços das ações – falência dos bancos e
empresas.
20/5/2013 6PROFESSORA CRISTINA SOARES
DÉCADA DE 20
EUA MAIOR POTÊNCIA DO MUNDO
20/5/2013 7PROFESSORA CRISTINA SOARES
EMPRESAS FANTASMAS
FALÊNCIA DOS BANCOS E EMPRESAS
20/5/2013 8PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRACK DA BOLSA DE VALORES DE
NOVA YORK
• 24 de outubro de 1929 a Bolsa de Valores de
Nova York quebrou.
• Crise tomou conta dos EUA e se espalhou pelo
mundo
• Reflexos até no Brasil, diminuição da venda de
café.
20/5/2013 9PROFESSORA CRISTINA SOARES
“CRACK” DA BOLSA DE NY
20/5/2013 10PROFESSORA CRISTINA SOARES
QUEDAS NA EXPORTAÇÃO DO CAFÉ
BRASILEIRO
20/5/2013 11PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 12PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRESCIMENTO DO COMUNISMO
• URSS que havia adotado o comunismo crescia
economicamente.
• Sucesso dos planos econômicos
• Contrários as ideias dos liberais capitalistas
• Crescimento dos movimentos operários em todo
o mundo
• Surgimento de defensores do comunismo
• Fundação de partidos comunistas em todo o
mundo
20/5/2013 13PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRESCIMENTO DA URSS
20/5/2013 14PROFESSORA CRISTINA SOARES
MOVIMENTO OPERÁRIO
20/5/2013 15PROFESSORA CRISTINA SOARES
FORMAÇÃO DE PARTIDOS
COMUNISTAS
20/5/2013 16PROFESSORA CRISTINA SOARES
• A burguesia ficou amedrontada
• Apoio da burguesia aos regimes autoritários
para frear o comunismo
20/5/2013 17PROFESSORA CRISTINA SOARES
FASCISMO
• Fascismo vem de fascio – feixe.
• Representava as autoridades militares
romanas.
• Representação da glória da historia italiana
• Fascismos existiu em várias partes do mundo.
20/5/2013 18PROFESSORA CRISTINA SOARES
FASCISMO
20/5/2013 19PROFESSORA CRISTINA SOARES
FASCISMO NO MUNDO
20/5/2013 20PROFESSORA CRISTINA SOARES
CARACTERÍSTICAS DO FASCISMO
1919-1939
• NACIONALISMO
– Proteger a economia do país
– Privilégios para as empresas nacionais
– Dificuldades para entrada de empresas
estrangeiras
20/5/2013 21PROFESSORA CRISTINA SOARES
TOTALITARISMO
• Interesses do Estado acima de qualquer outro
interesse
• Perda da individualidade
• Pensar aquilo que o Estado ache correto
• Pensar diferente do Estado é ser inimigo
20/5/2013 22PROFESSORA CRISTINA SOARES
TOTALITARISMO
20/5/2013 23PROFESSORA CRISTINA SOARES
TOTALITARISMO
20/5/2013 24PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 25PROFESSORA CRISTINA SOARES
CORPORATIVISMO
• Controle do sindicato pelo governo
• Eliminação da liberdade de organização dos
sindicatos.
20/5/2013 26PROFESSORA CRISTINA SOARES
ANTICOMUNISMO
• Comunistas vistos como inimigos
• Deveriam ser combatidos e eliminados
fisicamente
• Movimento mais forte na Alemanha e Itália
20/5/2013 27PROFESSORA CRISTINA SOARES
MILITARISMO
• Espaço político no governo
• Surgimento de alianças militares entre os
países
• Vislumbre de uma nova guerra
• Pessoas passam a andar uniformizadas
• Adesão de símbolos militares nas roupas
• Uso de saudação estendendo o braço direito
• Sociedade mais rígida e autoritária
20/5/2013 28PROFESSORA CRISTINA SOARES
MILITARISMO
20/5/2013 29PROFESSORA CRISTINA SOARES
SAUDAÇÃO NAZI-FASCISTA
20/5/2013 30PROFESSORA CRISTINA SOARES
AUGUST LANDMESSER SE RECUSA A
SAUDAR
20/5/2013 31PROFESSORA CRISTINA SOARES
RACISMO
• Ideia de que existem grupos raciais humanos
superiores a outros.
• Na Alemanha: defesa da ideia de que o
branco ariano seria uma raça pura.
• Arianos deveriam dominar e eliminar outras
raças impuras (judeus, negros, eslavos,
ciganos, etc)
20/5/2013 32PROFESSORA CRISTINA SOARES
SUPERIORIDADE DA RAÇA
20/5/2013 33PROFESSORA CRISTINA SOARES
RACISMO
20/5/2013 34PROFESSORA CRISTINA SOARES
FASCISMO NA ITÁLIA
• SITUAÇÃO DA ITÁLIA APÓS 1ª GUERRA
MUNDIAL
– O país não recebeu os territórios prometidos pela
Inglaterra.
– Os italianos passaram a dever milhões para
bancos ingleses e norte-americanos
– Crescia a inflação e o custo de vida
– Diminuição da produção industrial
20/5/2013 35PROFESSORA CRISTINA SOARES
ITÁLIA EM CRISE
20/5/2013 36PROFESSORA CRISTINA SOARES
VENCIDA ENTRE OS VENCEDORES
– Ganhou esse apelido pela situação econômica
agravada depois da guerra
– Surgimento de líderes políticos que prometiam
tirar a Itália de tão preocupante situação.
20/5/2013 37PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRONOLOGIA DO FASCISMO
• 1921 – Assinou o Tratado de Versalhes, mas
não recebeu os territórios prometidos.
• Fundação do Partido Nacional Fascista, por
Benito Mussolini.
• Greve de operários
• Preocupação da classe média
• Muitos votos para o Partido Fascista
20/5/2013 38PROFESSORA CRISTINA SOARES
ASSINATURA DO TRATADO DE
VERSALHES
20/5/2013 39PROFESSORA CRISTINA SOARES
FUNDAÇÃO DO PARTIDO NACIONAL
FASCISTA
20/5/2013 40PROFESSORA CRISTINA SOARES
1922
• Socialistas convocam greve geral contra
situação econômica e autoritarismo do
Partido Fascista.
• Fascistas espancam socialistas grevistas
• Convocação de Grande Caminhada Fascistas
por Mussolini “MARCHA SOBRE ROMA”
• Tomada de Roma, exigência que o Rei Vitor
Emanuel III nomeasse Mussolini para o cargo
de Primeiro Ministro
20/5/2013 41PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRESCIMENTO DO FASCISMO
20/5/2013 42PROFESSORA CRISTINA SOARES
MARCHA SOBRE ROMA
20/5/2013 43PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 44PROFESSORA CRISTINA SOARES
VITOR EMANUEL E MUSSOLIN
20/5/2013 45PROFESSORA CRISTINA SOARES
1924
• Os fascistas elegeram a grande maioria dos
deputados do Parlamento Italiano
• Acusação de fraude nas eleições
• Sequestro e morte de Giacomo Matteotti, que
denunciou fraudes eleitorais.
• Mussolini assumi publicamente a ordem para
o assassinato.
20/5/2013 46PROFESSORA CRISTINA SOARES
ASSASSINATO DE GIACOMO MATTEOTI
20/5/2013 47PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 48PROFESSORA CRISTINA SOARES
1925
• Início da ditadura fascista:
– Fechamento de todos os partidos, exceto o Partido
Fascista.
– Controle do governo sobre as artes (música, teatro,
etc.)
– Controle de todo o país
– Favorecimento do crescimento do exército
– Crescimento da indústria (inclusive a de armas)
– Ditador passa a ser chamado de Duce (aquele que
guia)
20/5/2013 49PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 50PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 51PROFESSORA CRISTINA SOARES
1929
• Igreja Católica apoia Mussolini (TRATADO DE
LATRÃO), que criava o Estado do Vaticano
20/5/2013 52PROFESSORA CRISTINA SOARES
INDÚSTRIA ITALIANA E O DUCE
20/5/2013 53PROFESSORA CRISTINA SOARES
1936
• Itália inicia a expansão militarista invadindo a
Etiópia, transformando-a em colônia italiana.
20/5/2013 54PROFESSORA CRISTINA SOARES
O NAZISMO ALEMÃO
• SITUAÇÃO DA ALEMANHA (REPÚBLICA DE
WEIMAR) APÓS A GUERRA.
– Paralisação da indústria de armamentos (aumento
do desemprego)
– Inflação altíssima
– Dívidas com bancos estrangeiros
– Economia externa arrasada
– Sentimento de humilhação e orgulho ferido por
parte da população
20/5/2013 55PROFESSORA CRISTINA SOARES
ALEMANHA PÓS GUERRA
20/5/2013 56PROFESSORA CRISTINA SOARES
• Alemães achavam que podiam ter vencido a
guerra
• Surgimento do Partido Nazista
– Ideias nacionalistas
– Ganha simpatia dos empresários, militares e da
classe média.
20/5/2013 57PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRIAÇÃO DO PARTIDO NAZISTA
20/5/2013 58PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 59PROFESSORA CRISTINA SOARES
A HISTÓRIA DA SUÁSTICA
• Quando o partido nazista adotou a
suástica como logomarca, ela passou a ser
associada com a ideologia do nazismo.
Heinrich Schliemann descobriu esta
imagem no antigo sítio em que localizara a
cidade de Tróia, sendo então associada
com as migrações ancestrais dos povos
"proto-indo-europeus" dos Arianos.
Ele fez uma conexão entre estes achados
e antigos vasos germânicos, e teorizou
que a suástica era um "significativo
símbolo religioso de nossos remotos
ancestrais", unindo os antigos germânicos
às culturas gregas e védicas.
a difusão da suástica entre diversas
culturas mundiais (Índia, África, América
do Norte e do Sul, Ásia e Europa)
apontava para uma origem comum,
possivelmente da Atlântida.
• O casal William Thomas e Kate Pavitt especulou
que :
Alfred Rosenberg, o primeiro a utilizar essas
idéias, associou-as aos povos nórdicos,
Rosenberg também foi o teórico da pureza racial
ariana.
A palavra "suástica" deriva do sânscrito svastika
(no script Devanagari), significando felicidade,
prazer e boa sorte. Ela é formada do prefixo "su-
" (cognata do grego e?-), significando "bom,
bem" e "-asti", uma forma abstrata para
representar o verbo "ser". Suasti significa,
portanto, "bem-ser". O sufixo "-ca" designa uma
forma diminutiva, portanto "suástica" pode ser
literalmente traduzida por "pequenas coisas
associadas ao que traz um bom viver (ser)". O
sufixo "-tica", independentemente do quanto foi
dito, significa literalmente "marca". Desta forma
na Índia um nome alternativo para "suástica" é
shubhtika (literalmente, "boa marca"). A palavra
tem sua primeira aparição nos clássicos épicos
em sânscrito Ramayana e Mahabharata.20/5/2013 60PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRONOLOGIA DO NAZISMO ALEMÃO
• 1920 – fundação do Partido Nacional-
Socialista dos Trabalhadores Alemães
(Nationalsozialismus) – Partido Nazista
• Entre os fundadores estava um ex-cabo do
exército alemão, o austríaco ADOLF HITLER
20/5/2013 61PROFESSORA CRISTINA SOARES
CRIAÇÃO DO PARTIDO NAZISTA
20/5/2013 62PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 63PROFESSORA CRISTINA SOARES
1923
• Tentativa de golpe de estado para derrubar o
governo republicano
• Fracasso
• Pena de morte para os golpistas, inclusive
Adolf Hitler.
• Na cadeia Hitler escreve o livro: “Mein Kampf”
(Minha Luta)
20/5/2013 64PROFESSORA CRISTINA SOARES
PRISÃO E LIVRO
20/5/2013 65PROFESSORA CRISTINA SOARES
“MINHA LUTA”
• Descrição de todas suas ideias: totalitárias,
nacionalistas e racistas.
• Ódio aos judeus
20/5/2013 66PROFESSORA CRISTINA SOARES
1924
• Libertação
dos
nazistas
20/5/2013 67PROFESSORA CRISTINA SOARES
1932
• Eleição de
quase 300
deputados
nazistas
• Partido mais
votado
• Hitler é
convidado
pelo Mal.
Hindenburg
para ser o
Primeiro
Ministro
20/5/2013 68PROFESSORA CRISTINA SOARES
1933
• Incêndio do prédio do Reichstag
• Culpa recai sobre comunistas (Van der Lubbe)
• Desculpa serve para o início da ditadura
nazista
• OBS: hoje sabe-se que o incêndio foi
provocado pelas SA – Sturmabteilung - (tropas
de assalto nazista)
20/5/2013 69PROFESSORA CRISTINA SOARES
INCÊNDIO E PRISÃO
20/5/2013 70PROFESSORA CRISTINA SOARES
• Fechamento
dos partidos
• Controle do
governo
sobre
imprensa,
rádios,
sindicatos.
• Início das
perseguiçõe
s ao judeus
20/5/2013 71PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 72PROFESSORA CRISTINA SOARES
1934
• Falecimento do Mal. Hindenburg
• Hitler acumula cargo de primeiro-ministro e
presidente
• Afirmação de que os alemães não iriam mais
cumprir o Tratado de Versalhes
• Aumento das perseguições aos opositores
• Surgimento dos primeiros campos de
concentração.
20/5/2013 73PROFESSORA CRISTINA SOARES
HITLER: PRIMEIRO MINISTRO
20/5/2013 74PROFESSORA CRISTINA SOARES
CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO
20/5/2013 75PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 76PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 77PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 78PROFESSORA CRISTINA SOARES
20/5/2013 79PROFESSORA CRISTINA SOARES
• Retomada da indústria de armamentos
• Reorganização do exército
• Crescimento dos empregos (produção de
armas)
• Hitler passa a usar o título de Führer
(guia,líder)
• Ministério da propaganda faz um fantástico
trabalho e Hitler passa a ser idolatrado
• “Pureza Germânica” se contrapunha a
perseguição as minorias, assassinato de
judeus e dos opositores.
20/5/2013 80PROFESSORA CRISTINA SOARES
INDÚSTRIA DE ARMAMENTOS
20/5/2013 81PROFESSORA CRISTINA SOARES
FÜHRER
20/5/2013 82PROFESSORA CRISTINA SOARES
REAÇÃO INTERNACIONAL
• Liga das Nações entendia que o crescimento
do comunismo era mais perigoso do que o do
nazismo.
• Nazistas eram anticomunistas
• Países ocidentais apoiam o nazi-fascismo para
barrar o comunismo e o avanço da União
Soviética.
20/5/2013 83PROFESSORA CRISTINA SOARES
COMBATE AO COMUNISMO
20/5/2013 84PROFESSORA CRISTINA SOARES
SALAZARISMO EM PORTUGAL
E
FRANQUISMO NA ESPANHA
20/5/2013 85PROFESSORA CRISTINA SOARES
INTEGRALISMO NO BRASIL
20/5/2013 86PROFESSORA CRISTINA SOARES
SÍMBOLO DO INTEGRALISMO
20/5/2013 87PROFESSORA CRISTINA SOARES
INTEGRALISMO E GETÚLIO VARGAS
20/5/2013 88PROFESSORA CRISTINA SOARES
ANAUÊ
• É um vocábulo de
origem tupi, que
servia como
saudação entre os
indígenas e de
brado.
• É uma palavra de
conteúdo afetivo
que significa:
“Você é meu
irmão”
20/5/2013 89PROFESSORA CRISTINA SOARES
BIBLIOGRAFIA
• PEREIRA, Pedro Sérgio, MORAES, Robson
Alexandre. História – História – Ensino
Fundamental. Frase Didática. 2001. São Paulo.
• http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Saudaca
oIntegralista1935.jpg
20/5/2013 90PROFESSORA CRISTINA SOARES

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Braulio Santos Pereira
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
Fabiana Tonsis
 
Crise do capitalismo e regimes totalitários
Crise do capitalismo e regimes totalitáriosCrise do capitalismo e regimes totalitários
Crise do capitalismo e regimes totalitários
Professor de História
 
O Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o NazismoO Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o Nazismo
_7udy_
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
Joana Melazzo
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
Jean Carlos Nunes Paixão
 
Totalitarismo na Europa
Totalitarismo na EuropaTotalitarismo na Europa
Totalitarismo na Europa
liveofwarrior
 
Nazifascismo
Nazifascismo Nazifascismo
Nazifascismo
KellyCarvalho2011
 
Nazi-fascismo
Nazi-fascismoNazi-fascismo
Nazi-fascismo
Luiz Antonio Souza
 
SLIDES – ASCENSÃO DO NAZIFASCISMO.
SLIDES – ASCENSÃO DO NAZIFASCISMO.SLIDES – ASCENSÃO DO NAZIFASCISMO.
SLIDES – ASCENSÃO DO NAZIFASCISMO.
Tissiane Gomes
 
Surgimento e Expansão do Fascismo
Surgimento e Expansão do FascismoSurgimento e Expansão do Fascismo
Surgimento e Expansão do Fascismo
Lorena Lara
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
eiprofessor
 
Nazismo Fascismo
Nazismo Fascismo Nazismo Fascismo
Nazismo Fascismo
Adail Silva
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
Fabiana Tonsis
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
Isaquel Silva
 
O FASCISMO ITALIANO - O NAZISMO
O FASCISMO ITALIANO - O NAZISMOO FASCISMO ITALIANO - O NAZISMO
O FASCISMO ITALIANO - O NAZISMO
Arlindo Rodrigues Vieira
 
Sit 4 vol 1 regimes totalitarismos
Sit 4 vol 1   regimes totalitarismosSit 4 vol 1   regimes totalitarismos
Sit 4 vol 1 regimes totalitarismos
AprendendoHistoriacomNemeis
 
Nazi fascismo a
Nazi fascismo aNazi fascismo a
Nazi fascismo a
Rodrigo Moysés
 
Slide totalitarismo
Slide totalitarismoSlide totalitarismo
Slide totalitarismo
aygres
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
Bruce Portes
 

Mais procurados (20)

Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
Osregimesfascistaenazi 100213195928-phpapp02
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
 
Crise do capitalismo e regimes totalitários
Crise do capitalismo e regimes totalitáriosCrise do capitalismo e regimes totalitários
Crise do capitalismo e regimes totalitários
 
O Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o NazismoO Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o Nazismo
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
Totalitarismo na Europa
Totalitarismo na EuropaTotalitarismo na Europa
Totalitarismo na Europa
 
Nazifascismo
Nazifascismo Nazifascismo
Nazifascismo
 
Nazi-fascismo
Nazi-fascismoNazi-fascismo
Nazi-fascismo
 
SLIDES – ASCENSÃO DO NAZIFASCISMO.
SLIDES – ASCENSÃO DO NAZIFASCISMO.SLIDES – ASCENSÃO DO NAZIFASCISMO.
SLIDES – ASCENSÃO DO NAZIFASCISMO.
 
Surgimento e Expansão do Fascismo
Surgimento e Expansão do FascismoSurgimento e Expansão do Fascismo
Surgimento e Expansão do Fascismo
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
 
Nazismo Fascismo
Nazismo Fascismo Nazismo Fascismo
Nazismo Fascismo
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
O FASCISMO ITALIANO - O NAZISMO
O FASCISMO ITALIANO - O NAZISMOO FASCISMO ITALIANO - O NAZISMO
O FASCISMO ITALIANO - O NAZISMO
 
Sit 4 vol 1 regimes totalitarismos
Sit 4 vol 1   regimes totalitarismosSit 4 vol 1   regimes totalitarismos
Sit 4 vol 1 regimes totalitarismos
 
Nazi fascismo a
Nazi fascismo aNazi fascismo a
Nazi fascismo a
 
Slide totalitarismo
Slide totalitarismoSlide totalitarismo
Slide totalitarismo
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
 

Destaque

Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
Rita Quaresma Avellar
 
Regimes totalitários power point
Regimes totalitários   power pointRegimes totalitários   power point
Regimes totalitários power point
Zeze Silva
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
Lucas Farias
 
GUERRA FRIA
GUERRA FRIAGUERRA FRIA
GUERRA FRIA
Cristina Soares
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
Cristina Soares
 
Revolução russa
Revolução russaRevolução russa
Revolução russa
Cristina Soares
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
Cristina Soares
 
REVOLUÇÃO FRANCESA
REVOLUÇÃO FRANCESAREVOLUÇÃO FRANCESA
REVOLUÇÃO FRANCESA
Cristina Soares
 
O MUNDO CONTEMPORÂNEO - ATENTADOS DE 11 DE SETEMBROA
O MUNDO CONTEMPORÂNEO - ATENTADOS DE 11 DE SETEMBROAO MUNDO CONTEMPORÂNEO - ATENTADOS DE 11 DE SETEMBROA
O MUNDO CONTEMPORÂNEO - ATENTADOS DE 11 DE SETEMBROA
Cristina Soares
 
Segunda uerra Mundial
Segunda uerra MundialSegunda uerra Mundial
Segunda uerra Mundial
Cristina Soares
 
Egito
EgitoEgito
Questões ambientais
Questões ambientaisQuestões ambientais
Questões ambientais
Cristina Soares
 
CIVILIZAÇÃO GREGA
CIVILIZAÇÃO GREGACIVILIZAÇÃO GREGA
CIVILIZAÇÃO GREGA
Cristina Soares
 
TIRE O PÓ... SE PRECISAR...
TIRE O PÓ... SE PRECISAR...TIRE O PÓ... SE PRECISAR...
TIRE O PÓ... SE PRECISAR...
Cristina Soares
 
Autoritarismo e democracia no Brasil
Autoritarismo e democracia no BrasilAutoritarismo e democracia no Brasil
Autoritarismo e democracia no Brasil
Cristina Soares
 
A estrutura fundiária no Brasil
A estrutura fundiária no BrasilA estrutura fundiária no Brasil
A estrutura fundiária no Brasil
Cristina Soares
 
ATENTADOS TERRORISTAS DE 11 DE SETEMBRO
ATENTADOS TERRORISTAS DE 11 DE SETEMBROATENTADOS TERRORISTAS DE 11 DE SETEMBRO
ATENTADOS TERRORISTAS DE 11 DE SETEMBRO
Cristina Soares
 
Ciclos económicos pdf
Ciclos económicos   pdfCiclos económicos   pdf
Ciclos económicos pdf
Alda Ribeiro
 
Neocolonialismo
NeocolonialismoNeocolonialismo
Neocolonialismo
Cristina Soares
 
ESTADOS E CAPITAIS
ESTADOS E  CAPITAISESTADOS E  CAPITAIS
ESTADOS E CAPITAIS
Cristina Soares
 

Destaque (20)

Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
Regimes totalitários power point
Regimes totalitários   power pointRegimes totalitários   power point
Regimes totalitários power point
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
GUERRA FRIA
GUERRA FRIAGUERRA FRIA
GUERRA FRIA
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Revolução russa
Revolução russaRevolução russa
Revolução russa
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
REVOLUÇÃO FRANCESA
REVOLUÇÃO FRANCESAREVOLUÇÃO FRANCESA
REVOLUÇÃO FRANCESA
 
O MUNDO CONTEMPORÂNEO - ATENTADOS DE 11 DE SETEMBROA
O MUNDO CONTEMPORÂNEO - ATENTADOS DE 11 DE SETEMBROAO MUNDO CONTEMPORÂNEO - ATENTADOS DE 11 DE SETEMBROA
O MUNDO CONTEMPORÂNEO - ATENTADOS DE 11 DE SETEMBROA
 
Segunda uerra Mundial
Segunda uerra MundialSegunda uerra Mundial
Segunda uerra Mundial
 
Egito
EgitoEgito
Egito
 
Questões ambientais
Questões ambientaisQuestões ambientais
Questões ambientais
 
CIVILIZAÇÃO GREGA
CIVILIZAÇÃO GREGACIVILIZAÇÃO GREGA
CIVILIZAÇÃO GREGA
 
TIRE O PÓ... SE PRECISAR...
TIRE O PÓ... SE PRECISAR...TIRE O PÓ... SE PRECISAR...
TIRE O PÓ... SE PRECISAR...
 
Autoritarismo e democracia no Brasil
Autoritarismo e democracia no BrasilAutoritarismo e democracia no Brasil
Autoritarismo e democracia no Brasil
 
A estrutura fundiária no Brasil
A estrutura fundiária no BrasilA estrutura fundiária no Brasil
A estrutura fundiária no Brasil
 
ATENTADOS TERRORISTAS DE 11 DE SETEMBRO
ATENTADOS TERRORISTAS DE 11 DE SETEMBROATENTADOS TERRORISTAS DE 11 DE SETEMBRO
ATENTADOS TERRORISTAS DE 11 DE SETEMBRO
 
Ciclos económicos pdf
Ciclos económicos   pdfCiclos económicos   pdf
Ciclos económicos pdf
 
Neocolonialismo
NeocolonialismoNeocolonialismo
Neocolonialismo
 
ESTADOS E CAPITAIS
ESTADOS E  CAPITAISESTADOS E  CAPITAIS
ESTADOS E CAPITAIS
 

Semelhante a Regimes totalitários

Crise do capitalismo e surgimento do totalitarismo
Crise do capitalismo e surgimento do totalitarismoCrise do capitalismo e surgimento do totalitarismo
Crise do capitalismo e surgimento do totalitarismo
Marcia Fernandes
 
opapelpolticoesocialdaculturanos-111126083953-phpapp02.pdf
opapelpolticoesocialdaculturanos-111126083953-phpapp02.pdfopapelpolticoesocialdaculturanos-111126083953-phpapp02.pdf
opapelpolticoesocialdaculturanos-111126083953-phpapp02.pdf
Nuno Faustino
 
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismoPeríodo entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Portal do Vestibulando
 
Os Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziOs Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e Nazi
Rui Neto
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
BriefCase
 
Crise e totalitarismo nos anos 1920 e 1930
Crise e totalitarismo nos anos 1920 e 1930Crise e totalitarismo nos anos 1920 e 1930
Crise e totalitarismo nos anos 1920 e 1930
Michel Vieira
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
Íris Ferreira
 
1 liberalismo e crise de 1929
1 liberalismo e crise de 19291 liberalismo e crise de 1929
1 liberalismo e crise de 1929
Fábio Ribeiro
 
10_1_As dificuldades económicas dos anos 1930.pdf
10_1_As dificuldades económicas dos anos 1930.pdf10_1_As dificuldades económicas dos anos 1930.pdf
10_1_As dificuldades económicas dos anos 1930.pdf
Vítor Santos
 
Nazi-fascismo
Nazi-fascismoNazi-fascismo
Nazi-fascismo
Privada
 
3ºano slide - da crise à guerra
3ºano   slide - da crise à guerra3ºano   slide - da crise à guerra
3ºano slide - da crise à guerra
Daniel Alves Bronstrup
 
Os regimes fascista e nazi - Resumo - 9ºano
Os regimes fascista e nazi - Resumo - 9ºanoOs regimes fascista e nazi - Resumo - 9ºano
Os regimes fascista e nazi - Resumo - 9ºano
HizqeelMajoka
 
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismoCapítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Marcos Antonio Grigorio de Figueiredo
 
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptxA Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
DenisonDjonhson1
 
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptxA Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
AndersonLoz1
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
Flávio Alexandre
 
A cultura do cinema
A cultura do cinema   A cultura do cinema
A cultura do cinema
Ana Barreiros
 
1029
10291029
1029
Pelo Siro
 
A era dos extremos
A era dos extremosA era dos extremos
A era dos extremos
Jorge Miklos
 
História da Moda: Anos 30
História da Moda: Anos 30História da Moda: Anos 30
História da Moda: Anos 30
Andressa Silva
 

Semelhante a Regimes totalitários (20)

Crise do capitalismo e surgimento do totalitarismo
Crise do capitalismo e surgimento do totalitarismoCrise do capitalismo e surgimento do totalitarismo
Crise do capitalismo e surgimento do totalitarismo
 
opapelpolticoesocialdaculturanos-111126083953-phpapp02.pdf
opapelpolticoesocialdaculturanos-111126083953-phpapp02.pdfopapelpolticoesocialdaculturanos-111126083953-phpapp02.pdf
opapelpolticoesocialdaculturanos-111126083953-phpapp02.pdf
 
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismoPeríodo entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
 
Os Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziOs Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e Nazi
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
Crise e totalitarismo nos anos 1920 e 1930
Crise e totalitarismo nos anos 1920 e 1930Crise e totalitarismo nos anos 1920 e 1930
Crise e totalitarismo nos anos 1920 e 1930
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
 
1 liberalismo e crise de 1929
1 liberalismo e crise de 19291 liberalismo e crise de 1929
1 liberalismo e crise de 1929
 
10_1_As dificuldades económicas dos anos 1930.pdf
10_1_As dificuldades económicas dos anos 1930.pdf10_1_As dificuldades económicas dos anos 1930.pdf
10_1_As dificuldades económicas dos anos 1930.pdf
 
Nazi-fascismo
Nazi-fascismoNazi-fascismo
Nazi-fascismo
 
3ºano slide - da crise à guerra
3ºano   slide - da crise à guerra3ºano   slide - da crise à guerra
3ºano slide - da crise à guerra
 
Os regimes fascista e nazi - Resumo - 9ºano
Os regimes fascista e nazi - Resumo - 9ºanoOs regimes fascista e nazi - Resumo - 9ºano
Os regimes fascista e nazi - Resumo - 9ºano
 
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismoCapítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
Capítulo 4 - A grande depressão, o fascismo e o nazismo
 
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptxA Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
 
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptxA Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
A Crise de 1929 e o nazifascismo.pptx
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
A cultura do cinema
A cultura do cinema   A cultura do cinema
A cultura do cinema
 
1029
10291029
1029
 
A era dos extremos
A era dos extremosA era dos extremos
A era dos extremos
 
História da Moda: Anos 30
História da Moda: Anos 30História da Moda: Anos 30
História da Moda: Anos 30
 

Mais de Cristina Soares

O processo de industrialização e urbanização do Brasil
O processo de industrialização e urbanização do BrasilO processo de industrialização e urbanização do Brasil
O processo de industrialização e urbanização do Brasil
Cristina Soares
 
A primeira guerra mundial
A primeira guerra mundialA primeira guerra mundial
A primeira guerra mundial
Cristina Soares
 
Tempo cronólogico
Tempo cronólogicoTempo cronólogico
Tempo cronólogico
Cristina Soares
 
Ciclo do pau brasil
Ciclo do pau brasilCiclo do pau brasil
Ciclo do pau brasil
Cristina Soares
 
áFrica
áFricaáFrica
Expasão marítima e comercial européia
Expasão marítima e comercial européiaExpasão marítima e comercial européia
Expasão marítima e comercial européia
Cristina Soares
 
Mineração
MineraçãoMineração
Mineração
Cristina Soares
 
Continente asiático
Continente asiáticoContinente asiático
Continente asiático
Cristina Soares
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
Cristina Soares
 
ANIVERSARIO DA ESCOLA
ANIVERSARIO DA ESCOLAANIVERSARIO DA ESCOLA
ANIVERSARIO DA ESCOLA
Cristina Soares
 
O ciclo da cana de-açúcar
O ciclo da cana de-açúcarO ciclo da cana de-açúcar
O ciclo da cana de-açúcar
Cristina Soares
 
Os continentes
Os continentesOs continentes
Os continentes
Cristina Soares
 
O império romano
O império romanoO império romano
O império romano
Cristina Soares
 

Mais de Cristina Soares (13)

O processo de industrialização e urbanização do Brasil
O processo de industrialização e urbanização do BrasilO processo de industrialização e urbanização do Brasil
O processo de industrialização e urbanização do Brasil
 
A primeira guerra mundial
A primeira guerra mundialA primeira guerra mundial
A primeira guerra mundial
 
Tempo cronólogico
Tempo cronólogicoTempo cronólogico
Tempo cronólogico
 
Ciclo do pau brasil
Ciclo do pau brasilCiclo do pau brasil
Ciclo do pau brasil
 
áFrica
áFricaáFrica
áFrica
 
Expasão marítima e comercial européia
Expasão marítima e comercial européiaExpasão marítima e comercial européia
Expasão marítima e comercial européia
 
Mineração
MineraçãoMineração
Mineração
 
Continente asiático
Continente asiáticoContinente asiático
Continente asiático
 
Feudalismo
FeudalismoFeudalismo
Feudalismo
 
ANIVERSARIO DA ESCOLA
ANIVERSARIO DA ESCOLAANIVERSARIO DA ESCOLA
ANIVERSARIO DA ESCOLA
 
O ciclo da cana de-açúcar
O ciclo da cana de-açúcarO ciclo da cana de-açúcar
O ciclo da cana de-açúcar
 
Os continentes
Os continentesOs continentes
Os continentes
 
O império romano
O império romanoO império romano
O império romano
 

Último

Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 

Regimes totalitários

  • 1. REGIMES TOTALITÁRIOS NAZISMO - FASCISMO PROFESSORA CRISTINA SOARES SÃO JOSÉ DOS CAMPOS –SP 2013 20/5/2013 1PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 2. INTRODUÇÃO • Crise econômica pós-guerra – Início da década de 20 – Gastou-se muito dinheiro durante a guerra – Os soldados sobrevivente não encontraram emprego em seus países – A produção continuou alta e pouca gente tinha dinheiro para comprar os produtos. 20/5/2013 2PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 3. CRISE ECONÔMICA DE 1929 20/5/2013 3PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 5. SEM DINHEIRO ... 20/5/2013 5PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 6. A CRISE FINANCEIRA DE 1929 • EUA maior potência econômica do mundo • surgimento de muitas empresas • Final da década de 20 situação insustentável – Muitas empresas fantasmas – Centenas de ações de empresas fantasmas valendo nada, mas vendidas na Bolsa de Valores – Compra dessas ações por pessoas de baixo poder aquisitivo – Queda nos preços das ações – falência dos bancos e empresas. 20/5/2013 6PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 7. DÉCADA DE 20 EUA MAIOR POTÊNCIA DO MUNDO 20/5/2013 7PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 8. EMPRESAS FANTASMAS FALÊNCIA DOS BANCOS E EMPRESAS 20/5/2013 8PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 9. CRACK DA BOLSA DE VALORES DE NOVA YORK • 24 de outubro de 1929 a Bolsa de Valores de Nova York quebrou. • Crise tomou conta dos EUA e se espalhou pelo mundo • Reflexos até no Brasil, diminuição da venda de café. 20/5/2013 9PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 10. “CRACK” DA BOLSA DE NY 20/5/2013 10PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 11. QUEDAS NA EXPORTAÇÃO DO CAFÉ BRASILEIRO 20/5/2013 11PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 13. CRESCIMENTO DO COMUNISMO • URSS que havia adotado o comunismo crescia economicamente. • Sucesso dos planos econômicos • Contrários as ideias dos liberais capitalistas • Crescimento dos movimentos operários em todo o mundo • Surgimento de defensores do comunismo • Fundação de partidos comunistas em todo o mundo 20/5/2013 13PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 14. CRESCIMENTO DA URSS 20/5/2013 14PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 16. FORMAÇÃO DE PARTIDOS COMUNISTAS 20/5/2013 16PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 17. • A burguesia ficou amedrontada • Apoio da burguesia aos regimes autoritários para frear o comunismo 20/5/2013 17PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 18. FASCISMO • Fascismo vem de fascio – feixe. • Representava as autoridades militares romanas. • Representação da glória da historia italiana • Fascismos existiu em várias partes do mundo. 20/5/2013 18PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 20. FASCISMO NO MUNDO 20/5/2013 20PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 21. CARACTERÍSTICAS DO FASCISMO 1919-1939 • NACIONALISMO – Proteger a economia do país – Privilégios para as empresas nacionais – Dificuldades para entrada de empresas estrangeiras 20/5/2013 21PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 22. TOTALITARISMO • Interesses do Estado acima de qualquer outro interesse • Perda da individualidade • Pensar aquilo que o Estado ache correto • Pensar diferente do Estado é ser inimigo 20/5/2013 22PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 26. CORPORATIVISMO • Controle do sindicato pelo governo • Eliminação da liberdade de organização dos sindicatos. 20/5/2013 26PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 27. ANTICOMUNISMO • Comunistas vistos como inimigos • Deveriam ser combatidos e eliminados fisicamente • Movimento mais forte na Alemanha e Itália 20/5/2013 27PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 28. MILITARISMO • Espaço político no governo • Surgimento de alianças militares entre os países • Vislumbre de uma nova guerra • Pessoas passam a andar uniformizadas • Adesão de símbolos militares nas roupas • Uso de saudação estendendo o braço direito • Sociedade mais rígida e autoritária 20/5/2013 28PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 31. AUGUST LANDMESSER SE RECUSA A SAUDAR 20/5/2013 31PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 32. RACISMO • Ideia de que existem grupos raciais humanos superiores a outros. • Na Alemanha: defesa da ideia de que o branco ariano seria uma raça pura. • Arianos deveriam dominar e eliminar outras raças impuras (judeus, negros, eslavos, ciganos, etc) 20/5/2013 32PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 33. SUPERIORIDADE DA RAÇA 20/5/2013 33PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 35. FASCISMO NA ITÁLIA • SITUAÇÃO DA ITÁLIA APÓS 1ª GUERRA MUNDIAL – O país não recebeu os territórios prometidos pela Inglaterra. – Os italianos passaram a dever milhões para bancos ingleses e norte-americanos – Crescia a inflação e o custo de vida – Diminuição da produção industrial 20/5/2013 35PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 36. ITÁLIA EM CRISE 20/5/2013 36PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 37. VENCIDA ENTRE OS VENCEDORES – Ganhou esse apelido pela situação econômica agravada depois da guerra – Surgimento de líderes políticos que prometiam tirar a Itália de tão preocupante situação. 20/5/2013 37PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 38. CRONOLOGIA DO FASCISMO • 1921 – Assinou o Tratado de Versalhes, mas não recebeu os territórios prometidos. • Fundação do Partido Nacional Fascista, por Benito Mussolini. • Greve de operários • Preocupação da classe média • Muitos votos para o Partido Fascista 20/5/2013 38PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 39. ASSINATURA DO TRATADO DE VERSALHES 20/5/2013 39PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 40. FUNDAÇÃO DO PARTIDO NACIONAL FASCISTA 20/5/2013 40PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 41. 1922 • Socialistas convocam greve geral contra situação econômica e autoritarismo do Partido Fascista. • Fascistas espancam socialistas grevistas • Convocação de Grande Caminhada Fascistas por Mussolini “MARCHA SOBRE ROMA” • Tomada de Roma, exigência que o Rei Vitor Emanuel III nomeasse Mussolini para o cargo de Primeiro Ministro 20/5/2013 41PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 42. CRESCIMENTO DO FASCISMO 20/5/2013 42PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 43. MARCHA SOBRE ROMA 20/5/2013 43PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 45. VITOR EMANUEL E MUSSOLIN 20/5/2013 45PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 46. 1924 • Os fascistas elegeram a grande maioria dos deputados do Parlamento Italiano • Acusação de fraude nas eleições • Sequestro e morte de Giacomo Matteotti, que denunciou fraudes eleitorais. • Mussolini assumi publicamente a ordem para o assassinato. 20/5/2013 46PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 47. ASSASSINATO DE GIACOMO MATTEOTI 20/5/2013 47PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 49. 1925 • Início da ditadura fascista: – Fechamento de todos os partidos, exceto o Partido Fascista. – Controle do governo sobre as artes (música, teatro, etc.) – Controle de todo o país – Favorecimento do crescimento do exército – Crescimento da indústria (inclusive a de armas) – Ditador passa a ser chamado de Duce (aquele que guia) 20/5/2013 49PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 52. 1929 • Igreja Católica apoia Mussolini (TRATADO DE LATRÃO), que criava o Estado do Vaticano 20/5/2013 52PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 53. INDÚSTRIA ITALIANA E O DUCE 20/5/2013 53PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 54. 1936 • Itália inicia a expansão militarista invadindo a Etiópia, transformando-a em colônia italiana. 20/5/2013 54PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 55. O NAZISMO ALEMÃO • SITUAÇÃO DA ALEMANHA (REPÚBLICA DE WEIMAR) APÓS A GUERRA. – Paralisação da indústria de armamentos (aumento do desemprego) – Inflação altíssima – Dívidas com bancos estrangeiros – Economia externa arrasada – Sentimento de humilhação e orgulho ferido por parte da população 20/5/2013 55PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 56. ALEMANHA PÓS GUERRA 20/5/2013 56PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 57. • Alemães achavam que podiam ter vencido a guerra • Surgimento do Partido Nazista – Ideias nacionalistas – Ganha simpatia dos empresários, militares e da classe média. 20/5/2013 57PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 58. CRIAÇÃO DO PARTIDO NAZISTA 20/5/2013 58PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 60. A HISTÓRIA DA SUÁSTICA • Quando o partido nazista adotou a suástica como logomarca, ela passou a ser associada com a ideologia do nazismo. Heinrich Schliemann descobriu esta imagem no antigo sítio em que localizara a cidade de Tróia, sendo então associada com as migrações ancestrais dos povos "proto-indo-europeus" dos Arianos. Ele fez uma conexão entre estes achados e antigos vasos germânicos, e teorizou que a suástica era um "significativo símbolo religioso de nossos remotos ancestrais", unindo os antigos germânicos às culturas gregas e védicas. a difusão da suástica entre diversas culturas mundiais (Índia, África, América do Norte e do Sul, Ásia e Europa) apontava para uma origem comum, possivelmente da Atlântida. • O casal William Thomas e Kate Pavitt especulou que : Alfred Rosenberg, o primeiro a utilizar essas idéias, associou-as aos povos nórdicos, Rosenberg também foi o teórico da pureza racial ariana. A palavra "suástica" deriva do sânscrito svastika (no script Devanagari), significando felicidade, prazer e boa sorte. Ela é formada do prefixo "su- " (cognata do grego e?-), significando "bom, bem" e "-asti", uma forma abstrata para representar o verbo "ser". Suasti significa, portanto, "bem-ser". O sufixo "-ca" designa uma forma diminutiva, portanto "suástica" pode ser literalmente traduzida por "pequenas coisas associadas ao que traz um bom viver (ser)". O sufixo "-tica", independentemente do quanto foi dito, significa literalmente "marca". Desta forma na Índia um nome alternativo para "suástica" é shubhtika (literalmente, "boa marca"). A palavra tem sua primeira aparição nos clássicos épicos em sânscrito Ramayana e Mahabharata.20/5/2013 60PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 61. CRONOLOGIA DO NAZISMO ALEMÃO • 1920 – fundação do Partido Nacional- Socialista dos Trabalhadores Alemães (Nationalsozialismus) – Partido Nazista • Entre os fundadores estava um ex-cabo do exército alemão, o austríaco ADOLF HITLER 20/5/2013 61PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 62. CRIAÇÃO DO PARTIDO NAZISTA 20/5/2013 62PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 64. 1923 • Tentativa de golpe de estado para derrubar o governo republicano • Fracasso • Pena de morte para os golpistas, inclusive Adolf Hitler. • Na cadeia Hitler escreve o livro: “Mein Kampf” (Minha Luta) 20/5/2013 64PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 65. PRISÃO E LIVRO 20/5/2013 65PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 66. “MINHA LUTA” • Descrição de todas suas ideias: totalitárias, nacionalistas e racistas. • Ódio aos judeus 20/5/2013 66PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 68. 1932 • Eleição de quase 300 deputados nazistas • Partido mais votado • Hitler é convidado pelo Mal. Hindenburg para ser o Primeiro Ministro 20/5/2013 68PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 69. 1933 • Incêndio do prédio do Reichstag • Culpa recai sobre comunistas (Van der Lubbe) • Desculpa serve para o início da ditadura nazista • OBS: hoje sabe-se que o incêndio foi provocado pelas SA – Sturmabteilung - (tropas de assalto nazista) 20/5/2013 69PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 70. INCÊNDIO E PRISÃO 20/5/2013 70PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 71. • Fechamento dos partidos • Controle do governo sobre imprensa, rádios, sindicatos. • Início das perseguiçõe s ao judeus 20/5/2013 71PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 73. 1934 • Falecimento do Mal. Hindenburg • Hitler acumula cargo de primeiro-ministro e presidente • Afirmação de que os alemães não iriam mais cumprir o Tratado de Versalhes • Aumento das perseguições aos opositores • Surgimento dos primeiros campos de concentração. 20/5/2013 73PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 74. HITLER: PRIMEIRO MINISTRO 20/5/2013 74PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 75. CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO 20/5/2013 75PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 80. • Retomada da indústria de armamentos • Reorganização do exército • Crescimento dos empregos (produção de armas) • Hitler passa a usar o título de Führer (guia,líder) • Ministério da propaganda faz um fantástico trabalho e Hitler passa a ser idolatrado • “Pureza Germânica” se contrapunha a perseguição as minorias, assassinato de judeus e dos opositores. 20/5/2013 80PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 81. INDÚSTRIA DE ARMAMENTOS 20/5/2013 81PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 83. REAÇÃO INTERNACIONAL • Liga das Nações entendia que o crescimento do comunismo era mais perigoso do que o do nazismo. • Nazistas eram anticomunistas • Países ocidentais apoiam o nazi-fascismo para barrar o comunismo e o avanço da União Soviética. 20/5/2013 83PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 84. COMBATE AO COMUNISMO 20/5/2013 84PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 85. SALAZARISMO EM PORTUGAL E FRANQUISMO NA ESPANHA 20/5/2013 85PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 86. INTEGRALISMO NO BRASIL 20/5/2013 86PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 87. SÍMBOLO DO INTEGRALISMO 20/5/2013 87PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 88. INTEGRALISMO E GETÚLIO VARGAS 20/5/2013 88PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 89. ANAUÊ • É um vocábulo de origem tupi, que servia como saudação entre os indígenas e de brado. • É uma palavra de conteúdo afetivo que significa: “Você é meu irmão” 20/5/2013 89PROFESSORA CRISTINA SOARES
  • 90. BIBLIOGRAFIA • PEREIRA, Pedro Sérgio, MORAES, Robson Alexandre. História – História – Ensino Fundamental. Frase Didática. 2001. São Paulo. • http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Saudaca oIntegralista1935.jpg 20/5/2013 90PROFESSORA CRISTINA SOARES