SlideShare uma empresa Scribd logo
Reflexologia Podal
Professor Stephan Mazzaro
CENPA – Centro de Educação Profissional
ÁGATA
CNPJ – 05.571.232/0001-13
Rua Silva Jardim, 599 – 2º andar –
centro – (: (44)3026-4059
CEP 87013-010 – Maringá PR
e-mail: agataescola@agataescola.com.br
home page: www.agataescola.com.br
quinta-feira, 19 de setembro de 13
O que é Reflexologia
Podal?
quinta-feira, 19 de setembro de 13
História
Uma antiga tumba escavada em Saqqara, datada de 2350 a.C, indica que os antigos egípcios conheciam um
método de tratamento semelhante à reflexologia. Sabe-se que métodos similares também eram praticados na
Índia e no Japão.
Na China era utilizada em combinação com a acupuntura já no século IV a.C. Ao inserirem as agulhas de
acupuntura, os médicos chineses aplicavam uma forte pressão nos pés com o propósito de aumentar o fluxo de
energia (chi) através de canais que atravessam o corpo, chamados meridianos. A terapia foi introduzida no
Ocidente durante a década de 1930, pela fisioterapeuta americana Eunice Ingham, que aperfeiçoou e adaptou o
seu uso para o mundo moderno.
quinta-feira, 19 de setembro de 13
O que é Reflexologia
Podal?
A reflexologia baseia-se nos seguintes
princípios: os pés contêm milhares de
terminações nervosas e cada órgão, função ou
parte do corpo tem seu ponto reflexo
correspondente no pé. Aplicada sobre esses
pontos reflexos, a reflexologia estimula através
dos canais nervosos, a função do órgão ou parte
do corpo que está tensa, bloqueada ou
lesionada por um acidente, ferimento ou
doença. A reflexologia acaba com qualquer
tensão, ajuda o organismo a eliminar toxinas
quando necessário, a aliviar significativamente
a dor e a estimular o organismo a se recuperar.
Além disso, a reflexologia é um meio auxiliar
de relaxamento e uma ótima maneira de reduzir
as tensões e pressões emocionais.
quinta-feira, 19 de setembro de 13
O principal objetivo do reflexologista é descobrir e
manipular áreas sensíveis dos pés exercendo pressão
alternada com o polegar, e as vezes com outros dedos,
em todas as partes do pé. A pressão aplicada a um
terminal nervoso constitui um estímulo, que funciona
como agente ou fator capaz de suscitar uma reação nos
tecidos e, mesmo, induzir uma mudança fisiológica. Em
reflexologia, o estímulo por contato ou pressão
desencadeia um impulso eletroquímico que altera os
processos nervosos, transmitindo uma mensagem por
meio das fibras nervosas. Os impulsos nervosos podem
viajar a uma velocidade média de 435 km por hora,
enquanto a eletricidade é tão rápida quanto a luz. Pode-
se dizer que nosso corpo é, basicamente, uma usina
eletroquímica em funcionamento dia e noite.
O que é Reflexologia
Podal?
quinta-feira, 19 de setembro de 13
Reações & Estímulos
Se o corpo estiver com alguma inflamação, tensão ou
bloqueio, os pontos reflexos correspondentes nos pés irão
revelar-se sensíveis quando lhes for aplicada uma pressão.
Os pés podem, portanto, indicar precisamente o estado de
saúde da pessoa. O tratamento consiste em aplicar
pressões profundas sobre os minúsculos pontos reflexos,
sobretudo com o polegar, em movimentos de arrastamento
para frente. Quando os devidos pontos são estimulados, o
fluxo de energia é restaurado e o corpo volta ao seu
equilíbrio. Também fazem parte das sessões de tratamento
técnicas de relaxamento.
A sensibilidade nos pontos reflexos pode sinalizar a
existência de um ponto fraco no organismo. Se o
desequilíbrio é tratado precocemente com a reflexologia,
ele pode ser corrigido e, portanto, a doença evitada. A
reflexologia pode também revelar ferimentos passados,
uma vez que qualquer tecido de cicatriz remanescente
pode provocar sensibilidade nas áreas reflexas.
quinta-feira, 19 de setembro de 13
Mapas dos Pés
Os pés refletem realmente o corpo humano: o pé direito
corresponde ao lado direito; e o pé esquerdo ao lado esquerdo
do corpo. Os dedos representam as áreas da cabeça, do nariz,
dos olhos e ouvidos. Abaixo dos dedos, encontram-se as áreas
reflexas relacionadas com o sistema digestivo e os intestinos,
bem como os sistemas urinário e reprodutor. Os pontos
reflexos nos pés seguem a mesma ordem das partes do corpo:
assim, as partes da frente dos pés têm relação com a parte
superior do corpo e as partes de trás dos pés estão
relacionadas com as funções orgânicas e áreas abaixo da
cintura. As laterais internas dos pés – a linha interna que vai
do calcanhar até o dedão – estão relacionadas com a coluna
vertebral e o sistema nervoso central.
Assim que o corpo começa a se curar e os sintomas são
aliviados, os pontos reflexos nos pés tornam-se menos
sensíveis. A diminuição ou total desaparecimento da
sensibilidade é um sinal seguro de que o corpo está se
curando e a pessoa tratada está se recuperando. Ela vai sentir
uma melhora na sua saúde e a recuperação de sua vitalidade.
A maioria das pessoas também constata que dorme melhor
após uma sessão de tratamento de reflexologia
quinta-feira, 19 de setembro de 13
Objetivos da Reflexologia
A reflexologia é muito mais que pressionar da maneira certa o lugar certo. O profissional
precisa ter bom senso e o que em geral se consegue com a experiência e critério. É
preciso saber o que se pode e o que não se pode conseguir, bem como estar em
condições de responder a qualquer pergunta do cliente.
Primeiro, é preciso ter em mente certas coisas que se podem e não podem fazer. Seja
sempre realista quanto ao que espera alcançar; nunca prometa curas nem tente
diagnosticar condições clínicas.
quinta-feira, 19 de setembro de 13
Não
Prometa
Curas
Declarar-se capaz de “curar” seja lá o que
for é uma promessa um tanto quanto
arrojada. O objetivo do profissional da
reflexologia é aliviar a dor, melhorar as
funções orgânicas e ajudar o corpo a
eliminar com mais eficiência seus resíduos,
sobretudo por intermédio do fígado.
“Curar” significa, na verdade, restituir um
corpo permanentemente a sua condição
quase ideal. Mas isso nenhum tratamento,
alternativo ou não, pode oferecer.
quinta-feira, 19 de setembro de 13
Não diagnostique
Não prescreva
A reflexologia não tem condições de diagnosticar doenças
internas. No entanto, o reflexologista pode descobrir que
determinada parte do pé mostra sensibilidade, a qual, por
sua vez, indica a presença de congestão, inflamação e
tensão na parte correspondente do corpo. Com
freqüência, tratando as áreas sensíveis, consegue
combater a inflamação, remover a tensão e melhorar
bastante o funcionamento do sistema comprometido.
Quando se detecta uma sensibilidade no pé, é
absolutamente errado tirar daí conclusões quanto ao que
ela porventura indica. Por exemplo, se os pontos reflexos
do fígado revelam grande sensibilidade, não presuma de
imediato que a pessoa esta sofrendo de uma moléstia
daquele órgão. Isso já é diagnosticar, pior se daí você já
extrapola para: “Acho que ela esta com hepatite ou
cirrose do fígado”. Uma sensibilidade no reflexo do
fígado pode derivar de muitos fatores, como consumo
excessivo de álcool ou comidas gordurosas (entre outras
coisas, é tarefa do fígado processar o álcool e a gordura).
quinta-feira, 19 de setembro de 13
!
quinta-feira, 19 de setembro de 13
!
quinta-feira, 19 de setembro de 13
quinta-feira, 19 de setembro de 13

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Massoterapia
MassoterapiaMassoterapia
Massoterapia
Renan Malaquias
 
Ventosaterapia
VentosaterapiaVentosaterapia
Ventosaterapia
Marcelo Doi
 
A importância do toque
A importância do toque A importância do toque
A importância do toque
Rita Barros
 
Pedras bambu e argila
Pedras bambu e argilaPedras bambu e argila
Pedras bambu e argila
Super Senha Amanda Paz
 
Pontos gatilho
Pontos gatilhoPontos gatilho
Pontos gatilho
Hugo Pedrosa
 
Massagem modeladora
Massagem modeladoraMassagem modeladora
Massagem modeladora
Amanda Hamaue
 
Massagem Desportiva
Massagem DesportivaMassagem Desportiva
Massagem Desportiva
Hugo Pedrosa
 
Curso reflexologia
Curso reflexologiaCurso reflexologia
Curso reflexologia
Paula Barroca
 
Apresentação de Terapia com Pedras Quentes
Apresentação de Terapia com Pedras QuentesApresentação de Terapia com Pedras Quentes
Apresentação de Terapia com Pedras Quentes
Gessilene Martins
 
Massagens de Pedras Quentes
Massagens de Pedras QuentesMassagens de Pedras Quentes
Massagens de Pedras Quentes
Gessilene Martins
 
Massagens
MassagensMassagens
Massagens
Adriana Alves
 
Portfólio formação Massagem Terapêutica e Desportiva
Portfólio formação Massagem Terapêutica e DesportivaPortfólio formação Massagem Terapêutica e Desportiva
Portfólio formação Massagem Terapêutica e Desportiva
Hugo Pedrosa
 
07p reflexologia
07p   reflexologia07p   reflexologia
07p reflexologia
Valentina Silva
 
Drenagem linfaticamanual teorica
Drenagem linfaticamanual teoricaDrenagem linfaticamanual teorica
Drenagem linfaticamanual teorica
Nathanael Amparo
 
Slide 1
Slide 1Slide 1
Slide 1
VisualBee.com
 
Drenagem linfatica
Drenagem linfaticaDrenagem linfatica
Drenagem linfatica
Mendonça Thiago
 
Reflexologia
ReflexologiaReflexologia
Reflexologia
Lina Sue
 
Hidroterapia introdução - aula 1
Hidroterapia   introdução - aula 1Hidroterapia   introdução - aula 1
Hidroterapia introdução - aula 1
Cleanto Santos Vieira
 
Tipos de massagem
Tipos de massagem Tipos de massagem
Tipos de massagem
amanda Bomfim
 
Laserterapia
LaserterapiaLaserterapia

Mais procurados (20)

Massoterapia
MassoterapiaMassoterapia
Massoterapia
 
Ventosaterapia
VentosaterapiaVentosaterapia
Ventosaterapia
 
A importância do toque
A importância do toque A importância do toque
A importância do toque
 
Pedras bambu e argila
Pedras bambu e argilaPedras bambu e argila
Pedras bambu e argila
 
Pontos gatilho
Pontos gatilhoPontos gatilho
Pontos gatilho
 
Massagem modeladora
Massagem modeladoraMassagem modeladora
Massagem modeladora
 
Massagem Desportiva
Massagem DesportivaMassagem Desportiva
Massagem Desportiva
 
Curso reflexologia
Curso reflexologiaCurso reflexologia
Curso reflexologia
 
Apresentação de Terapia com Pedras Quentes
Apresentação de Terapia com Pedras QuentesApresentação de Terapia com Pedras Quentes
Apresentação de Terapia com Pedras Quentes
 
Massagens de Pedras Quentes
Massagens de Pedras QuentesMassagens de Pedras Quentes
Massagens de Pedras Quentes
 
Massagens
MassagensMassagens
Massagens
 
Portfólio formação Massagem Terapêutica e Desportiva
Portfólio formação Massagem Terapêutica e DesportivaPortfólio formação Massagem Terapêutica e Desportiva
Portfólio formação Massagem Terapêutica e Desportiva
 
07p reflexologia
07p   reflexologia07p   reflexologia
07p reflexologia
 
Drenagem linfaticamanual teorica
Drenagem linfaticamanual teoricaDrenagem linfaticamanual teorica
Drenagem linfaticamanual teorica
 
Slide 1
Slide 1Slide 1
Slide 1
 
Drenagem linfatica
Drenagem linfaticaDrenagem linfatica
Drenagem linfatica
 
Reflexologia
ReflexologiaReflexologia
Reflexologia
 
Hidroterapia introdução - aula 1
Hidroterapia   introdução - aula 1Hidroterapia   introdução - aula 1
Hidroterapia introdução - aula 1
 
Tipos de massagem
Tipos de massagem Tipos de massagem
Tipos de massagem
 
Laserterapia
LaserterapiaLaserterapia
Laserterapia
 

Destaque

1.fundamentosde podologia
1.fundamentosde podologia1.fundamentosde podologia
1.fundamentosde podologia
Tscordeiro
 
Apresentação - Curso de Reflexologia
Apresentação - Curso de ReflexologiaApresentação - Curso de Reflexologia
Apresentação - Curso de Reflexologia
Hugo Pedrosa
 
Podologia, los desequilibrios del pie
Podologia, los desequilibrios del piePodologia, los desequilibrios del pie
Podologia, los desequilibrios del pie
unsam2012
 
Atlas podológico
Atlas podológicoAtlas podológico
Atlas podológico
Dione Jacomelli
 
Doenças das unhas
Doenças das unhasDoenças das unhas
Doenças das unhas
LuisaArti
 
Podologia e sua Importância
Podologia e sua ImportânciaPodologia e sua Importância
Podologia e sua Importância
Francisca Maria
 
Doenças q podemos pegar na manicure
 Doenças q podemos pegar na manicure Doenças q podemos pegar na manicure
Doenças q podemos pegar na manicure
Samanta Da Silva Gomes
 
CRASEF - Curso de Reflexologia
CRASEF - Curso de ReflexologiaCRASEF - Curso de Reflexologia
CRASEF - Curso de Reflexologia
Thaís Araújo
 
122091438 revistapodologia-com-022pt
122091438 revistapodologia-com-022pt122091438 revistapodologia-com-022pt
122091438 revistapodologia-com-022pt
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Podologia
PodologiaPodologia
Podologia
Ezequiel Salcedo
 
História da podologia
História da podologiaHistória da podologia
História da podologia
MARIA ELIZABETE DE LIMA MONTEIRO
 
Biomecânica e Cinesiologia Aplicados a Podologia
Biomecânica e Cinesiologia Aplicados a PodologiaBiomecânica e Cinesiologia Aplicados a Podologia
Biomecânica e Cinesiologia Aplicados a Podologia
Cíntia Luna
 
PODOLOGIA COSMÉTICA
PODOLOGIA COSMÉTICAPODOLOGIA COSMÉTICA
PODOLOGIA COSMÉTICA
MARIA ELIZABETE DE LIMA MONTEIRO
 
ELETROTERAPIA NA PODOLOGIA
ELETROTERAPIA NA PODOLOGIAELETROTERAPIA NA PODOLOGIA
ELETROTERAPIA NA PODOLOGIA
MARIA ELIZABETE DE LIMA MONTEIRO
 
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEALESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
MARIA ELIZABETE DE LIMA MONTEIRO
 
Biossegurança na Podologia
Biossegurança na PodologiaBiossegurança na Podologia
Biossegurança na Podologia
MARIA ELIZABETE DE LIMA MONTEIRO
 
Patología ungueal PATOLOGIA DE LA UÑA ONICOMICOSIS , TRATAMIENTO ONICOMICOSIS...
Patología ungueal PATOLOGIA DE LA UÑA ONICOMICOSIS , TRATAMIENTO ONICOMICOSIS...Patología ungueal PATOLOGIA DE LA UÑA ONICOMICOSIS , TRATAMIENTO ONICOMICOSIS...
Patología ungueal PATOLOGIA DE LA UÑA ONICOMICOSIS , TRATAMIENTO ONICOMICOSIS...
GERMANFERMIN Fermin Gamero
 
Aula biossegurança
Aula biossegurançaAula biossegurança
Aula biossegurança
Renatbar
 
Reflexologia Podal
Reflexologia PodalReflexologia Podal
Reflexologia Podal
Juan Carlos Fernandez
 

Destaque (20)

1.fundamentosde podologia
1.fundamentosde podologia1.fundamentosde podologia
1.fundamentosde podologia
 
Apresentação - Curso de Reflexologia
Apresentação - Curso de ReflexologiaApresentação - Curso de Reflexologia
Apresentação - Curso de Reflexologia
 
Podologia, los desequilibrios del pie
Podologia, los desequilibrios del piePodologia, los desequilibrios del pie
Podologia, los desequilibrios del pie
 
Reflexologia podal
Reflexologia podalReflexologia podal
Reflexologia podal
 
Atlas podológico
Atlas podológicoAtlas podológico
Atlas podológico
 
Doenças das unhas
Doenças das unhasDoenças das unhas
Doenças das unhas
 
Podologia e sua Importância
Podologia e sua ImportânciaPodologia e sua Importância
Podologia e sua Importância
 
Doenças q podemos pegar na manicure
 Doenças q podemos pegar na manicure Doenças q podemos pegar na manicure
Doenças q podemos pegar na manicure
 
CRASEF - Curso de Reflexologia
CRASEF - Curso de ReflexologiaCRASEF - Curso de Reflexologia
CRASEF - Curso de Reflexologia
 
122091438 revistapodologia-com-022pt
122091438 revistapodologia-com-022pt122091438 revistapodologia-com-022pt
122091438 revistapodologia-com-022pt
 
Podologia
PodologiaPodologia
Podologia
 
História da podologia
História da podologiaHistória da podologia
História da podologia
 
Biomecânica e Cinesiologia Aplicados a Podologia
Biomecânica e Cinesiologia Aplicados a PodologiaBiomecânica e Cinesiologia Aplicados a Podologia
Biomecânica e Cinesiologia Aplicados a Podologia
 
PODOLOGIA COSMÉTICA
PODOLOGIA COSMÉTICAPODOLOGIA COSMÉTICA
PODOLOGIA COSMÉTICA
 
ELETROTERAPIA NA PODOLOGIA
ELETROTERAPIA NA PODOLOGIAELETROTERAPIA NA PODOLOGIA
ELETROTERAPIA NA PODOLOGIA
 
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEALESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
ESTRUTURA DA LÂMINA UNGUEAL
 
Biossegurança na Podologia
Biossegurança na PodologiaBiossegurança na Podologia
Biossegurança na Podologia
 
Patología ungueal PATOLOGIA DE LA UÑA ONICOMICOSIS , TRATAMIENTO ONICOMICOSIS...
Patología ungueal PATOLOGIA DE LA UÑA ONICOMICOSIS , TRATAMIENTO ONICOMICOSIS...Patología ungueal PATOLOGIA DE LA UÑA ONICOMICOSIS , TRATAMIENTO ONICOMICOSIS...
Patología ungueal PATOLOGIA DE LA UÑA ONICOMICOSIS , TRATAMIENTO ONICOMICOSIS...
 
Aula biossegurança
Aula biossegurançaAula biossegurança
Aula biossegurança
 
Reflexologia Podal
Reflexologia PodalReflexologia Podal
Reflexologia Podal
 

Semelhante a Reflexologia Podal

86832236 guia-para-massagem-nos-pes
86832236 guia-para-massagem-nos-pes86832236 guia-para-massagem-nos-pes
86832236 guia-para-massagem-nos-pes
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
75007738 reflexologia
75007738 reflexologia75007738 reflexologia
75007738 reflexologia
75007738 reflexologia75007738 reflexologia
09p reflexologia
09p   reflexologia09p   reflexologia
09p reflexologia
Valentina Silva
 
Reflexologia
ReflexologiaReflexologia
Reflexologia
Marri Coñti
 
06p reflexologia
06p   reflexologia06p   reflexologia
06p reflexologia
Valentina Silva
 
Reflexologia e equilíbrio
Reflexologia e equilíbrioReflexologia e equilíbrio
Reflexologia e equilíbrio
Ieda Perez
 
Reflexologia
ReflexologiaReflexologia
Reflexologia
Daniela Santos
 
Reflexologia
ReflexologiaReflexologia
Reflexologia
PriscillaDaCrte
 
DO -IN 216680216 do-in-auto massagem
DO -IN 216680216 do-in-auto massagemDO -IN 216680216 do-in-auto massagem
DO -IN 216680216 do-in-auto massagem
Annalethycia Siqueira
 
08p reflexologia podal
08p   reflexologia podal08p   reflexologia podal
08p reflexologia podal
Valentina Silva
 
Auriculoterapia lar 02
Auriculoterapia lar   02Auriculoterapia lar   02
Terapia De Reflexo
Terapia De ReflexoTerapia De Reflexo
Terapia De Reflexo
Sandro Pedrol
 
Terapia de Reflexo (Reflexoterapia)
Terapia de Reflexo (Reflexoterapia)  Terapia de Reflexo (Reflexoterapia)
Terapia de Reflexo (Reflexoterapia)
Sandro Pedrol
 
04p reflexologia
04p   reflexologia04p   reflexologia
04p reflexologia
Valentina Silva
 
Curso de auriculoterapia k1
Curso de auriculoterapia k1Curso de auriculoterapia k1
Curso de auriculoterapia k1
kojji
 
Reflex1 sn resp
Reflex1 sn respReflex1 sn resp
Reflex1 sn resp
Abdul Jussub
 
Apostila-de reflexoterapia em PDF para alunos
Apostila-de reflexoterapia em PDF para alunosApostila-de reflexoterapia em PDF para alunos
Apostila-de reflexoterapia em PDF para alunos
bioinnovafitoterapia
 
Guia.pdf pontos reflexos
Guia.pdf pontos reflexosGuia.pdf pontos reflexos
Guia.pdf pontos reflexos
Mcgenny S
 
22036367 reflexologia-guia-pratico-nicola-hall-140106085043-phpapp02
22036367 reflexologia-guia-pratico-nicola-hall-140106085043-phpapp0222036367 reflexologia-guia-pratico-nicola-hall-140106085043-phpapp02
22036367 reflexologia-guia-pratico-nicola-hall-140106085043-phpapp02
Lucia Gaspar
 

Semelhante a Reflexologia Podal (20)

86832236 guia-para-massagem-nos-pes
86832236 guia-para-massagem-nos-pes86832236 guia-para-massagem-nos-pes
86832236 guia-para-massagem-nos-pes
 
75007738 reflexologia
75007738 reflexologia75007738 reflexologia
75007738 reflexologia
 
75007738 reflexologia
75007738 reflexologia75007738 reflexologia
75007738 reflexologia
 
09p reflexologia
09p   reflexologia09p   reflexologia
09p reflexologia
 
Reflexologia
ReflexologiaReflexologia
Reflexologia
 
06p reflexologia
06p   reflexologia06p   reflexologia
06p reflexologia
 
Reflexologia e equilíbrio
Reflexologia e equilíbrioReflexologia e equilíbrio
Reflexologia e equilíbrio
 
Reflexologia
ReflexologiaReflexologia
Reflexologia
 
Reflexologia
ReflexologiaReflexologia
Reflexologia
 
DO -IN 216680216 do-in-auto massagem
DO -IN 216680216 do-in-auto massagemDO -IN 216680216 do-in-auto massagem
DO -IN 216680216 do-in-auto massagem
 
08p reflexologia podal
08p   reflexologia podal08p   reflexologia podal
08p reflexologia podal
 
Auriculoterapia lar 02
Auriculoterapia lar   02Auriculoterapia lar   02
Auriculoterapia lar 02
 
Terapia De Reflexo
Terapia De ReflexoTerapia De Reflexo
Terapia De Reflexo
 
Terapia de Reflexo (Reflexoterapia)
Terapia de Reflexo (Reflexoterapia)  Terapia de Reflexo (Reflexoterapia)
Terapia de Reflexo (Reflexoterapia)
 
04p reflexologia
04p   reflexologia04p   reflexologia
04p reflexologia
 
Curso de auriculoterapia k1
Curso de auriculoterapia k1Curso de auriculoterapia k1
Curso de auriculoterapia k1
 
Reflex1 sn resp
Reflex1 sn respReflex1 sn resp
Reflex1 sn resp
 
Apostila-de reflexoterapia em PDF para alunos
Apostila-de reflexoterapia em PDF para alunosApostila-de reflexoterapia em PDF para alunos
Apostila-de reflexoterapia em PDF para alunos
 
Guia.pdf pontos reflexos
Guia.pdf pontos reflexosGuia.pdf pontos reflexos
Guia.pdf pontos reflexos
 
22036367 reflexologia-guia-pratico-nicola-hall-140106085043-phpapp02
22036367 reflexologia-guia-pratico-nicola-hall-140106085043-phpapp0222036367 reflexologia-guia-pratico-nicola-hall-140106085043-phpapp02
22036367 reflexologia-guia-pratico-nicola-hall-140106085043-phpapp02
 

Mais de Stephan Mazzaro

Massagem triatleta
Massagem triatletaMassagem triatleta
Massagem triatleta
Stephan Mazzaro
 
Meditação
MeditaçãoMeditação
Meditação
Stephan Mazzaro
 
Alongamento Terapêutico
Alongamento TerapêuticoAlongamento Terapêutico
Alongamento Terapêutico
Stephan Mazzaro
 
Jica - ACEMA 2013
Jica - ACEMA 2013Jica - ACEMA 2013
Jica - ACEMA 2013
Stephan Mazzaro
 
Shantala
Shantala Shantala
Shantala
Stephan Mazzaro
 
Quick Massagem
Quick MassagemQuick Massagem
Quick Massagem
Stephan Mazzaro
 
Shiatsu I
Shiatsu IShiatsu I
Shiatsu I
Stephan Mazzaro
 

Mais de Stephan Mazzaro (7)

Massagem triatleta
Massagem triatletaMassagem triatleta
Massagem triatleta
 
Meditação
MeditaçãoMeditação
Meditação
 
Alongamento Terapêutico
Alongamento TerapêuticoAlongamento Terapêutico
Alongamento Terapêutico
 
Jica - ACEMA 2013
Jica - ACEMA 2013Jica - ACEMA 2013
Jica - ACEMA 2013
 
Shantala
Shantala Shantala
Shantala
 
Quick Massagem
Quick MassagemQuick Massagem
Quick Massagem
 
Shiatsu I
Shiatsu IShiatsu I
Shiatsu I
 

Reflexologia Podal

  • 1. Reflexologia Podal Professor Stephan Mazzaro CENPA – Centro de Educação Profissional ÁGATA CNPJ – 05.571.232/0001-13 Rua Silva Jardim, 599 – 2º andar – centro – (: (44)3026-4059 CEP 87013-010 – Maringá PR e-mail: agataescola@agataescola.com.br home page: www.agataescola.com.br quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 2. O que é Reflexologia Podal? quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 3. História Uma antiga tumba escavada em Saqqara, datada de 2350 a.C, indica que os antigos egípcios conheciam um método de tratamento semelhante à reflexologia. Sabe-se que métodos similares também eram praticados na Índia e no Japão. Na China era utilizada em combinação com a acupuntura já no século IV a.C. Ao inserirem as agulhas de acupuntura, os médicos chineses aplicavam uma forte pressão nos pés com o propósito de aumentar o fluxo de energia (chi) através de canais que atravessam o corpo, chamados meridianos. A terapia foi introduzida no Ocidente durante a década de 1930, pela fisioterapeuta americana Eunice Ingham, que aperfeiçoou e adaptou o seu uso para o mundo moderno. quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 4. O que é Reflexologia Podal? A reflexologia baseia-se nos seguintes princípios: os pés contêm milhares de terminações nervosas e cada órgão, função ou parte do corpo tem seu ponto reflexo correspondente no pé. Aplicada sobre esses pontos reflexos, a reflexologia estimula através dos canais nervosos, a função do órgão ou parte do corpo que está tensa, bloqueada ou lesionada por um acidente, ferimento ou doença. A reflexologia acaba com qualquer tensão, ajuda o organismo a eliminar toxinas quando necessário, a aliviar significativamente a dor e a estimular o organismo a se recuperar. Além disso, a reflexologia é um meio auxiliar de relaxamento e uma ótima maneira de reduzir as tensões e pressões emocionais. quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 5. O principal objetivo do reflexologista é descobrir e manipular áreas sensíveis dos pés exercendo pressão alternada com o polegar, e as vezes com outros dedos, em todas as partes do pé. A pressão aplicada a um terminal nervoso constitui um estímulo, que funciona como agente ou fator capaz de suscitar uma reação nos tecidos e, mesmo, induzir uma mudança fisiológica. Em reflexologia, o estímulo por contato ou pressão desencadeia um impulso eletroquímico que altera os processos nervosos, transmitindo uma mensagem por meio das fibras nervosas. Os impulsos nervosos podem viajar a uma velocidade média de 435 km por hora, enquanto a eletricidade é tão rápida quanto a luz. Pode- se dizer que nosso corpo é, basicamente, uma usina eletroquímica em funcionamento dia e noite. O que é Reflexologia Podal? quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 6. Reações & Estímulos Se o corpo estiver com alguma inflamação, tensão ou bloqueio, os pontos reflexos correspondentes nos pés irão revelar-se sensíveis quando lhes for aplicada uma pressão. Os pés podem, portanto, indicar precisamente o estado de saúde da pessoa. O tratamento consiste em aplicar pressões profundas sobre os minúsculos pontos reflexos, sobretudo com o polegar, em movimentos de arrastamento para frente. Quando os devidos pontos são estimulados, o fluxo de energia é restaurado e o corpo volta ao seu equilíbrio. Também fazem parte das sessões de tratamento técnicas de relaxamento. A sensibilidade nos pontos reflexos pode sinalizar a existência de um ponto fraco no organismo. Se o desequilíbrio é tratado precocemente com a reflexologia, ele pode ser corrigido e, portanto, a doença evitada. A reflexologia pode também revelar ferimentos passados, uma vez que qualquer tecido de cicatriz remanescente pode provocar sensibilidade nas áreas reflexas. quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 7. Mapas dos Pés Os pés refletem realmente o corpo humano: o pé direito corresponde ao lado direito; e o pé esquerdo ao lado esquerdo do corpo. Os dedos representam as áreas da cabeça, do nariz, dos olhos e ouvidos. Abaixo dos dedos, encontram-se as áreas reflexas relacionadas com o sistema digestivo e os intestinos, bem como os sistemas urinário e reprodutor. Os pontos reflexos nos pés seguem a mesma ordem das partes do corpo: assim, as partes da frente dos pés têm relação com a parte superior do corpo e as partes de trás dos pés estão relacionadas com as funções orgânicas e áreas abaixo da cintura. As laterais internas dos pés – a linha interna que vai do calcanhar até o dedão – estão relacionadas com a coluna vertebral e o sistema nervoso central. Assim que o corpo começa a se curar e os sintomas são aliviados, os pontos reflexos nos pés tornam-se menos sensíveis. A diminuição ou total desaparecimento da sensibilidade é um sinal seguro de que o corpo está se curando e a pessoa tratada está se recuperando. Ela vai sentir uma melhora na sua saúde e a recuperação de sua vitalidade. A maioria das pessoas também constata que dorme melhor após uma sessão de tratamento de reflexologia quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 8. Objetivos da Reflexologia A reflexologia é muito mais que pressionar da maneira certa o lugar certo. O profissional precisa ter bom senso e o que em geral se consegue com a experiência e critério. É preciso saber o que se pode e o que não se pode conseguir, bem como estar em condições de responder a qualquer pergunta do cliente. Primeiro, é preciso ter em mente certas coisas que se podem e não podem fazer. Seja sempre realista quanto ao que espera alcançar; nunca prometa curas nem tente diagnosticar condições clínicas. quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 9. Não Prometa Curas Declarar-se capaz de “curar” seja lá o que for é uma promessa um tanto quanto arrojada. O objetivo do profissional da reflexologia é aliviar a dor, melhorar as funções orgânicas e ajudar o corpo a eliminar com mais eficiência seus resíduos, sobretudo por intermédio do fígado. “Curar” significa, na verdade, restituir um corpo permanentemente a sua condição quase ideal. Mas isso nenhum tratamento, alternativo ou não, pode oferecer. quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 10. Não diagnostique Não prescreva A reflexologia não tem condições de diagnosticar doenças internas. No entanto, o reflexologista pode descobrir que determinada parte do pé mostra sensibilidade, a qual, por sua vez, indica a presença de congestão, inflamação e tensão na parte correspondente do corpo. Com freqüência, tratando as áreas sensíveis, consegue combater a inflamação, remover a tensão e melhorar bastante o funcionamento do sistema comprometido. Quando se detecta uma sensibilidade no pé, é absolutamente errado tirar daí conclusões quanto ao que ela porventura indica. Por exemplo, se os pontos reflexos do fígado revelam grande sensibilidade, não presuma de imediato que a pessoa esta sofrendo de uma moléstia daquele órgão. Isso já é diagnosticar, pior se daí você já extrapola para: “Acho que ela esta com hepatite ou cirrose do fígado”. Uma sensibilidade no reflexo do fígado pode derivar de muitos fatores, como consumo excessivo de álcool ou comidas gordurosas (entre outras coisas, é tarefa do fígado processar o álcool e a gordura). quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 11. ! quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 12. ! quinta-feira, 19 de setembro de 13
  • 13. quinta-feira, 19 de setembro de 13