SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
PROFUNCIONÁRIO Curso Técnico de Formação para os Funcionários da Educação    Memorial – 1º módulo
Ao término dessa 1ª apostila pude perceber a importância do profuncionário. Muita coisa que li na apostila é realmente o que acontece. Quando prestamos um concurso público ou quando somos contratados a prestar serviço em uma escola, não é exigido formação técnica nenhuma para exercermos esta profissão, aprendemos com a prática e com tempo, daí a importância do profuncionário que visa a construção da identidade profissional de quatro funcionários de escola com formação em nível médio.
Essa 1ª apostila deixa claro e evidente as mudanças da educação ao longo do tempo. Hoje, no Brasil, a sociedade como um todo educa pela mídia, pelas leis, pelas igrejas, pelas instituições familiares. É a educação informal, não sistematizada. A educação formal cabe as escolas. Daí a importância de funcionários profissionalizados. Pois não somos apenas funcionários de uma escola, somos educadores e para tal quanto mais conhecimento agregado melhor desempenharemos nossas funções.
Até que ponto funcionários de escola são educadores? Para começar somos  educadores natos, pois somos membros da sociedade humana, somos também pais e mães e como tal educamos nossos filhos e coordenamos a educação da nossa família. Ou seja não temos como escapar do nosso papel de educador. E somos educadores escolares? Sim, pois pertencemos ao corpo de trabalhadores da escola que são as agências formais de educação.
Ser educador escolar implica competências mais complexas do que simplesmente sorrir no atendimento aos pais e alunos e ser sensível aos problemas das crianças e dos adolescentes. Aos professores compete o papel de garantir a aprendizagem dos alunos, por meio das atividades de ensino. Aos que trabalham nas secretárias, que é o meu caso, compete à educação para a gestão democrática, para a responsabilidade cidadã .
Li na apostila e achei muito interessante o trecho que diz que: “... as escolas dos bairros centrais, da classe média, tem mais qualidade que as das periferias ou da zona rural...”. Assumi meu cargo como auxiliar de secretaria em abril deste ano e trabalhei por dois meses em uma escola centralizada, em junho do mesmo ano, pedi transferência para outra escola mais afastada do centro, por ser mais próxima da minha casa. Pude notar diferenças entre as mesmas, as mesmas diferenças que são citadas na apostila.
A modalidade de educação à distância no qual o pro funcionário se enquadra, é uma opção de curso viável, para quem não tem condições, por causa da família ou do próprio horário de trabalho da fazer um curso presencial normal. Como a maior parte dos estudos é feita em casa, o aluno pode montar seu horário de estudo de acordo com as suas necessidades. E sim,  é possível se profissionalizar através do profuncionário, achei essa 1ª apostila muito interessante. Muita coisa que li é realmente  o que acontece.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Biografia do professor
Biografia do professorBiografia do professor
Biografia do professorJeca Tatu
 
Reunião com equipe_gestora_emei
Reunião com equipe_gestora_emeiReunião com equipe_gestora_emei
Reunião com equipe_gestora_emeiRosemary Batista
 
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira CamargosProjeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira CamargosPaula Tannus
 
Arroyo, miguel g. oficio de mestre
Arroyo, miguel g.  oficio de mestreArroyo, miguel g.  oficio de mestre
Arroyo, miguel g. oficio de mestremarcaocampos
 
Função so Supervisor Educacional
Função so Supervisor EducacionalFunção so Supervisor Educacional
Função so Supervisor EducacionalTrasimaco2008
 
Guia para professor de NEE
Guia para professor de NEEGuia para professor de NEE
Guia para professor de NEEMaria « Andrade
 
Modelo de Apresentação do Seminário
Modelo de Apresentação do SeminárioModelo de Apresentação do Seminário
Modelo de Apresentação do SeminárioMarcelle Pires
 
Projeto de Intervenção
Projeto de IntervençãoProjeto de Intervenção
Projeto de Intervençãomoniquests
 
CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002.
CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002. CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002.
CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002. Soares Junior
 
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdf
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdfPLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdf
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdfArlenoFavacho2
 
Modelo relatorio estagio unopar
Modelo relatorio estagio unoparModelo relatorio estagio unopar
Modelo relatorio estagio unoparRogerio Sena
 
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADEPPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADEQUEDMA SILVA
 
Pratica Profissional Supervisionada
Pratica Profissional SupervisionadaPratica Profissional Supervisionada
Pratica Profissional SupervisionadaMadalena10
 
Relatorio estagio educação infantil
Relatorio estagio educação infantil Relatorio estagio educação infantil
Relatorio estagio educação infantil filicianunes
 
Relatório de estágio i
Relatório de estágio iRelatório de estágio i
Relatório de estágio iMarcio Cunha
 
Adaptações curriculares
Adaptações curricularesAdaptações curriculares
Adaptações curricularesElisete Nunes
 
Relato memorial sobre a minha educação
Relato memorial sobre a minha educaçãoRelato memorial sobre a minha educação
Relato memorial sobre a minha educaçãoCélia Tavares
 

Mais procurados (20)

Biografia do professor
Biografia do professorBiografia do professor
Biografia do professor
 
Reunião com equipe_gestora_emei
Reunião com equipe_gestora_emeiReunião com equipe_gestora_emei
Reunião com equipe_gestora_emei
 
Relatório de Regências Ensino Fundamental
Relatório de Regências Ensino Fundamental Relatório de Regências Ensino Fundamental
Relatório de Regências Ensino Fundamental
 
Estagio regencia de sala
Estagio regencia de salaEstagio regencia de sala
Estagio regencia de sala
 
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira CamargosProjeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
Projeto Político Pedagógico da Escola Municipal Joaquim Teixeira Camargos
 
Arroyo, miguel g. oficio de mestre
Arroyo, miguel g.  oficio de mestreArroyo, miguel g.  oficio de mestre
Arroyo, miguel g. oficio de mestre
 
Função so Supervisor Educacional
Função so Supervisor EducacionalFunção so Supervisor Educacional
Função so Supervisor Educacional
 
Guia para professor de NEE
Guia para professor de NEEGuia para professor de NEE
Guia para professor de NEE
 
Modelo de Apresentação do Seminário
Modelo de Apresentação do SeminárioModelo de Apresentação do Seminário
Modelo de Apresentação do Seminário
 
Projeto de Intervenção
Projeto de IntervençãoProjeto de Intervenção
Projeto de Intervenção
 
CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002.
CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002. CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002.
CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002.
 
Ata de capacitação
Ata de capacitaçãoAta de capacitação
Ata de capacitação
 
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdf
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdfPLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdf
PLANO DE ESTAGIO LICENCIATURAS.pdf
 
Modelo relatorio estagio unopar
Modelo relatorio estagio unoparModelo relatorio estagio unopar
Modelo relatorio estagio unopar
 
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADEPPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
PPP - SLIDES DE APRESENTAÇÃO PARA A COMUNIDADE
 
Pratica Profissional Supervisionada
Pratica Profissional SupervisionadaPratica Profissional Supervisionada
Pratica Profissional Supervisionada
 
Relatorio estagio educação infantil
Relatorio estagio educação infantil Relatorio estagio educação infantil
Relatorio estagio educação infantil
 
Relatório de estágio i
Relatório de estágio iRelatório de estágio i
Relatório de estágio i
 
Adaptações curriculares
Adaptações curricularesAdaptações curriculares
Adaptações curriculares
 
Relato memorial sobre a minha educação
Relato memorial sobre a minha educaçãoRelato memorial sobre a minha educação
Relato memorial sobre a minha educação
 

Semelhante a Profuncionário formação técnica funcionários educação

Portfolio simone
Portfolio simonePortfolio simone
Portfolio simoneCarol Costa
 
Apresentação lisliê
Apresentação lisliêApresentação lisliê
Apresentação lisliêlislieribeiro
 
Livro 1 vitório
Livro 1 vitórioLivro 1 vitório
Livro 1 vitóriovitorioluiz
 
Técnicas de redação e arquivo
Técnicas de redação e arquivoTécnicas de redação e arquivo
Técnicas de redação e arquivoCristiano Lima
 
As+emoções+como+elementos+facilitadores+da+aprendizagem
As+emoções+como+elementos+facilitadores+da+aprendizagemAs+emoções+como+elementos+facilitadores+da+aprendizagem
As+emoções+como+elementos+facilitadores+da+aprendizagempedagogia para licenciados
 
A funcao social da escola - síntese
A funcao social da escola - sínteseA funcao social da escola - síntese
A funcao social da escola - sínteseJohnny Ribeiro
 
A Educação Infantil levado a serio
A Educação Infantil levado a serioA Educação Infantil levado a serio
A Educação Infantil levado a serioEduardo Lopes
 
Tcc lendo e compreendendo textos de elisângela terra
Tcc lendo e compreendendo textos de elisângela terraTcc lendo e compreendendo textos de elisângela terra
Tcc lendo e compreendendo textos de elisângela terraElisangela Terra
 
Universidade virtual do estado de são paulo
Universidade virtual do estado de são pauloUniversidade virtual do estado de são paulo
Universidade virtual do estado de são pauloBelmeri Cagnoni Silva
 
heraldo relação educação trabalho
heraldo relação educação trabalhoheraldo relação educação trabalho
heraldo relação educação trabalhoGabriela Souza
 
Dificuldades no processo de ensino aprendizagem da eitura e escrita
Dificuldades no processo de ensino aprendizagem da eitura e escritaDificuldades no processo de ensino aprendizagem da eitura e escrita
Dificuldades no processo de ensino aprendizagem da eitura e escritasilveirio95
 
PPP 2018 CIEJA Vila Maria
PPP 2018 CIEJA Vila MariaPPP 2018 CIEJA Vila Maria
PPP 2018 CIEJA Vila Mariaciejavilamaria
 
Relatório de Estágio de Prática Docente II - Séries Iniciais
Relatório de Estágio de Prática Docente II - Séries IniciaisRelatório de Estágio de Prática Docente II - Séries Iniciais
Relatório de Estágio de Prática Docente II - Séries Iniciaispedagogianh
 
Atps 2015 betta organizaçao
Atps 2015 betta organizaçaoAtps 2015 betta organizaçao
Atps 2015 betta organizaçaoRoberta Almeida
 
Uma Reflexão a Realidade da Educação de Jovens e Adultos em Bom Jardim MA
Uma Reflexão a Realidade da Educação de Jovens e Adultos em Bom Jardim MAUma Reflexão a Realidade da Educação de Jovens e Adultos em Bom Jardim MA
Uma Reflexão a Realidade da Educação de Jovens e Adultos em Bom Jardim MAAdilson P Motta Motta
 

Semelhante a Profuncionário formação técnica funcionários educação (20)

Portfolio simone
Portfolio simonePortfolio simone
Portfolio simone
 
Portifolio
PortifolioPortifolio
Portifolio
 
Apresentação lisliê
Apresentação lisliêApresentação lisliê
Apresentação lisliê
 
Livro 1 vitório
Livro 1 vitórioLivro 1 vitório
Livro 1 vitório
 
Técnicas de redação e arquivo
Técnicas de redação e arquivoTécnicas de redação e arquivo
Técnicas de redação e arquivo
 
As+emoções+como+elementos+facilitadores+da+aprendizagem
As+emoções+como+elementos+facilitadores+da+aprendizagemAs+emoções+como+elementos+facilitadores+da+aprendizagem
As+emoções+como+elementos+facilitadores+da+aprendizagem
 
A funcao social da escola - síntese
A funcao social da escola - sínteseA funcao social da escola - síntese
A funcao social da escola - síntese
 
A Educação Infantil levado a serio
A Educação Infantil levado a serioA Educação Infantil levado a serio
A Educação Infantil levado a serio
 
Tcc lendo e compreendendo textos de elisângela terra
Tcc lendo e compreendendo textos de elisângela terraTcc lendo e compreendendo textos de elisângela terra
Tcc lendo e compreendendo textos de elisângela terra
 
Universidade virtual do estado de são paulo
Universidade virtual do estado de são pauloUniversidade virtual do estado de são paulo
Universidade virtual do estado de são paulo
 
Projeto 2015
Projeto 2015Projeto 2015
Projeto 2015
 
Projeto 2015
Projeto 2015Projeto 2015
Projeto 2015
 
11gesdem
11gesdem11gesdem
11gesdem
 
heraldo relação educação trabalho
heraldo relação educação trabalhoheraldo relação educação trabalho
heraldo relação educação trabalho
 
Dificuldades no processo de ensino aprendizagem da eitura e escrita
Dificuldades no processo de ensino aprendizagem da eitura e escritaDificuldades no processo de ensino aprendizagem da eitura e escrita
Dificuldades no processo de ensino aprendizagem da eitura e escrita
 
10 trab esc_teo_ad
10 trab esc_teo_ad10 trab esc_teo_ad
10 trab esc_teo_ad
 
PPP 2018 CIEJA Vila Maria
PPP 2018 CIEJA Vila MariaPPP 2018 CIEJA Vila Maria
PPP 2018 CIEJA Vila Maria
 
Relatório de Estágio de Prática Docente II - Séries Iniciais
Relatório de Estágio de Prática Docente II - Séries IniciaisRelatório de Estágio de Prática Docente II - Séries Iniciais
Relatório de Estágio de Prática Docente II - Séries Iniciais
 
Atps 2015 betta organizaçao
Atps 2015 betta organizaçaoAtps 2015 betta organizaçao
Atps 2015 betta organizaçao
 
Uma Reflexão a Realidade da Educação de Jovens e Adultos em Bom Jardim MA
Uma Reflexão a Realidade da Educação de Jovens e Adultos em Bom Jardim MAUma Reflexão a Realidade da Educação de Jovens e Adultos em Bom Jardim MA
Uma Reflexão a Realidade da Educação de Jovens e Adultos em Bom Jardim MA
 

Mais de marcilene1311

Mais de marcilene1311 (20)

Apresentacao internet andre
Apresentacao internet   andreApresentacao internet   andre
Apresentacao internet andre
 
Apresentacao internet
Apresentacao internetApresentacao internet
Apresentacao internet
 
Escola monte moriá
Escola monte moriáEscola monte moriá
Escola monte moriá
 
Agenda
Agenda Agenda
Agenda
 
Apresentação do modulo de gestão e alimentaçao
Apresentação do modulo de gestão e alimentaçaoApresentação do modulo de gestão e alimentaçao
Apresentação do modulo de gestão e alimentaçao
 
Agenda
Agenda Agenda
Agenda
 
Uma antiga lenda
Uma antiga lendaUma antiga lenda
Uma antiga lenda
 
Agenda
Agenda Agenda
Agenda
 
Módulo 12
Módulo 12Módulo 12
Módulo 12
 
O carvalho e o eucalipto
O carvalho e o eucaliptoO carvalho e o eucalipto
O carvalho e o eucalipto
 
Agenda
AgendaAgenda
Agenda
 
Agenda 2
Agenda 2Agenda 2
Agenda 2
 
Agenda 2
Agenda 2Agenda 2
Agenda 2
 
Agenda 2
Agenda 2Agenda 2
Agenda 2
 
Agenda 2
Agenda 2Agenda 2
Agenda 2
 
Agenda 2
Agenda 2Agenda 2
Agenda 2
 
Agenda 2
Agenda 2Agenda 2
Agenda 2
 
A bolacha teste
A bolacha testeA bolacha teste
A bolacha teste
 
Alimentação [modo de compatibilidade]
Alimentação [modo de compatibilidade]Alimentação [modo de compatibilidade]
Alimentação [modo de compatibilidade]
 
Perfil alimentação, gestao e meio ambiente [modo de compatibilidade]
Perfil   alimentação, gestao e meio ambiente [modo de compatibilidade]Perfil   alimentação, gestao e meio ambiente [modo de compatibilidade]
Perfil alimentação, gestao e meio ambiente [modo de compatibilidade]
 

Profuncionário formação técnica funcionários educação

  • 1. PROFUNCIONÁRIO Curso Técnico de Formação para os Funcionários da Educação    Memorial – 1º módulo
  • 2. Ao término dessa 1ª apostila pude perceber a importância do profuncionário. Muita coisa que li na apostila é realmente o que acontece. Quando prestamos um concurso público ou quando somos contratados a prestar serviço em uma escola, não é exigido formação técnica nenhuma para exercermos esta profissão, aprendemos com a prática e com tempo, daí a importância do profuncionário que visa a construção da identidade profissional de quatro funcionários de escola com formação em nível médio.
  • 3. Essa 1ª apostila deixa claro e evidente as mudanças da educação ao longo do tempo. Hoje, no Brasil, a sociedade como um todo educa pela mídia, pelas leis, pelas igrejas, pelas instituições familiares. É a educação informal, não sistematizada. A educação formal cabe as escolas. Daí a importância de funcionários profissionalizados. Pois não somos apenas funcionários de uma escola, somos educadores e para tal quanto mais conhecimento agregado melhor desempenharemos nossas funções.
  • 4. Até que ponto funcionários de escola são educadores? Para começar somos educadores natos, pois somos membros da sociedade humana, somos também pais e mães e como tal educamos nossos filhos e coordenamos a educação da nossa família. Ou seja não temos como escapar do nosso papel de educador. E somos educadores escolares? Sim, pois pertencemos ao corpo de trabalhadores da escola que são as agências formais de educação.
  • 5. Ser educador escolar implica competências mais complexas do que simplesmente sorrir no atendimento aos pais e alunos e ser sensível aos problemas das crianças e dos adolescentes. Aos professores compete o papel de garantir a aprendizagem dos alunos, por meio das atividades de ensino. Aos que trabalham nas secretárias, que é o meu caso, compete à educação para a gestão democrática, para a responsabilidade cidadã .
  • 6. Li na apostila e achei muito interessante o trecho que diz que: “... as escolas dos bairros centrais, da classe média, tem mais qualidade que as das periferias ou da zona rural...”. Assumi meu cargo como auxiliar de secretaria em abril deste ano e trabalhei por dois meses em uma escola centralizada, em junho do mesmo ano, pedi transferência para outra escola mais afastada do centro, por ser mais próxima da minha casa. Pude notar diferenças entre as mesmas, as mesmas diferenças que são citadas na apostila.
  • 7. A modalidade de educação à distância no qual o pro funcionário se enquadra, é uma opção de curso viável, para quem não tem condições, por causa da família ou do próprio horário de trabalho da fazer um curso presencial normal. Como a maior parte dos estudos é feita em casa, o aluno pode montar seu horário de estudo de acordo com as suas necessidades. E sim, é possível se profissionalizar através do profuncionário, achei essa 1ª apostila muito interessante. Muita coisa que li é realmente o que acontece.