SlideShare uma empresa Scribd logo
PINTURA NAIF
“A pintura 'naif’ é natural, livre, pura… nascente, natural, espontâneae primitiva "A pintura mais directa, mais sincera e a menos encravada pelas convenções." Anatole Jakovsky
Henri Rousseau, francês, foi o primeiro "naif" moderno a ser exposto e valorizado 21 de Maio1844 2 de Setembro de 1910
BIOGRAFIA Começou a pintar com mais de quarenta anos. A sua obra foi, de início, objecto de manifestação de pouco apreço ou mesmo de repúdio, devido ao estilo infantil e ingénuo.  O fascínio pela natureza e a fértil imaginação inspiraram-no na pintura de florestas exuberantes e cenas fantásticas como O Lobo Faminto (1904), A Cigana Adormecida (1905), A Encantadora de Serpentes e O Sonho (1910).
O SONHO, 1910
ARTISTAS CONTEMPORÂNEOS Heitor dos Prazeres - (1898-1966) Paulo Pedro Leal - (1894-1968)
Paulina LaksEizirik - (1921- )
Madeleine Colaço - (1907- )
Vamos voltar ao nosso primeira artista moderno reconhecido, ainda se lembram  do deu nome? E da sua nacionalidade? Um dia ele deu um dos seus quadros originais ao seu neto e disse: “Guarda isto, um dia ele valerá cem mil francos”. Ele estava certo.
ACTIVIDADE Vamos criar uma selva, um dos temas que Rousseau mais gostava. MATERIAIS: ,[object Object]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Salvador Dali
Salvador DaliSalvador Dali
Salvador Dali
hcaslides
 
Picasso
PicassoPicasso
Picasso
monteirorafa
 
Gustave Courbet
Gustave CourbetGustave Courbet
Gustave Courbet
complementoindirecto
 
Pablo Picasso
Pablo PicassoPablo Picasso
Pablo Picasso
Agostinho.Gouveia
 
Picasso..
Picasso..Picasso..
Picasso..
Claudia Machado
 
Pablo Picasso- Vida e Obra
Pablo Picasso- Vida e ObraPablo Picasso- Vida e Obra
Pablo Picasso- Vida e Obra
Maicon Lima
 
História da arte
História da arteHistória da arte
História da arte
Helena Serrão
 
Picasso
PicassoPicasso
Picasso
BiaEsteves
 
COR
CORCOR
Pablo Picasso
Pablo PicassoPablo Picasso
Pablo Picasso
hcaslides
 
Picasso cubismo
Picasso   cubismoPicasso   cubismo
Picasso cubismo
Thereza Valente
 
Pablo Picasso
Pablo PicassoPablo Picasso
Pablo Picasso
Agostinho NSilva
 
A arte do século XIX
A arte do século XIXA arte do século XIX
A arte do século XIX
becresforte
 
Pablo picasso
Pablo picassoPablo picasso
Pablo picasso
Iasmin Silva
 
Posimpressionismo.2 novo
Posimpressionismo.2 novoPosimpressionismo.2 novo
Posimpressionismo.2 novo
CLEBER LUIS DAMACENO
 
A arte de pablo picasso
A arte de pablo picassoA arte de pablo picasso
A arte de pablo picasso
Marcos Luis Christo
 
Trabalho de Português - Pablo Picasso e Matisse
Trabalho de Português - Pablo Picasso e MatisseTrabalho de Português - Pablo Picasso e Matisse
Trabalho de Português - Pablo Picasso e Matisse
Kim Evy
 
Artistas modernistas
Artistas modernistasArtistas modernistas
Artistas modernistas
Goreti Santos
 
Surrealismo e ilusão de ótica
Surrealismo e ilusão de ótica Surrealismo e ilusão de ótica
Surrealismo e ilusão de ótica
cafumilena
 
Arte naïf (1)
Arte naïf (1)Arte naïf (1)
Arte naïf (1)
Agostinho.Gouveia
 

Mais procurados (20)

Salvador Dali
Salvador DaliSalvador Dali
Salvador Dali
 
Picasso
PicassoPicasso
Picasso
 
Gustave Courbet
Gustave CourbetGustave Courbet
Gustave Courbet
 
Pablo Picasso
Pablo PicassoPablo Picasso
Pablo Picasso
 
Picasso..
Picasso..Picasso..
Picasso..
 
Pablo Picasso- Vida e Obra
Pablo Picasso- Vida e ObraPablo Picasso- Vida e Obra
Pablo Picasso- Vida e Obra
 
História da arte
História da arteHistória da arte
História da arte
 
Picasso
PicassoPicasso
Picasso
 
COR
CORCOR
COR
 
Pablo Picasso
Pablo PicassoPablo Picasso
Pablo Picasso
 
Picasso cubismo
Picasso   cubismoPicasso   cubismo
Picasso cubismo
 
Pablo Picasso
Pablo PicassoPablo Picasso
Pablo Picasso
 
A arte do século XIX
A arte do século XIXA arte do século XIX
A arte do século XIX
 
Pablo picasso
Pablo picassoPablo picasso
Pablo picasso
 
Posimpressionismo.2 novo
Posimpressionismo.2 novoPosimpressionismo.2 novo
Posimpressionismo.2 novo
 
A arte de pablo picasso
A arte de pablo picassoA arte de pablo picasso
A arte de pablo picasso
 
Trabalho de Português - Pablo Picasso e Matisse
Trabalho de Português - Pablo Picasso e MatisseTrabalho de Português - Pablo Picasso e Matisse
Trabalho de Português - Pablo Picasso e Matisse
 
Artistas modernistas
Artistas modernistasArtistas modernistas
Artistas modernistas
 
Surrealismo e ilusão de ótica
Surrealismo e ilusão de ótica Surrealismo e ilusão de ótica
Surrealismo e ilusão de ótica
 
Arte naïf (1)
Arte naïf (1)Arte naïf (1)
Arte naïf (1)
 

Destaque

Arte naif
Arte naifArte naif
Naif
NaifNaif
O que é arte naif
O que é arte naifO que é arte naif
O que é arte naif
Alvaro Nassaralla
 
Pintura naif para admirar
Pintura naif para admirarPintura naif para admirar
Pintura naif para admirar
gogloba
 
Arte Naif
Arte NaifArte Naif
Arte Naif
princesamamen
 
Festa Junina
Festa JuninaFesta Junina
Festa Junina
Ana Lucia
 
Arte naïf definitivo
Arte naïf definitivoArte naïf definitivo
Arte naïf definitivo
gregar21
 
Arte Naïf
Arte NaïfArte Naïf
Arte Naïf
Suzy Nobre
 
Arte Naïf
Arte NaïfArte Naïf
Arte Naïf
David Numeritos
 
Catalogo cuadros
Catalogo cuadrosCatalogo cuadros
Catalogo cuadros
Ana Sanchez Marin
 
Recetas creativas de carnaval
Recetas creativas de carnavalRecetas creativas de carnaval
Recetas creativas de carnaval
Centro Comercial Arousa
 
Mis – recetas
Mis – recetasMis – recetas
Mis – recetas
lalisguzman
 
Recetas de cocina blog
Recetas de cocina blogRecetas de cocina blog
Recetas de cocina blog
natividadsevillacastillo
 
Recetas de cocina
Recetas de cocinaRecetas de cocina
Sin excusas!vida saludable
Sin excusas!vida saludable Sin excusas!vida saludable
Sin excusas!vida saludable
Lsofi26
 
Arte naif
Arte naifArte naif
Consigue las mejores recetas de cocina
Consigue las mejores recetas de cocinaConsigue las mejores recetas de cocina
Consigue las mejores recetas de cocina
Receteando Recetas de Vida
 
Recetas Cocina Andalucía
Recetas Cocina AndalucíaRecetas Cocina Andalucía
Recetas Cocina Andalucía
Centro Comercial Arousa
 
Quiz chakkakuru
Quiz chakkakuruQuiz chakkakuru
Quiz chakkakuru
Freelancers Union
 
Catalogo Exposición Valladolid 2013
Catalogo Exposición Valladolid 2013Catalogo Exposición Valladolid 2013
Catalogo Exposición Valladolid 2013
Ana Sanchez Marin
 

Destaque (20)

Arte naif
Arte naifArte naif
Arte naif
 
Naif
NaifNaif
Naif
 
O que é arte naif
O que é arte naifO que é arte naif
O que é arte naif
 
Pintura naif para admirar
Pintura naif para admirarPintura naif para admirar
Pintura naif para admirar
 
Arte Naif
Arte NaifArte Naif
Arte Naif
 
Festa Junina
Festa JuninaFesta Junina
Festa Junina
 
Arte naïf definitivo
Arte naïf definitivoArte naïf definitivo
Arte naïf definitivo
 
Arte Naïf
Arte NaïfArte Naïf
Arte Naïf
 
Arte Naïf
Arte NaïfArte Naïf
Arte Naïf
 
Catalogo cuadros
Catalogo cuadrosCatalogo cuadros
Catalogo cuadros
 
Recetas creativas de carnaval
Recetas creativas de carnavalRecetas creativas de carnaval
Recetas creativas de carnaval
 
Mis – recetas
Mis – recetasMis – recetas
Mis – recetas
 
Recetas de cocina blog
Recetas de cocina blogRecetas de cocina blog
Recetas de cocina blog
 
Recetas de cocina
Recetas de cocinaRecetas de cocina
Recetas de cocina
 
Sin excusas!vida saludable
Sin excusas!vida saludable Sin excusas!vida saludable
Sin excusas!vida saludable
 
Arte naif
Arte naifArte naif
Arte naif
 
Consigue las mejores recetas de cocina
Consigue las mejores recetas de cocinaConsigue las mejores recetas de cocina
Consigue las mejores recetas de cocina
 
Recetas Cocina Andalucía
Recetas Cocina AndalucíaRecetas Cocina Andalucía
Recetas Cocina Andalucía
 
Quiz chakkakuru
Quiz chakkakuruQuiz chakkakuru
Quiz chakkakuru
 
Catalogo Exposición Valladolid 2013
Catalogo Exposición Valladolid 2013Catalogo Exposición Valladolid 2013
Catalogo Exposición Valladolid 2013
 

Semelhante a Pintura Naif

A arte de naif
A arte de naifA arte de naif
A arte de naif
JNR
 
A arte-naifpps
A arte-naifppsA arte-naifpps
A arte-naifpps
Militão Dos Santos
 
HCA grupo A
HCA   grupo AHCA   grupo A
HCA grupo A
becresforte
 
Aula: Modernismo
Aula: ModernismoAula: Modernismo
Aula: Modernismo
Léo Rossetti
 
Arte Naïf
Arte NaïfArte Naïf
Arte Naïf
BiaEsteves
 
A cultura no espaço visual
A cultura no espaço visualA cultura no espaço visual
A cultura no espaço visual
Rita Lampreia
 
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 20122c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
www.historiadasartes.com
 
Apresentação de História da Arte - G5 - Fovismo, Cubismo e Abstracionismo
Apresentação de História da Arte - G5 - Fovismo, Cubismo e AbstracionismoApresentação de História da Arte - G5 - Fovismo, Cubismo e Abstracionismo
Apresentação de História da Arte - G5 - Fovismo, Cubismo e Abstracionismo
Gabriel Ferraciolli
 
Dada E Surrealismo
Dada E SurrealismoDada E Surrealismo
Dada E Surrealismo
Carol Aires
 
Picasso
Picasso Picasso
Picasso
Lavennder M
 
Picasso
PicassoPicasso
Caderno picasso ccbb_2015
Caderno picasso ccbb_2015Caderno picasso ccbb_2015
Caderno picasso ccbb_2015
Daniele Alves
 
Picasso
PicassoPicasso
Gustave Courbet
Gustave CourbetGustave Courbet
Gustave Courbet
hcaslides
 
Arte Naif ensino fundamental 2 e médio.pptx
Arte Naif ensino fundamental 2 e médio.pptxArte Naif ensino fundamental 2 e médio.pptx
Arte Naif ensino fundamental 2 e médio.pptx
GRASIELARETZLAFF2
 
Surrealismo 1194825845949535-3 (1)
Surrealismo 1194825845949535-3 (1)Surrealismo 1194825845949535-3 (1)
Surrealismo 1194825845949535-3 (1)
WHANESSA
 
Fauvismo
FauvismoFauvismo
Fauvismo
Junior Onildo
 
Fgv revisão de Arte
Fgv revisão de ArteFgv revisão de Arte
Fgv revisão de Arte
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Vanguardaseuropeiasslides 130727130748-phpapp02
Vanguardaseuropeiasslides 130727130748-phpapp02Vanguardaseuropeiasslides 130727130748-phpapp02
Vanguardaseuropeiasslides 130727130748-phpapp02
carlos germano pereira de souza
 
Vanguardas europeias slides
Vanguardas europeias slidesVanguardas europeias slides
Vanguardas europeias slides
Eline Lima
 

Semelhante a Pintura Naif (20)

A arte de naif
A arte de naifA arte de naif
A arte de naif
 
A arte-naifpps
A arte-naifppsA arte-naifpps
A arte-naifpps
 
HCA grupo A
HCA   grupo AHCA   grupo A
HCA grupo A
 
Aula: Modernismo
Aula: ModernismoAula: Modernismo
Aula: Modernismo
 
Arte Naïf
Arte NaïfArte Naïf
Arte Naïf
 
A cultura no espaço visual
A cultura no espaço visualA cultura no espaço visual
A cultura no espaço visual
 
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 20122c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
 
Apresentação de História da Arte - G5 - Fovismo, Cubismo e Abstracionismo
Apresentação de História da Arte - G5 - Fovismo, Cubismo e AbstracionismoApresentação de História da Arte - G5 - Fovismo, Cubismo e Abstracionismo
Apresentação de História da Arte - G5 - Fovismo, Cubismo e Abstracionismo
 
Dada E Surrealismo
Dada E SurrealismoDada E Surrealismo
Dada E Surrealismo
 
Picasso
Picasso Picasso
Picasso
 
Picasso
PicassoPicasso
Picasso
 
Caderno picasso ccbb_2015
Caderno picasso ccbb_2015Caderno picasso ccbb_2015
Caderno picasso ccbb_2015
 
Picasso
PicassoPicasso
Picasso
 
Gustave Courbet
Gustave CourbetGustave Courbet
Gustave Courbet
 
Arte Naif ensino fundamental 2 e médio.pptx
Arte Naif ensino fundamental 2 e médio.pptxArte Naif ensino fundamental 2 e médio.pptx
Arte Naif ensino fundamental 2 e médio.pptx
 
Surrealismo 1194825845949535-3 (1)
Surrealismo 1194825845949535-3 (1)Surrealismo 1194825845949535-3 (1)
Surrealismo 1194825845949535-3 (1)
 
Fauvismo
FauvismoFauvismo
Fauvismo
 
Fgv revisão de Arte
Fgv revisão de ArteFgv revisão de Arte
Fgv revisão de Arte
 
Vanguardaseuropeiasslides 130727130748-phpapp02
Vanguardaseuropeiasslides 130727130748-phpapp02Vanguardaseuropeiasslides 130727130748-phpapp02
Vanguardaseuropeiasslides 130727130748-phpapp02
 
Vanguardas europeias slides
Vanguardas europeias slidesVanguardas europeias slides
Vanguardas europeias slides
 

Mais de gentedepalmoemeio

Os meses do ano
Os meses do anoOs meses do ano
Os meses do ano
gentedepalmoemeio
 
O Coelho
O CoelhoO Coelho
Vamos Descobrir AntóNimos
Vamos Descobrir AntóNimosVamos Descobrir AntóNimos
Vamos Descobrir AntóNimos
gentedepalmoemeio
 
Duendes Dos Legumes
Duendes Dos LegumesDuendes Dos Legumes
Duendes Dos Legumes
gentedepalmoemeio
 
As Cenouras Do Sr Benedito
As Cenouras Do Sr BeneditoAs Cenouras Do Sr Benedito
As Cenouras Do Sr Benedito
gentedepalmoemeio
 
Livro 1ºA A Sara Tem
Livro 1ºA   A Sara TemLivro 1ºA   A Sara Tem
Livro 1ºA A Sara Tem
gentedepalmoemeio
 
AlimentaçãO
AlimentaçãOAlimentaçãO
AlimentaçãO
gentedepalmoemeio
 

Mais de gentedepalmoemeio (8)

Os meses do ano
Os meses do anoOs meses do ano
Os meses do ano
 
O Coelho
O CoelhoO Coelho
O Coelho
 
Vamos Descobrir AntóNimos
Vamos Descobrir AntóNimosVamos Descobrir AntóNimos
Vamos Descobrir AntóNimos
 
Pe De Pai
Pe De PaiPe De Pai
Pe De Pai
 
Duendes Dos Legumes
Duendes Dos LegumesDuendes Dos Legumes
Duendes Dos Legumes
 
As Cenouras Do Sr Benedito
As Cenouras Do Sr BeneditoAs Cenouras Do Sr Benedito
As Cenouras Do Sr Benedito
 
Livro 1ºA A Sara Tem
Livro 1ºA   A Sara TemLivro 1ºA   A Sara Tem
Livro 1ºA A Sara Tem
 
AlimentaçãO
AlimentaçãOAlimentaçãO
AlimentaçãO
 

Último

Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdfAULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
SthafaniHussin1
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 

Último (20)

Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdfAULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 

Pintura Naif

  • 2. “A pintura 'naif’ é natural, livre, pura… nascente, natural, espontâneae primitiva "A pintura mais directa, mais sincera e a menos encravada pelas convenções." Anatole Jakovsky
  • 3. Henri Rousseau, francês, foi o primeiro "naif" moderno a ser exposto e valorizado 21 de Maio1844 2 de Setembro de 1910
  • 4. BIOGRAFIA Começou a pintar com mais de quarenta anos. A sua obra foi, de início, objecto de manifestação de pouco apreço ou mesmo de repúdio, devido ao estilo infantil e ingénuo. O fascínio pela natureza e a fértil imaginação inspiraram-no na pintura de florestas exuberantes e cenas fantásticas como O Lobo Faminto (1904), A Cigana Adormecida (1905), A Encantadora de Serpentes e O Sonho (1910).
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12. ARTISTAS CONTEMPORÂNEOS Heitor dos Prazeres - (1898-1966) Paulo Pedro Leal - (1894-1968)
  • 15. Vamos voltar ao nosso primeira artista moderno reconhecido, ainda se lembram do deu nome? E da sua nacionalidade? Um dia ele deu um dos seus quadros originais ao seu neto e disse: “Guarda isto, um dia ele valerá cem mil francos”. Ele estava certo.
  • 16.
  • 18. Rolo de xilogravura ou rolinho de espuma.