SlideShare uma empresa Scribd logo
ORDEM DE SERVIÇO GERAL
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa.
1. Todos os empregados deverão participar das eleições da Comissão Interna de
Prevenção de Acidentes (CIPA), bem como dar apoio para o seu bom
funcionamento.
1.1. Caberá aos membros da CIPA, elaborar o Mapeamento de Riscos, após um
levantamento dos riscos existentes em cada seção da empresa;
1.2. Caberá aos membros da CIPA, participar ativamente das reuniões mensais
ordinárias e extraordinárias quando houverem, investigar acidentes ocorridos
e/ou doenças profissionais, inspecionar os locais de trabalho, procurar
despertar o interesse dos colegas pela prevenção de acidentes de trabalho
bem como de doenças profissionais e sugerir ao empregador a adoção de
medidas prevencionistas que julgarem necessárias;
1.3. Deverão os membros da CIPA, participar do curso sobre prevenção de
acidentes do trabalho, em horário de expediente normal da empresa.
2. No caso desta empresa não precisa compor CIPA, assim a lei determina que, a
empresa, deverá designar um operário como representante de segurança do
trabalho dos demais, e este operário, terá que fazer o curso de cipeiro anualmente.
3. Torna-se obrigatório o uso dos Equipamentos de Proteção Individuais, sempre
que os mesmos se fizerem necessários, conforme recomendado no PPRA,
conforme relação a seguir:
3.1.
Avental de material impermeável;
3.2.
Avental de raspa de couro;
3.3.
Bota de material impermeável;
3.4.
Calçados de segurança com biqueira reforçada;
3.5.
Capacetes;
3.6.
Cintos de segurança tipo pára-quedista;
3.7.
Creme para as mãos tipo Luvex 2;
3.8.
Luvas com trama de aço;
3.9.
Luvas de latex, PVC ou nitrílica;
3.10.
Luvas de raspa de couro;
3.11.
Luvas de vaqueta natural;
3.12.
Luvas isolantes para eletricidade;
3.13.
Máscara simples descartável do tipo P 2;
3.14.
Máscaras (respiradores semi-faciais com filtro conforme for necessário)
3.15.
Óculos de segurança;
3.16.
Perneira de raspa de couro;
3.17.
Protetores auditivos de inserção;
3.18.
Protetores auditivos tipo abafador;
3.19.
Protetores faciais;
3.20.
Vestimenta de trabalho;
3.21.
E, outros, conforme especificado neste PPRA.
4. Comunicar à sua chefia ou ao setor competente, a inutilização parcial ou total dos
EPIs para sua troca;
5. Responsabilizar-se pelos Equipamentos de Proteção Individual que lhes são
fornecidos, bem como higienizá-los após o uso ou ao término do trabalho;
6. Não retirar das máquinas e equipamentos, os dispositivos de proteção de que são
dotados, zelando pela conservação e eficiência dos mesmos;
7. Comunicar à chefia quaisquer irregularidades nas máquinas e equipamentos que
possam gerar acidentes;
8. Não executar reparos, ajustes, limpeza e inspeção nas máquinas e equipamentos
em funcionamento, a não ser quando este funcionamento for indispensável e
somente se for trabalhador habilitado para tal tarefa.
9. Não utilizar nenhuma máquina ou equipamento sem que esteja treinado para tal;
10. Exercer somente a função para a qual foi contratado e treinado;
11. Submeter-se aos exames médicos: admissional, periódico, demissional, de
mudança de função, de retorno ao trabalho e outros complementares conforme a
determinação do Programa de Controle Médico e Saúde Ocupacional, bem como
colaborar no cumprimento desse programa;
12. Não trabalhar alcoolizado, nem utilizar de bebida alcoólica durante a jornada de
trabalho;
13. São proibidas as brincadeiras que possam levar à distrações, quando estiver
executando alguma tarefa que necessite de atenção e assim criar situações de
risco de acidentes;
14. Colaborar sempre na limpeza do seu local de trabalho, bem como dos locais
destinados à refeição, vestiário e instalações sanitárias;
15. Beber a água, somente em bebedouros de jato inclinado, dotados de filtro. Não
use copos coletivos, latas ou recipientes que tenham sido utilizados por outros.
Muitas doenças são transmitidas pela saliva de pessoas doentes;
16. Conhecer bem a localização dos equipamentos de combate ao fogo e como
manuseá-los;
17. Não danificar ou retirar quaisquer cartazes, avisos, lembretes, placas de
sinalização e de advertência afixados nos locais de trabalho, sempre prestando
atenção nas mensagens dos mesmos;
18. Não guardar roupas e objetos pessoais em partes de máquinas, caixas de energia
elétrica, ou qualquer outro local, devendo ser usado para tal fim somente os
armários do vestiário;
19. Participar das palestras, treinamentos e cursos que sua empresa promover. Serão
dados para o seu aperfeiçoamento profissional e para sua segurança e saúde;
20. Não fumar onde estiverem armazenados produtos químicos, material combustível,
ou quando estiver trabalhando com os mesmos;
21. Lavar sempre as mãos antes das refeições e após o uso dos sanitários;
22. Sempre que ocorrer um acidente, chame as pessoas encarregadas em primeiros
socorros ou seu chefe imediatamente, para as providências necessárias;
23. Guardar os Equipamentos de Proteção Individual nos locais determinados pela
empresa, no fim da jornada de trabalho, sempre higienizados para usá-los no dia
seguinte;
24. Cuidar para que a segurança do seu local de trabalho seja sempre mantida,
advertindo se necessário, seu colega, e comunicando à chefia imediata, qualquer
anormalidade observada que possa originar um acidente;
25. Nunca improvise ferramentas no trabalho. Ex.: não use alicate como martelo,
chave de fenda como alavanca, etc. Toda função tem as ferramentas que lhe é
devida e que devem ser usadas, assim como a maneira correta do seu manuseio;
26. Não ligar simultaneamente mais de um aparelho à mesma tomada de corrente,
com o emprego de acessórios que aumentam o número de saídas, salvo se a
instalação for projetada com essa finalidade, pois a sobrecarga de corrente pode
ocasionar um curto-circuito, com início e expansão de incêndio na empresa;
27. Não faça “gambiarras”, nem improvise, em instalações elétricas. No caso de
problemas elétricos, chame sempre o eletricista responsável, ou seu chefe
imediato para tomar as providências cabíveis;
28. Comunicar à chefia imediata, sempre que constatar defeitos em partes das
instalações elétricas como: fios descascados, embaraçados, soltos pelo chão, em
altura que possa ocasionar contato acidental. Os acidentes decorrentes de cheque
elétrico podem ser fatais.
29. É terminantemente proibido, transportar inflamáveis, mesmo que em pequenas
quantidades, fazer manutenção ou entrar para qualquer outra atividade em área de
risco gerada por inflamáveis, bem como fazer manutenção em linhas de GLP ou
maçaricos de GLP, sem que esteja devidamente autorizado para tal trabalho.
30. Todos os operários devem também seguir as orientações contidas nas Ordens de
Serviços Específicas, e outras orientações passadas por Avisos e Circulares.
31. É terminantemente proibido :
- Trabalhar: descalço, de sandália ou tamanco;
- Pessoas não habilitadas operar máquinas e outros equipamentos;
- Utilizar a empilhadeira, ou trator para transporte de pessoal;
- Utilizar a carretinha do trator para transporte de pessoal;
- Trabalhar com brinco, corrente, pulseiras, anéis, ou qualquer adorno pessoal;
- Fazer manutenção, limpeza, ou lubrificar máquinas em movimento.
O NÃO CUMPRIMENTO DESTAS “ORDENS DE SERVIÇO” IMPLICARÁ
EM ADVERTÊNCIAS, SUSPENSÃO E DEMISSÃO POR JUSTA CAUSA.
Nunca pense que acidentes e doenças não possam acontecer com você.
Cuide de sua saúde e segurança.
Sua vida é importante!
__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado
ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM SOLDA
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa.
1) Todos os operários que trabalham executando os serviços de solda, bem como
todos os seus ajudantes e outros nas proximidades, devem usar obrigatoriamente os
seguintes EPIs:
Calçado de segurança com a calça por cima;
Perneira, avental, luvas, mangotes tudo de raspa de couro;
Máscara para solda com lente escurecida;
Proteção respiratória do tipo 3M ou similar semi facial Ref. 7300S, com
retentor Ref. 7287, cartucho químico Ref. 7253 e filtro Ref. 7255.
 Como EPC, fazer sempre que possível, serviços de solda em locais
arejados, ventilados, abertos, longe de outros operários.
 Como medida de ordem geral manter boa exaustão do local.






2) Se houver presença de operários circulando no ambiente de solda ou
próximo deste, os quais podem também, vir a sofrer a ação danosa destas radiações
não ionizantes, assim, tomar o seguinte cuidado:
 Fazer “biombos” de madeira ou de chapa, isolando o ambiente onde se tem
trabalhos com solda, para evitar que durante estes trabalhos de solda, haja
agressão pela radiação ultravioleta a outros operários adjacentes, o que
provoca irritação nos olhos (fulguração).
3) Antes de iniciar os trabalhos de solda, verificar se as instalações elétricas,
cabo terra, fiação de energia, alicate e outras estão em perfeitas condições de uso,
isoladas dielétricamente.
__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado
ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM DOMISSITÁRIOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que usam produtos domissitários
(detergentes, sab

1) Informar aos operários que trabalham na limpeza, o seguinte:



















Seguir sempre as instruções de uso;
Ver se os rótulos contém as instruções aprovadas p/ leis;
Não remover o rótulo;
Seguir sempre as porções recomendadas para cada caso;
Evitar respingos ( usar funil para transferências destes produtos)
Fechar bem as embalagens depois de usa-las;
Guardar estes produtos em local próprio longe de estranhos;
Não comer, não beber e nem fumar quando usar estes produtos;
Cuidado com aerossóis :
- não jogar onde houver chama ( fogão aceso, fósforo, etc)
- não jogar fora em incineradores;
Não usar pesticidas sobre utensílios domésticos nem alimentos;
No uso de pesticida, depois ventilar o local;
Nunca toque com as luvas sujas em seu próprio corpo;
No final de uso, limpar bem as luvas, botas, etc com água sabão;
Somente usar luvas no serviço, nunca para outras atividades;
Ao terminar o serviço, tomar banho e trocar de roupa;
Não usar ficar com a roupa se esta for contaminada ;
Perfurar embalagens metálicas para evitar reutilização;

2) Usar sempre os seguintes EPIs, quando manuseando com estes produtos:









Luva de látex para serviços leves;
Luvas nitrílicas para serviços mais pesados;
Botas de borracha para lavar pisos e em locais úmidos
Avental de napa ou outro material impermeável;
Uniforme completo, trocando sempre que necessário;
Óculos de proteção ( quando pode haver respingos);
Escovão com cabo prolongado, para serviços em pisos.
Proteção aos joelhos para serviços feitos ajoelhado.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado
ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM AGROTÓXICOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham com agrotóxico:

CUIDADOS DE ORDEM GERAL
 Seguir sempre as instruções de uso de cada produto, e de cada
fabricante;
 Ver se os rótulos contém as instruções aprovadas p/ leis;
 Não remover o rótulo;
 Seguir sempre as porções recomendadas para cada caso;
 Evitar respingos ( usar funil para transferências destes produtos)
 Fechar bem as embalagens depois de usa-las;
 Guardar estes produtos em local próprio longe de estranhos;
 Não comer, não beber e nem fumar quando usar estes produtos;
 Cuidado com aerossóis :
- não jogar onde houver chama ( fogão aceso, fósforo, etc)
- não jogar fora em incineradores;
 Não usar pesticidas sobre utensílios domésticos nem alimentos;
 No uso de pesticida, depois ventilar o local;
 Nunca toque com as luvas sujas em seu próprio corpo;
 No final de uso, limpar bem as luvas, botas, etc com água sabão;
 Somente usar luvas no serviço, nunca para outras atividades;
 Ao terminar o serviço, tomar banho e trocar de roupa;
 Não usar ficar com a roupa se esta for contaminada ;
 Perfurar embalagens metálicas para evitar reutilização;
USAR OS SEGUINTES EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
 Roupa especial fornecida pelo fabricante do agrotóxico;
 Luvas de PVC;
 Botina tipo rancheira ( o ideal seria calçado de segurança ), ou
bota de PVC, quando precisar de calçado impermeável.
 Máscara semi facial 3M ou similar Ref. 7300S de silicone
grande, com cartucho substituível Ref. 7253, e sem filtro.
 Óculos de proteção tipo amplavisão;
 Chapéu de material impermeável.
 Avental de material impermeável.
NA APLICAÇÃO
 Antes de aplicar, rever as instruções de uso, bem como as precauções a
serem tomadas em cada caso;
 Fazer a aplicação, somente nas horas mais frescas do dia, e nunca aplique o
produto, contra o vento;
 Durante a aplicação, tomar muito cuidado, para não contaminar as
pastagens, rios, lagos e demais fontes de água de uso da comunidade;
 Lave bem as mãos e o rosto antes de fumar, beber ou comer. Nunca o faça
durante a aplicação dos produtos;
APÓS A APLICAÇÃO
 Enterre os restos de defensivos, onde não haja possibilidade de
contaminação de animais, alimentos ou fontes de água. Nunca lave os recipientes em
rios, lagos ou fontes de água;
 Seguir as instruções de uso, a seguir, para se desfazer das embalagens;
 Por fim, tome banho e troque a roupa utilizada no trabalho, e somente usa-la
novamente depois de lavada.
NO ARMAZENAMENTO
 Para diminuir a corrosão na base das embalagens, procure coloca-las sobre
um estrado de madeira, de forma a evitar não só o contato das embalagens com o
piso, mas também que sejam atingidas pela umidade;
 Guarde as embalagens de formulação química, com as fechos voltados para
cima. Antes de armazena-las, verifique cuidadosamente, se as mesmas não tem
algum vazamento;
 Nunca armazene os agrotóxicos, junto com sacarias, com rações para
animais, cereais, adubos ou alimentos. Lembre-se de guarda-los com os rótulos bem
visíveis, a fim de facilitar sua localização;
 Mantenha o depósito de agrotóxico, sempre bem seco e bem ventilado de
forma a evitar que as embalagens armazenadas se danifiquem;
 Examine freqüentemente todas as embalagens armazenadas no depósito, a
fim de manter sempre atualizadas a relação dos produtos estocados.
 Após o uso, procure guarda-lo de forma correta, sempre em sua embalagem
original e bem fechada;
 No que se refere ao número de camadas para empilhamento das
embalagens, procure seguir, além das orientações do fabricante, as seguintes
recomendações:
SACOS: faça por estrado (1,20 x 1,20 m), pilhas de aproximadamente uma
tonelada ou 45 sacos, tomando sempre os cuidados necessários para evitar possíveis
deslizamento;
BANDES: coloque-os sobre estrados de madeira em número não superior a 4
(quatro) baldes, um sobre o outro;
TAMBORES DE 20 A 60 LITROS: procure empilha-los em estrados de madeira,
colocando, no máximo, duas camadas por estrado. Procure rolar os tambores o
menos possível;
TAMBORES DE 113 A 210 LITROS: faça empilhamento sobre estrados, evitando
colocar um tambor sobre o outro. Procure rolar os tambores o menos possível;
 Durante os trabalhos, tanto no depósito, quanto fora dele, use sempre os
equipamentos de proteção individual, conforme anteriormente recomendado
NO DESCARTE DE EMBALAGENS
Conforme Portaria Interministerial nº 297 de 13/06/2001 (DOU de 15/06/2001),
informo, resumidamente, alguns cuidados a serem seguidos, quando for necessário
se desfazer de embalagens usadas com produtos químicos, a saber:
 Quando for manusear com estas embalagens vazias, enquanto as mesmas
não estiverem limpas, usar os mesmos EPIs que são recomendados quando da
aplicação dos produtos que estas embalagens continham.
 É obrigatória a devolução da embalagem vazia onde foi adquirido o produto,
ou no local indicado na Nota Fiscal de compra.
 As embalagens antes de serem devolvidas devem ser lavadas. Para lavar as
embalagens, usar os mesmos EPIs que são recomendados, quando da aplicação dos
produtos que estas embalagens continham.
PARA LAVAR MANUALMENTE AS EMBALAGENS:
- Esvaziar completamente o conteúdo;
- Manter a embalagem na posição vertical por 30 segundos;
- Adicione água limpa, até ¼ do seu volume;
- Tampar bem a embalagem e agitar a mesma por 30 segundos;
- Despejar a água de lavagem no tanque de descarte;
- Repetir esta operação por 3 (três) vezes;
- Inutilize as embalagens furando o fundo das mesmas.
 PARA ARMAZENAR AS EMBALAGENS VAZIAS E LIMPAS
- Armazenar com tampa e em caixas coletivas;
- Armazenar em local coberto, ventilado e abrigado da chuva;
- O piso do,local de estocagem deve ser impermeável, ou no
próprio local onde estoca as embalagens cheias.
 PARA DEVOLVER AS EMBALAGENS
- Devolver até um ano após a compra ou quando do término da
validade de uso do produto;
- Devolver a embalagem vazia e limpa como acima citado;
 NO TRANSPORTE DAS EMBALAGENS VAZIAS
- Não transportar junto com alimentos, bebidas, medicamentos,
rações, animais e pessoas.
 DESTINAÇÃO FINAL DAS EMBALAGENS VAZIAS LIMPAS E FURADAS
- Somente pode ser feita pela empresa Registrante ou por
empresas legalmente autorizadas para tal.
- É proibido reutilizar as embalagens;
- Se não forem seguidas as instruções acima, pode ocorrer
danos à fauna, flora e a saúde das pessoas;
- Se o produto chegar a ficar impróprio para uso (vencido,
estragado, etc), consultar o registrante através do fone
0800-437505 para sua devolução e destinação final.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado
ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

LEVANTE E TRANSPORTE MANUAL DE
PESOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que levantam e transportam
pesos:

Sempre que possível usar algum equipamento
para transporte de cargas;
Empurrar e não puxar;
Transportador com rodas para para reduzir os
esforços;

Nunca forçar o levante de peso na coluna vertebral,
forçar dobrando os joelhos;
Nunca levantar carga acima de sua capacidade física;
Participar de curso sobre levante especial de cargas;
Sempre que necessário pedir ajuda a um colega.

Materiais mais pesados devem ser estocados ao
entre a cintura e os ombros para evitar esforços
desnecessários ao levanta-los na coluna.

__________________________________

Ciente em ____/____/____
Nome Legível do Empregado
___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO MUITO TEMPO SENTADO
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham muito tempo
sentado:
Procure conhecer os recursos de ajustes de sua cadeira.
Sentar-se sempre com as costas totalmente apoiadas no encosto
da cadeira e com os pés totalmente apoiados no chão.
Os cotovelos devem ficar ao nível do tampo da mesa.
Ao somente escrever sente-se mais na beirada da cadeira.
Evite tombar o corpo, mantenha-o sempre na vertical.
Na bancada de análise:
- não curvar a coluna, sentar-se e manter a coluna reta;
Ao arquivar documentos, evite colocar os mais pesados embaixo;
Coloque telefone, agendas, canetas, risque-rabisque, ou seja,
objeto de uso na mesa, bem junto ao seu corpo para evitar
torções do mesmo.
Ao atender telefone evite prende-lo com o pescoço, quem precisa
ouvir e usar as duas mãos, instalar um viva voz.
Sempre que possível faça, a critério médico, exercícios
compensatórios de suas atividades repetitivas.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado
ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

USO DE FERRAMENTAS MANUAIS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, quando forem usar ferramentas
manuais:

PRINCIPAIS CAUSA DE ACIDENTES COM FERRAMENTAS
 uso de ferramenta inadequada ao trabalho a ser executado;
 uso de ferramentas defeituosas;
 uso incorreto de ferramentas;
 falta de habilitação no uso de ferramentas;
falta de manutenção e cuidado com as mesmas;
 armazenamento inadequado, e
 transporte inadequado de ferramentas.
MEDIDAS PREVENTIVAS QUANTO AO USO DE FERRAMENTAS
 usar cada ferramenta de acordo com sua finalidade;
 não usar ferramentas defeituosas;
 usar corretamente as ferramentas;
 treinar o operário ao uso das ferramentas em cada serviço;
manter as ferramentas em bom estado de conservação e limpeza;
 guardar cuidadosamente as ferramentas;
 transportar com cuidado e de preferência em caixas ou
sacos de couro ou lona, nunca nos bolsos.
LIXADEIRA PORTÁTIL E DE BANCADA
1) Para trocar o disco ( ferramenta abrasiva ):








Desconectar a máquina da tomada (desligar a máquina na tomada);
Inspecionar o disco abrasivo para ver se não esta com defeito;
Nunca utilizar o disco abrasivo com qualquer defeito;
Verificar no disco qual a velocidade máxima e nunca ultrapassa-la;
Na montagem, não improvise, use somente as ferramentas corretas;
Centrar muito bem o disco;
Fixar o disco corretamente e eficiente;
 Recolocar a proteção caso a tenha retirado;
2) Na utilização da máquina de lixar fixa ou de bancada:






Verificar a fiação elétrica e a tomada se estão em perfeitas condições;
Cuidado com o fio ao usar a lixadeira portátil;
Segure com firmeza a máquina manual;
Evite trabalhar em áreas mal organizadas e/ou mal iluminadas;
Verifique a segurança dos outros operários ao redor.

3) Observar ainda que os operários que trabalham lixando, ou esmerilhando
peças, fazendo dobras de chapas, cortando peças com policorte e com
guilhotina ou tesoura para chapas, devem usar obrigatoriamente os seguintes
EPIs:






Óculos de proteção;
Protetor facial de acrílico;
Luvas de raspa;
Avental de raspa;
Calçado de segurança com biqueira reforçada;

___________________________________
Assinatura do Empregado
ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, na prevenção de incêndios:

ONDE TEM GLP – NO CASO DE SENTIR CHEIRO DE GÁS – VAZAMENTO






Não acender fogo de modo algum, nem ligar o interruptor de luz;
Impedir a entrada de outras pessoas no local;
Abrir imediatamente portas e janelas;
Procurar identificar a fonte de vazamento e se souber elimina-la;
Chamar pessoal especializado para a manutenção corretiva.

CUIDADOS DE ORDEM GERAL NA PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS
 Fazer constantes verificações nas condições gerais das instalações de GLP,
com relação ao vencimento da duração da mangueira, reguladores, botões de liga
desliga, qualidade do botijão e outras.
Manter os equipamentos de combate a incêndios em perfeito estado de
funcionamento, limpos e desimpedidos. Estes equipamentos devem ser de uso
exclusivo para combate a incêndios.
Sempre que deixar seu local de trabalho, verificar se as instalações elétricas
estão desligadas e o registro de GLP fechado.
Ao se ausentar, nunca deixar ligado equipamentos de aquecimento ( ferros
elétricos, de solda, maçaricos, aquecedores, chuveiros, etc ).
Determine proibições de fumar e/ou acender fogo onde achar necessário.
Se houver um princípio de incêndios, observar sempre a seguinte seqüência
de atendimento ao mesmo :
primeiro =>
segundo =>
terceiro =>
quarto =>

retirar vítimas ( se houver );
chamar o Corpo de Bombeiro;
avisar os demais colegas no local;
dar os primeiros combates ( se for treinado p/ tal )

No caso de identificar um sinistro de incêndio, nunca abrir portas e janelas. O
ar penetrando, trará oxigênio e este aumentará o fogo. Para saber se há incêndio do
outro lado de uma porta coloque a mão na mesma, se estiver quente - não abrir de
forma alguma.
Não jogar palitos de fósforos e muito menos pontas de cigarros sem ter a
absoluta certeza de que os mesmos estão apagados. Esta regra vale para estradas,
com o que se evitará queimadas nas beiradas das mesmas.

Quando for trabalhar com materiais inflamáveis ou de fácil combustão, limpe
bem o local, verifique se há nenhuma fonte de fogo por perto. Deve se ter este
cuidado quando for fazer serviços com solda.
Não guarde cera, gasolina, solventes ou qualquer outro inflamável dentro de
ambientes fechados, ou armários impróprios.
__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado
ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM AR COMPRIMIDO
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham com ar comprimido
ou onde tenha ar comprimido disponível aos operários de modo geral:

É TERMINANTENTE PROIBIDO, QUE OS OPERÁRIOS USEM DO AR
COMPRIMIDO PARA LIMPEZA PESSOAL, QUER DE ROUPAS,
QUER DO PRÓPRIO CORPO.
Isto porque:
 Pode ocorrer que junto com o ar comprimido, venha também,
pequenas farpas de aço, que se destacam do ferrugem nas tubulações, esta
farpa, se jogada sob pressão (ar comprimido), na pele humana, pode penetrar
nesta pele e depois chegar à corrente sanguínea e pela mesma, chegar a
órgãos vitais, como o coração, pulmões ou mesmo no celebro, podendo
causar sérias enfermidades e até a morte;
 O ar comprimido, quando usado em direção ao rosto humano, pode
penetrar sob pressão, no tímpano, podendo até furar este tímpano, causando
surdez irreversível;
 Também no rosto humano, se em direção aos olhos, pode, além de
causar danos pela própria pressão do ar, também causar danos pelo mesmo
motivo da presença de ferpas de aço enferrujado que se descolam das
paredes dos canos por onde passa o ar e vem a ferir os olhos;

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____
___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO EM LOCAL DE
FRIO INTENSO
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham em locais de frio
intenso:
1) Todos os operários que trabalham em condições de frio intenso, devem
estar devidamente protegidos destas condições agressivas, usando obrigatoriamente
os seguintes EPIs:







Cirolão de algodão por baixo da roupa;
Meia de lã tipo jogador de futebol;
Calça e jaleco revestido com material térmico;
Gorro tipo “Joana D’Arch”;
Calçado com revestimento térmico e solado que não passa o frio;
Luvas com revestimento térmico internamente;

2) Além do uso de roupas protetoras, deve ser observado a necessidade de um
tempo em exposição ao frio e um tempo de recuperação em local de temperatura
normal, conforme o quadro abaixo:

QUADRO 2
FAIXA DE TEMPERATURA
DE BULBO SECO
(ºC)
1ª. 2ª, 3ª zona
4ª zona
5ª zona

MÁXIMA EXPOSIÇÃO DIÁRIA PERMISSÍVEL
PARA PESSOAS ADEQUADAMENTE VESTIDAS
PARA EXPOSIÇÃO AO FRIO

15,0 a - 17,9
ou
12,0 a - 17,9
ou
10,0 a - 17,9

Tempo total de trabalho no ambiente frio de 6 ( seis )
horas e 40 ( quarenta ) minutos, sendo quatro períodos
de uma hora e quarenta minutos alternados com vinte
minutos de repouso e recuperação térmica fora do
ambiente frio.

- 18,0 a - 33,9

Tempo total de trabalho no ambiente frio de 4 ( quatro)
horas, alternando-se uma hora de trabalho com uma
hora para recuperação térmica fora do ambiente frio

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM RAIOS X
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham com raios X:
1) QUANTO A INSTALAÇÃO FÍSICA PREDIAL:
 O equipamento de radiação X deve ser instalado no piso térreo;
 As paredes e portas devem ser protegidas com camada de chumbo;
 O feixe de radiação primária, não deve ser dirigido para janelas,
nem locais de madeira onde do outro lado tem pessoas;
 O local deve ser suficientemente amplo;
 Dispor de biombo protegido com chumbo para o disparador ficar
protegido.
 Dispor de sinalização própria indicativa de radiação ionizante;
 Dispor de sinalização: RAIOS X na entrada da sala;
 Deve ser somente de uso para fim de radiação ionizantes;
2) QUANTO A PROTEÇÃO AO OPERADOR
 Submeter-se a exames clínicos e laboratoriais a cada seis meses;
 Utilizar aventais e luvas plúmbicas com equivalente em chumbo de,
no mínimo 0,25 mm.
 Manter-se dentro das cabines e biombos existentes nas salas
radiológicas e, sempre que possível mantenha a distância
máxima permitida pelo cabo de disparo do equipamento de
raio x portátil nos exames de leito;
 Usar dosímetro individual por cima do avental enquanto estiver
trabalhando.mesmo que o uso deste equipamento não exclua
a necessidade do controle periódico de saúde;
 Usar o protetor de tereóide e óculos de vidro plúmbico durante os
exames fluoroscópicos;
 Trabalhar com comimação restrita ao tamanho da área definida
pelo órgão;
 Não segurar o paciente e tão pouco o magazine com filme durante
o exame. Se necessário, solicite ao acompanhante ou familiar
que efetue a imobilização;
 Conhecer os pontos da sala onde os níveis de radiação são maiores.
 Nunca ficar na direção do feixe primário;
3) QUANTO A APARELHO DE EMISSÃO DE RAIOS X
 Os equipamentos devem ser inspecionados por técnico habilitado
pelo menos uma vez ao ano.
 Ser mantido sempre em condições normais de uso;
 Ser utilizado somente para os fins a que se destina.
__________________________________
Ciente em ____/____/____
Nome Legível do Empregado
___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO EM LABORATÓRIOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham em laboratório:
UTILIZAR OS SEGUINTES EPIS
Avental normal de algodão;
Calçado de segurança impermeável;
Avental de napa ou outro produto impermeável;
Luvas impermeáveis (nitrílicas de PVC ou até de látex);
Protetor facial de acrílico transparente;
Óculos amplavisão;
Análises que emitem gases ou vapores: máscara semi-facial
de silicone grande Ref. 7300S com retentor Ref. 7287,
cartucho químico Ref. 7251 e filtro Ref. 7255 da 3M ou similar.
Este tipo de análise, deve ser feita dentro de capela especial
com exaustão e coleta externa de gases em banho de água.
 Quando for manusear com produtos quentes de estufas, mufras,
extratores de gordura, digestor de proteína e outros, usar
obrigatoriamente luva térmica de cano longo.








CUIDADOS NO MANUSEIO
Uso de pinças especiais com borracha nas pontas para vidrarias;
Identificar muito bem todos os vidros contendo produtos químicos;
Estocar estes produtos químicos em local separado fechado;
O ambiente deve ter sempre pressão negativa para fora feita através
do uso de exaustores ou aparelhos de ar condicionado especiais;
 O piso deve ser mantido seco e livre de produtos escorregadios.
 Quando for usar a hexana, muito cuidado com a emissão de gases
pois com a presença de qualquer chama pode haver incêndio
e se houver acúmulo de gases, pode haver explosão.




O vidro de hexana PA deve ser guardado em local especial.
 Não permitir a presença de pessoas estranhas no laboratório.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

SERVIÇOS DE PINTURA
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham nos serviços d
pintura:
USAR OBRIGATORIAMENTE, OS SEGUINTES EPIS:
 Uniforme completo de brim;
 Macacão impermeável, do mesmo tipo utilizado para aplicação de
agrotóxicos.
 Luvas de latex;
 Avental impermeável;
 Óculos amplavisão;
 Calçado impermeável ou botina de segurança;
 Respirador semi-facial de silicone grande, Ref. 7300S, com retentor
Ref. 7287, cartucho químico Ref. 7253 e filtro Ref. 7255 da 3M
ou similar, para pintura a revolver, com tinta a base de solventes
com hidrocarbonetos aromáticos;
 Máscara simples descartável P 2 para serviços de raspar paredes
e de pintura com PVA
TOMAR PROVIDÊNCIAS, DE ORDEM GERAL, TAIS COMO:









Não permitir a presença de estranhos nas proximidades;
O operário deve trocar de roupa todos os dias;
Não fumar, não beber e nem comer quando trabalhando;
Deve tomar banho na saída do trabalho e trocar de roupa;
Não tocar com as luvas sujas em seu próprio corpo;
No final de uso, limpar bem os EPIs com água e sabão;
Seguir sempre as instruções de uso;
Ver se os rótulos contém as instruções aprovadas p/ leis;





Não remover o rótulo;
Seguir sempre as porções recomendadas para cada caso;
Fechar bem as embalagens depois de usa-las;
Guardar estes produtos em local próprio longe de estranhos;

LOCAL PARA FAZER SERVIÇOS DE PINTURA;
Local próprio, separado do galpão da oficina de manutenção de máquinas, ou
mesmo um nicho, isolado dentro do galpão, somente para pintura de
máquinas, evitando fazer este tipo de serviço, no local comum de manutenção
das máquinas.
__________________________________
Ciente em ____/____/____
Nome Legível do Empregado
___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

SERVIÇO DE DIGITAÇÃO ELETRÔNICA DE
DADOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, nos serviços de digitação
eletrônica de dados:
CUIDADOS LEGAIS
 Basicamente observar que o operário que trabalhar somente em digitação de
dados eletrônicos, deverá trabalhar no máximo 5 horas por dia neste serviço e a cada
hora descansar 10 minutos. Podendo trabalhar o restante da jornada de trabalho em
outras atividades não repetitivas.
CUIDADOS ERGONÔMICOS
 Assegurar que o monitor esta ao mesmo nível de seus olhos para
evitar a fadiga no pescoço e na cabeça.
 O teclado deve estar ao mesmo nível dos cotovelos e levemente
inclinado para manter relaxados seus punhos.
 Colocar documentos e outros que for ler, em um suporte ao nível do
visor para evitar fadiga nos olhos e pescoço.
 Use uma almofada embaixo dos punhos para reduzir a pressão e a
tensão nos mesmos.
 Usar filtro na tela para reduzir reflexos da iluminação ao seu redor.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____
___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

ELETRICISTA
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham como eletricista:
FORMAÇÃO BÁSICA DE ELETRICISTA
ü Instruções sobre os princípios básicos da eletricidade;
ü Procedimentos seguro no trabalho;
ü Saber como agir em emergências;
ORGANIZAR SEU LOCAL DE TRABALHO
ü
ü
ü
ü

Organizar de modo correto as ferramentas e equipamentos;
Colocar cada coisa no seu devido lugar depois de usa-las;
Manter limpo e desimpedido seu local de trabalho;
Manter o local isento de graxas, óleos e o piso sempre seco.

CONDIÇÕES SEGURAS DE TRABALHO
ü
ü
ü
ü
ü
ü
ü
ü
ü
ü
ü
ü

Nunca trabalhar com eletricidade em locais molhados;
Nunca trabalhar com materiais e uniformes molhados;
Não trabalhar sob chuva;
Não trabalhar em locais com atmosfera contendo vapores inflamáveis
Manter boas condições de iluminação no seu local de trabalho;
Se tiver cabelos longos, prende-los com touca ou capacete;
Use as ferramentas em cinto próprio para tal (nunca nos bolsos);
Usar somente ferramenta em bom estado e com cabo isolante;
Tomar o cuidado de aterrar ferramentas elétricas;
Usar extensões e pendentes, em boas condições de uso;
Sempre colocar avisos onde estiver trabalhando
Seguir sempre os procedimentos técnicos e de segurança;
ü Não trabalhe com eletricidade se não estiver em boas condições de saúde,
e mesmo em boas condições psicológicas;
ü Lembre-se acima de 20 miliampéres já pode ocorrer a morte;
ü Com instalações energizadas, nunca trabalhe sozinho;
ü Nunca se distraia, mantenha-se alerta.
USAR OS SEGUINTES EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO
ü Botina de segurança com biqueira de plástico endurecido;
ü Roupas não apertadas, sempre abotoadas e sem partes metálicas;
ü Usar cinto de segurança para trabalhos acima de 2,00 m;
ü Usar escadas, em bom estado, adequadas e com tamanhos corretos;
ü Óculos de proteção tipo amplavisão;
ü Sempre que possível, usar luvas de vaqueta;
ü Sempre que possível, usar mangote de raspa;
__________________________________
Ciente em ____/____/____
Nome Legível do Empregado
___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM INFLAMÁVEIS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham com inflamáveis
ou na área de risco gerada por inflamáveis:
ü Reduzir ao mínimo as pessoas autorizadas a trabalhar em áreas de
risco gerada por inflamáveis, SE POSSÍVEL SOMENTE UMA
PESSOA DEVE TER AUTORIZAÇÃO PARA TRANSITAR NESTA
ÁREA DE RISCO.
ü Somente pessoa devidamente autorizada, pode entrar na área de
risco, fazer qualquer tipo de manutenção em sistema de estoque,
transporte, ou transferência de inflamáveis. se possível a mesma
pessoa que esta autorizada a entrar nesta área, é que
deve fazer a manutenção, se não escolher um outro
mecânico e somente aquele pode entrar nesta área.
ü Proibir terminantemente que pessoas não autorizadas entrem na
área de risco gerada por inflamáveis; CHEGAR A PUNIÇÃO AOS
QUE ENTRAREM NESTA ÁREA DE RISCO SEM AUTORIZAÇÃO.
ü Reduzir ao mínimo possível, pessoas que abastecem veículos;
SE POSSÍVEL SOMENTE UMA PESSOA.
ü Manter constante limpeza na área de risco por inflamáveis;
ü Remover todo material estranho deste local., RETIRAR
BANCOS E BANQUINHOS DA ÁREA DE ABASTECIMENTO, PARA
NÃO SERVIR COMO ÁREA DE REPOUSO PARA OPERÁRIOS NÃO
AUTORIZADOS A ENTRAR NESTA ÁREA.
ü Cercar com tela toda a área de risco onde se tem inflamáveis, manter
PORTA TRANCADA E ALÉM DA CHAVE RESERVA, SOMENTE A
PESSOA AUTORIZADA – FRENTISTA – DEVE TER A CHAVE DESTE
LOCAL.
ü Sinalizar muito bem o local com placas com os dizeres:
INFLAMÁVEIS - NÃO ACENDER FOGO, RISCO DE INCÊNDIO, etc.
E principalmente;
“PROIBIDA A PRESENÇA DE PESSOAS NÃO AUTORIZADAS”
ü Fazer revisão geral na instalação elétrica, se possível tubulando e
colocando luminárias a prova de gases.

ü PROCEDIMENTO PARA ABASTECER OS VEÍCULOS:
-

-

O veículo entra, estaciona perto da bomba;
O motorista sai do local, e fica fora da área de risco (neste local
fora, colocar até banco, para incentivar o motorista a ficar lá
fora no local indicado).
Este local deve ficar preferencialmente, pelo menos 8,00 m
afastado do ponto de abastecimento.
Depois que o motorista sair, o frentista faz o abastecimento;
Somente depois de recolhida a mangueira é que o motorista deve
entrar para pegar o seu veículo e imediatamente sai com o mesmo.

ü NUNCA PERMITIR QUE O PRÓPRIO MOTORISTA, OU OPERADOR
FAÇA O ABASTECIMENTO DO SEU VEÍCULO, NEM MESMO DOS
VEÍCULOS E MÁQUINAS (TRATOR, CARRO, CAMINHÃO, PÁ
CARREGADEIRA E OUTROS) DA PRÓPRIA EMPRESA.
ü NO RECEBIMENTO DE COMBUSTÍVEL DE TERCEIROS
-

Somente a pessoa autorizada (frentista), deve fazer o recebimento de
combustíveis.

-

Nunca permitir que familiares do motorista que esta trazendo o
combustível permaneça no caminhão durante a descarga.

-

Deve ser ligado o aterramento no caminhão, antes de iniciar a descarga do
mesmo.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado
ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM O TRATOR
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham como tratorista:
CURSO DE FORMAÇÃO DE TRATORISTA
O tratorista deve ter certificado de habilitação e/ou treinamento para dirigir este
veículo.
USAR OS SEGUINTES EPIS CONFORME FOR NECESSÁRIO
ü
ü
ü
ü

Protetor auricular;
Óculos de proteção amplavisão;
Calçado de segurança com biqueira reforçada;
Luvas de raspa (para engatar implementos),

USAR OS SEGUINTES EPÍS, QUANDO APLICANDO AGROTÓXICO
ü Roupa especial fornecida pelo fabricante do agrotóxico;
ü Luvas de PVC;
ü Botina tipo rancheira ( o ideal seria calçado de segurança ), ou
bota de PVC, quando precisar de calçado impermeável.
ü Máscara semi facial 3M ou similar Ref. 7300S de silicone
grande, com cartucho substituível Ref. 7253, e sem filtro.
ü Óculos de proteção tipo amplavisão;
ü Chapéu de material impermeável.
ü Avental de material impermeável.
ü Protetor auricular.
CUIDADOS DE ORDEM GERAL
Antes de usar o trator, verificar se o mesmo esta em boas condições
mecânicas e com as instalações elétricas em ordem, além de verificar a presão
dos pneus e o sistema hidráulico. NÃO USAR O TRATOR SE O MESMO
APRESENTAR ALGUM DEFEITO.
Cuidado com animais peçonhentos, abelhas e terreno inclinado.
Nunca opere o trator, se não estiver em perfeitas condições de saúde.
__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO EM ALTURA
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, para trabalhos acima de 2,00 m de
altura:

ü Manter a obrigatoriedade do uso de escadas adequadas para cada
serviço desfazendo imediatamente de escadas improvisadas;
ü Todas as escadas fixas devem ter corrimão superior e intermediário e
ainda apara pé nas laterais, nos dois lados da mesma e ainda, se com
degraus escorregadios, tarja anti derrapante nas bordas externas dos
degraus;
ü Todos os operários que estejam realizando serviços acima de 2,00
metros, devem usar obrigatoriamente o cinto de segurança, tipo
paraquedista e ao subir em alturas, prender este cinto no cabo de aço
que deve estar fixado em todos estes equipamentos, para este uso.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO ONDE HÁ PRESENÇA
DE ANIMAIS PEÇONHENTOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa, na presença de animais
peçonhentos:
Tomar os seguintes cuidados quanto ao risco de ser picado por um animal
peçonhento:
SERPENTES
Onde se encontram?
ü Buracos na terra ou cupinzeiros
ü Entulhos, acúmulo de madeira, tijolos, pedras e no lixo;
ü Plantações: cana, milho e outras;
ü Locais quentes, úmidos e escuros;
ü Onde tem rato, pode ter cobra.
Prevenção:
ü Usar botas de cano longo ou perneira de couro ou botina;
ü Usar luvas de aparas de couro para pegar em folhas, toras de madeira,
montes de lixo e palha;
ü Não colocar as mãos dentro de buracos, cupinzeiros, etc;
ü Limpar paióis, quintais e terrenos baldios;
ü Tampar buracos de muros e frestas de portas;
ü Evitar entulhos, lixo e acúmulo de materiais de construção perto de
casa;
ü Preservar predadores naturais de serpentes, como: emas, seriemas,
gaviões e gambás.
Primeiros Socorros
ü Lavar bem o local da picada com água e sabão;
ü Mantenha a vítima deitada para não favorecer a absorção do veneno;
ü Se a picada for na perna ou braço – manter estes membros elevados;
ü Levar a vítima imediatamente ao serviço de saúde mais próximo.
ü SE POSSÍVEL LEVE A SERPENTE OU SUA CABEÇA JUNTO.
O que não fazer:
ü Não amarre, impedindo a circulação do sangue, pode provocar
gangrena ou necrose;
ü Não corte o local da ferida
ü Não aplique folhas, pó de café, terra, pinga, querosene, álcool, fumo
ou outra coisa que suje o local;
ü Não dê a vítima: pinga, querosene, álcool, nem fumo;

ESCORPIÕES E/OU ARANHAS
Onde se encontram?
ü Terrenos baldios com mato e lixo doméstico, embaixo de pedras, em
pilhas de tijolos, telhas e montes de lenha;
ü Lugares escuros e úmidos, frestas no assoalho, paredes rodapés e
atrás dos móveis;
ü Roupas dependuradas, roupas de cama e roupas de banho;
Prevenção:
ü Olhar bem dentro de roupas e calçados antes de vesti-los;
ü Colocar telas nas janelas, fechar as frestas e colocar sacos de areia
na soleira das portas;
ü Limpar regularmente atrás de quadros, móveis, cantos, paredes, etc;
ü Manter limpos os arredores da casa, jardins, paióis, celeiros e não
deixar acumular lixo que atraiam baratas. Elas são alimentos
para aranhas e escorpiões.
ü Preservar predadores como: seriema, coruja, sapos e galinhas.
Primeiros Socorros
ü Lavar bem o local da picada com água e sabão;
ü Use compressas mornas para alívio da dor;
ü Administre ao paciente um analgésico (Dipirona, Paracetamol)
ü Levar a vítima imediatamente ao serviço de saúde mais próximo.
ü SE POSSÍVEL LEVE A ARANHA OU O ESCORPIÃO JUNTO.
SE POSSÍVEL NÃO MATE O ANIMAL
Procure capturar o animal peçonhento, com uma vara e um saco ou uma caixa
e os envie para o CEPB / Universidade Católica de Goiás, pois com o veneno destes
animais é feito o soro que vai salva-lo.
__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO EM GRANELEIROS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham em graneleiro:
ü Nunca ande sobre o monte de grãos, se esta sendo feita remoção destes
grãos pelas saídas inferiores.
ü Se for preciso caminhar sobre o monte de grãos, usar cinto de segurança e
sempre trabalhar em dois, mantendo um colega, segurando a corda do cinto, e
estando este na passarela superior, nunca também sobre os grãos.
ü Esperar no mínimo 48 horas para entrar no graneleiro, após a fumegação
dos grãos.
ü A poeira é somente incomodativa, más recomenda-se o uso de proteção
respiratória, simples para pó.
ü Muita atenção ao subir e descer as escadas do graneleiro;
ü Muita atenção ao caminhar sobre a passarela, principalmente se a esteira
estiver funcionando;
ü Não fazer deste ambiente o ambiente de permanência, ou seja, ficar o
mínimo possível no ambiente do graneleiro.
ü Muita atenção para o pó, evitando faiscamento, acender fogo e outros meios
de iniciar combustão no ambiente do graneleiro, pois pode haver explosão por
carga estática na poeira ambiente.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM SOLDA
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham com solda:

1) Tomar os seguintes cuidados com o aparelho e assessórios:
A máquina deve estar em perfeitas condições de uso;
O serviço de solda deve ser previamente autorizado;
Não utilizar ganchos no cabo terra, usar alicate;
O alicate do cabo terra, deve estar preso o mais próximo possível do
local a ser soldado;
ü Proteger os cabos elétricos quanto a passagem de veículos por cima
dos mesmos;
ü Somente pessoas habilitadas e treinadas, ou em treinamento sob
supervisão, podem fazer serviços de solda.
ü
ü
ü
ü

2) Usar obrigatoriamente os seguintes EPIs:
ü Calçado de segurança com a calça por cima;
ü Perneira, avental, luvas, mangotes tudo de raspa de couro;
ü Máscara para solda com lente escurecida;
ü Proteção respiratória do tipo 3M ou similar semi facial Ref. 7300S,
com
retentor Ref. 7287, cartucho químico Ref. 7253 e filtro Ref. 7255.
ü Como EPC, fazer sempre que possível, serviços de solda em locais
arejados, ventilados, abertos, longe de outros operários.
ü Como medida de ordem geral manter boa exaustão do local.

3) Se houver outras pessoas na área, fazer “biombos” de madeira ou
de chapa, isolando o ambiente onde se tem trabalhos com solda, para
evitar que durante estes trabalhos de solda, haja agressão pela
radiação ultravioleta a outros operários adjacentes, o que provoca
irritação nos olhos (fulguração).

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM ALIMENTOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham com alimentos:

1) Quem manipula os alimentos, deve:
ü
ü
ü
ü
ü

Usar uniforme, jaleco e protetor para os cabelos de cor clara e limpos;
Unhas curtas, limpas e sem esmalte;
Não deve usar nenhum adorno, como relógio, pulseira, anéis e outros;
Não pode trabalhar resfriado, ou com alguma virose (espirros, corisa);
Não pode trabalhar com ferimentos, ou micoses, nos braços ou mãos;

2) Na cozinha deve ter:
üTer boa iluminação, mesas impermeáveis, aberturas teladas, paredes
impermeáveis, de cor clara e teto forrado;
ü Os alimentos devem ser acondicionados em locais próprios, conforme
a necessidade de conservação de cada um;
ü A temperatura dos alimentos lácteos, precisa estar a abaixo de 10ºC;
 Ter água corrente, sifão, caixa sifonada, armários impermeáveis e
com porta;
 Os utensílios em bom estado de conservação;
 Lixo acondicionado em recipiente com saco plástico e tampa;
 As água utilizadas, com destino adequado (esgoto).

3) O local para refeições:











Local separado do setor industrial;
Mesa e bancos impermeáveis;
Protegido quanto a presença de insetos por tela;
Bebedouro de jato de água;
Aquecedor de marmitas (ou aquecer na cozinha diariamente);
Ventilação nas portas para proteção contra moscas;
Lâmpadas bactericidas;
Sempre uma pessoa limpando as mesas durante as refeições;
Lavatório com sabão líquido e toalha de papel descartável;
Condições normais de renovação de ar.

4) É proibido em cozinhas e em locais para refeições:










Acumular lixo;
Guardar produtos, utensílios e outros alheios à atividade;
Manter animais no local;
Fumar quando estiver em contato com os alimentos;
Utilizar alimentos, não preparados no mesmo dia (sobras);
Utilizar gordura ou óleo de fritura saturado;
usar embalagens recicladas;
Vender ou usar leite, não pasteurizado;
Manusear alimentos e dinheiros ao mesmo tempo;

5) Quem trabalha com alimentos, fazendo, servindo, deve:
Manter condições normais de higiene, limpeza em todos os locais
deste setor e ainda, todos os operários devem usar obrigatoriamente
os seguintes EPIs:
PARA SERVIR ALIMENTOS AOS OPERÁRIOS






Luvas descartáveis simples de plástico;
Proteção respiratória de pano;
Avental impermeável;
Quando do piso molhado – botas de borracha.
Proteção para o cabelo;

AINDA DEVEM OBSERVAR AS SEGUINTES CONDIÇÕES PESSOAIS
 Mão sempre higienizadas;
 Manter higiene pessoal de modo geral;
 Uniforme limpo e passado;
 Para os homens, manter barba feita;
 Se estiver com doenças, tipo gripe e outras, não servir alimentos;
PARA TRABALHOS NORMAIS NA COZINHA
Conforme a atividade, usar:






Luvas impermeáveis (umidade e produtos domissitários);
Luvas térmicas (equipamentos quentes);
Luvas com trama de aço (uso de facas e similares);
Avental impermeável;
Botas impermeáveis;

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

TRABALHO COM EMPILHADEIRA
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham com empilhadeira:
 Fazer inspeção geral antes de usar este equipamento, verificando
fundamentalmente: pontos de solda, engrenagens, nível do líquido hidráulico,
instalações hidráulicas, óleo do motor, funcionabilidade geral, pneus, bateria,
testar o freio pedal, direção e instrumentos, e ainda:
-

Manter funcionamento adequado da empilhadeira;
Respeitar todas as sinalizações de trânsito da empresa;
Respeitar limites de cargas da empilhadeira;
Evitar manobras que possam causar riscos a si mesmo e a terceiros;
Ter cuidados ao transportar e armazenar cargas;
Constatando-se algum risco comunicar imediatamente ao SESMT;
-

Participar de Treinamentos e Cursos oferecidos pela empresa referente à sua
função.

 Para encontrar a capacidade de carga:
- Levante a carga por uns 4 a 8 centímetros. O conjunto deve
ficar estável e firme em relação ao solo,
- Funcionar normalmente e observar a estabilidade e
as condições gerais de funcionamento do equipamento.
 Para levantar cargas:
- encaixe o garfo no palete de forma reta,
- incline um pouco o conjunto,
- levante a carga cerca de 30 cm e teste a estabilidade;
- levante a carga para livrar de obstáculos,
- somente depois ande com a carga levantada.
 Para descarga:
- desça até 30 cm do solo,
- acomode a carga a ser descarregada em seu local,
- retire o garfo.
 Atenção, é terminantemente proibido:















Operar a empilhadeira sem habilitação:
Transportar pessoas na empilhadeira;
Andar fora da velocidade permitida;
Estacionar em locais proibidos;
Fazer manobras desnecessárias;
Operar sem prévia vistoria técnica;
Trafegar em locais não autorizados;
Fazer enchimento de botijão de GLP;
Ultrapassar a carga máxima da empilhadeira;
A falta de uso dos EPIs;
Transitar à noite sem o uso da iluminação elétrica;
Ceder empilhadeira para terceiros;
Utilizar a empilhadeira para outros fins;
Transitar com cargas desorganizadas;

O operador deve usar todos os EPIs necessários;
 O operador deve possuir HABILITAÇÃO para operar a empilhadeira;
 O operador deve cumprir com as datas dos seus exames médicos
periódicos(Pré- admissional, Mudança de função, Retorno de trabalho,
Demissional, ETC);
 Procedimento em caso de acidentes:
- Prestar os 1º socorros;
- Encaminhar o acidentado ao serviço médico da empresa.
__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

MECÂNICO E ELETRICISTA DE AUTOS
A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais
previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78,
resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser
adotados por todos os empregados desta empresa que fazem manutenção mecânica
e elétrica em veículos automotores.
01 – Todos os operários que manuseiam, ou tem contato com qualquer tipo de graxa,
óleo lubrificante, óleo diesel, solventes, óleo mineral e outros derivados de carbono,
devem usar obrigatoriamente os seguintes EPIs:
2 Luvas impermeáveis de latex ou nitrílicas;
2 Creme protetor para as mãos;
2 Avental de raspa;
02 – Quando for lixar peças usando
obrigatoriamente, conforme a necessidade:
2 Protetor facial de acrílico;
2 Óculos de proteção amplavisão;
2 Avental de raspa;
2 Luvas de raspa;

lixadeira

ou

esmerilhadeira,

usar

03 – Ao executar serviços de solda elétrica, usar obrigatoriamente os seguintes EPIs:
2 Máscara protetora para solda com lente escurecida;
2 Luvas de raspa;
2 Avental de raspa;
2 Mangote de raspa;
2 Perneiras de raspa;
2 NOTA - Se o serviço de solda for em local fechado, confinado, usar proteção
respiratória e instalar exaustão;
03 – Ao executar serviços de solda óxi-acetileno, usar obrigatoriamente os seguintes
EPIs:
2 Óculos de maçariqueiro ou com lente escurecida;
2 Luvas de raspa;
2 Avental de raspa;
2 Mangote de raspa;
2 Perneiras de raspa;
2 NOTA - Se o serviço de solda for em local fechado, confinado, usar proteção
respiratória e instalar exaustão;
04 – Se for trabalhar manuseando qualquer produto químico, como aditivos, ácidos
usados em baterias, e outros, usar, conforme a necessidade, obrigatóriamente os
seguintes EPIs:
2 Luvas impermeáveis nitrílica;
2 Creme protetor para as mãos;
2 Avental de raspa;
2 Óculos de proteção amplavisão;
2 Proteção respiratória;
05 – Toda vez que for fazer algum serviço que envolva levante e transporte manual de
peças pesadas, tomar os seguintes cuidados:
2 Nunca levantar manualmente pesos acima de 60 Kg;
2 Sempre que preciso, usar carrinhos e outros meios que ajudam a
transportar peças pesadas;
2 Ao levantar manualmente peças pesadas, sempre lançar mão da
ajuda de um colega e sempre usar o esforço nos joelhos,
nunca na coluna vertebral.
06 – Ao fazer qualquer serviço que envolva segurar bem alguma peça, ou mesmo ao
se deparar com peças que possam provocar danos nas mãos, usar ubrigatóriamente,
conforme a necessidade os seguintes EPIs:
2 Luvas de raspa;
2 Luvas de algodão;
07 – Todos os operários devem fazer sua higiene pessoal, principalmente lavar as
mãos, toda vez que tiver contato com óleos, graxas, solventes e outros derivados de
carbono, tão logo termine o serviço que gerou estes contatos.
LEMBRAMOS QUE:
a) Temos no SESMT, a disposição de todos, sem custo nenhum para os
operários, todos os EPIs acima relacionados e outros que venham a ser
preciso.
b) A recusa do operário ao uso dos equipamentos de proteção, bem como de
seguir as orientações de segurança e/ou se negar
a assinar esta Ordem de Serviço, conforme a CLT, artigo 158,
constitui ato faltoso, portanto passível de punições legais.

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

ORDEM DE SERVIÇO
ESPECÍFICA PARA

ABASTECIMENTO DE EMPILHADEIRA COM
GLP
A empresa CIPA INDUSTRIAL DE PRODUTOS ALIMENTARES LTDA. situada no
município de Aparecida de Goiânia / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na
Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os
seguintes procedimentos prevencionistas que deverá ser adotado no procedimento de
ABASTECIMENTO DAS EMPILHADEIRA MOVIDAS A GLP, a saber:
1)

Não pode ser deixado fora do cercado determinante da área de risco, pela presença
dos tanques de GLP, mais que 5 (cinco) botijões P 20 carregados.

2)

Não pode ser deixado fora da área cercada, onde estão os tanques de GLP, nenhum
tanque P 20 vazio;

3)

Fica terminantemente proibido abastecer o tanque P 20, diretamente, quando o
mesmo ainda estiver na empilhadeira, e o operador junto.

4)

Qualquer necessidade de movimentar tanques P 20, para enche-los, quando a
empilhadeira estiver próxima, fazer com que o operador da empilhadeira se afaste,
no mínimo 15 metros do ponto de abastecimento.

Certo de que o não atendimento as determinação, contidas nesta Ordem de Serviço, pode
gerar punições previstas na legislação trabalhista, sem mais,

__________________________________
Nome Legível do Empregado

Ciente em ____/____/____

___________________________________
Assinatura do Empregado

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Treinamento NR 18 .pptx
Treinamento NR 18  .pptxTreinamento NR 18  .pptx
Treinamento NR 18 .pptx
MarceloRodriguesdaLu2
 
Ordem de-servico
Ordem de-servicoOrdem de-servico
Ordem de-servico
Wíndila Santana
 
Integração segurança
Integração segurançaIntegração segurança
Integração segurança
maestro120
 
Permissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quentePermissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quente
Jose Fernandes
 
Apr hr
Apr hrApr hr
Apr hr
Andre Cruz
 
Nr 12
Nr 12Nr 12
Ordem de Serviço -Pedreiro
Ordem de Serviço -PedreiroOrdem de Serviço -Pedreiro
Ordem de Serviço -Pedreiro
Tatyqueyroz
 
O.S Ordem de Serviço - NR1
O.S   Ordem de Serviço - NR1O.S   Ordem de Serviço - NR1
O.S Ordem de Serviço - NR1
Sergio Roberto Silva
 
Ordem de serviço eletricista
Ordem de serviço eletricistaOrdem de serviço eletricista
Ordem de serviço eletricista
EVALDO JUNIO SILVA DA GAMA
 
NR 12
NR 12NR 12
Curso trabalho em altura nr35
Curso trabalho em altura   nr35Curso trabalho em altura   nr35
Curso trabalho em altura nr35
Sergio Roberto Silva
 
NR05 - Cipa 20h -2023.pptx
NR05 - Cipa 20h -2023.pptxNR05 - Cipa 20h -2023.pptx
NR05 - Cipa 20h -2023.pptx
AndreLuis202744
 
Apr trabalho com solda eletrica
Apr   trabalho com solda eletricaApr   trabalho com solda eletrica
Apr trabalho com solda eletrica
Gleuciane Rocha
 
Ast análise-de-segurança-do-trabalho-site-segurança-do-trabalho-nwn
Ast análise-de-segurança-do-trabalho-site-segurança-do-trabalho-nwnAst análise-de-segurança-do-trabalho-site-segurança-do-trabalho-nwn
Ast análise-de-segurança-do-trabalho-site-segurança-do-trabalho-nwn
TIAGO SAMPOGNA DE MORAES
 
28 modelos de ordens de servicos mega seguranca do trabalho
28 modelos de ordens de servicos   mega seguranca do trabalho28 modelos de ordens de servicos   mega seguranca do trabalho
28 modelos de ordens de servicos mega seguranca do trabalho
quantizar
 
Nr 26-sinalizacao-de-seguranca
Nr 26-sinalizacao-de-segurancaNr 26-sinalizacao-de-seguranca
Nr 26-sinalizacao-de-seguranca
Tst Valadares
 
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptxNR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
Leomir Borghardt
 
Treinamento NR 12
Treinamento NR 12Treinamento NR 12
Treinamento NR 12
Mauro Sergio Vales de Souza
 
TREINAMENTO NR 18
TREINAMENTO NR 18TREINAMENTO NR 18
TREINAMENTO NR 18
SURICATASoluesemSegu
 
NR 12 - Máquinas e Equipamentos
NR 12 - Máquinas e EquipamentosNR 12 - Máquinas e Equipamentos
NR 12 - Máquinas e Equipamentos
Zanel EPIs de Raspa e Vaqueta
 

Mais procurados (20)

Treinamento NR 18 .pptx
Treinamento NR 18  .pptxTreinamento NR 18  .pptx
Treinamento NR 18 .pptx
 
Ordem de-servico
Ordem de-servicoOrdem de-servico
Ordem de-servico
 
Integração segurança
Integração segurançaIntegração segurança
Integração segurança
 
Permissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quentePermissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quente
 
Apr hr
Apr hrApr hr
Apr hr
 
Nr 12
Nr 12Nr 12
Nr 12
 
Ordem de Serviço -Pedreiro
Ordem de Serviço -PedreiroOrdem de Serviço -Pedreiro
Ordem de Serviço -Pedreiro
 
O.S Ordem de Serviço - NR1
O.S   Ordem de Serviço - NR1O.S   Ordem de Serviço - NR1
O.S Ordem de Serviço - NR1
 
Ordem de serviço eletricista
Ordem de serviço eletricistaOrdem de serviço eletricista
Ordem de serviço eletricista
 
NR 12
NR 12NR 12
NR 12
 
Curso trabalho em altura nr35
Curso trabalho em altura   nr35Curso trabalho em altura   nr35
Curso trabalho em altura nr35
 
NR05 - Cipa 20h -2023.pptx
NR05 - Cipa 20h -2023.pptxNR05 - Cipa 20h -2023.pptx
NR05 - Cipa 20h -2023.pptx
 
Apr trabalho com solda eletrica
Apr   trabalho com solda eletricaApr   trabalho com solda eletrica
Apr trabalho com solda eletrica
 
Ast análise-de-segurança-do-trabalho-site-segurança-do-trabalho-nwn
Ast análise-de-segurança-do-trabalho-site-segurança-do-trabalho-nwnAst análise-de-segurança-do-trabalho-site-segurança-do-trabalho-nwn
Ast análise-de-segurança-do-trabalho-site-segurança-do-trabalho-nwn
 
28 modelos de ordens de servicos mega seguranca do trabalho
28 modelos de ordens de servicos   mega seguranca do trabalho28 modelos de ordens de servicos   mega seguranca do trabalho
28 modelos de ordens de servicos mega seguranca do trabalho
 
Nr 26-sinalizacao-de-seguranca
Nr 26-sinalizacao-de-segurancaNr 26-sinalizacao-de-seguranca
Nr 26-sinalizacao-de-seguranca
 
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptxNR18-Treinamento-Integracao.pptx
NR18-Treinamento-Integracao.pptx
 
Treinamento NR 12
Treinamento NR 12Treinamento NR 12
Treinamento NR 12
 
TREINAMENTO NR 18
TREINAMENTO NR 18TREINAMENTO NR 18
TREINAMENTO NR 18
 
NR 12 - Máquinas e Equipamentos
NR 12 - Máquinas e EquipamentosNR 12 - Máquinas e Equipamentos
NR 12 - Máquinas e Equipamentos
 

Destaque

Ordem de Serviço de Segurança Técnico segurança no trabalho
Ordem de Serviço de Segurança Técnico segurança no trabalhoOrdem de Serviço de Segurança Técnico segurança no trabalho
Ordem de Serviço de Segurança Técnico segurança no trabalho
Jeovane Luna
 
ordem de serviço
ordem de serviçoordem de serviço
ordem de serviço
Ana de Moura
 
Os aux.limpeza e higiene (1) (1)
Os  aux.limpeza e higiene (1) (1)Os  aux.limpeza e higiene (1) (1)
Os aux.limpeza e higiene (1) (1)
EVALDO JUNIO SILVA DA GAMA
 
Ordem de serviço operador de empilhadeira
Ordem de serviço operador de empilhadeiraOrdem de serviço operador de empilhadeira
Ordem de serviço operador de empilhadeira
EVALDO JUNIO SILVA DA GAMA
 
O.s para padeiros
O.s para padeirosO.s para padeiros
O.s para padeiros
CRISTIANO BALIEIRO
 
Ordem de Serviço Apontador
Ordem de Serviço ApontadorOrdem de Serviço Apontador
Ordem de Serviço Apontador
Deizi Azevedo
 
Pop 43 limpeza aparelhos ar condicionado.
Pop 43 limpeza aparelhos ar condicionado.Pop 43 limpeza aparelhos ar condicionado.
Pop 43 limpeza aparelhos ar condicionado.
Bruno Pires
 
Os+ +auxiliar+de+serviços+gerais+diurno
Os+ +auxiliar+de+serviços+gerais+diurnoOs+ +auxiliar+de+serviços+gerais+diurno
Os+ +auxiliar+de+serviços+gerais+diurno
Renato Lopes de Freitas
 
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratrizOrdem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
Paulo Carvalho
 
Mod ordem serviço
Mod ordem serviçoMod ordem serviço
Mod ordem serviço
Marcio Alves
 
Manutenção de ar condicionado
Manutenção de ar condicionadoManutenção de ar condicionado
Manutenção de ar condicionado
mjmcreatore
 
Plano Manutenção Operação e Controle
Plano Manutenção Operação e ControlePlano Manutenção Operação e Controle
Plano Manutenção Operação e Controle
Jaime Filho
 
Os encanador
Os encanadorOs encanador
Os encanador
Montacon
 
Modelo de os 3
Modelo de os 3Modelo de os 3
Modelo de os 3
Montacon
 
Os pedreiro
Os   pedreiroOs   pedreiro
Os pedreiro
Bor Ges
 
Prot. 0339 15 pl obrigatoriedade de certificado de manutenção e-ou limpeza ...
Prot. 0339 15   pl obrigatoriedade de certificado de manutenção e-ou limpeza ...Prot. 0339 15   pl obrigatoriedade de certificado de manutenção e-ou limpeza ...
Prot. 0339 15 pl obrigatoriedade de certificado de manutenção e-ou limpeza ...
Claudio Figueiredo
 
Treinamento de Ordem de Serviço
Treinamento de Ordem de ServiçoTreinamento de Ordem de Serviço
Treinamento de Ordem de Serviço
Tst_Thiago
 
Cartilha Riscos na Limpeza
Cartilha Riscos na LimpezaCartilha Riscos na Limpeza
Cartilha Riscos na Limpeza
Robson Peixoto
 
Cp06005 anexo viii
Cp06005 anexo viiiCp06005 anexo viii
Cp06005 anexo viii
Valdineilao Lao
 
Portaria Nº 3.523 - PMOC
Portaria Nº 3.523 - PMOCPortaria Nº 3.523 - PMOC
Portaria Nº 3.523 - PMOC
Seccional Informática
 

Destaque (20)

Ordem de Serviço de Segurança Técnico segurança no trabalho
Ordem de Serviço de Segurança Técnico segurança no trabalhoOrdem de Serviço de Segurança Técnico segurança no trabalho
Ordem de Serviço de Segurança Técnico segurança no trabalho
 
ordem de serviço
ordem de serviçoordem de serviço
ordem de serviço
 
Os aux.limpeza e higiene (1) (1)
Os  aux.limpeza e higiene (1) (1)Os  aux.limpeza e higiene (1) (1)
Os aux.limpeza e higiene (1) (1)
 
Ordem de serviço operador de empilhadeira
Ordem de serviço operador de empilhadeiraOrdem de serviço operador de empilhadeira
Ordem de serviço operador de empilhadeira
 
O.s para padeiros
O.s para padeirosO.s para padeiros
O.s para padeiros
 
Ordem de Serviço Apontador
Ordem de Serviço ApontadorOrdem de Serviço Apontador
Ordem de Serviço Apontador
 
Pop 43 limpeza aparelhos ar condicionado.
Pop 43 limpeza aparelhos ar condicionado.Pop 43 limpeza aparelhos ar condicionado.
Pop 43 limpeza aparelhos ar condicionado.
 
Os+ +auxiliar+de+serviços+gerais+diurno
Os+ +auxiliar+de+serviços+gerais+diurnoOs+ +auxiliar+de+serviços+gerais+diurno
Os+ +auxiliar+de+serviços+gerais+diurno
 
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratrizOrdem de serviço operador de maquina perfuratriz
Ordem de serviço operador de maquina perfuratriz
 
Mod ordem serviço
Mod ordem serviçoMod ordem serviço
Mod ordem serviço
 
Manutenção de ar condicionado
Manutenção de ar condicionadoManutenção de ar condicionado
Manutenção de ar condicionado
 
Plano Manutenção Operação e Controle
Plano Manutenção Operação e ControlePlano Manutenção Operação e Controle
Plano Manutenção Operação e Controle
 
Os encanador
Os encanadorOs encanador
Os encanador
 
Modelo de os 3
Modelo de os 3Modelo de os 3
Modelo de os 3
 
Os pedreiro
Os   pedreiroOs   pedreiro
Os pedreiro
 
Prot. 0339 15 pl obrigatoriedade de certificado de manutenção e-ou limpeza ...
Prot. 0339 15   pl obrigatoriedade de certificado de manutenção e-ou limpeza ...Prot. 0339 15   pl obrigatoriedade de certificado de manutenção e-ou limpeza ...
Prot. 0339 15 pl obrigatoriedade de certificado de manutenção e-ou limpeza ...
 
Treinamento de Ordem de Serviço
Treinamento de Ordem de ServiçoTreinamento de Ordem de Serviço
Treinamento de Ordem de Serviço
 
Cartilha Riscos na Limpeza
Cartilha Riscos na LimpezaCartilha Riscos na Limpeza
Cartilha Riscos na Limpeza
 
Cp06005 anexo viii
Cp06005 anexo viiiCp06005 anexo viii
Cp06005 anexo viii
 
Portaria Nº 3.523 - PMOC
Portaria Nº 3.523 - PMOCPortaria Nº 3.523 - PMOC
Portaria Nº 3.523 - PMOC
 

Semelhante a Ordem de servio geral

Epis.pptx
Epis.pptxEpis.pptx
Epis.pptx
SuelenSouza57
 
Procedimentos de segurança do trabalho em operação de Tratores com defensivos...
Procedimentos de segurança do trabalho em operação de Tratores com defensivos...Procedimentos de segurança do trabalho em operação de Tratores com defensivos...
Procedimentos de segurança do trabalho em operação de Tratores com defensivos...
JunaiaFigueiredo2
 
Treinamento Alimentacao 2023 AT AGO23.ppt
Treinamento Alimentacao 2023 AT AGO23.pptTreinamento Alimentacao 2023 AT AGO23.ppt
Treinamento Alimentacao 2023 AT AGO23.ppt
camilarsidrim
 
O.+s.+caldeireiro
O.+s.+caldeireiroO.+s.+caldeireiro
O.+s.+caldeireiro
renansants
 
Manual dds
Manual ddsManual dds
Manual dds
prevencaonline
 
ficha mei 06 atividades de reparacao serigrafia artesanato e outras.pdf
ficha mei 06 atividades de reparacao serigrafia artesanato e outras.pdfficha mei 06 atividades de reparacao serigrafia artesanato e outras.pdf
ficha mei 06 atividades de reparacao serigrafia artesanato e outras.pdf
IraciSarges
 
ficha mei 05 atividades de fabricacao artesanal de artigos de couro.pdf
ficha mei 05 atividades de fabricacao artesanal de artigos de couro.pdfficha mei 05 atividades de fabricacao artesanal de artigos de couro.pdf
ficha mei 05 atividades de fabricacao artesanal de artigos de couro.pdf
IraciSarges
 
Curso NR 06 - Slides.pdf
Curso NR 06 - Slides.pdfCurso NR 06 - Slides.pdf
Curso NR 06 - Slides.pdf
AlexsanderRodrigues18
 
TREINAMENTO DIFERENÇA DE ACIDENTE E QUASE ACIDENTE.pptx
TREINAMENTO DIFERENÇA DE ACIDENTE E QUASE ACIDENTE.pptxTREINAMENTO DIFERENÇA DE ACIDENTE E QUASE ACIDENTE.pptx
TREINAMENTO DIFERENÇA DE ACIDENTE E QUASE ACIDENTE.pptx
Isvaldo Gomes De Oliveira
 
manual de boas praticas - laboratório.pdf
manual de boas praticas - laboratório.pdfmanual de boas praticas - laboratório.pdf
manual de boas praticas - laboratório.pdf
EriveltoFerreiraAlbu
 
NR 12.pptx
NR 12.pptxNR 12.pptx
Manual Lavadora Karcher K 3390 K3390 K 3.390 BR
Manual Lavadora Karcher K 3390 K3390 K 3.390 BRManual Lavadora Karcher K 3390 K3390 K 3.390 BR
Manual Lavadora Karcher K 3390 K3390 K 3.390 BR
Nome Sobrenome
 
Treinamento conservação do EPI-2022.pptx
Treinamento conservação do EPI-2022.pptxTreinamento conservação do EPI-2022.pptx
Treinamento conservação do EPI-2022.pptx
carloswillian14
 
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.pptEQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
Antonio Bezerra
 
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.pptEQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
Antonio Bezerra
 
Manual de Segurança no Trabalho - resumido
Manual de Segurança no Trabalho - resumidoManual de Segurança no Trabalho - resumido
Manual de Segurança no Trabalho - resumido
proftstsergioetm
 
Curso de NR6 - Treinamento de Uso correto de EPI.pdf
Curso de NR6 - Treinamento de Uso correto de EPI.pdfCurso de NR6 - Treinamento de Uso correto de EPI.pdf
Curso de NR6 - Treinamento de Uso correto de EPI.pdf
cecilia220770
 
Apresentação de martelete com norma errada.pptx
Apresentação de martelete com norma errada.pptxApresentação de martelete com norma errada.pptx
Apresentação de martelete com norma errada.pptx
JTFSERVIOS
 
nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptxnr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
IvoneSobrinho1
 
06 - nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
06 - nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx06 - nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
06 - nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
LucasSantosBitti
 

Semelhante a Ordem de servio geral (20)

Epis.pptx
Epis.pptxEpis.pptx
Epis.pptx
 
Procedimentos de segurança do trabalho em operação de Tratores com defensivos...
Procedimentos de segurança do trabalho em operação de Tratores com defensivos...Procedimentos de segurança do trabalho em operação de Tratores com defensivos...
Procedimentos de segurança do trabalho em operação de Tratores com defensivos...
 
Treinamento Alimentacao 2023 AT AGO23.ppt
Treinamento Alimentacao 2023 AT AGO23.pptTreinamento Alimentacao 2023 AT AGO23.ppt
Treinamento Alimentacao 2023 AT AGO23.ppt
 
O.+s.+caldeireiro
O.+s.+caldeireiroO.+s.+caldeireiro
O.+s.+caldeireiro
 
Manual dds
Manual ddsManual dds
Manual dds
 
ficha mei 06 atividades de reparacao serigrafia artesanato e outras.pdf
ficha mei 06 atividades de reparacao serigrafia artesanato e outras.pdfficha mei 06 atividades de reparacao serigrafia artesanato e outras.pdf
ficha mei 06 atividades de reparacao serigrafia artesanato e outras.pdf
 
ficha mei 05 atividades de fabricacao artesanal de artigos de couro.pdf
ficha mei 05 atividades de fabricacao artesanal de artigos de couro.pdfficha mei 05 atividades de fabricacao artesanal de artigos de couro.pdf
ficha mei 05 atividades de fabricacao artesanal de artigos de couro.pdf
 
Curso NR 06 - Slides.pdf
Curso NR 06 - Slides.pdfCurso NR 06 - Slides.pdf
Curso NR 06 - Slides.pdf
 
TREINAMENTO DIFERENÇA DE ACIDENTE E QUASE ACIDENTE.pptx
TREINAMENTO DIFERENÇA DE ACIDENTE E QUASE ACIDENTE.pptxTREINAMENTO DIFERENÇA DE ACIDENTE E QUASE ACIDENTE.pptx
TREINAMENTO DIFERENÇA DE ACIDENTE E QUASE ACIDENTE.pptx
 
manual de boas praticas - laboratório.pdf
manual de boas praticas - laboratório.pdfmanual de boas praticas - laboratório.pdf
manual de boas praticas - laboratório.pdf
 
NR 12.pptx
NR 12.pptxNR 12.pptx
NR 12.pptx
 
Manual Lavadora Karcher K 3390 K3390 K 3.390 BR
Manual Lavadora Karcher K 3390 K3390 K 3.390 BRManual Lavadora Karcher K 3390 K3390 K 3.390 BR
Manual Lavadora Karcher K 3390 K3390 K 3.390 BR
 
Treinamento conservação do EPI-2022.pptx
Treinamento conservação do EPI-2022.pptxTreinamento conservação do EPI-2022.pptx
Treinamento conservação do EPI-2022.pptx
 
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.pptEQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
 
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.pptEQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL 2023.ppt
 
Manual de Segurança no Trabalho - resumido
Manual de Segurança no Trabalho - resumidoManual de Segurança no Trabalho - resumido
Manual de Segurança no Trabalho - resumido
 
Curso de NR6 - Treinamento de Uso correto de EPI.pdf
Curso de NR6 - Treinamento de Uso correto de EPI.pdfCurso de NR6 - Treinamento de Uso correto de EPI.pdf
Curso de NR6 - Treinamento de Uso correto de EPI.pdf
 
Apresentação de martelete com norma errada.pptx
Apresentação de martelete com norma errada.pptxApresentação de martelete com norma errada.pptx
Apresentação de martelete com norma errada.pptx
 
nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptxnr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
 
06 - nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
06 - nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx06 - nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
06 - nr12-trein-procedimento-martelete-eletrico.pptx
 

Mais de Montacon

Apostila de controle de perdas
Apostila de controle de perdasApostila de controle de perdas
Apostila de controle de perdas
Montacon
 
Artigo 07
Artigo 07Artigo 07
Artigo 07
Montacon
 
Curso iluminamentopowerpoint
Curso iluminamentopowerpointCurso iluminamentopowerpoint
Curso iluminamentopowerpoint
Montacon
 
Cipadasa
CipadasaCipadasa
Cipadasa
Montacon
 
Brigada de incêndio 03
Brigada de incêndio 03Brigada de incêndio 03
Brigada de incêndio 03
Montacon
 
Curso bás. chefias
Curso bás. chefiasCurso bás. chefias
Curso bás. chefias
Montacon
 
Aula riscoocupacional
Aula riscoocupacionalAula riscoocupacional
Aula riscoocupacional
Montacon
 
Apresentação sobre ruido
Apresentação sobre ruidoApresentação sobre ruido
Apresentação sobre ruido
Montacon
 
5 benzeno
5 benzeno5 benzeno
5 benzeno
Montacon
 
3 laboratório1
3 laboratório13 laboratório1
3 laboratório1
Montacon
 
2 avaliação toxicidade
2 avaliação toxicidade2 avaliação toxicidade
2 avaliação toxicidade
Montacon
 
(Ferramentas elétricas portáteis)
(Ferramentas elétricas portáteis)(Ferramentas elétricas portáteis)
(Ferramentas elétricas portáteis)
Montacon
 

Mais de Montacon (12)

Apostila de controle de perdas
Apostila de controle de perdasApostila de controle de perdas
Apostila de controle de perdas
 
Artigo 07
Artigo 07Artigo 07
Artigo 07
 
Curso iluminamentopowerpoint
Curso iluminamentopowerpointCurso iluminamentopowerpoint
Curso iluminamentopowerpoint
 
Cipadasa
CipadasaCipadasa
Cipadasa
 
Brigada de incêndio 03
Brigada de incêndio 03Brigada de incêndio 03
Brigada de incêndio 03
 
Curso bás. chefias
Curso bás. chefiasCurso bás. chefias
Curso bás. chefias
 
Aula riscoocupacional
Aula riscoocupacionalAula riscoocupacional
Aula riscoocupacional
 
Apresentação sobre ruido
Apresentação sobre ruidoApresentação sobre ruido
Apresentação sobre ruido
 
5 benzeno
5 benzeno5 benzeno
5 benzeno
 
3 laboratório1
3 laboratório13 laboratório1
3 laboratório1
 
2 avaliação toxicidade
2 avaliação toxicidade2 avaliação toxicidade
2 avaliação toxicidade
 
(Ferramentas elétricas portáteis)
(Ferramentas elétricas portáteis)(Ferramentas elétricas portáteis)
(Ferramentas elétricas portáteis)
 

Último

História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
sesiomzezao
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 

Último (20)

História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 

Ordem de servio geral

  • 1. ORDEM DE SERVIÇO GERAL A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa. 1. Todos os empregados deverão participar das eleições da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA), bem como dar apoio para o seu bom funcionamento. 1.1. Caberá aos membros da CIPA, elaborar o Mapeamento de Riscos, após um levantamento dos riscos existentes em cada seção da empresa; 1.2. Caberá aos membros da CIPA, participar ativamente das reuniões mensais ordinárias e extraordinárias quando houverem, investigar acidentes ocorridos e/ou doenças profissionais, inspecionar os locais de trabalho, procurar despertar o interesse dos colegas pela prevenção de acidentes de trabalho bem como de doenças profissionais e sugerir ao empregador a adoção de medidas prevencionistas que julgarem necessárias; 1.3. Deverão os membros da CIPA, participar do curso sobre prevenção de acidentes do trabalho, em horário de expediente normal da empresa. 2. No caso desta empresa não precisa compor CIPA, assim a lei determina que, a empresa, deverá designar um operário como representante de segurança do trabalho dos demais, e este operário, terá que fazer o curso de cipeiro anualmente. 3. Torna-se obrigatório o uso dos Equipamentos de Proteção Individuais, sempre que os mesmos se fizerem necessários, conforme recomendado no PPRA, conforme relação a seguir: 3.1. Avental de material impermeável; 3.2. Avental de raspa de couro; 3.3. Bota de material impermeável; 3.4. Calçados de segurança com biqueira reforçada; 3.5. Capacetes; 3.6. Cintos de segurança tipo pára-quedista; 3.7. Creme para as mãos tipo Luvex 2; 3.8. Luvas com trama de aço; 3.9. Luvas de latex, PVC ou nitrílica; 3.10. Luvas de raspa de couro; 3.11. Luvas de vaqueta natural; 3.12. Luvas isolantes para eletricidade; 3.13. Máscara simples descartável do tipo P 2; 3.14. Máscaras (respiradores semi-faciais com filtro conforme for necessário) 3.15. Óculos de segurança; 3.16. Perneira de raspa de couro; 3.17. Protetores auditivos de inserção; 3.18. Protetores auditivos tipo abafador; 3.19. Protetores faciais; 3.20. Vestimenta de trabalho; 3.21. E, outros, conforme especificado neste PPRA. 4. Comunicar à sua chefia ou ao setor competente, a inutilização parcial ou total dos EPIs para sua troca; 5. Responsabilizar-se pelos Equipamentos de Proteção Individual que lhes são fornecidos, bem como higienizá-los após o uso ou ao término do trabalho;
  • 2. 6. Não retirar das máquinas e equipamentos, os dispositivos de proteção de que são dotados, zelando pela conservação e eficiência dos mesmos; 7. Comunicar à chefia quaisquer irregularidades nas máquinas e equipamentos que possam gerar acidentes; 8. Não executar reparos, ajustes, limpeza e inspeção nas máquinas e equipamentos em funcionamento, a não ser quando este funcionamento for indispensável e somente se for trabalhador habilitado para tal tarefa. 9. Não utilizar nenhuma máquina ou equipamento sem que esteja treinado para tal; 10. Exercer somente a função para a qual foi contratado e treinado; 11. Submeter-se aos exames médicos: admissional, periódico, demissional, de mudança de função, de retorno ao trabalho e outros complementares conforme a determinação do Programa de Controle Médico e Saúde Ocupacional, bem como colaborar no cumprimento desse programa; 12. Não trabalhar alcoolizado, nem utilizar de bebida alcoólica durante a jornada de trabalho; 13. São proibidas as brincadeiras que possam levar à distrações, quando estiver executando alguma tarefa que necessite de atenção e assim criar situações de risco de acidentes; 14. Colaborar sempre na limpeza do seu local de trabalho, bem como dos locais destinados à refeição, vestiário e instalações sanitárias; 15. Beber a água, somente em bebedouros de jato inclinado, dotados de filtro. Não use copos coletivos, latas ou recipientes que tenham sido utilizados por outros. Muitas doenças são transmitidas pela saliva de pessoas doentes; 16. Conhecer bem a localização dos equipamentos de combate ao fogo e como manuseá-los; 17. Não danificar ou retirar quaisquer cartazes, avisos, lembretes, placas de sinalização e de advertência afixados nos locais de trabalho, sempre prestando atenção nas mensagens dos mesmos; 18. Não guardar roupas e objetos pessoais em partes de máquinas, caixas de energia elétrica, ou qualquer outro local, devendo ser usado para tal fim somente os armários do vestiário; 19. Participar das palestras, treinamentos e cursos que sua empresa promover. Serão dados para o seu aperfeiçoamento profissional e para sua segurança e saúde; 20. Não fumar onde estiverem armazenados produtos químicos, material combustível, ou quando estiver trabalhando com os mesmos; 21. Lavar sempre as mãos antes das refeições e após o uso dos sanitários; 22. Sempre que ocorrer um acidente, chame as pessoas encarregadas em primeiros socorros ou seu chefe imediatamente, para as providências necessárias; 23. Guardar os Equipamentos de Proteção Individual nos locais determinados pela empresa, no fim da jornada de trabalho, sempre higienizados para usá-los no dia seguinte;
  • 3. 24. Cuidar para que a segurança do seu local de trabalho seja sempre mantida, advertindo se necessário, seu colega, e comunicando à chefia imediata, qualquer anormalidade observada que possa originar um acidente; 25. Nunca improvise ferramentas no trabalho. Ex.: não use alicate como martelo, chave de fenda como alavanca, etc. Toda função tem as ferramentas que lhe é devida e que devem ser usadas, assim como a maneira correta do seu manuseio; 26. Não ligar simultaneamente mais de um aparelho à mesma tomada de corrente, com o emprego de acessórios que aumentam o número de saídas, salvo se a instalação for projetada com essa finalidade, pois a sobrecarga de corrente pode ocasionar um curto-circuito, com início e expansão de incêndio na empresa; 27. Não faça “gambiarras”, nem improvise, em instalações elétricas. No caso de problemas elétricos, chame sempre o eletricista responsável, ou seu chefe imediato para tomar as providências cabíveis; 28. Comunicar à chefia imediata, sempre que constatar defeitos em partes das instalações elétricas como: fios descascados, embaraçados, soltos pelo chão, em altura que possa ocasionar contato acidental. Os acidentes decorrentes de cheque elétrico podem ser fatais. 29. É terminantemente proibido, transportar inflamáveis, mesmo que em pequenas quantidades, fazer manutenção ou entrar para qualquer outra atividade em área de risco gerada por inflamáveis, bem como fazer manutenção em linhas de GLP ou maçaricos de GLP, sem que esteja devidamente autorizado para tal trabalho. 30. Todos os operários devem também seguir as orientações contidas nas Ordens de Serviços Específicas, e outras orientações passadas por Avisos e Circulares. 31. É terminantemente proibido : - Trabalhar: descalço, de sandália ou tamanco; - Pessoas não habilitadas operar máquinas e outros equipamentos; - Utilizar a empilhadeira, ou trator para transporte de pessoal; - Utilizar a carretinha do trator para transporte de pessoal; - Trabalhar com brinco, corrente, pulseiras, anéis, ou qualquer adorno pessoal; - Fazer manutenção, limpeza, ou lubrificar máquinas em movimento. O NÃO CUMPRIMENTO DESTAS “ORDENS DE SERVIÇO” IMPLICARÁ EM ADVERTÊNCIAS, SUSPENSÃO E DEMISSÃO POR JUSTA CAUSA. Nunca pense que acidentes e doenças não possam acontecer com você. Cuide de sua saúde e segurança. Sua vida é importante! __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado
  • 4. ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM SOLDA A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa. 1) Todos os operários que trabalham executando os serviços de solda, bem como todos os seus ajudantes e outros nas proximidades, devem usar obrigatoriamente os seguintes EPIs: Calçado de segurança com a calça por cima; Perneira, avental, luvas, mangotes tudo de raspa de couro; Máscara para solda com lente escurecida; Proteção respiratória do tipo 3M ou similar semi facial Ref. 7300S, com retentor Ref. 7287, cartucho químico Ref. 7253 e filtro Ref. 7255.  Como EPC, fazer sempre que possível, serviços de solda em locais arejados, ventilados, abertos, longe de outros operários.  Como medida de ordem geral manter boa exaustão do local.     2) Se houver presença de operários circulando no ambiente de solda ou próximo deste, os quais podem também, vir a sofrer a ação danosa destas radiações não ionizantes, assim, tomar o seguinte cuidado:  Fazer “biombos” de madeira ou de chapa, isolando o ambiente onde se tem trabalhos com solda, para evitar que durante estes trabalhos de solda, haja agressão pela radiação ultravioleta a outros operários adjacentes, o que provoca irritação nos olhos (fulguração). 3) Antes de iniciar os trabalhos de solda, verificar se as instalações elétricas, cabo terra, fiação de energia, alicate e outras estão em perfeitas condições de uso, isoladas dielétricamente. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado
  • 5. ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM DOMISSITÁRIOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que usam produtos domissitários (detergentes, sab 1) Informar aos operários que trabalham na limpeza, o seguinte:                  Seguir sempre as instruções de uso; Ver se os rótulos contém as instruções aprovadas p/ leis; Não remover o rótulo; Seguir sempre as porções recomendadas para cada caso; Evitar respingos ( usar funil para transferências destes produtos) Fechar bem as embalagens depois de usa-las; Guardar estes produtos em local próprio longe de estranhos; Não comer, não beber e nem fumar quando usar estes produtos; Cuidado com aerossóis : - não jogar onde houver chama ( fogão aceso, fósforo, etc) - não jogar fora em incineradores; Não usar pesticidas sobre utensílios domésticos nem alimentos; No uso de pesticida, depois ventilar o local; Nunca toque com as luvas sujas em seu próprio corpo; No final de uso, limpar bem as luvas, botas, etc com água sabão; Somente usar luvas no serviço, nunca para outras atividades; Ao terminar o serviço, tomar banho e trocar de roupa; Não usar ficar com a roupa se esta for contaminada ; Perfurar embalagens metálicas para evitar reutilização; 2) Usar sempre os seguintes EPIs, quando manuseando com estes produtos:         Luva de látex para serviços leves; Luvas nitrílicas para serviços mais pesados; Botas de borracha para lavar pisos e em locais úmidos Avental de napa ou outro material impermeável; Uniforme completo, trocando sempre que necessário; Óculos de proteção ( quando pode haver respingos); Escovão com cabo prolongado, para serviços em pisos. Proteção aos joelhos para serviços feitos ajoelhado. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado
  • 6. ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM AGROTÓXICOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham com agrotóxico: CUIDADOS DE ORDEM GERAL  Seguir sempre as instruções de uso de cada produto, e de cada fabricante;  Ver se os rótulos contém as instruções aprovadas p/ leis;  Não remover o rótulo;  Seguir sempre as porções recomendadas para cada caso;  Evitar respingos ( usar funil para transferências destes produtos)  Fechar bem as embalagens depois de usa-las;  Guardar estes produtos em local próprio longe de estranhos;  Não comer, não beber e nem fumar quando usar estes produtos;  Cuidado com aerossóis : - não jogar onde houver chama ( fogão aceso, fósforo, etc) - não jogar fora em incineradores;  Não usar pesticidas sobre utensílios domésticos nem alimentos;  No uso de pesticida, depois ventilar o local;  Nunca toque com as luvas sujas em seu próprio corpo;  No final de uso, limpar bem as luvas, botas, etc com água sabão;  Somente usar luvas no serviço, nunca para outras atividades;  Ao terminar o serviço, tomar banho e trocar de roupa;  Não usar ficar com a roupa se esta for contaminada ;  Perfurar embalagens metálicas para evitar reutilização; USAR OS SEGUINTES EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO  Roupa especial fornecida pelo fabricante do agrotóxico;  Luvas de PVC;  Botina tipo rancheira ( o ideal seria calçado de segurança ), ou bota de PVC, quando precisar de calçado impermeável.  Máscara semi facial 3M ou similar Ref. 7300S de silicone grande, com cartucho substituível Ref. 7253, e sem filtro.  Óculos de proteção tipo amplavisão;  Chapéu de material impermeável.  Avental de material impermeável. NA APLICAÇÃO
  • 7.  Antes de aplicar, rever as instruções de uso, bem como as precauções a serem tomadas em cada caso;  Fazer a aplicação, somente nas horas mais frescas do dia, e nunca aplique o produto, contra o vento;  Durante a aplicação, tomar muito cuidado, para não contaminar as pastagens, rios, lagos e demais fontes de água de uso da comunidade;  Lave bem as mãos e o rosto antes de fumar, beber ou comer. Nunca o faça durante a aplicação dos produtos; APÓS A APLICAÇÃO  Enterre os restos de defensivos, onde não haja possibilidade de contaminação de animais, alimentos ou fontes de água. Nunca lave os recipientes em rios, lagos ou fontes de água;  Seguir as instruções de uso, a seguir, para se desfazer das embalagens;  Por fim, tome banho e troque a roupa utilizada no trabalho, e somente usa-la novamente depois de lavada. NO ARMAZENAMENTO  Para diminuir a corrosão na base das embalagens, procure coloca-las sobre um estrado de madeira, de forma a evitar não só o contato das embalagens com o piso, mas também que sejam atingidas pela umidade;  Guarde as embalagens de formulação química, com as fechos voltados para cima. Antes de armazena-las, verifique cuidadosamente, se as mesmas não tem algum vazamento;  Nunca armazene os agrotóxicos, junto com sacarias, com rações para animais, cereais, adubos ou alimentos. Lembre-se de guarda-los com os rótulos bem visíveis, a fim de facilitar sua localização;  Mantenha o depósito de agrotóxico, sempre bem seco e bem ventilado de forma a evitar que as embalagens armazenadas se danifiquem;  Examine freqüentemente todas as embalagens armazenadas no depósito, a fim de manter sempre atualizadas a relação dos produtos estocados.  Após o uso, procure guarda-lo de forma correta, sempre em sua embalagem original e bem fechada;  No que se refere ao número de camadas para empilhamento das embalagens, procure seguir, além das orientações do fabricante, as seguintes recomendações: SACOS: faça por estrado (1,20 x 1,20 m), pilhas de aproximadamente uma tonelada ou 45 sacos, tomando sempre os cuidados necessários para evitar possíveis deslizamento; BANDES: coloque-os sobre estrados de madeira em número não superior a 4 (quatro) baldes, um sobre o outro; TAMBORES DE 20 A 60 LITROS: procure empilha-los em estrados de madeira, colocando, no máximo, duas camadas por estrado. Procure rolar os tambores o menos possível; TAMBORES DE 113 A 210 LITROS: faça empilhamento sobre estrados, evitando colocar um tambor sobre o outro. Procure rolar os tambores o menos possível;  Durante os trabalhos, tanto no depósito, quanto fora dele, use sempre os equipamentos de proteção individual, conforme anteriormente recomendado NO DESCARTE DE EMBALAGENS
  • 8. Conforme Portaria Interministerial nº 297 de 13/06/2001 (DOU de 15/06/2001), informo, resumidamente, alguns cuidados a serem seguidos, quando for necessário se desfazer de embalagens usadas com produtos químicos, a saber:  Quando for manusear com estas embalagens vazias, enquanto as mesmas não estiverem limpas, usar os mesmos EPIs que são recomendados quando da aplicação dos produtos que estas embalagens continham.  É obrigatória a devolução da embalagem vazia onde foi adquirido o produto, ou no local indicado na Nota Fiscal de compra.  As embalagens antes de serem devolvidas devem ser lavadas. Para lavar as embalagens, usar os mesmos EPIs que são recomendados, quando da aplicação dos produtos que estas embalagens continham. PARA LAVAR MANUALMENTE AS EMBALAGENS: - Esvaziar completamente o conteúdo; - Manter a embalagem na posição vertical por 30 segundos; - Adicione água limpa, até ¼ do seu volume; - Tampar bem a embalagem e agitar a mesma por 30 segundos; - Despejar a água de lavagem no tanque de descarte; - Repetir esta operação por 3 (três) vezes; - Inutilize as embalagens furando o fundo das mesmas.  PARA ARMAZENAR AS EMBALAGENS VAZIAS E LIMPAS - Armazenar com tampa e em caixas coletivas; - Armazenar em local coberto, ventilado e abrigado da chuva; - O piso do,local de estocagem deve ser impermeável, ou no próprio local onde estoca as embalagens cheias.  PARA DEVOLVER AS EMBALAGENS - Devolver até um ano após a compra ou quando do término da validade de uso do produto; - Devolver a embalagem vazia e limpa como acima citado;  NO TRANSPORTE DAS EMBALAGENS VAZIAS - Não transportar junto com alimentos, bebidas, medicamentos, rações, animais e pessoas.  DESTINAÇÃO FINAL DAS EMBALAGENS VAZIAS LIMPAS E FURADAS - Somente pode ser feita pela empresa Registrante ou por empresas legalmente autorizadas para tal. - É proibido reutilizar as embalagens; - Se não forem seguidas as instruções acima, pode ocorrer danos à fauna, flora e a saúde das pessoas; - Se o produto chegar a ficar impróprio para uso (vencido, estragado, etc), consultar o registrante através do fone 0800-437505 para sua devolução e destinação final. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado
  • 9. ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA LEVANTE E TRANSPORTE MANUAL DE PESOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que levantam e transportam pesos: Sempre que possível usar algum equipamento para transporte de cargas; Empurrar e não puxar; Transportador com rodas para para reduzir os esforços; Nunca forçar o levante de peso na coluna vertebral, forçar dobrando os joelhos; Nunca levantar carga acima de sua capacidade física; Participar de curso sobre levante especial de cargas; Sempre que necessário pedir ajuda a um colega. Materiais mais pesados devem ser estocados ao entre a cintura e os ombros para evitar esforços desnecessários ao levanta-los na coluna. __________________________________ Ciente em ____/____/____
  • 10. Nome Legível do Empregado ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO MUITO TEMPO SENTADO A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham muito tempo sentado: Procure conhecer os recursos de ajustes de sua cadeira. Sentar-se sempre com as costas totalmente apoiadas no encosto da cadeira e com os pés totalmente apoiados no chão. Os cotovelos devem ficar ao nível do tampo da mesa. Ao somente escrever sente-se mais na beirada da cadeira. Evite tombar o corpo, mantenha-o sempre na vertical. Na bancada de análise: - não curvar a coluna, sentar-se e manter a coluna reta; Ao arquivar documentos, evite colocar os mais pesados embaixo; Coloque telefone, agendas, canetas, risque-rabisque, ou seja, objeto de uso na mesa, bem junto ao seu corpo para evitar torções do mesmo. Ao atender telefone evite prende-lo com o pescoço, quem precisa ouvir e usar as duas mãos, instalar um viva voz. Sempre que possível faça, a critério médico, exercícios compensatórios de suas atividades repetitivas. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado
  • 11. ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA USO DE FERRAMENTAS MANUAIS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, quando forem usar ferramentas manuais: PRINCIPAIS CAUSA DE ACIDENTES COM FERRAMENTAS  uso de ferramenta inadequada ao trabalho a ser executado;  uso de ferramentas defeituosas;  uso incorreto de ferramentas;  falta de habilitação no uso de ferramentas; falta de manutenção e cuidado com as mesmas;  armazenamento inadequado, e  transporte inadequado de ferramentas. MEDIDAS PREVENTIVAS QUANTO AO USO DE FERRAMENTAS  usar cada ferramenta de acordo com sua finalidade;  não usar ferramentas defeituosas;  usar corretamente as ferramentas;  treinar o operário ao uso das ferramentas em cada serviço; manter as ferramentas em bom estado de conservação e limpeza;  guardar cuidadosamente as ferramentas;  transportar com cuidado e de preferência em caixas ou sacos de couro ou lona, nunca nos bolsos. LIXADEIRA PORTÁTIL E DE BANCADA 1) Para trocar o disco ( ferramenta abrasiva ):        Desconectar a máquina da tomada (desligar a máquina na tomada); Inspecionar o disco abrasivo para ver se não esta com defeito; Nunca utilizar o disco abrasivo com qualquer defeito; Verificar no disco qual a velocidade máxima e nunca ultrapassa-la; Na montagem, não improvise, use somente as ferramentas corretas; Centrar muito bem o disco; Fixar o disco corretamente e eficiente;
  • 12.  Recolocar a proteção caso a tenha retirado; 2) Na utilização da máquina de lixar fixa ou de bancada:      Verificar a fiação elétrica e a tomada se estão em perfeitas condições; Cuidado com o fio ao usar a lixadeira portátil; Segure com firmeza a máquina manual; Evite trabalhar em áreas mal organizadas e/ou mal iluminadas; Verifique a segurança dos outros operários ao redor. 3) Observar ainda que os operários que trabalham lixando, ou esmerilhando peças, fazendo dobras de chapas, cortando peças com policorte e com guilhotina ou tesoura para chapas, devem usar obrigatoriamente os seguintes EPIs:      Óculos de proteção; Protetor facial de acrílico; Luvas de raspa; Avental de raspa; Calçado de segurança com biqueira reforçada; ___________________________________ Assinatura do Empregado
  • 13. ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, na prevenção de incêndios: ONDE TEM GLP – NO CASO DE SENTIR CHEIRO DE GÁS – VAZAMENTO      Não acender fogo de modo algum, nem ligar o interruptor de luz; Impedir a entrada de outras pessoas no local; Abrir imediatamente portas e janelas; Procurar identificar a fonte de vazamento e se souber elimina-la; Chamar pessoal especializado para a manutenção corretiva. CUIDADOS DE ORDEM GERAL NA PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS  Fazer constantes verificações nas condições gerais das instalações de GLP, com relação ao vencimento da duração da mangueira, reguladores, botões de liga desliga, qualidade do botijão e outras. Manter os equipamentos de combate a incêndios em perfeito estado de funcionamento, limpos e desimpedidos. Estes equipamentos devem ser de uso exclusivo para combate a incêndios. Sempre que deixar seu local de trabalho, verificar se as instalações elétricas estão desligadas e o registro de GLP fechado. Ao se ausentar, nunca deixar ligado equipamentos de aquecimento ( ferros elétricos, de solda, maçaricos, aquecedores, chuveiros, etc ). Determine proibições de fumar e/ou acender fogo onde achar necessário. Se houver um princípio de incêndios, observar sempre a seguinte seqüência de atendimento ao mesmo : primeiro => segundo => terceiro => quarto => retirar vítimas ( se houver ); chamar o Corpo de Bombeiro; avisar os demais colegas no local; dar os primeiros combates ( se for treinado p/ tal ) No caso de identificar um sinistro de incêndio, nunca abrir portas e janelas. O ar penetrando, trará oxigênio e este aumentará o fogo. Para saber se há incêndio do
  • 14. outro lado de uma porta coloque a mão na mesma, se estiver quente - não abrir de forma alguma. Não jogar palitos de fósforos e muito menos pontas de cigarros sem ter a absoluta certeza de que os mesmos estão apagados. Esta regra vale para estradas, com o que se evitará queimadas nas beiradas das mesmas. Quando for trabalhar com materiais inflamáveis ou de fácil combustão, limpe bem o local, verifique se há nenhuma fonte de fogo por perto. Deve se ter este cuidado quando for fazer serviços com solda. Não guarde cera, gasolina, solventes ou qualquer outro inflamável dentro de ambientes fechados, ou armários impróprios. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado
  • 15. ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM AR COMPRIMIDO A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham com ar comprimido ou onde tenha ar comprimido disponível aos operários de modo geral: É TERMINANTENTE PROIBIDO, QUE OS OPERÁRIOS USEM DO AR COMPRIMIDO PARA LIMPEZA PESSOAL, QUER DE ROUPAS, QUER DO PRÓPRIO CORPO. Isto porque:  Pode ocorrer que junto com o ar comprimido, venha também, pequenas farpas de aço, que se destacam do ferrugem nas tubulações, esta farpa, se jogada sob pressão (ar comprimido), na pele humana, pode penetrar nesta pele e depois chegar à corrente sanguínea e pela mesma, chegar a órgãos vitais, como o coração, pulmões ou mesmo no celebro, podendo causar sérias enfermidades e até a morte;  O ar comprimido, quando usado em direção ao rosto humano, pode penetrar sob pressão, no tímpano, podendo até furar este tímpano, causando surdez irreversível;  Também no rosto humano, se em direção aos olhos, pode, além de causar danos pela própria pressão do ar, também causar danos pelo mesmo motivo da presença de ferpas de aço enferrujado que se descolam das paredes dos canos por onde passa o ar e vem a ferir os olhos; __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____
  • 16. ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO EM LOCAL DE FRIO INTENSO A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham em locais de frio intenso: 1) Todos os operários que trabalham em condições de frio intenso, devem estar devidamente protegidos destas condições agressivas, usando obrigatoriamente os seguintes EPIs:       Cirolão de algodão por baixo da roupa; Meia de lã tipo jogador de futebol; Calça e jaleco revestido com material térmico; Gorro tipo “Joana D’Arch”; Calçado com revestimento térmico e solado que não passa o frio; Luvas com revestimento térmico internamente; 2) Além do uso de roupas protetoras, deve ser observado a necessidade de um tempo em exposição ao frio e um tempo de recuperação em local de temperatura normal, conforme o quadro abaixo: QUADRO 2 FAIXA DE TEMPERATURA DE BULBO SECO (ºC) 1ª. 2ª, 3ª zona 4ª zona 5ª zona MÁXIMA EXPOSIÇÃO DIÁRIA PERMISSÍVEL PARA PESSOAS ADEQUADAMENTE VESTIDAS PARA EXPOSIÇÃO AO FRIO 15,0 a - 17,9 ou 12,0 a - 17,9 ou 10,0 a - 17,9 Tempo total de trabalho no ambiente frio de 6 ( seis ) horas e 40 ( quarenta ) minutos, sendo quatro períodos de uma hora e quarenta minutos alternados com vinte minutos de repouso e recuperação térmica fora do ambiente frio. - 18,0 a - 33,9 Tempo total de trabalho no ambiente frio de 4 ( quatro)
  • 17. horas, alternando-se uma hora de trabalho com uma hora para recuperação térmica fora do ambiente frio __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM RAIOS X A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham com raios X: 1) QUANTO A INSTALAÇÃO FÍSICA PREDIAL:  O equipamento de radiação X deve ser instalado no piso térreo;  As paredes e portas devem ser protegidas com camada de chumbo;  O feixe de radiação primária, não deve ser dirigido para janelas, nem locais de madeira onde do outro lado tem pessoas;  O local deve ser suficientemente amplo;  Dispor de biombo protegido com chumbo para o disparador ficar protegido.  Dispor de sinalização própria indicativa de radiação ionizante;  Dispor de sinalização: RAIOS X na entrada da sala;  Deve ser somente de uso para fim de radiação ionizantes; 2) QUANTO A PROTEÇÃO AO OPERADOR  Submeter-se a exames clínicos e laboratoriais a cada seis meses;  Utilizar aventais e luvas plúmbicas com equivalente em chumbo de, no mínimo 0,25 mm.  Manter-se dentro das cabines e biombos existentes nas salas radiológicas e, sempre que possível mantenha a distância máxima permitida pelo cabo de disparo do equipamento de raio x portátil nos exames de leito;  Usar dosímetro individual por cima do avental enquanto estiver trabalhando.mesmo que o uso deste equipamento não exclua a necessidade do controle periódico de saúde;  Usar o protetor de tereóide e óculos de vidro plúmbico durante os exames fluoroscópicos;  Trabalhar com comimação restrita ao tamanho da área definida pelo órgão;  Não segurar o paciente e tão pouco o magazine com filme durante o exame. Se necessário, solicite ao acompanhante ou familiar que efetue a imobilização;
  • 18.  Conhecer os pontos da sala onde os níveis de radiação são maiores.  Nunca ficar na direção do feixe primário; 3) QUANTO A APARELHO DE EMISSÃO DE RAIOS X  Os equipamentos devem ser inspecionados por técnico habilitado pelo menos uma vez ao ano.  Ser mantido sempre em condições normais de uso;  Ser utilizado somente para os fins a que se destina. __________________________________ Ciente em ____/____/____ Nome Legível do Empregado ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO EM LABORATÓRIOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham em laboratório: UTILIZAR OS SEGUINTES EPIS Avental normal de algodão; Calçado de segurança impermeável; Avental de napa ou outro produto impermeável; Luvas impermeáveis (nitrílicas de PVC ou até de látex); Protetor facial de acrílico transparente; Óculos amplavisão; Análises que emitem gases ou vapores: máscara semi-facial de silicone grande Ref. 7300S com retentor Ref. 7287, cartucho químico Ref. 7251 e filtro Ref. 7255 da 3M ou similar. Este tipo de análise, deve ser feita dentro de capela especial com exaustão e coleta externa de gases em banho de água.  Quando for manusear com produtos quentes de estufas, mufras, extratores de gordura, digestor de proteína e outros, usar obrigatoriamente luva térmica de cano longo.        CUIDADOS NO MANUSEIO Uso de pinças especiais com borracha nas pontas para vidrarias; Identificar muito bem todos os vidros contendo produtos químicos; Estocar estes produtos químicos em local separado fechado; O ambiente deve ter sempre pressão negativa para fora feita através do uso de exaustores ou aparelhos de ar condicionado especiais;  O piso deve ser mantido seco e livre de produtos escorregadios.  Quando for usar a hexana, muito cuidado com a emissão de gases pois com a presença de qualquer chama pode haver incêndio e se houver acúmulo de gases, pode haver explosão.    
  • 19. O vidro de hexana PA deve ser guardado em local especial.  Não permitir a presença de pessoas estranhas no laboratório. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA SERVIÇOS DE PINTURA A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham nos serviços d pintura: USAR OBRIGATORIAMENTE, OS SEGUINTES EPIS:  Uniforme completo de brim;  Macacão impermeável, do mesmo tipo utilizado para aplicação de agrotóxicos.  Luvas de latex;  Avental impermeável;  Óculos amplavisão;  Calçado impermeável ou botina de segurança;  Respirador semi-facial de silicone grande, Ref. 7300S, com retentor Ref. 7287, cartucho químico Ref. 7253 e filtro Ref. 7255 da 3M ou similar, para pintura a revolver, com tinta a base de solventes com hidrocarbonetos aromáticos;  Máscara simples descartável P 2 para serviços de raspar paredes e de pintura com PVA TOMAR PROVIDÊNCIAS, DE ORDEM GERAL, TAIS COMO:         Não permitir a presença de estranhos nas proximidades; O operário deve trocar de roupa todos os dias; Não fumar, não beber e nem comer quando trabalhando; Deve tomar banho na saída do trabalho e trocar de roupa; Não tocar com as luvas sujas em seu próprio corpo; No final de uso, limpar bem os EPIs com água e sabão; Seguir sempre as instruções de uso; Ver se os rótulos contém as instruções aprovadas p/ leis;
  • 20.     Não remover o rótulo; Seguir sempre as porções recomendadas para cada caso; Fechar bem as embalagens depois de usa-las; Guardar estes produtos em local próprio longe de estranhos; LOCAL PARA FAZER SERVIÇOS DE PINTURA; Local próprio, separado do galpão da oficina de manutenção de máquinas, ou mesmo um nicho, isolado dentro do galpão, somente para pintura de máquinas, evitando fazer este tipo de serviço, no local comum de manutenção das máquinas. __________________________________ Ciente em ____/____/____ Nome Legível do Empregado ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA SERVIÇO DE DIGITAÇÃO ELETRÔNICA DE DADOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, nos serviços de digitação eletrônica de dados: CUIDADOS LEGAIS  Basicamente observar que o operário que trabalhar somente em digitação de dados eletrônicos, deverá trabalhar no máximo 5 horas por dia neste serviço e a cada hora descansar 10 minutos. Podendo trabalhar o restante da jornada de trabalho em outras atividades não repetitivas. CUIDADOS ERGONÔMICOS  Assegurar que o monitor esta ao mesmo nível de seus olhos para evitar a fadiga no pescoço e na cabeça.  O teclado deve estar ao mesmo nível dos cotovelos e levemente inclinado para manter relaxados seus punhos.  Colocar documentos e outros que for ler, em um suporte ao nível do visor para evitar fadiga nos olhos e pescoço.  Use uma almofada embaixo dos punhos para reduzir a pressão e a tensão nos mesmos.  Usar filtro na tela para reduzir reflexos da iluminação ao seu redor. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____
  • 21. ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA ELETRICISTA A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham como eletricista: FORMAÇÃO BÁSICA DE ELETRICISTA ü Instruções sobre os princípios básicos da eletricidade; ü Procedimentos seguro no trabalho; ü Saber como agir em emergências; ORGANIZAR SEU LOCAL DE TRABALHO ü ü ü ü Organizar de modo correto as ferramentas e equipamentos; Colocar cada coisa no seu devido lugar depois de usa-las; Manter limpo e desimpedido seu local de trabalho; Manter o local isento de graxas, óleos e o piso sempre seco. CONDIÇÕES SEGURAS DE TRABALHO ü ü ü ü ü ü ü ü ü ü ü ü Nunca trabalhar com eletricidade em locais molhados; Nunca trabalhar com materiais e uniformes molhados; Não trabalhar sob chuva; Não trabalhar em locais com atmosfera contendo vapores inflamáveis Manter boas condições de iluminação no seu local de trabalho; Se tiver cabelos longos, prende-los com touca ou capacete; Use as ferramentas em cinto próprio para tal (nunca nos bolsos); Usar somente ferramenta em bom estado e com cabo isolante; Tomar o cuidado de aterrar ferramentas elétricas; Usar extensões e pendentes, em boas condições de uso; Sempre colocar avisos onde estiver trabalhando Seguir sempre os procedimentos técnicos e de segurança;
  • 22. ü Não trabalhe com eletricidade se não estiver em boas condições de saúde, e mesmo em boas condições psicológicas; ü Lembre-se acima de 20 miliampéres já pode ocorrer a morte; ü Com instalações energizadas, nunca trabalhe sozinho; ü Nunca se distraia, mantenha-se alerta. USAR OS SEGUINTES EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO ü Botina de segurança com biqueira de plástico endurecido; ü Roupas não apertadas, sempre abotoadas e sem partes metálicas; ü Usar cinto de segurança para trabalhos acima de 2,00 m; ü Usar escadas, em bom estado, adequadas e com tamanhos corretos; ü Óculos de proteção tipo amplavisão; ü Sempre que possível, usar luvas de vaqueta; ü Sempre que possível, usar mangote de raspa; __________________________________ Ciente em ____/____/____ Nome Legível do Empregado ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM INFLAMÁVEIS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, que trabalham com inflamáveis ou na área de risco gerada por inflamáveis: ü Reduzir ao mínimo as pessoas autorizadas a trabalhar em áreas de risco gerada por inflamáveis, SE POSSÍVEL SOMENTE UMA PESSOA DEVE TER AUTORIZAÇÃO PARA TRANSITAR NESTA ÁREA DE RISCO. ü Somente pessoa devidamente autorizada, pode entrar na área de risco, fazer qualquer tipo de manutenção em sistema de estoque, transporte, ou transferência de inflamáveis. se possível a mesma pessoa que esta autorizada a entrar nesta área, é que deve fazer a manutenção, se não escolher um outro mecânico e somente aquele pode entrar nesta área. ü Proibir terminantemente que pessoas não autorizadas entrem na área de risco gerada por inflamáveis; CHEGAR A PUNIÇÃO AOS QUE ENTRAREM NESTA ÁREA DE RISCO SEM AUTORIZAÇÃO. ü Reduzir ao mínimo possível, pessoas que abastecem veículos; SE POSSÍVEL SOMENTE UMA PESSOA. ü Manter constante limpeza na área de risco por inflamáveis; ü Remover todo material estranho deste local., RETIRAR
  • 23. BANCOS E BANQUINHOS DA ÁREA DE ABASTECIMENTO, PARA NÃO SERVIR COMO ÁREA DE REPOUSO PARA OPERÁRIOS NÃO AUTORIZADOS A ENTRAR NESTA ÁREA. ü Cercar com tela toda a área de risco onde se tem inflamáveis, manter PORTA TRANCADA E ALÉM DA CHAVE RESERVA, SOMENTE A PESSOA AUTORIZADA – FRENTISTA – DEVE TER A CHAVE DESTE LOCAL. ü Sinalizar muito bem o local com placas com os dizeres: INFLAMÁVEIS - NÃO ACENDER FOGO, RISCO DE INCÊNDIO, etc. E principalmente; “PROIBIDA A PRESENÇA DE PESSOAS NÃO AUTORIZADAS” ü Fazer revisão geral na instalação elétrica, se possível tubulando e colocando luminárias a prova de gases. ü PROCEDIMENTO PARA ABASTECER OS VEÍCULOS: - - O veículo entra, estaciona perto da bomba; O motorista sai do local, e fica fora da área de risco (neste local fora, colocar até banco, para incentivar o motorista a ficar lá fora no local indicado). Este local deve ficar preferencialmente, pelo menos 8,00 m afastado do ponto de abastecimento. Depois que o motorista sair, o frentista faz o abastecimento; Somente depois de recolhida a mangueira é que o motorista deve entrar para pegar o seu veículo e imediatamente sai com o mesmo. ü NUNCA PERMITIR QUE O PRÓPRIO MOTORISTA, OU OPERADOR FAÇA O ABASTECIMENTO DO SEU VEÍCULO, NEM MESMO DOS VEÍCULOS E MÁQUINAS (TRATOR, CARRO, CAMINHÃO, PÁ CARREGADEIRA E OUTROS) DA PRÓPRIA EMPRESA. ü NO RECEBIMENTO DE COMBUSTÍVEL DE TERCEIROS - Somente a pessoa autorizada (frentista), deve fazer o recebimento de combustíveis. - Nunca permitir que familiares do motorista que esta trazendo o combustível permaneça no caminhão durante a descarga. - Deve ser ligado o aterramento no caminhão, antes de iniciar a descarga do mesmo. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado
  • 24. ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM O TRATOR A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham como tratorista: CURSO DE FORMAÇÃO DE TRATORISTA O tratorista deve ter certificado de habilitação e/ou treinamento para dirigir este veículo. USAR OS SEGUINTES EPIS CONFORME FOR NECESSÁRIO ü ü ü ü Protetor auricular; Óculos de proteção amplavisão; Calçado de segurança com biqueira reforçada; Luvas de raspa (para engatar implementos), USAR OS SEGUINTES EPÍS, QUANDO APLICANDO AGROTÓXICO ü Roupa especial fornecida pelo fabricante do agrotóxico; ü Luvas de PVC; ü Botina tipo rancheira ( o ideal seria calçado de segurança ), ou bota de PVC, quando precisar de calçado impermeável. ü Máscara semi facial 3M ou similar Ref. 7300S de silicone grande, com cartucho substituível Ref. 7253, e sem filtro. ü Óculos de proteção tipo amplavisão; ü Chapéu de material impermeável.
  • 25. ü Avental de material impermeável. ü Protetor auricular. CUIDADOS DE ORDEM GERAL Antes de usar o trator, verificar se o mesmo esta em boas condições mecânicas e com as instalações elétricas em ordem, além de verificar a presão dos pneus e o sistema hidráulico. NÃO USAR O TRATOR SE O MESMO APRESENTAR ALGUM DEFEITO. Cuidado com animais peçonhentos, abelhas e terreno inclinado. Nunca opere o trator, se não estiver em perfeitas condições de saúde. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO EM ALTURA A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, para trabalhos acima de 2,00 m de altura: ü Manter a obrigatoriedade do uso de escadas adequadas para cada serviço desfazendo imediatamente de escadas improvisadas; ü Todas as escadas fixas devem ter corrimão superior e intermediário e ainda apara pé nas laterais, nos dois lados da mesma e ainda, se com degraus escorregadios, tarja anti derrapante nas bordas externas dos degraus; ü Todos os operários que estejam realizando serviços acima de 2,00 metros, devem usar obrigatoriamente o cinto de segurança, tipo paraquedista e ao subir em alturas, prender este cinto no cabo de aço que deve estar fixado em todos estes equipamentos, para este uso. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________
  • 26. Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO ONDE HÁ PRESENÇA DE ANIMAIS PEÇONHENTOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa, na presença de animais peçonhentos: Tomar os seguintes cuidados quanto ao risco de ser picado por um animal peçonhento: SERPENTES Onde se encontram? ü Buracos na terra ou cupinzeiros ü Entulhos, acúmulo de madeira, tijolos, pedras e no lixo; ü Plantações: cana, milho e outras; ü Locais quentes, úmidos e escuros; ü Onde tem rato, pode ter cobra. Prevenção: ü Usar botas de cano longo ou perneira de couro ou botina; ü Usar luvas de aparas de couro para pegar em folhas, toras de madeira, montes de lixo e palha; ü Não colocar as mãos dentro de buracos, cupinzeiros, etc; ü Limpar paióis, quintais e terrenos baldios; ü Tampar buracos de muros e frestas de portas; ü Evitar entulhos, lixo e acúmulo de materiais de construção perto de
  • 27. casa; ü Preservar predadores naturais de serpentes, como: emas, seriemas, gaviões e gambás. Primeiros Socorros ü Lavar bem o local da picada com água e sabão; ü Mantenha a vítima deitada para não favorecer a absorção do veneno; ü Se a picada for na perna ou braço – manter estes membros elevados; ü Levar a vítima imediatamente ao serviço de saúde mais próximo. ü SE POSSÍVEL LEVE A SERPENTE OU SUA CABEÇA JUNTO. O que não fazer: ü Não amarre, impedindo a circulação do sangue, pode provocar gangrena ou necrose; ü Não corte o local da ferida ü Não aplique folhas, pó de café, terra, pinga, querosene, álcool, fumo ou outra coisa que suje o local; ü Não dê a vítima: pinga, querosene, álcool, nem fumo; ESCORPIÕES E/OU ARANHAS Onde se encontram? ü Terrenos baldios com mato e lixo doméstico, embaixo de pedras, em pilhas de tijolos, telhas e montes de lenha; ü Lugares escuros e úmidos, frestas no assoalho, paredes rodapés e atrás dos móveis; ü Roupas dependuradas, roupas de cama e roupas de banho; Prevenção: ü Olhar bem dentro de roupas e calçados antes de vesti-los; ü Colocar telas nas janelas, fechar as frestas e colocar sacos de areia na soleira das portas; ü Limpar regularmente atrás de quadros, móveis, cantos, paredes, etc; ü Manter limpos os arredores da casa, jardins, paióis, celeiros e não deixar acumular lixo que atraiam baratas. Elas são alimentos para aranhas e escorpiões. ü Preservar predadores como: seriema, coruja, sapos e galinhas. Primeiros Socorros ü Lavar bem o local da picada com água e sabão; ü Use compressas mornas para alívio da dor; ü Administre ao paciente um analgésico (Dipirona, Paracetamol) ü Levar a vítima imediatamente ao serviço de saúde mais próximo. ü SE POSSÍVEL LEVE A ARANHA OU O ESCORPIÃO JUNTO. SE POSSÍVEL NÃO MATE O ANIMAL Procure capturar o animal peçonhento, com uma vara e um saco ou uma caixa e os envie para o CEPB / Universidade Católica de Goiás, pois com o veneno destes animais é feito o soro que vai salva-lo.
  • 28. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO EM GRANELEIROS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham em graneleiro: ü Nunca ande sobre o monte de grãos, se esta sendo feita remoção destes grãos pelas saídas inferiores. ü Se for preciso caminhar sobre o monte de grãos, usar cinto de segurança e sempre trabalhar em dois, mantendo um colega, segurando a corda do cinto, e estando este na passarela superior, nunca também sobre os grãos. ü Esperar no mínimo 48 horas para entrar no graneleiro, após a fumegação dos grãos. ü A poeira é somente incomodativa, más recomenda-se o uso de proteção respiratória, simples para pó. ü Muita atenção ao subir e descer as escadas do graneleiro; ü Muita atenção ao caminhar sobre a passarela, principalmente se a esteira estiver funcionando;
  • 29. ü Não fazer deste ambiente o ambiente de permanência, ou seja, ficar o mínimo possível no ambiente do graneleiro. ü Muita atenção para o pó, evitando faiscamento, acender fogo e outros meios de iniciar combustão no ambiente do graneleiro, pois pode haver explosão por carga estática na poeira ambiente. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM SOLDA A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham com solda: 1) Tomar os seguintes cuidados com o aparelho e assessórios: A máquina deve estar em perfeitas condições de uso; O serviço de solda deve ser previamente autorizado; Não utilizar ganchos no cabo terra, usar alicate; O alicate do cabo terra, deve estar preso o mais próximo possível do local a ser soldado; ü Proteger os cabos elétricos quanto a passagem de veículos por cima dos mesmos; ü Somente pessoas habilitadas e treinadas, ou em treinamento sob supervisão, podem fazer serviços de solda. ü ü ü ü 2) Usar obrigatoriamente os seguintes EPIs: ü Calçado de segurança com a calça por cima;
  • 30. ü Perneira, avental, luvas, mangotes tudo de raspa de couro; ü Máscara para solda com lente escurecida; ü Proteção respiratória do tipo 3M ou similar semi facial Ref. 7300S, com retentor Ref. 7287, cartucho químico Ref. 7253 e filtro Ref. 7255. ü Como EPC, fazer sempre que possível, serviços de solda em locais arejados, ventilados, abertos, longe de outros operários. ü Como medida de ordem geral manter boa exaustão do local. 3) Se houver outras pessoas na área, fazer “biombos” de madeira ou de chapa, isolando o ambiente onde se tem trabalhos com solda, para evitar que durante estes trabalhos de solda, haja agressão pela radiação ultravioleta a outros operários adjacentes, o que provoca irritação nos olhos (fulguração). __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM ALIMENTOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham com alimentos: 1) Quem manipula os alimentos, deve: ü ü ü ü ü Usar uniforme, jaleco e protetor para os cabelos de cor clara e limpos; Unhas curtas, limpas e sem esmalte; Não deve usar nenhum adorno, como relógio, pulseira, anéis e outros; Não pode trabalhar resfriado, ou com alguma virose (espirros, corisa); Não pode trabalhar com ferimentos, ou micoses, nos braços ou mãos; 2) Na cozinha deve ter: üTer boa iluminação, mesas impermeáveis, aberturas teladas, paredes impermeáveis, de cor clara e teto forrado; ü Os alimentos devem ser acondicionados em locais próprios, conforme a necessidade de conservação de cada um; ü A temperatura dos alimentos lácteos, precisa estar a abaixo de 10ºC;
  • 31.  Ter água corrente, sifão, caixa sifonada, armários impermeáveis e com porta;  Os utensílios em bom estado de conservação;  Lixo acondicionado em recipiente com saco plástico e tampa;  As água utilizadas, com destino adequado (esgoto). 3) O local para refeições:           Local separado do setor industrial; Mesa e bancos impermeáveis; Protegido quanto a presença de insetos por tela; Bebedouro de jato de água; Aquecedor de marmitas (ou aquecer na cozinha diariamente); Ventilação nas portas para proteção contra moscas; Lâmpadas bactericidas; Sempre uma pessoa limpando as mesas durante as refeições; Lavatório com sabão líquido e toalha de papel descartável; Condições normais de renovação de ar. 4) É proibido em cozinhas e em locais para refeições:          Acumular lixo; Guardar produtos, utensílios e outros alheios à atividade; Manter animais no local; Fumar quando estiver em contato com os alimentos; Utilizar alimentos, não preparados no mesmo dia (sobras); Utilizar gordura ou óleo de fritura saturado; usar embalagens recicladas; Vender ou usar leite, não pasteurizado; Manusear alimentos e dinheiros ao mesmo tempo; 5) Quem trabalha com alimentos, fazendo, servindo, deve: Manter condições normais de higiene, limpeza em todos os locais deste setor e ainda, todos os operários devem usar obrigatoriamente os seguintes EPIs: PARA SERVIR ALIMENTOS AOS OPERÁRIOS      Luvas descartáveis simples de plástico; Proteção respiratória de pano; Avental impermeável; Quando do piso molhado – botas de borracha. Proteção para o cabelo; AINDA DEVEM OBSERVAR AS SEGUINTES CONDIÇÕES PESSOAIS  Mão sempre higienizadas;  Manter higiene pessoal de modo geral;  Uniforme limpo e passado;
  • 32.  Para os homens, manter barba feita;  Se estiver com doenças, tipo gripe e outras, não servir alimentos; PARA TRABALHOS NORMAIS NA COZINHA Conforme a atividade, usar:      Luvas impermeáveis (umidade e produtos domissitários); Luvas térmicas (equipamentos quentes); Luvas com trama de aço (uso de facas e similares); Avental impermeável; Botas impermeáveis; __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA TRABALHO COM EMPILHADEIRA A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa que trabalham com empilhadeira:  Fazer inspeção geral antes de usar este equipamento, verificando fundamentalmente: pontos de solda, engrenagens, nível do líquido hidráulico, instalações hidráulicas, óleo do motor, funcionabilidade geral, pneus, bateria, testar o freio pedal, direção e instrumentos, e ainda: - Manter funcionamento adequado da empilhadeira; Respeitar todas as sinalizações de trânsito da empresa; Respeitar limites de cargas da empilhadeira; Evitar manobras que possam causar riscos a si mesmo e a terceiros; Ter cuidados ao transportar e armazenar cargas; Constatando-se algum risco comunicar imediatamente ao SESMT;
  • 33. - Participar de Treinamentos e Cursos oferecidos pela empresa referente à sua função.  Para encontrar a capacidade de carga: - Levante a carga por uns 4 a 8 centímetros. O conjunto deve ficar estável e firme em relação ao solo, - Funcionar normalmente e observar a estabilidade e as condições gerais de funcionamento do equipamento.  Para levantar cargas: - encaixe o garfo no palete de forma reta, - incline um pouco o conjunto, - levante a carga cerca de 30 cm e teste a estabilidade; - levante a carga para livrar de obstáculos, - somente depois ande com a carga levantada.  Para descarga: - desça até 30 cm do solo, - acomode a carga a ser descarregada em seu local, - retire o garfo.  Atenção, é terminantemente proibido:               Operar a empilhadeira sem habilitação: Transportar pessoas na empilhadeira; Andar fora da velocidade permitida; Estacionar em locais proibidos; Fazer manobras desnecessárias; Operar sem prévia vistoria técnica; Trafegar em locais não autorizados; Fazer enchimento de botijão de GLP; Ultrapassar a carga máxima da empilhadeira; A falta de uso dos EPIs; Transitar à noite sem o uso da iluminação elétrica; Ceder empilhadeira para terceiros; Utilizar a empilhadeira para outros fins; Transitar com cargas desorganizadas; O operador deve usar todos os EPIs necessários;  O operador deve possuir HABILITAÇÃO para operar a empilhadeira;  O operador deve cumprir com as datas dos seus exames médicos periódicos(Pré- admissional, Mudança de função, Retorno de trabalho, Demissional, ETC);  Procedimento em caso de acidentes: - Prestar os 1º socorros; - Encaminhar o acidentado ao serviço médico da empresa.
  • 34. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA MECÂNICO E ELETRICISTA DE AUTOS A empresa......, situada na .... / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverão ser adotados por todos os empregados desta empresa que fazem manutenção mecânica e elétrica em veículos automotores. 01 – Todos os operários que manuseiam, ou tem contato com qualquer tipo de graxa, óleo lubrificante, óleo diesel, solventes, óleo mineral e outros derivados de carbono, devem usar obrigatoriamente os seguintes EPIs: 2 Luvas impermeáveis de latex ou nitrílicas; 2 Creme protetor para as mãos; 2 Avental de raspa;
  • 35. 02 – Quando for lixar peças usando obrigatoriamente, conforme a necessidade: 2 Protetor facial de acrílico; 2 Óculos de proteção amplavisão; 2 Avental de raspa; 2 Luvas de raspa; lixadeira ou esmerilhadeira, usar 03 – Ao executar serviços de solda elétrica, usar obrigatoriamente os seguintes EPIs: 2 Máscara protetora para solda com lente escurecida; 2 Luvas de raspa; 2 Avental de raspa; 2 Mangote de raspa; 2 Perneiras de raspa; 2 NOTA - Se o serviço de solda for em local fechado, confinado, usar proteção respiratória e instalar exaustão; 03 – Ao executar serviços de solda óxi-acetileno, usar obrigatoriamente os seguintes EPIs: 2 Óculos de maçariqueiro ou com lente escurecida; 2 Luvas de raspa; 2 Avental de raspa; 2 Mangote de raspa; 2 Perneiras de raspa; 2 NOTA - Se o serviço de solda for em local fechado, confinado, usar proteção respiratória e instalar exaustão; 04 – Se for trabalhar manuseando qualquer produto químico, como aditivos, ácidos usados em baterias, e outros, usar, conforme a necessidade, obrigatóriamente os seguintes EPIs: 2 Luvas impermeáveis nitrílica; 2 Creme protetor para as mãos; 2 Avental de raspa; 2 Óculos de proteção amplavisão; 2 Proteção respiratória; 05 – Toda vez que for fazer algum serviço que envolva levante e transporte manual de peças pesadas, tomar os seguintes cuidados: 2 Nunca levantar manualmente pesos acima de 60 Kg; 2 Sempre que preciso, usar carrinhos e outros meios que ajudam a transportar peças pesadas; 2 Ao levantar manualmente peças pesadas, sempre lançar mão da ajuda de um colega e sempre usar o esforço nos joelhos, nunca na coluna vertebral. 06 – Ao fazer qualquer serviço que envolva segurar bem alguma peça, ou mesmo ao se deparar com peças que possam provocar danos nas mãos, usar ubrigatóriamente, conforme a necessidade os seguintes EPIs: 2 Luvas de raspa; 2 Luvas de algodão;
  • 36. 07 – Todos os operários devem fazer sua higiene pessoal, principalmente lavar as mãos, toda vez que tiver contato com óleos, graxas, solventes e outros derivados de carbono, tão logo termine o serviço que gerou estes contatos. LEMBRAMOS QUE: a) Temos no SESMT, a disposição de todos, sem custo nenhum para os operários, todos os EPIs acima relacionados e outros que venham a ser preciso. b) A recusa do operário ao uso dos equipamentos de proteção, bem como de seguir as orientações de segurança e/ou se negar a assinar esta Ordem de Serviço, conforme a CLT, artigo 158, constitui ato faltoso, portanto passível de punições legais. __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado ORDEM DE SERVIÇO ESPECÍFICA PARA ABASTECIMENTO DE EMPILHADEIRA COM GLP A empresa CIPA INDUSTRIAL DE PRODUTOS ALIMENTARES LTDA. situada no município de Aparecida de Goiânia / GO, em cumprimento às determinações legais previstas na Norma Regulamentadora Nº 1 da Portaria Ministerial 3.214 de 08/06/78, resolve divulgar os seguintes procedimentos prevencionistas que deverá ser adotado no procedimento de ABASTECIMENTO DAS EMPILHADEIRA MOVIDAS A GLP, a saber:
  • 37. 1) Não pode ser deixado fora do cercado determinante da área de risco, pela presença dos tanques de GLP, mais que 5 (cinco) botijões P 20 carregados. 2) Não pode ser deixado fora da área cercada, onde estão os tanques de GLP, nenhum tanque P 20 vazio; 3) Fica terminantemente proibido abastecer o tanque P 20, diretamente, quando o mesmo ainda estiver na empilhadeira, e o operador junto. 4) Qualquer necessidade de movimentar tanques P 20, para enche-los, quando a empilhadeira estiver próxima, fazer com que o operador da empilhadeira se afaste, no mínimo 15 metros do ponto de abastecimento. Certo de que o não atendimento as determinação, contidas nesta Ordem de Serviço, pode gerar punições previstas na legislação trabalhista, sem mais, __________________________________ Nome Legível do Empregado Ciente em ____/____/____ ___________________________________ Assinatura do Empregado