SlideShare uma empresa Scribd logo
UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE – UFCG
       DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA – DEM
           CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA - CCT
               DISCIPLINA: OFICINA MECÂNICA
                    PROFESSOR: MARCONI
          ALUNO: IUSLEY DE SOUSA LACERDA 21011032
                   CURSO: ENG. MECÂNICA




FERRAMENTAS DE BANCADA E
  1


        MANUAIS
INTRODUÇÃO




             2
ARCO E SERRA
• Destinado a realização de cortes em aço, PVC, abertura de fendas e
etc;
• As lâminas variam de comprimento e número de dentes por polegada;
•Tipos de Arco de Serra:




     Arco Fixo

                                            Arco Ajustável



    Cabo Vazado


                                                                       3
                                      Alta Tensão
COMPONENTES DO ARCO




                      4
LÂMINAS
• Tamanhos: 200mm, 250mm e 300mm ou 8”, 10” e 12”.




                                                     5
Corte com lâmina de 18 dentes por polegada
                                             6
Corte de uma chapa fina com lâmina de 32 dentes por polegada
                                                               7
Posicionamento do Arco de Serra
                                  8
LIMAS
• Ferramenta utilizada no desbaste de materiais a fim de uma ajustagem
mecânica, acabamento, etc;




• Tipos de Picado: Simples (ataque maciço, mais força, material mais mole) e
duplo (materiais mais duros e condiz com uma superfície mais lisa;




                                                                               9
• Perfil da lima (Aplicação): Quadrada (Rasgo de chaveta), Triangular (Limar
entre os dentes de uma serra); Redonda (ajustes de furos redondos, superfícies
côncavas, etc.)

• Bastarda  Bastardinha  Murça  (Quanto mais a direita, menor é o dente e
mais fino.




                                   Algumas dicas de uso:
                                   • Utilizar todo o comprimento da lima;
                                   • Aliviar a lima no recuo;
                                   • Não limar peças mais duras que a
                                                                            10
                                   lima;
FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA



MACHOS         COSSINETES




                             11
FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA: MACHOS



    • Destinados a roscas internas;
    •Sistema medidas: Métrico, Whitworth e Americano;
    • Número de Filetes (Fina ou grossa);
    • Diâmetro externo;
    • Diâmetro da haste;
    • Sentido da Rosca;
    • Tipos de Macho: Ranhuras retas ou
      helicoidais.




  Sem Canais



                                                                          12
                                              Macho Máquina com ponta
                                              helicoidal métrico grossa
                                              passante.
FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA: MACHOS MANUAIS




           O macho n° 1 remove o grosso do material, mas possui diâmetro
  menor.
           O macho n° 2 é o intermediário, aprofundando a rosca            13
           O macho n° 3 com 2 a 3 filetes faz o acabamento da rosca.
           E então, temos o término do processo de abertura da rosca.
DESANDADORES:



   • Destinados a acionar os machos;




                                       Planos




                                                                     14

         Tipo T - Fixo                          Tipo T - Ajustável
15
Oficina mecânica - Ferramentas de bancada e manuais
Oficina mecânica - Ferramentas de bancada e manuais
FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA: COSSINETES



    • Destinado a roscas externas;
    • Processo Manual ou Mecanizado;
    • Porta cossinete + Cossinete = Tarraxa;
    • Cossinete Aberto, Fechado, Bipartido;




                                               18
FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA: COSSINETES ELÉTRICAS




                                                   Rosqueadora
             Rosqueadora
                                                   Elétrica Portátil
             Elétrica


                                                                       19
PUNÇÃO
• Destinado a realizar perfuração, impressões, retirar arrebites,




                                             Iniciar a retiramento de
                                             Arrebites




                                             Impressões para
    Marca: Tramontina                        furamento




                                                                        20
21
MORSA
• Também conhecido como torno, é uma ferramenta destinada a fixação de peças
para realização de trabalhos (furação, lixamento e etc);
• Tipo: Mecânico ou Hidráulico;
• Alguns tornos são de base giratória;
• O número de referência corresponde as dimensões do morsa;




         Torno Comum
                                             Torno Hidráulico
                                                                       22
Partes da Morsa/Torno




                               23
    Tornos de base giratória
LIXADEIRA/ESMERILHADEIRA
• Operação em que consiste alterar a superfície dos metais é modificada
mecanicamente pelo atrito de abrasivos;
• Pode ser usada também para realizar a operação de corte;
• Algumas utilizam lubrificantes;




                                                                          24
25
FURADEIRA
• Ferramenta destinada realizar furos, escarear, alargar, rebaixar e roscar com
machos;
• Movimento realizado por um jogo de correias e polias ou engrenagens;
•Deslocamento máximo do eixo principal, rpm; potência, etc;
• Tipos de furadeira:




 Furadeira de Coluna




                                          Furadeira de Bancada
                                                                             26
Furadeira Radial




                   Furadeira Portátil


                                        27
CONCLUSÃO

     Pude perceber que o número de ferramentas manuais utilizadas
sejam elas na indústria, na sua casa, construção civil, oficinas e etc, é
enorme e que cada necessidade pode ser suprimida por uma
ferramenta específica ou um improviso, por isso, que o uso dessas
ferramentas se tornam tão importantes, e assim com simplicidade elas
podem resolver alguns de nossos problemas.




                                                                            28

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Roscas,parafusos porcas e arruelas
Roscas,parafusos porcas e arruelasRoscas,parafusos porcas e arruelas
Roscas,parafusos porcas e arruelas
Clodoaldo Araujo ,Técnico Mecânico
 
Análise de Falhas em Máquinas
Análise de Falhas em MáquinasAnálise de Falhas em Máquinas
Análise de Falhas em Máquinas
Anderson Pontes
 
Elementos de Apoio
Elementos de ApoioElementos de Apoio
Elementos de Apoio
AdrianoFaustino9
 
Componentes mecânicos
Componentes mecânicosComponentes mecânicos
Componentes mecânicos
Henrique Pinheiro
 
Ajustagem mecânica.pdf
Ajustagem mecânica.pdfAjustagem mecânica.pdf
Ajustagem mecânica.pdf
BRENADASILVAALMEIDA
 
Rolamentos e mancais
Rolamentos e mancaisRolamentos e mancais
Rolamentos e mancais
Daniel Garcia
 
95950 parafusos e-porcas
95950 parafusos e-porcas95950 parafusos e-porcas
95950 parafusos e-porcas
Maicon da Luz
 
Tubulação industrial
Tubulação industrialTubulação industrial
Tubulação industrial
Paulo Zanetti
 
Operações de furar
Operações de furarOperações de furar
Operações de furar
Jalbert Jr
 
APOSTILA SENAI 3 AJUSTAGEM USINAGEM
APOSTILA SENAI 3 AJUSTAGEM USINAGEMAPOSTILA SENAI 3 AJUSTAGEM USINAGEM
APOSTILA SENAI 3 AJUSTAGEM USINAGEM
ordenaelbass
 
ELEMENTOS DE MAQUINAS ELEMENTOS ELÁSTICOS, MOLAS
ELEMENTOS DE MAQUINAS ELEMENTOS ELÁSTICOS, MOLASELEMENTOS DE MAQUINAS ELEMENTOS ELÁSTICOS, MOLAS
ELEMENTOS DE MAQUINAS ELEMENTOS ELÁSTICOS, MOLAS
ordenaelbass
 
Fabricação mecânica i furação 1
Fabricação mecânica i   furação 1Fabricação mecânica i   furação 1
Fabricação mecânica i furação 1
Levi Oliveira
 
Ferramentas e acessórios
Ferramentas e acessóriosFerramentas e acessórios
Ferramentas e acessórios
Ederronio Mederos
 
Lista de exercícios_i_classificação_dos_aços
Lista de exercícios_i_classificação_dos_açosLista de exercícios_i_classificação_dos_aços
Lista de exercícios_i_classificação_dos_aços
GlaucoVelosodosSantos
 
Aula 08 parafusos iii
Aula 08   parafusos iiiAula 08   parafusos iii
Aula 08 parafusos iii
Renaldo Adriano
 
Aula 27 eixos e árvores
Aula 27   eixos e árvoresAula 27   eixos e árvores
Aula 27 eixos e árvores
Renaldo Adriano
 
Mecânica - Noções Básicas Elementos de Máquinas
Mecânica - Noções Básicas Elementos de MáquinasMecânica - Noções Básicas Elementos de Máquinas
Mecânica - Noções Básicas Elementos de Máquinas
Jean Brito
 
Treinamento de Sinais e Acessorios içamento 2011.ppt saraiva.ppt
Treinamento de Sinais e Acessorios içamento 2011.ppt saraiva.pptTreinamento de Sinais e Acessorios içamento 2011.ppt saraiva.ppt
Treinamento de Sinais e Acessorios içamento 2011.ppt saraiva.ppt
WambertoFernandesdeL1
 
Rolamentos SKF.ppt
Rolamentos SKF.pptRolamentos SKF.ppt
Rolamentos SKF.ppt
JanMartins1
 
06 fresagem-fresadoras
06 fresagem-fresadoras06 fresagem-fresadoras
06 fresagem-fresadoras
Luiz Gustavo
 

Mais procurados (20)

Roscas,parafusos porcas e arruelas
Roscas,parafusos porcas e arruelasRoscas,parafusos porcas e arruelas
Roscas,parafusos porcas e arruelas
 
Análise de Falhas em Máquinas
Análise de Falhas em MáquinasAnálise de Falhas em Máquinas
Análise de Falhas em Máquinas
 
Elementos de Apoio
Elementos de ApoioElementos de Apoio
Elementos de Apoio
 
Componentes mecânicos
Componentes mecânicosComponentes mecânicos
Componentes mecânicos
 
Ajustagem mecânica.pdf
Ajustagem mecânica.pdfAjustagem mecânica.pdf
Ajustagem mecânica.pdf
 
Rolamentos e mancais
Rolamentos e mancaisRolamentos e mancais
Rolamentos e mancais
 
95950 parafusos e-porcas
95950 parafusos e-porcas95950 parafusos e-porcas
95950 parafusos e-porcas
 
Tubulação industrial
Tubulação industrialTubulação industrial
Tubulação industrial
 
Operações de furar
Operações de furarOperações de furar
Operações de furar
 
APOSTILA SENAI 3 AJUSTAGEM USINAGEM
APOSTILA SENAI 3 AJUSTAGEM USINAGEMAPOSTILA SENAI 3 AJUSTAGEM USINAGEM
APOSTILA SENAI 3 AJUSTAGEM USINAGEM
 
ELEMENTOS DE MAQUINAS ELEMENTOS ELÁSTICOS, MOLAS
ELEMENTOS DE MAQUINAS ELEMENTOS ELÁSTICOS, MOLASELEMENTOS DE MAQUINAS ELEMENTOS ELÁSTICOS, MOLAS
ELEMENTOS DE MAQUINAS ELEMENTOS ELÁSTICOS, MOLAS
 
Fabricação mecânica i furação 1
Fabricação mecânica i   furação 1Fabricação mecânica i   furação 1
Fabricação mecânica i furação 1
 
Ferramentas e acessórios
Ferramentas e acessóriosFerramentas e acessórios
Ferramentas e acessórios
 
Lista de exercícios_i_classificação_dos_aços
Lista de exercícios_i_classificação_dos_açosLista de exercícios_i_classificação_dos_aços
Lista de exercícios_i_classificação_dos_aços
 
Aula 08 parafusos iii
Aula 08   parafusos iiiAula 08   parafusos iii
Aula 08 parafusos iii
 
Aula 27 eixos e árvores
Aula 27   eixos e árvoresAula 27   eixos e árvores
Aula 27 eixos e árvores
 
Mecânica - Noções Básicas Elementos de Máquinas
Mecânica - Noções Básicas Elementos de MáquinasMecânica - Noções Básicas Elementos de Máquinas
Mecânica - Noções Básicas Elementos de Máquinas
 
Treinamento de Sinais e Acessorios içamento 2011.ppt saraiva.ppt
Treinamento de Sinais e Acessorios içamento 2011.ppt saraiva.pptTreinamento de Sinais e Acessorios içamento 2011.ppt saraiva.ppt
Treinamento de Sinais e Acessorios içamento 2011.ppt saraiva.ppt
 
Rolamentos SKF.ppt
Rolamentos SKF.pptRolamentos SKF.ppt
Rolamentos SKF.ppt
 
06 fresagem-fresadoras
06 fresagem-fresadoras06 fresagem-fresadoras
06 fresagem-fresadoras
 

Semelhante a Oficina mecânica - Ferramentas de bancada e manuais

Processo de Limagem na engenharia mecânica.pptx
Processo de Limagem na engenharia mecânica.pptxProcesso de Limagem na engenharia mecânica.pptx
Processo de Limagem na engenharia mecânica.pptx
dariletebatista47
 
Ferramentas de corte manuais
Ferramentas de corte manuaisFerramentas de corte manuais
Ferramentas de corte manuais
rodrigo pereira da silva
 
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
3maAlmeida
 
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
3maAlmeida
 
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
3maAlmeida
 
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
3maAlmeida
 
Fabricação mecânica i limas
Fabricação mecânica i   limasFabricação mecânica i   limas
Fabricação mecânica i limas
Levi Oliveira
 
Afiação de ferramentas
Afiação de ferramentasAfiação de ferramentas
Afiação de ferramentas
superleco
 
Abre Roços
Abre RoçosAbre Roços
Abre Roços
bamoroso
 
Usinagem - Mecânica
Usinagem - MecânicaUsinagem - Mecânica
Usinagem - Mecânica
LucasPassos46
 
A02 - Serrar e cortar.pdf
A02 - Serrar e cortar.pdfA02 - Serrar e cortar.pdf
A02 - Serrar e cortar.pdf
JooVictorChagas3
 
Brochamento
BrochamentoBrochamento
Brochamento
antoniorfreitas
 
ELEMETOS DE MÁQUINA PARA INDUSTRIA GERAL
ELEMETOS DE MÁQUINA PARA INDUSTRIA GERALELEMETOS DE MÁQUINA PARA INDUSTRIA GERAL
ELEMETOS DE MÁQUINA PARA INDUSTRIA GERAL
JairGaldino4
 
Ebook graphtec
Ebook graphtecEbook graphtec
Ebook graphtec
Henriene Saconatto
 
Endodontia - revisão completa e atualizada 2019
Endodontia - revisão completa e atualizada 2019Endodontia - revisão completa e atualizada 2019
Endodontia - revisão completa e atualizada 2019
Jonathan Cardoso Gomes Rodrigues
 
A03 - Limar e Lixar.pdf
A03 - Limar e Lixar.pdfA03 - Limar e Lixar.pdf
A03 - Limar e Lixar.pdf
JooVictorChagas3
 
Maquinas rotativas
Maquinas rotativasMaquinas rotativas
Maquinas rotativas
WagnerReisdePaula1
 
Ajustagem - Aula 01.pptx
Ajustagem - Aula 01.pptxAjustagem - Aula 01.pptx
Ajustagem - Aula 01.pptx
NidsonSilva
 
Roscamento
RoscamentoRoscamento
Roscamento
Sergio Barrios
 
Furação
FuraçãoFuração

Semelhante a Oficina mecânica - Ferramentas de bancada e manuais (20)

Processo de Limagem na engenharia mecânica.pptx
Processo de Limagem na engenharia mecânica.pptxProcesso de Limagem na engenharia mecânica.pptx
Processo de Limagem na engenharia mecânica.pptx
 
Ferramentas de corte manuais
Ferramentas de corte manuaisFerramentas de corte manuais
Ferramentas de corte manuais
 
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
 
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
 
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO (1).pptx
 
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
2334 - Operações com ferramentas Manuai_INICIAÇÃO.pptx
 
Fabricação mecânica i limas
Fabricação mecânica i   limasFabricação mecânica i   limas
Fabricação mecânica i limas
 
Afiação de ferramentas
Afiação de ferramentasAfiação de ferramentas
Afiação de ferramentas
 
Abre Roços
Abre RoçosAbre Roços
Abre Roços
 
Usinagem - Mecânica
Usinagem - MecânicaUsinagem - Mecânica
Usinagem - Mecânica
 
A02 - Serrar e cortar.pdf
A02 - Serrar e cortar.pdfA02 - Serrar e cortar.pdf
A02 - Serrar e cortar.pdf
 
Brochamento
BrochamentoBrochamento
Brochamento
 
ELEMETOS DE MÁQUINA PARA INDUSTRIA GERAL
ELEMETOS DE MÁQUINA PARA INDUSTRIA GERALELEMETOS DE MÁQUINA PARA INDUSTRIA GERAL
ELEMETOS DE MÁQUINA PARA INDUSTRIA GERAL
 
Ebook graphtec
Ebook graphtecEbook graphtec
Ebook graphtec
 
Endodontia - revisão completa e atualizada 2019
Endodontia - revisão completa e atualizada 2019Endodontia - revisão completa e atualizada 2019
Endodontia - revisão completa e atualizada 2019
 
A03 - Limar e Lixar.pdf
A03 - Limar e Lixar.pdfA03 - Limar e Lixar.pdf
A03 - Limar e Lixar.pdf
 
Maquinas rotativas
Maquinas rotativasMaquinas rotativas
Maquinas rotativas
 
Ajustagem - Aula 01.pptx
Ajustagem - Aula 01.pptxAjustagem - Aula 01.pptx
Ajustagem - Aula 01.pptx
 
Roscamento
RoscamentoRoscamento
Roscamento
 
Furação
FuraçãoFuração
Furação
 

Oficina mecânica - Ferramentas de bancada e manuais

  • 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE – UFCG DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA – DEM CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA - CCT DISCIPLINA: OFICINA MECÂNICA PROFESSOR: MARCONI ALUNO: IUSLEY DE SOUSA LACERDA 21011032 CURSO: ENG. MECÂNICA FERRAMENTAS DE BANCADA E 1 MANUAIS
  • 3. ARCO E SERRA • Destinado a realização de cortes em aço, PVC, abertura de fendas e etc; • As lâminas variam de comprimento e número de dentes por polegada; •Tipos de Arco de Serra: Arco Fixo Arco Ajustável Cabo Vazado 3 Alta Tensão
  • 5. LÂMINAS • Tamanhos: 200mm, 250mm e 300mm ou 8”, 10” e 12”. 5
  • 6. Corte com lâmina de 18 dentes por polegada 6
  • 7. Corte de uma chapa fina com lâmina de 32 dentes por polegada 7
  • 9. LIMAS • Ferramenta utilizada no desbaste de materiais a fim de uma ajustagem mecânica, acabamento, etc; • Tipos de Picado: Simples (ataque maciço, mais força, material mais mole) e duplo (materiais mais duros e condiz com uma superfície mais lisa; 9
  • 10. • Perfil da lima (Aplicação): Quadrada (Rasgo de chaveta), Triangular (Limar entre os dentes de uma serra); Redonda (ajustes de furos redondos, superfícies côncavas, etc.) • Bastarda  Bastardinha  Murça  (Quanto mais a direita, menor é o dente e mais fino. Algumas dicas de uso: • Utilizar todo o comprimento da lima; • Aliviar a lima no recuo; • Não limar peças mais duras que a 10 lima;
  • 11. FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA MACHOS COSSINETES 11
  • 12. FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA: MACHOS • Destinados a roscas internas; •Sistema medidas: Métrico, Whitworth e Americano; • Número de Filetes (Fina ou grossa); • Diâmetro externo; • Diâmetro da haste; • Sentido da Rosca; • Tipos de Macho: Ranhuras retas ou helicoidais. Sem Canais 12 Macho Máquina com ponta helicoidal métrico grossa passante.
  • 13. FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA: MACHOS MANUAIS O macho n° 1 remove o grosso do material, mas possui diâmetro menor. O macho n° 2 é o intermediário, aprofundando a rosca 13 O macho n° 3 com 2 a 3 filetes faz o acabamento da rosca. E então, temos o término do processo de abertura da rosca.
  • 14. DESANDADORES: • Destinados a acionar os machos; Planos 14 Tipo T - Fixo Tipo T - Ajustável
  • 15. 15
  • 18. FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA: COSSINETES • Destinado a roscas externas; • Processo Manual ou Mecanizado; • Porta cossinete + Cossinete = Tarraxa; • Cossinete Aberto, Fechado, Bipartido; 18
  • 19. FERRAMENTAS DE ABRIR ROSCA: COSSINETES ELÉTRICAS Rosqueadora Rosqueadora Elétrica Portátil Elétrica 19
  • 20. PUNÇÃO • Destinado a realizar perfuração, impressões, retirar arrebites, Iniciar a retiramento de Arrebites Impressões para Marca: Tramontina furamento 20
  • 21. 21
  • 22. MORSA • Também conhecido como torno, é uma ferramenta destinada a fixação de peças para realização de trabalhos (furação, lixamento e etc); • Tipo: Mecânico ou Hidráulico; • Alguns tornos são de base giratória; • O número de referência corresponde as dimensões do morsa; Torno Comum Torno Hidráulico 22
  • 23. Partes da Morsa/Torno 23 Tornos de base giratória
  • 24. LIXADEIRA/ESMERILHADEIRA • Operação em que consiste alterar a superfície dos metais é modificada mecanicamente pelo atrito de abrasivos; • Pode ser usada também para realizar a operação de corte; • Algumas utilizam lubrificantes; 24
  • 25. 25
  • 26. FURADEIRA • Ferramenta destinada realizar furos, escarear, alargar, rebaixar e roscar com machos; • Movimento realizado por um jogo de correias e polias ou engrenagens; •Deslocamento máximo do eixo principal, rpm; potência, etc; • Tipos de furadeira: Furadeira de Coluna Furadeira de Bancada 26
  • 27. Furadeira Radial Furadeira Portátil 27
  • 28. CONCLUSÃO Pude perceber que o número de ferramentas manuais utilizadas sejam elas na indústria, na sua casa, construção civil, oficinas e etc, é enorme e que cada necessidade pode ser suprimida por uma ferramenta específica ou um improviso, por isso, que o uso dessas ferramentas se tornam tão importantes, e assim com simplicidade elas podem resolver alguns de nossos problemas. 28