SlideShare uma empresa Scribd logo
Universidade Federal de Minas Gerais
     Escola de Ciência da Informação

Departamento de Teoria e Gestão da Informação




                                                  Alunos:
                                   Adrileia de Moura Lima
                                 Ana Clara Ribeiro Rocha
                                Elizangela do Nascimento
                                  Janaína de Sousa Alves

               Belo Horizonte
                    2012
Livemocha
 Criado em Seattle, nos EUA;
 Seattle    Conhecida pelo seu café
  delicioso.
Livemocha
   Live    Viver (Verb.), existir (Verb.) , morar
  (Verb.), habitar (Verb.), vivo (adj)., “ao vivo”
  (Adv.) (Inglês);
 Mocha        Tipo de café com chocolate
  (Italiano);
 Proposta Comparar a maneira de
  aprender idiomas em tempo real como
  se os usuários fossem sentar para
  tomar um café juntos, no estilo de
  Seattle.
Livemocha
O Livemocha é uma rede social que oferece
uma combinação de aprendizagem online de
idiomas e prática com falantes nativos, na qual
as pessoas ensinam e aprendem umas com as
outras.
Aprendizado de idiomas
 Interessados em aprender Inglês
  aumentou;
 Empresas de países em
  desenvolvimento não podem
  depender apenas do Inglês;
 Por isso, línguas como Espanhol,
  Chinês, Mandarim, Português e
  Russo são vantagens competitivas
  também.
Ações
 Criar a possibilidade de fluência em uma
 segunda língua para cada pessoa do
 mundo.
Missão
 Vamos criar um mundo em que cada
 ser humano seja fluente em vários
 idiomas.
Visão
 “Criar um mundo que permite às pessoas
 comunicar com qualquer pessoa, em
 qualquer lugar”.
Metodologia
 Modelo de aprendizagem: Todo-parte-todo;
 Permite aos alunos observar, aprender e
  praticar conceitos de linguagem novas;
 Situações de aprendizagem em três partes:
Níveis de aprendizado
 Iniciantes;
 Intermediário;
 Avançado.
Atividades de Aprendizagem
 Os métodos de aprendizagem são, na
 maioria das vezes, estruturados por
 práticas de trabalho ao invés de relações
 assimétricas mestre-aprendiz.
Atividades de Aprendizagem
   Cursos Active;
    Diálogo de Vídeo;
   Vocabulário;
    Gramática;
   Leitura;
   Conversações Interativas;
   Cursos para Adquirir Vocabulário;
   Escrita;
   Aulas ao vivo;
   Sala de aula Livemocha;
Livemocha
•  Acesso ilimitado a todas as aulas em grupo ao
vivo;
• Material de prática online e interativo;
• Professores Especialistas;
• Falantes Nativos.
Explorar...
Avaliação
 A forma de avaliação de desempenho no
aprendizado de um idioma entre os usuários
ocorre através de um sistema de pontos;
 Recurso que determina o desenvolvimento
do aprendiz, cujo acúmulo permite aos
associados avaliarem as contribuições entre
si e monitorarem a proficiência linguística.
Conclusão
 De acordo com Cunha & Cavalcanti (2008),
  repositório é definido como “lugar físico ou digital
  onde objetos são armazenados por um período de
  tempo. Objetos individuais podem ser consultados
  caso sejam solicitados pelos usuários e quando
  atendem as suas necessidades de informação.
  Conjunto ou base de dados com informações
  importantes”.
 Nesse sentido, podemos concluir que o Livemocha
  seja um repositório informacional, uma vez que
  possui informações importantes. Por ser uma rede
  social, permite a troca de informações de usuários
  de várias partes do mundo.
Livemocha

Vídeo Livemocha
Referências bibliográficas
   ARAÚJO, J. P. S. Livemocha: um curso, uma rede social e
    sua contribuição para o ensino de línguas estrangeiras. In: 3º
    Simpósio Hipertexto e Tecnologias na Educação, redes
    sociais e aprendizagem. Universidade Federal de
    Pernambuco. Anais eletrônicos... Pernambuco: Núcleo de
    Estudos e Hipertextos e Tecnologia na Educação, 2010. p. 1-
    17. Disponível em:
    <http://www.ufpe.br/nehte/simposio/anais/Anais-Hipertexto-
    2010/Joao-Paulo-Souza-Araujo.pdf>. Acessado em: 23 out.
    2012.
   CUNHA, Murilo Bastos da; CAVALCANTI, Cordélia R.
    (Cordélia Robalinho). Dicionário de biblioteconomia e
    arquivologia. Brasília: Briquet de Lemos/Livros, 2008. xvi,
    451 p.
   Livemocha. Disponível em: <http:// www.livemocha.com>.
    Acesso em: 23 out. 2012.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Livemocha

Portifólio proinfo
Portifólio proinfoPortifólio proinfo
Portifólio proinfo
itapevamarco
 
Portifólio Proinfo
Portifólio ProinfoPortifólio Proinfo
Portifólio Proinfo
itapevamarco
 
Portifólio Proinfo
Portifólio ProinfoPortifólio Proinfo
Portifólio Proinfo
itapevamarco
 
Portifólio Proinfo
Portifólio ProinfoPortifólio Proinfo
Portifólio Proinfo
itapevamarco
 
Educação e cibercultura
Educação e ciberculturaEducação e cibercultura
Educação e cibercultura
Selma1962
 
Of formação_be_web20_mod2_intro
Of formação_be_web20_mod2_introOf formação_be_web20_mod2_intro
Of formação_be_web20_mod2_intro
Teresa Pombo
 
Tarefa semana3
Tarefa semana3Tarefa semana3
Tarefa semana3
FeRaSo
 
Tarefa semana3
Tarefa semana3Tarefa semana3
Tarefa semana3
FeRaSo
 
Tarefa semana3
Tarefa semana3Tarefa semana3
Tarefa semana3
FeRaSo
 
Tarefa semana3
Tarefa semana3Tarefa semana3
Tarefa semana3
FeRaSo
 
Lousa Digital: Perspectivas Pedagógicas
Lousa Digital: Perspectivas PedagógicasLousa Digital: Perspectivas Pedagógicas
Lousa Digital: Perspectivas Pedagógicas
Secretaria de Educação do Estado de São Paulo
 
MÍDIAS NA EDUCAÇÃO: Um Mar de Possibilidades e Informações
MÍDIAS NA EDUCAÇÃO: Um Mar de Possibilidades e InformaçõesMÍDIAS NA EDUCAÇÃO: Um Mar de Possibilidades e Informações
MÍDIAS NA EDUCAÇÃO: Um Mar de Possibilidades e Informações
Jairo Felipe
 
Mini curso tec_educ
Mini curso tec_educMini curso tec_educ
Mini curso tec_educ
Alice Lage
 
Portifólio proinfo
Portifólio proinfoPortifólio proinfo
Portifólio proinfo
Cláudia Regina Silva
 
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Bianca Santana
 
A rede social My English Club como um recurso tecnológico nos ambientes prese...
A rede social My English Club como um recurso tecnológico nos ambientes prese...A rede social My English Club como um recurso tecnológico nos ambientes prese...
A rede social My English Club como um recurso tecnológico nos ambientes prese...
Joyce Fettermann
 
O ensino e a aprendizagem de língua espanhola por meio de redes sociais
O ensino e a aprendizagem de língua espanhola por meio de redes sociaisO ensino e a aprendizagem de língua espanhola por meio de redes sociais
O ensino e a aprendizagem de língua espanhola por meio de redes sociais
Carolina Viviana Alayo Hidalgo Schulz
 
Apresentação Monografia UEMA.pptx
Apresentação Monografia UEMA.pptxApresentação Monografia UEMA.pptx
Apresentação Monografia UEMA.pptx
JooLinhares9
 
Portifólio infoempoto2010
Portifólio infoempoto2010Portifólio infoempoto2010
Portifólio infoempoto2010
Ana Paula Pires
 
Reflexão crítica das TICs na Educação
Reflexão crítica das TICs na EducaçãoReflexão crítica das TICs na Educação
Reflexão crítica das TICs na Educação
Luis Borges Gouveia
 

Semelhante a Livemocha (20)

Portifólio proinfo
Portifólio proinfoPortifólio proinfo
Portifólio proinfo
 
Portifólio Proinfo
Portifólio ProinfoPortifólio Proinfo
Portifólio Proinfo
 
Portifólio Proinfo
Portifólio ProinfoPortifólio Proinfo
Portifólio Proinfo
 
Portifólio Proinfo
Portifólio ProinfoPortifólio Proinfo
Portifólio Proinfo
 
Educação e cibercultura
Educação e ciberculturaEducação e cibercultura
Educação e cibercultura
 
Of formação_be_web20_mod2_intro
Of formação_be_web20_mod2_introOf formação_be_web20_mod2_intro
Of formação_be_web20_mod2_intro
 
Tarefa semana3
Tarefa semana3Tarefa semana3
Tarefa semana3
 
Tarefa semana3
Tarefa semana3Tarefa semana3
Tarefa semana3
 
Tarefa semana3
Tarefa semana3Tarefa semana3
Tarefa semana3
 
Tarefa semana3
Tarefa semana3Tarefa semana3
Tarefa semana3
 
Lousa Digital: Perspectivas Pedagógicas
Lousa Digital: Perspectivas PedagógicasLousa Digital: Perspectivas Pedagógicas
Lousa Digital: Perspectivas Pedagógicas
 
MÍDIAS NA EDUCAÇÃO: Um Mar de Possibilidades e Informações
MÍDIAS NA EDUCAÇÃO: Um Mar de Possibilidades e InformaçõesMÍDIAS NA EDUCAÇÃO: Um Mar de Possibilidades e Informações
MÍDIAS NA EDUCAÇÃO: Um Mar de Possibilidades e Informações
 
Mini curso tec_educ
Mini curso tec_educMini curso tec_educ
Mini curso tec_educ
 
Portifólio proinfo
Portifólio proinfoPortifólio proinfo
Portifólio proinfo
 
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
 
A rede social My English Club como um recurso tecnológico nos ambientes prese...
A rede social My English Club como um recurso tecnológico nos ambientes prese...A rede social My English Club como um recurso tecnológico nos ambientes prese...
A rede social My English Club como um recurso tecnológico nos ambientes prese...
 
O ensino e a aprendizagem de língua espanhola por meio de redes sociais
O ensino e a aprendizagem de língua espanhola por meio de redes sociaisO ensino e a aprendizagem de língua espanhola por meio de redes sociais
O ensino e a aprendizagem de língua espanhola por meio de redes sociais
 
Apresentação Monografia UEMA.pptx
Apresentação Monografia UEMA.pptxApresentação Monografia UEMA.pptx
Apresentação Monografia UEMA.pptx
 
Portifólio infoempoto2010
Portifólio infoempoto2010Portifólio infoempoto2010
Portifólio infoempoto2010
 
Reflexão crítica das TICs na Educação
Reflexão crítica das TICs na EducaçãoReflexão crítica das TICs na Educação
Reflexão crítica das TICs na Educação
 

Mais de aiadufmg

Linked in parte 2
Linked in   parte 2Linked in   parte 2
Linked in parte 2
aiadufmg
 
Last fm parte 2
Last fm   parte 2Last fm   parte 2
Last fm parte 2
aiadufmg
 
Delicious parte 2
Delicious   parte 2Delicious   parte 2
Delicious parte 2
aiadufmg
 
Skoob parte 2
Skoob   parte 2Skoob   parte 2
Skoob parte 2
aiadufmg
 
Livemocha parte 2
Livemocha   parte 2Livemocha   parte 2
Livemocha parte 2
aiadufmg
 
LinkedIn - parte 2
LinkedIn - parte 2LinkedIn - parte 2
LinkedIn - parte 2
aiadufmg
 
Last Fm - parte 2
Last Fm - parte 2Last Fm - parte 2
Last Fm - parte 2
aiadufmg
 
Delicious - parte 2
Delicious - parte 2Delicious - parte 2
Delicious - parte 2
aiadufmg
 
Livemocha - parte 2
Livemocha - parte 2Livemocha - parte 2
Livemocha - parte 2
aiadufmg
 
Skoob - parte 2
Skoob - parte 2Skoob - parte 2
Skoob - parte 2
aiadufmg
 
Avaliacao de Interfaces
Avaliacao de InterfacesAvaliacao de Interfaces
Avaliacao de Interfaces
aiadufmg
 
Acessibilidade em bibliotecas digitais
Acessibilidade em bibliotecas digitaisAcessibilidade em bibliotecas digitais
Acessibilidade em bibliotecas digitais
aiadufmg
 
Sites acessíveis
Sites acessíveisSites acessíveis
Sites acessíveis
aiadufmg
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
aiadufmg
 
Design Universal
Design UniversalDesign Universal
Design Universal
aiadufmg
 
Deficiências e Tecnologias Assistivas
Deficiências e Tecnologias AssistivasDeficiências e Tecnologias Assistivas
Deficiências e Tecnologias Assistivas
aiadufmg
 
Flickr
FlickrFlickr
Flickr
aiadufmg
 
Ai ad aula 6_atividadecardsorting
Ai ad aula 6_atividadecardsortingAi ad aula 6_atividadecardsorting
Ai ad aula 6_atividadecardsorting
aiadufmg
 
Skoob
SkoobSkoob
Skoob
aiadufmg
 
Linked In
Linked InLinked In
Linked In
aiadufmg
 

Mais de aiadufmg (20)

Linked in parte 2
Linked in   parte 2Linked in   parte 2
Linked in parte 2
 
Last fm parte 2
Last fm   parte 2Last fm   parte 2
Last fm parte 2
 
Delicious parte 2
Delicious   parte 2Delicious   parte 2
Delicious parte 2
 
Skoob parte 2
Skoob   parte 2Skoob   parte 2
Skoob parte 2
 
Livemocha parte 2
Livemocha   parte 2Livemocha   parte 2
Livemocha parte 2
 
LinkedIn - parte 2
LinkedIn - parte 2LinkedIn - parte 2
LinkedIn - parte 2
 
Last Fm - parte 2
Last Fm - parte 2Last Fm - parte 2
Last Fm - parte 2
 
Delicious - parte 2
Delicious - parte 2Delicious - parte 2
Delicious - parte 2
 
Livemocha - parte 2
Livemocha - parte 2Livemocha - parte 2
Livemocha - parte 2
 
Skoob - parte 2
Skoob - parte 2Skoob - parte 2
Skoob - parte 2
 
Avaliacao de Interfaces
Avaliacao de InterfacesAvaliacao de Interfaces
Avaliacao de Interfaces
 
Acessibilidade em bibliotecas digitais
Acessibilidade em bibliotecas digitaisAcessibilidade em bibliotecas digitais
Acessibilidade em bibliotecas digitais
 
Sites acessíveis
Sites acessíveisSites acessíveis
Sites acessíveis
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
 
Design Universal
Design UniversalDesign Universal
Design Universal
 
Deficiências e Tecnologias Assistivas
Deficiências e Tecnologias AssistivasDeficiências e Tecnologias Assistivas
Deficiências e Tecnologias Assistivas
 
Flickr
FlickrFlickr
Flickr
 
Ai ad aula 6_atividadecardsorting
Ai ad aula 6_atividadecardsortingAi ad aula 6_atividadecardsorting
Ai ad aula 6_atividadecardsorting
 
Skoob
SkoobSkoob
Skoob
 
Linked In
Linked InLinked In
Linked In
 

Livemocha

  • 1. Universidade Federal de Minas Gerais Escola de Ciência da Informação Departamento de Teoria e Gestão da Informação Alunos: Adrileia de Moura Lima Ana Clara Ribeiro Rocha Elizangela do Nascimento Janaína de Sousa Alves Belo Horizonte 2012
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5. Livemocha  Criado em Seattle, nos EUA;  Seattle Conhecida pelo seu café delicioso.
  • 6. Livemocha  Live Viver (Verb.), existir (Verb.) , morar (Verb.), habitar (Verb.), vivo (adj)., “ao vivo” (Adv.) (Inglês);  Mocha Tipo de café com chocolate (Italiano);  Proposta Comparar a maneira de aprender idiomas em tempo real como se os usuários fossem sentar para tomar um café juntos, no estilo de Seattle.
  • 7. Livemocha O Livemocha é uma rede social que oferece uma combinação de aprendizagem online de idiomas e prática com falantes nativos, na qual as pessoas ensinam e aprendem umas com as outras.
  • 8. Aprendizado de idiomas  Interessados em aprender Inglês aumentou;  Empresas de países em desenvolvimento não podem depender apenas do Inglês;  Por isso, línguas como Espanhol, Chinês, Mandarim, Português e Russo são vantagens competitivas também.
  • 9. Ações Criar a possibilidade de fluência em uma segunda língua para cada pessoa do mundo.
  • 10. Missão Vamos criar um mundo em que cada ser humano seja fluente em vários idiomas.
  • 11. Visão “Criar um mundo que permite às pessoas comunicar com qualquer pessoa, em qualquer lugar”.
  • 12. Metodologia  Modelo de aprendizagem: Todo-parte-todo;  Permite aos alunos observar, aprender e praticar conceitos de linguagem novas;  Situações de aprendizagem em três partes:
  • 13.
  • 14. Níveis de aprendizado  Iniciantes;  Intermediário;  Avançado.
  • 15. Atividades de Aprendizagem Os métodos de aprendizagem são, na maioria das vezes, estruturados por práticas de trabalho ao invés de relações assimétricas mestre-aprendiz.
  • 16. Atividades de Aprendizagem  Cursos Active; Diálogo de Vídeo;  Vocabulário; Gramática;  Leitura;  Conversações Interativas;  Cursos para Adquirir Vocabulário;  Escrita;  Aulas ao vivo;  Sala de aula Livemocha;
  • 17. Livemocha • Acesso ilimitado a todas as aulas em grupo ao vivo; • Material de prática online e interativo; • Professores Especialistas; • Falantes Nativos.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22. Avaliação  A forma de avaliação de desempenho no aprendizado de um idioma entre os usuários ocorre através de um sistema de pontos;  Recurso que determina o desenvolvimento do aprendiz, cujo acúmulo permite aos associados avaliarem as contribuições entre si e monitorarem a proficiência linguística.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30.
  • 31.
  • 32.
  • 33. Conclusão  De acordo com Cunha & Cavalcanti (2008), repositório é definido como “lugar físico ou digital onde objetos são armazenados por um período de tempo. Objetos individuais podem ser consultados caso sejam solicitados pelos usuários e quando atendem as suas necessidades de informação. Conjunto ou base de dados com informações importantes”.  Nesse sentido, podemos concluir que o Livemocha seja um repositório informacional, uma vez que possui informações importantes. Por ser uma rede social, permite a troca de informações de usuários de várias partes do mundo.
  • 35. Referências bibliográficas  ARAÚJO, J. P. S. Livemocha: um curso, uma rede social e sua contribuição para o ensino de línguas estrangeiras. In: 3º Simpósio Hipertexto e Tecnologias na Educação, redes sociais e aprendizagem. Universidade Federal de Pernambuco. Anais eletrônicos... Pernambuco: Núcleo de Estudos e Hipertextos e Tecnologia na Educação, 2010. p. 1- 17. Disponível em: <http://www.ufpe.br/nehte/simposio/anais/Anais-Hipertexto- 2010/Joao-Paulo-Souza-Araujo.pdf>. Acessado em: 23 out. 2012.  CUNHA, Murilo Bastos da; CAVALCANTI, Cordélia R. (Cordélia Robalinho). Dicionário de biblioteconomia e arquivologia. Brasília: Briquet de Lemos/Livros, 2008. xvi, 451 p.  Livemocha. Disponível em: <http:// www.livemocha.com>. Acesso em: 23 out. 2012.