SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 45
O Mundo Após a
   Guerra Fria
“Nova Ordem Mundial”
►   Multipolaridade ou Hegemonia dos EUA?
      - China, Japão, Tigres Asiáticos...
      (Hong Kong, Cingapura, Coréia do Sul e Taiwan)


►   Império em declínio ou no apogeu?
      - fim do “inimigo externo” (URSS)
      - problemas no Oriente Médio
      - desafios da Coréia do Norte, Venezuela
      - Problemas internos (crise econômica)
► Globalização


► Neoliberalismo


► Blocos   Econômicos Mundiais:
     Nafta
     Mercosul
     União Europeia
     Alca
ORIENTE MÉDIO
►  JUDEUS
  - História de perseguições
  - Região da Palestina (Canaã) dominada
  pelos romanos
  70 d.C. = Diáspora – povo judeu se espalha
  pelo mundo (Europa principalmente)
► Movimento Sionista = defende o retorno da
  comunidade judaica à “terra prometida”
►   II Guerra Mundial = Holocausto Judeu
                - ganha força a causa sionista

1948 → Criação do Estado de Israel (ONU)

      Judeus = menos de 33% da população
      → Estado de Israel = 56,5% do território
      Árabes = 67% da população
      → receberiam 42,9% da área
►   Árabes não aceitam a partilha = Guerra
    - Palestinos + Egito + Síria + Líbano + Iraque +
    Jordânia   X Israel*

* Apoio dos EUA, Inglaterra e outros...


► Vitória  de Israel, que toma mais territórios que o
    previsto inicialmente...


► Questão    Palestina = busca de um estado nacional
    palestino e muçulmano
Guerra de Suez (1956)

- Controle do Canal de Suez
- Egito = nacionalização
- França, Inglaterra e Israel X Egito
- Egito derrotado, fica com o canal mas
garante a livre navegação nele...
- Aumentam as hostilidades contra o Estado
de Israel (terroristas)
- Fortalece a aliança entre os árabes
1964 = criação da OLP, Organização para
a Libertação da Palestina


     Guerra dos Seis Dias (1967)
►   Rápida e fulminante ofensiva israelense

►   Três frentes: Jordânia, Síria e Egito

►   Vitória, expansão do território (Sinai)
Guerra do Yom Kyppur (1973)
►     Ataque de Síria e Egito, reação contra
    Israel (feriado judaico, “dia do perdão”)

► Vitórias iniciais árabes, reação Israelense
    com apoio dos EUA

► Vitória   de Israel, acordos, não tomou
    grandes territórios...
Acordo de Camp David (1978)

► Egito  reconheceu oficialmente o Estado de
  Israel, em troca da Península do Sinai
► 1979 – Egito é expulso da Liga Árabe
► 1981 – Presidente egípcio Anwar el-Sadat é
  assassinado por extremistas islâmicos -
  pagou o preço por acenar a favor da
  concretização da paz com Israel
Anwar Sadat (Eg), Jimmy Carter
 (EUA), Menachem Begin (Is)
►   Gradativo enfraquecimento da OLP
     Importante liderança = Yasser Arafat
     Negociações tendo como intermediário Bill
      Clinton, com Yitzhak Rabin, Shimon Peres e
      Ehud Barak, primeiros-ministros de Israel
2001 - “Paz dos valentes"
► Israel = Ariel Sharon
► Eua = George W. Bush (filho)
► situação se complica para os árabes
                2004 = falece Yasser Arafat
Guerra do Líbano (2006)

►   Ofensiva Israelense em território libanês
  “contra o Hezbollah” (fundado em 82, após
  invasão de Israel ao sul do Líbano, xiitas)
► Exército Israelense X milícias árabes
     (apoio EUA)            (apoio Irã)
► Vitória de Israel
► Árabes comemoraram nas ruas a retirada
  das tropas israelenses do Líbano
Importância do Oriente Médio
►      Territórios   estrategicamente   localizados:
    Ligação mundo ocidental com oriental
►  Riqueza mineral:
    65% das reservas mundiais de petróleo
    25% das reservas de gás natural
    Maiores produtores mundiais de petróleo:
     Arábia Saudita, Kuwait, Irã e Iraque
► Guerra Fria - Eua apoiou os fundamentalistas
  religiosos contra os comunistas: Bin Laden,
  Saddam Hussein...
“Petromonarquias”


►Arábia Saudita e Kuwait
► extremamente conservadores
► aliados dos EUA
► não fazem fronteira com Israel
► pagam uma “mesada” escondida para a
OLP
Revolução Islâmica (1979)

►     Transformou o Irã, de uma
    monarquia     autocrática     pró-
    Ocidente, em uma república
    populista teocrática islâmica sob
    o comando do aiatolá Khomeini

►   1980/90 = guerra contra o
    Iraque, chefiado por Saddam
    Hussein, auxiliado pelos EUA
Guerra do Golfo (1990)

► Saddam     Hussein invade o Kuwait

► Coalizão   anti-iraquiana liderada pelos EUA

► EUA  (presidente = Bush pai) derrotam
 Saddam, expulsando os iraquianos do
 Kuwait, Saddam fica no poder...
Presença dos EUA no Oriente Médio

►    Antigos aliados passam a se levantar
    contra os EUA

►      Saddam Hussein (Iraque),         Talibãs
    (Afeganistão), Irã, Al Qaeda...

►   aumentam os atentados terroristas
11/setembro/2001
►  Atentado às torres gêmeas do WTC -
 Serve como perfeita justificativa para a
 invasão do O.M. pelos EUA
► “Guerra Contra o Terror”
     Invasão do Afeganistão
     Invasão do Iraque
     Apoio à política expansionista e militarista de
      Israel
     Busca de um motivo para invasão do Irã...
“Eixo do Mal”
►   Atual: Venezuela, Cuba, Irã, Coréia do Norte e China
     Venezuela = Hugo Chávez e o novo populismo
      latino americano    (“Bush é o diabo”)
     Cuba = Fidel Castro, à beira da morte, e seu regime
      (dinheiro    já   pronto     para    promover     a
      “democratização” de Cuba)

     Irã    =      Mahmoud
      Ahmadinejad    e     seu
      programa nuclear X EUA
      e ONU       (petróleo)
 Coréia do Norte (Kim Jong-um)= “monarquia
  comunista”, manutenção de um sistema stalinista
  - teste de um artefato nuclear (out / 2006)
  - sanções da ONU, pressão dos EUA
  - EUA = bases na Coréia do Sul, visando a China

 China (Hu Jintao – Secretário-Geral do Partido
  Comunista) - soberania sobre o Mar da China,
  um  canal rico em recursos  para cerca de US $ 5
  trilhões em comércio global anual, dos quais 1,2
  trilhões  de dólares é americano – Armas
  nucleares
A Primavera Árabe
“Quando a liberdade eclode no espírito de um homem, dez não podem
       nada contra esse um” (Jean-Paul Sartre, As Moscas)
Por que “primavera”?
          ► Jornalistas no mundo
            todo,      passaram      a
            designar o movimento de
            Primavera Árabe, em
            referência à Primavera
            dos Povos (1848)
          ► Também         o     nome
            primavera      tem    sido
            associado        a     um
            “despertar” do mundo
            árabe     para     a   sua
            condição social e política
Quais as causas?

 Altos índices de desemprego na
  região
 Crise econômica
 Pouca ou nenhuma representação
  política da população
   ►Ditaduras
 Pouca liberdade de expressão
Qual o tipo do movimento?
►Se  é possível tipificar a Primavera Árabe,
 podemos situar ela entre os seguintes
 pontos:
  Movimentos         de     caráter    laico
   (inicialmente)
  Liberalizantes
  Pró-democracia
  Populares
As Redes Sociais na Primavera
              Árabe...
► Alguns
       tem se referido à Primavera Árabe
 como uma “Revolução 2.0”, porque:
   Uso de redes sociais na organização dos
    protestos
    ►Facebook
    ►Twitter

   Participação da rede de TV Al Jazeera (Catar), na
    cobertura dos movimentos;
   Uso, pelos regimes em crise, de sistemas de
    telefonia celular para a delação dos envolvidos
    nos protestos
Delenda est Carthago: a Tunísia em
                 revolta
►   O estopim da Primavera Árabe, foi a autoimolação, na Tunísia, de
    Mohamed Bouazizi fato que, logo após, foi seguido das primeiras
    manifestações.
      Os protestos promoveram uma Revolução que derrubou o
       regime de Ben Ali
E assim...
•   Após a Tunísia, foram verificados levantes em:
      • Argélia (governada até hoje sob estado de Emergência)
      • Líbia (Ditadura de Muammar Khadafi)
      • Jordânia
      • Iêmen (Presidente Saleh é ferido gravemente)
      • Arábia Saudita
      • Líbano
      • Egito (então governado por Hosni Mubarak)
      • Síria (O governo de Bashar al-Assad promove dura
        repressão)
      • Também houve revoltas na Palestina, Omã, Mauritânia,
        Marrocos, Djibuti, Barein, Iraque e Kuwait
A herança colonialista
►A  Primavera Árabe também tem suas bases mais
 antigas na dominação imperialista e neocolonialista
 da região, pelas potências europeias.
   A França, na sua dominação no Saara marcou o
    “desmantelamento das províncias árabes do
    Império Otomano”
   Com a Inglaterra, a França atuou no controle do
    Canal de Suez, no Egito
   Alemanha e Itália, após suas unificações,
    também partiram à conquista
A herança colonialista
 A herança colonialista desorganizou o mundo
  árabe, fragmentando-o em estados instáveis.

 Declaração de Balfour (1917) - conceder
  ao povo judeu uma facilitação de povoação
  da Terra              de          Israel caso
  a Inglaterra conseguisse derrotar o Império
  Otomano, que, até então, dominava aquela
  região.
Os Árabes e o Islã

►Antes  de mais nada, vale a regra:
 “Nem todo muçulmano é árabe, e nem
 todo árabe é muçulmano”
  Ao contrário do que se pode supor, o Islã
   não é uma unidade.
    ►Como outras religiões, também o
     Islamismo possui diferentes correntes
As 2 grandes divisões do Islã
► Os Sunitas compreendem a maioria do mundo
  muçulmano, compreendendo algo próximo a 84% do
  total
    Aceitam não apenas o Corão como livro sagrado,
     mas também a Sunna
► Os Xiitas são o segundo maior ramo do Islã.
    Países que tem a maior parte da população Xiita:
      ►Irã, Iraque, Azerbaijão e Bahrein
    Os Xiitas consideram apenas o Corão como livro
     sagrado do Islã.
      ►São considerados apóstatas pelos Sunitas
Crise no “Mundo Árabe”

►  Motivos
– Crise financeira mundial derrubou os Estados policialescos.
- Tudo começou na Tunísia – Zine Bem Ali.
Egito
►   Hosni Mubarak – o exército não foi para
    a rua na Praça Tahir.

►   Irmandade Muçulmana – força política organizada –
    nacionalismo político religioso.

    - Mohamad El-Baradei – ex-diretor da Agência Nacional de
      Energia Atômica – acertou Iraque, oculta Irã.
    ► Eleições em setembro 2011.
    ► A tecnologia criada em nome da guerra, agora é usada
      pelo povo (Facebbok – Twitter).
Líbia:
► Curriculum de Muamar Kadafi
- 1972 – Olimpíadas de Munique: atentado (atletas israelenses).
- 1986 Atentado a soldados dos EUA – discoteca
- 1988 – Atentado ao avião da Pan Am (Escócia)


    Saldo: 285 mortos

   De pária dos párias a ditador bajulado pelo Ocidente.
      Entregou dois terroristas a Inglaterra - atentado na Escócia .
      Abandonou projeto de armas químicas e nucleares.
      Abriu o mercado do petróleo a Shell (Anglo-holandesa)
      Colaborou com a “Guerra ao Terror” – Conveniência: ditador
       contra os fundamentalistas, EUA, contra o “terror”.
Líbia:

►Problemas      enfrentados por Muammar
    Kadafi:
   Estratégia    contra   o    estrategista:
    esvaziamento do exército – mercenários.
   Os que lutavam a favor de Kadafi
    obedecem mais a seus líderes tribais
    (leste – Bengasi)
Líbia:

►Economia      mundial:
   Cotação do barril do petróleo em alta:
    risco para a economia do planeta – um
    dos motivos da preocupação mundial –
    Não pode chegar a Arábia Saudita.
   8ª reserva de petróleo do mundo (2%):
    gasolina e querosene de avião.
Irã: uma potência regional


►   Mahmoud Ahmadinejad: “É
    inconcebível mandar disparar
    contra os próprios cidadãos” –
    críticas a Moammar Kadafi?
Irã: uma potência regional

- Bahrein – rei Hamad – ex-província iraniana
Sunitas:   minoria – Xiitas: 70%
Vizinhos:
         medo que o Bahrein se transforme em
uma república islâmica como o Irã.


- Rei Abdullah (Arábia Saudita): “é preciso cortar a
cabeça da serpente”.
Irã: Influências
►   Líbano: Hezbollah (é uma organização com atuação política
    e paramilitar fundamentalista islâmica xiita sediada no
    Líbano – contra o imperialismo).
►   Iraque: Xiitas no poder (EUA ajudou Irã ao matar Saddam
    Hussein).
►   Egito (Irmandade Muçulmana): os generais que substituíram
    Mubarak já abriram o Canal de Suez para duas fragatas
    iranianas.
►   Hamas (organização palestina que não reconhece a
    existência do Estado de Israel e controla a Faixa de Gaza)
    tem rivalidade com o Fatah: que atualmente prega a
    reconciliação entre palestinos e israelenses
Quem assumirá o lugar dos ditadores?
                 Democratas?

►   Egito: Yusuf Al Qaradawi – “Depois da libertação do
    Iraque, faltará conquistar Roma. Isso significa que o Islã
    vai retornar à Europa pela terceira vez. Vamos
    conquistar a América”.

►   Líbano: Hassan Nasrallah – “Israel pode, sim,
    centenas de vezes sim, deixar de existir”.

►   Marrocos: Abdessalam Yassine - “As piores bestas
    aos olhos de Alá são os apóstatas que não têm fé”

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Slide GlobalizaçãO
Slide GlobalizaçãOSlide GlobalizaçãO
Slide GlobalizaçãOrsaloes
 
Nova Ordem Mundial
Nova Ordem MundialNova Ordem Mundial
Nova Ordem MundialCarminha
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicosArtur Lara
 
O mundo pos guerra fria
O mundo pos guerra friaO mundo pos guerra fria
O mundo pos guerra friaIsabel Aguiar
 
A Nova Ordem Mundial (PDF)
A Nova Ordem Mundial (PDF)A Nova Ordem Mundial (PDF)
A Nova Ordem Mundial (PDF)Paulo Alexandre
 
As fases da revolução industrial
As fases  da revolução industrialAs fases  da revolução industrial
As fases da revolução industrialNelia Salles Nantes
 
Colonialismo, neocolonialismo, imperialismo
Colonialismo, neocolonialismo, imperialismoColonialismo, neocolonialismo, imperialismo
Colonialismo, neocolonialismo, imperialismoalinemaiahistoria
 
Descolonização da áfrica e ásia
Descolonização da áfrica e ásiaDescolonização da áfrica e ásia
Descolonização da áfrica e ásiaIsaquel Silva
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
GlobalizaçãoArtur Lara
 
Industrialização brasil
Industrialização brasilIndustrialização brasil
Industrialização brasiledsonluz
 
9º ano história rafa - era vargas
9º ano   história   rafa  - era vargas9º ano   história   rafa  - era vargas
9º ano história rafa - era vargasRafael Noronha
 

Mais procurados (20)

Slide GlobalizaçãO
Slide GlobalizaçãOSlide GlobalizaçãO
Slide GlobalizaçãO
 
Nova Ordem Mundial
Nova Ordem MundialNova Ordem Mundial
Nova Ordem Mundial
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
O mundo pos guerra fria
O mundo pos guerra friaO mundo pos guerra fria
O mundo pos guerra fria
 
A Nova Ordem Mundial (PDF)
A Nova Ordem Mundial (PDF)A Nova Ordem Mundial (PDF)
A Nova Ordem Mundial (PDF)
 
O neoliberalismo
O neoliberalismoO neoliberalismo
O neoliberalismo
 
Fim da União Soviética
Fim da União SoviéticaFim da União Soviética
Fim da União Soviética
 
Período regencial
Período regencialPeríodo regencial
Período regencial
 
As fases da revolução industrial
As fases  da revolução industrialAs fases  da revolução industrial
As fases da revolução industrial
 
Colonialismo, neocolonialismo, imperialismo
Colonialismo, neocolonialismo, imperialismoColonialismo, neocolonialismo, imperialismo
Colonialismo, neocolonialismo, imperialismo
 
Descolonização da áfrica e ásia
Descolonização da áfrica e ásiaDescolonização da áfrica e ásia
Descolonização da áfrica e ásia
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
Marcha para oeste
Marcha para oesteMarcha para oeste
Marcha para oeste
 
Primeiro reinado
Primeiro reinadoPrimeiro reinado
Primeiro reinado
 
Industrialização brasil
Industrialização brasilIndustrialização brasil
Industrialização brasil
 
9º ano história rafa - era vargas
9º ano   história   rafa  - era vargas9º ano   história   rafa  - era vargas
9º ano história rafa - era vargas
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
Geopolítica e ordens mundiais I
Geopolítica e ordens mundiais IGeopolítica e ordens mundiais I
Geopolítica e ordens mundiais I
 

Destaque

Guerra fria e Conflitos
Guerra fria e ConflitosGuerra fria e Conflitos
Guerra fria e Conflitosdrikalima
 
Guerra fria (1945-1991)
Guerra fria (1945-1991)Guerra fria (1945-1991)
Guerra fria (1945-1991)Larissa Silva
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Friarsaloes
 
A Guerra Fria (ppt)
A Guerra Fria (ppt)A Guerra Fria (ppt)
A Guerra Fria (ppt)Janayna Lira
 
Guerra fria completa - YouTube Link: https://youtu.be/XhS9vFASWjU
Guerra fria completa - YouTube Link: https://youtu.be/XhS9vFASWjUGuerra fria completa - YouTube Link: https://youtu.be/XhS9vFASWjU
Guerra fria completa - YouTube Link: https://youtu.be/XhS9vFASWjUKéliton Ferreira
 
A Guerra Fria
A Guerra FriaA Guerra Fria
A Guerra Friacattonia
 
História 9º ano slide Guerra Fria
História   9º ano slide Guerra FriaHistória   9º ano slide Guerra Fria
História 9º ano slide Guerra FriaJanaína Bindá
 

Destaque (10)

Bloqueio de berlim
Bloqueio de berlimBloqueio de berlim
Bloqueio de berlim
 
Guerra fria e Conflitos
Guerra fria e ConflitosGuerra fria e Conflitos
Guerra fria e Conflitos
 
Guerra fria (1945-1991)
Guerra fria (1945-1991)Guerra fria (1945-1991)
Guerra fria (1945-1991)
 
A Guerra Fria
A Guerra FriaA Guerra Fria
A Guerra Fria
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Fria
 
A Guerra Fria (ppt)
A Guerra Fria (ppt)A Guerra Fria (ppt)
A Guerra Fria (ppt)
 
A guerra fria
A guerra friaA guerra fria
A guerra fria
 
Guerra fria completa - YouTube Link: https://youtu.be/XhS9vFASWjU
Guerra fria completa - YouTube Link: https://youtu.be/XhS9vFASWjUGuerra fria completa - YouTube Link: https://youtu.be/XhS9vFASWjU
Guerra fria completa - YouTube Link: https://youtu.be/XhS9vFASWjU
 
A Guerra Fria
A Guerra FriaA Guerra Fria
A Guerra Fria
 
História 9º ano slide Guerra Fria
História   9º ano slide Guerra FriaHistória   9º ano slide Guerra Fria
História 9º ano slide Guerra Fria
 

Semelhante a Guerra fria e globalização

História - Oriente Médio.
História - Oriente Médio.História - Oriente Médio.
História - Oriente Médio.Carson Souza
 
Or médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemOr médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemCarlos Glufke
 
Conflitos no oriente médio na segunda metade do
Conflitos no oriente médio na segunda metade doConflitos no oriente médio na segunda metade do
Conflitos no oriente médio na segunda metade doThomaz Araujo Farias
 
Questão arabe palestina 2014
Questão arabe palestina 2014Questão arabe palestina 2014
Questão arabe palestina 2014Fabio Salvari
 
AULA DE ATUALIDADES 2014 (DOMINGO)
AULA DE ATUALIDADES 2014 (DOMINGO) AULA DE ATUALIDADES 2014 (DOMINGO)
AULA DE ATUALIDADES 2014 (DOMINGO) Léo Miranda
 
Oriente Médio
Oriente Médio Oriente Médio
Oriente Médio carlosbidu
 
Oriente Médio e alguns confrontos.
Oriente Médio e alguns confrontos.Oriente Médio e alguns confrontos.
Oriente Médio e alguns confrontos.Andre Caiado
 
Domingo 2015 (Venda Nova)
Domingo 2015 (Venda Nova)Domingo 2015 (Venda Nova)
Domingo 2015 (Venda Nova)Léo Miranda
 
Domingo 2015 (BARREIRO)
Domingo 2015 (BARREIRO)Domingo 2015 (BARREIRO)
Domingo 2015 (BARREIRO)Léo Miranda
 
AULA ATUALIDADES 2015 - DOMINGO
AULA ATUALIDADES 2015 - DOMINGOAULA ATUALIDADES 2015 - DOMINGO
AULA ATUALIDADES 2015 - DOMINGOLéo Miranda
 
Conflitos pós 1991
Conflitos pós 1991Conflitos pós 1991
Conflitos pós 1991J R Messias
 
A Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
A Criação do Estado de Israel e a Questão PalestinaA Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
A Criação do Estado de Israel e a Questão Palestinaeiprofessor
 

Semelhante a Guerra fria e globalização (20)

História - Oriente Médio.
História - Oriente Médio.História - Oriente Médio.
História - Oriente Médio.
 
Or médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordemOr médio américa e nova ordem
Or médio américa e nova ordem
 
Conflitos no oriente médio na segunda metade do
Conflitos no oriente médio na segunda metade doConflitos no oriente médio na segunda metade do
Conflitos no oriente médio na segunda metade do
 
Questão arabe palestina 2014
Questão arabe palestina 2014Questão arabe palestina 2014
Questão arabe palestina 2014
 
Conflitos no Oriente Médio
Conflitos no Oriente MédioConflitos no Oriente Médio
Conflitos no Oriente Médio
 
26
2626
26
 
AULA DE ATUALIDADES 2014 (DOMINGO)
AULA DE ATUALIDADES 2014 (DOMINGO) AULA DE ATUALIDADES 2014 (DOMINGO)
AULA DE ATUALIDADES 2014 (DOMINGO)
 
1 oriente medio
1 oriente medio1 oriente medio
1 oriente medio
 
Oriente Médio
Oriente Médio Oriente Médio
Oriente Médio
 
Guerra ao terror
Guerra ao terrorGuerra ao terror
Guerra ao terror
 
Oriente Médio e alguns confrontos.
Oriente Médio e alguns confrontos.Oriente Médio e alguns confrontos.
Oriente Médio e alguns confrontos.
 
Domingo 2015 (Venda Nova)
Domingo 2015 (Venda Nova)Domingo 2015 (Venda Nova)
Domingo 2015 (Venda Nova)
 
Domingo 2015 (BARREIRO)
Domingo 2015 (BARREIRO)Domingo 2015 (BARREIRO)
Domingo 2015 (BARREIRO)
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
 
Guerra fria
Guerra friaGuerra fria
Guerra fria
 
AULA ATUALIDADES 2015 - DOMINGO
AULA ATUALIDADES 2015 - DOMINGOAULA ATUALIDADES 2015 - DOMINGO
AULA ATUALIDADES 2015 - DOMINGO
 
Guerra Fria - Atualizada
Guerra Fria - AtualizadaGuerra Fria - Atualizada
Guerra Fria - Atualizada
 
Conflitos no oriente médio.
Conflitos no oriente médio.Conflitos no oriente médio.
Conflitos no oriente médio.
 
Conflitos pós 1991
Conflitos pós 1991Conflitos pós 1991
Conflitos pós 1991
 
A Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
A Criação do Estado de Israel e a Questão PalestinaA Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
A Criação do Estado de Israel e a Questão Palestina
 

Mais de Portal do Vestibulando

Idade Média - Feudalismo - Reino Franco
Idade Média - Feudalismo - Reino FrancoIdade Média - Feudalismo - Reino Franco
Idade Média - Feudalismo - Reino FrancoPortal do Vestibulando
 
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, Astecas
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, AstecasSociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, Astecas
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, AstecasPortal do Vestibulando
 
Ditadura militar anos de chumbo (1964-1985)
Ditadura militar   anos de chumbo (1964-1985)Ditadura militar   anos de chumbo (1964-1985)
Ditadura militar anos de chumbo (1964-1985)Portal do Vestibulando
 
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismoPeríodo entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismoPortal do Vestibulando
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoPortal do Vestibulando
 
África nos tempos de tráfico atlântico
África nos tempos de tráfico atlânticoÁfrica nos tempos de tráfico atlântico
África nos tempos de tráfico atlânticoPortal do Vestibulando
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoPortal do Vestibulando
 
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistas
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistasBrasil Colônia: revoltas nativistas e separatistas
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistasPortal do Vestibulando
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoPortal do Vestibulando
 
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - Manaus
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - ManausCuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - Manaus
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - ManausPortal do Vestibulando
 

Mais de Portal do Vestibulando (20)

Idade Média - Feudalismo - Reino Franco
Idade Média - Feudalismo - Reino FrancoIdade Média - Feudalismo - Reino Franco
Idade Média - Feudalismo - Reino Franco
 
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, Astecas
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, AstecasSociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, Astecas
Sociedades Pré-colombianas: Toltecas, Olmecas, Incas, Nazca, Maias, Astecas
 
Independência dos EUA
Independência dos EUAIndependência dos EUA
Independência dos EUA
 
Ditadura militar anos de chumbo (1964-1985)
Ditadura militar   anos de chumbo (1964-1985)Ditadura militar   anos de chumbo (1964-1985)
Ditadura militar anos de chumbo (1964-1985)
 
07 revolução mexicana
07   revolução mexicana07   revolução mexicana
07 revolução mexicana
 
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismoPeríodo entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
Período entre guerras - crise de 1929 - nazifascismo
 
Nova República
Nova RepúblicaNova República
Nova República
 
Senhora
SenhoraSenhora
Senhora
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
 
Absolutismo
AbsolutismoAbsolutismo
Absolutismo
 
Questão Palestina
Questão PalestinaQuestão Palestina
Questão Palestina
 
Descolonização afro-asiática
Descolonização afro-asiáticaDescolonização afro-asiática
Descolonização afro-asiática
 
África nos tempos de tráfico atlântico
África nos tempos de tráfico atlânticoÁfrica nos tempos de tráfico atlântico
África nos tempos de tráfico atlântico
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
 
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistas
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistasBrasil Colônia: revoltas nativistas e separatistas
Brasil Colônia: revoltas nativistas e separatistas
 
Brasil: Economia Colonial
Brasil: Economia ColonialBrasil: Economia Colonial
Brasil: Economia Colonial
 
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto históricoBrasil Pré-colonial - contexto histórico
Brasil Pré-colonial - contexto histórico
 
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - Manaus
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - ManausCuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - Manaus
Cuca Vestibulares - Maratona PSC 1 - Manaus
 
Religiões de matriz africana
Religiões de matriz africanaReligiões de matriz africana
Religiões de matriz africana
 
Morfologia - Classes Gramaticais
Morfologia - Classes GramaticaisMorfologia - Classes Gramaticais
Morfologia - Classes Gramaticais
 

Guerra fria e globalização

  • 1. O Mundo Após a Guerra Fria
  • 2. “Nova Ordem Mundial” ► Multipolaridade ou Hegemonia dos EUA? - China, Japão, Tigres Asiáticos... (Hong Kong, Cingapura, Coréia do Sul e Taiwan) ► Império em declínio ou no apogeu? - fim do “inimigo externo” (URSS) - problemas no Oriente Médio - desafios da Coréia do Norte, Venezuela - Problemas internos (crise econômica)
  • 3. ► Globalização ► Neoliberalismo ► Blocos Econômicos Mundiais:  Nafta  Mercosul  União Europeia  Alca
  • 4. ORIENTE MÉDIO ► JUDEUS - História de perseguições - Região da Palestina (Canaã) dominada pelos romanos 70 d.C. = Diáspora – povo judeu se espalha pelo mundo (Europa principalmente) ► Movimento Sionista = defende o retorno da comunidade judaica à “terra prometida”
  • 5. II Guerra Mundial = Holocausto Judeu - ganha força a causa sionista 1948 → Criação do Estado de Israel (ONU) Judeus = menos de 33% da população → Estado de Israel = 56,5% do território Árabes = 67% da população → receberiam 42,9% da área
  • 6.
  • 7. Árabes não aceitam a partilha = Guerra - Palestinos + Egito + Síria + Líbano + Iraque + Jordânia X Israel* * Apoio dos EUA, Inglaterra e outros... ► Vitória de Israel, que toma mais territórios que o previsto inicialmente... ► Questão Palestina = busca de um estado nacional palestino e muçulmano
  • 8. Guerra de Suez (1956) - Controle do Canal de Suez - Egito = nacionalização - França, Inglaterra e Israel X Egito - Egito derrotado, fica com o canal mas garante a livre navegação nele... - Aumentam as hostilidades contra o Estado de Israel (terroristas) - Fortalece a aliança entre os árabes
  • 9. 1964 = criação da OLP, Organização para a Libertação da Palestina Guerra dos Seis Dias (1967) ► Rápida e fulminante ofensiva israelense ► Três frentes: Jordânia, Síria e Egito ► Vitória, expansão do território (Sinai)
  • 10. Guerra do Yom Kyppur (1973) ► Ataque de Síria e Egito, reação contra Israel (feriado judaico, “dia do perdão”) ► Vitórias iniciais árabes, reação Israelense com apoio dos EUA ► Vitória de Israel, acordos, não tomou grandes territórios...
  • 11. Acordo de Camp David (1978) ► Egito reconheceu oficialmente o Estado de Israel, em troca da Península do Sinai ► 1979 – Egito é expulso da Liga Árabe ► 1981 – Presidente egípcio Anwar el-Sadat é assassinado por extremistas islâmicos - pagou o preço por acenar a favor da concretização da paz com Israel
  • 12. Anwar Sadat (Eg), Jimmy Carter (EUA), Menachem Begin (Is)
  • 13. Gradativo enfraquecimento da OLP  Importante liderança = Yasser Arafat  Negociações tendo como intermediário Bill Clinton, com Yitzhak Rabin, Shimon Peres e Ehud Barak, primeiros-ministros de Israel 2001 - “Paz dos valentes" ► Israel = Ariel Sharon ► Eua = George W. Bush (filho) ► situação se complica para os árabes 2004 = falece Yasser Arafat
  • 14. Guerra do Líbano (2006) ► Ofensiva Israelense em território libanês “contra o Hezbollah” (fundado em 82, após invasão de Israel ao sul do Líbano, xiitas) ► Exército Israelense X milícias árabes (apoio EUA) (apoio Irã) ► Vitória de Israel ► Árabes comemoraram nas ruas a retirada das tropas israelenses do Líbano
  • 15. Importância do Oriente Médio ► Territórios estrategicamente localizados: Ligação mundo ocidental com oriental ► Riqueza mineral:  65% das reservas mundiais de petróleo  25% das reservas de gás natural  Maiores produtores mundiais de petróleo: Arábia Saudita, Kuwait, Irã e Iraque ► Guerra Fria - Eua apoiou os fundamentalistas religiosos contra os comunistas: Bin Laden, Saddam Hussein...
  • 16. “Petromonarquias” ►Arábia Saudita e Kuwait ► extremamente conservadores ► aliados dos EUA ► não fazem fronteira com Israel ► pagam uma “mesada” escondida para a OLP
  • 17. Revolução Islâmica (1979) ► Transformou o Irã, de uma monarquia autocrática pró- Ocidente, em uma república populista teocrática islâmica sob o comando do aiatolá Khomeini ► 1980/90 = guerra contra o Iraque, chefiado por Saddam Hussein, auxiliado pelos EUA
  • 18. Guerra do Golfo (1990) ► Saddam Hussein invade o Kuwait ► Coalizão anti-iraquiana liderada pelos EUA ► EUA (presidente = Bush pai) derrotam Saddam, expulsando os iraquianos do Kuwait, Saddam fica no poder...
  • 19. Presença dos EUA no Oriente Médio ► Antigos aliados passam a se levantar contra os EUA ► Saddam Hussein (Iraque), Talibãs (Afeganistão), Irã, Al Qaeda... ► aumentam os atentados terroristas
  • 20. 11/setembro/2001 ► Atentado às torres gêmeas do WTC - Serve como perfeita justificativa para a invasão do O.M. pelos EUA ► “Guerra Contra o Terror”  Invasão do Afeganistão  Invasão do Iraque  Apoio à política expansionista e militarista de Israel  Busca de um motivo para invasão do Irã...
  • 21.
  • 22.
  • 23. “Eixo do Mal” ► Atual: Venezuela, Cuba, Irã, Coréia do Norte e China  Venezuela = Hugo Chávez e o novo populismo latino americano (“Bush é o diabo”)  Cuba = Fidel Castro, à beira da morte, e seu regime (dinheiro já pronto para promover a “democratização” de Cuba)  Irã = Mahmoud Ahmadinejad e seu programa nuclear X EUA e ONU (petróleo)
  • 24.  Coréia do Norte (Kim Jong-um)= “monarquia comunista”, manutenção de um sistema stalinista - teste de um artefato nuclear (out / 2006) - sanções da ONU, pressão dos EUA - EUA = bases na Coréia do Sul, visando a China  China (Hu Jintao – Secretário-Geral do Partido Comunista) - soberania sobre o Mar da China, um  canal rico em recursos  para cerca de US $ 5 trilhões em comércio global anual, dos quais 1,2 trilhões  de dólares é americano – Armas nucleares
  • 25. A Primavera Árabe “Quando a liberdade eclode no espírito de um homem, dez não podem nada contra esse um” (Jean-Paul Sartre, As Moscas)
  • 26. Por que “primavera”? ► Jornalistas no mundo todo, passaram a designar o movimento de Primavera Árabe, em referência à Primavera dos Povos (1848) ► Também o nome primavera tem sido associado a um “despertar” do mundo árabe para a sua condição social e política
  • 27. Quais as causas?  Altos índices de desemprego na região  Crise econômica  Pouca ou nenhuma representação política da população ►Ditaduras  Pouca liberdade de expressão
  • 28. Qual o tipo do movimento? ►Se é possível tipificar a Primavera Árabe, podemos situar ela entre os seguintes pontos:  Movimentos de caráter laico (inicialmente)  Liberalizantes  Pró-democracia  Populares
  • 29. As Redes Sociais na Primavera Árabe... ► Alguns tem se referido à Primavera Árabe como uma “Revolução 2.0”, porque:  Uso de redes sociais na organização dos protestos ►Facebook ►Twitter  Participação da rede de TV Al Jazeera (Catar), na cobertura dos movimentos;  Uso, pelos regimes em crise, de sistemas de telefonia celular para a delação dos envolvidos nos protestos
  • 30. Delenda est Carthago: a Tunísia em revolta ► O estopim da Primavera Árabe, foi a autoimolação, na Tunísia, de Mohamed Bouazizi fato que, logo após, foi seguido das primeiras manifestações.  Os protestos promoveram uma Revolução que derrubou o regime de Ben Ali
  • 31. E assim... • Após a Tunísia, foram verificados levantes em: • Argélia (governada até hoje sob estado de Emergência) • Líbia (Ditadura de Muammar Khadafi) • Jordânia • Iêmen (Presidente Saleh é ferido gravemente) • Arábia Saudita • Líbano • Egito (então governado por Hosni Mubarak) • Síria (O governo de Bashar al-Assad promove dura repressão) • Também houve revoltas na Palestina, Omã, Mauritânia, Marrocos, Djibuti, Barein, Iraque e Kuwait
  • 32.
  • 33. A herança colonialista ►A Primavera Árabe também tem suas bases mais antigas na dominação imperialista e neocolonialista da região, pelas potências europeias.  A França, na sua dominação no Saara marcou o “desmantelamento das províncias árabes do Império Otomano”  Com a Inglaterra, a França atuou no controle do Canal de Suez, no Egito  Alemanha e Itália, após suas unificações, também partiram à conquista
  • 34. A herança colonialista  A herança colonialista desorganizou o mundo árabe, fragmentando-o em estados instáveis.  Declaração de Balfour (1917) - conceder ao povo judeu uma facilitação de povoação da Terra de Israel caso a Inglaterra conseguisse derrotar o Império Otomano, que, até então, dominava aquela região.
  • 35. Os Árabes e o Islã ►Antes de mais nada, vale a regra: “Nem todo muçulmano é árabe, e nem todo árabe é muçulmano”  Ao contrário do que se pode supor, o Islã não é uma unidade. ►Como outras religiões, também o Islamismo possui diferentes correntes
  • 36. As 2 grandes divisões do Islã ► Os Sunitas compreendem a maioria do mundo muçulmano, compreendendo algo próximo a 84% do total  Aceitam não apenas o Corão como livro sagrado, mas também a Sunna ► Os Xiitas são o segundo maior ramo do Islã.  Países que tem a maior parte da população Xiita: ►Irã, Iraque, Azerbaijão e Bahrein  Os Xiitas consideram apenas o Corão como livro sagrado do Islã. ►São considerados apóstatas pelos Sunitas
  • 37. Crise no “Mundo Árabe” ► Motivos – Crise financeira mundial derrubou os Estados policialescos. - Tudo começou na Tunísia – Zine Bem Ali.
  • 38. Egito ► Hosni Mubarak – o exército não foi para a rua na Praça Tahir. ► Irmandade Muçulmana – força política organizada – nacionalismo político religioso. - Mohamad El-Baradei – ex-diretor da Agência Nacional de Energia Atômica – acertou Iraque, oculta Irã. ► Eleições em setembro 2011. ► A tecnologia criada em nome da guerra, agora é usada pelo povo (Facebbok – Twitter).
  • 39. Líbia: ► Curriculum de Muamar Kadafi - 1972 – Olimpíadas de Munique: atentado (atletas israelenses). - 1986 Atentado a soldados dos EUA – discoteca - 1988 – Atentado ao avião da Pan Am (Escócia) Saldo: 285 mortos  De pária dos párias a ditador bajulado pelo Ocidente.  Entregou dois terroristas a Inglaterra - atentado na Escócia .  Abandonou projeto de armas químicas e nucleares.  Abriu o mercado do petróleo a Shell (Anglo-holandesa)  Colaborou com a “Guerra ao Terror” – Conveniência: ditador contra os fundamentalistas, EUA, contra o “terror”.
  • 40. Líbia: ►Problemas enfrentados por Muammar Kadafi:  Estratégia contra o estrategista: esvaziamento do exército – mercenários.  Os que lutavam a favor de Kadafi obedecem mais a seus líderes tribais (leste – Bengasi)
  • 41. Líbia: ►Economia mundial:  Cotação do barril do petróleo em alta: risco para a economia do planeta – um dos motivos da preocupação mundial – Não pode chegar a Arábia Saudita.  8ª reserva de petróleo do mundo (2%): gasolina e querosene de avião.
  • 42. Irã: uma potência regional ► Mahmoud Ahmadinejad: “É inconcebível mandar disparar contra os próprios cidadãos” – críticas a Moammar Kadafi?
  • 43. Irã: uma potência regional - Bahrein – rei Hamad – ex-província iraniana Sunitas: minoria – Xiitas: 70% Vizinhos: medo que o Bahrein se transforme em uma república islâmica como o Irã. - Rei Abdullah (Arábia Saudita): “é preciso cortar a cabeça da serpente”.
  • 44. Irã: Influências ► Líbano: Hezbollah (é uma organização com atuação política e paramilitar fundamentalista islâmica xiita sediada no Líbano – contra o imperialismo). ► Iraque: Xiitas no poder (EUA ajudou Irã ao matar Saddam Hussein). ► Egito (Irmandade Muçulmana): os generais que substituíram Mubarak já abriram o Canal de Suez para duas fragatas iranianas. ► Hamas (organização palestina que não reconhece a existência do Estado de Israel e controla a Faixa de Gaza) tem rivalidade com o Fatah: que atualmente prega a reconciliação entre palestinos e israelenses
  • 45. Quem assumirá o lugar dos ditadores? Democratas? ► Egito: Yusuf Al Qaradawi – “Depois da libertação do Iraque, faltará conquistar Roma. Isso significa que o Islã vai retornar à Europa pela terceira vez. Vamos conquistar a América”. ► Líbano: Hassan Nasrallah – “Israel pode, sim, centenas de vezes sim, deixar de existir”. ► Marrocos: Abdessalam Yassine - “As piores bestas aos olhos de Alá são os apóstatas que não têm fé”