SlideShare uma empresa Scribd logo
O Fluido Cósmico
Universal
Há dois elementos gerais no Universo:
o elemento inteligente – Espírito
o elemento material – Fluido Cósmico Universal
ou Matéria
O Espírito é o ser inteligente da criação, sede da
consciência, da razão e da inteligência.
O F.C.U. é a matéria elementar primitiva cujas
transformações e modificações constituem a inumerável
variedade de corpos da Natureza.
Matéria
Qualquer substância sólida, líquida ou
gasosa que ocupa lugar no espaço,
substância susceptível de receber certa
forma ou em que atua determinado
agente
Matéria
Segundo Allan Kardec(G:VI,10):”Há um
fluido étereo que enche o espaço e
penetra os corpos; este fluido é o éter ou
matéria cósmica primitiva, geratriz do
mundo e dos seres. As forças que
presidiram às metamorfoses da matéria
são inerentes ao éter; trata-se das leis
imutáveis e necessárias que regem o
mundo.
Elementos gerais do Universo.
DEUS
CRIADOR
MATÉRIA
PRINCÍPIO MATERIAL
F.C.U
ESPÍRITO
PRINCÍPIO INTELIGENTE
•O que é o Fluído Cósmico Universal?
•É a matéria elementar primitiva, que enche o
espaço e penetra os corpos. Esse fluído é o
éter ou matéria cósmica, geradora do
mundo e dos seres.
•Nesse elemento primordial, vibram e vivem
constelações e sóis, mundos e seres, como os
peixes no oceano.
•Nessa matéria cósmicaNessa matéria cósmica
primitiva (éter)primitiva (éter) estão contidosestão contidos
os elementosos elementos materiais,materiais,
fluídicos e vitais de todos osfluídicos e vitais de todos os
universos.universos.
As forças que presidiram àsAs forças que presidiram às
metamorfoses da matéria sãometamorfoses da matéria são
inerentes ao éter. São leisinerentes ao éter. São leis
imutáveis que regem o mundoimutáveis que regem o mundo
•E na imensa extensão dos céus, forças
em número indefinido são
desenvolvidas, através de decretos
eternos, para constituir a harmonia e a
estabilidade. Essa lei universal, tal como
a criação, escapa à percepção de nossos
sentidos.
• Na Terra essas forças são
conhecidas sob o nome de
gravidade, coesão, afinidade,
atração, magnetismo, eletricidade
ativa.
•Observando essa diversidade na matéria,
podemos admitir que há uma matéria
cósmica primitiva geratriz do mundo e dos
seres ?
•Os elementos materiais, fluídicos e vitais
de todos os universos estão contidos na
matéria cósmica universal.
•... É somente a partir do dia em que o Senhor
imprime sobre sua fronte seu augusto sinal, que o
Espírito toma lugar entre as humanidades.
... Se partirmos da Terra e
percorrermos em direção
a um ponto qualquer do
infinito, durante anos,
séculos, milhões de
séculos, com a velocidade
do relâmpago, nem assim
teremos avançado...
Eis o que é o espaço...
•Existem forças, ou leis
imutáveis, que regem o
mundo, para imprimir
harmonia e estabilidade.
O F.C.U. assume 2 estados distintos:O F.C.U. assume 2 estados distintos:
• Materialização ou PonderabilidadeMaterialização ou Ponderabilidade --
pertence ao mundo visível e dá lugar aos fenômenospertence ao mundo visível e dá lugar aos fenômenos
“materiais”, da alçada da Ciência propriamente dita.“materiais”, da alçada da Ciência propriamente dita.
• Eterização ou ImponderabilidadeEterização ou Imponderabilidade ––
pertence ao mundo invisível e dá lugar aospertence ao mundo invisível e dá lugar aos
fenômenos espirituais ou psíquicos, porque se ligamfenômenos espirituais ou psíquicos, porque se ligam
de modo especial à existência dos Espíritos – cabemde modo especial à existência dos Espíritos – cabem
nas atribuições do Espiritismo.nas atribuições do Espiritismo.
• Na eterização, o F.C.U. não é uniforme; sem
deixar de ser etéreo, sofre modificações tão
variadas ou mais numerosas talvez do que
no estado de matéria tangível.
• Os Espíritos vivem em uma atmosfera
fluídica e extraem dela o que lhes é
necessário. Agem sobre ela criando
formas, cores e até mudando suas
propriedades.
• Os Espíritos agem sobre si mesmos e
sobre os outros, sobre o mundo
fluídico e sobre o mundo material.
fluidofluido
ss
Continuamente atraímos
ou repelimos...recursos mentais
que se agregam aos nossos,
fortificando-nos para o bem ou
para o mal, segundo a direção
que escolhemos.
fluidofluido
ss
Correntes
de
pensamentos
Referência de Emmanuel
Consolador:q.23
“...em se falando da lei dos fluidos, cada
orbe a possui de conformidade com a
sua organização planetária
com relação ao plano terrestre, somente
Jesus e seus mensageiros mais elevados
conhecem os seus processos, com a
devida plenitude
Fluído Vital
Fluído VitalFluído Vital
•Tem por fonte oTem por fonte o fluídofluído
universaluniversal.Encontrado em todos.Encontrado em todos
os corpos vivos da natureza.os corpos vivos da natureza.
•Também chamado deTambém chamado de
fluído magnético oufluído magnético ou
fluído elétricofluído elétrico
animalizado.animalizado.
•O fluído vital também é chamado de fluído
elétrico animalizado, fluído magnético e fluído
nervoso.
•O oxigênio, o hidrogênio, o azoto e o
carbono, quando combinados sem o fluído
vital, formam um mineral; essas mesmas
moléculas combinadas com o princípio vital,
formam as plantas e os animais (seres
animados).
•O princípio vital, que ainda não pode ser
definido, é ativo no vivente, e extinto no
morto. (Ge,cap.X, ítem16)
•O Princípio Vital é comum a
todos os seres vivos, desde as
plantas até o homem.
•A atividade do princípio vital é
alimentada durante a vida pela
ação do funcionamento dos
órgãos; cessada aquela ação,
por motivo de morte, extingue-
se o princípio vital.
Ama, portanto, pelo caminho, quantoAma, portanto, pelo caminho, quanto
possas – plantas, animais, homens, e tepossas – plantas, animais, homens, e te
descobrirás, por fim, superiormente,descobrirás, por fim, superiormente,
amando a Deus.amando a Deus. joanna de Angelisjoanna de Angelis

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Perturbação espiritual. Vida no mundo espiritual
Perturbação espiritual. Vida no mundo espiritualPerturbação espiritual. Vida no mundo espiritual
Perturbação espiritual. Vida no mundo espiritual
Denise Aguiar
 
Roteiro 3 formação dos mundos e dos seres vivos
Roteiro 3   formação dos mundos e dos seres vivosRoteiro 3   formação dos mundos e dos seres vivos
Roteiro 3 formação dos mundos e dos seres vivos
Bruno Cechinel Filho
 
Quarto Módulo - 2ª aula - Tipo de mediunidade
Quarto Módulo - 2ª  aula - Tipo de mediunidadeQuarto Módulo - 2ª  aula - Tipo de mediunidade
Quarto Módulo - 2ª aula - Tipo de mediunidade
CeiClarencio
 
Médiuns e mediunidade!
Médiuns e mediunidade!Médiuns e mediunidade!
Médiuns e mediunidade!
Leonardo Pereira
 
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Núcleo de Promoção Humana Vinha de Luz
 
Principio vital
Principio vitalPrincipio vital
Curso de Passe
Curso de PasseCurso de Passe
Curso de Passe
Adão Salles
 
Fluido Cósmico ou Universal
Fluido Cósmico ou UniversalFluido Cósmico ou Universal
Fluido Cósmico ou Universal
Rivaldo Guedes Corrêa. Jr
 
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou UniversalAula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
carlos freire
 
Desencarnação
DesencarnaçãoDesencarnação
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De RosaAula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Criação e evolução a luz do espiritismo!
Criação e evolução a luz do espiritismo!Criação e evolução a luz do espiritismo!
Criação e evolução a luz do espiritismo!
Leonardo Pereira
 
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
Jorge Luiz dos Santos
 
Roteiro 4 os reinos da natureza
Roteiro 4   os reinos da naturezaRoteiro 4   os reinos da natureza
Roteiro 4 os reinos da natureza
Bruno Cechinel Filho
 
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Cynthia Castro
 
Disciplina mental
Disciplina mental  Disciplina mental
Disciplina mental
grupodepaisceb
 
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoPalestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Divulgador do Espiritismo
 
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritualCapitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Marta Gomes
 
Roteiro 1 espírito, matéria e fluidos
Roteiro 1   espírito, matéria e fluidosRoteiro 1   espírito, matéria e fluidos
Roteiro 1 espírito, matéria e fluidos
Joao Paulo
 
2.1.4 perispirito
2.1.4   perispirito2.1.4   perispirito
2.1.4 perispirito
Marta Gomes
 

Mais procurados (20)

Perturbação espiritual. Vida no mundo espiritual
Perturbação espiritual. Vida no mundo espiritualPerturbação espiritual. Vida no mundo espiritual
Perturbação espiritual. Vida no mundo espiritual
 
Roteiro 3 formação dos mundos e dos seres vivos
Roteiro 3   formação dos mundos e dos seres vivosRoteiro 3   formação dos mundos e dos seres vivos
Roteiro 3 formação dos mundos e dos seres vivos
 
Quarto Módulo - 2ª aula - Tipo de mediunidade
Quarto Módulo - 2ª  aula - Tipo de mediunidadeQuarto Módulo - 2ª  aula - Tipo de mediunidade
Quarto Módulo - 2ª aula - Tipo de mediunidade
 
Médiuns e mediunidade!
Médiuns e mediunidade!Médiuns e mediunidade!
Médiuns e mediunidade!
 
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
 
Principio vital
Principio vitalPrincipio vital
Principio vital
 
Curso de Passe
Curso de PasseCurso de Passe
Curso de Passe
 
Fluido Cósmico ou Universal
Fluido Cósmico ou UniversalFluido Cósmico ou Universal
Fluido Cósmico ou Universal
 
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou UniversalAula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
 
Desencarnação
DesencarnaçãoDesencarnação
Desencarnação
 
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De RosaAula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
 
Criação e evolução a luz do espiritismo!
Criação e evolução a luz do espiritismo!Criação e evolução a luz do espiritismo!
Criação e evolução a luz do espiritismo!
 
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
 
Roteiro 4 os reinos da natureza
Roteiro 4   os reinos da naturezaRoteiro 4   os reinos da natureza
Roteiro 4 os reinos da natureza
 
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
 
Disciplina mental
Disciplina mental  Disciplina mental
Disciplina mental
 
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoPalestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
 
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritualCapitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
 
Roteiro 1 espírito, matéria e fluidos
Roteiro 1   espírito, matéria e fluidosRoteiro 1   espírito, matéria e fluidos
Roteiro 1 espírito, matéria e fluidos
 
2.1.4 perispirito
2.1.4   perispirito2.1.4   perispirito
2.1.4 perispirito
 

Destaque

FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSALFLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
Denise Aguiar
 
Elementos Gerais do Universo
Elementos Gerais do UniversoElementos Gerais do Universo
Elementos Gerais do Universo
Ceile Maria Bernardo
 
Fund1Mod04Rot2-[2007]euzebio
Fund1Mod04Rot2-[2007]euzebioFund1Mod04Rot2-[2007]euzebio
Fund1Mod04Rot2-[2007]euzebio
Guto Ovsky
 
O princípio de todas as coisas
O princípio de todas as coisasO princípio de todas as coisas
O princípio de todas as coisas
Fernanda Carvalho
 
A alma dorme_no_mineral-ebook
A alma dorme_no_mineral-ebookA alma dorme_no_mineral-ebook
A alma dorme_no_mineral-ebook
Helio Cruz
 
O Fluido Cósmico Universal
 O Fluido Cósmico Universal O Fluido Cósmico Universal
O Fluido Cósmico Universal
Denise Aguiar
 
Aulas 4 e 5 Espírito e Matéria e Espiritismo é Religião?
Aulas 4 e 5 Espírito e Matéria e Espiritismo é Religião?Aulas 4 e 5 Espírito e Matéria e Espiritismo é Religião?
Aulas 4 e 5 Espírito e Matéria e Espiritismo é Religião?
free
 
GEEAD_2012_01_04
GEEAD_2012_01_04GEEAD_2012_01_04
GEEAD_2012_01_04
Geead Abu Dhabi
 
Elementos Gerais Do Universo
Elementos Gerais Do UniversoElementos Gerais Do Universo
Elementos Gerais Do Universo
Angelo Baptista
 
Elementos gerais do universo
Elementos gerais do universoElementos gerais do universo
Elementos gerais do universo
KATIA MARIA FARAH V DA SILVA
 

Destaque (10)

FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSALFLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
 
Elementos Gerais do Universo
Elementos Gerais do UniversoElementos Gerais do Universo
Elementos Gerais do Universo
 
Fund1Mod04Rot2-[2007]euzebio
Fund1Mod04Rot2-[2007]euzebioFund1Mod04Rot2-[2007]euzebio
Fund1Mod04Rot2-[2007]euzebio
 
O princípio de todas as coisas
O princípio de todas as coisasO princípio de todas as coisas
O princípio de todas as coisas
 
A alma dorme_no_mineral-ebook
A alma dorme_no_mineral-ebookA alma dorme_no_mineral-ebook
A alma dorme_no_mineral-ebook
 
O Fluido Cósmico Universal
 O Fluido Cósmico Universal O Fluido Cósmico Universal
O Fluido Cósmico Universal
 
Aulas 4 e 5 Espírito e Matéria e Espiritismo é Religião?
Aulas 4 e 5 Espírito e Matéria e Espiritismo é Religião?Aulas 4 e 5 Espírito e Matéria e Espiritismo é Religião?
Aulas 4 e 5 Espírito e Matéria e Espiritismo é Religião?
 
GEEAD_2012_01_04
GEEAD_2012_01_04GEEAD_2012_01_04
GEEAD_2012_01_04
 
Elementos Gerais Do Universo
Elementos Gerais Do UniversoElementos Gerais Do Universo
Elementos Gerais Do Universo
 
Elementos gerais do universo
Elementos gerais do universoElementos gerais do universo
Elementos gerais do universo
 

Semelhante a Fluido Cósmico Universal

fluidocosmicouniversal-140416231307-phpapp01-convertido.pptx
fluidocosmicouniversal-140416231307-phpapp01-convertido.pptxfluidocosmicouniversal-140416231307-phpapp01-convertido.pptx
fluidocosmicouniversal-140416231307-phpapp01-convertido.pptx
FilipeDuartedeBem
 
O fluido cósmico universal e o fluido vital.pptx
O fluido cósmico universal e o fluido vital.pptxO fluido cósmico universal e o fluido vital.pptx
O fluido cósmico universal e o fluido vital.pptx
Rosimeire Alves
 
Aula09 elementosgeraisdouniverso-130418192550-phpapp01
Aula09 elementosgeraisdouniverso-130418192550-phpapp01Aula09 elementosgeraisdouniverso-130418192550-phpapp01
Aula09 elementosgeraisdouniverso-130418192550-phpapp01
Patricio Barreto
 
G1 Aula 10 Pluralidade_dos_Mundos-convertido.pdf
G1 Aula 10 Pluralidade_dos_Mundos-convertido.pdfG1 Aula 10 Pluralidade_dos_Mundos-convertido.pdf
G1 Aula 10 Pluralidade_dos_Mundos-convertido.pdf
FilipeDuartedeBem
 
A criação
A criaçãoA criação
A criação
Márcia Albuquerque
 
Cosmovisão
CosmovisãoCosmovisão
Cosmovisão
Falec
 
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.pptFluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Cosmovisao Espírita
Cosmovisao EspíritaCosmovisao Espírita
Cosmovisao Espírita
Falec
 
Genese cap 11 parte 3 de 3 2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Genese cap 11 parte 3 de 3   2018 Imig e Emig Anjos decaidosGenese cap 11 parte 3 de 3   2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Genese cap 11 parte 3 de 3 2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Fernando Pinto
 
EAE 2 a criação
EAE 2 a criaçãoEAE 2 a criação
EAE 2 a criação
Roseli Lemes
 
Espiritismo e mediunidade 05
Espiritismo e mediunidade 05Espiritismo e mediunidade 05
Espiritismo e mediunidade 05
Leonardo Pereira
 
A genese cap. xi
A genese cap. xiA genese cap. xi
A genese cap. xi
Dalila Melo
 
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]gutoFund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Guto Ovsky
 
Fluído Cósmico (Universal)
Fluído Cósmico (Universal)Fluído Cósmico (Universal)
Fluído Cósmico (Universal)
Antonino Silva
 
Cosmovisao Espírita
Cosmovisao EspíritaCosmovisao Espírita
Cosmovisao Espírita
Falec
 
GEEAD_2012_01_11
GEEAD_2012_01_11GEEAD_2012_01_11
GEEAD_2012_01_11
Geead Abu Dhabi
 
O universo segundo a visão espírita
O universo segundo a visão espíritaO universo segundo a visão espírita
O universo segundo a visão espírita
Danilo Galvão
 
Qualidade e acao dos fluidos
Qualidade e acao dos fluidosQualidade e acao dos fluidos
Qualidade e acao dos fluidos
Alice Lirio
 
Fluidos e perispírito
Fluidos e perispíritoFluidos e perispírito
Fluidos e perispírito
Marillac Nogueira
 
Fluidos e perispirito-rosana_c
Fluidos e perispirito-rosana_cFluidos e perispirito-rosana_c
Fluidos e perispirito-rosana_c
carlos freire
 

Semelhante a Fluido Cósmico Universal (20)

fluidocosmicouniversal-140416231307-phpapp01-convertido.pptx
fluidocosmicouniversal-140416231307-phpapp01-convertido.pptxfluidocosmicouniversal-140416231307-phpapp01-convertido.pptx
fluidocosmicouniversal-140416231307-phpapp01-convertido.pptx
 
O fluido cósmico universal e o fluido vital.pptx
O fluido cósmico universal e o fluido vital.pptxO fluido cósmico universal e o fluido vital.pptx
O fluido cósmico universal e o fluido vital.pptx
 
Aula09 elementosgeraisdouniverso-130418192550-phpapp01
Aula09 elementosgeraisdouniverso-130418192550-phpapp01Aula09 elementosgeraisdouniverso-130418192550-phpapp01
Aula09 elementosgeraisdouniverso-130418192550-phpapp01
 
G1 Aula 10 Pluralidade_dos_Mundos-convertido.pdf
G1 Aula 10 Pluralidade_dos_Mundos-convertido.pdfG1 Aula 10 Pluralidade_dos_Mundos-convertido.pdf
G1 Aula 10 Pluralidade_dos_Mundos-convertido.pdf
 
A criação
A criaçãoA criação
A criação
 
Cosmovisão
CosmovisãoCosmovisão
Cosmovisão
 
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.pptFluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
 
Cosmovisao Espírita
Cosmovisao EspíritaCosmovisao Espírita
Cosmovisao Espírita
 
Genese cap 11 parte 3 de 3 2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Genese cap 11 parte 3 de 3   2018 Imig e Emig Anjos decaidosGenese cap 11 parte 3 de 3   2018 Imig e Emig Anjos decaidos
Genese cap 11 parte 3 de 3 2018 Imig e Emig Anjos decaidos
 
EAE 2 a criação
EAE 2 a criaçãoEAE 2 a criação
EAE 2 a criação
 
Espiritismo e mediunidade 05
Espiritismo e mediunidade 05Espiritismo e mediunidade 05
Espiritismo e mediunidade 05
 
A genese cap. xi
A genese cap. xiA genese cap. xi
A genese cap. xi
 
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]gutoFund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
Fund1Mod07Rot3e5-[2012]guto
 
Fluído Cósmico (Universal)
Fluído Cósmico (Universal)Fluído Cósmico (Universal)
Fluído Cósmico (Universal)
 
Cosmovisao Espírita
Cosmovisao EspíritaCosmovisao Espírita
Cosmovisao Espírita
 
GEEAD_2012_01_11
GEEAD_2012_01_11GEEAD_2012_01_11
GEEAD_2012_01_11
 
O universo segundo a visão espírita
O universo segundo a visão espíritaO universo segundo a visão espírita
O universo segundo a visão espírita
 
Qualidade e acao dos fluidos
Qualidade e acao dos fluidosQualidade e acao dos fluidos
Qualidade e acao dos fluidos
 
Fluidos e perispírito
Fluidos e perispíritoFluidos e perispírito
Fluidos e perispírito
 
Fluidos e perispirito-rosana_c
Fluidos e perispirito-rosana_cFluidos e perispirito-rosana_c
Fluidos e perispirito-rosana_c
 

Mais de Marcos Bueno Sander

A importância do exemplo na educação
A importância do exemplo na educaçãoA importância do exemplo na educação
A importância do exemplo na educação
Marcos Bueno Sander
 
Todo o leme a bombordo - Revolta dos Sargentos de 1962
Todo o leme a bombordo - Revolta dos Sargentos de 1962Todo o leme a bombordo - Revolta dos Sargentos de 1962
Todo o leme a bombordo - Revolta dos Sargentos de 1962
Marcos Bueno Sander
 
Revolução de 1932
Revolução de 1932Revolução de 1932
Revolução de 1932
Marcos Bueno Sander
 
Dimensões da pobreza
Dimensões da pobrezaDimensões da pobreza
Dimensões da pobreza
Marcos Bueno Sander
 
A violência nas escolas
A violência nas escolasA violência nas escolas
A violência nas escolas
Marcos Bueno Sander
 
Sionismo
SionismoSionismo

Mais de Marcos Bueno Sander (6)

A importância do exemplo na educação
A importância do exemplo na educaçãoA importância do exemplo na educação
A importância do exemplo na educação
 
Todo o leme a bombordo - Revolta dos Sargentos de 1962
Todo o leme a bombordo - Revolta dos Sargentos de 1962Todo o leme a bombordo - Revolta dos Sargentos de 1962
Todo o leme a bombordo - Revolta dos Sargentos de 1962
 
Revolução de 1932
Revolução de 1932Revolução de 1932
Revolução de 1932
 
Dimensões da pobreza
Dimensões da pobrezaDimensões da pobreza
Dimensões da pobreza
 
A violência nas escolas
A violência nas escolasA violência nas escolas
A violência nas escolas
 
Sionismo
SionismoSionismo
Sionismo
 

Último

Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Elton Zanoni
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
marcobueno2024
 
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
Oziete SS
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
GABRIELADIASDUTRA1
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 

Último (10)

Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
 
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 

Fluido Cósmico Universal

  • 2. Há dois elementos gerais no Universo: o elemento inteligente – Espírito o elemento material – Fluido Cósmico Universal ou Matéria O Espírito é o ser inteligente da criação, sede da consciência, da razão e da inteligência. O F.C.U. é a matéria elementar primitiva cujas transformações e modificações constituem a inumerável variedade de corpos da Natureza.
  • 3. Matéria Qualquer substância sólida, líquida ou gasosa que ocupa lugar no espaço, substância susceptível de receber certa forma ou em que atua determinado agente
  • 4. Matéria Segundo Allan Kardec(G:VI,10):”Há um fluido étereo que enche o espaço e penetra os corpos; este fluido é o éter ou matéria cósmica primitiva, geratriz do mundo e dos seres. As forças que presidiram às metamorfoses da matéria são inerentes ao éter; trata-se das leis imutáveis e necessárias que regem o mundo.
  • 5. Elementos gerais do Universo. DEUS CRIADOR MATÉRIA PRINCÍPIO MATERIAL F.C.U ESPÍRITO PRINCÍPIO INTELIGENTE
  • 6.
  • 7. •O que é o Fluído Cósmico Universal? •É a matéria elementar primitiva, que enche o espaço e penetra os corpos. Esse fluído é o éter ou matéria cósmica, geradora do mundo e dos seres. •Nesse elemento primordial, vibram e vivem constelações e sóis, mundos e seres, como os peixes no oceano.
  • 8.
  • 9. •Nessa matéria cósmicaNessa matéria cósmica primitiva (éter)primitiva (éter) estão contidosestão contidos os elementosos elementos materiais,materiais, fluídicos e vitais de todos osfluídicos e vitais de todos os universos.universos. As forças que presidiram àsAs forças que presidiram às metamorfoses da matéria sãometamorfoses da matéria são inerentes ao éter. São leisinerentes ao éter. São leis imutáveis que regem o mundoimutáveis que regem o mundo
  • 10. •E na imensa extensão dos céus, forças em número indefinido são desenvolvidas, através de decretos eternos, para constituir a harmonia e a estabilidade. Essa lei universal, tal como a criação, escapa à percepção de nossos sentidos. • Na Terra essas forças são conhecidas sob o nome de gravidade, coesão, afinidade, atração, magnetismo, eletricidade ativa.
  • 11. •Observando essa diversidade na matéria, podemos admitir que há uma matéria cósmica primitiva geratriz do mundo e dos seres ? •Os elementos materiais, fluídicos e vitais de todos os universos estão contidos na matéria cósmica universal. •... É somente a partir do dia em que o Senhor imprime sobre sua fronte seu augusto sinal, que o Espírito toma lugar entre as humanidades.
  • 12. ... Se partirmos da Terra e percorrermos em direção a um ponto qualquer do infinito, durante anos, séculos, milhões de séculos, com a velocidade do relâmpago, nem assim teremos avançado... Eis o que é o espaço...
  • 13. •Existem forças, ou leis imutáveis, que regem o mundo, para imprimir harmonia e estabilidade.
  • 14.
  • 15. O F.C.U. assume 2 estados distintos:O F.C.U. assume 2 estados distintos: • Materialização ou PonderabilidadeMaterialização ou Ponderabilidade -- pertence ao mundo visível e dá lugar aos fenômenospertence ao mundo visível e dá lugar aos fenômenos “materiais”, da alçada da Ciência propriamente dita.“materiais”, da alçada da Ciência propriamente dita. • Eterização ou ImponderabilidadeEterização ou Imponderabilidade –– pertence ao mundo invisível e dá lugar aospertence ao mundo invisível e dá lugar aos fenômenos espirituais ou psíquicos, porque se ligamfenômenos espirituais ou psíquicos, porque se ligam de modo especial à existência dos Espíritos – cabemde modo especial à existência dos Espíritos – cabem nas atribuições do Espiritismo.nas atribuições do Espiritismo.
  • 16. • Na eterização, o F.C.U. não é uniforme; sem deixar de ser etéreo, sofre modificações tão variadas ou mais numerosas talvez do que no estado de matéria tangível. • Os Espíritos vivem em uma atmosfera fluídica e extraem dela o que lhes é necessário. Agem sobre ela criando formas, cores e até mudando suas propriedades. • Os Espíritos agem sobre si mesmos e sobre os outros, sobre o mundo fluídico e sobre o mundo material.
  • 17. fluidofluido ss Continuamente atraímos ou repelimos...recursos mentais que se agregam aos nossos, fortificando-nos para o bem ou para o mal, segundo a direção que escolhemos.
  • 19.
  • 20. Referência de Emmanuel Consolador:q.23 “...em se falando da lei dos fluidos, cada orbe a possui de conformidade com a sua organização planetária com relação ao plano terrestre, somente Jesus e seus mensageiros mais elevados conhecem os seus processos, com a devida plenitude
  • 21.
  • 22. Fluído Vital Fluído VitalFluído Vital •Tem por fonte oTem por fonte o fluídofluído universaluniversal.Encontrado em todos.Encontrado em todos os corpos vivos da natureza.os corpos vivos da natureza. •Também chamado deTambém chamado de fluído magnético oufluído magnético ou fluído elétricofluído elétrico animalizado.animalizado.
  • 23. •O fluído vital também é chamado de fluído elétrico animalizado, fluído magnético e fluído nervoso. •O oxigênio, o hidrogênio, o azoto e o carbono, quando combinados sem o fluído vital, formam um mineral; essas mesmas moléculas combinadas com o princípio vital, formam as plantas e os animais (seres animados). •O princípio vital, que ainda não pode ser definido, é ativo no vivente, e extinto no morto. (Ge,cap.X, ítem16)
  • 24. •O Princípio Vital é comum a todos os seres vivos, desde as plantas até o homem. •A atividade do princípio vital é alimentada durante a vida pela ação do funcionamento dos órgãos; cessada aquela ação, por motivo de morte, extingue- se o princípio vital.
  • 25. Ama, portanto, pelo caminho, quantoAma, portanto, pelo caminho, quanto possas – plantas, animais, homens, e tepossas – plantas, animais, homens, e te descobrirás, por fim, superiormente,descobrirás, por fim, superiormente, amando a Deus.amando a Deus. joanna de Angelisjoanna de Angelis