SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 5
FILOSOFIA MEDIEVAL:

 Da Patrística à Escolástica.
Filosofia Patrística: Padres – 1º tentativas conciliar Fé e Razão grega.

                                        Neoplatonismo: Fundada por Plotino, buscou
                                        nas ideias de Platão os caminhos para justificar a
                                        religião católica.


                                        Maniqueísmo: doutrina que dividia o mundo
                                        entre bem e mal; bom e ruim, etc.

Santo Agostinho
                         O Mal               Ausência do bem; causado pelo livre arbítrio.
   (354-430)

                          Ética             Diretamente ligada à moral cristã – Felicidade.
   Sabedoria
                                                                                    Deus
                             Baseia-se na Reminiscência platônica: Alma = Homem interior

                                                 Conduz a verdade já conhecida
Teoria da Iluminação: ato de conhecer a
Verdade.
           Aquilo iluminado por Deus.
É algo inferior a eternidade
Santo Agostinho
        E
    o Tempo                            Passado: aquilo que se afasta de nossos sentidos;
                                       só existe na memória.




                                       Presente: podemos captar através de nossos
                                       sentidos / consciência.



                                        Futuro: lugar onde os fatos estão prontos; se
                                        concretizam no decorrer do tempo.

   “o nada entre dois nadas”

  “a vida é a corrida para a morte”              Cada instante é agente causador da morte.
UNIVERSAIS       As palavras são conceitos universais, generalizados.




 REALISMO      Os conceitos tem ligação direta com sua existência – mundo real.



NOMINALISMO    Os conceitos nada mais são que nomes vazios de significados.



 REALISMO       A essência da coisa está tanto na idéia quanto na própria coisa.
 MODERADO



RACIONALISMO      Baseia-se na razão para as explicações da doutrina cristã.
   CRISTÃO
Movimento iniciado no Séc. IX que buscou
                   ESCOLÀSTICA
                                      conciliar a fé cristã à razão.



                        ARISTÒTELES      Considera a experiência sensível.


                    Suma Teológica       Cinco Vias da existência de Deus.

Tomás de Aquino
  (1225-1274)

  Primeiro Motor imóvel:
                                      DEUS                  Causa e efeito: a todo
    existe um motor que
                                                            efeito é atribuída uma
  iniciou todo movimento
                                                                     causa.
          existente.

 Ser necessário: os seres                                        Inteligência
    são contingentes –             Ser perfeito: os
                                                            ordenadora: o universo
 incompletos enquanto a            seres possuem
                                                               possui um ordem
        existência.              graus de perfeição.
                                                                   perfeita.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Aula de filosofia antiga platão de atenas
Aula de filosofia antiga   platão de atenasAula de filosofia antiga   platão de atenas
Aula de filosofia antiga platão de atenas
 
Aula 03 - Sócrates e o Nascimento da Filosofia
Aula 03 - Sócrates e o Nascimento da FilosofiaAula 03 - Sócrates e o Nascimento da Filosofia
Aula 03 - Sócrates e o Nascimento da Filosofia
 
Filosofia medieval
Filosofia medievalFilosofia medieval
Filosofia medieval
 
Sócrates
SócratesSócrates
Sócrates
 
Aula de filosofia antiga, tema: São Tomás de Aquino
Aula de filosofia antiga, tema: São Tomás de AquinoAula de filosofia antiga, tema: São Tomás de Aquino
Aula de filosofia antiga, tema: São Tomás de Aquino
 
Patristica e escolastica
Patristica e escolasticaPatristica e escolastica
Patristica e escolastica
 
Sócrates
SócratesSócrates
Sócrates
 
Mito e Filosofia
Mito e FilosofiaMito e Filosofia
Mito e Filosofia
 
Aula de filosofia antiga parmênides de eléia
Aula de filosofia antiga parmênides de eléiaAula de filosofia antiga parmênides de eléia
Aula de filosofia antiga parmênides de eléia
 
Introdução à filosofia
Introdução à filosofiaIntrodução à filosofia
Introdução à filosofia
 
Escolas Helenísticas
Escolas HelenísticasEscolas Helenísticas
Escolas Helenísticas
 
Platão e a teoria das ideias
Platão e a teoria das ideiasPlatão e a teoria das ideias
Platão e a teoria das ideias
 
Teorias do conhecimento
Teorias do conhecimentoTeorias do conhecimento
Teorias do conhecimento
 
Filosofia - helenistica
Filosofia - helenistica Filosofia - helenistica
Filosofia - helenistica
 
O Mito da Caverna - Platão
O Mito da Caverna - PlatãoO Mito da Caverna - Platão
O Mito da Caverna - Platão
 
Cinismo
CinismoCinismo
Cinismo
 
Cap 4 - Filosofia Helenística
Cap 4 - Filosofia HelenísticaCap 4 - Filosofia Helenística
Cap 4 - Filosofia Helenística
 
O Que é Filosofia? 1º Ano!
O Que é Filosofia? 1º Ano!O Que é Filosofia? 1º Ano!
O Que é Filosofia? 1º Ano!
 
Filosofia intro
Filosofia introFilosofia intro
Filosofia intro
 
Filosofia 9º ano 1º bimestre
Filosofia 9º ano 1º bimestreFilosofia 9º ano 1º bimestre
Filosofia 9º ano 1º bimestre
 

Destaque (20)

Filosofia medieval 21 mp xsxs
Filosofia medieval 21 mp xsxsFilosofia medieval 21 mp xsxs
Filosofia medieval 21 mp xsxs
 
Filosofia medieval raiana 27 np
Filosofia medieval raiana 27 npFilosofia medieval raiana 27 np
Filosofia medieval raiana 27 np
 
Filosofia medieval - Segundo ano
Filosofia medieval - Segundo anoFilosofia medieval - Segundo ano
Filosofia medieval - Segundo ano
 
Filosofia medieval slide
Filosofia medieval slideFilosofia medieval slide
Filosofia medieval slide
 
Tarefa 1º em gregos.
Tarefa 1º em   gregos.Tarefa 1º em   gregos.
Tarefa 1º em gregos.
 
Filosofia grega 22
Filosofia grega 22Filosofia grega 22
Filosofia grega 22
 
John Locke
John LockeJohn Locke
John Locke
 
Cultura e sociedade
Cultura e sociedadeCultura e sociedade
Cultura e sociedade
 
Cultura Brasileira e Sincretismo.
Cultura Brasileira e Sincretismo.Cultura Brasileira e Sincretismo.
Cultura Brasileira e Sincretismo.
 
Filosofia medieval
Filosofia medievalFilosofia medieval
Filosofia medieval
 
Marx e o socialismo científico
Marx e o socialismo científicoMarx e o socialismo científico
Marx e o socialismo científico
 
Filosofia grega
Filosofia gregaFilosofia grega
Filosofia grega
 
Aprender
AprenderAprender
Aprender
 
Hobbes e o poder absoluto do Estado
Hobbes e o poder absoluto do EstadoHobbes e o poder absoluto do Estado
Hobbes e o poder absoluto do Estado
 
FILOSOFIA GREGA
FILOSOFIA GREGAFILOSOFIA GREGA
FILOSOFIA GREGA
 
Jean Jacques Rousseau
Jean Jacques RousseauJean Jacques Rousseau
Jean Jacques Rousseau
 
Os classicos da sociologia karl marx
Os classicos da sociologia karl marxOs classicos da sociologia karl marx
Os classicos da sociologia karl marx
 
História da Filosofia
História da FilosofiaHistória da Filosofia
História da Filosofia
 
Filosofia Medieval
Filosofia MedievalFilosofia Medieval
Filosofia Medieval
 
Aquino e Agostinho
Aquino e Agostinho Aquino e Agostinho
Aquino e Agostinho
 

Semelhante a Filosofia Medieval: Da Patrística à Escolástica

Elementos gerais do universo video
Elementos gerais do universo videoElementos gerais do universo video
Elementos gerais do universo videoCeile Bernardo
 
A centralidade politica da classe trabalhadora2
A centralidade politica da classe trabalhadora2A centralidade politica da classe trabalhadora2
A centralidade politica da classe trabalhadora2Gecira Di Fiori
 
A centralidade politica da classe trabalhadora2
A centralidade politica da classe trabalhadora2A centralidade politica da classe trabalhadora2
A centralidade politica da classe trabalhadora2gedfiori
 
Filo larissa 11 mp
Filo larissa 11 mpFilo larissa 11 mp
Filo larissa 11 mpalemisturini
 
Livro dos Espíritos Q.419 ESE - Cap1item 8
Livro dos Espíritos Q.419 ESE - Cap1item 8 Livro dos Espíritos Q.419 ESE - Cap1item 8
Livro dos Espíritos Q.419 ESE - Cap1item 8 Patricia Farias
 
Roteiro 2 elementos gerais do universo - matéria e espírito
Roteiro 2   elementos gerais do universo - matéria e espíritoRoteiro 2   elementos gerais do universo - matéria e espírito
Roteiro 2 elementos gerais do universo - matéria e espíritoBruno Cechinel Filho
 
Webquest gabriela araldi 13 mp
Webquest gabriela araldi 13 mpWebquest gabriela araldi 13 mp
Webquest gabriela araldi 13 mpalemisturini
 
Corporeidade e Motricidade Humana.pptx
Corporeidade e Motricidade Humana.pptxCorporeidade e Motricidade Humana.pptx
Corporeidade e Motricidade Humana.pptxssuserad21af1
 
Do mito a ciência verônica 11 mp
Do mito a ciência verônica 11 mpDo mito a ciência verônica 11 mp
Do mito a ciência verônica 11 mpalemisturini
 
Platão Sociedade Grega
Platão Sociedade GregaPlatão Sociedade Grega
Platão Sociedade GregaAlan
 
Aula de filosofia antiga, tema: Platão de Atenas (aula 2)
Aula de filosofia antiga, tema: Platão de Atenas (aula 2)Aula de filosofia antiga, tema: Platão de Atenas (aula 2)
Aula de filosofia antiga, tema: Platão de Atenas (aula 2)Leandro Nazareth Souto
 
Carla geanfrancisco filosofia para iniciantes - resumo
Carla geanfrancisco   filosofia para iniciantes - resumoCarla geanfrancisco   filosofia para iniciantes - resumo
Carla geanfrancisco filosofia para iniciantes - resumoCarla Geanfrancisco Falasca
 
Ministério Educacional na Lógica do Espírito
Ministério Educacional na Lógica do EspíritoMinistério Educacional na Lógica do Espírito
Ministério Educacional na Lógica do Espíritomlrehbein
 
Perispírito e magnetismo
Perispírito e magnetismoPerispírito e magnetismo
Perispírito e magnetismoDalila Melo
 

Semelhante a Filosofia Medieval: Da Patrística à Escolástica (20)

Neoplatonismo.pptx
Neoplatonismo.pptxNeoplatonismo.pptx
Neoplatonismo.pptx
 
Conhecer é Agir
Conhecer é AgirConhecer é Agir
Conhecer é Agir
 
Filosofia Roberto 07 2
Filosofia Roberto 07 2Filosofia Roberto 07 2
Filosofia Roberto 07 2
 
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptxCurso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
 
Almerinda
AlmerindaAlmerinda
Almerinda
 
Elementos gerais do universo video
Elementos gerais do universo videoElementos gerais do universo video
Elementos gerais do universo video
 
A centralidade politica da classe trabalhadora2
A centralidade politica da classe trabalhadora2A centralidade politica da classe trabalhadora2
A centralidade politica da classe trabalhadora2
 
A centralidade politica da classe trabalhadora2
A centralidade politica da classe trabalhadora2A centralidade politica da classe trabalhadora2
A centralidade politica da classe trabalhadora2
 
Filo larissa 11 mp
Filo larissa 11 mpFilo larissa 11 mp
Filo larissa 11 mp
 
Livro dos Espíritos Q.419 ESE - Cap1item 8
Livro dos Espíritos Q.419 ESE - Cap1item 8 Livro dos Espíritos Q.419 ESE - Cap1item 8
Livro dos Espíritos Q.419 ESE - Cap1item 8
 
Roteiro 2 elementos gerais do universo - matéria e espírito
Roteiro 2   elementos gerais do universo - matéria e espíritoRoteiro 2   elementos gerais do universo - matéria e espírito
Roteiro 2 elementos gerais do universo - matéria e espírito
 
Webquest gabriela araldi 13 mp
Webquest gabriela araldi 13 mpWebquest gabriela araldi 13 mp
Webquest gabriela araldi 13 mp
 
Corporeidade e Motricidade Humana.pptx
Corporeidade e Motricidade Humana.pptxCorporeidade e Motricidade Humana.pptx
Corporeidade e Motricidade Humana.pptx
 
Filosofia 11ºano
Filosofia 11ºanoFilosofia 11ºano
Filosofia 11ºano
 
Do mito a ciência verônica 11 mp
Do mito a ciência verônica 11 mpDo mito a ciência verônica 11 mp
Do mito a ciência verônica 11 mp
 
Platão Sociedade Grega
Platão Sociedade GregaPlatão Sociedade Grega
Platão Sociedade Grega
 
Aula de filosofia antiga, tema: Platão de Atenas (aula 2)
Aula de filosofia antiga, tema: Platão de Atenas (aula 2)Aula de filosofia antiga, tema: Platão de Atenas (aula 2)
Aula de filosofia antiga, tema: Platão de Atenas (aula 2)
 
Carla geanfrancisco filosofia para iniciantes - resumo
Carla geanfrancisco   filosofia para iniciantes - resumoCarla geanfrancisco   filosofia para iniciantes - resumo
Carla geanfrancisco filosofia para iniciantes - resumo
 
Ministério Educacional na Lógica do Espírito
Ministério Educacional na Lógica do EspíritoMinistério Educacional na Lógica do Espírito
Ministério Educacional na Lógica do Espírito
 
Perispírito e magnetismo
Perispírito e magnetismoPerispírito e magnetismo
Perispírito e magnetismo
 

Mais de Alison Nunes

Introdução à Sociologia
Introdução à SociologiaIntrodução à Sociologia
Introdução à SociologiaAlison Nunes
 
Cultura e Sociedade
Cultura e SociedadeCultura e Sociedade
Cultura e SociedadeAlison Nunes
 
A sociologia pós- clássicos
A sociologia pós- clássicosA sociologia pós- clássicos
A sociologia pós- clássicosAlison Nunes
 
A sociologia de Max Weber
A  sociologia de Max WeberA  sociologia de Max Weber
A sociologia de Max WeberAlison Nunes
 
Do movimento sofista à filosofia moral
Do movimento sofista à filosofia moralDo movimento sofista à filosofia moral
Do movimento sofista à filosofia moralAlison Nunes
 
O surgimento da filosofia
O surgimento da filosofiaO surgimento da filosofia
O surgimento da filosofiaAlison Nunes
 

Mais de Alison Nunes (10)

Introdução à Sociologia
Introdução à SociologiaIntrodução à Sociologia
Introdução à Sociologia
 
Maquiavel
MaquiavelMaquiavel
Maquiavel
 
Platão
PlatãoPlatão
Platão
 
Cultura e Sociedade
Cultura e SociedadeCultura e Sociedade
Cultura e Sociedade
 
A sociologia pós- clássicos
A sociologia pós- clássicosA sociologia pós- clássicos
A sociologia pós- clássicos
 
A sociologia de Max Weber
A  sociologia de Max WeberA  sociologia de Max Weber
A sociologia de Max Weber
 
O racionalismo
O racionalismoO racionalismo
O racionalismo
 
Aristóteles
AristótelesAristóteles
Aristóteles
 
Do movimento sofista à filosofia moral
Do movimento sofista à filosofia moralDo movimento sofista à filosofia moral
Do movimento sofista à filosofia moral
 
O surgimento da filosofia
O surgimento da filosofiaO surgimento da filosofia
O surgimento da filosofia
 

Filosofia Medieval: Da Patrística à Escolástica

  • 1. FILOSOFIA MEDIEVAL: Da Patrística à Escolástica.
  • 2. Filosofia Patrística: Padres – 1º tentativas conciliar Fé e Razão grega. Neoplatonismo: Fundada por Plotino, buscou nas ideias de Platão os caminhos para justificar a religião católica. Maniqueísmo: doutrina que dividia o mundo entre bem e mal; bom e ruim, etc. Santo Agostinho O Mal Ausência do bem; causado pelo livre arbítrio. (354-430) Ética Diretamente ligada à moral cristã – Felicidade. Sabedoria Deus Baseia-se na Reminiscência platônica: Alma = Homem interior Conduz a verdade já conhecida Teoria da Iluminação: ato de conhecer a Verdade. Aquilo iluminado por Deus.
  • 3. É algo inferior a eternidade Santo Agostinho E o Tempo Passado: aquilo que se afasta de nossos sentidos; só existe na memória. Presente: podemos captar através de nossos sentidos / consciência. Futuro: lugar onde os fatos estão prontos; se concretizam no decorrer do tempo. “o nada entre dois nadas” “a vida é a corrida para a morte” Cada instante é agente causador da morte.
  • 4. UNIVERSAIS As palavras são conceitos universais, generalizados. REALISMO Os conceitos tem ligação direta com sua existência – mundo real. NOMINALISMO Os conceitos nada mais são que nomes vazios de significados. REALISMO A essência da coisa está tanto na idéia quanto na própria coisa. MODERADO RACIONALISMO Baseia-se na razão para as explicações da doutrina cristã. CRISTÃO
  • 5. Movimento iniciado no Séc. IX que buscou ESCOLÀSTICA conciliar a fé cristã à razão. ARISTÒTELES Considera a experiência sensível. Suma Teológica Cinco Vias da existência de Deus. Tomás de Aquino (1225-1274) Primeiro Motor imóvel: DEUS Causa e efeito: a todo existe um motor que efeito é atribuída uma iniciou todo movimento causa. existente. Ser necessário: os seres Inteligência são contingentes – Ser perfeito: os ordenadora: o universo incompletos enquanto a seres possuem possui um ordem existência. graus de perfeição. perfeita.