SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 25
Palestra Interativa sobre como Especificar
         corretamente um Objetivo.


Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
“São os objetivos que movem o individuo para
    seu desenvolvimento tanto pessoal quanto
    profissional. Podemos dizer que determinar os
    objetivos pessoais se trata da criação de uma
    obra de arte, o mais interessante, é que se torna
    o principio básico para transformar nossa vida
    em uma obra de arte completa e sustentável”.


                                                                   Douglas Ferreira




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
O primeiro passo é especificar qual o seu objetivo
    respondendo as seguintes questões:


    •    O que?
    •    Por quê?
    •    Como?
    •    Quando?


    Vamos agora entender a maneira correta de analisar
    cada uma destas questões. A primeira vista parecer
    ser um processo simples, mas vamos descobrir que
    pode ser um pouco mais complicado do que parece.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Definir o que você quer é metade do caminho de se
    especificar um objetivo. Inicialmente, esta definição
    pode ser algo como: “Quero um trabalho
    melhor”, “Quero melhorar meu salário
    atual”, “Quero mudar a rotina de minha
    vida”, “Quero conhecer novas pessoas”, “Quero
    emagrecer”, “Quero aprender um curso novo”, entre
    muitos outros. O importante em se definir o
    objetivo, é não ser genérico demais. Evite objetivo
    como “Quero ficar rico”, substituindo por objetivos
    como: “Quero um emprego melhor, ou um salário
    melhor”.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Respondendo a esta questão, você estará obtendo
    motivos reais para alcançar o seu objetivo. Quanto
    mais motivos você encontra para o seu objetivo, mais
    forte e real ele se torna em sua vida, tornando mais
    fácil o processo de desenvolvimento de metas para
    alcançá-lo.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
É com este questionamento, que iremos determinar
    se você possui as habilidades e competências
    necessárias para realizar seu objetivo. O mais
    interessante nesta etapa, é que não devemos nos
    preocupar se chegarmos a conclusão de que não
    temos as habilidades necessárias, pois com o
    processo do coaching, é neste momento que iremos
    aplicar um maior comprometimento, aprendendo
    novas habilidades e descobrindo novas competências
    que antes nem imaginávamos vir a aprender ou
    possuir.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Dar um prazo, determinar uma data ou um
    acontecimento que possa demonstrar que você
    conseguiu realizar seu objetivo. Determinar este
    prazo é a peça importante que fecha o nosso
    processo de determinar um objetivo. É neste
    momento que podemos determinar todos os pontos
    do mesmo e começar a traçar uma linha de trabalho
    que vai auxiliar todo o processo.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Esta é uma das ferramentas para “formularmos”
    nossos objetivos. O CRIE-PE é um acrônico referente
    aos seguintes termos:


    • Contextualizado
    • Recursos Necessários
    • Iniciado e Mantido pelo Indivíduo
    • Ecológico
    • Positivo
    • Evidência

    O CRIE-PE auxilia na concepção do objetivo tornando
    nossa visão mais ampla sobre o propósito. Vamos aos
    termos:

Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Contextualizar seu objetivo é detalhar o mesmo,
    transforma-lo em algo palpável, descrever cada ação
    ou sentimento que possa vir do objetivo realizado.
    Coloque o seu objetivo em pratica, pelo menos
    dentro de sua cabeça. Passe seu objetivo para o
    papel, formule ideias, comece neste primeiro
    momento a criar uma rota de trabalho para obter o
    que você deseja. Quanto mais você se focar em seu
    objetivo, mais real ele se torna.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Agora que você tem uma prévia mais detalhada do
    que deseja, é importante você verificar se possui
    todos os requisitos para alcançar seu objetivo. Por
    exemplo, se você tem como objetivo conhecer um
    novo País, e escolheu para isso a Inglaterra, o
    primeiro passo neste momento é verificar se você
    sabe o idioma inglês adequadamente para poder se
    manter na Inglaterra. Muitas pessoas que planejam
    seus objetivos se esquecem deste detalhe, e acabam
    realizando objetivos sem os devidos preparos.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Determine neste ponto se o objetivo pode ser
    iniciado e mantido somente a partir de seu esforço
    pessoal. Muitas pessoas cometem o erro de formular
    um objetivo e no meio do processo descobrir que
    depende da boa vontade e ajuda de terceiros, que
    nem sempre estão dispostos a ajudar. É neste ponto
    que o objetivo se torna um fardo desagradável, que
    acaba ficando gravado como os inúmeros fracassos
    que por ventura já tenham ocorridos em nossa vida.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
“- Tá, o que ecologia tem a ver com o meu objetivo?”
    Eu sei que muitos de vocês devem estar se
    perguntando exatamente isso. Bem, basta dar uma
    boa olhada nos telejornais de hoje, e ver que a
    sustentabilidade é o assunto do momento. Todas as
    grandes empresas pensam em sustentabilidade,
    grandes administradores pensam em
    sustentabilidade, então, porque você, que almeja
    alcançar o sucesso na área em que atua, ou no meio
    social em que vive, não pode pensar também? A
    ecologia deve fazer parte de seu objetivo.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
O seu objetivo é algo positivo? Esta é uma pergunta
    que amedronta muitas pessoas, e este medo faz com
    que desistam de seus objetivos de forma rápida
    demais. Outra consequência importante que este
    questionamento nos proporciona, é a filtragem de
    objetivos realmente positivos de objetivos
    meramente mesquinhos e egoístas. Como o
    pensamento pela sustentabilidade fortalece o seu
    objetivo, o fator positivo também tem o mesmo
    efeito.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Se você chegou até aqui, merece parabéns. O seu
    objetivo esta formulado, e quase pronto para passar
    para a próxima etapa. Resta uma pequena questão a
    se resolver: Qual é a evidência que vai comprovar
    que você alcançou o seu objetivo? Este é o ponto
    crucial da formulação. Inúmeras pessoas tem um
    ótimo objetivo, bem formulado, com todos os pontos
    equilibrados. Mas mesmo assim, nunca conseguem
    conclui-lo. Porque isso ocorre? Isso ocorre pelo fato
    de que estas pessoas se esquecem do principal, que é
    o de colocar um final em seu objetivo.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Temos agora uma ferramenta para “validarmos”
    nosso Objetivo. SMART também é um acrônico
    referente aos seguintes termos:


    • Especifico (Specific)
    • Mensurável (Measurable)
    • Alcançável (Achievable)
    • Relevante (Relevant)
    • Prazo (Time)

    Agora que entendemos o significado de SMART, vamos
    entender os conceitos de cada um destes elementos:




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Para que um objetivo seja viável, ele deve ser o mais
    especifico possível. Um carro é apenas um carro,
    você pode obter desde um Fiat 147 ou até mesmo
    uma Ferrari do ultimo modelo. Lógico que se vier
    uma Ferrari, você vai se sentir uma pessoa
    abençoada, mas e se vier o Fiat 147? É realmente o
    que você desejou? Seja sempre o mais especifico que
    você puder ser. Quanto mais especifico você
    descrever seu objetivo, mais fácil é de torná-lo algo
    palpável em sua vida.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
O seu objetivo pode ser medido, ou avaliado de
    alguma forma? “- Quero ganhar muito dinheiro”.
    Sim, este pode ser um objetivo, mas de quanto
    dinheiro exatamente estamos falando? Qual quantia
    lhe deixaria feliz? Para que o seu objetivo seja algo
    realizável, é importante definir de quanto
    exatamente estamos falando. “- Quero ganhar dez
    mil reais”. Esta já é um objetivo mensurável, é
    possível determinar o quanto queremos ganhar.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Quando determinamos um objetivo que é
    inalcançável, no primeiro tropeço, desanimamos e
    desistimos de tudo. E quando isso acontece, ainda
    temos a coragem de dizer que a culpa foi do
    “destino”, a “sorte” não me ajudou, entre outras
    lamentações. Temos que começar com os objetivos
    que estão dentro de nossa realidade, e pensar em
    cada objetivo, como etapa de um objetivo maior, que
    também será etapa de outro objetivo ainda maior, e
    assim por diante.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
O seu objetivo se torna mais agradável, a partir do
    momento em que ele começa a realizar seus desejos
    e sonhos mais íntimos. Determinar objetivos que de
    alguma forma se liguem aos nossos propósitos de
    vida, faz com que o mesmo seja agradável e cada vez
    mais realizado. Procure sempre determinar objetivos
    que lhe traga um sentimento de realização, de
    trabalho concluído. Pense um pouco nisso, verifique
    se o seu objetivo faz parte de sua realização pessoal.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Juntamente com os conceitos de Mensurável e
    Alcançável, o prazo é um fator determinante para a
    realização de seu objetivo. Quando colocamos um
    prazo em nosso objetivo, estamos dizendo a nós
    mesmo que queremos que este objetivo seja
    realizado até determinada data, ou acontecimento.
    Também devemos tomar cuidado com os extremos
    deste conceito. Prazos curtos demais tornam o
    objetivo inalcançável. Já prazos longos demais
    tornam o objetivo cansativo e por muitas vezes sendo
    abandonado no meio do caminho.




Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
Conheça mais a respeito:
http://coachingsp.wordpress.com
    desenvolvimento humano




                            Douglas Ferreira é Membro da
                          Sociedade Brasileira de Coach - SBC
                    com formação em Personal e Professional Coach
                      Life Coaching – Desenvolvimento Humano


Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Portadores de necessidades especiais ( pne’s)
Portadores de necessidades especiais ( pne’s)Portadores de necessidades especiais ( pne’s)
Portadores de necessidades especiais ( pne’s)
keven_
 
Cartilha saude mental
Cartilha saude mentalCartilha saude mental
Cartilha saude mental
karol_ribeiro
 
Da promoção da saúde a escola promotora da saúde perspectivas e realidades
Da promoção da saúde a escola promotora da saúde perspectivas e realidadesDa promoção da saúde a escola promotora da saúde perspectivas e realidades
Da promoção da saúde a escola promotora da saúde perspectivas e realidades
Rogerio Melo
 
Acompanhamento e animação da pessoa idosa manual
Acompanhamento e animação da pessoa idosa   manualAcompanhamento e animação da pessoa idosa   manual
Acompanhamento e animação da pessoa idosa manual
Margarida Pires
 
01. Debora Miceli - Marketing Pessoal: Aula 01
01. Debora Miceli - Marketing Pessoal: Aula 0101. Debora Miceli - Marketing Pessoal: Aula 01
01. Debora Miceli - Marketing Pessoal: Aula 01
Debora Miceli
 
Teoriade Relaes Humanas Power Point Erica
Teoriade Relaes Humanas Power Point EricaTeoriade Relaes Humanas Power Point Erica
Teoriade Relaes Humanas Power Point Erica
guest3ebb133
 

Mais procurados (20)

Saude mental na APS rodder
Saude mental  na APS rodderSaude mental  na APS rodder
Saude mental na APS rodder
 
Portadores de necessidades especiais ( pne’s)
Portadores de necessidades especiais ( pne’s)Portadores de necessidades especiais ( pne’s)
Portadores de necessidades especiais ( pne’s)
 
Cartilha saude mental
Cartilha saude mentalCartilha saude mental
Cartilha saude mental
 
Manual de psicologia hospitalar
Manual de psicologia hospitalarManual de psicologia hospitalar
Manual de psicologia hospitalar
 
A influência da motivação na produtividade no trabalho
A influência da motivação na produtividade no trabalhoA influência da motivação na produtividade no trabalho
A influência da motivação na produtividade no trabalho
 
Redução de Danos
Redução de DanosRedução de Danos
Redução de Danos
 
05. Teoria das Relações Humanas
05. Teoria das Relações Humanas05. Teoria das Relações Humanas
05. Teoria das Relações Humanas
 
Slides Palestra - Marketing Pessoal
Slides Palestra - Marketing PessoalSlides Palestra - Marketing Pessoal
Slides Palestra - Marketing Pessoal
 
Manual estrutura ubs - Unidade Básica de Saúde
Manual estrutura ubs - Unidade Básica de SaúdeManual estrutura ubs - Unidade Básica de Saúde
Manual estrutura ubs - Unidade Básica de Saúde
 
OFICINA DE SERVIÇO SOCIAL - ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS E LAUDOS.
OFICINA DE SERVIÇO SOCIAL - ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS E LAUDOS.OFICINA DE SERVIÇO SOCIAL - ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS E LAUDOS.
OFICINA DE SERVIÇO SOCIAL - ELABORAÇÃO DE RELATÓRIOS E LAUDOS.
 
Da promoção da saúde a escola promotora da saúde perspectivas e realidades
Da promoção da saúde a escola promotora da saúde perspectivas e realidadesDa promoção da saúde a escola promotora da saúde perspectivas e realidades
Da promoção da saúde a escola promotora da saúde perspectivas e realidades
 
Concurso Público Para Dentistas - Concurso Odontologia - Política Nacional de...
Concurso Público Para Dentistas - Concurso Odontologia - Política Nacional de...Concurso Público Para Dentistas - Concurso Odontologia - Política Nacional de...
Concurso Público Para Dentistas - Concurso Odontologia - Política Nacional de...
 
Acompanhamento e animação da pessoa idosa manual
Acompanhamento e animação da pessoa idosa   manualAcompanhamento e animação da pessoa idosa   manual
Acompanhamento e animação da pessoa idosa manual
 
Gestão empreendedorismo
Gestão empreendedorismoGestão empreendedorismo
Gestão empreendedorismo
 
01. Debora Miceli - Marketing Pessoal: Aula 01
01. Debora Miceli - Marketing Pessoal: Aula 0101. Debora Miceli - Marketing Pessoal: Aula 01
01. Debora Miceli - Marketing Pessoal: Aula 01
 
Escola de Posicionamento
Escola de PosicionamentoEscola de Posicionamento
Escola de Posicionamento
 
As Políticas Nacionais em Relação à Saúde Mental
As Políticas Nacionais em Relação à Saúde MentalAs Políticas Nacionais em Relação à Saúde Mental
As Políticas Nacionais em Relação à Saúde Mental
 
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e SociedadeAula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
Aula 01 - Saúde, Cultura e Sociedade
 
Teoriade Relaes Humanas Power Point Erica
Teoriade Relaes Humanas Power Point EricaTeoriade Relaes Humanas Power Point Erica
Teoriade Relaes Humanas Power Point Erica
 
Intervenção em crises
Intervenção em crisesIntervenção em crises
Intervenção em crises
 

Destaque

Tendências pedagógicas texto
Tendências pedagógicas   textoTendências pedagógicas   texto
Tendências pedagógicas texto
diegocn
 
Definição e Classificação de Serviços
Definição e Classificação de ServiçosDefinição e Classificação de Serviços
Definição e Classificação de Serviços
GPA
 
Violência Doméstica.
Violência Doméstica.Violência Doméstica.
Violência Doméstica.
Dandreia
 
Violencia Doméstica
Violencia DomésticaViolencia Doméstica
Violencia Doméstica
AP6Dmundao
 
ViolêNcias Contra Mulheres(Slides)
ViolêNcias Contra Mulheres(Slides)ViolêNcias Contra Mulheres(Slides)
ViolêNcias Contra Mulheres(Slides)
guest5c2f32
 
19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia
Joao Balbi
 
Modelo de Planejamento Estratégico Pessoal
Modelo de Planejamento Estratégico PessoalModelo de Planejamento Estratégico Pessoal
Modelo de Planejamento Estratégico Pessoal
GDS567
 

Destaque (20)

Apresentação do portal
Apresentação do portalApresentação do portal
Apresentação do portal
 
Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendênciasCatalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
Catalogação: conceitos, práticas, atualidades e tendências
 
Classificação de materiais
Classificação de materiaisClassificação de materiais
Classificação de materiais
 
Pdf ppc
Pdf ppcPdf ppc
Pdf ppc
 
Modelo de Especificação de Objetivos segundo a PNL
Modelo de Especificação de Objetivos segundo a PNLModelo de Especificação de Objetivos segundo a PNL
Modelo de Especificação de Objetivos segundo a PNL
 
Programa trainee
Programa traineePrograma trainee
Programa trainee
 
Orientação a Objetos - Conceitos
Orientação a Objetos - ConceitosOrientação a Objetos - Conceitos
Orientação a Objetos - Conceitos
 
Tendências pedagógicas texto
Tendências pedagógicas   textoTendências pedagógicas   texto
Tendências pedagógicas texto
 
O que é especificação e descrição de cargos
O que é especificação e descrição de cargosO que é especificação e descrição de cargos
O que é especificação e descrição de cargos
 
Planejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico PessoalPlanejamento Estrategico Pessoal
Planejamento Estrategico Pessoal
 
Plano de sessão
Plano de sessãoPlano de sessão
Plano de sessão
 
Violencia contra mulher
Violencia contra mulherViolencia contra mulher
Violencia contra mulher
 
Violência contra a Mulher
Violência contra a MulherViolência contra a Mulher
Violência contra a Mulher
 
Definição e Classificação de Serviços
Definição e Classificação de ServiçosDefinição e Classificação de Serviços
Definição e Classificação de Serviços
 
Violência Doméstica.
Violência Doméstica.Violência Doméstica.
Violência Doméstica.
 
Violencia Doméstica
Violencia DomésticaViolencia Doméstica
Violencia Doméstica
 
ViolêNcias Contra Mulheres(Slides)
ViolêNcias Contra Mulheres(Slides)ViolêNcias Contra Mulheres(Slides)
ViolêNcias Contra Mulheres(Slides)
 
Violência doméstica
Violência doméstica   Violência doméstica
Violência doméstica
 
19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia19 elaboração da metodologia
19 elaboração da metodologia
 
Modelo de Planejamento Estratégico Pessoal
Modelo de Planejamento Estratégico PessoalModelo de Planejamento Estratégico Pessoal
Modelo de Planejamento Estratégico Pessoal
 

Semelhante a Especificação de objetivos

O desenvolvimento pessoal e profissional com coaching
O desenvolvimento pessoal e profissional com coachingO desenvolvimento pessoal e profissional com coaching
O desenvolvimento pessoal e profissional com coaching
luizadell
 
Sofia Calheiros-Coaching-5W
Sofia Calheiros-Coaching-5WSofia Calheiros-Coaching-5W
Sofia Calheiros-Coaching-5W
Sofia Calheiros
 
Ricardo Peixe - GT Coach
Ricardo Peixe - GT CoachRicardo Peixe - GT Coach
Ricardo Peixe - GT Coach
Univesidadevida
 

Semelhante a Especificação de objetivos (20)

O desenvolvimento pessoal e profissional com coaching
O desenvolvimento pessoal e profissional com coachingO desenvolvimento pessoal e profissional com coaching
O desenvolvimento pessoal e profissional com coaching
 
Sofia Calheiros-Coaching-5W
Sofia Calheiros-Coaching-5WSofia Calheiros-Coaching-5W
Sofia Calheiros-Coaching-5W
 
Master Class de Coaching de Vendas de Alta Performance - Aula 2
Master Class de Coaching de Vendas de Alta Performance - Aula 2Master Class de Coaching de Vendas de Alta Performance - Aula 2
Master Class de Coaching de Vendas de Alta Performance - Aula 2
 
O poder_do_treinador-1-1
 O poder_do_treinador-1-1 O poder_do_treinador-1-1
O poder_do_treinador-1-1
 
O que é coaching
O que é coachingO que é coaching
O que é coaching
 
Seja Dumba você também
Seja Dumba você tambémSeja Dumba você também
Seja Dumba você também
 
Ricardo Peixe - GT Coach
Ricardo Peixe - GT CoachRicardo Peixe - GT Coach
Ricardo Peixe - GT Coach
 
Programa mentor coaching na engenharia
Programa mentor coaching na engenhariaPrograma mentor coaching na engenharia
Programa mentor coaching na engenharia
 
Desenvolvimento pessoal
Desenvolvimento pessoalDesenvolvimento pessoal
Desenvolvimento pessoal
 
O Segredo da Superação
O Segredo da SuperaçãoO Segredo da Superação
O Segredo da Superação
 
15 Princípios Para Atingir O Sucesso
15 Princípios Para Atingir O Sucesso15 Princípios Para Atingir O Sucesso
15 Princípios Para Atingir O Sucesso
 
Coaching - Maximizando Resultados Pessoais e Profissionais
Coaching - Maximizando Resultados Pessoais e ProfissionaisCoaching - Maximizando Resultados Pessoais e Profissionais
Coaching - Maximizando Resultados Pessoais e Profissionais
 
R-evolução Pessoal o Hangout da Visão da Tribo
R-evolução Pessoal o Hangout da Visão da TriboR-evolução Pessoal o Hangout da Visão da Tribo
R-evolução Pessoal o Hangout da Visão da Tribo
 
7 hábitos para sua motivação pessoal e profissional que farão você atingir se...
7 hábitos para sua motivação pessoal e profissional que farão você atingir se...7 hábitos para sua motivação pessoal e profissional que farão você atingir se...
7 hábitos para sua motivação pessoal e profissional que farão você atingir se...
 
10 passos para definir uma meta!
10 passos para definir uma meta!10 passos para definir uma meta!
10 passos para definir uma meta!
 
Livro-Digital-7-Segredos-das-Pessoas-de-Sucesso.pdf
Livro-Digital-7-Segredos-das-Pessoas-de-Sucesso.pdfLivro-Digital-7-Segredos-das-Pessoas-de-Sucesso.pdf
Livro-Digital-7-Segredos-das-Pessoas-de-Sucesso.pdf
 
Coaching como caminho da prosperidade e descoberta do amor
Coaching como caminho da prosperidade e descoberta do amorCoaching como caminho da prosperidade e descoberta do amor
Coaching como caminho da prosperidade e descoberta do amor
 
Coaching e feedback
Coaching e feedbackCoaching e feedback
Coaching e feedback
 
Coaching para empreendedores
Coaching para empreendedoresCoaching para empreendedores
Coaching para empreendedores
 
Ferramentas Master Class de Coaching de Vendas de Alta Performance 1 e 2
Ferramentas  Master Class de Coaching de Vendas de Alta Performance 1 e 2Ferramentas  Master Class de Coaching de Vendas de Alta Performance 1 e 2
Ferramentas Master Class de Coaching de Vendas de Alta Performance 1 e 2
 

Último

5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
edjailmax
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
LuanaAlves940822
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
ssuserbb4ac2
 

Último (20)

ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
22-modernismo-5-prosa-de-45.pptxrpnsaaaa
 
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
Os Tempos Verbais em Inglês-tempos -dos-
 
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anosFotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimentoApresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
Apresentação de vocabulário fundamental em contexto de atendimento
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptxAULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 

Especificação de objetivos

  • 1. Palestra Interativa sobre como Especificar corretamente um Objetivo. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 2. “São os objetivos que movem o individuo para seu desenvolvimento tanto pessoal quanto profissional. Podemos dizer que determinar os objetivos pessoais se trata da criação de uma obra de arte, o mais interessante, é que se torna o principio básico para transformar nossa vida em uma obra de arte completa e sustentável”. Douglas Ferreira Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 3. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 4. O primeiro passo é especificar qual o seu objetivo respondendo as seguintes questões: • O que? • Por quê? • Como? • Quando? Vamos agora entender a maneira correta de analisar cada uma destas questões. A primeira vista parecer ser um processo simples, mas vamos descobrir que pode ser um pouco mais complicado do que parece. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 5. Definir o que você quer é metade do caminho de se especificar um objetivo. Inicialmente, esta definição pode ser algo como: “Quero um trabalho melhor”, “Quero melhorar meu salário atual”, “Quero mudar a rotina de minha vida”, “Quero conhecer novas pessoas”, “Quero emagrecer”, “Quero aprender um curso novo”, entre muitos outros. O importante em se definir o objetivo, é não ser genérico demais. Evite objetivo como “Quero ficar rico”, substituindo por objetivos como: “Quero um emprego melhor, ou um salário melhor”. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 6. Respondendo a esta questão, você estará obtendo motivos reais para alcançar o seu objetivo. Quanto mais motivos você encontra para o seu objetivo, mais forte e real ele se torna em sua vida, tornando mais fácil o processo de desenvolvimento de metas para alcançá-lo. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 7. É com este questionamento, que iremos determinar se você possui as habilidades e competências necessárias para realizar seu objetivo. O mais interessante nesta etapa, é que não devemos nos preocupar se chegarmos a conclusão de que não temos as habilidades necessárias, pois com o processo do coaching, é neste momento que iremos aplicar um maior comprometimento, aprendendo novas habilidades e descobrindo novas competências que antes nem imaginávamos vir a aprender ou possuir. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 8. Dar um prazo, determinar uma data ou um acontecimento que possa demonstrar que você conseguiu realizar seu objetivo. Determinar este prazo é a peça importante que fecha o nosso processo de determinar um objetivo. É neste momento que podemos determinar todos os pontos do mesmo e começar a traçar uma linha de trabalho que vai auxiliar todo o processo. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 9. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 10. Esta é uma das ferramentas para “formularmos” nossos objetivos. O CRIE-PE é um acrônico referente aos seguintes termos: • Contextualizado • Recursos Necessários • Iniciado e Mantido pelo Indivíduo • Ecológico • Positivo • Evidência O CRIE-PE auxilia na concepção do objetivo tornando nossa visão mais ampla sobre o propósito. Vamos aos termos: Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 11. Contextualizar seu objetivo é detalhar o mesmo, transforma-lo em algo palpável, descrever cada ação ou sentimento que possa vir do objetivo realizado. Coloque o seu objetivo em pratica, pelo menos dentro de sua cabeça. Passe seu objetivo para o papel, formule ideias, comece neste primeiro momento a criar uma rota de trabalho para obter o que você deseja. Quanto mais você se focar em seu objetivo, mais real ele se torna. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 12. Agora que você tem uma prévia mais detalhada do que deseja, é importante você verificar se possui todos os requisitos para alcançar seu objetivo. Por exemplo, se você tem como objetivo conhecer um novo País, e escolheu para isso a Inglaterra, o primeiro passo neste momento é verificar se você sabe o idioma inglês adequadamente para poder se manter na Inglaterra. Muitas pessoas que planejam seus objetivos se esquecem deste detalhe, e acabam realizando objetivos sem os devidos preparos. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 13. Determine neste ponto se o objetivo pode ser iniciado e mantido somente a partir de seu esforço pessoal. Muitas pessoas cometem o erro de formular um objetivo e no meio do processo descobrir que depende da boa vontade e ajuda de terceiros, que nem sempre estão dispostos a ajudar. É neste ponto que o objetivo se torna um fardo desagradável, que acaba ficando gravado como os inúmeros fracassos que por ventura já tenham ocorridos em nossa vida. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 14. “- Tá, o que ecologia tem a ver com o meu objetivo?” Eu sei que muitos de vocês devem estar se perguntando exatamente isso. Bem, basta dar uma boa olhada nos telejornais de hoje, e ver que a sustentabilidade é o assunto do momento. Todas as grandes empresas pensam em sustentabilidade, grandes administradores pensam em sustentabilidade, então, porque você, que almeja alcançar o sucesso na área em que atua, ou no meio social em que vive, não pode pensar também? A ecologia deve fazer parte de seu objetivo. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 15. O seu objetivo é algo positivo? Esta é uma pergunta que amedronta muitas pessoas, e este medo faz com que desistam de seus objetivos de forma rápida demais. Outra consequência importante que este questionamento nos proporciona, é a filtragem de objetivos realmente positivos de objetivos meramente mesquinhos e egoístas. Como o pensamento pela sustentabilidade fortalece o seu objetivo, o fator positivo também tem o mesmo efeito. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 16. Se você chegou até aqui, merece parabéns. O seu objetivo esta formulado, e quase pronto para passar para a próxima etapa. Resta uma pequena questão a se resolver: Qual é a evidência que vai comprovar que você alcançou o seu objetivo? Este é o ponto crucial da formulação. Inúmeras pessoas tem um ótimo objetivo, bem formulado, com todos os pontos equilibrados. Mas mesmo assim, nunca conseguem conclui-lo. Porque isso ocorre? Isso ocorre pelo fato de que estas pessoas se esquecem do principal, que é o de colocar um final em seu objetivo. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 17. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 18. Temos agora uma ferramenta para “validarmos” nosso Objetivo. SMART também é um acrônico referente aos seguintes termos: • Especifico (Specific) • Mensurável (Measurable) • Alcançável (Achievable) • Relevante (Relevant) • Prazo (Time) Agora que entendemos o significado de SMART, vamos entender os conceitos de cada um destes elementos: Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 19. Para que um objetivo seja viável, ele deve ser o mais especifico possível. Um carro é apenas um carro, você pode obter desde um Fiat 147 ou até mesmo uma Ferrari do ultimo modelo. Lógico que se vier uma Ferrari, você vai se sentir uma pessoa abençoada, mas e se vier o Fiat 147? É realmente o que você desejou? Seja sempre o mais especifico que você puder ser. Quanto mais especifico você descrever seu objetivo, mais fácil é de torná-lo algo palpável em sua vida. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 20. O seu objetivo pode ser medido, ou avaliado de alguma forma? “- Quero ganhar muito dinheiro”. Sim, este pode ser um objetivo, mas de quanto dinheiro exatamente estamos falando? Qual quantia lhe deixaria feliz? Para que o seu objetivo seja algo realizável, é importante definir de quanto exatamente estamos falando. “- Quero ganhar dez mil reais”. Esta já é um objetivo mensurável, é possível determinar o quanto queremos ganhar. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 21. Quando determinamos um objetivo que é inalcançável, no primeiro tropeço, desanimamos e desistimos de tudo. E quando isso acontece, ainda temos a coragem de dizer que a culpa foi do “destino”, a “sorte” não me ajudou, entre outras lamentações. Temos que começar com os objetivos que estão dentro de nossa realidade, e pensar em cada objetivo, como etapa de um objetivo maior, que também será etapa de outro objetivo ainda maior, e assim por diante. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 22. O seu objetivo se torna mais agradável, a partir do momento em que ele começa a realizar seus desejos e sonhos mais íntimos. Determinar objetivos que de alguma forma se liguem aos nossos propósitos de vida, faz com que o mesmo seja agradável e cada vez mais realizado. Procure sempre determinar objetivos que lhe traga um sentimento de realização, de trabalho concluído. Pense um pouco nisso, verifique se o seu objetivo faz parte de sua realização pessoal. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 23. Juntamente com os conceitos de Mensurável e Alcançável, o prazo é um fator determinante para a realização de seu objetivo. Quando colocamos um prazo em nosso objetivo, estamos dizendo a nós mesmo que queremos que este objetivo seja realizado até determinada data, ou acontecimento. Também devemos tomar cuidado com os extremos deste conceito. Prazos curtos demais tornam o objetivo inalcançável. Já prazos longos demais tornam o objetivo cansativo e por muitas vezes sendo abandonado no meio do caminho. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 24. Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.
  • 25. Conheça mais a respeito: http://coachingsp.wordpress.com desenvolvimento humano Douglas Ferreira é Membro da Sociedade Brasileira de Coach - SBC com formação em Personal e Professional Coach Life Coaching – Desenvolvimento Humano Life Coaching - Saiba mais sobre o Coaching - http://coachingsp.wordpress.com – Todos os direitos reservados.