SlideShare uma empresa Scribd logo
Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021.
Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor>
1
ISSN Eletrônico: 1984-0187
ISSN Impresso: 1518-5648
____________________________________________________________________
Educação Física escolar em tempos de Covid-19:
o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos
School Physical Education in covid-19 times:
sport teaching and megaevent stopping
Educación Física escolar en veces Covid-19:
enseñanza de deporte y parada mega event
Leonardo Carlos de Andrade1
https://orcid.org/0000-0002-0324-6079
Regina Queiroz Silva2
https://orcid.org/0000-0002-5668-1664
Eugênio Lopes dos Santos Junior3
https://orcid.org/0000-0002-5030-1245
Resumo: Diante do cenário expansivo do coronavírus (Covid-19) as escolas goianienses suspenderam as
atividades presenciais e, por conseguinte, assumiram aulas remotas como égide. Este artigo tem como objetivo
expor os elementos teórico-metodológicos de uma experiência desenvolvida pela disciplina Educação Física à luz
de um referencial histórico-crítico, no interior da Educação Básica, em meio ao distanciamento social. Tomamos
como centralidade do processo didático a paralisação dos eventos esportivos e o dilema ético implícito nessa
ação. As categorias determinantes para essa mediação foram conteúdo, forma e destinatário, além de um
conhecimento próprio do campo, que é o esporte. Entendemos que apesar do êxito da proposta didática,
encontramos obstáculos demasiados, portanto legitimamos o caráter provisório (e improvisado) das aulas
remotas e enfatizamos a importância da escola regular e presencial.
Palavras-chave: Educação física. Educação básica. Esporte. Coronavírus.
1
Especialista em Educação Física Escolar e Mestrando em Educação Física. Professor do Instituto Federal
Goiano. leonardoandradeprof@gmail.com
2
Especialista em Educação Física Escolar. Professora da Educação Básica. E.I.G. rqueirozs@gmail.com
3
Especialista em Educação Física Escolar e Mestrando em Educação Física. Professor. ASSOBES ENSINO
SUPERIOR. eeugeniolsj@gmail.com
https://doi.org/10.5212/OlharProfr.v.24.15428.024
Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos
Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021.
Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor>
2
Abstract: Faced with the expansive scenario of the coronavirus (Covid-19), the schools in Goiás suspended the
face-to-face activities and, therefore, took remote classes as aegis. This article aims to expose the theoretical and
methodological elements of an experience developed by the Physical Education discipline in the light of a
historical-critical framework, within Basic Education, amid social distance. We take as a central part of the didactic
process the paralysis of sporting events and the ethical dilemma implicit in this action. The determining categories
for this mediation were content, form and recipient, in addition to a knowledge of the field, which is sport. We
understand that despite the success of the didactic proposal, we encounter too many obstacles, so we legitimize
the provisional (and improvised) nature of remote classes and emphasize the importance of regular and face-to-
face schools.
Keywords: Physical education. Basic education. Sport. Coronavirus.
Resumen: Ante el escenario expansivo del Virus Corona (CoVID-19), las escuelas en Goiás suspendieron sus
actividades presenciales y, por lo tanto, tomaron clases remotas como égida. Este artículo pretende exponer los
elementos teóricos y metodológicos de una experiencia desarrollada por la disciplina de Educación Física a la luz
de un marco histórico-crítico, dentro de la Educación Básica, en medio de la distancia social. Tomamos como
parte central del proceso didáctico la parálisis de los eventos deportivos y el dilema ético implícito en esta acción.
Las categorías determinantes para esta mediación fueron contenido, forma y destinatario, además del objeto de
campo que es Cultura Corporal. Entendemos que, a pesar del éxito de la propuesta didáctica, encontramos
demasiados obstáculos, por lo que legitimamos la naturaleza provisional (e improvisada) de las clases remotas y
enfatizamos la importancia de las escuelas regulares y presenciales.
Palabras clave: Educación física. Educación básica. Deporte. Coronavirus.
Introdução
O ano de 2020 surge na história moderna como marco, pois devido a expansão pandêmica do
novo coronavírus, causador da Covid-19, famílias, indústrias, escolas e eventos tiveram de se adaptar a
uma nova ordem, a ordem de recessão. Dentre os impactados, estão os megaeventos esportivos, que
também foram suspensos. Esse fato gerou uma discussão com alunos do Ensino Médio, no âmbito da
Educação Física escolar, sobre as possíveis contradições oriundas do esporte contemporâneo.
Desse modo, este trabalho tem como objetivo expor uma experiência desenvolvida pela
Educação Física no interior da educação básica em uma escola goianiense, em meio a ordem de
recessão relacionada à problematização da suspensão dos megaeventos esportivos. Em relação à
metodologia, amparados em Severino (2002), ressaltamos que esse artigo se configura como um relato
de experiência, que se propõe a expor as circunstâncias e o desenvolvimento teórico-metodológico
do trabalho pedagógico em questão.
Como propósito secundário, vamos expor algumas contradições oriundas do ensino remoto,
pois apesar do êxito da proposta didática, entendemos que o ensino virtual não substitui a educação
presencial, portanto legitimamos o caráter provisório (e improvisado) das aulas remotas e enfatizamos
a importância da escola regular e presencial.
Compreendemos que este relato poderá contribuir para um diagnóstico das circunstâncias e
adversidades que a educação básica, e mais precisamente a educação física escolar, enfrenta durante o
período de recessão provocada pela pandemia da Covid-19 (Coronavírus).
Leonardo Carlos de Andrade, Regina Queiroz Silva e Eugênio Lopes dos Santos Junior
Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021.
Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor>
3
Saviani (2013), ressalta que o valor da educação escolar se dá como lócus privilegiado da
apropriação do conhecimento clássico, mais desenvolvido e intencional. Em suma, a escola é o espaço
de apreensão do saber sistematizado e elaborado pela ciência predominantemente, por isso, ao
convertermos esse conhecimento em conhecimento escolar, fazemos articulações com os fatos sociais
advindos da prática social e para a prática social, que é comum aos professores e alunos.
Desta prática, emanam as contradições da relação do indivíduo e sociedade, que para Lukács
(2010), são engendradas sobretudo por políticas econômicas, pela acumulação flexível e pelas crises
cíclicas. Esta última, por sua vez, tem múltiplas facetas, pois pode advir do caráter econômico, científico,
religioso, político, ou até mesmo patológico, como já visto no episódio da cruel Gripe Espanhola. Por
isso, frente a essa crise do Coronavírus, o esporte, como as demais manifestações sociais, sofreu forte
impacto, de modo ainda mais expressivo no âmbito do rendimento. Essa manifestação emergente da
prática social fomentou a questão norteadora desse relato, “Como a Educação Física poderia
problematizar esse tema na escola? ”.
Pautando-se nos dados concretos da realidade, vimos saltear aos nossos olhos diversas
expressões de megaeventos afetados pela expansão da doença. No automobilismo, o GranPrix de
Mônaco foi cancelado em 24 de maio de 2020; no Tênis, a edição 134ª do torneio de Wimbledon foi
transferida para 2021; a Liga Mundial de Surfe (WSL) cancelou todas competições do primeiro
semestre de 2020; e até mesmo os seculares Jogos Olímpicos foram adiados para 2021.
Estes dados foram captados a partir de uma concepção histórico-crítica de Educação Física,
que tem como objeto os conhecimentos advindos da Cultura Corporal, que por sua vez representam
a dança, a ginástica, a capoeira, as lutas, o esporte e outros componentes (ANDRADE et al., 2020). A
Cultura Corporal também irá se reproduzir, reter, velar e revelar em um movimento dialético com o
real as suas expressões educativas. Por isso, já alertamos que essa experiência foge dos moldes
pragmáticos da Educação Física, dialogando e se embasando na pedagogia histórico-crítica e na
abordagem crítico- superadora (SOARES et al., 1992; SAVIANI, 2013). Isso possibilitou pensarmos “o
que ensinar” (esportes), “como ensinar” (aulas remotas) e “para quem” ensinar (Ensino Médio)
(ANDRADE, 2020).
As aulas remotas foram uma determinidade4 da situação de reclusão social, onde os professores
da rede particular de educação tiveram de continuar a ministrar aulas nos mesmos horários e dias
pelas plataformas virtuais. Por isso, em nosso planejamento de “formas”, tivemos de adequar o ensino
a essa nuance. Em nossa análise, entender o conceito de Trabalho Educativo5 e se apropriar dele é
4 Ver Lukács (2010).
5
Produzir em cada indivíduo a humanidade coletiva, pelos conhecimentos mais desenvolvidos e pelas formas
mais adequadas (SAVIANI, 2013).
Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos
Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021.
Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor>
4
fundamental para enfrentar as contradições e demandas de um ensino remoto repentino, que
surpreendeu os professores e causou verdadeira metamorfose pedagógica.
Vendo a totalidade de determinações que o fenômeno esportivo compõe e o papel do
professor, visamos aqui desvelar aquilo que é velado nos meandros da organização escolar. Por isso,
nos propomos neste relato, expor uma experiência de ensino do esporte por aulas remotas,
articulando este conteúdo com as limitações sociais impostas pelo coronavírus, sobretudo nos eventos
esportivos.
Experiências remotas: Educação Física em foco
Diante do cenário expansivo do Coronavírus (Covid-19) as escolas goianienses suspenderam
atividades presenciais, mas de acordo com as indicações da Secretaria de Educação do Estado de Goiás,
professores teriam de continuar ministrando aulas remotamente, e isso foi rapidamente adotado pela
rede de educação particular.
Neste texto vamos nos ater ao relato e não entraremos em questões como precarização do
trabalho docente e colonização da vida do professor (BALL, 2002). Por ora, basta evidenciar que esses
determinantes existem e foram maximizados nesse tempo.
Essa experiência foi desenvolvida em uma escola de educação básica, em Goiânia (Goiás), que
faz parte de uma rede nacional, que conta com alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio. Apesar
dos professores cumprirem sua carga horária normalmente em várias das séries citadas, exporemos
aqui a experiência com o 1º ano do Ensino Médio, que em nosso olhar traz mais solidez ao relato. A
turma conta com 40 alunos com idade média de 15 e 16 anos, a maioria possui computadores, celulares
e boa conexão de internet em casa.
Buscamos nos desdobramentos sociais um eixo norteador para uma reflexão pedagógica.
Como supracitado, muitas das grandes competições esportivas, a nível mundial, paralisaram devido à
crise do Covid-19. Um novo exemplo é a suspensão da temporada da NBA, após a testagem positiva
de um atleta. O fato expôs ao mundo que o coronavírus pode trazer sequelas de grande proporção
(ou óbito) para quem é contaminado, como complicações cardiorrespiratórias. Porém, algumas
competições brasileiras insistiam em persistir, como o Campeonato Acreano de Futebol, que perdurou
até meados de abril.
Como ponto de partida, desenvolvemos discussões por videoaulas, estudos dirigidos em
textos selecionados e atividades de pesquisa sobre o conceito de espetacularização do esporte, que
em outras palavras, se trata da supressão de tudo que representa o esporte (regras, lógica interna,
atletas, história, representação lúdica, estética e agonística) e a maximização da lógica do mercado,
Leonardo Carlos de Andrade, Regina Queiroz Silva e Eugênio Lopes dos Santos Junior
Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021.
Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor>
5
nas quais os esportes são conduzidos ao processo de mercantilização (MARCHI JÚNIOR, 2001).
Sempre ao término desses debates, colocávamos em xeque uma situação de contradição presente em
exemplos de paralisação de megaeventos, como: “Porque o patrocinador da Copa América não quer
que o evento seja adiado para 2021? Essa não seria uma medida adequada para as melhores condições
do esporte? ”.
Essas provocações fomentaram reflexões dos alunos acerca dos conhecimentos que estavam
sendo suprimidos por essa espetacularização: O que é esporte? Qual a diferença do esporte
rendimento e o esporte da escola? O esporte lazer, entretenimento e o educacional? Nesse enredo,
vimos a necessidade de ampliar a visão e criticidade de nossos alunos. A Educação Física explorou
novamente por videoaulas (duração de 50 min semanais) a diferença do esporte de participação (lazer),
educacional (pedagógico/formação) e de rendimento (profissional). Neste último, destacamos com
maior veemência, como a pandemia impacta a indústria do entretenimento e a mídia.
Reunimos alguns textos de autores, cronistas esportivos, reportagens e fizemos um vídeo
explicativo com esses conceitos, para que os alunos diante das novas acepções, compreendessem que
o esporte, que tem uma essência prática, é carregado de conceitos (indissociáveis), que só percebemos
quando refletimos conscientemente6. Outra questão levantada foi sobre o esporte-entretenimento e
como ele seria afetado diante da pandemia.
Foi observado que os alunos trazem consigo diversos pré-conceitos para a escola e somente
após o desenvolvimento do conteúdo esporte, eles reconheceram os conceitos científicos7 presentes
no objeto, e consequentemente a importância de compreender os múltiplos determinantes
(ANDRADE, 2020). Este foi o salto qualitativo ensejado inicialmente, pois após as mediações
conceituais acerca do esporte, eles conseguiram compreender que a paralisação da NBA (Basquete)
ou da NFL (Futebol Americano), não diz respeito apenas a paralisação de um “jogo”, mas sim a
manutenção da qualidade do esporte e o cuidado com a vida dos jogadores e famílias, que apesar de
terem histórico de atleta, continuam sendo susceptíveis ao Covid-19.
Porém, também foi percebido um certo desleixo de uma minoria de alunos que dificultou a
qualidade da reflexão e alcance a toda turma. Estes apresentaram respostas curtas e vazias, como
“esporte-entretenimento é bom para divertir”, “esporte é saúde”, entre outras, que representavam
muito mais um descaso do que limitações teóricas. A partir desta situação, ressaltamos que o
conhecimento sistematizado não paira no ar, daí a importância do estudo da Educação Física na escola.
Nesses casos, insistimos em ações reflexivas por meio de questionamentos (individuais inclusive) e
6
Ver Lukács (2010).
7 Ver Saviani (2013).
Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos
Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021.
Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor>
6
sucessivas inserções conceituais superando suas respostas iniciais, que nitidamente exigiam uma maior
profundidade.
Dentro das discussões durante esse período de aulas remotas tem sido muito abordado com
os alunos o formato da aula de Educação Física, visto que no ambiente escolar presencial, nossa vivência
se dá de forma coletiva e com o isolamento social isso não é possível, pois exige um distanciamento
interpessoal. Por isso, a maior ênfase foi dada nas discussões conceituais acerca dos conteúdos de
jogos coletivos, como jogos de invasão, alvos, entre outros8. A via de escape para as propostas de
predominância motriz foram as sugestões adaptadas ao ambiente familiar.
Não perdemos de vista a especificidade das atividades corporais, mas adequamos as
condições objetivas desse momento. Nas aulas presenciais, os professores parecem assumir uma figura
de maior referência, sendo que na experiência remota isso foi secundarizado.
Mesmo com as famílias cobrando das escolas aulas inovadoras, cumprimento do horário
presencial, qualidade e dedicação exclusiva dos professores, percebe-se que esse discurso está ligado
apenas a algumas disciplinas curriculares, deixando as demais, dentre elas a Educação Física à margem
do currículo. Vemos então um real desleixo das famílias frente aos conteúdos dessa disciplina,
reproduzindo um estereótipo histórico de marginalização do campo. Todavia, acreditamos que
propostas emancipatórias como a deste relato possam contribuir para a superação do estigma
carregada pela Educação Física na escola.
Para além dos obstáculos com pequenos grupos e com as famílias, vemos que os alunos com
maior acesso às tecnologias e que mantiveram boa frequência (virtual) tiveram um salto qualitativo e
uma nova compreensão da paralisação dos eventos esportivos. Podemos dizer, que estes adolescentes
tiveram uma tomada de consciência ética (LUKÁCS, 2010).
Considerações finais
Diante da problemática social, oriunda dos impactos do Coronavírus no esporte de
rendimento, os professores de Educação Física viram um potencial de discussão ética, do ponto de
vista filosófico. Portanto, os alunos foram colocados diante do dilema, de um lado as competições que
são obrigadas a recuar, racionalizando os lucros e por outro preservando a vida dos atletas e do
público.
Este relato teve a premissa de responder como a Educação Física poderia problematizar, no
ambiente escolar, a suspensão dos megaeventos em tempos pandêmicos. Apontamos que uma
possibilidade é a problematização sobre as crenças dos alunos em relação aos elementos envolvidos
8 Ver Mitchell, Oslin e Griffin (2003).
Leonardo Carlos de Andrade, Regina Queiroz Silva e Eugênio Lopes dos Santos Junior
Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021.
Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor>
7
nas múltiplas determinações do esporte, objetivando assim o confronto de ideias (sincréticas) e
possibilitando mediações em busca de novas sínteses.
Ademais, outros conteúdos do Esporte foram socializados com destreza, garantindo um salto
qualitativo dos jovens sobre os conceitos. A pouca adesão dos alunos, as dificuldades de manipulação
tecnológica e o desleixo familiar obstaculizaram um melhor resultado do processo. Todavia, vemos
que a possibilidade de se pautar nos dados sincrônicos da realidade garante a concretude necessária
para o ensino dos conteúdos da Cultura Corporal. Para aqueles professores que passam por esses
mesmos embates, evidenciamos que este é um caminho seguro, partindo da materialidade (paralisação
dos megaeventos), para a abstração (conceitos do esporte), e retomada da materialidade (prática social
consciente).
Por isso, consideramos esta experiência exitosa, pois a Educação Física, mesmo em meio às
tribulações da pandemia, pôde contribuir para a formação humana dos alunos e com a socialização de
seus conteúdos específicos, apesar dos vários obstáculos supracitados. Todavia, ressaltamos, uma vez
mais, que o ensino remoto tem inúmeras limitações e não é a forma de educação escolar mais
adequada.
Por fim, diante o cenário de expansão do coronavírus, aparentemente essas aulas remotas
tendem a continuar e o professor, assim como o Mito de Sísifo, está fadado a repetir a tarefa de
empurrar a pedra até o topo da montanha, por tempo indeterminado.
Referências
ANDRADE, L. C.; ANDRADE, J. S. D.; LIMA, W. P.; XIMENES, P. Cultura Corporal: o “movimento”
dialético entre homem e natureza. Praxia - Revista on-line de Educação Física da UEG, Goiânia,
v. 2, p. e2020007, 19 jun. 2020.
BALL, S. J. Reformar escolas/reformar professores e os terrores da performatividade. Revista
Portuguesa de Educação, Braga, v. 15, n.02, p. 03-23, 2002.
LUKÁCS, G. Prolegômenos para uma ontologia do ser social: questões de princípios para uma
ontologia hoje tornada possível. São Paulo: Boitempo, 2010.
MITCHELL, S.; OSLIN, J.; GRIFFIN, L. Sport fundations for elementary Physical Education: a
tactical games approach. Kent. Ohio: Human Kinetics, 2003.
MARCHI JUNIOR, W. "Sacando" o voleibol: do amadorismo à espetacularização da
modalidade no Brasil (1970-2000). Tese de Doutorado. Faculdade de Educação Física
da Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2001.
SAVIANI, D. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. Campinas: Autores Associados,
2013.
Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos
Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021.
Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor>
8
SEVERINO, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. São Paulo: Cortez, 2002.
SOARES, C.; TAFFAREL, C. N. Z.; VARJAL, M. E. M. P.; FILHO, L. C.; ESCOBAR, M. O.; BRACHT.
W. Metodologia do Ensino de Educação Física. São Paulo: Cortez, 1992.
Recebido em: 16 de maio de 2020.
Versão corrigida recebida em: 13 de agosto de 2020.
Aceito em: 22 de outubro de 2020.
Publicado online em: 01 de abril de 2021.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Metodologia de educação fisica
Metodologia de educação fisicaMetodologia de educação fisica
Metodologia de educação fisica
Gracieli Castilho
 
Educação física na educação infantil go tani
Educação física na educação infantil go taniEducação física na educação infantil go tani
Educação física na educação infantil go tani
sharytha
 
88040993 educacao-fisica-progressista-paulo-ghiraldelli-jr
88040993 educacao-fisica-progressista-paulo-ghiraldelli-jr88040993 educacao-fisica-progressista-paulo-ghiraldelli-jr
88040993 educacao-fisica-progressista-paulo-ghiraldelli-jr
Raquel Pinheiro
 
Apostila metodologia do ensino na educacao fisica v2
Apostila metodologia do ensino na educacao fisica v2Apostila metodologia do ensino na educacao fisica v2
Apostila metodologia do ensino na educacao fisica v2
Luciano de Oliveira
 
Um olhar para o professor no processo de ensino e aprendizagem remoto
Um olhar para o professor no processo de ensino e aprendizagem remoto Um olhar para o professor no processo de ensino e aprendizagem remoto
Um olhar para o professor no processo de ensino e aprendizagem remoto
revistas - UEPG
 
Coleção saiba mais sobre educação física lauro pires e jeane rodella
Coleção saiba mais sobre educação física   lauro pires e jeane rodellaColeção saiba mais sobre educação física   lauro pires e jeane rodella
Coleção saiba mais sobre educação física lauro pires e jeane rodella
Thiago Apolinário
 
XII Seminário de Educação Física Escolar - Resumos dos trabalhos da área temá...
XII Seminário de Educação Física Escolar - Resumos dos trabalhos da área temá...XII Seminário de Educação Física Escolar - Resumos dos trabalhos da área temá...
XII Seminário de Educação Física Escolar - Resumos dos trabalhos da área temá...
RBEFE Rev. Bras. Educação Física e Esporte
 
Metodologia do ensino da educação física na educação infantil
Metodologia do ensino da educação física na educação infantilMetodologia do ensino da educação física na educação infantil
Metodologia do ensino da educação física na educação infantil
Rafael Hatyla
 
Na pista de práticas e professores inovadores na educação
Na pista de práticas e professores inovadores na educaçãoNa pista de práticas e professores inovadores na educação
Na pista de práticas e professores inovadores na educação
Andreza Sousa Almeida
 
Temasem educacaofisicaadaptada
Temasem educacaofisicaadaptadaTemasem educacaofisicaadaptada
Temasem educacaofisicaadaptada
Daniela Rocha
 
Artigo in..
Artigo in..Artigo in..
Artigo in..
Jusemara
 
O dilema da Interdisciplinaridade : Algumas questões para quem forma professo...
O dilema da Interdisciplinaridade : Algumas questões para quem forma professo...O dilema da Interdisciplinaridade : Algumas questões para quem forma professo...
O dilema da Interdisciplinaridade : Algumas questões para quem forma professo...
Seminário Latino-Americano SLIEC
 
Ed fisica adaptada
Ed fisica adaptadaEd fisica adaptada
Ed fisica adaptada
labuique
 
Educacao fisica escolar_e_fisiologia
Educacao fisica escolar_e_fisiologiaEducacao fisica escolar_e_fisiologia
Educacao fisica escolar_e_fisiologia
Marcos Ferreira
 
A EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS A DIVERSIDADE E A INCLUSÃO ...
A EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS A DIVERSIDADE E A INCLUSÃO ...A EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS A DIVERSIDADE E A INCLUSÃO ...
A EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS A DIVERSIDADE E A INCLUSÃO ...
HELENO FAVACHO
 
Artigo modelo para publiação)texto 02
Artigo modelo para publiação)texto 02Artigo modelo para publiação)texto 02
Artigo modelo para publiação)texto 02
Alessandro Euzébio Vargas
 
Otm educacao fisica
Otm educacao fisicaOtm educacao fisica
Otm educacao fisica
alextonny
 
Sistema Nacional de Educação: diversos olhares 80 anos após o Manifesto
Sistema Nacional de Educação: diversos olhares 80 anos após o ManifestoSistema Nacional de Educação: diversos olhares 80 anos após o Manifesto
Sistema Nacional de Educação: diversos olhares 80 anos após o Manifesto
LinTrab
 
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscasPedagogia e pedagogos: inquietações e buscas
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas
srfilgueira
 
O descompasso entre a formação do licenciado em educação física e a necessida...
O descompasso entre a formação do licenciado em educação física e a necessida...O descompasso entre a formação do licenciado em educação física e a necessida...
O descompasso entre a formação do licenciado em educação física e a necessida...
Alan Ciriaco
 

Mais procurados (20)

Metodologia de educação fisica
Metodologia de educação fisicaMetodologia de educação fisica
Metodologia de educação fisica
 
Educação física na educação infantil go tani
Educação física na educação infantil go taniEducação física na educação infantil go tani
Educação física na educação infantil go tani
 
88040993 educacao-fisica-progressista-paulo-ghiraldelli-jr
88040993 educacao-fisica-progressista-paulo-ghiraldelli-jr88040993 educacao-fisica-progressista-paulo-ghiraldelli-jr
88040993 educacao-fisica-progressista-paulo-ghiraldelli-jr
 
Apostila metodologia do ensino na educacao fisica v2
Apostila metodologia do ensino na educacao fisica v2Apostila metodologia do ensino na educacao fisica v2
Apostila metodologia do ensino na educacao fisica v2
 
Um olhar para o professor no processo de ensino e aprendizagem remoto
Um olhar para o professor no processo de ensino e aprendizagem remoto Um olhar para o professor no processo de ensino e aprendizagem remoto
Um olhar para o professor no processo de ensino e aprendizagem remoto
 
Coleção saiba mais sobre educação física lauro pires e jeane rodella
Coleção saiba mais sobre educação física   lauro pires e jeane rodellaColeção saiba mais sobre educação física   lauro pires e jeane rodella
Coleção saiba mais sobre educação física lauro pires e jeane rodella
 
XII Seminário de Educação Física Escolar - Resumos dos trabalhos da área temá...
XII Seminário de Educação Física Escolar - Resumos dos trabalhos da área temá...XII Seminário de Educação Física Escolar - Resumos dos trabalhos da área temá...
XII Seminário de Educação Física Escolar - Resumos dos trabalhos da área temá...
 
Metodologia do ensino da educação física na educação infantil
Metodologia do ensino da educação física na educação infantilMetodologia do ensino da educação física na educação infantil
Metodologia do ensino da educação física na educação infantil
 
Na pista de práticas e professores inovadores na educação
Na pista de práticas e professores inovadores na educaçãoNa pista de práticas e professores inovadores na educação
Na pista de práticas e professores inovadores na educação
 
Temasem educacaofisicaadaptada
Temasem educacaofisicaadaptadaTemasem educacaofisicaadaptada
Temasem educacaofisicaadaptada
 
Artigo in..
Artigo in..Artigo in..
Artigo in..
 
O dilema da Interdisciplinaridade : Algumas questões para quem forma professo...
O dilema da Interdisciplinaridade : Algumas questões para quem forma professo...O dilema da Interdisciplinaridade : Algumas questões para quem forma professo...
O dilema da Interdisciplinaridade : Algumas questões para quem forma professo...
 
Ed fisica adaptada
Ed fisica adaptadaEd fisica adaptada
Ed fisica adaptada
 
Educacao fisica escolar_e_fisiologia
Educacao fisica escolar_e_fisiologiaEducacao fisica escolar_e_fisiologia
Educacao fisica escolar_e_fisiologia
 
A EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS A DIVERSIDADE E A INCLUSÃO ...
A EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS A DIVERSIDADE E A INCLUSÃO ...A EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS A DIVERSIDADE E A INCLUSÃO ...
A EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS A DIVERSIDADE E A INCLUSÃO ...
 
Artigo modelo para publiação)texto 02
Artigo modelo para publiação)texto 02Artigo modelo para publiação)texto 02
Artigo modelo para publiação)texto 02
 
Otm educacao fisica
Otm educacao fisicaOtm educacao fisica
Otm educacao fisica
 
Sistema Nacional de Educação: diversos olhares 80 anos após o Manifesto
Sistema Nacional de Educação: diversos olhares 80 anos após o ManifestoSistema Nacional de Educação: diversos olhares 80 anos após o Manifesto
Sistema Nacional de Educação: diversos olhares 80 anos após o Manifesto
 
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscasPedagogia e pedagogos: inquietações e buscas
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas
 
O descompasso entre a formação do licenciado em educação física e a necessida...
O descompasso entre a formação do licenciado em educação física e a necessida...O descompasso entre a formação do licenciado em educação física e a necessida...
O descompasso entre a formação do licenciado em educação física e a necessida...
 

Semelhante a Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos

16051 texto do artigo-209209234333-1-10-20210410
16051 texto do artigo-209209234333-1-10-2021041016051 texto do artigo-209209234333-1-10-20210410
16051 texto do artigo-209209234333-1-10-20210410
revistas - UEPG
 
Curso
CursoCurso
alexandre_assis,+A6+-+EXPERIÊNCIAS+NO+ESTÁGIO+SUPERVISIONADO.pdf
alexandre_assis,+A6+-+EXPERIÊNCIAS+NO+ESTÁGIO+SUPERVISIONADO.pdfalexandre_assis,+A6+-+EXPERIÊNCIAS+NO+ESTÁGIO+SUPERVISIONADO.pdf
alexandre_assis,+A6+-+EXPERIÊNCIAS+NO+ESTÁGIO+SUPERVISIONADO.pdf
CLEITON387605
 
mayarafa,+18659.pdf
mayarafa,+18659.pdfmayarafa,+18659.pdf
mayarafa,+18659.pdf
EliaAndre
 
Portfolio-Educacao-fisica.docx
Portfolio-Educacao-fisica.docxPortfolio-Educacao-fisica.docx
Portfolio-Educacao-fisica.docx
RuthFeitosaGomes
 
A Educação Infantil no contexto da pandemia: os possíveis enfrentamentos após...
A Educação Infantil no contexto da pandemia: os possíveis enfrentamentos após...A Educação Infantil no contexto da pandemia: os possíveis enfrentamentos após...
A Educação Infantil no contexto da pandemia: os possíveis enfrentamentos após...
revistas - UEPG
 
Educação infantil diante da pandemia causada pela Covid-19: no cenário o prog...
Educação infantil diante da pandemia causada pela Covid-19: no cenário o prog...Educação infantil diante da pandemia causada pela Covid-19: no cenário o prog...
Educação infantil diante da pandemia causada pela Covid-19: no cenário o prog...
revistas - UEPG
 
Diretrizes estrategicas - PMV/SEME/GAB
Diretrizes estrategicas - PMV/SEME/GABDiretrizes estrategicas - PMV/SEME/GAB
Diretrizes estrategicas - PMV/SEME/GAB
Isaias_Bass
 
Curso de jogos transversais(1)
Curso de jogos transversais(1)Curso de jogos transversais(1)
Curso de jogos transversais(1)
miguelkallemback1
 
Curso de jogos transversais
Curso de jogos transversaisCurso de jogos transversais
Curso de jogos transversais
miguelkallemback1
 
Monografia de ademir gomes
Monografia de ademir gomesMonografia de ademir gomes
Monografia de ademir gomes
Selma Alves
 
7058-26755-1-PB.pdf
7058-26755-1-PB.pdf7058-26755-1-PB.pdf
7058-26755-1-PB.pdf
RosaNardaci1
 
Projeto EJA_ 2º bimestre - Profa. Dafiana Carlos
Projeto  EJA_ 2º bimestre - Profa.  Dafiana CarlosProjeto  EJA_ 2º bimestre - Profa.  Dafiana Carlos
Projeto EJA_ 2º bimestre - Profa. Dafiana Carlos
DafianaCarlos
 
Ativ final grupob
Ativ final grupobAtiv final grupob
Ativ final grupob
Claudine Alvarenga
 
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas Libâneo
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas LibâneoPedagogia e pedagogos: inquietações e buscas Libâneo
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas Libâneo
srfilgueira
 
Curso online unieducar educacao integral
Curso online unieducar educacao integralCurso online unieducar educacao integral
Curso online unieducar educacao integral
Unichristus Centro Universitário
 
Mais educação vera
Mais educação veraMais educação vera
Mais educação vera
Vera Lúcia Costa Pinheiro
 
EDUCAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES APOSTILA 1.pdf
EDUCAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES APOSTILA 1.pdfEDUCAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES APOSTILA 1.pdf
EDUCAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES APOSTILA 1.pdf
4444444444ada
 
Temas transversais
Temas transversaisTemas transversais
Temas transversais
Erica Frau
 
Transição pra a vida pós escolar autor - joaquim colôa
Transição pra a vida pós escolar   autor - joaquim colôaTransição pra a vida pós escolar   autor - joaquim colôa
Transição pra a vida pós escolar autor - joaquim colôa
Joaquim Colôa
 

Semelhante a Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos (20)

16051 texto do artigo-209209234333-1-10-20210410
16051 texto do artigo-209209234333-1-10-2021041016051 texto do artigo-209209234333-1-10-20210410
16051 texto do artigo-209209234333-1-10-20210410
 
Curso
CursoCurso
Curso
 
alexandre_assis,+A6+-+EXPERIÊNCIAS+NO+ESTÁGIO+SUPERVISIONADO.pdf
alexandre_assis,+A6+-+EXPERIÊNCIAS+NO+ESTÁGIO+SUPERVISIONADO.pdfalexandre_assis,+A6+-+EXPERIÊNCIAS+NO+ESTÁGIO+SUPERVISIONADO.pdf
alexandre_assis,+A6+-+EXPERIÊNCIAS+NO+ESTÁGIO+SUPERVISIONADO.pdf
 
mayarafa,+18659.pdf
mayarafa,+18659.pdfmayarafa,+18659.pdf
mayarafa,+18659.pdf
 
Portfolio-Educacao-fisica.docx
Portfolio-Educacao-fisica.docxPortfolio-Educacao-fisica.docx
Portfolio-Educacao-fisica.docx
 
A Educação Infantil no contexto da pandemia: os possíveis enfrentamentos após...
A Educação Infantil no contexto da pandemia: os possíveis enfrentamentos após...A Educação Infantil no contexto da pandemia: os possíveis enfrentamentos após...
A Educação Infantil no contexto da pandemia: os possíveis enfrentamentos após...
 
Educação infantil diante da pandemia causada pela Covid-19: no cenário o prog...
Educação infantil diante da pandemia causada pela Covid-19: no cenário o prog...Educação infantil diante da pandemia causada pela Covid-19: no cenário o prog...
Educação infantil diante da pandemia causada pela Covid-19: no cenário o prog...
 
Diretrizes estrategicas - PMV/SEME/GAB
Diretrizes estrategicas - PMV/SEME/GABDiretrizes estrategicas - PMV/SEME/GAB
Diretrizes estrategicas - PMV/SEME/GAB
 
Curso de jogos transversais(1)
Curso de jogos transversais(1)Curso de jogos transversais(1)
Curso de jogos transversais(1)
 
Curso de jogos transversais
Curso de jogos transversaisCurso de jogos transversais
Curso de jogos transversais
 
Monografia de ademir gomes
Monografia de ademir gomesMonografia de ademir gomes
Monografia de ademir gomes
 
7058-26755-1-PB.pdf
7058-26755-1-PB.pdf7058-26755-1-PB.pdf
7058-26755-1-PB.pdf
 
Projeto EJA_ 2º bimestre - Profa. Dafiana Carlos
Projeto  EJA_ 2º bimestre - Profa.  Dafiana CarlosProjeto  EJA_ 2º bimestre - Profa.  Dafiana Carlos
Projeto EJA_ 2º bimestre - Profa. Dafiana Carlos
 
Ativ final grupob
Ativ final grupobAtiv final grupob
Ativ final grupob
 
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas Libâneo
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas LibâneoPedagogia e pedagogos: inquietações e buscas Libâneo
Pedagogia e pedagogos: inquietações e buscas Libâneo
 
Curso online unieducar educacao integral
Curso online unieducar educacao integralCurso online unieducar educacao integral
Curso online unieducar educacao integral
 
Mais educação vera
Mais educação veraMais educação vera
Mais educação vera
 
EDUCAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES APOSTILA 1.pdf
EDUCAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES APOSTILA 1.pdfEDUCAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES APOSTILA 1.pdf
EDUCAÇÃO EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES APOSTILA 1.pdf
 
Temas transversais
Temas transversaisTemas transversais
Temas transversais
 
Transição pra a vida pós escolar autor - joaquim colôa
Transição pra a vida pós escolar   autor - joaquim colôaTransição pra a vida pós escolar   autor - joaquim colôa
Transição pra a vida pós escolar autor - joaquim colôa
 

Mais de revistas - UEPG

Camposdeexperiencianaescola_Donwload.pdf
Camposdeexperiencianaescola_Donwload.pdfCamposdeexperiencianaescola_Donwload.pdf
Camposdeexperiencianaescola_Donwload.pdf
revistas - UEPG
 
16206 texto do artigo-209209235810-1-10-20210605
16206 texto do artigo-209209235810-1-10-2021060516206 texto do artigo-209209235810-1-10-20210605
16206 texto do artigo-209209235810-1-10-20210605
revistas - UEPG
 
16184 texto do artigo-209209235809-1-10-20210605
16184 texto do artigo-209209235809-1-10-2021060516184 texto do artigo-209209235809-1-10-20210605
16184 texto do artigo-209209235809-1-10-20210605
revistas - UEPG
 
16129 texto do artigo-209209235814-1-10-20210605
16129 texto do artigo-209209235814-1-10-2021060516129 texto do artigo-209209235814-1-10-20210605
16129 texto do artigo-209209235814-1-10-20210605
revistas - UEPG
 
16180 texto do artigo-209209235805-1-10-20210605
16180 texto do artigo-209209235805-1-10-2021060516180 texto do artigo-209209235805-1-10-20210605
16180 texto do artigo-209209235805-1-10-20210605
revistas - UEPG
 
16145 texto do artigo-209209235804-1-10-20210605
16145 texto do artigo-209209235804-1-10-2021060516145 texto do artigo-209209235804-1-10-20210605
16145 texto do artigo-209209235804-1-10-20210605
revistas - UEPG
 
A18
A18A18
A17
A17A17
Análise da efetividade do Ensino Médio com mediação tecnológica no estado de ...
Análise da efetividade do Ensino Médio com mediação tecnológica no estado de ...Análise da efetividade do Ensino Médio com mediação tecnológica no estado de ...
Análise da efetividade do Ensino Médio com mediação tecnológica no estado de ...
revistas - UEPG
 
O pensamento de Paulo Freire expresso na obra Pedagogia da Indignação: cartas...
O pensamento de Paulo Freire expresso na obra Pedagogia da Indignação: cartas...O pensamento de Paulo Freire expresso na obra Pedagogia da Indignação: cartas...
O pensamento de Paulo Freire expresso na obra Pedagogia da Indignação: cartas...
revistas - UEPG
 
Educação e vivências interculturais: contribuições dos círculos de cultura em...
Educação e vivências interculturais: contribuições dos círculos de cultura em...Educação e vivências interculturais: contribuições dos círculos de cultura em...
Educação e vivências interculturais: contribuições dos círculos de cultura em...
revistas - UEPG
 
“Criar capacidades” para a sensibilidade e a humanização em meio à pandemia d...
“Criar capacidades” para a sensibilidade e a humanização em meio à pandemia d...“Criar capacidades” para a sensibilidade e a humanização em meio à pandemia d...
“Criar capacidades” para a sensibilidade e a humanização em meio à pandemia d...
revistas - UEPG
 
Do registro à documentação pedagógica: possibilidades e necessidades docentes
Do registro à documentação pedagógica: possibilidades e necessidades docentes Do registro à documentação pedagógica: possibilidades e necessidades docentes
Do registro à documentação pedagógica: possibilidades e necessidades docentes
revistas - UEPG
 
A voz e vez dos barqueiros: um diálogo crítico de reinvenção freireana frente...
A voz e vez dos barqueiros: um diálogo crítico de reinvenção freireana frente...A voz e vez dos barqueiros: um diálogo crítico de reinvenção freireana frente...
A voz e vez dos barqueiros: um diálogo crítico de reinvenção freireana frente...
revistas - UEPG
 
O brincar e suas possibilidades na Educação Infantil: uma revisão sistemática
 O brincar e suas possibilidades na Educação Infantil: uma revisão sistemática  O brincar e suas possibilidades na Educação Infantil: uma revisão sistemática
O brincar e suas possibilidades na Educação Infantil: uma revisão sistemática
revistas - UEPG
 
Desemparedando a Educação Infantil: um processo formativo no estágio curricular
Desemparedando a Educação Infantil: um processo formativo no estágio curricular Desemparedando a Educação Infantil: um processo formativo no estágio curricular
Desemparedando a Educação Infantil: um processo formativo no estágio curricular
revistas - UEPG
 
Construção da identidade docente na licenciatura dupla em Biologia e Química:...
Construção da identidade docente na licenciatura dupla em Biologia e Química:...Construção da identidade docente na licenciatura dupla em Biologia e Química:...
Construção da identidade docente na licenciatura dupla em Biologia e Química:...
revistas - UEPG
 
Caem as máscaras na quarentena Covid-19: reflexões freireanas a partir de Car...
Caem as máscaras na quarentena Covid-19: reflexões freireanas a partir de Car...Caem as máscaras na quarentena Covid-19: reflexões freireanas a partir de Car...
Caem as máscaras na quarentena Covid-19: reflexões freireanas a partir de Car...
revistas - UEPG
 
Práticas educativas em tempos de pandemia: relato de experiência
Práticas educativas em tempos de pandemia: relato de experiência Práticas educativas em tempos de pandemia: relato de experiência
Práticas educativas em tempos de pandemia: relato de experiência
revistas - UEPG
 
Teatro com os bebês: espaço de enunciações, afigurações e brincadeiras
Teatro com os bebês: espaço de enunciações, afigurações e brincadeirasTeatro com os bebês: espaço de enunciações, afigurações e brincadeiras
Teatro com os bebês: espaço de enunciações, afigurações e brincadeiras
revistas - UEPG
 

Mais de revistas - UEPG (20)

Camposdeexperiencianaescola_Donwload.pdf
Camposdeexperiencianaescola_Donwload.pdfCamposdeexperiencianaescola_Donwload.pdf
Camposdeexperiencianaescola_Donwload.pdf
 
16206 texto do artigo-209209235810-1-10-20210605
16206 texto do artigo-209209235810-1-10-2021060516206 texto do artigo-209209235810-1-10-20210605
16206 texto do artigo-209209235810-1-10-20210605
 
16184 texto do artigo-209209235809-1-10-20210605
16184 texto do artigo-209209235809-1-10-2021060516184 texto do artigo-209209235809-1-10-20210605
16184 texto do artigo-209209235809-1-10-20210605
 
16129 texto do artigo-209209235814-1-10-20210605
16129 texto do artigo-209209235814-1-10-2021060516129 texto do artigo-209209235814-1-10-20210605
16129 texto do artigo-209209235814-1-10-20210605
 
16180 texto do artigo-209209235805-1-10-20210605
16180 texto do artigo-209209235805-1-10-2021060516180 texto do artigo-209209235805-1-10-20210605
16180 texto do artigo-209209235805-1-10-20210605
 
16145 texto do artigo-209209235804-1-10-20210605
16145 texto do artigo-209209235804-1-10-2021060516145 texto do artigo-209209235804-1-10-20210605
16145 texto do artigo-209209235804-1-10-20210605
 
A18
A18A18
A18
 
A17
A17A17
A17
 
Análise da efetividade do Ensino Médio com mediação tecnológica no estado de ...
Análise da efetividade do Ensino Médio com mediação tecnológica no estado de ...Análise da efetividade do Ensino Médio com mediação tecnológica no estado de ...
Análise da efetividade do Ensino Médio com mediação tecnológica no estado de ...
 
O pensamento de Paulo Freire expresso na obra Pedagogia da Indignação: cartas...
O pensamento de Paulo Freire expresso na obra Pedagogia da Indignação: cartas...O pensamento de Paulo Freire expresso na obra Pedagogia da Indignação: cartas...
O pensamento de Paulo Freire expresso na obra Pedagogia da Indignação: cartas...
 
Educação e vivências interculturais: contribuições dos círculos de cultura em...
Educação e vivências interculturais: contribuições dos círculos de cultura em...Educação e vivências interculturais: contribuições dos círculos de cultura em...
Educação e vivências interculturais: contribuições dos círculos de cultura em...
 
“Criar capacidades” para a sensibilidade e a humanização em meio à pandemia d...
“Criar capacidades” para a sensibilidade e a humanização em meio à pandemia d...“Criar capacidades” para a sensibilidade e a humanização em meio à pandemia d...
“Criar capacidades” para a sensibilidade e a humanização em meio à pandemia d...
 
Do registro à documentação pedagógica: possibilidades e necessidades docentes
Do registro à documentação pedagógica: possibilidades e necessidades docentes Do registro à documentação pedagógica: possibilidades e necessidades docentes
Do registro à documentação pedagógica: possibilidades e necessidades docentes
 
A voz e vez dos barqueiros: um diálogo crítico de reinvenção freireana frente...
A voz e vez dos barqueiros: um diálogo crítico de reinvenção freireana frente...A voz e vez dos barqueiros: um diálogo crítico de reinvenção freireana frente...
A voz e vez dos barqueiros: um diálogo crítico de reinvenção freireana frente...
 
O brincar e suas possibilidades na Educação Infantil: uma revisão sistemática
 O brincar e suas possibilidades na Educação Infantil: uma revisão sistemática  O brincar e suas possibilidades na Educação Infantil: uma revisão sistemática
O brincar e suas possibilidades na Educação Infantil: uma revisão sistemática
 
Desemparedando a Educação Infantil: um processo formativo no estágio curricular
Desemparedando a Educação Infantil: um processo formativo no estágio curricular Desemparedando a Educação Infantil: um processo formativo no estágio curricular
Desemparedando a Educação Infantil: um processo formativo no estágio curricular
 
Construção da identidade docente na licenciatura dupla em Biologia e Química:...
Construção da identidade docente na licenciatura dupla em Biologia e Química:...Construção da identidade docente na licenciatura dupla em Biologia e Química:...
Construção da identidade docente na licenciatura dupla em Biologia e Química:...
 
Caem as máscaras na quarentena Covid-19: reflexões freireanas a partir de Car...
Caem as máscaras na quarentena Covid-19: reflexões freireanas a partir de Car...Caem as máscaras na quarentena Covid-19: reflexões freireanas a partir de Car...
Caem as máscaras na quarentena Covid-19: reflexões freireanas a partir de Car...
 
Práticas educativas em tempos de pandemia: relato de experiência
Práticas educativas em tempos de pandemia: relato de experiência Práticas educativas em tempos de pandemia: relato de experiência
Práticas educativas em tempos de pandemia: relato de experiência
 
Teatro com os bebês: espaço de enunciações, afigurações e brincadeiras
Teatro com os bebês: espaço de enunciações, afigurações e brincadeirasTeatro com os bebês: espaço de enunciações, afigurações e brincadeiras
Teatro com os bebês: espaço de enunciações, afigurações e brincadeiras
 

Último

EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
sesiomzezao
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
EsterGabriiela1
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 

Último (20)

EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdfAtividade Análise literária O GUARANI.pdf
Atividade Análise literária O GUARANI.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdfPERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PDF.pdf
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 

Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos

  • 1. Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021. Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor> 1 ISSN Eletrônico: 1984-0187 ISSN Impresso: 1518-5648 ____________________________________________________________________ Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos School Physical Education in covid-19 times: sport teaching and megaevent stopping Educación Física escolar en veces Covid-19: enseñanza de deporte y parada mega event Leonardo Carlos de Andrade1 https://orcid.org/0000-0002-0324-6079 Regina Queiroz Silva2 https://orcid.org/0000-0002-5668-1664 Eugênio Lopes dos Santos Junior3 https://orcid.org/0000-0002-5030-1245 Resumo: Diante do cenário expansivo do coronavírus (Covid-19) as escolas goianienses suspenderam as atividades presenciais e, por conseguinte, assumiram aulas remotas como égide. Este artigo tem como objetivo expor os elementos teórico-metodológicos de uma experiência desenvolvida pela disciplina Educação Física à luz de um referencial histórico-crítico, no interior da Educação Básica, em meio ao distanciamento social. Tomamos como centralidade do processo didático a paralisação dos eventos esportivos e o dilema ético implícito nessa ação. As categorias determinantes para essa mediação foram conteúdo, forma e destinatário, além de um conhecimento próprio do campo, que é o esporte. Entendemos que apesar do êxito da proposta didática, encontramos obstáculos demasiados, portanto legitimamos o caráter provisório (e improvisado) das aulas remotas e enfatizamos a importância da escola regular e presencial. Palavras-chave: Educação física. Educação básica. Esporte. Coronavírus. 1 Especialista em Educação Física Escolar e Mestrando em Educação Física. Professor do Instituto Federal Goiano. leonardoandradeprof@gmail.com 2 Especialista em Educação Física Escolar. Professora da Educação Básica. E.I.G. rqueirozs@gmail.com 3 Especialista em Educação Física Escolar e Mestrando em Educação Física. Professor. ASSOBES ENSINO SUPERIOR. eeugeniolsj@gmail.com https://doi.org/10.5212/OlharProfr.v.24.15428.024
  • 2. Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021. Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor> 2 Abstract: Faced with the expansive scenario of the coronavirus (Covid-19), the schools in Goiás suspended the face-to-face activities and, therefore, took remote classes as aegis. This article aims to expose the theoretical and methodological elements of an experience developed by the Physical Education discipline in the light of a historical-critical framework, within Basic Education, amid social distance. We take as a central part of the didactic process the paralysis of sporting events and the ethical dilemma implicit in this action. The determining categories for this mediation were content, form and recipient, in addition to a knowledge of the field, which is sport. We understand that despite the success of the didactic proposal, we encounter too many obstacles, so we legitimize the provisional (and improvised) nature of remote classes and emphasize the importance of regular and face-to- face schools. Keywords: Physical education. Basic education. Sport. Coronavirus. Resumen: Ante el escenario expansivo del Virus Corona (CoVID-19), las escuelas en Goiás suspendieron sus actividades presenciales y, por lo tanto, tomaron clases remotas como égida. Este artículo pretende exponer los elementos teóricos y metodológicos de una experiencia desarrollada por la disciplina de Educación Física a la luz de un marco histórico-crítico, dentro de la Educación Básica, en medio de la distancia social. Tomamos como parte central del proceso didáctico la parálisis de los eventos deportivos y el dilema ético implícito en esta acción. Las categorías determinantes para esta mediación fueron contenido, forma y destinatario, además del objeto de campo que es Cultura Corporal. Entendemos que, a pesar del éxito de la propuesta didáctica, encontramos demasiados obstáculos, por lo que legitimamos la naturaleza provisional (e improvisada) de las clases remotas y enfatizamos la importancia de las escuelas regulares y presenciales. Palabras clave: Educación física. Educación básica. Deporte. Coronavirus. Introdução O ano de 2020 surge na história moderna como marco, pois devido a expansão pandêmica do novo coronavírus, causador da Covid-19, famílias, indústrias, escolas e eventos tiveram de se adaptar a uma nova ordem, a ordem de recessão. Dentre os impactados, estão os megaeventos esportivos, que também foram suspensos. Esse fato gerou uma discussão com alunos do Ensino Médio, no âmbito da Educação Física escolar, sobre as possíveis contradições oriundas do esporte contemporâneo. Desse modo, este trabalho tem como objetivo expor uma experiência desenvolvida pela Educação Física no interior da educação básica em uma escola goianiense, em meio a ordem de recessão relacionada à problematização da suspensão dos megaeventos esportivos. Em relação à metodologia, amparados em Severino (2002), ressaltamos que esse artigo se configura como um relato de experiência, que se propõe a expor as circunstâncias e o desenvolvimento teórico-metodológico do trabalho pedagógico em questão. Como propósito secundário, vamos expor algumas contradições oriundas do ensino remoto, pois apesar do êxito da proposta didática, entendemos que o ensino virtual não substitui a educação presencial, portanto legitimamos o caráter provisório (e improvisado) das aulas remotas e enfatizamos a importância da escola regular e presencial. Compreendemos que este relato poderá contribuir para um diagnóstico das circunstâncias e adversidades que a educação básica, e mais precisamente a educação física escolar, enfrenta durante o período de recessão provocada pela pandemia da Covid-19 (Coronavírus).
  • 3. Leonardo Carlos de Andrade, Regina Queiroz Silva e Eugênio Lopes dos Santos Junior Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021. Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor> 3 Saviani (2013), ressalta que o valor da educação escolar se dá como lócus privilegiado da apropriação do conhecimento clássico, mais desenvolvido e intencional. Em suma, a escola é o espaço de apreensão do saber sistematizado e elaborado pela ciência predominantemente, por isso, ao convertermos esse conhecimento em conhecimento escolar, fazemos articulações com os fatos sociais advindos da prática social e para a prática social, que é comum aos professores e alunos. Desta prática, emanam as contradições da relação do indivíduo e sociedade, que para Lukács (2010), são engendradas sobretudo por políticas econômicas, pela acumulação flexível e pelas crises cíclicas. Esta última, por sua vez, tem múltiplas facetas, pois pode advir do caráter econômico, científico, religioso, político, ou até mesmo patológico, como já visto no episódio da cruel Gripe Espanhola. Por isso, frente a essa crise do Coronavírus, o esporte, como as demais manifestações sociais, sofreu forte impacto, de modo ainda mais expressivo no âmbito do rendimento. Essa manifestação emergente da prática social fomentou a questão norteadora desse relato, “Como a Educação Física poderia problematizar esse tema na escola? ”. Pautando-se nos dados concretos da realidade, vimos saltear aos nossos olhos diversas expressões de megaeventos afetados pela expansão da doença. No automobilismo, o GranPrix de Mônaco foi cancelado em 24 de maio de 2020; no Tênis, a edição 134ª do torneio de Wimbledon foi transferida para 2021; a Liga Mundial de Surfe (WSL) cancelou todas competições do primeiro semestre de 2020; e até mesmo os seculares Jogos Olímpicos foram adiados para 2021. Estes dados foram captados a partir de uma concepção histórico-crítica de Educação Física, que tem como objeto os conhecimentos advindos da Cultura Corporal, que por sua vez representam a dança, a ginástica, a capoeira, as lutas, o esporte e outros componentes (ANDRADE et al., 2020). A Cultura Corporal também irá se reproduzir, reter, velar e revelar em um movimento dialético com o real as suas expressões educativas. Por isso, já alertamos que essa experiência foge dos moldes pragmáticos da Educação Física, dialogando e se embasando na pedagogia histórico-crítica e na abordagem crítico- superadora (SOARES et al., 1992; SAVIANI, 2013). Isso possibilitou pensarmos “o que ensinar” (esportes), “como ensinar” (aulas remotas) e “para quem” ensinar (Ensino Médio) (ANDRADE, 2020). As aulas remotas foram uma determinidade4 da situação de reclusão social, onde os professores da rede particular de educação tiveram de continuar a ministrar aulas nos mesmos horários e dias pelas plataformas virtuais. Por isso, em nosso planejamento de “formas”, tivemos de adequar o ensino a essa nuance. Em nossa análise, entender o conceito de Trabalho Educativo5 e se apropriar dele é 4 Ver Lukács (2010). 5 Produzir em cada indivíduo a humanidade coletiva, pelos conhecimentos mais desenvolvidos e pelas formas mais adequadas (SAVIANI, 2013).
  • 4. Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021. Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor> 4 fundamental para enfrentar as contradições e demandas de um ensino remoto repentino, que surpreendeu os professores e causou verdadeira metamorfose pedagógica. Vendo a totalidade de determinações que o fenômeno esportivo compõe e o papel do professor, visamos aqui desvelar aquilo que é velado nos meandros da organização escolar. Por isso, nos propomos neste relato, expor uma experiência de ensino do esporte por aulas remotas, articulando este conteúdo com as limitações sociais impostas pelo coronavírus, sobretudo nos eventos esportivos. Experiências remotas: Educação Física em foco Diante do cenário expansivo do Coronavírus (Covid-19) as escolas goianienses suspenderam atividades presenciais, mas de acordo com as indicações da Secretaria de Educação do Estado de Goiás, professores teriam de continuar ministrando aulas remotamente, e isso foi rapidamente adotado pela rede de educação particular. Neste texto vamos nos ater ao relato e não entraremos em questões como precarização do trabalho docente e colonização da vida do professor (BALL, 2002). Por ora, basta evidenciar que esses determinantes existem e foram maximizados nesse tempo. Essa experiência foi desenvolvida em uma escola de educação básica, em Goiânia (Goiás), que faz parte de uma rede nacional, que conta com alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio. Apesar dos professores cumprirem sua carga horária normalmente em várias das séries citadas, exporemos aqui a experiência com o 1º ano do Ensino Médio, que em nosso olhar traz mais solidez ao relato. A turma conta com 40 alunos com idade média de 15 e 16 anos, a maioria possui computadores, celulares e boa conexão de internet em casa. Buscamos nos desdobramentos sociais um eixo norteador para uma reflexão pedagógica. Como supracitado, muitas das grandes competições esportivas, a nível mundial, paralisaram devido à crise do Covid-19. Um novo exemplo é a suspensão da temporada da NBA, após a testagem positiva de um atleta. O fato expôs ao mundo que o coronavírus pode trazer sequelas de grande proporção (ou óbito) para quem é contaminado, como complicações cardiorrespiratórias. Porém, algumas competições brasileiras insistiam em persistir, como o Campeonato Acreano de Futebol, que perdurou até meados de abril. Como ponto de partida, desenvolvemos discussões por videoaulas, estudos dirigidos em textos selecionados e atividades de pesquisa sobre o conceito de espetacularização do esporte, que em outras palavras, se trata da supressão de tudo que representa o esporte (regras, lógica interna, atletas, história, representação lúdica, estética e agonística) e a maximização da lógica do mercado,
  • 5. Leonardo Carlos de Andrade, Regina Queiroz Silva e Eugênio Lopes dos Santos Junior Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021. Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor> 5 nas quais os esportes são conduzidos ao processo de mercantilização (MARCHI JÚNIOR, 2001). Sempre ao término desses debates, colocávamos em xeque uma situação de contradição presente em exemplos de paralisação de megaeventos, como: “Porque o patrocinador da Copa América não quer que o evento seja adiado para 2021? Essa não seria uma medida adequada para as melhores condições do esporte? ”. Essas provocações fomentaram reflexões dos alunos acerca dos conhecimentos que estavam sendo suprimidos por essa espetacularização: O que é esporte? Qual a diferença do esporte rendimento e o esporte da escola? O esporte lazer, entretenimento e o educacional? Nesse enredo, vimos a necessidade de ampliar a visão e criticidade de nossos alunos. A Educação Física explorou novamente por videoaulas (duração de 50 min semanais) a diferença do esporte de participação (lazer), educacional (pedagógico/formação) e de rendimento (profissional). Neste último, destacamos com maior veemência, como a pandemia impacta a indústria do entretenimento e a mídia. Reunimos alguns textos de autores, cronistas esportivos, reportagens e fizemos um vídeo explicativo com esses conceitos, para que os alunos diante das novas acepções, compreendessem que o esporte, que tem uma essência prática, é carregado de conceitos (indissociáveis), que só percebemos quando refletimos conscientemente6. Outra questão levantada foi sobre o esporte-entretenimento e como ele seria afetado diante da pandemia. Foi observado que os alunos trazem consigo diversos pré-conceitos para a escola e somente após o desenvolvimento do conteúdo esporte, eles reconheceram os conceitos científicos7 presentes no objeto, e consequentemente a importância de compreender os múltiplos determinantes (ANDRADE, 2020). Este foi o salto qualitativo ensejado inicialmente, pois após as mediações conceituais acerca do esporte, eles conseguiram compreender que a paralisação da NBA (Basquete) ou da NFL (Futebol Americano), não diz respeito apenas a paralisação de um “jogo”, mas sim a manutenção da qualidade do esporte e o cuidado com a vida dos jogadores e famílias, que apesar de terem histórico de atleta, continuam sendo susceptíveis ao Covid-19. Porém, também foi percebido um certo desleixo de uma minoria de alunos que dificultou a qualidade da reflexão e alcance a toda turma. Estes apresentaram respostas curtas e vazias, como “esporte-entretenimento é bom para divertir”, “esporte é saúde”, entre outras, que representavam muito mais um descaso do que limitações teóricas. A partir desta situação, ressaltamos que o conhecimento sistematizado não paira no ar, daí a importância do estudo da Educação Física na escola. Nesses casos, insistimos em ações reflexivas por meio de questionamentos (individuais inclusive) e 6 Ver Lukács (2010). 7 Ver Saviani (2013).
  • 6. Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021. Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor> 6 sucessivas inserções conceituais superando suas respostas iniciais, que nitidamente exigiam uma maior profundidade. Dentro das discussões durante esse período de aulas remotas tem sido muito abordado com os alunos o formato da aula de Educação Física, visto que no ambiente escolar presencial, nossa vivência se dá de forma coletiva e com o isolamento social isso não é possível, pois exige um distanciamento interpessoal. Por isso, a maior ênfase foi dada nas discussões conceituais acerca dos conteúdos de jogos coletivos, como jogos de invasão, alvos, entre outros8. A via de escape para as propostas de predominância motriz foram as sugestões adaptadas ao ambiente familiar. Não perdemos de vista a especificidade das atividades corporais, mas adequamos as condições objetivas desse momento. Nas aulas presenciais, os professores parecem assumir uma figura de maior referência, sendo que na experiência remota isso foi secundarizado. Mesmo com as famílias cobrando das escolas aulas inovadoras, cumprimento do horário presencial, qualidade e dedicação exclusiva dos professores, percebe-se que esse discurso está ligado apenas a algumas disciplinas curriculares, deixando as demais, dentre elas a Educação Física à margem do currículo. Vemos então um real desleixo das famílias frente aos conteúdos dessa disciplina, reproduzindo um estereótipo histórico de marginalização do campo. Todavia, acreditamos que propostas emancipatórias como a deste relato possam contribuir para a superação do estigma carregada pela Educação Física na escola. Para além dos obstáculos com pequenos grupos e com as famílias, vemos que os alunos com maior acesso às tecnologias e que mantiveram boa frequência (virtual) tiveram um salto qualitativo e uma nova compreensão da paralisação dos eventos esportivos. Podemos dizer, que estes adolescentes tiveram uma tomada de consciência ética (LUKÁCS, 2010). Considerações finais Diante da problemática social, oriunda dos impactos do Coronavírus no esporte de rendimento, os professores de Educação Física viram um potencial de discussão ética, do ponto de vista filosófico. Portanto, os alunos foram colocados diante do dilema, de um lado as competições que são obrigadas a recuar, racionalizando os lucros e por outro preservando a vida dos atletas e do público. Este relato teve a premissa de responder como a Educação Física poderia problematizar, no ambiente escolar, a suspensão dos megaeventos em tempos pandêmicos. Apontamos que uma possibilidade é a problematização sobre as crenças dos alunos em relação aos elementos envolvidos 8 Ver Mitchell, Oslin e Griffin (2003).
  • 7. Leonardo Carlos de Andrade, Regina Queiroz Silva e Eugênio Lopes dos Santos Junior Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021. Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor> 7 nas múltiplas determinações do esporte, objetivando assim o confronto de ideias (sincréticas) e possibilitando mediações em busca de novas sínteses. Ademais, outros conteúdos do Esporte foram socializados com destreza, garantindo um salto qualitativo dos jovens sobre os conceitos. A pouca adesão dos alunos, as dificuldades de manipulação tecnológica e o desleixo familiar obstaculizaram um melhor resultado do processo. Todavia, vemos que a possibilidade de se pautar nos dados sincrônicos da realidade garante a concretude necessária para o ensino dos conteúdos da Cultura Corporal. Para aqueles professores que passam por esses mesmos embates, evidenciamos que este é um caminho seguro, partindo da materialidade (paralisação dos megaeventos), para a abstração (conceitos do esporte), e retomada da materialidade (prática social consciente). Por isso, consideramos esta experiência exitosa, pois a Educação Física, mesmo em meio às tribulações da pandemia, pôde contribuir para a formação humana dos alunos e com a socialização de seus conteúdos específicos, apesar dos vários obstáculos supracitados. Todavia, ressaltamos, uma vez mais, que o ensino remoto tem inúmeras limitações e não é a forma de educação escolar mais adequada. Por fim, diante o cenário de expansão do coronavírus, aparentemente essas aulas remotas tendem a continuar e o professor, assim como o Mito de Sísifo, está fadado a repetir a tarefa de empurrar a pedra até o topo da montanha, por tempo indeterminado. Referências ANDRADE, L. C.; ANDRADE, J. S. D.; LIMA, W. P.; XIMENES, P. Cultura Corporal: o “movimento” dialético entre homem e natureza. Praxia - Revista on-line de Educação Física da UEG, Goiânia, v. 2, p. e2020007, 19 jun. 2020. BALL, S. J. Reformar escolas/reformar professores e os terrores da performatividade. Revista Portuguesa de Educação, Braga, v. 15, n.02, p. 03-23, 2002. LUKÁCS, G. Prolegômenos para uma ontologia do ser social: questões de princípios para uma ontologia hoje tornada possível. São Paulo: Boitempo, 2010. MITCHELL, S.; OSLIN, J.; GRIFFIN, L. Sport fundations for elementary Physical Education: a tactical games approach. Kent. Ohio: Human Kinetics, 2003. MARCHI JUNIOR, W. "Sacando" o voleibol: do amadorismo à espetacularização da modalidade no Brasil (1970-2000). Tese de Doutorado. Faculdade de Educação Física da Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2001. SAVIANI, D. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. Campinas: Autores Associados, 2013.
  • 8. Educação Física escolar em tempos de Covid-19: o ensino do esporte e a paralisação dos megaeventos Olhar de professor, Ponta Grossa, v. 24, p. 1-8, e-15428.024, 2021. Disponível em <https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor> 8 SEVERINO, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. São Paulo: Cortez, 2002. SOARES, C.; TAFFAREL, C. N. Z.; VARJAL, M. E. M. P.; FILHO, L. C.; ESCOBAR, M. O.; BRACHT. W. Metodologia do Ensino de Educação Física. São Paulo: Cortez, 1992. Recebido em: 16 de maio de 2020. Versão corrigida recebida em: 13 de agosto de 2020. Aceito em: 22 de outubro de 2020. Publicado online em: 01 de abril de 2021.