SlideShare uma empresa Scribd logo
Discipulado
na Prática
Ideias para um discipulado mais
profundo, intencional e transformador
Outra definição de discipulado
• Discipulado é uma amizade
com o propósito intencional de
crescer em Cristo
• É amizade, relacionamento,
convivência
• É intencional, tem objetivos
• Crescer em Cristo: visa
transformação gradual
Ore e dependa de Deus em tudo
• Ore para escolher a pessoa que você
irá discipular, pelo relacionamento
de vocês, etc
• Veja o conteúdo das orações de
Paulo: Ef 1:15-18; 3:14-21; Fp 1:9-
11; Cl 1:9-12
• Paulo orava por maturidade,
discernimento, sabedoria e frutos
Concentre-se em poucas pessoas
• De 1 a 3 pessoas está excelente
• O importante não é a quantidade
mas a qualidade
• A quantidade será alcançada pela
multiplicação (o discípulo que
discípula outro e assim por diante)
Importante: seja sempre sigiloso
• Nunca compartilhe com outros o
que foi dito no discipulado e que
for de caráter pessoal
• Sem essa confiança o discipulado
nunca irá decolar
• O discipulado é um ótimo
contexto para praticar Tiago 5:16
Quanto tempo deve durar o
discipulado?
• Sugestão: de 2 a 3 anos (talvez mais)
• Um tempo limitado evita a
dependência e o comodismo (quando o
relacionamento não nos desafia mais a
crescer)
• A pessoa que você discipula precisa
aprender com outros também
• A pessoa não é seu discípulo, é
discípulo de Cristo
Critérios para escolher quem
discipular
• 2 Timóteo 2:2
• Ser ensinável: é aberto ao ensino?
• Ser fiel: cumpre os compromissos?
• Ser disponível: tem tempo?
Como eu aprendo a discipular?
• (1) Praticando
• (2) Lendo – sugestão: “Fazendo Toda
a Diferença” (Benjamin Wong)
• (3) Trocando experiências com
outros discipuladores
Sobre os Encontros
• Encontrem-se de preferência
semanalmente
• Intimidade é algo que se desenvolve
com a convivência
• Busque sempre a profundidade: no
estudo, na oração e no abrir do coração
• Se for para ser superficial, desista; o
discipulado será perda de tempo
O Discipulando Precisa Servir
• Desenvolva no discípulo um coração
de servo e uma paixão por servir a
Deus
• Envolva sempre o discipulando em
algum ministério
• Jesus fez isso o tempo todo com os
doze e Paulo também (com Silas,
Timóteo, Tito etc)
O Discipulando Precisa Servir
• Encontros apenas teóricos não
produzirão maturidade
• É na experiência de servir
que o discipulando aprenderá
humildade, dependência de Deus,
responsabilidade, etc
• Se necessário, capacite-o ou
providencie a capacitação
Não Tente Ser Deus
• Não faça pelo discipulando o que ele
precisa fazer por si mesmo
• Não tente fazer o que só Deus pode
fazer na vida dele
• Não crie dependência, não seja
paternalista
• Ajude-o a assumir a responsabilidade
por sua própria vida (Gl 6:5; 2Co 5:10)
Multiplicação é Fundamental
• Seu trabalho só estará completo
quando o discipulando estiver fazendo
a mesma coisa com pelo menos mais
uma pessoa (multiplicação)
FIM
Outros Comentários,
Perguntas ou Sugestões?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 7 Evangelização: A missão máxima da igreja
Lição 7   Evangelização: A missão máxima da igrejaLição 7   Evangelização: A missão máxima da igreja
Lição 7 Evangelização: A missão máxima da igreja
Wander Sousa
 
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULASCAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
Idpb São Jose I
 
Planejando a igreja local
Planejando a igreja localPlanejando a igreja local
Planejando a igreja local
Gilson Barbosa
 
Evangelismo conteúdo, método e motivação.
Evangelismo   conteúdo, método e motivação.Evangelismo   conteúdo, método e motivação.
Evangelismo conteúdo, método e motivação.
Rodrigo Ribeiro
 
Estudo sobre evangelismo
Estudo sobre evangelismoEstudo sobre evangelismo
Estudo sobre evangelismo
rodrigocristao84
 
BARRETOS: Bases bíblicas para o exercício do discipulado
BARRETOS: Bases bíblicas para o exercício do discipuladoBARRETOS: Bases bíblicas para o exercício do discipulado
BARRETOS: Bases bíblicas para o exercício do discipulado
Joary Jossué Carlesso
 
Melhorando as dinâmicas pr george
Melhorando as dinâmicas pr georgeMelhorando as dinâmicas pr george
Melhorando as dinâmicas pr george
IBR (Instituto Bíblico Restauração)
 
Disciplina de Teologia Pastoral
Disciplina de Teologia PastoralDisciplina de Teologia Pastoral
Disciplina de Teologia Pastoral
faculdadeteologica
 
Missões e evangelismo 03
Missões e evangelismo 03Missões e evangelismo 03
Missões e evangelismo 03
Nivaldo R. Santos
 
A importância do discipulado
A importância do discipuladoA importância do discipulado
A importância do discipulado
Ruy Naziazeno
 
O desenvolvimento natural da igreja
O desenvolvimento natural da igrejaO desenvolvimento natural da igreja
O desenvolvimento natural da igreja
Ivanei Silveira
 
MISSIOLOGIA - IBADEP - LIÇÃO 1
MISSIOLOGIA - IBADEP - LIÇÃO 1MISSIOLOGIA - IBADEP - LIÇÃO 1
MISSIOLOGIA - IBADEP - LIÇÃO 1
Natalino das Neves Neves
 
A igrea e a disciplina
A igrea e a disciplinaA igrea e a disciplina
A igrea e a disciplina
Paulo Roberto
 
TLC lição 3
TLC lição 3TLC lição 3
TLC lição 3
vagner costa
 
O diaconato
O diaconatoO diaconato
O diaconato
Adenísio dos Reis
 
Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de Santidade
IBMemorialJC
 
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos GruposApostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Christian Lepelletier
 
Vida de oração
Vida de oraçãoVida de oração
Vida de oração
Márcio Melânia
 
Apostila missiologia
Apostila missiologiaApostila missiologia
Apostila missiologia
Bernadetecebs .
 
APOSTILA DO OBREIRO NO SERVIR A DEUS
APOSTILA DO OBREIRO NO SERVIR A DEUSAPOSTILA DO OBREIRO NO SERVIR A DEUS
APOSTILA DO OBREIRO NO SERVIR A DEUS
PASTOR CARLOS SILVA
 

Mais procurados (20)

Lição 7 Evangelização: A missão máxima da igreja
Lição 7   Evangelização: A missão máxima da igrejaLição 7   Evangelização: A missão máxima da igreja
Lição 7 Evangelização: A missão máxima da igreja
 
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULASCAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
CAPTANDO A VISÃO DE CÉLULAS
 
Planejando a igreja local
Planejando a igreja localPlanejando a igreja local
Planejando a igreja local
 
Evangelismo conteúdo, método e motivação.
Evangelismo   conteúdo, método e motivação.Evangelismo   conteúdo, método e motivação.
Evangelismo conteúdo, método e motivação.
 
Estudo sobre evangelismo
Estudo sobre evangelismoEstudo sobre evangelismo
Estudo sobre evangelismo
 
BARRETOS: Bases bíblicas para o exercício do discipulado
BARRETOS: Bases bíblicas para o exercício do discipuladoBARRETOS: Bases bíblicas para o exercício do discipulado
BARRETOS: Bases bíblicas para o exercício do discipulado
 
Melhorando as dinâmicas pr george
Melhorando as dinâmicas pr georgeMelhorando as dinâmicas pr george
Melhorando as dinâmicas pr george
 
Disciplina de Teologia Pastoral
Disciplina de Teologia PastoralDisciplina de Teologia Pastoral
Disciplina de Teologia Pastoral
 
Missões e evangelismo 03
Missões e evangelismo 03Missões e evangelismo 03
Missões e evangelismo 03
 
A importância do discipulado
A importância do discipuladoA importância do discipulado
A importância do discipulado
 
O desenvolvimento natural da igreja
O desenvolvimento natural da igrejaO desenvolvimento natural da igreja
O desenvolvimento natural da igreja
 
MISSIOLOGIA - IBADEP - LIÇÃO 1
MISSIOLOGIA - IBADEP - LIÇÃO 1MISSIOLOGIA - IBADEP - LIÇÃO 1
MISSIOLOGIA - IBADEP - LIÇÃO 1
 
A igrea e a disciplina
A igrea e a disciplinaA igrea e a disciplina
A igrea e a disciplina
 
TLC lição 3
TLC lição 3TLC lição 3
TLC lição 3
 
O diaconato
O diaconatoO diaconato
O diaconato
 
Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de Santidade
 
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos GruposApostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
Apostila Treinamento de Líderes de Células - Pequenos Grupos
 
Vida de oração
Vida de oraçãoVida de oração
Vida de oração
 
Apostila missiologia
Apostila missiologiaApostila missiologia
Apostila missiologia
 
APOSTILA DO OBREIRO NO SERVIR A DEUS
APOSTILA DO OBREIRO NO SERVIR A DEUSAPOSTILA DO OBREIRO NO SERVIR A DEUS
APOSTILA DO OBREIRO NO SERVIR A DEUS
 

Semelhante a Discipulado na Prática

Discipulado mentoreamento
Discipulado mentoreamentoDiscipulado mentoreamento
Discipulado mentoreamento
Anderson Menger
 
EBJ - Encontro 21/10/2012
EBJ - Encontro 21/10/2012EBJ - Encontro 21/10/2012
EBJ - Encontro 21/10/2012
EBJ IPBCP
 
EBJ - Encontro 30/09/2012
EBJ - Encontro 30/09/2012EBJ - Encontro 30/09/2012
EBJ - Encontro 30/09/2012
EBJ IPBCP
 
EBJ - Encontro 07/10/2012
EBJ - Encontro 07/10/2012EBJ - Encontro 07/10/2012
EBJ - Encontro 07/10/2012
EBJ IPBCP
 
CURSO_DE_CAPACITACAO_DE_LIDERES_DE_CELUL.pdf
CURSO_DE_CAPACITACAO_DE_LIDERES_DE_CELUL.pdfCURSO_DE_CAPACITACAO_DE_LIDERES_DE_CELUL.pdf
CURSO_DE_CAPACITACAO_DE_LIDERES_DE_CELUL.pdf
Amilton24
 
EBJ - Encontro 04/11/2012
EBJ - Encontro 04/11/2012EBJ - Encontro 04/11/2012
EBJ - Encontro 04/11/2012
EBJ IPBCP
 
Manual. discipulado para adolescentes
Manual. discipulado para adolescentesManual. discipulado para adolescentes
Manual. discipulado para adolescentes
Pastor Paulo Francisco
 
Discipulado Um a Um.pdf
Discipulado Um a Um.pdfDiscipulado Um a Um.pdf
Discipulado Um a Um.pdf
zanwashington
 
Curso de capacitação e atualização para professores da EBD
Curso de capacitação e atualização para professores da EBDCurso de capacitação e atualização para professores da EBD
Curso de capacitação e atualização para professores da EBD
Márcio Melânia
 
EBJ - Encontro 16/09/2012
EBJ - Encontro 16/09/2012EBJ - Encontro 16/09/2012
EBJ - Encontro 16/09/2012
EBJ IPBCP
 
Aplicação prática do ensino bíblico na vida do educador
Aplicação prática do ensino bíblico na vida do educadorAplicação prática do ensino bíblico na vida do educador
Aplicação prática do ensino bíblico na vida do educador
Natalino das Neves Neves
 
CLASSE DE PROFESSORES: COMPARTILHANDO IDÉIAS CRIATIVAS
CLASSE DE PROFESSORES: COMPARTILHANDO IDÉIAS CRIATIVASCLASSE DE PROFESSORES: COMPARTILHANDO IDÉIAS CRIATIVAS
CLASSE DE PROFESSORES: COMPARTILHANDO IDÉIAS CRIATIVAS
Amor pela EBD
 
A igreja e sua missão
A igreja e sua missãoA igreja e sua missão
A igreja e sua missão
Gesner Menezes
 
Plano de ensino eficiente periodo da tarde
Plano de ensino eficiente   periodo da tardePlano de ensino eficiente   periodo da tarde
Plano de ensino eficiente periodo da tarde
ebdrenovada
 
Aula 5 perfil e atributos do pregador cristão
Aula 5   perfil e atributos do pregador cristãoAula 5   perfil e atributos do pregador cristão
Aula 5 perfil e atributos do pregador cristão
Carla Geanfrancisco Falasca
 
Igreja em células
Igreja em células Igreja em células
Igreja em células
Júlio Budin
 
O discipulado-e-o-crescimento-da-igreja
O discipulado-e-o-crescimento-da-igrejaO discipulado-e-o-crescimento-da-igreja
O discipulado-e-o-crescimento-da-igreja
FamiliaBeatriz Gabriela
 
Jovens despenseiros e líderes mentores
Jovens despenseiros e líderes mentoresJovens despenseiros e líderes mentores
Jovens despenseiros e líderes mentores
Natalino das Neves Neves
 
EBJ - Encontro 09/09/2012
EBJ - Encontro 09/09/2012EBJ - Encontro 09/09/2012
EBJ - Encontro 09/09/2012
EBJ IPBCP
 
Estudo bíblico quando jesus diz fazei discípulos
Estudo bíblico   quando jesus diz  fazei discípulosEstudo bíblico   quando jesus diz  fazei discípulos
Estudo bíblico quando jesus diz fazei discípulos
norbertopm1
 

Semelhante a Discipulado na Prática (20)

Discipulado mentoreamento
Discipulado mentoreamentoDiscipulado mentoreamento
Discipulado mentoreamento
 
EBJ - Encontro 21/10/2012
EBJ - Encontro 21/10/2012EBJ - Encontro 21/10/2012
EBJ - Encontro 21/10/2012
 
EBJ - Encontro 30/09/2012
EBJ - Encontro 30/09/2012EBJ - Encontro 30/09/2012
EBJ - Encontro 30/09/2012
 
EBJ - Encontro 07/10/2012
EBJ - Encontro 07/10/2012EBJ - Encontro 07/10/2012
EBJ - Encontro 07/10/2012
 
CURSO_DE_CAPACITACAO_DE_LIDERES_DE_CELUL.pdf
CURSO_DE_CAPACITACAO_DE_LIDERES_DE_CELUL.pdfCURSO_DE_CAPACITACAO_DE_LIDERES_DE_CELUL.pdf
CURSO_DE_CAPACITACAO_DE_LIDERES_DE_CELUL.pdf
 
EBJ - Encontro 04/11/2012
EBJ - Encontro 04/11/2012EBJ - Encontro 04/11/2012
EBJ - Encontro 04/11/2012
 
Manual. discipulado para adolescentes
Manual. discipulado para adolescentesManual. discipulado para adolescentes
Manual. discipulado para adolescentes
 
Discipulado Um a Um.pdf
Discipulado Um a Um.pdfDiscipulado Um a Um.pdf
Discipulado Um a Um.pdf
 
Curso de capacitação e atualização para professores da EBD
Curso de capacitação e atualização para professores da EBDCurso de capacitação e atualização para professores da EBD
Curso de capacitação e atualização para professores da EBD
 
EBJ - Encontro 16/09/2012
EBJ - Encontro 16/09/2012EBJ - Encontro 16/09/2012
EBJ - Encontro 16/09/2012
 
Aplicação prática do ensino bíblico na vida do educador
Aplicação prática do ensino bíblico na vida do educadorAplicação prática do ensino bíblico na vida do educador
Aplicação prática do ensino bíblico na vida do educador
 
CLASSE DE PROFESSORES: COMPARTILHANDO IDÉIAS CRIATIVAS
CLASSE DE PROFESSORES: COMPARTILHANDO IDÉIAS CRIATIVASCLASSE DE PROFESSORES: COMPARTILHANDO IDÉIAS CRIATIVAS
CLASSE DE PROFESSORES: COMPARTILHANDO IDÉIAS CRIATIVAS
 
A igreja e sua missão
A igreja e sua missãoA igreja e sua missão
A igreja e sua missão
 
Plano de ensino eficiente periodo da tarde
Plano de ensino eficiente   periodo da tardePlano de ensino eficiente   periodo da tarde
Plano de ensino eficiente periodo da tarde
 
Aula 5 perfil e atributos do pregador cristão
Aula 5   perfil e atributos do pregador cristãoAula 5   perfil e atributos do pregador cristão
Aula 5 perfil e atributos do pregador cristão
 
Igreja em células
Igreja em células Igreja em células
Igreja em células
 
O discipulado-e-o-crescimento-da-igreja
O discipulado-e-o-crescimento-da-igrejaO discipulado-e-o-crescimento-da-igreja
O discipulado-e-o-crescimento-da-igreja
 
Jovens despenseiros e líderes mentores
Jovens despenseiros e líderes mentoresJovens despenseiros e líderes mentores
Jovens despenseiros e líderes mentores
 
EBJ - Encontro 09/09/2012
EBJ - Encontro 09/09/2012EBJ - Encontro 09/09/2012
EBJ - Encontro 09/09/2012
 
Estudo bíblico quando jesus diz fazei discípulos
Estudo bíblico   quando jesus diz  fazei discípulosEstudo bíblico   quando jesus diz  fazei discípulos
Estudo bíblico quando jesus diz fazei discípulos
 

Último

O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo DiaFesta das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
André Luiz Marques
 
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
Oziete SS
 
a futura religião da nova ordem mundial.
a  futura religião da nova ordem mundial.a  futura religião da nova ordem mundial.
a futura religião da nova ordem mundial.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
GABRIELADIASDUTRA1
 
Salmo 91
Salmo 91Salmo 91
Salmo 91
Nilson Almeida
 
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicosSEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdfA Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
REFORMADOR PROTESTANTE
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Elton Zanoni
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdfJesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
REFORMADOR PROTESTANTE
 
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdfA Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
claudiovieira83
 
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdfEstudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
JaquelineSantosBasto
 

Último (14)

O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
 
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo DiaFesta das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
Festa das Primícias - Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
 
a futura religião da nova ordem mundial.
a  futura religião da nova ordem mundial.a  futura religião da nova ordem mundial.
a futura religião da nova ordem mundial.
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
 
Salmo 91
Salmo 91Salmo 91
Salmo 91
 
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicosSEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
SEGREDOS DO APOCALIPSE - o apocalipse através de olhos hebraicos
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdfA Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
A Verdade Sôbre As Profecias Do Apocalipse.pdf
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdfJesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
Jesuítas Os Terroristas Secretos. Livro pdf pdf
 
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdfA Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
A Abóbada Celeste No Rito Adonhiramita.pdf
 
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdfEstudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
Estudo Biblico deuteronomio PowerPoint.pdf
 

Discipulado na Prática

  • 1. Discipulado na Prática Ideias para um discipulado mais profundo, intencional e transformador
  • 2. Outra definição de discipulado • Discipulado é uma amizade com o propósito intencional de crescer em Cristo • É amizade, relacionamento, convivência • É intencional, tem objetivos • Crescer em Cristo: visa transformação gradual
  • 3. Ore e dependa de Deus em tudo • Ore para escolher a pessoa que você irá discipular, pelo relacionamento de vocês, etc • Veja o conteúdo das orações de Paulo: Ef 1:15-18; 3:14-21; Fp 1:9- 11; Cl 1:9-12 • Paulo orava por maturidade, discernimento, sabedoria e frutos
  • 4. Concentre-se em poucas pessoas • De 1 a 3 pessoas está excelente • O importante não é a quantidade mas a qualidade • A quantidade será alcançada pela multiplicação (o discípulo que discípula outro e assim por diante)
  • 5. Importante: seja sempre sigiloso • Nunca compartilhe com outros o que foi dito no discipulado e que for de caráter pessoal • Sem essa confiança o discipulado nunca irá decolar • O discipulado é um ótimo contexto para praticar Tiago 5:16
  • 6. Quanto tempo deve durar o discipulado? • Sugestão: de 2 a 3 anos (talvez mais) • Um tempo limitado evita a dependência e o comodismo (quando o relacionamento não nos desafia mais a crescer) • A pessoa que você discipula precisa aprender com outros também • A pessoa não é seu discípulo, é discípulo de Cristo
  • 7. Critérios para escolher quem discipular • 2 Timóteo 2:2 • Ser ensinável: é aberto ao ensino? • Ser fiel: cumpre os compromissos? • Ser disponível: tem tempo?
  • 8. Como eu aprendo a discipular? • (1) Praticando • (2) Lendo – sugestão: “Fazendo Toda a Diferença” (Benjamin Wong) • (3) Trocando experiências com outros discipuladores
  • 9. Sobre os Encontros • Encontrem-se de preferência semanalmente • Intimidade é algo que se desenvolve com a convivência • Busque sempre a profundidade: no estudo, na oração e no abrir do coração • Se for para ser superficial, desista; o discipulado será perda de tempo
  • 10. O Discipulando Precisa Servir • Desenvolva no discípulo um coração de servo e uma paixão por servir a Deus • Envolva sempre o discipulando em algum ministério • Jesus fez isso o tempo todo com os doze e Paulo também (com Silas, Timóteo, Tito etc)
  • 11. O Discipulando Precisa Servir • Encontros apenas teóricos não produzirão maturidade • É na experiência de servir que o discipulando aprenderá humildade, dependência de Deus, responsabilidade, etc • Se necessário, capacite-o ou providencie a capacitação
  • 12. Não Tente Ser Deus • Não faça pelo discipulando o que ele precisa fazer por si mesmo • Não tente fazer o que só Deus pode fazer na vida dele • Não crie dependência, não seja paternalista • Ajude-o a assumir a responsabilidade por sua própria vida (Gl 6:5; 2Co 5:10)
  • 13. Multiplicação é Fundamental • Seu trabalho só estará completo quando o discipulando estiver fazendo a mesma coisa com pelo menos mais uma pessoa (multiplicação)