SlideShare uma empresa Scribd logo
Controle Hormonal
Biologia – Colégio Estadual Luiz Viana Filho
O que são hormônios?
Hormônios são substâncias químicas
produzidas por glândulas do sistema
endócrino ou por neurônios
especializados. São de extrema importância
para o controle do funcionamento do corpo
humano. Vários hormônios são produzidos
em nosso corpo, sendo que cada um possui
um efeito específico.
Sistema Nervoso
O sistema nervoso tem uma
função muito importante na
reprodução humana.
Sua regulação é feita através
de hormonas segregadas nas
gônadas na hipófise e no
hipotálamo.
Hipotálamo
A hipófise e o hipotálamo são órgãos
situados na base do encéfalo, na sela
turca.
Estes órgãos estão relacionados entre si,
pois o hipotálamo produz hormonas que
estimulam a hipófise.
Controle Hormonal
Androgênios Estrogênios Progestinas
As hormonas segregadas pelas
gônadas podem ser agrupadas em
três grandes grupos:
Embora em diferentes quantidades,
todos apresentamos os três tipos de
hormonas.
Hormônios Masculino
As hormonas esteroides mais
importantes são a: Testosterona, o
Estradiol e a Progesterona.
As hormonas sexuais masculinas são
designadas de androgênios,
testosterona, fabricadas nos testículos.
Testosterona
A Testosterona é responsável pelo
aparecimento dos órgãos sexuais no
homem e já é produzida por este mesmo
durante o desenvolvimento embrionário.
Por volta dos 11 anos, a secreção desta
hormona torna-se regular e aumenta
durante a puberdade, estimulando a
espermatogênese.
Controle Hormonal
Em quanto que no homem a
espermatogênese ocorre de forma
contínua, a partir da puberdade, na
mulher a produção de gametas
ocorre em ciclos de 28 em 28 dias.
Ciclo Ovário
O Ciclo Ovário ocorre em duas fases
separadas pela ovulação – a fase
folicular e a fase luteínica.
Na folicular, ocorre o crescimento de
alguns folículos primordiais
terminando a ovulação. A luteínica é
caracterizada pela formação do
corpo lúteo.
Ciclo Uterino
Paralelamente a este ciclo ocorre um
outro denominado Ciclo Uterino, no
qual se observam mudanças de
espessura no endométrio da mulher.
Estas alterações ocorrem em ciclos de
28 dias subdivididos 3m 3 fases: fase
menstrual, fase proliferativa e fase
secretora.
Na mulher, a regulação hormonal
é bastante mais complexa. Tal
como no homem, esta regulação
é feita à custa de mecanismo de
feedback negativo e positivo.
As hormonas envolvidas são a: RH,
GnRH, a LH e a FSH.
Os principais hormônios femininos são:
o estrogênio e a progesterona.
Eles são fabricados nos ovários, entram em
atividade na puberdade e sofrem variações
constantes durante o dia a dia da mulher.
Funções dos hormônios femininos
Os hormônios femininos são responsáveis
pelas características físicas da mulher:
• Forma dos quadris
• Desenvolvimento dos seios
• Ovulação
• Alterações de humor
Um problema hormonal muito comum
entre as mulheres é a TPM, a tensão pré-
menstrual, que causa um grande
desconforto físico e emocional.
Obrigado!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fotossintese
FotossinteseFotossintese
Fotossintese
emanuel
 
Aula gametogênese
Aula gametogêneseAula gametogênese
Aula gametogênese
César Milani
 
Fecundação, desenvolvimento embrionário e parto
Fecundação, desenvolvimento embrionário e partoFecundação, desenvolvimento embrionário e parto
Fecundação, desenvolvimento embrionário e parto
Catir
 
fecundação, gravidez e início da vida
fecundação, gravidez e início da vida fecundação, gravidez e início da vida
fecundação, gravidez e início da vida
Isabel Lopes
 
Mutações
Mutações Mutações
Mutações
Isabel Lopes
 
Ciclo menstrual
Ciclo menstrualCiclo menstrual
Ciclo menstrual
Gladyanny Veras
 
Heredogramas genetica
Heredogramas genetica Heredogramas genetica
Heredogramas genetica
Raissa Araujo
 
Aula biologia celular
Aula   biologia celularAula   biologia celular
Aula biologia celular
santhdalcin
 
Sistema Genital Masculino
Sistema Genital MasculinoSistema Genital Masculino
Sistema Genital Masculino
Marcia Regina
 
Sistema ABO
Sistema ABOSistema ABO
Sistema ABO
Safia Naser
 
Aula sobre células
Aula sobre célulasAula sobre células
Aula sobre células
cienciasdinamica
 
Probabilidade genética
Probabilidade genética Probabilidade genética
(5) 2008-2009 - 9º ano - noções básicas de hereditariedade
(5)   2008-2009 - 9º ano - noções básicas de hereditariedade(5)   2008-2009 - 9º ano - noções básicas de hereditariedade
(5) 2008-2009 - 9º ano - noções básicas de hereditariedade
Hugo Martins
 
Introducao metabolismo
Introducao metabolismoIntroducao metabolismo
Introducao metabolismo
Acqua Blue Fitnnes
 
Reprodução Assexuada
Reprodução AssexuadaReprodução Assexuada
Reprodução Assexuada
Catir
 
Citologia e membrana celular
Citologia e membrana celularCitologia e membrana celular
Citologia e membrana celular
César Milani
 
Gametogênese
GametogêneseGametogênese
Gametogênese
naiellyrodrigues
 
Metodos contraceptivos spe
Metodos contraceptivos speMetodos contraceptivos spe
Metodos contraceptivos spe
Alinebrauna Brauna
 
Sistema Digestivo
Sistema DigestivoSistema Digestivo
Sistema Digestivo
Gabriela Bruno
 
Leis de mendel
Leis de mendelLeis de mendel
Leis de mendel
Marcionedes De Souza
 

Mais procurados (20)

Fotossintese
FotossinteseFotossintese
Fotossintese
 
Aula gametogênese
Aula gametogêneseAula gametogênese
Aula gametogênese
 
Fecundação, desenvolvimento embrionário e parto
Fecundação, desenvolvimento embrionário e partoFecundação, desenvolvimento embrionário e parto
Fecundação, desenvolvimento embrionário e parto
 
fecundação, gravidez e início da vida
fecundação, gravidez e início da vida fecundação, gravidez e início da vida
fecundação, gravidez e início da vida
 
Mutações
Mutações Mutações
Mutações
 
Ciclo menstrual
Ciclo menstrualCiclo menstrual
Ciclo menstrual
 
Heredogramas genetica
Heredogramas genetica Heredogramas genetica
Heredogramas genetica
 
Aula biologia celular
Aula   biologia celularAula   biologia celular
Aula biologia celular
 
Sistema Genital Masculino
Sistema Genital MasculinoSistema Genital Masculino
Sistema Genital Masculino
 
Sistema ABO
Sistema ABOSistema ABO
Sistema ABO
 
Aula sobre células
Aula sobre célulasAula sobre células
Aula sobre células
 
Probabilidade genética
Probabilidade genética Probabilidade genética
Probabilidade genética
 
(5) 2008-2009 - 9º ano - noções básicas de hereditariedade
(5)   2008-2009 - 9º ano - noções básicas de hereditariedade(5)   2008-2009 - 9º ano - noções básicas de hereditariedade
(5) 2008-2009 - 9º ano - noções básicas de hereditariedade
 
Introducao metabolismo
Introducao metabolismoIntroducao metabolismo
Introducao metabolismo
 
Reprodução Assexuada
Reprodução AssexuadaReprodução Assexuada
Reprodução Assexuada
 
Citologia e membrana celular
Citologia e membrana celularCitologia e membrana celular
Citologia e membrana celular
 
Gametogênese
GametogêneseGametogênese
Gametogênese
 
Metodos contraceptivos spe
Metodos contraceptivos speMetodos contraceptivos spe
Metodos contraceptivos spe
 
Sistema Digestivo
Sistema DigestivoSistema Digestivo
Sistema Digestivo
 
Leis de mendel
Leis de mendelLeis de mendel
Leis de mendel
 

Semelhante a Controle Hormonal

Apres. hormonios e glandulas resumo
Apres. hormonios e glandulas resumoApres. hormonios e glandulas resumo
Apres. hormonios e glandulas resumo
larissaGuima
 
Fisiologia_Endócrina_-_Aspectos_Introdutórios.pdf
Fisiologia_Endócrina_-_Aspectos_Introdutórios.pdfFisiologia_Endócrina_-_Aspectos_Introdutórios.pdf
Fisiologia_Endócrina_-_Aspectos_Introdutórios.pdf
KarineOliveira283326
 
Hipófise
HipófiseHipófise
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
SaraCastelo7
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
Douglas Barreto
 
Unidade eb9 – mecanismos de integração e regulação
Unidade eb9 – mecanismos de integração e regulaçãoUnidade eb9 – mecanismos de integração e regulação
Unidade eb9 – mecanismos de integração e regulação
CAtriane Sousa
 
Sistema Endocrino
Sistema EndocrinoSistema Endocrino
Sistema Endocrino
Digux
 
Estatura deficiente em criança infantil juvenil e conexão gh e hormônios tire...
Estatura deficiente em criança infantil juvenil e conexão gh e hormônios tire...Estatura deficiente em criança infantil juvenil e conexão gh e hormônios tire...
Estatura deficiente em criança infantil juvenil e conexão gh e hormônios tire...
Van Der Häägen Brazil
 
Hormônios trabalho de biologia
Hormônios   trabalho de biologiaHormônios   trabalho de biologia
Hormônios trabalho de biologia
Ingrid Curcino
 
Aula sobre sistema endócrino
Aula sobre sistema endócrinoAula sobre sistema endócrino
Aula sobre sistema endócrino
Evelyn Fernandes
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
Universidade de Brasília
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
João Destiny
 
Sistema hormonal
Sistema hormonalSistema hormonal
Sistema hormonal
Ingrid Bispo
 
Hormônios Gonadotróficos
Hormônios Gonadotróficos Hormônios Gonadotróficos
Hormônios Gonadotróficos
David Alcantara
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
Simone Regina Grando
 
SemináRio[1]..
SemináRio[1]..SemináRio[1]..
SemináRio[1]..
socorrocanoa
 
Sistema Endócrino II.pptx
Sistema Endócrino II.pptxSistema Endócrino II.pptx
Sistema Endócrino II.pptx
Luigi Hidd
 
Aula 06 fisiologia do sistema endócrino - atualizado
Aula 06   fisiologia do sistema endócrino - atualizadoAula 06   fisiologia do sistema endócrino - atualizado
Aula 06 fisiologia do sistema endócrino - atualizado
Hamilton Nobrega
 
Sistema endocrino 8ano
Sistema endocrino 8anoSistema endocrino 8ano
Sistema endocrino 8ano
ANA LUCIA FARIAS
 
Sistema endocrino-primeiro
Sistema endocrino-primeiroSistema endocrino-primeiro
Sistema endocrino-primeiro
Natasha Muzyka
 

Semelhante a Controle Hormonal (20)

Apres. hormonios e glandulas resumo
Apres. hormonios e glandulas resumoApres. hormonios e glandulas resumo
Apres. hormonios e glandulas resumo
 
Fisiologia_Endócrina_-_Aspectos_Introdutórios.pdf
Fisiologia_Endócrina_-_Aspectos_Introdutórios.pdfFisiologia_Endócrina_-_Aspectos_Introdutórios.pdf
Fisiologia_Endócrina_-_Aspectos_Introdutórios.pdf
 
Hipófise
HipófiseHipófise
Hipófise
 
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
 
Unidade eb9 – mecanismos de integração e regulação
Unidade eb9 – mecanismos de integração e regulaçãoUnidade eb9 – mecanismos de integração e regulação
Unidade eb9 – mecanismos de integração e regulação
 
Sistema Endocrino
Sistema EndocrinoSistema Endocrino
Sistema Endocrino
 
Estatura deficiente em criança infantil juvenil e conexão gh e hormônios tire...
Estatura deficiente em criança infantil juvenil e conexão gh e hormônios tire...Estatura deficiente em criança infantil juvenil e conexão gh e hormônios tire...
Estatura deficiente em criança infantil juvenil e conexão gh e hormônios tire...
 
Hormônios trabalho de biologia
Hormônios   trabalho de biologiaHormônios   trabalho de biologia
Hormônios trabalho de biologia
 
Aula sobre sistema endócrino
Aula sobre sistema endócrinoAula sobre sistema endócrino
Aula sobre sistema endócrino
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
 
Sistema hormonal
Sistema hormonalSistema hormonal
Sistema hormonal
 
Hormônios Gonadotróficos
Hormônios Gonadotróficos Hormônios Gonadotróficos
Hormônios Gonadotróficos
 
Sistema endócrino
Sistema endócrinoSistema endócrino
Sistema endócrino
 
SemináRio[1]..
SemináRio[1]..SemináRio[1]..
SemináRio[1]..
 
Sistema Endócrino II.pptx
Sistema Endócrino II.pptxSistema Endócrino II.pptx
Sistema Endócrino II.pptx
 
Aula 06 fisiologia do sistema endócrino - atualizado
Aula 06   fisiologia do sistema endócrino - atualizadoAula 06   fisiologia do sistema endócrino - atualizado
Aula 06 fisiologia do sistema endócrino - atualizado
 
Sistema endocrino 8ano
Sistema endocrino 8anoSistema endocrino 8ano
Sistema endocrino 8ano
 
Sistema endocrino-primeiro
Sistema endocrino-primeiroSistema endocrino-primeiro
Sistema endocrino-primeiro
 

Último

Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 

Último (20)

Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 

Controle Hormonal

  • 1. Controle Hormonal Biologia – Colégio Estadual Luiz Viana Filho
  • 2. O que são hormônios? Hormônios são substâncias químicas produzidas por glândulas do sistema endócrino ou por neurônios especializados. São de extrema importância para o controle do funcionamento do corpo humano. Vários hormônios são produzidos em nosso corpo, sendo que cada um possui um efeito específico.
  • 3. Sistema Nervoso O sistema nervoso tem uma função muito importante na reprodução humana. Sua regulação é feita através de hormonas segregadas nas gônadas na hipófise e no hipotálamo.
  • 4. Hipotálamo A hipófise e o hipotálamo são órgãos situados na base do encéfalo, na sela turca. Estes órgãos estão relacionados entre si, pois o hipotálamo produz hormonas que estimulam a hipófise.
  • 5. Controle Hormonal Androgênios Estrogênios Progestinas As hormonas segregadas pelas gônadas podem ser agrupadas em três grandes grupos: Embora em diferentes quantidades, todos apresentamos os três tipos de hormonas.
  • 6. Hormônios Masculino As hormonas esteroides mais importantes são a: Testosterona, o Estradiol e a Progesterona. As hormonas sexuais masculinas são designadas de androgênios, testosterona, fabricadas nos testículos.
  • 7. Testosterona A Testosterona é responsável pelo aparecimento dos órgãos sexuais no homem e já é produzida por este mesmo durante o desenvolvimento embrionário. Por volta dos 11 anos, a secreção desta hormona torna-se regular e aumenta durante a puberdade, estimulando a espermatogênese.
  • 8. Controle Hormonal Em quanto que no homem a espermatogênese ocorre de forma contínua, a partir da puberdade, na mulher a produção de gametas ocorre em ciclos de 28 em 28 dias.
  • 9. Ciclo Ovário O Ciclo Ovário ocorre em duas fases separadas pela ovulação – a fase folicular e a fase luteínica. Na folicular, ocorre o crescimento de alguns folículos primordiais terminando a ovulação. A luteínica é caracterizada pela formação do corpo lúteo.
  • 10. Ciclo Uterino Paralelamente a este ciclo ocorre um outro denominado Ciclo Uterino, no qual se observam mudanças de espessura no endométrio da mulher. Estas alterações ocorrem em ciclos de 28 dias subdivididos 3m 3 fases: fase menstrual, fase proliferativa e fase secretora.
  • 11. Na mulher, a regulação hormonal é bastante mais complexa. Tal como no homem, esta regulação é feita à custa de mecanismo de feedback negativo e positivo. As hormonas envolvidas são a: RH, GnRH, a LH e a FSH.
  • 12. Os principais hormônios femininos são: o estrogênio e a progesterona. Eles são fabricados nos ovários, entram em atividade na puberdade e sofrem variações constantes durante o dia a dia da mulher.
  • 13. Funções dos hormônios femininos Os hormônios femininos são responsáveis pelas características físicas da mulher: • Forma dos quadris • Desenvolvimento dos seios • Ovulação • Alterações de humor Um problema hormonal muito comum entre as mulheres é a TPM, a tensão pré- menstrual, que causa um grande desconforto físico e emocional.