SlideShare uma empresa Scribd logo
POROSIDADE CORPOREIDADE PERENIDADE
PLASTICIDADE TANGIBILIDADE MUTABILIDADE
DENSIDADE SENSIBILIDADE
GLOBAL
CAPACIDADE
PONDERABILIDADE SENSIB. MAGNÉTICA REFLETORA
LUMINOSIDADE EXPANSIBILIDADE ODOR
PENETRABILIDADE BICORPOREIDADE TEMPERATURA
VISIBILIDADE UNICIDADE
POROSIDADE CORPOREIDADE PERENIDADE
PLASTICIDADE TANGIBILIDADE MUTABILIDADE
DENSIDADE SENSIBILIDADE
GLOBAL
CAPACIDADE
PONDERABILIDADE SENSIB. MAGNÉTICA REFLETORA
LUMINOSIDADE EXPANSIBILIDADE ODOR
PENETRABILIDADE BICORPOREIDADE TEMPERATURA
VISIBILIDADE UNICIDADE
André Luiz, nos esclarece que o
perispírito possui propriedades naturais
que são compostas por células sutis
vibrando em outra faixa vibratória, ou
seja, vibrando na faixa que a mente
condiciona.
Evolução em dois mundos
O Perispirito dos encarnados é de
natureza idêntica à dos fluidos
espirituais, e por isso os assimila
com facilidade, como a esponja.
Assim como o corpo pode ingerir
alimentos venenosos, que lhe
intoxicam os tecidos, também o
perispirito absorve elementos que
lhe degradam, com reflexos sobre
as células materiais.
Os Espaços intermoleculares
permitem sua redução volumétrica
(vital no processo de
reencarnação),mas também a
tomada de formas e aspectos
diversos, transitórios ou não.
(Mudança de forma e aspecto)
O perispírito se molda conforme o
comando da mente, contudo a
alteração da forma perispiritual é
limitada de acordo com o grau
evolutivo da criatura.
Pela primeira vez, André irradiava luz de todas
as células do seu corpo espiritual. Assim,
retomaram a marcha vestidos de luz.
Em meio às sombras e o vento, vultos escuros fugiam
apressados confundindo-se com as trevas e Aniceto pediu
para que os efeitos luminosos fossem interrompidos. Não
era justo humilhar os que sofrem com a exibição desses
poderes
O Perispírito, agente da alma não
deixa de ser matéria, ainda que de
natureza quintessenciada. Como
tal apresenta uma certa densidade
que se relaciona com o grau de
evolução.
relação entre a massa, o peso e a
espessura
Quanto menor a densidade do
perispírito, menor seu peso e
maior sua luminosidade
Formação de matéria sutil, quintessenciada não
poderia ter um peso, porém na dimensão espiritual,
cada organização perispirítica tem seu peso
especifico, ditada pelo seu estado de moralidade.
Varia com a sua densidade
André Luiz : “Nossa posição mental determina o
peso específico do nosso envoltório espiritual e,
consequentemente, o habitat que lhe compete”
A intensidade da luz está na razão da pureza do
Espírito. A luz irradiada por um Espírito é muito
diferente da luz emitida no plano físico.
Varia com a sua densidade
Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa
O perispírito pode penetrar
qualquer ambiente físico, pois a
sua natureza está em uma faixa
vibratória diferente ao do plano
carnal, no entanto, a penetração
do Espírito depende da condição
mental da criatura.
Gabriel Delanne:
“A matéria pode atravessar a
Frequência vibratória da matéria
Sexo e Destino
O perispírito é invisível aos olhos físicos, mas
não aos olhos do Espírito. Os médiuns videntes
só podem ver aqueles perispíritos que estão
atuando em sua faixa vibratória.
O corpo perispiritual é o resultado de uma
aglutinação de recursos naturais terrestres que
surge como uma estrutura, quase material.
Ele é o corpo sutil do Espírito e serve de
instrumento para moldar o corpo físico,
regendo com seus impulsos o
desenvolvimento embrionário e fetal e
imprimindo às celulas e tecidos em formação
as suas características.
O perispírito pode se tornar
tangível, recolhendo do ambiente e
da natureza recursos que lhe sejam
necessários para ser visto e
tocado.
Esta propriedade permite ao perispírito, com o
suporte ectoplasmático que lhe da expressão física,
tornar-se materialmente tangível, no todo ou em
parte. fenômenos de materialização
O perispírito pode expandir-se conforme suas
condições, ampliando o seu campo de sensibilidade
e percepção eventual, possibilitando ao Espírito,
sem prejuízo do comando de seu corpo físico,
viver a realidade do mundo espiritual. Podendo o
médium registrar a presenca e o pensamento do
comunicante.
O
perispírito
do
médium
se
expande
O
perispírito
do Espírito
comunicante
também se
expande
Uma atmosfera fluidico-
perispíritual comum é formada
“O perispírito é suscetível de
mudança com relação a sua
estrutura e forma. Quanto mais
evoluída for a criatura, mais
delicada a sua forma. Quanto
mais primitivo é o Espírito, mais
grosseira é a forma do períspirito.
Allan Kardec- A Gênese
Percepção que o Espírito realiza com
todo o seu ser.
O Espírito vê, ouve, sente com o corpo
espiritual inteiro
Por ser o perispírito de natureza semimaterial è
sensível à ação magnética.
Torna o Espírito suscetível às influências da
energia ambiental que o envolve.
Pode absorver, assimilar e transmitir a energia
espiritual que capta.
O Processo do passe
A bicorporiedade é um fenômeno visual de
tangibilidade e visibilidade do perispírito
desperto do corpo físico, mas a ele ligado,
podendo ocorrer em desdobramento,
acordado ou em estado de transe
mediúnico.
Como o corpo pode viver na ausencia do
espirito?
O Corpo se mantem pela vida organica
como as plantas que estao vivas e nao
tem um espirito.
O Fenomeno Eurípedes Barsanulfo
Cada pessoa traz no
perispírito a soma das suas
conquistas evolutivas.
Não há dois perispíritos
iguais.
A alma sempre conserva
sua individualidade
“O corpo fluídico é anterior à
vida atual, inacessível à
destruição pela morte, é o
admirável instrumento que
para si mesma a alma
constrói e que aperfeiçoa
através dos tempos; é o
resultado de seu longo
passado”
No Invisível- LD
Dois tipos de efeitos:
1-Gera na aura a sua imagem
formas-pensamento
2-Na dimensão física
influi na fisiologia dos centros
vitais repercurtindo no edifício
celular, marcando-lhe o
desempenho regular
Caracteriza-se por odor
particular, perceptível pelos
Espíritos
(pode ser captado pelos
médiuns)
O perispírito de um médium
pode registrar sensações
térmicas dependendo do grau
de evolução dos
desencarnados, que podem
ser frio ou calor.
Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa
BOA SEMANA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1
Denise Aguiar
 
Fluido Cósmico Universal
Fluido Cósmico UniversalFluido Cósmico Universal
Fluido Cósmico Universal
Marcos Bueno Sander
 
Estados de emancipação da alma-1,5hs
Estados de emancipação da alma-1,5hsEstados de emancipação da alma-1,5hs
Estados de emancipação da alma-1,5hs
home
 
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou UniversalAula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
carlos freire
 
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
Jorge Luiz dos Santos
 
Slide perispírito
Slide  perispíritoSlide  perispírito
Slide perispírito
bonattinho
 
Obsessao 1
Obsessao 1Obsessao 1
Obsessao 1
Graça Maciel
 
Fluido vital
Fluido vital Fluido vital
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Denise Aguiar
 
Fluido Cósmico ou Universal
Fluido Cósmico ou UniversalFluido Cósmico ou Universal
Fluido Cósmico ou Universal
Rivaldo Guedes Corrêa. Jr
 
Espirito perispírito-corpo
Espirito perispírito-corpoEspirito perispírito-corpo
Espirito perispírito-corpo
Ailton Guimaraes
 
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Núcleo de Promoção Humana Vinha de Luz
 
Emancipação Parcial da Alma 2
Emancipação Parcial da Alma 2Emancipação Parcial da Alma 2
Emancipação Parcial da Alma 2
Graça Maciel
 
Concentração Aura e Irradiação
Concentração Aura e IrradiaçãoConcentração Aura e Irradiação
Concentração Aura e Irradiação
Graça Maciel
 
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptxRetorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Rosimeire Alves
 
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDASINFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
Rodrigo Leite
 
Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.
Núcleo de Promoção Humana Vinha de Luz
 
Desencarnação
DesencarnaçãoDesencarnação
Desencarnação
Izabel Cristina Fonseca
 
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSALFLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
Denise Aguiar
 
Elementos Gerais do Universo
Elementos Gerais do UniversoElementos Gerais do Universo
Elementos Gerais do Universo
hamletcrs
 

Mais procurados (20)

Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1
 
Fluido Cósmico Universal
Fluido Cósmico UniversalFluido Cósmico Universal
Fluido Cósmico Universal
 
Estados de emancipação da alma-1,5hs
Estados de emancipação da alma-1,5hsEstados de emancipação da alma-1,5hs
Estados de emancipação da alma-1,5hs
 
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou UniversalAula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
Aula 03 FCU - Fluído Cósmico ou Universal
 
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
 
Slide perispírito
Slide  perispíritoSlide  perispírito
Slide perispírito
 
Obsessao 1
Obsessao 1Obsessao 1
Obsessao 1
 
Fluido vital
Fluido vital Fluido vital
Fluido vital
 
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
Ensaio teórico das sensações e percepções dos Espíritos.
 
Fluido Cósmico ou Universal
Fluido Cósmico ou UniversalFluido Cósmico ou Universal
Fluido Cósmico ou Universal
 
Espirito perispírito-corpo
Espirito perispírito-corpoEspirito perispírito-corpo
Espirito perispírito-corpo
 
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
Natureza, propriedades e qualidades dos fluidos: ESDE, programa complementar,...
 
Emancipação Parcial da Alma 2
Emancipação Parcial da Alma 2Emancipação Parcial da Alma 2
Emancipação Parcial da Alma 2
 
Concentração Aura e Irradiação
Concentração Aura e IrradiaçãoConcentração Aura e Irradiação
Concentração Aura e Irradiação
 
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptxRetorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
 
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDASINFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
INFLUENCIA DOS ESPIRITOS EM NOSSAS VIDAS
 
Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.
 
Desencarnação
DesencarnaçãoDesencarnação
Desencarnação
 
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSALFLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
FLUIDO CÓSMICO UNIVERSAL
 
Elementos Gerais do Universo
Elementos Gerais do UniversoElementos Gerais do Universo
Elementos Gerais do Universo
 

Semelhante a Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa

07 propriedades do perespirito
07   propriedades do perespirito07   propriedades do perespirito
07 propriedades do perespirito
carlos freire
 
Aula 3 perispírito
Aula 3   perispíritoAula 3   perispírito
Aula 3 perispírito
EHMANA
 
Perispírito - GEA
Perispírito - GEAPerispírito - GEA
Perispírito - GEA
Gerson Alves
 
Perispírito
PerispíritoPerispírito
1º psiperisp1 modifi
1º psiperisp1 modifi1º psiperisp1 modifi
1º psiperisp1 modifi
projetopsi
 
1º psiperisp1 modifi
1º psiperisp1 modifi1º psiperisp1 modifi
1º psiperisp1 modifi
projetopsi
 
Aula 3 perispírito Jardim de Luz 2017
Aula 3   perispírito Jardim de Luz 2017Aula 3   perispírito Jardim de Luz 2017
Aula 3 perispírito Jardim de Luz 2017
Joao Camillo
 
06 perispírito
06   perispírito06   perispírito
06 perispírito
jcevadro
 
O perispírito- unidade teórica 2 COEM
O perispírito- unidade teórica 2 COEMO perispírito- unidade teórica 2 COEM
O perispírito- unidade teórica 2 COEM
Carolina Bernardes
 
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreiçãoGenese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Fernando A. O. Pinto
 
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreiçãoGenese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Fernando Pinto
 
Perispirito
PerispiritoPerispirito
Perispirito
valsanj
 
Corpo e perisp+ìrito
Corpo e perisp+ìritoCorpo e perisp+ìrito
Corpo e perisp+ìrito
osmabel
 
Perispírito - Aula1
Perispírito - Aula1Perispírito - Aula1
Perispírito - Aula1
SimoneGAP
 
( Espiritismo) perispirito, aspectos gerais e implicacoes na mediunidade
( Espiritismo)   perispirito, aspectos gerais e implicacoes na mediunidade( Espiritismo)   perispirito, aspectos gerais e implicacoes na mediunidade
( Espiritismo) perispirito, aspectos gerais e implicacoes na mediunidade
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Curso Básico de Espiritismo 13
Curso Básico de Espiritismo 13Curso Básico de Espiritismo 13
Curso Básico de Espiritismo 13
Roseli Lemes
 
Perispírito e suas propriedades
Perispírito e suas propriedades Perispírito e suas propriedades
Perispirito
PerispiritoPerispirito
Perispirito
john2011
 
Perispirito1
Perispirito1Perispirito1
Perispirito1
lucianodudu
 
O Perispirito
O PerispiritoO Perispirito
O Perispirito
Ceile Bernardo
 

Semelhante a Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa (20)

07 propriedades do perespirito
07   propriedades do perespirito07   propriedades do perespirito
07 propriedades do perespirito
 
Aula 3 perispírito
Aula 3   perispíritoAula 3   perispírito
Aula 3 perispírito
 
Perispírito - GEA
Perispírito - GEAPerispírito - GEA
Perispírito - GEA
 
Perispírito
PerispíritoPerispírito
Perispírito
 
1º psiperisp1 modifi
1º psiperisp1 modifi1º psiperisp1 modifi
1º psiperisp1 modifi
 
1º psiperisp1 modifi
1º psiperisp1 modifi1º psiperisp1 modifi
1º psiperisp1 modifi
 
Aula 3 perispírito Jardim de Luz 2017
Aula 3   perispírito Jardim de Luz 2017Aula 3   perispírito Jardim de Luz 2017
Aula 3 perispírito Jardim de Luz 2017
 
06 perispírito
06   perispírito06   perispírito
06 perispírito
 
O perispírito- unidade teórica 2 COEM
O perispírito- unidade teórica 2 COEMO perispírito- unidade teórica 2 COEM
O perispírito- unidade teórica 2 COEM
 
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreiçãoGenese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
 
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreiçãoGenese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
 
Perispirito
PerispiritoPerispirito
Perispirito
 
Corpo e perisp+ìrito
Corpo e perisp+ìritoCorpo e perisp+ìrito
Corpo e perisp+ìrito
 
Perispírito - Aula1
Perispírito - Aula1Perispírito - Aula1
Perispírito - Aula1
 
( Espiritismo) perispirito, aspectos gerais e implicacoes na mediunidade
( Espiritismo)   perispirito, aspectos gerais e implicacoes na mediunidade( Espiritismo)   perispirito, aspectos gerais e implicacoes na mediunidade
( Espiritismo) perispirito, aspectos gerais e implicacoes na mediunidade
 
Curso Básico de Espiritismo 13
Curso Básico de Espiritismo 13Curso Básico de Espiritismo 13
Curso Básico de Espiritismo 13
 
Perispírito e suas propriedades
Perispírito e suas propriedades Perispírito e suas propriedades
Perispírito e suas propriedades
 
Perispirito
PerispiritoPerispirito
Perispirito
 
Perispirito1
Perispirito1Perispirito1
Perispirito1
 
O Perispirito
O PerispiritoO Perispirito
O Perispirito
 

Mais de Rosana De Rosa

Palestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Palestra - Pense Green - Rosana De RosaPalestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Palestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De RosaAula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Aula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Aula - Os Três Reinos - Rosana De RosaAula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Aula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Palestra - Hábito - Rosana De Rosa
Palestra - Hábito - Rosana De RosaPalestra - Hábito - Rosana De Rosa
Palestra - Hábito - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa  Bem Aventurados os Pobres de Espirito Rosana De Rosa  Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa
 
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De RosaAula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De RosaMagnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual - Rosana De Rosa-Palestra
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual  - Rosana De Rosa-PalestraPalestra - O Despertar da Consciência Espiritual  - Rosana De Rosa-Palestra
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual - Rosana De Rosa-Palestra
Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De RosaRosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De RosaRelacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De RosaDor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Reclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Reclamar Resolve?- Rosana De RosaReclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Reclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da PaternidadeRosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o AcolhimentoRosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa
 
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
Rosana De Rosa
 
2015-01-04-Palestra-Soberania do Espírito Rosana De Rosa
2015-01-04-Palestra-Soberania do Espírito  Rosana De Rosa 2015-01-04-Palestra-Soberania do Espírito  Rosana De Rosa
2015-01-04-Palestra-Soberania do Espírito Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 

Mais de Rosana De Rosa (20)

Palestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Palestra - Pense Green - Rosana De RosaPalestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Palestra - Pense Green - Rosana De Rosa
 
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
 
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
 
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
 
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De RosaAula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
 
Aula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Aula - Os Três Reinos - Rosana De RosaAula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Aula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
 
Palestra - Hábito - Rosana De Rosa
Palestra - Hábito - Rosana De RosaPalestra - Hábito - Rosana De Rosa
Palestra - Hábito - Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa  Bem Aventurados os Pobres de Espirito Rosana De Rosa  Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa Bem Aventurados os Pobres de Espirito
 
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
 
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De RosaAula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
 
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De RosaMagnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
 
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual - Rosana De Rosa-Palestra
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual  - Rosana De Rosa-PalestraPalestra - O Despertar da Consciência Espiritual  - Rosana De Rosa-Palestra
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual - Rosana De Rosa-Palestra
 
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De RosaRosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
 
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De RosaRelacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
 
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De RosaDor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
 
Reclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Reclamar Resolve?- Rosana De RosaReclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Reclamar Resolve?- Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da PaternidadeRosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
 
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o AcolhimentoRosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
 
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
 
2015-01-04-Palestra-Soberania do Espírito Rosana De Rosa
2015-01-04-Palestra-Soberania do Espírito  Rosana De Rosa 2015-01-04-Palestra-Soberania do Espírito  Rosana De Rosa
2015-01-04-Palestra-Soberania do Espírito Rosana De Rosa
 

Último

9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
LEILANEGOUVEIA1
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
GuilhermeCerqueira17
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
Sammis Reachers
 
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
PIB Penha
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
PIB Penha
 

Último (14)

9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
PREGUE A MISSÃO - 15 Esboços de Sermões sobre Missões e Evangelização - Sammi...
 
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
13 - Estudo dos Relacionamentos do Cristão
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
14 - Um Convite à Oração. Incentivar a orar
 

Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa

  • 1. POROSIDADE CORPOREIDADE PERENIDADE PLASTICIDADE TANGIBILIDADE MUTABILIDADE DENSIDADE SENSIBILIDADE GLOBAL CAPACIDADE PONDERABILIDADE SENSIB. MAGNÉTICA REFLETORA LUMINOSIDADE EXPANSIBILIDADE ODOR PENETRABILIDADE BICORPOREIDADE TEMPERATURA VISIBILIDADE UNICIDADE
  • 2. POROSIDADE CORPOREIDADE PERENIDADE PLASTICIDADE TANGIBILIDADE MUTABILIDADE DENSIDADE SENSIBILIDADE GLOBAL CAPACIDADE PONDERABILIDADE SENSIB. MAGNÉTICA REFLETORA LUMINOSIDADE EXPANSIBILIDADE ODOR PENETRABILIDADE BICORPOREIDADE TEMPERATURA VISIBILIDADE UNICIDADE
  • 3. André Luiz, nos esclarece que o perispírito possui propriedades naturais que são compostas por células sutis vibrando em outra faixa vibratória, ou seja, vibrando na faixa que a mente condiciona. Evolução em dois mundos
  • 4. O Perispirito dos encarnados é de natureza idêntica à dos fluidos espirituais, e por isso os assimila com facilidade, como a esponja. Assim como o corpo pode ingerir alimentos venenosos, que lhe intoxicam os tecidos, também o perispirito absorve elementos que lhe degradam, com reflexos sobre as células materiais.
  • 5. Os Espaços intermoleculares permitem sua redução volumétrica (vital no processo de reencarnação),mas também a tomada de formas e aspectos diversos, transitórios ou não. (Mudança de forma e aspecto)
  • 6. O perispírito se molda conforme o comando da mente, contudo a alteração da forma perispiritual é limitada de acordo com o grau evolutivo da criatura.
  • 7. Pela primeira vez, André irradiava luz de todas as células do seu corpo espiritual. Assim, retomaram a marcha vestidos de luz.
  • 8. Em meio às sombras e o vento, vultos escuros fugiam apressados confundindo-se com as trevas e Aniceto pediu para que os efeitos luminosos fossem interrompidos. Não era justo humilhar os que sofrem com a exibição desses poderes
  • 9. O Perispírito, agente da alma não deixa de ser matéria, ainda que de natureza quintessenciada. Como tal apresenta uma certa densidade que se relaciona com o grau de evolução. relação entre a massa, o peso e a espessura Quanto menor a densidade do perispírito, menor seu peso e maior sua luminosidade
  • 10. Formação de matéria sutil, quintessenciada não poderia ter um peso, porém na dimensão espiritual, cada organização perispirítica tem seu peso especifico, ditada pelo seu estado de moralidade. Varia com a sua densidade André Luiz : “Nossa posição mental determina o peso específico do nosso envoltório espiritual e, consequentemente, o habitat que lhe compete”
  • 11. A intensidade da luz está na razão da pureza do Espírito. A luz irradiada por um Espírito é muito diferente da luz emitida no plano físico. Varia com a sua densidade
  • 13. O perispírito pode penetrar qualquer ambiente físico, pois a sua natureza está em uma faixa vibratória diferente ao do plano carnal, no entanto, a penetração do Espírito depende da condição mental da criatura. Gabriel Delanne: “A matéria pode atravessar a Frequência vibratória da matéria Sexo e Destino
  • 14. O perispírito é invisível aos olhos físicos, mas não aos olhos do Espírito. Os médiuns videntes só podem ver aqueles perispíritos que estão atuando em sua faixa vibratória.
  • 15. O corpo perispiritual é o resultado de uma aglutinação de recursos naturais terrestres que surge como uma estrutura, quase material. Ele é o corpo sutil do Espírito e serve de instrumento para moldar o corpo físico, regendo com seus impulsos o desenvolvimento embrionário e fetal e imprimindo às celulas e tecidos em formação as suas características.
  • 16. O perispírito pode se tornar tangível, recolhendo do ambiente e da natureza recursos que lhe sejam necessários para ser visto e tocado. Esta propriedade permite ao perispírito, com o suporte ectoplasmático que lhe da expressão física, tornar-se materialmente tangível, no todo ou em parte. fenômenos de materialização
  • 17. O perispírito pode expandir-se conforme suas condições, ampliando o seu campo de sensibilidade e percepção eventual, possibilitando ao Espírito, sem prejuízo do comando de seu corpo físico, viver a realidade do mundo espiritual. Podendo o médium registrar a presenca e o pensamento do comunicante.
  • 19. “O perispírito é suscetível de mudança com relação a sua estrutura e forma. Quanto mais evoluída for a criatura, mais delicada a sua forma. Quanto mais primitivo é o Espírito, mais grosseira é a forma do períspirito. Allan Kardec- A Gênese
  • 20. Percepção que o Espírito realiza com todo o seu ser. O Espírito vê, ouve, sente com o corpo espiritual inteiro
  • 21. Por ser o perispírito de natureza semimaterial è sensível à ação magnética. Torna o Espírito suscetível às influências da energia ambiental que o envolve. Pode absorver, assimilar e transmitir a energia espiritual que capta. O Processo do passe
  • 22. A bicorporiedade é um fenômeno visual de tangibilidade e visibilidade do perispírito desperto do corpo físico, mas a ele ligado, podendo ocorrer em desdobramento, acordado ou em estado de transe mediúnico. Como o corpo pode viver na ausencia do espirito? O Corpo se mantem pela vida organica como as plantas que estao vivas e nao tem um espirito. O Fenomeno Eurípedes Barsanulfo
  • 23. Cada pessoa traz no perispírito a soma das suas conquistas evolutivas. Não há dois perispíritos iguais. A alma sempre conserva sua individualidade
  • 24. “O corpo fluídico é anterior à vida atual, inacessível à destruição pela morte, é o admirável instrumento que para si mesma a alma constrói e que aperfeiçoa através dos tempos; é o resultado de seu longo passado” No Invisível- LD
  • 25. Dois tipos de efeitos: 1-Gera na aura a sua imagem formas-pensamento 2-Na dimensão física influi na fisiologia dos centros vitais repercurtindo no edifício celular, marcando-lhe o desempenho regular
  • 26. Caracteriza-se por odor particular, perceptível pelos Espíritos (pode ser captado pelos médiuns)
  • 27. O perispírito de um médium pode registrar sensações térmicas dependendo do grau de evolução dos desencarnados, que podem ser frio ou calor.