SlideShare uma empresa Scribd logo
“As coisas que
são impossíveis
  aos homens,
  são possíveis
    a Deus."


    Jesus
INSTITUTO ESPÍRITA DE EDUCAÇÃO


  CEM – CURSO DE EDUCAÇÃO
          MEDIÚNICA


           AULA Nº 5

 ESPIRITO, PERISPÍRITO E CORPO
             FÍSICO
BIBLIOGRAFIA

                 ALLAN KARDEC:
    LE – L.I – Cap. II – perg. 21 a 23; L.II – Cap. I
     OP – Manifestação dos Espíritos – 9 a 12
             AG – Cap. XIV – itens 7 e 8

           Leitura complementar:
           Carlos Toledo Rizzini –
EVOLUÇÃO PARA O TERCEIRO MILÊNIO – CAP. 4 – It
                    em 9

                 Ary Lex
 DO SISTEMA NERVOSO À MEDIUNIDADE – Cap. 3

 Hammed ( Psicogr. Frco. do Espírito Santo Neto) –
   RENOVANDO ATITUDES – Extensão da Alma
De acordo com a Doutrina Espírita, o
 homem encarnado é um complexo
           formado por

             ESPÍRITO

           PERISPÍRITO

          CORPO FÍSICO
Esses três elementos encontram-se em
     tal estado de acoplamento que é
impossível uma dissociação completa de
  algum deles, ainda que apenas por um
      instante, durante toda a vida de
                 encarnado.

    Mesmo durante os fenômenos de
 desdobramento, expansão perispiritual,
os três elementos permanecem, de algum
   modo, ligados intimamente entre si.
ESPÍRITO


Princípio inteligente,
    ser pensante,
  individualizado,
      imortal e
      imaterial.
PERISPÍRITO

• Corpo fluídico do
  espírito;

• Substância
  vaporosa que
  envolve o espírito,
  condensação do
  FCU em torno da
  alma;
• Possui
   natureza
    etérea e
mantém-
    se após a
morte
    do corpo
físico;
• Permanece
  sempre
   ligado
      ao
  espírito;
• Imponderável
  e intangível
  para
  o homem,
  em
  condições
  normais;
• Pode ser percebido pelos Espíritos do
  mesmo modo que nós, encarnados, sentimos
  a matéria sólida;
• Expansível, obedece a leis naturais pouco
  conhecidas;

• Radiante: permite comunicação sem contato
  corporal;

• Intermediário entre o espírito e o corpo:

  • transmite sensações materiais ao espírito
    e a vontade do espírito ao corpo;
• Por suas
  características
  radiantes,
  forma uma
  atmosfera
  fluídica em
  torno do
  corpo
  material.
• André Luiz
  denomina essa
  atmosfera
  fluídica de
  “hálito mental”,
  pois nela
  refletimos,
  involuntariame
  nte, a qualidade
  de nossos
  pensamentos e
  sentimentos;
• Pelo conhecimento
  do perispírito e
  suas
  características,
  podemos explicar
  fenômenos como:
•
  as relações
  mediúnicas, a
  origem de muitas
  doenças,
  os sentidos extra-
  sensoriais,
  fenômenos de
C   F
O   Í
R   S
P   I
O   C
    O
• Trata-se do
  envoltório material
  propriamente dito,
  do espírito;

• Constituído de
  matéria tangível,
  igualmente derivada
  do FCU, no entanto ,
  com outras
  características de
  densidade e
  propriedades;
• Ponderável;

              • Tangível;

              • Restritivo;

  • Obedece a leis físicas e biológicas
     razoavelmente bem conhecidas;

• É apropriado aos fenômenos do planeta
                  Terra;
• Encontra-se ligado ao perispírito
 célula a célula, indissociavelmente,
       exceto pela morte física;

 • Constitui verdadeiro tesouro por
tratar-se de nossa principal ferramenta
   de trabalho no processo evolutivo
             reencarnatório;

• Uso – aperfeiçoamento próprio e
       em favor do próximo;
• Favorece o desenvolvimento do
  amor, da harmonia, do bem-estar;

  • Obedece a um ciclo natural
    inexorável – nasce, cresce,
      desorganiza-se e morre;

• Apropriado ao grau evolutivo, ao
    ambiente e à ação do meio.
OBSERVAÇÃO

 Na codificação, o princípio espiritual
             chamado de
   princípio inteligente ou espírito
       (com letra minúscula).

O princípio inteligente individualizado é
    chamado de Espírito (com letra
               maiúscula).
CUIDAR DO CORPO PARA CUIDAR DO
     ESPÍRITO E DO PERISPÍRITO

  “Amai, pois, vossa alma, mas cuidai
também do corpo, instrumento da alma.”

     (AK/ESE – Cap. XVII, item 14)
Nosso corpo é extensão e
instrumento de nossa alma, é parte
  materializada de nós mesmos...


Apesar dessa matéria ficar na Terra,
  por ocasião do desencarne, é
  através dele que avaliamos as
           sensações..
“Tudo tem seu apogeu e seu
            declínio…

É natural que seja assim, todavia,
quando tudo parece convergir para
 o que supomos o nada, eis que a
vida ressurge, triunfante e bela!…

  Novas folhas, novas flores,
na infinita benção do recomeço.”

          (Chico Xavier)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.
Núcleo de Promoção Humana Vinha de Luz
 
8ª aula do papel dos mediuns nas comunicações espiritas - coem
8ª aula   do papel dos mediuns nas comunicações espiritas - coem8ª aula   do papel dos mediuns nas comunicações espiritas - coem
8ª aula do papel dos mediuns nas comunicações espiritas - coem
Wagner Quadros
 
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Cynthia Castro
 
O sono, sonhos, emancipação da alma, desdobramento
O sono, sonhos, emancipação da alma, desdobramentoO sono, sonhos, emancipação da alma, desdobramento
O sono, sonhos, emancipação da alma, desdobramento
Jose Luiz Maio
 
Roteiro 6 o esquecimento do passado - justificativa da sua necessidade
Roteiro 6    o esquecimento do passado - justificativa da sua necessidadeRoteiro 6    o esquecimento do passado - justificativa da sua necessidade
Roteiro 6 o esquecimento do passado - justificativa da sua necessidade
Bruno Cechinel Filho
 
O Poder do Pensamento
O Poder do PensamentoO Poder do Pensamento
O Poder do Pensamento
Ricardo Azevedo
 
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Marcos Antônio Alves
 
O PENSAMENTO Uma abordagem espírita
O PENSAMENTO Uma abordagem espíritaO PENSAMENTO Uma abordagem espírita
O PENSAMENTO Uma abordagem espírita
Jorge Luiz dos Santos
 
Psicofonia
PsicofoniaPsicofonia
Psicofonia
paikachambi
 
Emancipação parcial da alma 1
Emancipação parcial da alma 1Emancipação parcial da alma 1
Emancipação parcial da alma 1
Graça Maciel
 
Motivos de resignação
Motivos de resignaçãoMotivos de resignação
Motivos de resignação
Ponte de Luz ASEC
 
Reuniões Mediúnicas
Reuniões MediúnicasReuniões Mediúnicas
Reuniões Mediúnicas
KATIA MARIA FARAH V DA SILVA
 
Mistificações, contradições e animismo
Mistificações, contradições e animismoMistificações, contradições e animismo
Mistificações, contradições e animismo
jcevadro
 
6ª aula manifestaçoes visuais - coem
6ª aula   manifestaçoes visuais - coem6ª aula   manifestaçoes visuais - coem
6ª aula manifestaçoes visuais - coem
Wagner Quadros
 
2.6.3 Percepções sensações e sofrimentos dos Espíritos
2.6.3   Percepções sensações e sofrimentos dos Espíritos2.6.3   Percepções sensações e sofrimentos dos Espíritos
2.6.3 Percepções sensações e sofrimentos dos Espíritos
Marta Gomes
 
Genese cap 01 de 1 a 29
Genese cap 01  de 1 a 29Genese cap 01  de 1 a 29
Genese cap 01 de 1 a 29
Fernando A. O. Pinto
 
Espirito perispírito-corpo
Espirito perispírito-corpoEspirito perispírito-corpo
Espirito perispírito-corpo
Ailton Guimaraes
 
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritualCapitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Marta Gomes
 
O passe espirita
O passe espiritaO passe espirita
O passe espirita
carlos freire
 
Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1
Denise Aguiar
 

Mais procurados (20)

Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.Perispirito: formação, propriedades e funções.
Perispirito: formação, propriedades e funções.
 
8ª aula do papel dos mediuns nas comunicações espiritas - coem
8ª aula   do papel dos mediuns nas comunicações espiritas - coem8ª aula   do papel dos mediuns nas comunicações espiritas - coem
8ª aula do papel dos mediuns nas comunicações espiritas - coem
 
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
Evolução Em Dois Mundos - Primeira Parte - Capítulo III - Evolução do Corpo E...
 
O sono, sonhos, emancipação da alma, desdobramento
O sono, sonhos, emancipação da alma, desdobramentoO sono, sonhos, emancipação da alma, desdobramento
O sono, sonhos, emancipação da alma, desdobramento
 
Roteiro 6 o esquecimento do passado - justificativa da sua necessidade
Roteiro 6    o esquecimento do passado - justificativa da sua necessidadeRoteiro 6    o esquecimento do passado - justificativa da sua necessidade
Roteiro 6 o esquecimento do passado - justificativa da sua necessidade
 
O Poder do Pensamento
O Poder do PensamentoO Poder do Pensamento
O Poder do Pensamento
 
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
Influência dos Espíritos em nossos pensamentos e atos (Palestra Espírita)
 
O PENSAMENTO Uma abordagem espírita
O PENSAMENTO Uma abordagem espíritaO PENSAMENTO Uma abordagem espírita
O PENSAMENTO Uma abordagem espírita
 
Psicofonia
PsicofoniaPsicofonia
Psicofonia
 
Emancipação parcial da alma 1
Emancipação parcial da alma 1Emancipação parcial da alma 1
Emancipação parcial da alma 1
 
Motivos de resignação
Motivos de resignaçãoMotivos de resignação
Motivos de resignação
 
Reuniões Mediúnicas
Reuniões MediúnicasReuniões Mediúnicas
Reuniões Mediúnicas
 
Mistificações, contradições e animismo
Mistificações, contradições e animismoMistificações, contradições e animismo
Mistificações, contradições e animismo
 
6ª aula manifestaçoes visuais - coem
6ª aula   manifestaçoes visuais - coem6ª aula   manifestaçoes visuais - coem
6ª aula manifestaçoes visuais - coem
 
2.6.3 Percepções sensações e sofrimentos dos Espíritos
2.6.3   Percepções sensações e sofrimentos dos Espíritos2.6.3   Percepções sensações e sofrimentos dos Espíritos
2.6.3 Percepções sensações e sofrimentos dos Espíritos
 
Genese cap 01 de 1 a 29
Genese cap 01  de 1 a 29Genese cap 01  de 1 a 29
Genese cap 01 de 1 a 29
 
Espirito perispírito-corpo
Espirito perispírito-corpoEspirito perispírito-corpo
Espirito perispírito-corpo
 
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritualCapitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
 
O passe espirita
O passe espiritaO passe espirita
O passe espirita
 
Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1Origem e natureza do Espirito parte 1
Origem e natureza do Espirito parte 1
 

Semelhante a Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM

Perispírito
PerispíritoPerispírito
Corpo e perisp+ìrito
Corpo e perisp+ìritoCorpo e perisp+ìrito
Corpo e perisp+ìrito
osmabel
 
Funesdoperespirito 151017123618-lva1-app6892
Funesdoperespirito 151017123618-lva1-app6892Funesdoperespirito 151017123618-lva1-app6892
Funesdoperespirito 151017123618-lva1-app6892
Carlos Alberto Freire De Souza
 
Períspirito ni 1 aula11
Períspirito ni 1 aula11Períspirito ni 1 aula11
Períspirito ni 1 aula11
Nivea Vogel Segato
 
08 os corpos espirituais
08  os corpos espirituais08  os corpos espirituais
08 os corpos espirituais
Antonio SSantos
 
Aula 3 perispírito
Aula 3   perispíritoAula 3   perispírito
Aula 3 perispírito
EHMANA
 
O Perispirito
O PerispiritoO Perispirito
O Perispirito
Ceile Bernardo
 
Espiritismo e mediunidade 05
Espiritismo e mediunidade 05Espiritismo e mediunidade 05
Espiritismo e mediunidade 05
Leonardo Pereira
 
Transplante de Órgãos e suas Repercussões Espirituais
Transplante de Órgãos e suas Repercussões EspirituaisTransplante de Órgãos e suas Repercussões Espirituais
Transplante de Órgãos e suas Repercussões Espirituais
Eduardo Henrique Marçal
 
Transplante de órgãos e suas repercussões espirituais
Transplante de órgãos   e suas repercussões espirituaisTransplante de órgãos   e suas repercussões espirituais
Transplante de órgãos e suas repercussões espirituais
Eduardo Henrique Marçal
 
05 ciclo basico
05 ciclo basico05 ciclo basico
05 ciclo basico
05 ciclo basico05 ciclo basico
Curso passes ( Leonardo Pereira),
Curso passes ( Leonardo Pereira), Curso passes ( Leonardo Pereira),
Curso passes ( Leonardo Pereira),
Leonardo Pereira
 
Seminrioperispritousepiracicaba 120517144354-phpapp01
Seminrioperispritousepiracicaba 120517144354-phpapp01Seminrioperispritousepiracicaba 120517144354-phpapp01
Seminrioperispritousepiracicaba 120517144354-phpapp01
Claudia Valeria Moreira Nascimento
 
Perispírito - Aula1
Perispírito - Aula1Perispírito - Aula1
Perispírito - Aula1
SimoneGAP
 
Apostila 3 a
Apostila 3 aApostila 3 a
Apostila 3 a
Apostila 3 aApostila 3 a
( Espiritismo) # - aluney e a silva - corpo eterico e perispirito
( Espiritismo)   # - aluney e a silva - corpo eterico e perispirito( Espiritismo)   # - aluney e a silva - corpo eterico e perispirito
( Espiritismo) # - aluney e a silva - corpo eterico e perispirito
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Períspirito - Diferentes corpos e funções
Períspirito - Diferentes corpos e funçõesPeríspirito - Diferentes corpos e funções
Períspirito - Diferentes corpos e funções
Ponte de Luz ASEC
 
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreiçãoGenese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Fernando Pinto
 

Semelhante a Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM (20)

Perispírito
PerispíritoPerispírito
Perispírito
 
Corpo e perisp+ìrito
Corpo e perisp+ìritoCorpo e perisp+ìrito
Corpo e perisp+ìrito
 
Funesdoperespirito 151017123618-lva1-app6892
Funesdoperespirito 151017123618-lva1-app6892Funesdoperespirito 151017123618-lva1-app6892
Funesdoperespirito 151017123618-lva1-app6892
 
Períspirito ni 1 aula11
Períspirito ni 1 aula11Períspirito ni 1 aula11
Períspirito ni 1 aula11
 
08 os corpos espirituais
08  os corpos espirituais08  os corpos espirituais
08 os corpos espirituais
 
Aula 3 perispírito
Aula 3   perispíritoAula 3   perispírito
Aula 3 perispírito
 
O Perispirito
O PerispiritoO Perispirito
O Perispirito
 
Espiritismo e mediunidade 05
Espiritismo e mediunidade 05Espiritismo e mediunidade 05
Espiritismo e mediunidade 05
 
Transplante de Órgãos e suas Repercussões Espirituais
Transplante de Órgãos e suas Repercussões EspirituaisTransplante de Órgãos e suas Repercussões Espirituais
Transplante de Órgãos e suas Repercussões Espirituais
 
Transplante de órgãos e suas repercussões espirituais
Transplante de órgãos   e suas repercussões espirituaisTransplante de órgãos   e suas repercussões espirituais
Transplante de órgãos e suas repercussões espirituais
 
05 ciclo basico
05 ciclo basico05 ciclo basico
05 ciclo basico
 
05 ciclo basico
05 ciclo basico05 ciclo basico
05 ciclo basico
 
Curso passes ( Leonardo Pereira),
Curso passes ( Leonardo Pereira), Curso passes ( Leonardo Pereira),
Curso passes ( Leonardo Pereira),
 
Seminrioperispritousepiracicaba 120517144354-phpapp01
Seminrioperispritousepiracicaba 120517144354-phpapp01Seminrioperispritousepiracicaba 120517144354-phpapp01
Seminrioperispritousepiracicaba 120517144354-phpapp01
 
Perispírito - Aula1
Perispírito - Aula1Perispírito - Aula1
Perispírito - Aula1
 
Apostila 3 a
Apostila 3 aApostila 3 a
Apostila 3 a
 
Apostila 3 a
Apostila 3 aApostila 3 a
Apostila 3 a
 
( Espiritismo) # - aluney e a silva - corpo eterico e perispirito
( Espiritismo)   # - aluney e a silva - corpo eterico e perispirito( Espiritismo)   # - aluney e a silva - corpo eterico e perispirito
( Espiritismo) # - aluney e a silva - corpo eterico e perispirito
 
Períspirito - Diferentes corpos e funções
Períspirito - Diferentes corpos e funçõesPeríspirito - Diferentes corpos e funções
Períspirito - Diferentes corpos e funções
 
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreiçãoGenese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
Genese cap 14 aula 3 de 4 curas ressurreição
 

Mais de Wilma Badan C.G.

Volta à Terra
Volta à TerraVolta à Terra
Volta à Terra
Wilma Badan C.G.
 
Valorização da vida
Valorização da vidaValorização da vida
Valorização da vida
Wilma Badan C.G.
 
Uniões afetivas
Uniões afetivasUniões afetivas
Uniões afetivas
Wilma Badan C.G.
 
Terapia do perdão
Terapia do perdãoTerapia do perdão
Terapia do perdão
Wilma Badan C.G.
 
Ter e ser
Ter e serTer e ser
Ter e ser
Wilma Badan C.G.
 
Pagar o mal com o bem
Pagar o mal com o bemPagar o mal com o bem
Pagar o mal com o bem
Wilma Badan C.G.
 
Manifestação dos Espíritos
Manifestação dos EspíritosManifestação dos Espíritos
Manifestação dos Espíritos
Wilma Badan C.G.
 
Lei de sociedade
Lei de sociedadeLei de sociedade
Lei de sociedade
Wilma Badan C.G.
 
Influência do Espiitismo no progresso
Influência do Espiitismo no progressoInfluência do Espiitismo no progresso
Influência do Espiitismo no progresso
Wilma Badan C.G.
 
Família amor, responsabilidade, limites
Família   amor, responsabilidade, limitesFamília   amor, responsabilidade, limites
Família amor, responsabilidade, limites
Wilma Badan C.G.
 
Deus 0 amor a Deus e ao próximo
Deus 0 amor a Deus e ao próximoDeus 0 amor a Deus e ao próximo
Deus 0 amor a Deus e ao próximo
Wilma Badan C.G.
 
Características das crianças
Características das criançasCaracterísticas das crianças
Características das crianças
Wilma Badan C.G.
 
Cairbar Schutel
Cairbar SchutelCairbar Schutel
Cairbar Schutel
Wilma Badan C.G.
 
Ação e reação
Ação e reaçãoAção e reação
Ação e reação
Wilma Badan C.G.
 
Homem e pai
Homem e paiHomem e pai
Homem e pai
Wilma Badan C.G.
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
Wilma Badan C.G.
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
Wilma Badan C.G.
 
Centros de força
Centros de forçaCentros de força
Centros de força
Wilma Badan C.G.
 
Epífise ou Glândula Pineal
Epífise ou Glândula PinealEpífise ou Glândula Pineal
Epífise ou Glândula Pineal
Wilma Badan C.G.
 
Percepção e análise dos fluidos
Percepção e análise dos fluidosPercepção e análise dos fluidos
Percepção e análise dos fluidos
Wilma Badan C.G.
 

Mais de Wilma Badan C.G. (20)

Volta à Terra
Volta à TerraVolta à Terra
Volta à Terra
 
Valorização da vida
Valorização da vidaValorização da vida
Valorização da vida
 
Uniões afetivas
Uniões afetivasUniões afetivas
Uniões afetivas
 
Terapia do perdão
Terapia do perdãoTerapia do perdão
Terapia do perdão
 
Ter e ser
Ter e serTer e ser
Ter e ser
 
Pagar o mal com o bem
Pagar o mal com o bemPagar o mal com o bem
Pagar o mal com o bem
 
Manifestação dos Espíritos
Manifestação dos EspíritosManifestação dos Espíritos
Manifestação dos Espíritos
 
Lei de sociedade
Lei de sociedadeLei de sociedade
Lei de sociedade
 
Influência do Espiitismo no progresso
Influência do Espiitismo no progressoInfluência do Espiitismo no progresso
Influência do Espiitismo no progresso
 
Família amor, responsabilidade, limites
Família   amor, responsabilidade, limitesFamília   amor, responsabilidade, limites
Família amor, responsabilidade, limites
 
Deus 0 amor a Deus e ao próximo
Deus 0 amor a Deus e ao próximoDeus 0 amor a Deus e ao próximo
Deus 0 amor a Deus e ao próximo
 
Características das crianças
Características das criançasCaracterísticas das crianças
Características das crianças
 
Cairbar Schutel
Cairbar SchutelCairbar Schutel
Cairbar Schutel
 
Ação e reação
Ação e reaçãoAção e reação
Ação e reação
 
Homem e pai
Homem e paiHomem e pai
Homem e pai
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
 
Centros de força
Centros de forçaCentros de força
Centros de força
 
Epífise ou Glândula Pineal
Epífise ou Glândula PinealEpífise ou Glândula Pineal
Epífise ou Glândula Pineal
 
Percepção e análise dos fluidos
Percepção e análise dos fluidosPercepção e análise dos fluidos
Percepção e análise dos fluidos
 

Espírito, perispírito e corpo físico - IEE - CEM

  • 1. “As coisas que são impossíveis aos homens, são possíveis a Deus." Jesus
  • 2. INSTITUTO ESPÍRITA DE EDUCAÇÃO CEM – CURSO DE EDUCAÇÃO MEDIÚNICA AULA Nº 5 ESPIRITO, PERISPÍRITO E CORPO FÍSICO
  • 3. BIBLIOGRAFIA ALLAN KARDEC: LE – L.I – Cap. II – perg. 21 a 23; L.II – Cap. I OP – Manifestação dos Espíritos – 9 a 12 AG – Cap. XIV – itens 7 e 8 Leitura complementar: Carlos Toledo Rizzini – EVOLUÇÃO PARA O TERCEIRO MILÊNIO – CAP. 4 – It em 9 Ary Lex DO SISTEMA NERVOSO À MEDIUNIDADE – Cap. 3 Hammed ( Psicogr. Frco. do Espírito Santo Neto) – RENOVANDO ATITUDES – Extensão da Alma
  • 4. De acordo com a Doutrina Espírita, o homem encarnado é um complexo formado por ESPÍRITO PERISPÍRITO CORPO FÍSICO
  • 5.
  • 6. Esses três elementos encontram-se em tal estado de acoplamento que é impossível uma dissociação completa de algum deles, ainda que apenas por um instante, durante toda a vida de encarnado. Mesmo durante os fenômenos de desdobramento, expansão perispiritual, os três elementos permanecem, de algum modo, ligados intimamente entre si.
  • 7.
  • 8. ESPÍRITO Princípio inteligente, ser pensante, individualizado, imortal e imaterial.
  • 9. PERISPÍRITO • Corpo fluídico do espírito; • Substância vaporosa que envolve o espírito, condensação do FCU em torno da alma;
  • 10. • Possui natureza etérea e mantém- se após a morte do corpo físico;
  • 11. • Permanece sempre ligado ao espírito;
  • 12. • Imponderável e intangível para o homem, em condições normais;
  • 13. • Pode ser percebido pelos Espíritos do mesmo modo que nós, encarnados, sentimos a matéria sólida;
  • 14. • Expansível, obedece a leis naturais pouco conhecidas; • Radiante: permite comunicação sem contato corporal; • Intermediário entre o espírito e o corpo: • transmite sensações materiais ao espírito e a vontade do espírito ao corpo;
  • 15. • Por suas características radiantes, forma uma atmosfera fluídica em torno do corpo material.
  • 16. • André Luiz denomina essa atmosfera fluídica de “hálito mental”, pois nela refletimos, involuntariame nte, a qualidade de nossos pensamentos e sentimentos;
  • 17. • Pelo conhecimento do perispírito e suas características, podemos explicar fenômenos como: • as relações mediúnicas, a origem de muitas doenças, os sentidos extra- sensoriais, fenômenos de
  • 18. C F O Í R S P I O C O
  • 19. • Trata-se do envoltório material propriamente dito, do espírito; • Constituído de matéria tangível, igualmente derivada do FCU, no entanto , com outras características de densidade e propriedades;
  • 20. • Ponderável; • Tangível; • Restritivo; • Obedece a leis físicas e biológicas razoavelmente bem conhecidas; • É apropriado aos fenômenos do planeta Terra;
  • 21. • Encontra-se ligado ao perispírito célula a célula, indissociavelmente, exceto pela morte física; • Constitui verdadeiro tesouro por tratar-se de nossa principal ferramenta de trabalho no processo evolutivo reencarnatório; • Uso – aperfeiçoamento próprio e em favor do próximo;
  • 22. • Favorece o desenvolvimento do amor, da harmonia, do bem-estar; • Obedece a um ciclo natural inexorável – nasce, cresce, desorganiza-se e morre; • Apropriado ao grau evolutivo, ao ambiente e à ação do meio.
  • 23. OBSERVAÇÃO Na codificação, o princípio espiritual chamado de princípio inteligente ou espírito (com letra minúscula). O princípio inteligente individualizado é chamado de Espírito (com letra maiúscula).
  • 24. CUIDAR DO CORPO PARA CUIDAR DO ESPÍRITO E DO PERISPÍRITO “Amai, pois, vossa alma, mas cuidai também do corpo, instrumento da alma.” (AK/ESE – Cap. XVII, item 14)
  • 25. Nosso corpo é extensão e instrumento de nossa alma, é parte materializada de nós mesmos... Apesar dessa matéria ficar na Terra, por ocasião do desencarne, é através dele que avaliamos as sensações..
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30.
  • 31. “Tudo tem seu apogeu e seu declínio… É natural que seja assim, todavia, quando tudo parece convergir para o que supomos o nada, eis que a vida ressurge, triunfante e bela!… Novas folhas, novas flores, na infinita benção do recomeço.” (Chico Xavier)