SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 59
Baixar para ler offline
A Genética na Pecuária
Competitiva
Cassiano Roberto Pelle
Abril, 2015
Cenário Atual...
Cenário Atual...
Cenário Atual...
Cenário Atual...
Cenário Atual...
Cenário Atual...
DeltaGen
Fonte: CEPEA
0
200
400
600
800
1000
1200
1400
1600
Média Histórica Bezerro - MS
À vista R$ À vista US$
DeltaGen
Fonte: CEPEA
0
20
40
60
80
100
120
140
160
Média Histórica Boi Gordo - SP
A vista sem Funrural
DeltaGen
Fonte: CEPEA
0
10
20
30
40
50
60
70
80
90
100
Indicador Preço Soja - PR
À vista R$ À vista US$
DeltaGen
Histórico
201320011974
Nelore
Braford
1993
Inicia-se no RS um,
programa de avaliação
genética baseada em
escores visuais – raças
Hereford e Braford
DeltaGen
Rebanho
200.000
26 membros
39 fazendas
Vacas avaliadas
59.000Diretoria
Presidente: Carlos Rodrigo Brüner (Tulipa)
Vice-Presidente: Luis Henrique A Araújo (Terras Novas)
Diretores: Guilherme Penteado Coelho (Tatuapé)
Ian David Hill (Jacarezinho)
Moacyr F Barbosa (Santa Teresa)
Antônio Rezende (Grupo Rezende)
Wilson Brochmann (Maragogipe)
João Braido Neto (Grupo Braido)
Élio Micheloni (Três Barras)
DeltaGen - Abrangência
DeltaGen - Objetivos
Explorar e otimizar o potencial genético;
Eficiência produtiva com animais adaptados buscando:
 fertilidade
precocidade sexual, de crescimento e de terminação
rendimento de carcaça
qualidade de carne
Produzir reprodutores selecionados por características
produtivas.
DeltaGen - Objetivos
Gerar, utilizar e difundir tecnologias
Integração e intercâmbio entre os associados, somando esforços e
reduzindo os riscos da atividade
Lutar pelo fortalecimento e articulação da cadeia de carne bovina,
buscando parcerias e vantagens com os diferentes segmentos do
setor
Peso e composição
do peso - CPM
Avaliação genética
genealogia e
desempenho próprio
Touros provados
Vacas
avaliadas
DeltaGen - Avaliação Genética
PAD
DeltaGen - Avaliação Genética
Avaliação por produção
C – Conformação
P – Precocidade
M - Musculatura
Peso
em
Jejum
Desmama e Sobreano
Grupo de
manejo
Nota de 1 a 5 numa distribuição normal no
grupo de manejo
DeltaGen - Avaliação Genética
Curvas de peso de acordo com o tempo de jejum parcial
(YP) e total (YT) de animais de sobreano.
350
360
370
380
390
400
410
1 3 5 7 9 11 13 15 17 19
peso (kg)
tempo (h)
YP
YT
Carvalheiro et al. (1998)
DeltaGen - Avaliação Genética
1.6 1.6 1.6 1.6 1.6 1.6 1.6
4.9 4.9
6.6
13.1
9.8
3.3 3.3
1.6
8.2
4.9
8.2
4.9 4.9
3.3 3.3
1.6
0
5
10
15
20
4 9 14 16 17 19 20 21 22 23 24 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 38
perda de peso (kg)
%
Frequência de classes de perda de peso de animais de sobreano
submetidos à jejum total:
Carvalheiro et al. (1998)
DeltaGen - Avaliação Genética
Conformação
Precocidade
Musculatura
DeltaGen - Avaliação Genética
Outras Características
U – Umbigo (também na desmama)
R – Caracterização Racial
Os – Ossatura
Pg - Pigmentação
Sobreano
Perímetro Escrotal
Altura
DeltaGen - Avaliação Genética
DeltaGen - Índice Genético
Índice na
desmama
Índice na
sobreano
Índice Final
Peso
23
4
8
8
23
4
8
8
14
Conformação ao sobreano
Precocidade ao sobreano
Musculatura ao sobreano
Perímetro Escrotal ao sobreano
Característica
Dias para ganhar 160 Kg
Conformação ao desmame
Precocidade ao desmame
Musculatura ao desmame
Dias para ganhar 240 Kg
Conectabilidade
Importante
DeltaGen
Como poderemos ser mais eficientes?????
- Identificar Animais Precoces Sexualmente
- Identificar Animais Produtivos
- Produzir Animais Precoces para Acabamento
DeltaGen
Base de dados DeltaGen
• Dados de 12 fazendas que fazem desafio para
precocidade sexual
• 69.533 fêmeas desafiadas e com informação
de idade ao primeiro parto (IPP)
Categorias de precocidade sexual
• Super-precoce (S): desafiadas no verão; IPP ≤ 25
meses
• Precoce (P): desafiadas no outono; 23m < IPP < 30
m
• Não-precoce (N): 30 m ≤ IPP ≤ 40m
Comparação: desempenho próprio, performance
reprodutiva e desempenho de bezerros
Precocidade sexual
74.91%
23.42%
1.67%
0.00%
10.00%
20.00%
30.00%
40.00%
50.00%
60.00%
70.00%
80.00%
N P S
0.00%
10.00%
20.00%
30.00%
40.00%
50.00%
60.00%
70.00%
1991
1992
1993
1994
1995
1996
1997
1998
1999
2000
2001
2002
2003
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
% precoces (por safraN)
~25% de fêmeas precoces (S ou P)
Média últimas 3 safras: ~37% (P+S)
Desempenho próprio
corrigido para GC e outros efeitos ambientais
• Comparação: Precoces vs não-precoces
Característica P - N significância
PN -0.19 NS
pesoD (kg) +3.10 <.0001
CD +0.19 <.0001
PD +0.30 <.0001
MD +0.28 <.0001
ALTD (cm) +0.05 NS
pesoS (kg) +6.84 <.0001
CS +0.20 <.0001
PS +0.31 <.0001
MS +0.30 <.0001
ALTS (cm) +0.04 NS
Sem diferença significativa entre
precoce (P) e super-precoce (S)
Sistema 18 meses
Ajuste: GC ao sobreano (novilha) e sexo do 1º bezerro
*Diferença significativa (P <0.001)
• Reconcepção de primíparas
(dados de 20.000 fêmeas)
Diferença:
+10.5 p.p.
70.90%
81.45%
68.23%
81.89%
0.00%
10.00%
20.00%
30.00%
40.00%
50.00%
60.00%
70.00%
80.00%
90.00%
N P
Reconcepção de primíparas*
adj
obs
Sistema 18 meses
Ajuste: GC (novilha) e sexo do 1º bezerro
*Diferença significativa (P <0.001)
• Número de partos até 53 meses (NP53)
+0.15 bezerro +11.6kg desmamados
280.79
292.39
274.89
293.82
265
270
275
280
285
290
295
300
N P
kg de bezerro desmamados até 53 meses*
adj
obs
1.61
1.76
1.59
1.77
1.5
1.55
1.6
1.65
1.7
1.75
1.8
N P
Número de partos até 53 meses*
adj
obs
Sistema 18 meses
• Longevidade produtiva (84 meses)
Ajuste: GC (novilha) e sexo do 1º bezerro
*Diferença significativa (P <0.001)
453.82
488.97
426.42
483.51
390
400
410
420
430
440
450
460
470
480
490
500
N P
kg de bezerro desmamados até 84 meses*
adj
obs
2.62
2.93
2.48
2.88
2.2
2.3
2.4
2.5
2.6
2.7
2.8
2.9
3
N P
Número de partos até 84 meses*
adj
obs
+0.31 bezerro +35.15 kg desmamados
Sistema 14 meses
• Comparação S vs N (608 fêmeas)
- Reconcepção de primípras: diferença não-significativa
Ajuste: GC (novilha) e sexo do 1º bezerro
*Diferença significativa (P <0.001)
+0.41 bezerro +72kg desmamados
1.76
2.17
1.66
2.22
0
0.5
1
1.5
2
2.5
N S
NP53*
adj
obs
300.78
372.90
283.34
396.03
0
50
100
150
200
250
300
350
400
450
N S
kg desmamados (53 meses)*
adj
obs
DeltaGen
Dados de campo da DeltaGen, para Precocidade Sexual:
 Fêmeas Super Precoces:
• 655 fêmeas expostas
• 381 fêmeas com prenhez positiva
• Índice de Prenhez: 58,70%
212
223 220
119
129
136
2011 2012 2013
Prenhez Super-Precoce
Fêmeas Expostas Prenhez + Linear (Prenhez +)
56% 58% 62%
Considerações
Considerações
• Fêmeas sexualmente precoces tendem a
permanecer produtivas no rebanho por mais
tempo (maior fertilidade e longevidade
produtiva)
 Desafio para precocidade sexual
• Genômica:
maior acurácia na seleção de animais jovens (IPP,
RMAT, NP53, ...)
DeltaGen
DeltaGen
 VACAS : Índice Desmama X Peso Desmame (Kg)
70 P.I.
79,8 kg
x R$ 7,13 Kg/pv =
R$
562,56
70 P.I. x 1,14 Kg =y = 1,1384x + 187,75
R² = 0,1982
90
140
190
240
290
-40 -30 -20 -10 0 10 20 30 40
PesonaDemamadosProdutos(kg)
Índice Desmama das Vacas
DeltaGen
 VACAS : Índice Final X Peso Desmama (Kg)
60 P.I.
69 Kg
x R$ 7,13/Kg/pv =
R$
491,97
60 P.I. x 1,15 Kg =y = 1,1464x + 188,83
R² = 0,1379
90
140
190
240
290
-30 -20 -10 0 10 20 30
PesonaDesmamadosProdutos(kg)
Índice Final das Vacas
DeltaGen – Benefícios
DeltaGen
y = 3,056x + 323,9
R² = 0,380
150
200
250
300
350
400
450
500
550
-40 -30 -20 -10 0 10 20 30 40
Pesoaos550dias(kg)
Índice Final
 VACAS : Índice Final X Peso Sobreano (Kg)
60 P.I.
+ 6 @
x R$ 149,10/@ =
+ R$
894,60
60 P.I. x 3,0 Kg =
DeltaGen
DeltaGen - Avaliação Genética
Desmama
Sobreano
Touros
Teste de
progênie
G
Volume
DeltaGen
128
84
90
40
50
60
70
80
90
100
110
120
130
140
150
-25 -20 -15 -10 -5 0 5 10 15 20 25
indF_CDG
Ndias
R2=0,19
Yp=GC+90-1,0959x+0,0410x2
• Como animal para abate – 44 dias a menos para o abate.
DeltaGen
• Abate mais jovem – 52 dias de idade a menos
769
717
730
630
650
670
690
710
730
750
770
790
810
830
850
-25 -20 -15 -10 -5 0 5 10 15 20 25
indF_CDG
idadeS
R2=0,67
Yp=GC+730-1,3151x+0,0330x2
DeltaGen
• Maior peso ao abate – 64 Kg à mais de peso
478
542
510
400
425
450
475
500
525
550
575
600
625
650
-25 -20 -15 -10 -5 0 5 10 15 20 25
indF_CDG
pesoS
R2=0,65
Yp=GC+510+1,6119x
DeltaGen
• Maior ganho de peso – 0,38 Kg à mais de ganho diário
1,26
1,64
1,45
0,80
1,00
1,20
1,40
1,60
1,80
2,00
2,20
2,40
2,60
-25 -20 -15 -10 -5 0 5 10 15 20 25
indF_CDG
GMDconf
R2=0,51
Yp=GC+1,45+0,0095x
DeltaGen
• N = 602 machos inteiros Nelore
(566 com informação resgatada da base Aliança)
DeltaGen
DeltaGen
DeltaGen
DeltaGen
DeltaGen
DeltaGen - Recursos Necessários
Recursos materiais
mínimo 300 matrizes
Balança para pesagem de bovinos;
Equipamentos de informática;
Recursos humanos
Técnico responsável
Consultoria em melhoramento genético.
DeltaGen - Recursos Necessários
Recursos técnicos
Ter condições de produzir animais precoces;
Registro individual e controle de produção em 100% dos
animais envolvidos no programa;
Mínimo de 25% de paternidade conhecida
Avaliação de todos os produtos na desmama e de, no
mínimo 50% no sobreano.
Manual Técnico da DeltaGen
DeltaGen - Regras e Critérios
Estação de monta (max. 120 dias)
Descartar vacas falhadas (opcional chance para as primíparas)
Grupo de manejo
Jejum para pesagens
Datas para entrega de dados
Somente 27% poderão receber CEIP
Revisão dos candidatos feito pelo técnico responsável
Usar Touros Jovens (10% dos nascidos)
Treinamento (obrig.) dos avaliadores a cada 2 anos
DeltaGen
Muito Obrigado!!!
www.deltagen.com.br cassiano@deltagen.com.br
(18) 3609-1450 (18) 99775-5910

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação William Koury - Dia de Campo Nelore Grendene 2013
Apresentação William Koury - Dia de Campo Nelore Grendene 2013Apresentação William Koury - Dia de Campo Nelore Grendene 2013
Apresentação William Koury - Dia de Campo Nelore Grendene 2013
Mayara Martins
 
[Palestra] João Paulo Bastos: Programa de Vantagens ao Pecuarista - JBS
[Palestra] João Paulo Bastos: Programa de Vantagens ao Pecuarista - JBS[Palestra] João Paulo Bastos: Programa de Vantagens ao Pecuarista - JBS
[Palestra] João Paulo Bastos: Programa de Vantagens ao Pecuarista - JBS
AgroTalento
 
Recria de bezerros de corte
Recria de bezerros de corteRecria de bezerros de corte
Recria de bezerros de corte
Allen Ferreira
 
Estacao de-monta-pecuaria-de-corte
Estacao de-monta-pecuaria-de-corteEstacao de-monta-pecuaria-de-corte
Estacao de-monta-pecuaria-de-corte
Exagro
 
[Palestra] Luis Adriano Teixeira: Dicas de manejo cfm e resultados praticos
[Palestra] Luis Adriano Teixeira: Dicas de manejo cfm e resultados praticos[Palestra] Luis Adriano Teixeira: Dicas de manejo cfm e resultados praticos
[Palestra] Luis Adriano Teixeira: Dicas de manejo cfm e resultados praticos
AgroTalento
 
20 terssio-ramalho-workshop-cria-beefpoint-2012
20 terssio-ramalho-workshop-cria-beefpoint-201220 terssio-ramalho-workshop-cria-beefpoint-2012
20 terssio-ramalho-workshop-cria-beefpoint-2012
AgroTalento
 
Seminário ANCP 2016 – Ricardo Viacava – Precocidade sexual em novilhas Nelore...
Seminário ANCP 2016 – Ricardo Viacava – Precocidade sexual em novilhas Nelore...Seminário ANCP 2016 – Ricardo Viacava – Precocidade sexual em novilhas Nelore...
Seminário ANCP 2016 – Ricardo Viacava – Precocidade sexual em novilhas Nelore...
ANCP Ribeirão Preto
 

Mais procurados (20)

Seminário ANCP 2019 - Precocidade Sexual: Interação Nutrição × Genética (Resu...
Seminário ANCP 2019 - Precocidade Sexual: Interação Nutrição × Genética (Resu...Seminário ANCP 2019 - Precocidade Sexual: Interação Nutrição × Genética (Resu...
Seminário ANCP 2019 - Precocidade Sexual: Interação Nutrição × Genética (Resu...
 
Interpretação e aplicação das características no processo de seleção
Interpretação e aplicação das características no processo de seleçãoInterpretação e aplicação das características no processo de seleção
Interpretação e aplicação das características no processo de seleção
 
Apresentação William Koury - Dia de Campo Nelore Grendene 2013
Apresentação William Koury - Dia de Campo Nelore Grendene 2013Apresentação William Koury - Dia de Campo Nelore Grendene 2013
Apresentação William Koury - Dia de Campo Nelore Grendene 2013
 
Realidade Reprodutiva e Planejamento de Fazenda
Realidade Reprodutiva e Planejamento de FazendaRealidade Reprodutiva e Planejamento de Fazenda
Realidade Reprodutiva e Planejamento de Fazenda
 
15 091022 Luciano Nussio Bellman Suplementacao Vacas
15 091022 Luciano Nussio Bellman Suplementacao Vacas15 091022 Luciano Nussio Bellman Suplementacao Vacas
15 091022 Luciano Nussio Bellman Suplementacao Vacas
 
Seminário ANCP 2018 - Precocidade sexual nos machos: Qual a vantagem?
Seminário ANCP 2018 - Precocidade sexual nos machos: Qual a vantagem?Seminário ANCP 2018 - Precocidade sexual nos machos: Qual a vantagem?
Seminário ANCP 2018 - Precocidade sexual nos machos: Qual a vantagem?
 
Apresentação case bela
Apresentação case belaApresentação case bela
Apresentação case bela
 
[Palestra] João Paulo Bastos: Programa de Vantagens ao Pecuarista - JBS
[Palestra] João Paulo Bastos: Programa de Vantagens ao Pecuarista - JBS[Palestra] João Paulo Bastos: Programa de Vantagens ao Pecuarista - JBS
[Palestra] João Paulo Bastos: Programa de Vantagens ao Pecuarista - JBS
 
Recria de bezerros de corte
Recria de bezerros de corteRecria de bezerros de corte
Recria de bezerros de corte
 
Estacao de-monta-pecuaria-de-corte
Estacao de-monta-pecuaria-de-corteEstacao de-monta-pecuaria-de-corte
Estacao de-monta-pecuaria-de-corte
 
[Palestra] Luis Adriano Teixeira: Dicas de manejo cfm e resultados praticos
[Palestra] Luis Adriano Teixeira: Dicas de manejo cfm e resultados praticos[Palestra] Luis Adriano Teixeira: Dicas de manejo cfm e resultados praticos
[Palestra] Luis Adriano Teixeira: Dicas de manejo cfm e resultados praticos
 
Volume de Leite na Prova
Volume de Leite na ProvaVolume de Leite na Prova
Volume de Leite na Prova
 
Desmama pesada ou troncuda?
Desmama pesada ou troncuda?Desmama pesada ou troncuda?
Desmama pesada ou troncuda?
 
Mais bezerros
Mais bezerrosMais bezerros
Mais bezerros
 
20 terssio-ramalho-workshop-cria-beefpoint-2012
20 terssio-ramalho-workshop-cria-beefpoint-201220 terssio-ramalho-workshop-cria-beefpoint-2012
20 terssio-ramalho-workshop-cria-beefpoint-2012
 
Tecnologias para aumentar a produtividade da pecuária de corte com rentabilidade
Tecnologias para aumentar a produtividade da pecuária de corte com rentabilidadeTecnologias para aumentar a produtividade da pecuária de corte com rentabilidade
Tecnologias para aumentar a produtividade da pecuária de corte com rentabilidade
 
Palestra touros jovens
Palestra   touros jovensPalestra   touros jovens
Palestra touros jovens
 
Palestra araguaina christian
Palestra araguaina christianPalestra araguaina christian
Palestra araguaina christian
 
Seminário ANCP 2016 – Ricardo Viacava – Precocidade sexual em novilhas Nelore...
Seminário ANCP 2016 – Ricardo Viacava – Precocidade sexual em novilhas Nelore...Seminário ANCP 2016 – Ricardo Viacava – Precocidade sexual em novilhas Nelore...
Seminário ANCP 2016 – Ricardo Viacava – Precocidade sexual em novilhas Nelore...
 
Atualização dos protocolos de IATF, SOV/OPU-FIV E TETF para vacas de leite e ...
Atualização dos protocolos de IATF, SOV/OPU-FIV E TETF para vacas de leite e ...Atualização dos protocolos de IATF, SOV/OPU-FIV E TETF para vacas de leite e ...
Atualização dos protocolos de IATF, SOV/OPU-FIV E TETF para vacas de leite e ...
 

Semelhante a Apresentação workshop araguaína cassiano pelle - gerente técnico delta gen

Índice Reprodutivo Pfizer na Seleção de Fêmeas
Índice Reprodutivo Pfizer na Seleção de FêmeasÍndice Reprodutivo Pfizer na Seleção de Fêmeas
Índice Reprodutivo Pfizer na Seleção de Fêmeas
ANCP Ribeirão Preto
 
[Palestra] Marcio Ribeiro: Investimento em Genética Certificada: Experiência ...
[Palestra] Marcio Ribeiro: Investimento em Genética Certificada: Experiência ...[Palestra] Marcio Ribeiro: Investimento em Genética Certificada: Experiência ...
[Palestra] Marcio Ribeiro: Investimento em Genética Certificada: Experiência ...
AgroTalento
 
Eficiência Alimentar - Sr. Luciano Ribeiro - Rancho da Matinha
Eficiência Alimentar - Sr. Luciano Ribeiro - Rancho da MatinhaEficiência Alimentar - Sr. Luciano Ribeiro - Rancho da Matinha
Eficiência Alimentar - Sr. Luciano Ribeiro - Rancho da Matinha
ANCP Ribeirão Preto
 
08 - Uso dos marcadores de DNA Clarifide como ferramenta para selecionar anim...
08 - Uso dos marcadores de DNA Clarifide como ferramenta para selecionar anim...08 - Uso dos marcadores de DNA Clarifide como ferramenta para selecionar anim...
08 - Uso dos marcadores de DNA Clarifide como ferramenta para selecionar anim...
AgriPoint
 
[Palestra] Mauro Meneghetti: IATF: como obter resultados acima da média (Dado...
[Palestra] Mauro Meneghetti: IATF: como obter resultados acima da média (Dado...[Palestra] Mauro Meneghetti: IATF: como obter resultados acima da média (Dado...
[Palestra] Mauro Meneghetti: IATF: como obter resultados acima da média (Dado...
AgroTalento
 
121023 07-wbeef-engorda-a-pasto-flávio-resende
121023 07-wbeef-engorda-a-pasto-flávio-resende121023 07-wbeef-engorda-a-pasto-flávio-resende
121023 07-wbeef-engorda-a-pasto-flávio-resende
AgroTalento
 

Semelhante a Apresentação workshop araguaína cassiano pelle - gerente técnico delta gen (20)

Fórum Exagro 2015 - Oportunidades no sistema de cria
Fórum Exagro 2015 - Oportunidades no sistema de criaFórum Exagro 2015 - Oportunidades no sistema de cria
Fórum Exagro 2015 - Oportunidades no sistema de cria
 
Seminário ANCP 2019 - Estudos de validação Clarifide Nelore
Seminário ANCP 2019 - Estudos de validação Clarifide NeloreSeminário ANCP 2019 - Estudos de validação Clarifide Nelore
Seminário ANCP 2019 - Estudos de validação Clarifide Nelore
 
Prova de ganho de peso
Prova de ganho de pesoProva de ganho de peso
Prova de ganho de peso
 
Prova de Ganho de Peso
Prova de Ganho de PesoProva de Ganho de Peso
Prova de Ganho de Peso
 
Seminário 2023: Precocidade sexual em fêmeas e machos jovens: a ciência a fav...
Seminário 2023: Precocidade sexual em fêmeas e machos jovens: a ciência a fav...Seminário 2023: Precocidade sexual em fêmeas e machos jovens: a ciência a fav...
Seminário 2023: Precocidade sexual em fêmeas e machos jovens: a ciência a fav...
 
Agentes de Melhoramento Genético e Lucratividade
Agentes de Melhoramento Genético e LucratividadeAgentes de Melhoramento Genético e Lucratividade
Agentes de Melhoramento Genético e Lucratividade
 
Gestão do programa reprodutivo em bovinos de corte: da inseminação ao desarme
Gestão do programa reprodutivo em bovinos de corte: da inseminação ao desarmeGestão do programa reprodutivo em bovinos de corte: da inseminação ao desarme
Gestão do programa reprodutivo em bovinos de corte: da inseminação ao desarme
 
Índice Reprodutivo Pfizer na Seleção de Fêmeas
Índice Reprodutivo Pfizer na Seleção de FêmeasÍndice Reprodutivo Pfizer na Seleção de Fêmeas
Índice Reprodutivo Pfizer na Seleção de Fêmeas
 
Fórum Expogenética 2013- Precocidade Sexual em Bovinos de Corte
Fórum Expogenética 2013- Precocidade Sexual em Bovinos de CorteFórum Expogenética 2013- Precocidade Sexual em Bovinos de Corte
Fórum Expogenética 2013- Precocidade Sexual em Bovinos de Corte
 
[Palestra] Marcio Ribeiro: Investimento em Genética Certificada: Experiência ...
[Palestra] Marcio Ribeiro: Investimento em Genética Certificada: Experiência ...[Palestra] Marcio Ribeiro: Investimento em Genética Certificada: Experiência ...
[Palestra] Marcio Ribeiro: Investimento em Genética Certificada: Experiência ...
 
Fórum Expogenética 2013- Provas Desempenho
Fórum Expogenética 2013- Provas DesempenhoFórum Expogenética 2013- Provas Desempenho
Fórum Expogenética 2013- Provas Desempenho
 
Resultados Show da Carcaça 2015 - Prof. Dr. Sergio Pflanzer
Resultados Show da Carcaça 2015 - Prof. Dr. Sergio PflanzerResultados Show da Carcaça 2015 - Prof. Dr. Sergio Pflanzer
Resultados Show da Carcaça 2015 - Prof. Dr. Sergio Pflanzer
 
Eficiência Alimentar - Sr. Luciano Ribeiro - Rancho da Matinha
Eficiência Alimentar - Sr. Luciano Ribeiro - Rancho da MatinhaEficiência Alimentar - Sr. Luciano Ribeiro - Rancho da Matinha
Eficiência Alimentar - Sr. Luciano Ribeiro - Rancho da Matinha
 
08 - Uso dos marcadores de DNA Clarifide como ferramenta para selecionar anim...
08 - Uso dos marcadores de DNA Clarifide como ferramenta para selecionar anim...08 - Uso dos marcadores de DNA Clarifide como ferramenta para selecionar anim...
08 - Uso dos marcadores de DNA Clarifide como ferramenta para selecionar anim...
 
[Palestra] Mauro Meneghetti: IATF: como obter resultados acima da média (Dado...
[Palestra] Mauro Meneghetti: IATF: como obter resultados acima da média (Dado...[Palestra] Mauro Meneghetti: IATF: como obter resultados acima da média (Dado...
[Palestra] Mauro Meneghetti: IATF: como obter resultados acima da média (Dado...
 
Ensino Online - Importância econômica de touros geneticamente avaliado
Ensino Online - Importância econômica de touros geneticamente avaliadoEnsino Online - Importância econômica de touros geneticamente avaliado
Ensino Online - Importância econômica de touros geneticamente avaliado
 
Ensino Online - Clarifide Nelore 2.0
Ensino Online - Clarifide Nelore 2.0Ensino Online - Clarifide Nelore 2.0
Ensino Online - Clarifide Nelore 2.0
 
Você ainda acredita que bST é tudo igual?
Você ainda acredita que bST é tudo igual?Você ainda acredita que bST é tudo igual?
Você ainda acredita que bST é tudo igual?
 
Treinamento Clarifide Nelore 2.0
Treinamento Clarifide Nelore 2.0Treinamento Clarifide Nelore 2.0
Treinamento Clarifide Nelore 2.0
 
121023 07-wbeef-engorda-a-pasto-flávio-resende
121023 07-wbeef-engorda-a-pasto-flávio-resende121023 07-wbeef-engorda-a-pasto-flávio-resende
121023 07-wbeef-engorda-a-pasto-flávio-resende
 

Último

Plano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola públicaPlano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola pública
anapsuls
 

Último (20)

Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
Semana Interna de Prevenção de Acidentes SIPAT/2024
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é preciso
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
Plano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola públicaPlano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola pública
 
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdfPLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
PLANO DE ESTUDO TUTORADO COMPLEMENTAR 1 ANO 1 BIMESTRE.pdf
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 

Apresentação workshop araguaína cassiano pelle - gerente técnico delta gen

  • 1. A Genética na Pecuária Competitiva Cassiano Roberto Pelle Abril, 2015
  • 11. DeltaGen Histórico 201320011974 Nelore Braford 1993 Inicia-se no RS um, programa de avaliação genética baseada em escores visuais – raças Hereford e Braford
  • 12. DeltaGen Rebanho 200.000 26 membros 39 fazendas Vacas avaliadas 59.000Diretoria Presidente: Carlos Rodrigo Brüner (Tulipa) Vice-Presidente: Luis Henrique A Araújo (Terras Novas) Diretores: Guilherme Penteado Coelho (Tatuapé) Ian David Hill (Jacarezinho) Moacyr F Barbosa (Santa Teresa) Antônio Rezende (Grupo Rezende) Wilson Brochmann (Maragogipe) João Braido Neto (Grupo Braido) Élio Micheloni (Três Barras)
  • 14. DeltaGen - Objetivos Explorar e otimizar o potencial genético; Eficiência produtiva com animais adaptados buscando:  fertilidade precocidade sexual, de crescimento e de terminação rendimento de carcaça qualidade de carne Produzir reprodutores selecionados por características produtivas.
  • 15. DeltaGen - Objetivos Gerar, utilizar e difundir tecnologias Integração e intercâmbio entre os associados, somando esforços e reduzindo os riscos da atividade Lutar pelo fortalecimento e articulação da cadeia de carne bovina, buscando parcerias e vantagens com os diferentes segmentos do setor
  • 16. Peso e composição do peso - CPM Avaliação genética genealogia e desempenho próprio Touros provados Vacas avaliadas DeltaGen - Avaliação Genética PAD
  • 17. DeltaGen - Avaliação Genética Avaliação por produção C – Conformação P – Precocidade M - Musculatura Peso em Jejum Desmama e Sobreano Grupo de manejo Nota de 1 a 5 numa distribuição normal no grupo de manejo
  • 18. DeltaGen - Avaliação Genética Curvas de peso de acordo com o tempo de jejum parcial (YP) e total (YT) de animais de sobreano. 350 360 370 380 390 400 410 1 3 5 7 9 11 13 15 17 19 peso (kg) tempo (h) YP YT Carvalheiro et al. (1998)
  • 19. DeltaGen - Avaliação Genética 1.6 1.6 1.6 1.6 1.6 1.6 1.6 4.9 4.9 6.6 13.1 9.8 3.3 3.3 1.6 8.2 4.9 8.2 4.9 4.9 3.3 3.3 1.6 0 5 10 15 20 4 9 14 16 17 19 20 21 22 23 24 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 38 perda de peso (kg) % Frequência de classes de perda de peso de animais de sobreano submetidos à jejum total: Carvalheiro et al. (1998)
  • 20. DeltaGen - Avaliação Genética Conformação Precocidade Musculatura
  • 21. DeltaGen - Avaliação Genética Outras Características U – Umbigo (também na desmama) R – Caracterização Racial Os – Ossatura Pg - Pigmentação Sobreano Perímetro Escrotal Altura
  • 23. DeltaGen - Índice Genético Índice na desmama Índice na sobreano Índice Final Peso 23 4 8 8 23 4 8 8 14 Conformação ao sobreano Precocidade ao sobreano Musculatura ao sobreano Perímetro Escrotal ao sobreano Característica Dias para ganhar 160 Kg Conformação ao desmame Precocidade ao desmame Musculatura ao desmame Dias para ganhar 240 Kg Conectabilidade Importante
  • 24. DeltaGen Como poderemos ser mais eficientes????? - Identificar Animais Precoces Sexualmente - Identificar Animais Produtivos - Produzir Animais Precoces para Acabamento
  • 26. Base de dados DeltaGen • Dados de 12 fazendas que fazem desafio para precocidade sexual • 69.533 fêmeas desafiadas e com informação de idade ao primeiro parto (IPP)
  • 27. Categorias de precocidade sexual • Super-precoce (S): desafiadas no verão; IPP ≤ 25 meses • Precoce (P): desafiadas no outono; 23m < IPP < 30 m • Não-precoce (N): 30 m ≤ IPP ≤ 40m Comparação: desempenho próprio, performance reprodutiva e desempenho de bezerros
  • 28. Precocidade sexual 74.91% 23.42% 1.67% 0.00% 10.00% 20.00% 30.00% 40.00% 50.00% 60.00% 70.00% 80.00% N P S 0.00% 10.00% 20.00% 30.00% 40.00% 50.00% 60.00% 70.00% 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 % precoces (por safraN) ~25% de fêmeas precoces (S ou P) Média últimas 3 safras: ~37% (P+S)
  • 29. Desempenho próprio corrigido para GC e outros efeitos ambientais • Comparação: Precoces vs não-precoces Característica P - N significância PN -0.19 NS pesoD (kg) +3.10 <.0001 CD +0.19 <.0001 PD +0.30 <.0001 MD +0.28 <.0001 ALTD (cm) +0.05 NS pesoS (kg) +6.84 <.0001 CS +0.20 <.0001 PS +0.31 <.0001 MS +0.30 <.0001 ALTS (cm) +0.04 NS Sem diferença significativa entre precoce (P) e super-precoce (S)
  • 30. Sistema 18 meses Ajuste: GC ao sobreano (novilha) e sexo do 1º bezerro *Diferença significativa (P <0.001) • Reconcepção de primíparas (dados de 20.000 fêmeas) Diferença: +10.5 p.p. 70.90% 81.45% 68.23% 81.89% 0.00% 10.00% 20.00% 30.00% 40.00% 50.00% 60.00% 70.00% 80.00% 90.00% N P Reconcepção de primíparas* adj obs
  • 31. Sistema 18 meses Ajuste: GC (novilha) e sexo do 1º bezerro *Diferença significativa (P <0.001) • Número de partos até 53 meses (NP53) +0.15 bezerro +11.6kg desmamados 280.79 292.39 274.89 293.82 265 270 275 280 285 290 295 300 N P kg de bezerro desmamados até 53 meses* adj obs 1.61 1.76 1.59 1.77 1.5 1.55 1.6 1.65 1.7 1.75 1.8 N P Número de partos até 53 meses* adj obs
  • 32. Sistema 18 meses • Longevidade produtiva (84 meses) Ajuste: GC (novilha) e sexo do 1º bezerro *Diferença significativa (P <0.001) 453.82 488.97 426.42 483.51 390 400 410 420 430 440 450 460 470 480 490 500 N P kg de bezerro desmamados até 84 meses* adj obs 2.62 2.93 2.48 2.88 2.2 2.3 2.4 2.5 2.6 2.7 2.8 2.9 3 N P Número de partos até 84 meses* adj obs +0.31 bezerro +35.15 kg desmamados
  • 33. Sistema 14 meses • Comparação S vs N (608 fêmeas) - Reconcepção de primípras: diferença não-significativa Ajuste: GC (novilha) e sexo do 1º bezerro *Diferença significativa (P <0.001) +0.41 bezerro +72kg desmamados 1.76 2.17 1.66 2.22 0 0.5 1 1.5 2 2.5 N S NP53* adj obs 300.78 372.90 283.34 396.03 0 50 100 150 200 250 300 350 400 450 N S kg desmamados (53 meses)* adj obs
  • 34. DeltaGen Dados de campo da DeltaGen, para Precocidade Sexual:  Fêmeas Super Precoces: • 655 fêmeas expostas • 381 fêmeas com prenhez positiva • Índice de Prenhez: 58,70% 212 223 220 119 129 136 2011 2012 2013 Prenhez Super-Precoce Fêmeas Expostas Prenhez + Linear (Prenhez +) 56% 58% 62%
  • 36. Considerações • Fêmeas sexualmente precoces tendem a permanecer produtivas no rebanho por mais tempo (maior fertilidade e longevidade produtiva)  Desafio para precocidade sexual • Genômica: maior acurácia na seleção de animais jovens (IPP, RMAT, NP53, ...)
  • 38. DeltaGen  VACAS : Índice Desmama X Peso Desmame (Kg) 70 P.I. 79,8 kg x R$ 7,13 Kg/pv = R$ 562,56 70 P.I. x 1,14 Kg =y = 1,1384x + 187,75 R² = 0,1982 90 140 190 240 290 -40 -30 -20 -10 0 10 20 30 40 PesonaDemamadosProdutos(kg) Índice Desmama das Vacas
  • 39.
  • 40. DeltaGen  VACAS : Índice Final X Peso Desmama (Kg) 60 P.I. 69 Kg x R$ 7,13/Kg/pv = R$ 491,97 60 P.I. x 1,15 Kg =y = 1,1464x + 188,83 R² = 0,1379 90 140 190 240 290 -30 -20 -10 0 10 20 30 PesonaDesmamadosProdutos(kg) Índice Final das Vacas
  • 42. DeltaGen y = 3,056x + 323,9 R² = 0,380 150 200 250 300 350 400 450 500 550 -40 -30 -20 -10 0 10 20 30 40 Pesoaos550dias(kg) Índice Final  VACAS : Índice Final X Peso Sobreano (Kg) 60 P.I. + 6 @ x R$ 149,10/@ = + R$ 894,60 60 P.I. x 3,0 Kg =
  • 44. DeltaGen - Avaliação Genética Desmama Sobreano Touros Teste de progênie G Volume
  • 45. DeltaGen 128 84 90 40 50 60 70 80 90 100 110 120 130 140 150 -25 -20 -15 -10 -5 0 5 10 15 20 25 indF_CDG Ndias R2=0,19 Yp=GC+90-1,0959x+0,0410x2 • Como animal para abate – 44 dias a menos para o abate.
  • 46. DeltaGen • Abate mais jovem – 52 dias de idade a menos 769 717 730 630 650 670 690 710 730 750 770 790 810 830 850 -25 -20 -15 -10 -5 0 5 10 15 20 25 indF_CDG idadeS R2=0,67 Yp=GC+730-1,3151x+0,0330x2
  • 47. DeltaGen • Maior peso ao abate – 64 Kg à mais de peso 478 542 510 400 425 450 475 500 525 550 575 600 625 650 -25 -20 -15 -10 -5 0 5 10 15 20 25 indF_CDG pesoS R2=0,65 Yp=GC+510+1,6119x
  • 48. DeltaGen • Maior ganho de peso – 0,38 Kg à mais de ganho diário 1,26 1,64 1,45 0,80 1,00 1,20 1,40 1,60 1,80 2,00 2,20 2,40 2,60 -25 -20 -15 -10 -5 0 5 10 15 20 25 indF_CDG GMDconf R2=0,51 Yp=GC+1,45+0,0095x
  • 49. DeltaGen • N = 602 machos inteiros Nelore (566 com informação resgatada da base Aliança)
  • 55. DeltaGen - Recursos Necessários Recursos materiais mínimo 300 matrizes Balança para pesagem de bovinos; Equipamentos de informática; Recursos humanos Técnico responsável Consultoria em melhoramento genético.
  • 56. DeltaGen - Recursos Necessários Recursos técnicos Ter condições de produzir animais precoces; Registro individual e controle de produção em 100% dos animais envolvidos no programa; Mínimo de 25% de paternidade conhecida Avaliação de todos os produtos na desmama e de, no mínimo 50% no sobreano. Manual Técnico da DeltaGen
  • 57. DeltaGen - Regras e Critérios Estação de monta (max. 120 dias) Descartar vacas falhadas (opcional chance para as primíparas) Grupo de manejo Jejum para pesagens Datas para entrega de dados Somente 27% poderão receber CEIP Revisão dos candidatos feito pelo técnico responsável Usar Touros Jovens (10% dos nascidos) Treinamento (obrig.) dos avaliadores a cada 2 anos