SlideShare uma empresa Scribd logo
Perspectivas da Sociedade da
   Informação na Pesquisa de
Tecnologia da Informação no Setor
  Público Brasileiro: um Estudo
          Bibliométrico
                Julio Ernesto Colla
     Maria Alexandra Viegas Cortez da Cunha

     Pontifícia Universidade Católica do Paraná
                        Brasil
Objetivo de Artigo
•  Verificar a perspectiva teórica da pesquisa
   em Tecnologia da Informação no setor
   público brasileiro por meio de um estudo
   bibliométrico entre os anos de 2005 a
   2010.
Considerações Teóricas
•  Webster (2006)
  – A informação é característica do mundo
    contemporâneo
  – Por vezes conceitua-se a sociedade por meio
    dela, o que gera posições distintas dos
    cientistas.
  – Duas vertentes distintas: evolucionária e
    revolucionária.
O papel da informação na
           sociedade atual
Revolucionária                    Evolucionária
•  uma nova sociedade        •    a informatização é uma
                                  continuação das relações
   surgiu por meio da
                                  sociais
   informação.
                             •    é uma extensão das atividades
•  defende a noção de uma         de comunicação por outro
   sociedade da informação.       veículo,
•  um novo tipo de sociedade •    insistem e que só temos tido
   que emergiu da antiga.         a informatização das relações
•  a corrente revolucionária      estabelecidas.
   apregoa que a sociedade •      a corrente evolucionária acredita
   evolui em rupturas             em uma modernização reflexiva.
   distintas.
Autores e pontos de estudos das
      correntes de estudos
                  Revolucionária	

                         Evolucionária	

Pós-industrialismo D a n i e l B e l l e         New-marxismo       Herbert Schiller
                            seguidores
Pós-modernismo              Jean Baudrillard e   Teoria da regulação Michael Anglieta e
                            Mark Poster                              Alain Lipietz
E s p e c i a l i z a ç ã o Michael Piore,       Acumulação flexível David Harvey
flexível                    Charles Sabel,
                            Larry Hirschhorn
Modo informacional Manuel Castells               M o d e r n i z a ç ã o Anthony Giddens
de desenvolvimento                               reflexiva
                                                 Esfera pública          Jurgen Habermas e
                                                                         Nicolas Garnham
                                                                        Fonte: Webster, 2006
Metodologia
•  Dados da pesquisa: origem documental.
•  A coleta dos dados: manipulação dos artigos.
•  A perspectiva sobre o papel da informação dos autores dos
   artigos estudados não acontece sempre de forma deliberada :
   fundamentação teórica e posição analítica dos autores dos
   artigos analisados.
•  4,91 artigos em eventos (59) / 1 em periódico (12). Eventos são
   artigos em processo de formação, por vezes apresentados em
   mais de um evento.
Apresentação dos dados
Artigos analisados

•  eriódicos: 2008, 41,7% dos artigos analisados.
 P
•  ventos: 2007 com 22,5% do total dos artigos analisados.
 E
•  bom desempenho nas publicações em eventos nos anos de
 O
2006 e 2007 talvez explique o bom desempenho de publicação
de artigos em periódicos no ano de 2008.

Esfera de estudos

•  sfera municipal – 38% do total (50% em periódicos e 35% em
 E
eventos)
•  sfera federal - 21,1%
 E
•  sfera estadual - 22,5%
 E
Apresentação dos dados
Objeto do estudo
•  eriódicos
 P
  – Administração direta - 66,7%
  – Administração indireta – 33,3%
  – Não houve publicações de artigos que
    estudassem TI em empresas públicas.
•  ventos
 E
  – Administração direta - 55,9% do total de artigos
    apresentados em eventos
  – Administração indireta – 44,1%
Apresentação dos dados
Tipo de estudos
•  redomínio de trabalhos empíricos.
 P
•  uando observado apenas os ensaios, há uma
 Q
proporção maior desses nos eventos frente aos
periódicos.
Abordagem dos estudos
•  aior volume de trabalhos declarados exploratórios.
 M
•  stágio inicial do campo pesquisado na academia
 E
brasileira ou, ainda, o isolamento das pesquisas na área,
ou seja, o não engajamento das publicações como parte
integrante de projetos mais robustos.
Abordagem Teórica
•  Periódicos - abordagem teórica evolucionária.
•  Eventos       - perspectiva teórica evolucionária (62,7%)
                 - perspectiva teórica revolucionária (37,35)

•  Produção acadêmica brasileira de 2005 a 2008:
    –  Perspectiva teórica evolucionária - 69%
    –  Perspectiva teórica revolucionária – 31%

•  Abordagem exploratória
    –  Perspectiva teórica evolucionária - 73%
    –  Perspectiva teórica revolucionária – 26,7%

•  Com relação aos que não tinham cunho exploratório
    –  Perspectiva teórica evolucionária – 61,5%
    –  Perspectiva teórica revolucionária 38,5%
Abordagem Teórica
•  Esfera federal - predomínio da corrente revolucionária.
•  Esfera estadual - evolucionária
•  Esfera municipal - evolucionária.
•  Quando os artigos analisados não apresentavam uma
   esfera clara de análise, pois consistiam principalmente
   de ensaios teóricos, a predominância ocorreu com a
   base teórica evolucionária.
•  As correntes teóricas utilizadas como lente para a
   observação do uso de TIC no setor público pela
   academia brasileira, por tipo de trabalho, foram
   predominantemente influenciadas pela perspectiva
   evolucionária.
Conclusões
•  Os dados sugerem...
  – Tendência de aumento na produção acadêmica
    no tema tanto em eventos quanto em periódicos,
  – Maior número de publicações em eventos num
    ano reflete-se em maior número de publicações
    em artigos em periódicos no período seguinte.
  – Pequeno número de trabalhos na forma de
    ensaio teórico.
  – A academia nacional como ainda consumidora de
    conhecimento no tema. Tal fato é corroborado
    pela grande quantidade, maioria dos trabalhos,
    com abordagem exploratória.
Conclusões
Os dados sugerem que...
–  corrente teórica evolucionária que apregoa a informação
 a
como uma continuidade das relações sociais já existentes
por meio da extensão das atividades de comunicação é a
única nos artigos expostos nos periódicos nacionais;
–  s estudos adeptos da perspectiva evolucionária são
 o
predominantemente exploratórios;
–  entre as esferas governamentais, a corrente evolucionária
 d
somente não foi predominante nos estudos que
pesquisavam a esfera federal;
– anto em artigos empíricos quanto ensaios há predomínio
 t
da corrente evolucionária entre os autores nacionais;
Conclusões
Os dados sugerem...
–  ue a corrente evolucionária domina o pensamento
  q
teórico dos autores brasileiros, não só em quantidade
como também em relevância.
–  relevância da corrente evolucionária pode ser
  a
entendida pelo fato de que não foi encontrado
nenhum artigo da corrente revolucionária nos
periódicos analisados.
–  corrente teórica revolucionária, somente foi
  a
encontrado pequena superioridade na quantidade de
artigos que tinha a esfera federal como objeto de
estudo.
Conclusões
•  É possível afirmar, então, que os
   pesquisadores brasileiros adotam
   predominantemente a perspectiva
   evolucionária para a observação do
   fenômeno da TI no setor público brasileiro
•  Acreditam que a Tecnologia da
   Informação está subordinada às práticas
   estabelecidas pela sociedade ao longo do
   tempo.
Obrigada!
•  juliocolla@gmail.com
•  alexandra.cunha@pucpr.br

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Perspectivas da Sociedade da Informação na Pesquisa de Tecnologia da Informação no Setor Público Brasileiro: um Estudo Bibliométrico

Apostila de método de pesquisa 2
Apostila de  método de pesquisa 2 Apostila de  método de pesquisa 2
Apostila de método de pesquisa 2
Alessandro Chaves Borba
 
Aula 1-metodologia-da-pesquisa
Aula 1-metodologia-da-pesquisaAula 1-metodologia-da-pesquisa
Aula 1-metodologia-da-pesquisa
PT
 
Aula 1-metodologia-da-pesquisa
Aula 1-metodologia-da-pesquisaAula 1-metodologia-da-pesquisa
Aula 1-metodologia-da-pesquisa
clayton Clayton
 
Pesquisas educacionais
Pesquisas educacionaisPesquisas educacionais
Pesquisas educacionais
Ana Rodrigues
 
Internacionalização da educação superior no Brasil: mapeando um domínio
 Internacionalização da educação superior no Brasil: mapeando um domínio Internacionalização da educação superior no Brasil: mapeando um domínio
Internacionalização da educação superior no Brasil: mapeando um domínio
VI EBBC - Encontro Brasileiro de Bibliometria e Cientometria
 
Estado da arte da Altmetria
Estado da arte da AltmetriaEstado da arte da Altmetria
Estado da arte da Altmetria
Iara Vidal Pereira de Souza
 
Questoes críticas na investigacao qualitativa sob um ponto de vista sociocult...
Questoes críticas na investigacao qualitativa sob um ponto de vista sociocult...Questoes críticas na investigacao qualitativa sob um ponto de vista sociocult...
Questoes críticas na investigacao qualitativa sob um ponto de vista sociocult...
João Matos
 
Estrutura de Procedimento da Pesquisa Qualitativa
Estrutura de Procedimento da Pesquisa QualitativaEstrutura de Procedimento da Pesquisa Qualitativa
Estrutura de Procedimento da Pesquisa Qualitativa
Felipe Silva
 
Passos da pesquisa.ppt
Passos da pesquisa.pptPassos da pesquisa.ppt
Passos da pesquisa.ppt
Lucovolan
 
Folkcomunicação
FolkcomunicaçãoFolkcomunicação
Folkcomunicação
Guilherme Carvalho
 
Introducao as relacoes_internacionais-9788537817698
Introducao as relacoes_internacionais-9788537817698Introducao as relacoes_internacionais-9788537817698
Introducao as relacoes_internacionais-9788537817698
Cleidy António
 
Capítulo 01 produção de conhecimento uma característica das sociedades humanas
Capítulo 01 produção de conhecimento uma característica das sociedades humanasCapítulo 01 produção de conhecimento uma característica das sociedades humanas
Capítulo 01 produção de conhecimento uma característica das sociedades humanas
José Soares Filho
 
Análise bibliométrica de produção científica sobre gestão do conhecimento co...
Análise bibliométrica de produção científica sobre gestão do conhecimento  co...Análise bibliométrica de produção científica sobre gestão do conhecimento  co...
Análise bibliométrica de produção científica sobre gestão do conhecimento co...
Angelina Licório
 
Sarita Albagli - Que Ciência Aberta?
Sarita Albagli - Que Ciência Aberta?Sarita Albagli - Que Ciência Aberta?
Sarita Albagli - Que Ciência Aberta?
SciELO - Scientific Electronic Library Online
 
A "sociedade" no enfoque CTS - ressignificações sobre as atividades científic...
A "sociedade" no enfoque CTS - ressignificações sobre as atividades científic...A "sociedade" no enfoque CTS - ressignificações sobre as atividades científic...
A "sociedade" no enfoque CTS - ressignificações sobre as atividades científic...
Leonardo Kaplan
 
Usuários da informação sob a perspectiva fenomenológica: revisão de literatur...
Usuários da informação sob a perspectiva fenomenológica: revisão de literatur...Usuários da informação sob a perspectiva fenomenológica: revisão de literatur...
Usuários da informação sob a perspectiva fenomenológica: revisão de literatur...
Epic UFMG
 
History of the Qualitative Research
History of the Qualitative ResearchHistory of the Qualitative Research
History of the Qualitative Research
Amanda da Silveira
 
Universidade popular dos movimentos sociais
Universidade popular dos movimentos sociaisUniversidade popular dos movimentos sociais
Universidade popular dos movimentos sociais
Lívia Willborn
 
Seminário1.ppt
 Seminário1.ppt  Seminário1.ppt
Seminário1.ppt
leticiafpereira
 
Altmetria de artigos de periódicos brasileiros de acesso aberto na ScienceOpe...
Altmetria de artigos de periódicos brasileiros de acesso aberto na ScienceOpe...Altmetria de artigos de periódicos brasileiros de acesso aberto na ScienceOpe...
Altmetria de artigos de periódicos brasileiros de acesso aberto na ScienceOpe...
Conferência Luso-Brasileira de Ciência Aberta
 

Semelhante a Perspectivas da Sociedade da Informação na Pesquisa de Tecnologia da Informação no Setor Público Brasileiro: um Estudo Bibliométrico (20)

Apostila de método de pesquisa 2
Apostila de  método de pesquisa 2 Apostila de  método de pesquisa 2
Apostila de método de pesquisa 2
 
Aula 1-metodologia-da-pesquisa
Aula 1-metodologia-da-pesquisaAula 1-metodologia-da-pesquisa
Aula 1-metodologia-da-pesquisa
 
Aula 1-metodologia-da-pesquisa
Aula 1-metodologia-da-pesquisaAula 1-metodologia-da-pesquisa
Aula 1-metodologia-da-pesquisa
 
Pesquisas educacionais
Pesquisas educacionaisPesquisas educacionais
Pesquisas educacionais
 
Internacionalização da educação superior no Brasil: mapeando um domínio
 Internacionalização da educação superior no Brasil: mapeando um domínio Internacionalização da educação superior no Brasil: mapeando um domínio
Internacionalização da educação superior no Brasil: mapeando um domínio
 
Estado da arte da Altmetria
Estado da arte da AltmetriaEstado da arte da Altmetria
Estado da arte da Altmetria
 
Questoes críticas na investigacao qualitativa sob um ponto de vista sociocult...
Questoes críticas na investigacao qualitativa sob um ponto de vista sociocult...Questoes críticas na investigacao qualitativa sob um ponto de vista sociocult...
Questoes críticas na investigacao qualitativa sob um ponto de vista sociocult...
 
Estrutura de Procedimento da Pesquisa Qualitativa
Estrutura de Procedimento da Pesquisa QualitativaEstrutura de Procedimento da Pesquisa Qualitativa
Estrutura de Procedimento da Pesquisa Qualitativa
 
Passos da pesquisa.ppt
Passos da pesquisa.pptPassos da pesquisa.ppt
Passos da pesquisa.ppt
 
Folkcomunicação
FolkcomunicaçãoFolkcomunicação
Folkcomunicação
 
Introducao as relacoes_internacionais-9788537817698
Introducao as relacoes_internacionais-9788537817698Introducao as relacoes_internacionais-9788537817698
Introducao as relacoes_internacionais-9788537817698
 
Capítulo 01 produção de conhecimento uma característica das sociedades humanas
Capítulo 01 produção de conhecimento uma característica das sociedades humanasCapítulo 01 produção de conhecimento uma característica das sociedades humanas
Capítulo 01 produção de conhecimento uma característica das sociedades humanas
 
Análise bibliométrica de produção científica sobre gestão do conhecimento co...
Análise bibliométrica de produção científica sobre gestão do conhecimento  co...Análise bibliométrica de produção científica sobre gestão do conhecimento  co...
Análise bibliométrica de produção científica sobre gestão do conhecimento co...
 
Sarita Albagli - Que Ciência Aberta?
Sarita Albagli - Que Ciência Aberta?Sarita Albagli - Que Ciência Aberta?
Sarita Albagli - Que Ciência Aberta?
 
A "sociedade" no enfoque CTS - ressignificações sobre as atividades científic...
A "sociedade" no enfoque CTS - ressignificações sobre as atividades científic...A "sociedade" no enfoque CTS - ressignificações sobre as atividades científic...
A "sociedade" no enfoque CTS - ressignificações sobre as atividades científic...
 
Usuários da informação sob a perspectiva fenomenológica: revisão de literatur...
Usuários da informação sob a perspectiva fenomenológica: revisão de literatur...Usuários da informação sob a perspectiva fenomenológica: revisão de literatur...
Usuários da informação sob a perspectiva fenomenológica: revisão de literatur...
 
History of the Qualitative Research
History of the Qualitative ResearchHistory of the Qualitative Research
History of the Qualitative Research
 
Universidade popular dos movimentos sociais
Universidade popular dos movimentos sociaisUniversidade popular dos movimentos sociais
Universidade popular dos movimentos sociais
 
Seminário1.ppt
 Seminário1.ppt  Seminário1.ppt
Seminário1.ppt
 
Altmetria de artigos de periódicos brasileiros de acesso aberto na ScienceOpe...
Altmetria de artigos de periódicos brasileiros de acesso aberto na ScienceOpe...Altmetria de artigos de periódicos brasileiros de acesso aberto na ScienceOpe...
Altmetria de artigos de periódicos brasileiros de acesso aberto na ScienceOpe...
 

Mais de CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba

2019 cidades inteligentes evento sp design urbano- multidimensilalidade das c...
2019 cidades inteligentes evento sp design urbano- multidimensilalidade das c...2019 cidades inteligentes evento sp design urbano- multidimensilalidade das c...
2019 cidades inteligentes evento sp design urbano- multidimensilalidade das c...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Inovação como Fator Estratégico de Empresas Localizadas em Clusters Industria...
Inovação como Fator Estratégico de Empresas Localizadas em Clusters Industria...Inovação como Fator Estratégico de Empresas Localizadas em Clusters Industria...
Inovação como Fator Estratégico de Empresas Localizadas em Clusters Industria...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Jv l 130303-prä-opengovernmentcollaboration-brazil-en-v1
Jv l 130303-prä-opengovernmentcollaboration-brazil-en-v1Jv l 130303-prä-opengovernmentcollaboration-brazil-en-v1
Jv l 130303-prä-opengovernmentcollaboration-brazil-en-v1
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
"Aportes para el Gobierno Abierto y la entrega de servicios: Experiencias can...
"Aportes para el Gobierno Abierto y la entrega de servicios: Experiencias can..."Aportes para el Gobierno Abierto y la entrega de servicios: Experiencias can...
"Aportes para el Gobierno Abierto y la entrega de servicios: Experiencias can...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Características da inocação em tic no setor público brasileiro
Características da inocação em tic no setor público brasileiroCaracterísticas da inocação em tic no setor público brasileiro
Características da inocação em tic no setor público brasileiro
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Evolução das aplicações no setor púlico
Evolução das aplicações no setor púlicoEvolução das aplicações no setor púlico
Evolução das aplicações no setor púlico
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
A governança de ti sob a ótica da teoria da representação social uma verific...
A governança de ti sob a ótica da teoria da representação social  uma verific...A governança de ti sob a ótica da teoria da representação social  uma verific...
A governança de ti sob a ótica da teoria da representação social uma verific...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
A influência da Colaboração na Inovatividade: um estudo de caso no processo d...
A influência da Colaboração na Inovatividade: um estudo de caso no processo d...A influência da Colaboração na Inovatividade: um estudo de caso no processo d...
A influência da Colaboração na Inovatividade: um estudo de caso no processo d...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
PROJETO DE PESQUISAA INFLUÊNCIA DA GESTÃO DE PROJETOS NO DESEMPENHO EMPRESARI...
PROJETO DE PESQUISAA INFLUÊNCIA DA GESTÃO DE PROJETOS NO DESEMPENHO EMPRESARI...PROJETO DE PESQUISAA INFLUÊNCIA DA GESTÃO DE PROJETOS NO DESEMPENHO EMPRESARI...
PROJETO DE PESQUISAA INFLUÊNCIA DA GESTÃO DE PROJETOS NO DESEMPENHO EMPRESARI...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
A influência da cultura na execução da estratégia
A influência da cultura na execução da estratégiaA influência da cultura na execução da estratégia
A influência da cultura na execução da estratégia
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Grupo pesquisa gci2 2
Grupo pesquisa gci2 2Grupo pesquisa gci2 2
Grupo pesquisa gci2 2
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Inovação Aberta e Habitats de Inovação
Inovação Aberta e Habitats de InovaçãoInovação Aberta e Habitats de Inovação
Inovação Aberta e Habitats de Inovação
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Evolução das Aplicações de TIC no Setor Público Brasileiro
Evolução das Aplicações de TIC no Setor Público BrasileiroEvolução das Aplicações de TIC no Setor Público Brasileiro
Evolução das Aplicações de TIC no Setor Público Brasileiro
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
DINÂMICA DE RELACIONAMENTO ENTRE ATORES DE PROJETOS GOVERNAMENTAIS: O CASO D...
 DINÂMICA DE RELACIONAMENTO ENTRE ATORES DE PROJETOS GOVERNAMENTAIS: O CASO D... DINÂMICA DE RELACIONAMENTO ENTRE ATORES DE PROJETOS GOVERNAMENTAIS: O CASO D...
DINÂMICA DE RELACIONAMENTO ENTRE ATORES DE PROJETOS GOVERNAMENTAIS: O CASO D...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
"Capital intelectual e retenção de talentos nas indústrias têxteis de Jaraguá...
"Capital intelectual e retenção de talentos nas indústrias têxteis de Jaraguá..."Capital intelectual e retenção de talentos nas indústrias têxteis de Jaraguá...
"Capital intelectual e retenção de talentos nas indústrias têxteis de Jaraguá...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
nformacão, Tecnologia, Planejamento Ambiental e Municipal para Apoio na Gestã...
nformacão, Tecnologia, Planejamento Ambiental e Municipal para Apoio na Gestã...nformacão, Tecnologia, Planejamento Ambiental e Municipal para Apoio na Gestã...
nformacão, Tecnologia, Planejamento Ambiental e Municipal para Apoio na Gestã...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Adoção da tecnologia SMS na Prestação de Serviços Públicos: A perspectiva do ...
Adoção da tecnologia SMS na Prestação de Serviços Públicos: A perspectiva do ...Adoção da tecnologia SMS na Prestação de Serviços Públicos: A perspectiva do ...
Adoção da tecnologia SMS na Prestação de Serviços Públicos: A perspectiva do ...
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 
Relatório pibic 2009 10
Relatório pibic 2009 10Relatório pibic 2009 10
Relatório pibic 2009 10
CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba
 

Mais de CTG SUNY Albany and UFPR Curitiba (20)

2019 cidades inteligentes evento sp design urbano- multidimensilalidade das c...
2019 cidades inteligentes evento sp design urbano- multidimensilalidade das c...2019 cidades inteligentes evento sp design urbano- multidimensilalidade das c...
2019 cidades inteligentes evento sp design urbano- multidimensilalidade das c...
 
Inovação como Fator Estratégico de Empresas Localizadas em Clusters Industria...
Inovação como Fator Estratégico de Empresas Localizadas em Clusters Industria...Inovação como Fator Estratégico de Empresas Localizadas em Clusters Industria...
Inovação como Fator Estratégico de Empresas Localizadas em Clusters Industria...
 
Jv l 130303-prä-opengovernmentcollaboration-brazil-en-v1
Jv l 130303-prä-opengovernmentcollaboration-brazil-en-v1Jv l 130303-prä-opengovernmentcollaboration-brazil-en-v1
Jv l 130303-prä-opengovernmentcollaboration-brazil-en-v1
 
"Aportes para el Gobierno Abierto y la entrega de servicios: Experiencias can...
"Aportes para el Gobierno Abierto y la entrega de servicios: Experiencias can..."Aportes para el Gobierno Abierto y la entrega de servicios: Experiencias can...
"Aportes para el Gobierno Abierto y la entrega de servicios: Experiencias can...
 
Características da inocação em tic no setor público brasileiro
Características da inocação em tic no setor público brasileiroCaracterísticas da inocação em tic no setor público brasileiro
Características da inocação em tic no setor público brasileiro
 
Evolução das aplicações no setor púlico
Evolução das aplicações no setor púlicoEvolução das aplicações no setor púlico
Evolução das aplicações no setor púlico
 
A governança de ti sob a ótica da teoria da representação social uma verific...
A governança de ti sob a ótica da teoria da representação social  uma verific...A governança de ti sob a ótica da teoria da representação social  uma verific...
A governança de ti sob a ótica da teoria da representação social uma verific...
 
A influência da Colaboração na Inovatividade: um estudo de caso no processo d...
A influência da Colaboração na Inovatividade: um estudo de caso no processo d...A influência da Colaboração na Inovatividade: um estudo de caso no processo d...
A influência da Colaboração na Inovatividade: um estudo de caso no processo d...
 
PROJETO DE PESQUISAA INFLUÊNCIA DA GESTÃO DE PROJETOS NO DESEMPENHO EMPRESARI...
PROJETO DE PESQUISAA INFLUÊNCIA DA GESTÃO DE PROJETOS NO DESEMPENHO EMPRESARI...PROJETO DE PESQUISAA INFLUÊNCIA DA GESTÃO DE PROJETOS NO DESEMPENHO EMPRESARI...
PROJETO DE PESQUISAA INFLUÊNCIA DA GESTÃO DE PROJETOS NO DESEMPENHO EMPRESARI...
 
A influência da cultura na execução da estratégia
A influência da cultura na execução da estratégiaA influência da cultura na execução da estratégia
A influência da cultura na execução da estratégia
 
Grupo pesquisa gci2 2
Grupo pesquisa gci2 2Grupo pesquisa gci2 2
Grupo pesquisa gci2 2
 
Inovação Aberta e Habitats de Inovação
Inovação Aberta e Habitats de InovaçãoInovação Aberta e Habitats de Inovação
Inovação Aberta e Habitats de Inovação
 
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
 
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
As tecnologias da Informação e Comunicação e a Participação na Tomada de Deci...
 
Evolução das Aplicações de TIC no Setor Público Brasileiro
Evolução das Aplicações de TIC no Setor Público BrasileiroEvolução das Aplicações de TIC no Setor Público Brasileiro
Evolução das Aplicações de TIC no Setor Público Brasileiro
 
DINÂMICA DE RELACIONAMENTO ENTRE ATORES DE PROJETOS GOVERNAMENTAIS: O CASO D...
 DINÂMICA DE RELACIONAMENTO ENTRE ATORES DE PROJETOS GOVERNAMENTAIS: O CASO D... DINÂMICA DE RELACIONAMENTO ENTRE ATORES DE PROJETOS GOVERNAMENTAIS: O CASO D...
DINÂMICA DE RELACIONAMENTO ENTRE ATORES DE PROJETOS GOVERNAMENTAIS: O CASO D...
 
"Capital intelectual e retenção de talentos nas indústrias têxteis de Jaraguá...
"Capital intelectual e retenção de talentos nas indústrias têxteis de Jaraguá..."Capital intelectual e retenção de talentos nas indústrias têxteis de Jaraguá...
"Capital intelectual e retenção de talentos nas indústrias têxteis de Jaraguá...
 
nformacão, Tecnologia, Planejamento Ambiental e Municipal para Apoio na Gestã...
nformacão, Tecnologia, Planejamento Ambiental e Municipal para Apoio na Gestã...nformacão, Tecnologia, Planejamento Ambiental e Municipal para Apoio na Gestã...
nformacão, Tecnologia, Planejamento Ambiental e Municipal para Apoio na Gestã...
 
Adoção da tecnologia SMS na Prestação de Serviços Públicos: A perspectiva do ...
Adoção da tecnologia SMS na Prestação de Serviços Públicos: A perspectiva do ...Adoção da tecnologia SMS na Prestação de Serviços Públicos: A perspectiva do ...
Adoção da tecnologia SMS na Prestação de Serviços Públicos: A perspectiva do ...
 
Relatório pibic 2009 10
Relatório pibic 2009 10Relatório pibic 2009 10
Relatório pibic 2009 10
 

Último

Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
InsttLcioEvangelista
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Dantas
 
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoedaRevolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Renan Batista Bitcoin
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
AlfeuBuriti1
 

Último (7)

Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
 
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoedaRevolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
 

Perspectivas da Sociedade da Informação na Pesquisa de Tecnologia da Informação no Setor Público Brasileiro: um Estudo Bibliométrico

  • 1. Perspectivas da Sociedade da Informação na Pesquisa de Tecnologia da Informação no Setor Público Brasileiro: um Estudo Bibliométrico Julio Ernesto Colla Maria Alexandra Viegas Cortez da Cunha Pontifícia Universidade Católica do Paraná Brasil
  • 2. Objetivo de Artigo •  Verificar a perspectiva teórica da pesquisa em Tecnologia da Informação no setor público brasileiro por meio de um estudo bibliométrico entre os anos de 2005 a 2010.
  • 3. Considerações Teóricas •  Webster (2006) – A informação é característica do mundo contemporâneo – Por vezes conceitua-se a sociedade por meio dela, o que gera posições distintas dos cientistas. – Duas vertentes distintas: evolucionária e revolucionária.
  • 4. O papel da informação na sociedade atual Revolucionária Evolucionária •  uma nova sociedade •  a informatização é uma continuação das relações surgiu por meio da sociais informação. •  é uma extensão das atividades •  defende a noção de uma de comunicação por outro sociedade da informação. veículo, •  um novo tipo de sociedade •  insistem e que só temos tido que emergiu da antiga. a informatização das relações •  a corrente revolucionária estabelecidas. apregoa que a sociedade •  a corrente evolucionária acredita evolui em rupturas em uma modernização reflexiva. distintas.
  • 5. Autores e pontos de estudos das correntes de estudos Revolucionária Evolucionária Pós-industrialismo D a n i e l B e l l e New-marxismo Herbert Schiller seguidores Pós-modernismo Jean Baudrillard e Teoria da regulação Michael Anglieta e Mark Poster Alain Lipietz E s p e c i a l i z a ç ã o Michael Piore, Acumulação flexível David Harvey flexível Charles Sabel, Larry Hirschhorn Modo informacional Manuel Castells M o d e r n i z a ç ã o Anthony Giddens de desenvolvimento reflexiva Esfera pública Jurgen Habermas e Nicolas Garnham Fonte: Webster, 2006
  • 6. Metodologia •  Dados da pesquisa: origem documental. •  A coleta dos dados: manipulação dos artigos. •  A perspectiva sobre o papel da informação dos autores dos artigos estudados não acontece sempre de forma deliberada : fundamentação teórica e posição analítica dos autores dos artigos analisados. •  4,91 artigos em eventos (59) / 1 em periódico (12). Eventos são artigos em processo de formação, por vezes apresentados em mais de um evento.
  • 7. Apresentação dos dados Artigos analisados •  eriódicos: 2008, 41,7% dos artigos analisados. P •  ventos: 2007 com 22,5% do total dos artigos analisados. E •  bom desempenho nas publicações em eventos nos anos de O 2006 e 2007 talvez explique o bom desempenho de publicação de artigos em periódicos no ano de 2008. Esfera de estudos •  sfera municipal – 38% do total (50% em periódicos e 35% em E eventos) •  sfera federal - 21,1% E •  sfera estadual - 22,5% E
  • 8. Apresentação dos dados Objeto do estudo •  eriódicos P – Administração direta - 66,7% – Administração indireta – 33,3% – Não houve publicações de artigos que estudassem TI em empresas públicas. •  ventos E – Administração direta - 55,9% do total de artigos apresentados em eventos – Administração indireta – 44,1%
  • 9. Apresentação dos dados Tipo de estudos •  redomínio de trabalhos empíricos. P •  uando observado apenas os ensaios, há uma Q proporção maior desses nos eventos frente aos periódicos. Abordagem dos estudos •  aior volume de trabalhos declarados exploratórios. M •  stágio inicial do campo pesquisado na academia E brasileira ou, ainda, o isolamento das pesquisas na área, ou seja, o não engajamento das publicações como parte integrante de projetos mais robustos.
  • 10. Abordagem Teórica •  Periódicos - abordagem teórica evolucionária. •  Eventos - perspectiva teórica evolucionária (62,7%) - perspectiva teórica revolucionária (37,35) •  Produção acadêmica brasileira de 2005 a 2008: –  Perspectiva teórica evolucionária - 69% –  Perspectiva teórica revolucionária – 31% •  Abordagem exploratória –  Perspectiva teórica evolucionária - 73% –  Perspectiva teórica revolucionária – 26,7% •  Com relação aos que não tinham cunho exploratório –  Perspectiva teórica evolucionária – 61,5% –  Perspectiva teórica revolucionária 38,5%
  • 11. Abordagem Teórica •  Esfera federal - predomínio da corrente revolucionária. •  Esfera estadual - evolucionária •  Esfera municipal - evolucionária. •  Quando os artigos analisados não apresentavam uma esfera clara de análise, pois consistiam principalmente de ensaios teóricos, a predominância ocorreu com a base teórica evolucionária. •  As correntes teóricas utilizadas como lente para a observação do uso de TIC no setor público pela academia brasileira, por tipo de trabalho, foram predominantemente influenciadas pela perspectiva evolucionária.
  • 12. Conclusões •  Os dados sugerem... – Tendência de aumento na produção acadêmica no tema tanto em eventos quanto em periódicos, – Maior número de publicações em eventos num ano reflete-se em maior número de publicações em artigos em periódicos no período seguinte. – Pequeno número de trabalhos na forma de ensaio teórico. – A academia nacional como ainda consumidora de conhecimento no tema. Tal fato é corroborado pela grande quantidade, maioria dos trabalhos, com abordagem exploratória.
  • 13. Conclusões Os dados sugerem que... –  corrente teórica evolucionária que apregoa a informação a como uma continuidade das relações sociais já existentes por meio da extensão das atividades de comunicação é a única nos artigos expostos nos periódicos nacionais; –  s estudos adeptos da perspectiva evolucionária são o predominantemente exploratórios; –  entre as esferas governamentais, a corrente evolucionária d somente não foi predominante nos estudos que pesquisavam a esfera federal; – anto em artigos empíricos quanto ensaios há predomínio t da corrente evolucionária entre os autores nacionais;
  • 14. Conclusões Os dados sugerem... –  ue a corrente evolucionária domina o pensamento q teórico dos autores brasileiros, não só em quantidade como também em relevância. –  relevância da corrente evolucionária pode ser a entendida pelo fato de que não foi encontrado nenhum artigo da corrente revolucionária nos periódicos analisados. –  corrente teórica revolucionária, somente foi a encontrado pequena superioridade na quantidade de artigos que tinha a esfera federal como objeto de estudo.
  • 15. Conclusões •  É possível afirmar, então, que os pesquisadores brasileiros adotam predominantemente a perspectiva evolucionária para a observação do fenômeno da TI no setor público brasileiro •  Acreditam que a Tecnologia da Informação está subordinada às práticas estabelecidas pela sociedade ao longo do tempo.