SlideShare uma empresa Scribd logo
alunos: Webert,Ronaldo,Kleber.Eletromecânicaintegrado  A escrita dos sumérios
Na Mesopotâmia e no antigo Egito, há cerca de cinco mil anos, surgiu a escrita, uma forma de comunicação que praticamente separou a pré-história da História. Os sumérios e os egípcios foram os primeiros povos a desenvolverem códigos que permitiram registrar os acontecimentos de sua época, o cotidiano da população, os atos administrativos, a religião. Muito do que sabemos hoje do passado da civilização se deve à invenção da escrita. As primeiras formas dela foram a cuneiforme, dos sumérios(de qual iremos falar), e os hieróglifos e a escrita demótica dos antigos egípcios.A escrita dos Sumérios.
Alfabeto SumérioO alfabeto dos sumérios contem 26 (vinte e seis) letras como os demais.Sua escrita e sua língua não se assemelham a qualquer outra já conhecidas.E suas origens são praticamente desconhecidas.
Alfabeto sumérioUma enorme contribuição cultural dos sumérios foi o a criação do sistema de escrita cuneiforme , por volta de 4000 a.C. Neste sistema, os sinais representavam idéias e objetos. Usavam placas de argila (barro), onde cunhavam (marcavam com cunhas) esta escrita. Muito do que sabemos atualmente, sobre este período da história, devemos as placas de barro com registros cotidianos, econômicos, administrativos e políticos deste período.
Alfabeto Cuneiforme. Os Sumérios utilizam o alfabeto cuneiforme impresso em placas de argila cozidas ou secas ao sol
Escrita Cuneiforme.As tabuletas cuneiformes podiam ser cozidas em fornos para prover um registro permanente. Muitas das tabuletas achadas por arqueólogos foram preservadas porque foram «cozidas» durante os ataques incendiários de exércitos inimigos, contra os edifícios no qual as tabuletas eram mantidas.
Escrita cuneiforme. A compreensão dos textos sumérios hoje em dia pode ser problemática até mesmo para especialistas. Os textos mais antigos são os mais difíceis, pois não mostram a estrutura gramatical da língua de forma sólida.
Evolução Gráfica.A escrita cuneiforme também era representada por símbolos.
Evolução Grafica.Os sumérios foram os primeiros a evoluir seu sistema de pictogramas para um alfabeto um pouco mais complexo.
Evolução Gráfica.Evolução gráfica dos algarismos de origem suméria.
Evolução Gráfica.Esse era o calendário dos sumérios.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Números Romanos
Números RomanosNúmeros Romanos
Números Romanos
Márcio Ribeiro
 
História, fontes e historiadores
História, fontes e historiadoresHistória, fontes e historiadores
História, fontes e historiadores
Ivanilton Junior
 
Atividades tres filtros de sócrates
Atividades tres filtros de sócratesAtividades tres filtros de sócrates
Atividades tres filtros de sócrates
Atividades Diversas Cláudia
 
Escravidão no Brasil
Escravidão no BrasilEscravidão no Brasil
Escravidão no Brasil
bastianbe
 
Medidas de comprimento e ttempo oficial
Medidas de comprimento e ttempo oficialMedidas de comprimento e ttempo oficial
Medidas de comprimento e ttempo oficial
Pedagogia Ufal
 
A Divisão da História (2017) - 6º Ano
A Divisão da História (2017) - 6º AnoA Divisão da História (2017) - 6º Ano
A Divisão da História (2017) - 6º Ano
Nefer19
 
História da escrita
História da escritaHistória da escrita
História da escrita
Filipa Julião
 
As primeiras cidades
As primeiras cidadesAs primeiras cidades
As primeiras cidades
Patrícia Costa Grigório
 
Mesopotamia cruzadinha
Mesopotamia cruzadinhaMesopotamia cruzadinha
Mesopotamia cruzadinha
Viviane Simões
 
Povoamento da américa
Povoamento da américaPovoamento da américa
Povoamento da américa
Zé Knust
 
Tempo e história
Tempo e históriaTempo e história
Simetrias!!!
Simetrias!!!Simetrias!!!
Simetrias!!!
Manal_Najmediine
 
1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia
Daniel Alves Bronstrup
 
A origem dos números
A origem dos númerosA origem dos números
A origem dos números
ilzavrg
 
Divisão dos períodos da História
Divisão dos períodos da HistóriaDivisão dos períodos da História
Divisão dos períodos da História
Patrícia Éderson Dias
 
A escravidão não foi só africana...
A escravidão não foi só africana...A escravidão não foi só africana...
A escravidão não foi só africana...
Edenilson Morais
 
Política, poder e Estado
Política, poder e EstadoPolítica, poder e Estado
Política, poder e Estado
Mary Alvarenga
 
Brasil colônia
Brasil colônia Brasil colônia
Brasil colônia
Elaine Bogo Pavani
 
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedadeEgito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Carlos Pinheiro
 
Atividades Mitologia grega 5° ano
Atividades Mitologia grega 5° ano Atividades Mitologia grega 5° ano
Atividades Mitologia grega 5° ano
Ari Filho
 

Mais procurados (20)

Números Romanos
Números RomanosNúmeros Romanos
Números Romanos
 
História, fontes e historiadores
História, fontes e historiadoresHistória, fontes e historiadores
História, fontes e historiadores
 
Atividades tres filtros de sócrates
Atividades tres filtros de sócratesAtividades tres filtros de sócrates
Atividades tres filtros de sócrates
 
Escravidão no Brasil
Escravidão no BrasilEscravidão no Brasil
Escravidão no Brasil
 
Medidas de comprimento e ttempo oficial
Medidas de comprimento e ttempo oficialMedidas de comprimento e ttempo oficial
Medidas de comprimento e ttempo oficial
 
A Divisão da História (2017) - 6º Ano
A Divisão da História (2017) - 6º AnoA Divisão da História (2017) - 6º Ano
A Divisão da História (2017) - 6º Ano
 
História da escrita
História da escritaHistória da escrita
História da escrita
 
As primeiras cidades
As primeiras cidadesAs primeiras cidades
As primeiras cidades
 
Mesopotamia cruzadinha
Mesopotamia cruzadinhaMesopotamia cruzadinha
Mesopotamia cruzadinha
 
Povoamento da américa
Povoamento da américaPovoamento da américa
Povoamento da américa
 
Tempo e história
Tempo e históriaTempo e história
Tempo e história
 
Simetrias!!!
Simetrias!!!Simetrias!!!
Simetrias!!!
 
1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia1° ano - Mesopotâmia
1° ano - Mesopotâmia
 
A origem dos números
A origem dos númerosA origem dos números
A origem dos números
 
Divisão dos períodos da História
Divisão dos períodos da HistóriaDivisão dos períodos da História
Divisão dos períodos da História
 
A escravidão não foi só africana...
A escravidão não foi só africana...A escravidão não foi só africana...
A escravidão não foi só africana...
 
Política, poder e Estado
Política, poder e EstadoPolítica, poder e Estado
Política, poder e Estado
 
Brasil colônia
Brasil colônia Brasil colônia
Brasil colônia
 
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedadeEgito Antigo: Nilo, economia e sociedade
Egito Antigo: Nilo, economia e sociedade
 
Atividades Mitologia grega 5° ano
Atividades Mitologia grega 5° ano Atividades Mitologia grega 5° ano
Atividades Mitologia grega 5° ano
 

Destaque

Trabalho de historia
Trabalho de historiaTrabalho de historia
Trabalho de historia
EletromecanicaIFBA
 
Escrita cuneiforme
Escrita cuneiformeEscrita cuneiforme
Escrita cuneiforme
Lucila Barbalho Nascimento
 
Evolução da Escrita
Evolução da EscritaEvolução da Escrita
Evolução da Escrita
Gildson Soares
 
A EvoluçãO Da Escrita
A EvoluçãO Da EscritaA EvoluçãO Da Escrita
A EvoluçãO Da Escrita
JoseSimas
 
Escrita cuneiforme
Escrita cuneiformeEscrita cuneiforme
Escrita cuneiforme
Doug Caesar
 
Suportes e instrumentos da escrita
Suportes e instrumentos da escritaSuportes e instrumentos da escrita
Suportes e instrumentos da escrita
rafaforte
 
A História da Escrita
A História da EscritaA História da Escrita
A História da Escrita
Ygor Castro
 
5.1.2 Pré-historia, escrita
5.1.2 Pré-historia, escrita5.1.2 Pré-historia, escrita
5.1.2 Pré-historia, escrita
Revelator5
 
A vida do fundador s.joão batista de la salle
A vida do fundador s.joão batista de la salleA vida do fundador s.joão batista de la salle
A vida do fundador s.joão batista de la salle
André Santos
 
A escrita dos sumérios
A escrita dos sumériosA escrita dos sumérios
A escrita dos sumérios
Webert Dourado
 
Uma breve história da escrita e da imprensa
Uma breve história da escrita e da imprensaUma breve história da escrita e da imprensa
Uma breve história da escrita e da imprensa
Acrópole - História & Educação
 
Acentuação
AcentuaçãoAcentuação
Acentuação
mafaldagrego
 
Os sumérios
Os sumériosOs sumérios
Os sumérios
Ronaldo Ribeiro hulk
 
Suméria
SumériaSuméria
Suméria
Willians Hst
 
A arte no egito
A arte no egitoA arte no egito
A arte no egito
chicovalmir
 
Recursos audiovisuais na educação
Recursos audiovisuais na educaçãoRecursos audiovisuais na educação
Recursos audiovisuais na educação
Renato Carvalho
 
Apostila recursos audiovisuais
Apostila recursos audiovisuaisApostila recursos audiovisuais
Apostila recursos audiovisuais
Arlete Laenzlinger
 
A economia e a sociedade
A economia e a sociedadeA economia e a sociedade
A economia e a sociedade
Gabriel Dillmann
 
Evolução da Comunicação Humana e dos Meios de Comunicação.
Evolução da Comunicação Humana e dos Meios de Comunicação.Evolução da Comunicação Humana e dos Meios de Comunicação.
Evolução da Comunicação Humana e dos Meios de Comunicação.
Núcleo de Tecnologia educacional
 

Destaque (20)

Trabalho de historia
Trabalho de historiaTrabalho de historia
Trabalho de historia
 
Escrita cuneiforme
Escrita cuneiformeEscrita cuneiforme
Escrita cuneiforme
 
Evolução da Escrita
Evolução da EscritaEvolução da Escrita
Evolução da Escrita
 
Historia da escrita - Ruth Rocha
Historia da escrita - Ruth RochaHistoria da escrita - Ruth Rocha
Historia da escrita - Ruth Rocha
 
A EvoluçãO Da Escrita
A EvoluçãO Da EscritaA EvoluçãO Da Escrita
A EvoluçãO Da Escrita
 
Escrita cuneiforme
Escrita cuneiformeEscrita cuneiforme
Escrita cuneiforme
 
Suportes e instrumentos da escrita
Suportes e instrumentos da escritaSuportes e instrumentos da escrita
Suportes e instrumentos da escrita
 
A História da Escrita
A História da EscritaA História da Escrita
A História da Escrita
 
5.1.2 Pré-historia, escrita
5.1.2 Pré-historia, escrita5.1.2 Pré-historia, escrita
5.1.2 Pré-historia, escrita
 
A vida do fundador s.joão batista de la salle
A vida do fundador s.joão batista de la salleA vida do fundador s.joão batista de la salle
A vida do fundador s.joão batista de la salle
 
A escrita dos sumérios
A escrita dos sumériosA escrita dos sumérios
A escrita dos sumérios
 
Uma breve história da escrita e da imprensa
Uma breve história da escrita e da imprensaUma breve história da escrita e da imprensa
Uma breve história da escrita e da imprensa
 
Acentuação
AcentuaçãoAcentuação
Acentuação
 
Os sumérios
Os sumériosOs sumérios
Os sumérios
 
Suméria
SumériaSuméria
Suméria
 
A arte no egito
A arte no egitoA arte no egito
A arte no egito
 
Recursos audiovisuais na educação
Recursos audiovisuais na educaçãoRecursos audiovisuais na educação
Recursos audiovisuais na educação
 
Apostila recursos audiovisuais
Apostila recursos audiovisuaisApostila recursos audiovisuais
Apostila recursos audiovisuais
 
A economia e a sociedade
A economia e a sociedadeA economia e a sociedade
A economia e a sociedade
 
Evolução da Comunicação Humana e dos Meios de Comunicação.
Evolução da Comunicação Humana e dos Meios de Comunicação.Evolução da Comunicação Humana e dos Meios de Comunicação.
Evolução da Comunicação Humana e dos Meios de Comunicação.
 

Semelhante a A escrita dos sumérios

Introdução linguagem oral e escrita
Introdução linguagem oral e escritaIntrodução linguagem oral e escrita
Introdução linguagem oral e escrita
Ediane Britto
 
Surgimento da escrita
Surgimento da escritaSurgimento da escrita
Surgimento da escrita
Clenes de Freitas Freitas
 
Santos, a.
Santos, a.Santos, a.
Santos, a.
Débs Pereira
 
atividade de lp 3 A e B- Anexo 1 A origem do alfabeto 25-01.docx
atividade de lp 3 A e B- Anexo 1 A origem do alfabeto 25-01.docxatividade de lp 3 A e B- Anexo 1 A origem do alfabeto 25-01.docx
atividade de lp 3 A e B- Anexo 1 A origem do alfabeto 25-01.docx
NILDA Leite Leite
 
origens.escrita.pptx
origens.escrita.pptxorigens.escrita.pptx
origens.escrita.pptx
António Bento
 
Aula 3
Aula 3Aula 3
Alfabetização e letramento 02
Alfabetização e letramento 02Alfabetização e letramento 02
Alfabetização e letramento 02
Israel serique
 
590
590590
microinformatica
microinformaticamicroinformatica
microinformatica
IEFP-Porto
 
Manu e mr.bean
Manu e mr.beanManu e mr.bean
Manu e mr.bean
TECm
 
O poder da escrita
O poder da escritaO poder da escrita
O poder da escrita
Mylena Ferraz
 
História Da Escrita
História Da  EscritaHistória Da  Escrita
História Da Escrita
EUROESCUDO
 
Os princípios da comunicação
Os princípios da comunicaçãoOs princípios da comunicação
Os princípios da comunicação
Roberta Scheibe
 
Egito antigo
Egito antigoEgito antigo
Egito antigo
Duda Barker
 
PRÉ HISTÓRIA DO LIVRO
PRÉ HISTÓRIA DO LIVROPRÉ HISTÓRIA DO LIVRO
PRÉ HISTÓRIA DO LIVRO
tecnologiasemsala
 
Curiosidades da escrita[1]
Curiosidades da escrita[1]Curiosidades da escrita[1]
Curiosidades da escrita[1]
Maria Ribeiro
 
Curiosidades da escrita[1]
Curiosidades da escrita[1]Curiosidades da escrita[1]
Curiosidades da escrita[1]
Maria Ribeiro
 
Midias na educação, material impresso
Midias na educação, material impressoMidias na educação, material impresso
Midias na educação, material impresso
elaniasf
 
A escrita
A escritaA escrita
A escrita
silveirio95
 
Grécia antiga
Grécia antigaGrécia antiga
Grécia antiga
Fernando Fagundes
 

Semelhante a A escrita dos sumérios (20)

Introdução linguagem oral e escrita
Introdução linguagem oral e escritaIntrodução linguagem oral e escrita
Introdução linguagem oral e escrita
 
Surgimento da escrita
Surgimento da escritaSurgimento da escrita
Surgimento da escrita
 
Santos, a.
Santos, a.Santos, a.
Santos, a.
 
atividade de lp 3 A e B- Anexo 1 A origem do alfabeto 25-01.docx
atividade de lp 3 A e B- Anexo 1 A origem do alfabeto 25-01.docxatividade de lp 3 A e B- Anexo 1 A origem do alfabeto 25-01.docx
atividade de lp 3 A e B- Anexo 1 A origem do alfabeto 25-01.docx
 
origens.escrita.pptx
origens.escrita.pptxorigens.escrita.pptx
origens.escrita.pptx
 
Aula 3
Aula 3Aula 3
Aula 3
 
Alfabetização e letramento 02
Alfabetização e letramento 02Alfabetização e letramento 02
Alfabetização e letramento 02
 
590
590590
590
 
microinformatica
microinformaticamicroinformatica
microinformatica
 
Manu e mr.bean
Manu e mr.beanManu e mr.bean
Manu e mr.bean
 
O poder da escrita
O poder da escritaO poder da escrita
O poder da escrita
 
História Da Escrita
História Da  EscritaHistória Da  Escrita
História Da Escrita
 
Os princípios da comunicação
Os princípios da comunicaçãoOs princípios da comunicação
Os princípios da comunicação
 
Egito antigo
Egito antigoEgito antigo
Egito antigo
 
PRÉ HISTÓRIA DO LIVRO
PRÉ HISTÓRIA DO LIVROPRÉ HISTÓRIA DO LIVRO
PRÉ HISTÓRIA DO LIVRO
 
Curiosidades da escrita[1]
Curiosidades da escrita[1]Curiosidades da escrita[1]
Curiosidades da escrita[1]
 
Curiosidades da escrita[1]
Curiosidades da escrita[1]Curiosidades da escrita[1]
Curiosidades da escrita[1]
 
Midias na educação, material impresso
Midias na educação, material impressoMidias na educação, material impresso
Midias na educação, material impresso
 
A escrita
A escritaA escrita
A escrita
 
Grécia antiga
Grécia antigaGrécia antiga
Grécia antiga
 

Mais de EletromecanicaIFBA

Mesopotâmia
MesopotâmiaMesopotâmia
Mesopotâmia
EletromecanicaIFBA
 
Historia slide
Historia slideHistoria slide
Historia slide
EletromecanicaIFBA
 
Os sumérios
Os sumériosOs sumérios
Os sumérios
EletromecanicaIFBA
 
Egito
EgitoEgito
Assíria
AssíriaAssíria
Teste
TesteTeste

Mais de EletromecanicaIFBA (6)

Mesopotâmia
MesopotâmiaMesopotâmia
Mesopotâmia
 
Historia slide
Historia slideHistoria slide
Historia slide
 
Os sumérios
Os sumériosOs sumérios
Os sumérios
 
Egito
EgitoEgito
Egito
 
Assíria
AssíriaAssíria
Assíria
 
Teste
TesteTeste
Teste
 

Último

Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdfAdaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
CamilaSouza544051
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
Ceiça Martins Vital
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 

Último (20)

Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdfAdaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
Adaptacoes-de-Provas-para-Alunos-com-Deficiencia.pdf
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdfP0107 do aluno da educação municipal.pdf
P0107 do aluno da educação municipal.pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 

A escrita dos sumérios

  • 2. Na Mesopotâmia e no antigo Egito, há cerca de cinco mil anos, surgiu a escrita, uma forma de comunicação que praticamente separou a pré-história da História. Os sumérios e os egípcios foram os primeiros povos a desenvolverem códigos que permitiram registrar os acontecimentos de sua época, o cotidiano da população, os atos administrativos, a religião. Muito do que sabemos hoje do passado da civilização se deve à invenção da escrita. As primeiras formas dela foram a cuneiforme, dos sumérios(de qual iremos falar), e os hieróglifos e a escrita demótica dos antigos egípcios.A escrita dos Sumérios.
  • 3. Alfabeto SumérioO alfabeto dos sumérios contem 26 (vinte e seis) letras como os demais.Sua escrita e sua língua não se assemelham a qualquer outra já conhecidas.E suas origens são praticamente desconhecidas.
  • 4. Alfabeto sumérioUma enorme contribuição cultural dos sumérios foi o a criação do sistema de escrita cuneiforme , por volta de 4000 a.C. Neste sistema, os sinais representavam idéias e objetos. Usavam placas de argila (barro), onde cunhavam (marcavam com cunhas) esta escrita. Muito do que sabemos atualmente, sobre este período da história, devemos as placas de barro com registros cotidianos, econômicos, administrativos e políticos deste período.
  • 5. Alfabeto Cuneiforme. Os Sumérios utilizam o alfabeto cuneiforme impresso em placas de argila cozidas ou secas ao sol
  • 6. Escrita Cuneiforme.As tabuletas cuneiformes podiam ser cozidas em fornos para prover um registro permanente. Muitas das tabuletas achadas por arqueólogos foram preservadas porque foram «cozidas» durante os ataques incendiários de exércitos inimigos, contra os edifícios no qual as tabuletas eram mantidas.
  • 7. Escrita cuneiforme. A compreensão dos textos sumérios hoje em dia pode ser problemática até mesmo para especialistas. Os textos mais antigos são os mais difíceis, pois não mostram a estrutura gramatical da língua de forma sólida.
  • 8. Evolução Gráfica.A escrita cuneiforme também era representada por símbolos.
  • 9. Evolução Grafica.Os sumérios foram os primeiros a evoluir seu sistema de pictogramas para um alfabeto um pouco mais complexo.
  • 10. Evolução Gráfica.Evolução gráfica dos algarismos de origem suméria.
  • 11. Evolução Gráfica.Esse era o calendário dos sumérios.