SlideShare uma empresa Scribd logo
7º ano (caps.5)
População Brasileira 
FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA
A população brasileira é bastante miscigenada. Isso ocorreu em razão da
mistura de diversos grupos humanos que aconteceu no país. São inúmeras
as raças que favoreceram a formação do povo brasileiro.
Os principais grupos foram:
 Índios
(povos nativos)
 Africanos
(escravos)
 Imigrantes europeus e asiáticos.
(sobretudo portugueses)

A MISTURA DO BRASIL
Mulato:
(europeu/branco + africano/negro)
Caboclo ou Mameluco:
(europeu/branco + índio)
Cafuzo:
(africano/negro + índio)
População Brasileira

PRINCIPAIS IMIGRANTES EUROPEUS NO BRASIL
Com a proibição da entrada de escravos (1808) no Brasil posteriormente
com a abolição da escravidão (1888) os europeus vieram suprir a mão de
obra em cafezais, plantações de cana de açúcar entre outros.
Os principais povos foram:
 Italianos
 Alemães
 Poloneses
Ucranianos
Japoneses
Asiáticos
População Brasileira

OPERÁRIOS – TARSILA DO AMARAL
Este quadro mostra a miscigenação do POVO BRASILEIRO
População Brasileira

HISTÓRICO DAS MIGRAÇÕES NO BRASIL
Primeiro Período (1500 – 1808)
Imigração predominantemente de portugueses, mas também haviam holandeses,
franceses, ingleses e os africanos na condição de escravo.
Segundo Período (1808 – 1888)
Com a Lei Eusébio de Queiroz foi proibida a entrada de escravos no Brasil, então
houve uma grande entrada de imigrantes europeus para substituir o trabalho
escravo nas lavouras de café.
Terceiro Período (1888 – 1930)
Maior entrada de imigrantes, graças a medidas governamentais, que aboliu a
escravidão no Brasil.
Quarto Período (1930 – atualidade)
Queda no fluxo imigratório, período marcado pelo deslocamento expressivo de
brasileiros para outros países.
População Brasileira

MOVIMENTOS MIGRATÓRIOS
Migrações são deslocamentos de pessoas de um
lugar para o outro com a fixação de residência.
Entre os tipos mais comuns de migrações estão:
Migração inter-regional: é o deslocamento populacional dentro de
regiões diferentes. Ex: Uma pessoa que mora em Santa Catarina (Sul) e muda-
se para Sergipe (Nordeste), localidades que se encontram em regiões diferentes
do país.
Migrações intra-regional: é o deslocamento populacional dentro de um
mesma região. Ex: Uma pessoa que mora no rio Grande do Sul (Sul) e muda-se
para o Paraná (Sul), localidades que se encontram na mesma região do país.
População Brasileira

IMIGRAÇÃO E EMIGRAÇÃO
IMIGRANTE: Entrada de pessoas
em uma região ou país que não
seja a sua de origem.
Região Sudeste principalmente
São Pulo recebeu o maior
contingente de população
EMIGRANTE: Saída de pessoas
de uma região ou país de origem
para outra.
Região Nordeste saiu o maior
contingente de população
População Brasileira

MOVIMENTO PENDULAR
Deslocamento populacional diário que ocorre dentro de uma mesma região
sem a intenção de uma mudança definitiva de residência.
Exemplos:
Corumbas: Deslocamento do sertão nordestino para o
litoral durante as grandes estiagens.
Bóias-Frias: Deslocam-se diariamente para o campo e
no final do dia retornam para a sua cidade.
Em Curitiba temos o movimento pendular realizado por pessoas que
residem nas cidades metropolitanas como, São José dos Pinhais,
Colombo, Piraquara, Araucária conhecidas como cidades dormitórios,
porém vem para Curitiba diariamente, pois é em Curitiba que exercem
suas atividades como trabalho e estudo.
População Brasileira

CRESCIMENTO POPULACIONAL NO BRASIL
1808-1850: O fluxo imigratório desse período foi estimulado pelo decreto de D.
João, que permitia o estrangeiro de ser proprietário de terras no Brasil.
1850-1930: Período de maior entrada de imigrantes no Brasil, que foi favorecida
pela abolição da escravidão e desenvolvimento da cafeicultura.
1930-1934: com a adoção da "Lei de Cotas" que estabelecia limites à entrada de
imigrantes.
1939-45: O crescimento tornou-se acelerado, devido à diminuição das taxas de
mortalidade. Isso é explicado por fatores como a expansão da rede de esgoto,
acesso à água encanada, campanhas de vacinação em massa, acesso a
medicamentos básicos, etc.
População Brasileira

ÊXODO RURAL
• Êxodo rural é o termo pelo qual se
designa o abandono do campo por
seus habitantes, que, em busca de
melhores condições de vida, se
transferem de regiões consideradas
de menos condições de
sustentabilidade a outras, podendo
ocorrer de áreas rurais para centros
urbanos. Este fenômeno se deu em
grandes proporções no Brasil nos
séculos XIX e XX e foi sempre
acompanhado pela miséria de
milhões de retirantes e sua morte
aos milhares, de fome, de sede e de
doenças ligadas à subnutrição.
População Brasileira

1940-1960: Foi registrada a maior evolução das taxas de crescimento
populacional, atingindo em 1960 a taxa de 2,99% a.a. (ao ano ).
A partir da década de 1960, começou a ocorrer uma desaceleração
demográfica contínua: a diminuição das taxas de natalidade passou a ser
maior que a das taxas de mortalidade, registrando em 2000 um crescimento
demográfico de 1,64% a.a., com tendência à queda.
População Brasileira

Após o final da Segunda Guerra Mundial em diante o Brasil assiste a uma
desaceleração do seu crescimento populacional com a queda na taxa de natalidade,
bem uma diminuição na taxa de mortalidade aumentando a expectativa de vida da
população.
São responsáveis por estas quedas:
NATALIDADE MORTALIDADE
Planejamento Familiar Avanço da medicina
Aumento do custo de criação
dos filhos
Saneamento básico
Participação da mulher no
mercado de trabalho
Distribuição de medicamentos
Métodos contraceptivos como o
uso de anticoncepcionais e
preservativo
Construção de postos de saúde
e hospitais
População Brasileira

BRASIL POPULOSO MAS POUCO POVOADO
População absoluta – refere-se ao número total de habitantes de uma
cidade, região ou país.
População relativa – pode ser chamada também de densidade
demográfica e é obtida dividindo-se o número de habitantes pela área
em que eles vivem (nº hab/Km).
Concluímos que o Brasil é um país MUITO POPULOSO pois
segundo o censo demográfico realizado no ano 2000 o Brasil
possui uma população absoluta de 169.590.693 habitantes
(sendo o 5º no mundo ) porém POUCO POVOADO pois a sua
população relativa é de 19,84 Hab/km2.
População Brasileira

DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA
A população brasileira
encontra-se mal distribuída
pelo território, concentrando-
se, por motivos históricos e
econômicos, em áreas
próximas ao litoral.
Avançando para o interior do
país encontramos densidades
cada vez menores, com
grandes vazios demográficos
na Amazônia.
População Brasileira

CRESCIMENTO POPULACIONAL E ESTRUTURA ETÁRIA
A distribuição da população por faixas de idade em um país é conseqüência das
taxas de crescimento populacional, da expectativa de vida e das migrações.
A população é geralmente agrupada em três faixas etárias:
jovens (0-19 anos);
adultos (20-59 anos); e
idosos (acima de 60 anos).
População Brasileira

PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO COMO BRASIL
População:
JOVENS diminuem a cada ano e população de ADULTOS e IDOSOS aumenta.
Diminuição do crescimento vegetativo e aumento da expectativa de vida
Essa é uma das razões das mudanças recentes no sistema de previdência social, com estabelecimento
de idade mínima para a aposentadoria e teto máximo para pagamento ao aposentado.
População Brasileira

PIRÂMIDE ETÁRIA DO BRASIL
Em 1980 a população que
predominava no Brasil era de
JOVENS, pois a base é mais larga
que o restante da pirâmide o que
indica um alto crescimento
vegetativo.
Em 1991 começa a haver um
declínio na taxa de natalidade no
país.
Em 2000 passa a predominar no
Brasil a população ADULTA.
População Brasileira

O MAIOR CONTINGENTE POPULACIONAL DO BRASIL SE
ENCONTRA ENTRE 20 a 59 ANOS, LOGO PODEMOS
DIZER QUE O BRASIL É UM PAÍS COM POPULAÇÃO
PREDOMINANTEMENTE ADULTA
OU SEJA
O BRASIL É UM PAÍS ADULTO
População Brasileira
BONS ESTUDOS !!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

IECJ - Cap. 8 - A população brasileira
IECJ - Cap. 8 - A população brasileiraIECJ - Cap. 8 - A população brasileira
IECJ - Cap. 8 - A população brasileira
profrodrigoribeiro
 
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Acácio Netto
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
Ricardo Alex de Sousa
 
A Populacao Brasileira
A Populacao BrasileiraA Populacao Brasileira
A Populacao Brasileira
valdeniDinamizador
 
Geografia brasil população
Geografia   brasil populaçãoGeografia   brasil população
Geografia brasil população
André Luiz Marques
 
Crescimento da população brasileira
Crescimento da população brasileiraCrescimento da população brasileira
Crescimento da população brasileira
CBM
 
População Brasileira
População BrasileiraPopulação Brasileira
População Brasileira
Jane Mary Lima Castro
 
7 ANO FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA
7 ANO FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA7 ANO FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA
7 ANO FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA
faf29
 
Dinâmicas populacionais
Dinâmicas populacionaisDinâmicas populacionais
Dinâmicas populacionais
israelfrois
 
POPULAÇÃO BRASILEIRA, DISTRIBUIÇÃO, MIGRAÇÕES E IMIGRAÇÕES
POPULAÇÃO BRASILEIRA, DISTRIBUIÇÃO, MIGRAÇÕES E IMIGRAÇÕESPOPULAÇÃO BRASILEIRA, DISTRIBUIÇÃO, MIGRAÇÕES E IMIGRAÇÕES
POPULAÇÃO BRASILEIRA, DISTRIBUIÇÃO, MIGRAÇÕES E IMIGRAÇÕES
Alice Barros
 
Populaçao brasileira
Populaçao brasileiraPopulaçao brasileira
Populaçao brasileira
Prof.Paulo/geografia
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
Pedro Gervásio
 
Movimentos migratórios e urbanização
Movimentos migratórios e urbanizaçãoMovimentos migratórios e urbanização
Movimentos migratórios e urbanização
Fernanda Lopes
 
Migrações nordestinas
Migrações nordestinasMigrações nordestinas
Migrações nordestinas
Nonato Bouth
 
2º Ciclo de Charla - Imigrações e Migrações - Parte 1 Professor Fábio
2º Ciclo de Charla - Imigrações e Migrações - Parte 1 Professor Fábio2º Ciclo de Charla - Imigrações e Migrações - Parte 1 Professor Fábio
2º Ciclo de Charla - Imigrações e Migrações - Parte 1 Professor Fábio
casadobrasil
 
Geografia - Migrações e Estrutura Populacional do Brasil
Geografia - Migrações e Estrutura Populacional do Brasil Geografia - Migrações e Estrutura Populacional do Brasil
Geografia - Migrações e Estrutura Populacional do Brasil
Láyla Vieira
 
Populacao Brasileira
Populacao BrasileiraPopulacao Brasileira
Populacao Brasileira
martallbo
 
Migraçao 1 ano
Migraçao 1 anoMigraçao 1 ano
Migraçao 1 ano
Paulo Magalhães
 
Geografia: a população brasileira
Geografia: a população brasileiraGeografia: a população brasileira
Geografia: a população brasileira
Dorinha Matias
 

Mais procurados (20)

IECJ - Cap. 8 - A população brasileira
IECJ - Cap. 8 - A população brasileiraIECJ - Cap. 8 - A população brasileira
IECJ - Cap. 8 - A população brasileira
 
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
 
A Populacao Brasileira
A Populacao BrasileiraA Populacao Brasileira
A Populacao Brasileira
 
Geografia brasil população
Geografia   brasil populaçãoGeografia   brasil população
Geografia brasil população
 
Crescimento da população brasileira
Crescimento da população brasileiraCrescimento da população brasileira
Crescimento da população brasileira
 
População Brasileira
População BrasileiraPopulação Brasileira
População Brasileira
 
7 ANO FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA
7 ANO FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA7 ANO FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA
7 ANO FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA
 
Dinâmicas populacionais
Dinâmicas populacionaisDinâmicas populacionais
Dinâmicas populacionais
 
Migrações no brasil
Migrações no brasilMigrações no brasil
Migrações no brasil
 
POPULAÇÃO BRASILEIRA, DISTRIBUIÇÃO, MIGRAÇÕES E IMIGRAÇÕES
POPULAÇÃO BRASILEIRA, DISTRIBUIÇÃO, MIGRAÇÕES E IMIGRAÇÕESPOPULAÇÃO BRASILEIRA, DISTRIBUIÇÃO, MIGRAÇÕES E IMIGRAÇÕES
POPULAÇÃO BRASILEIRA, DISTRIBUIÇÃO, MIGRAÇÕES E IMIGRAÇÕES
 
Populaçao brasileira
Populaçao brasileiraPopulaçao brasileira
Populaçao brasileira
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
 
Movimentos migratórios e urbanização
Movimentos migratórios e urbanizaçãoMovimentos migratórios e urbanização
Movimentos migratórios e urbanização
 
Migrações nordestinas
Migrações nordestinasMigrações nordestinas
Migrações nordestinas
 
2º Ciclo de Charla - Imigrações e Migrações - Parte 1 Professor Fábio
2º Ciclo de Charla - Imigrações e Migrações - Parte 1 Professor Fábio2º Ciclo de Charla - Imigrações e Migrações - Parte 1 Professor Fábio
2º Ciclo de Charla - Imigrações e Migrações - Parte 1 Professor Fábio
 
Geografia - Migrações e Estrutura Populacional do Brasil
Geografia - Migrações e Estrutura Populacional do Brasil Geografia - Migrações e Estrutura Populacional do Brasil
Geografia - Migrações e Estrutura Populacional do Brasil
 
Populacao Brasileira
Populacao BrasileiraPopulacao Brasileira
Populacao Brasileira
 
Migraçao 1 ano
Migraçao 1 anoMigraçao 1 ano
Migraçao 1 ano
 
Geografia: a população brasileira
Geografia: a população brasileiraGeografia: a população brasileira
Geografia: a população brasileira
 

Destaque

8ºano (cap.4)
8ºano (cap.4)8ºano (cap.4)
8ºano (cap.4)
Alexandre Alves
 
6º ano (caps. 4 e 5)
6º ano (caps. 4 e 5)6º ano (caps. 4 e 5)
6º ano (caps. 4 e 5)
Alexandre Alves
 
6°ano cap.3
6°ano cap.36°ano cap.3
6°ano cap.3
Alexandre Alves
 
7ºano cap1
7ºano cap17ºano cap1
7ºano cap1
Alexandre Alves
 
Atualidades (2016.2)
Atualidades (2016.2)Atualidades (2016.2)
Atualidades (2016.2)
Alexandre Alves
 
8º ano (cap. 3) poder paralelo
8º ano (cap. 3) poder paralelo8º ano (cap. 3) poder paralelo
8º ano (cap. 3) poder paralelo
Alexandre Alves
 
Hidrografia (1ºano/mód.6)
Hidrografia (1ºano/mód.6) Hidrografia (1ºano/mód.6)
Hidrografia (1ºano/mód.6)
Alexandre Alves
 
Atualidades (retrô 2015)
Atualidades (retrô 2015)Atualidades (retrô 2015)
Atualidades (retrô 2015)
Alexandre Alves
 
Continente africano (2ºE.M/Mód.18)
Continente africano (2ºE.M/Mód.18)Continente africano (2ºE.M/Mód.18)
Continente africano (2ºE.M/Mód.18)
Alexandre Alves
 
2º e.m (mód. 13)
2º e.m (mód. 13)2º e.m (mód. 13)
2º e.m (mód. 13)
Alexandre Alves
 
6º cap1
6º cap16º cap1
6º cap1
Alexandre Alves
 
Biogeografia (1ºano/mód.5)
Biogeografia (1ºano/mód.5) Biogeografia (1ºano/mód.5)
Biogeografia (1ºano/mód.5)
Alexandre Alves
 
Brasil divisão regional (3ºano/mód.29)
Brasil   divisão regional (3ºano/mód.29)Brasil   divisão regional (3ºano/mód.29)
Brasil divisão regional (3ºano/mód.29)
Alexandre Alves
 
8° ano - Poder Paralelo
8° ano - Poder Paralelo8° ano - Poder Paralelo
8° ano - Poder Paralelo
Débora Sales
 
8º ano (cap. 2) organizações internacionais
8º ano (cap. 2) organizações internacionais8º ano (cap. 2) organizações internacionais
8º ano (cap. 2) organizações internacionais
Alexandre Alves
 
Ex URSS (2ºano/mód.17)
Ex URSS (2ºano/mód.17)Ex URSS (2ºano/mód.17)
Ex URSS (2ºano/mód.17)
Alexandre Alves
 
Climatologia (1ºano/mód.4)
Climatologia (1ºano/mód.4)Climatologia (1ºano/mód.4)
Climatologia (1ºano/mód.4)
Alexandre Alves
 
9º ano (cap. 3) Problemas ambientais em debate
9º ano (cap. 3) Problemas ambientais em debate9º ano (cap. 3) Problemas ambientais em debate
9º ano (cap. 3) Problemas ambientais em debate
Alexandre Alves
 
Organizações internacionais mundiais
Organizações internacionais mundiaisOrganizações internacionais mundiais
Organizações internacionais mundiais
Jane Mary Lima Castro
 
Cap2 7ºano (1ºbi – 2ºts)
Cap2 7ºano (1ºbi – 2ºts)Cap2 7ºano (1ºbi – 2ºts)
Cap2 7ºano (1ºbi – 2ºts)
Alexandre Alves
 

Destaque (20)

8ºano (cap.4)
8ºano (cap.4)8ºano (cap.4)
8ºano (cap.4)
 
6º ano (caps. 4 e 5)
6º ano (caps. 4 e 5)6º ano (caps. 4 e 5)
6º ano (caps. 4 e 5)
 
6°ano cap.3
6°ano cap.36°ano cap.3
6°ano cap.3
 
7ºano cap1
7ºano cap17ºano cap1
7ºano cap1
 
Atualidades (2016.2)
Atualidades (2016.2)Atualidades (2016.2)
Atualidades (2016.2)
 
8º ano (cap. 3) poder paralelo
8º ano (cap. 3) poder paralelo8º ano (cap. 3) poder paralelo
8º ano (cap. 3) poder paralelo
 
Hidrografia (1ºano/mód.6)
Hidrografia (1ºano/mód.6) Hidrografia (1ºano/mód.6)
Hidrografia (1ºano/mód.6)
 
Atualidades (retrô 2015)
Atualidades (retrô 2015)Atualidades (retrô 2015)
Atualidades (retrô 2015)
 
Continente africano (2ºE.M/Mód.18)
Continente africano (2ºE.M/Mód.18)Continente africano (2ºE.M/Mód.18)
Continente africano (2ºE.M/Mód.18)
 
2º e.m (mód. 13)
2º e.m (mód. 13)2º e.m (mód. 13)
2º e.m (mód. 13)
 
6º cap1
6º cap16º cap1
6º cap1
 
Biogeografia (1ºano/mód.5)
Biogeografia (1ºano/mód.5) Biogeografia (1ºano/mód.5)
Biogeografia (1ºano/mód.5)
 
Brasil divisão regional (3ºano/mód.29)
Brasil   divisão regional (3ºano/mód.29)Brasil   divisão regional (3ºano/mód.29)
Brasil divisão regional (3ºano/mód.29)
 
8° ano - Poder Paralelo
8° ano - Poder Paralelo8° ano - Poder Paralelo
8° ano - Poder Paralelo
 
8º ano (cap. 2) organizações internacionais
8º ano (cap. 2) organizações internacionais8º ano (cap. 2) organizações internacionais
8º ano (cap. 2) organizações internacionais
 
Ex URSS (2ºano/mód.17)
Ex URSS (2ºano/mód.17)Ex URSS (2ºano/mód.17)
Ex URSS (2ºano/mód.17)
 
Climatologia (1ºano/mód.4)
Climatologia (1ºano/mód.4)Climatologia (1ºano/mód.4)
Climatologia (1ºano/mód.4)
 
9º ano (cap. 3) Problemas ambientais em debate
9º ano (cap. 3) Problemas ambientais em debate9º ano (cap. 3) Problemas ambientais em debate
9º ano (cap. 3) Problemas ambientais em debate
 
Organizações internacionais mundiais
Organizações internacionais mundiaisOrganizações internacionais mundiais
Organizações internacionais mundiais
 
Cap2 7ºano (1ºbi – 2ºts)
Cap2 7ºano (1ºbi – 2ºts)Cap2 7ºano (1ºbi – 2ºts)
Cap2 7ºano (1ºbi – 2ºts)
 

Semelhante a 7º ano (caps.5)

População e aspectos sociais demográficos.pptx
População e aspectos sociais demográficos.pptxPopulação e aspectos sociais demográficos.pptx
População e aspectos sociais demográficos.pptx
Kelvin Sousa
 
Aula 02 - população do brasil6anoEF.pptx
Aula 02 - população do brasil6anoEF.pptxAula 02 - população do brasil6anoEF.pptx
Aula 02 - população do brasil6anoEF.pptx
AlderleyCarvalho1
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
Bruna Azevedo
 
Cópia de população
Cópia de populaçãoCópia de população
Cópia de população
COSMO ALVES
 
Aulas 3 e 4 População
Aulas 3 e 4 PopulaçãoAulas 3 e 4 População
Migracoes brasileiras sartre
Migracoes brasileiras sartreMigracoes brasileiras sartre
Migracoes brasileiras sartre
Ademir Aquino
 
1º Va Grupo 05
1º Va   Grupo 051º Va   Grupo 05
1º Va Grupo 05
ProfMario De Mori
 
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
profacacio
 
Densidade populacional
Densidade populacionalDensidade populacional
Densidade populacional
Jéssica Pett
 
1º Mb Grupo 05
1º Mb   Grupo 051º Mb   Grupo 05
1º Mb Grupo 05
ProfMario De Mori
 
População do brasil
População do brasilPopulação do brasil
População do brasil
Gustavo Silva de Souza
 
População no Brasil e no Mundo
População no Brasil e no MundoPopulação no Brasil e no Mundo
População no Brasil e no Mundo
PIBID Geografia UNEAL CAMPUS I
 
5 formacao da-populacao_brasileira
5 formacao da-populacao_brasileira5 formacao da-populacao_brasileira
5 formacao da-populacao_brasileira
Lucas Cechinel
 
DINÂMICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA.pdf
DINÂMICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA.pdfDINÂMICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA.pdf
DINÂMICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA.pdf
Henrique Pontes
 
A dinamica populacional brasileira01.ppt
A dinamica populacional brasileira01.pptA dinamica populacional brasileira01.ppt
A dinamica populacional brasileira01.ppt
JaneteMaura1
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
amaroviana
 
Dinâmicas da população brasileira e diversidade cultural
Dinâmicas da população brasileira e diversidade culturalDinâmicas da população brasileira e diversidade cultural
Dinâmicas da população brasileira e diversidade cultural
EVALDOFRANCODESOUZAJ
 
Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11
Raquel Avila
 
Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11
Raquel Avila
 
Slides população (1)
Slides população (1)Slides população (1)
Slides população (1)
terceirob
 

Semelhante a 7º ano (caps.5) (20)

População e aspectos sociais demográficos.pptx
População e aspectos sociais demográficos.pptxPopulação e aspectos sociais demográficos.pptx
População e aspectos sociais demográficos.pptx
 
Aula 02 - população do brasil6anoEF.pptx
Aula 02 - população do brasil6anoEF.pptxAula 02 - população do brasil6anoEF.pptx
Aula 02 - população do brasil6anoEF.pptx
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
 
Cópia de população
Cópia de populaçãoCópia de população
Cópia de população
 
Aulas 3 e 4 População
Aulas 3 e 4 PopulaçãoAulas 3 e 4 População
Aulas 3 e 4 População
 
Migracoes brasileiras sartre
Migracoes brasileiras sartreMigracoes brasileiras sartre
Migracoes brasileiras sartre
 
1º Va Grupo 05
1º Va   Grupo 051º Va   Grupo 05
1º Va Grupo 05
 
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
Cap. 3 - População brasileira (7º ano)
 
Densidade populacional
Densidade populacionalDensidade populacional
Densidade populacional
 
1º Mb Grupo 05
1º Mb   Grupo 051º Mb   Grupo 05
1º Mb Grupo 05
 
População do brasil
População do brasilPopulação do brasil
População do brasil
 
População no Brasil e no Mundo
População no Brasil e no MundoPopulação no Brasil e no Mundo
População no Brasil e no Mundo
 
5 formacao da-populacao_brasileira
5 formacao da-populacao_brasileira5 formacao da-populacao_brasileira
5 formacao da-populacao_brasileira
 
DINÂMICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA.pdf
DINÂMICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA.pdfDINÂMICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA.pdf
DINÂMICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA.pdf
 
A dinamica populacional brasileira01.ppt
A dinamica populacional brasileira01.pptA dinamica populacional brasileira01.ppt
A dinamica populacional brasileira01.ppt
 
População brasileira
População brasileiraPopulação brasileira
População brasileira
 
Dinâmicas da população brasileira e diversidade cultural
Dinâmicas da população brasileira e diversidade culturalDinâmicas da população brasileira e diversidade cultural
Dinâmicas da população brasileira e diversidade cultural
 
Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11
 
Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11
 
Slides população (1)
Slides população (1)Slides população (1)
Slides população (1)
 

Mais de Alexandre Alves

Regiões nordeste, centro-oeste e norte (3ºano/mód.30)
Regiões   nordeste, centro-oeste e norte (3ºano/mód.30)Regiões   nordeste, centro-oeste e norte (3ºano/mód.30)
Regiões nordeste, centro-oeste e norte (3ºano/mód.30)
Alexandre Alves
 
Dinamica interna e externa da terra (1ºano/mód.3)
Dinamica interna e externa da terra (1ºano/mód.3)Dinamica interna e externa da terra (1ºano/mód.3)
Dinamica interna e externa da terra (1ºano/mód.3)
Alexandre Alves
 
2º e.m (mód.14) Regionalização do mundo
2º e.m (mód.14) Regionalização do mundo2º e.m (mód.14) Regionalização do mundo
2º e.m (mód.14) Regionalização do mundo
Alexandre Alves
 
2º e.m (mód. 13) globalização e organização do espaço mundial
2º e.m (mód. 13) globalização e organização do espaço mundial2º e.m (mód. 13) globalização e organização do espaço mundial
2º e.m (mód. 13) globalização e organização do espaço mundial
Alexandre Alves
 
3º ano E.M (mod. 24) Brasil: Aspectos naturais
3º ano E.M (mod. 24) Brasil: Aspectos naturais3º ano E.M (mod. 24) Brasil: Aspectos naturais
3º ano E.M (mod. 24) Brasil: Aspectos naturais
Alexandre Alves
 
1º E.M (mód. 01)
1º E.M (mód. 01)1º E.M (mód. 01)
1º E.M (mód. 01)
Alexandre Alves
 
6ºano (cap2) A origem da Terra
6ºano (cap2) A origem da Terra6ºano (cap2) A origem da Terra
6ºano (cap2) A origem da Terra
Alexandre Alves
 
9º ano (cap1) Recursos Naturais e combustíveis fósseis
9º ano (cap1) Recursos Naturais e combustíveis fósseis 9º ano (cap1) Recursos Naturais e combustíveis fósseis
9º ano (cap1) Recursos Naturais e combustíveis fósseis
Alexandre Alves
 
Aula 9º (cap.4/2ºbi) Europa: Aspectos naturais
Aula 9º (cap.4/2ºbi) Europa: Aspectos naturaisAula 9º (cap.4/2ºbi) Europa: Aspectos naturais
Aula 9º (cap.4/2ºbi) Europa: Aspectos naturais
Alexandre Alves
 
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
Alexandre Alves
 
8º ano (cap. 5). áfrica do norte
8º ano (cap. 5). áfrica do norte8º ano (cap. 5). áfrica do norte
8º ano (cap. 5). áfrica do norte
Alexandre Alves
 
8º ano (cap. 4). áfrica
8º ano (cap. 4). áfrica8º ano (cap. 4). áfrica
8º ano (cap. 4). áfrica
Alexandre Alves
 

Mais de Alexandre Alves (12)

Regiões nordeste, centro-oeste e norte (3ºano/mód.30)
Regiões   nordeste, centro-oeste e norte (3ºano/mód.30)Regiões   nordeste, centro-oeste e norte (3ºano/mód.30)
Regiões nordeste, centro-oeste e norte (3ºano/mód.30)
 
Dinamica interna e externa da terra (1ºano/mód.3)
Dinamica interna e externa da terra (1ºano/mód.3)Dinamica interna e externa da terra (1ºano/mód.3)
Dinamica interna e externa da terra (1ºano/mód.3)
 
2º e.m (mód.14) Regionalização do mundo
2º e.m (mód.14) Regionalização do mundo2º e.m (mód.14) Regionalização do mundo
2º e.m (mód.14) Regionalização do mundo
 
2º e.m (mód. 13) globalização e organização do espaço mundial
2º e.m (mód. 13) globalização e organização do espaço mundial2º e.m (mód. 13) globalização e organização do espaço mundial
2º e.m (mód. 13) globalização e organização do espaço mundial
 
3º ano E.M (mod. 24) Brasil: Aspectos naturais
3º ano E.M (mod. 24) Brasil: Aspectos naturais3º ano E.M (mod. 24) Brasil: Aspectos naturais
3º ano E.M (mod. 24) Brasil: Aspectos naturais
 
1º E.M (mód. 01)
1º E.M (mód. 01)1º E.M (mód. 01)
1º E.M (mód. 01)
 
6ºano (cap2) A origem da Terra
6ºano (cap2) A origem da Terra6ºano (cap2) A origem da Terra
6ºano (cap2) A origem da Terra
 
9º ano (cap1) Recursos Naturais e combustíveis fósseis
9º ano (cap1) Recursos Naturais e combustíveis fósseis 9º ano (cap1) Recursos Naturais e combustíveis fósseis
9º ano (cap1) Recursos Naturais e combustíveis fósseis
 
Aula 9º (cap.4/2ºbi) Europa: Aspectos naturais
Aula 9º (cap.4/2ºbi) Europa: Aspectos naturaisAula 9º (cap.4/2ºbi) Europa: Aspectos naturais
Aula 9º (cap.4/2ºbi) Europa: Aspectos naturais
 
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
9º ano (cap. 2) Recursos naturais e problemas ambientais
 
8º ano (cap. 5). áfrica do norte
8º ano (cap. 5). áfrica do norte8º ano (cap. 5). áfrica do norte
8º ano (cap. 5). áfrica do norte
 
8º ano (cap. 4). áfrica
8º ano (cap. 4). áfrica8º ano (cap. 4). áfrica
8º ano (cap. 4). áfrica
 

Último

Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Guerra e Paz Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Guerra e Paz Maria Inês Aroeira Braga.ppsxGuerra e Paz Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Guerra e Paz Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Os Profetas do Velho Testamento: Cronologia
Os Profetas do Velho Testamento: CronologiaOs Profetas do Velho Testamento: Cronologia
Os Profetas do Velho Testamento: Cronologia
Renato Henriques
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdfquadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
marcos oliveira
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Guerra e Paz Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Guerra e Paz Maria Inês Aroeira Braga.ppsxGuerra e Paz Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Guerra e Paz Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
EBBOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_PAULA FRANCISCO_22_23
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Os Profetas do Velho Testamento: Cronologia
Os Profetas do Velho Testamento: CronologiaOs Profetas do Velho Testamento: Cronologia
Os Profetas do Velho Testamento: Cronologia
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdfquadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
quadro de rotina semanal da coord.docx.pdf
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 

7º ano (caps.5)

  • 2. População Brasileira  FORMAÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA A população brasileira é bastante miscigenada. Isso ocorreu em razão da mistura de diversos grupos humanos que aconteceu no país. São inúmeras as raças que favoreceram a formação do povo brasileiro. Os principais grupos foram:  Índios (povos nativos)  Africanos (escravos)  Imigrantes europeus e asiáticos. (sobretudo portugueses)
  • 3.  A MISTURA DO BRASIL Mulato: (europeu/branco + africano/negro) Caboclo ou Mameluco: (europeu/branco + índio) Cafuzo: (africano/negro + índio) População Brasileira
  • 4.  PRINCIPAIS IMIGRANTES EUROPEUS NO BRASIL Com a proibição da entrada de escravos (1808) no Brasil posteriormente com a abolição da escravidão (1888) os europeus vieram suprir a mão de obra em cafezais, plantações de cana de açúcar entre outros. Os principais povos foram:  Italianos  Alemães  Poloneses Ucranianos Japoneses Asiáticos População Brasileira
  • 5.  OPERÁRIOS – TARSILA DO AMARAL Este quadro mostra a miscigenação do POVO BRASILEIRO População Brasileira
  • 6.  HISTÓRICO DAS MIGRAÇÕES NO BRASIL Primeiro Período (1500 – 1808) Imigração predominantemente de portugueses, mas também haviam holandeses, franceses, ingleses e os africanos na condição de escravo. Segundo Período (1808 – 1888) Com a Lei Eusébio de Queiroz foi proibida a entrada de escravos no Brasil, então houve uma grande entrada de imigrantes europeus para substituir o trabalho escravo nas lavouras de café. Terceiro Período (1888 – 1930) Maior entrada de imigrantes, graças a medidas governamentais, que aboliu a escravidão no Brasil. Quarto Período (1930 – atualidade) Queda no fluxo imigratório, período marcado pelo deslocamento expressivo de brasileiros para outros países. População Brasileira
  • 7.  MOVIMENTOS MIGRATÓRIOS Migrações são deslocamentos de pessoas de um lugar para o outro com a fixação de residência. Entre os tipos mais comuns de migrações estão: Migração inter-regional: é o deslocamento populacional dentro de regiões diferentes. Ex: Uma pessoa que mora em Santa Catarina (Sul) e muda- se para Sergipe (Nordeste), localidades que se encontram em regiões diferentes do país. Migrações intra-regional: é o deslocamento populacional dentro de um mesma região. Ex: Uma pessoa que mora no rio Grande do Sul (Sul) e muda-se para o Paraná (Sul), localidades que se encontram na mesma região do país. População Brasileira
  • 8.  IMIGRAÇÃO E EMIGRAÇÃO IMIGRANTE: Entrada de pessoas em uma região ou país que não seja a sua de origem. Região Sudeste principalmente São Pulo recebeu o maior contingente de população EMIGRANTE: Saída de pessoas de uma região ou país de origem para outra. Região Nordeste saiu o maior contingente de população População Brasileira
  • 9.  MOVIMENTO PENDULAR Deslocamento populacional diário que ocorre dentro de uma mesma região sem a intenção de uma mudança definitiva de residência. Exemplos: Corumbas: Deslocamento do sertão nordestino para o litoral durante as grandes estiagens. Bóias-Frias: Deslocam-se diariamente para o campo e no final do dia retornam para a sua cidade. Em Curitiba temos o movimento pendular realizado por pessoas que residem nas cidades metropolitanas como, São José dos Pinhais, Colombo, Piraquara, Araucária conhecidas como cidades dormitórios, porém vem para Curitiba diariamente, pois é em Curitiba que exercem suas atividades como trabalho e estudo. População Brasileira
  • 10.  CRESCIMENTO POPULACIONAL NO BRASIL 1808-1850: O fluxo imigratório desse período foi estimulado pelo decreto de D. João, que permitia o estrangeiro de ser proprietário de terras no Brasil. 1850-1930: Período de maior entrada de imigrantes no Brasil, que foi favorecida pela abolição da escravidão e desenvolvimento da cafeicultura. 1930-1934: com a adoção da "Lei de Cotas" que estabelecia limites à entrada de imigrantes. 1939-45: O crescimento tornou-se acelerado, devido à diminuição das taxas de mortalidade. Isso é explicado por fatores como a expansão da rede de esgoto, acesso à água encanada, campanhas de vacinação em massa, acesso a medicamentos básicos, etc. População Brasileira
  • 11.  ÊXODO RURAL • Êxodo rural é o termo pelo qual se designa o abandono do campo por seus habitantes, que, em busca de melhores condições de vida, se transferem de regiões consideradas de menos condições de sustentabilidade a outras, podendo ocorrer de áreas rurais para centros urbanos. Este fenômeno se deu em grandes proporções no Brasil nos séculos XIX e XX e foi sempre acompanhado pela miséria de milhões de retirantes e sua morte aos milhares, de fome, de sede e de doenças ligadas à subnutrição. População Brasileira
  • 12.  1940-1960: Foi registrada a maior evolução das taxas de crescimento populacional, atingindo em 1960 a taxa de 2,99% a.a. (ao ano ). A partir da década de 1960, começou a ocorrer uma desaceleração demográfica contínua: a diminuição das taxas de natalidade passou a ser maior que a das taxas de mortalidade, registrando em 2000 um crescimento demográfico de 1,64% a.a., com tendência à queda. População Brasileira
  • 13.  Após o final da Segunda Guerra Mundial em diante o Brasil assiste a uma desaceleração do seu crescimento populacional com a queda na taxa de natalidade, bem uma diminuição na taxa de mortalidade aumentando a expectativa de vida da população. São responsáveis por estas quedas: NATALIDADE MORTALIDADE Planejamento Familiar Avanço da medicina Aumento do custo de criação dos filhos Saneamento básico Participação da mulher no mercado de trabalho Distribuição de medicamentos Métodos contraceptivos como o uso de anticoncepcionais e preservativo Construção de postos de saúde e hospitais População Brasileira
  • 14.  BRASIL POPULOSO MAS POUCO POVOADO População absoluta – refere-se ao número total de habitantes de uma cidade, região ou país. População relativa – pode ser chamada também de densidade demográfica e é obtida dividindo-se o número de habitantes pela área em que eles vivem (nº hab/Km). Concluímos que o Brasil é um país MUITO POPULOSO pois segundo o censo demográfico realizado no ano 2000 o Brasil possui uma população absoluta de 169.590.693 habitantes (sendo o 5º no mundo ) porém POUCO POVOADO pois a sua população relativa é de 19,84 Hab/km2. População Brasileira
  • 15.  DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA A população brasileira encontra-se mal distribuída pelo território, concentrando- se, por motivos históricos e econômicos, em áreas próximas ao litoral. Avançando para o interior do país encontramos densidades cada vez menores, com grandes vazios demográficos na Amazônia. População Brasileira
  • 16.  CRESCIMENTO POPULACIONAL E ESTRUTURA ETÁRIA A distribuição da população por faixas de idade em um país é conseqüência das taxas de crescimento populacional, da expectativa de vida e das migrações. A população é geralmente agrupada em três faixas etárias: jovens (0-19 anos); adultos (20-59 anos); e idosos (acima de 60 anos). População Brasileira
  • 17.  PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO COMO BRASIL População: JOVENS diminuem a cada ano e população de ADULTOS e IDOSOS aumenta. Diminuição do crescimento vegetativo e aumento da expectativa de vida Essa é uma das razões das mudanças recentes no sistema de previdência social, com estabelecimento de idade mínima para a aposentadoria e teto máximo para pagamento ao aposentado. População Brasileira
  • 18.  PIRÂMIDE ETÁRIA DO BRASIL Em 1980 a população que predominava no Brasil era de JOVENS, pois a base é mais larga que o restante da pirâmide o que indica um alto crescimento vegetativo. Em 1991 começa a haver um declínio na taxa de natalidade no país. Em 2000 passa a predominar no Brasil a população ADULTA. População Brasileira
  • 19.  O MAIOR CONTINGENTE POPULACIONAL DO BRASIL SE ENCONTRA ENTRE 20 a 59 ANOS, LOGO PODEMOS DIZER QUE O BRASIL É UM PAÍS COM POPULAÇÃO PREDOMINANTEMENTE ADULTA OU SEJA O BRASIL É UM PAÍS ADULTO População Brasileira