Namoro, muito mais que diversão.

6.179 visualizações

Publicada em

Slides como subsídio à lição 8 da revista Adolescer + editora betel. Tema: O adolescente

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.179
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.908
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
239
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Namoro, muito mais que diversão.

  1. 1. Namoro, muito mais que diversão Lição 8
  2. 2. Texto Bíblico: 1 Tessalonicenses 4.3-8 “Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da prostituição; Que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação e honra; Não na paixão da concupiscência, como os gentios, que não conhecem a Deus.
  3. 3. Ninguém oprima ou engane a seu irmão em negócio algum,porque o Senhor é vingador de todas estas coisas, comotambém antes vo-lo dissemos e testificamos.Porque não nos chamou Deus para a imundícia, mas para asantificação.Portanto, quem despreza isto não despreza ao homem, massim a Deus, que nos deu também o seu Espírito Santo.”
  4. 4. Mensagem ValiosaPorque não nos chamou Deus para aimundícia, mas para a santificação.1 Tessalonicenses 4.7
  5. 5. Verdade AplicadaDeus é Santo e, de maneira nenhuma, podeconviver com o pecado. Para andarmos comEle, temos que nos santificar todos os dias.
  6. 6. Reflita!“Mas, como é santo aquele que vos chamou,sede vós também santos em toda a vossamaneira de viver;”1 Pedro 1:15
  7. 7. IntroduçãoO adolescente cristão deve andar nacontramão desse mundo dizendo não àbanalização do namoro e à filosofia do ficar!A liberalidade do mundo adoece a alma. Essacoisa de “ficar” é o caminho enganoso queSalomão nos apresenta.
  8. 8. A Bíblia sempre valoriza a pureza nosrelacionamentos.Ser santo não é uma virtude, mas ummandamento!Santidade não é ausência de erros, mas apresença da graça de Deus!
  9. 9. 1. Definição e propósitoO que é namorar?É algo sério e extremamente importante. É operíodo em que o homem e a mulher estão seidentificando satisfatoriamente paraavaliarem honestamente se desejam se casar.
  10. 10. Áreas a serem avaliadas durante o namoro:• Área Espiritual (2 Co 6.14-16);• Área cultural (Pv. 2:1-10);• Área socioeconômica;• Idade;• Origem familiar, etc.
  11. 11. O texto de 2 Coríntios 6 é claro quanto ao fatode que o cristão não deve entrar em aliançacom o incrédulo. O jugo desigual pode levar ocasamento à ruína.“Porventura andarão dois juntos, se nãoestiverem de acordo?” Amós 3:3
  12. 12. Qual é o propósito do namoro?Deve ser sempre o casamentoSaiba que: namorar não é pecado, mas não sepode esquecer de que o propósito maior deDeus é a sua santificação, então, a todomomento você deve se questionar se seunamoro tem contribuído para sua santificação.
  13. 13. 2. Os perigos do namoro na adolescênciaNão existe idade certa para namorar, dependemuito das suas motivações eamadurecimento.
  14. 14. Quando namorar?• Não namore se estiver em conflito consigo mesmo; como se comprometer com uma pessoa se não compreende a si mesmo?• Namorar exige dedicação de tempo. Pense bem se deseja abrir mão de estar com amigos, praticar esportes, estudar e outras coisas.
  15. 15. • Não namore se não souber se controlar em relação à intimidades. A Bíblia é clara: O sexo foi criado por Deus para ser usufruído depois do casamento, Mc 10.7-9.
  16. 16. 3. Um namoro saudável é um namoro santo. “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.” Eclesiastes 3.1 Desfrutar das coisas no tempo certo é muito melhor!
  17. 17. Aproveite a adolescência para amadurecerseus pensamentos e convicções.Busque a orientação de Deus para que tenhaum namoro santo e dentro da Sua vontade.
  18. 18. Avalie: Seu namoro é saudável?• Você sente paz? (Colossenses 3.15)?• Sua família aprova?• Há igualdade de jugo, de situações (2 Co 6.14- 16)?
  19. 19. E se o namoro não estiver nas diretrizes deDeus?“Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiele justo para nos perdoar os pecados, e nospurificar de toda a injustiça.” 1 João 1:9
  20. 20. ConclusãoSantidade é a separação dos modos ímpios domundo e a dedicação a Deus por amor, para oseu serviço e adoração.
  21. 21. “A santificação não consiste na casual realizações deações corretas. Antes, é a operação habitual de umnovo princípio celestial que atua no íntimo,influenciando toda a conduta diária de uma pessoa,tanto nas grandes quanto nas pequenas coisas. A suasede é o coração, e, tal como o coração físico, exerceinfluência regular sobre cada aspecto do caráter deuma pessoa.” J. C. Ryle

×