SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 41
A TENTAÇÃO DE JESUS
Lição 5
TEXTOS BÍBLICOS: MATEUS 4.1-11;
MARCOS 1.12-13; LUCAS 4.1-13
Fonte: Mangá Messias – Ed. Vida Nova
TEXTO BÍBLICO: MATEUS 4.1-11
“Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao
deserto, para ser tentado pelo diabo.
E, tendo jejuado quarenta dias e quarenta
noites, depois teve fome;
E, chegando-se a ele o tentador, disse: Se tu és
o Filho de Deus, manda que estas pedras se
tornem em pães.
Ele, porém, respondendo, disse: Está escrito:
Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a
palavra que sai da boca de Deus.
Então o diabo o transportou à cidade santa, e colocou-o
sobre o pináculo do templo, e disse-lhe: Se tu és o Filho
de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito:
Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar-
te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces em alguma
pedra.
Disse-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o
Senhor teu Deus.
Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto; e
mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles.
E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares.
Então disse-lhe Jesus: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao
Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás.
Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos, e o
serviam.” Mateus 4:1-11
ENFOQUE BÍBLICO
“Vigiai e orai, para que não
entreis em tentação.” Marcos
14.38
Somente com a ajuda do Espírito Santo
podemos vencer as tentações, conter
nossos desejos e inclinações para o mal.
EM JESUS TENS A PALMA DA VITÓRIA
1
Tentado, não cedas, ceder é pecar,
Melhor e mais nobre, será triunfar,
Coragem, ó crente, domina o teu mal.
Deus pode livrar-te de queda fatal.
Em Jesus tens a palma
Da vitória, minh’alma;
E também doce calma
Pelo sangue da cruz!
2
Evita o pecado, procura agradar
A Deus, a quem deves no corpo exaltar;
Não manches teus lábios com impura voz;
Defende tua alma do vicio atroz.
3
Sê manso e benigno, qual morto até.
Na rocha eterna, firma tua fé;
Veraz é teu dito: de Deus é teu ser?
T’espera a coroa, tu podes vencer.
FIQUE ALERTA
“Não sobreveio a vocês tentação que não fosse
comum aos homens. E Deus é fiel; ele não
permitirá que vocês sejam tentados além do
que podem suportar. Mas, quando forem
tentados, ele lhes providenciará um escape,
para que o possam suportar.”
1 Coríntios 10:13
REFLITA!
“As tentações ocorrem precisamente no
começo do ministério público de Jesus e têm a
ver com a maneira como ele vai desenvolver
esse ministério. Sugerem caminhos alternativos
que, no fundo, reproduzem a tentação de Adão:
a de trocar uma relação de dependência filial
por um projeto autônomo.” Paul Freston
PALAVRA VIVA
Satanás havia tentado Eva e Adão, que
caíram, e também queria derrotar Jesus.
Ele O tentou, como também nos tenta hoje,
nas áreas físicas, emocionais e
psicológicas.
NECESSIDADE FÍSICA DE JESUS
Jesus foi tentado quando teve fome.Ele havia jejuado 40
dias, preparando-se para o seu ministério.
Satanás tentou persuadir Jesus a usar seus poderes
divinos para satisfazer sua necessidade físicas, mas
Jesus havia se despojado de seu poder para ser e viver
totalmente como ser humano, igual a nós.
“Jesus enfrentou teste semelhante ao de
Adão, embora curiosamente inverso. Você
pode ser igual a Deus, a serpente perguntou
no Éden. Você pode ser verdadeiramente
humano? perguntou o tentador no deserto.”
Philip Yancey
A DÚVIDA: “...SE VOCÊ É FILHO DE DEUS,
MANDE...” (MT .4.3)
“O diabo procura tentar Jesus no nível da
sua obediência ao Pai, não no nível de sua
consciência de ser o filho.” Paul Freston
LIÇÃO QUE APRENDEMOS NA 1ª TENTAÇÃO
“A versão moderna seria: “Já que você é cristão, mande
que seu dinheiro cresça, que você seja bem-sucedido,
que todas as suas vontades se realizem, que você nunca
passe por dificuldades na vida”. É a religião do filho
mimado, tão própria de uma sociedade consumista que
não consegue imaginar por que, tendo os meios à
disposição, alguém poderia não transformar pedras em
pães.” Paul Freston
LOCAL DA AÇÃO
A tentação de Jesus ocorreu quando Ele estava
longe dos parentes e amigos, onde se sentia
cansado, só e faminto.
Uma das estratégias do inimigo é tentar-nos
quando estamos sob tensão física ou
emocional: solitários, cansados, diante de uma
grande decisão ou dúvida.
Somos tentados a satisfazer um desejo normal de
um modo, ou no momento errado. A entrega ao sexo
antes do casamento ou roubar para conseguir
comida, é satisfazer, de modo errado, os desejos que
nos foram dados por Deus.
A satisfação desses desejos indiscriminadamente é
denominada por João por concupiscência da carne
(1 Jo 2.16).
EMOÇÕES A TODA PROVA
O alvo do ataque aqui, foi levar Jesus a
interpretar, equivocadamente, as promessas
de Deus. Cuidado, um versículo isolado pode
comprovar qualquer ideia, mas ele precisa ser
comparado com outros trechos das Escrituras.
Jesus foi incisivo:
LIÇÃO QUE APRENDEMOS NA 2ª TENTAÇÃO
“Jesus aponta para a diferença entre poder e dever. Ele
deixa de exercer um poder seu, para cumprir o dever de
se submeter ao Pai em confiança implícita.
Como eu tento o Senhor? Pela busca indevida do
poder. Pelo uso de meios errados. Pela falta de temor.
Tentando viver das minhas conquistas espirituais
passadas e não da obediência de hoje.” Paul
Freston
AUDÁCIA DO INIMIGO
A audácia do inimigo chegou a ponto de querer
que Jesus o adorasse (Mt 4.5-8). Ele apelou
para a necessidade psicológica denominada
importância, poder, realização. Jesus foi
tentado a tornar-se o governante político das
nações naquele momento.
O que o inimigo queria era frustrar a execução do
plano de redenção da humanidade.
Nosso inimigo é capaz de produzir um quadro
visionário de todas as glórias do mundo para nos
enganar. Jesus compreendeu a ideia, mas não se
deixou influenciar por ela. Faça como Jesus.
Expulse o inimigo e vença a tentação.
REFLITA!
Ás vezes a igreja alia-se ao governo que oferece um
atalho para o poder. “A adoração do sucesso
geralmente é a forma de adoração de ídolos que o
diabo cultiva com mais assiduidade”. Ás vezes a
igreja simplesmente toma emprestadas as
ferramentas da manipulação aperfeiçoadas pelos
políticos, pelos vendedores e pelos redatores de
propaganda. (Philip Yancey)
LIÇÃO QUE APRENDEMOS NA 3ª TENTAÇÃO
“Os cristãos que dizem que o poder nos pertence, de
direito, aqui e agora, estão aceitando o atalho que o
diabo oferece a Jesus: governo sem cruz. Oramos
para que Deus facilite nosso caminho e nosso
ministério. Mas às vezes o caminho fácil é uma
tentação a ser resistida!” Paul Freston
VIGIEM E OREM
Jesus, mediante a Palavra de Deus, nos
informou o segredo da vitória sobre as
tentações. Ele disse “Vigiem e orem” (Mc
14.38).
As tentações podem vir a qualquer
momento, em qualquer lugar.
Tentação
Necessidade
utilizada na
tentação
Possível
dúvida
Fraqueza que
procurou
explorar
As respostas
de Jesus
Fazer pão
Necessidade
física: fome
Deus proveria
a comida?
Fome,
impaciência
Dt 8.3 -
Depender de
Deus.
Enfoque: “O
propósito de
Deus.”
Desafiar
(tentar) a Deus
Necessidade
emocional:
segurança
Deus
protegeria?
Orgulho,
insegurança,
necessidade
de testar Deus
Dt 6.16 – Não
tentar Deus.
Enfoque: “O
plano de Deus”
Adorar a
Satanás
Necessidade
psicológica:
importância,
poder,
realização.
Deus
governaria?
Desejo pelo
poder
rapidamente,
soluções
fáceis
Dt 6.13 – Não
transigir com o
mal. Enfoque:
“A pessoa de
Deus
ROMPENDO FRONTEIRAS
Aprendemos que Satanás tenta os crentes. Os
outros que não lhe oferecem resistência são sua
propriedade. Silencie o inimigo com as Escrituras.
Memorize um versículo que fale sobre a vitória sobre
a tentação (exemplo: 1 Co 10.13) e compartilhe com
um amigo que esteja enfrentando algum tipo de
tentação.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O poder de Jesus sobre a natureza e os demônios
O poder de Jesus sobre a natureza e os demôniosO poder de Jesus sobre a natureza e os demônios
O poder de Jesus sobre a natureza e os demônios
Moisés Sampaio
 
A melhor posição de um homem
A melhor posição de um homemA melhor posição de um homem
A melhor posição de um homem
Carla Machado
 

Mais procurados (20)

Lição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileusLição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileus
 
Os três campos de batalha parte 3 - nas regiões celestiais
Os três campos de batalha   parte 3 - nas regiões celestiaisOs três campos de batalha   parte 3 - nas regiões celestiais
Os três campos de batalha parte 3 - nas regiões celestiais
 
O poder de Jesus sobre a natureza e os demônios
O poder de Jesus sobre a natureza e os demôniosO poder de Jesus sobre a natureza e os demônios
O poder de Jesus sobre a natureza e os demônios
 
Os três campos de batalha parte 1 - a mente
Os três campos de batalha   parte 1 - a menteOs três campos de batalha   parte 1 - a mente
Os três campos de batalha parte 1 - a mente
 
Os três campos de batalha parte 1 - NA MENTE
Os três campos de batalha   parte 1 - NA MENTEOs três campos de batalha   parte 1 - NA MENTE
Os três campos de batalha parte 1 - NA MENTE
 
Curso de batalha espiritual
Curso de batalha  espiritualCurso de batalha  espiritual
Curso de batalha espiritual
 
AS BEM AVENTURANÇAS
AS BEM AVENTURANÇAS AS BEM AVENTURANÇAS
AS BEM AVENTURANÇAS
 
A inspiração de pedro 1
A inspiração de pedro 1A inspiração de pedro 1
A inspiração de pedro 1
 
Três campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritualTrês campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritual
 
Revista CPAD Lições Bíblicas Adultos - 1º Trimestre de 2019
 Revista CPAD Lições Bíblicas Adultos - 1º Trimestre de 2019 Revista CPAD Lições Bíblicas Adultos - 1º Trimestre de 2019
Revista CPAD Lições Bíblicas Adultos - 1º Trimestre de 2019
 
Jesus, o modelo ideal de humildade
Jesus, o modelo ideal de humildadeJesus, o modelo ideal de humildade
Jesus, o modelo ideal de humildade
 
A melhor posição de um homem
A melhor posição de um homemA melhor posição de um homem
A melhor posição de um homem
 
Conhecereis a verdade
Conhecereis a verdade Conhecereis a verdade
Conhecereis a verdade
 
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
2019 - 1° trim. - Aula 1 - BATALHA ESPIRITUAL - pdf
 
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempoLição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
Lição 5 - Ansiedade, a antecipação do tempo
 
E.b.d adultos 1ºtrimestre 2017 lição 03
E.b.d   adultos 1ºtrimestre 2017 lição 03E.b.d   adultos 1ºtrimestre 2017 lição 03
E.b.d adultos 1ºtrimestre 2017 lição 03
 
Tentação
TentaçãoTentação
Tentação
 
JESUS, O MODELO IDEAL DE HUMILDADE – Lição 04 – Escola Dominical
JESUS, O MODELO IDEAL DE HUMILDADE – Lição 04 – Escola DominicalJESUS, O MODELO IDEAL DE HUMILDADE – Lição 04 – Escola Dominical
JESUS, O MODELO IDEAL DE HUMILDADE – Lição 04 – Escola Dominical
 
Batalha espiritual
Batalha espiritualBatalha espiritual
Batalha espiritual
 
E.b.d adultos 1ºtrimestre 2017 lição 01
E.b.d   adultos 1ºtrimestre 2017 lição 01E.b.d   adultos 1ºtrimestre 2017 lição 01
E.b.d adultos 1ºtrimestre 2017 lição 01
 

Destaque

Destaque (20)

A história de João Batista
A história de João BatistaA história de João Batista
A história de João Batista
 
Lição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusLição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de Deus
 
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e EspíritoDinâmica: Corpo, Alma e Espírito
Dinâmica: Corpo, Alma e Espírito
 
O Fruto do Espírito Santo
O Fruto do Espírito SantoO Fruto do Espírito Santo
O Fruto do Espírito Santo
 
Você está podendo?
Você está podendo?Você está podendo?
Você está podendo?
 
Lição 9: Trabalhando na Judeia
Lição 9: Trabalhando na JudeiaLição 9: Trabalhando na Judeia
Lição 9: Trabalhando na Judeia
 
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
Os seres angelicais - Lição 6 revista Juvenis (CPAD)
 
Lição 3: Um exemplo a ser imitado
Lição 3: Um exemplo a ser imitadoLição 3: Um exemplo a ser imitado
Lição 3: Um exemplo a ser imitado
 
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPADTudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
 
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!
Adolescentes Vencedores, Lição 08 : Antenados!
 
O Homem e sua origem - lição 7
O Homem e sua origem - lição 7O Homem e sua origem - lição 7
O Homem e sua origem - lição 7
 
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
 
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardo
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardoApresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardo
Apresentação seminário de ebd. robson santos & roney ricardo
 
Propósito em conhecer a Deus.
Propósito em conhecer a Deus.Propósito em conhecer a Deus.
Propósito em conhecer a Deus.
 
Propósito com a família.
Propósito com a família.Propósito com a família.
Propósito com a família.
 
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4
A vida de Jesus - Parte1 - Frente A4
 
Propósito com a oração.
Propósito com a oração.Propósito com a oração.
Propósito com a oração.
 
15º Encontro de Crisma - Nascimento e Batismo de Jesus
15º Encontro de Crisma -  Nascimento e Batismo de Jesus15º Encontro de Crisma -  Nascimento e Batismo de Jesus
15º Encontro de Crisma - Nascimento e Batismo de Jesus
 
Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
Propósito em ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
 
12º encontro joao batista
12º encontro   joao batista12º encontro   joao batista
12º encontro joao batista
 

Semelhante a A tentação de Jesus

CHEIOS DO ESPÍRITO.pptx
CHEIOS DO ESPÍRITO.pptxCHEIOS DO ESPÍRITO.pptx
CHEIOS DO ESPÍRITO.pptx
TalitaNeves22
 
Palestra Espirita De Onde Vem as Tentacoes - KSSF
Palestra Espirita De Onde Vem as  Tentacoes - KSSFPalestra Espirita De Onde Vem as  Tentacoes - KSSF
Palestra Espirita De Onde Vem as Tentacoes - KSSF
Clea Alves
 
Teologia da liderança e da administração
Teologia da liderança e da administraçãoTeologia da liderança e da administração
Teologia da liderança e da administração
Jose Ventura
 
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junhoTeologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Jose Ventura
 

Semelhante a A tentação de Jesus (20)

Como o inimigo age em nossas vidas part 1 2
Como  o inimigo age em nossas vidas part 1 2Como  o inimigo age em nossas vidas part 1 2
Como o inimigo age em nossas vidas part 1 2
 
Recapitulando e orando sem cessar
Recapitulando e orando sem cessarRecapitulando e orando sem cessar
Recapitulando e orando sem cessar
 
CHEIOS DO ESPÍRITO.pptx
CHEIOS DO ESPÍRITO.pptxCHEIOS DO ESPÍRITO.pptx
CHEIOS DO ESPÍRITO.pptx
 
EBJ - Encontro 01/07/2012
EBJ - Encontro 01/07/2012EBJ - Encontro 01/07/2012
EBJ - Encontro 01/07/2012
 
As 12 Pedras do Alicerce — Aula 11A - Superando problemas - Passos para a vit...
As 12 Pedras do Alicerce — Aula 11A - Superando problemas - Passos para a vit...As 12 Pedras do Alicerce — Aula 11A - Superando problemas - Passos para a vit...
As 12 Pedras do Alicerce — Aula 11A - Superando problemas - Passos para a vit...
 
VENCENDO AS TENTAÇÕES
VENCENDO AS TENTAÇÕESVENCENDO AS TENTAÇÕES
VENCENDO AS TENTAÇÕES
 
Aula o3
Aula o3Aula o3
Aula o3
 
Pai nosso 6 - Tema 01/07/12
Pai nosso 6 - Tema 01/07/12Pai nosso 6 - Tema 01/07/12
Pai nosso 6 - Tema 01/07/12
 
Tentação
TentaçãoTentação
Tentação
 
estudos
estudosestudos
estudos
 
Palestra Espirita De Onde Vem as Tentacoes - KSSF
Palestra Espirita De Onde Vem as  Tentacoes - KSSFPalestra Espirita De Onde Vem as  Tentacoes - KSSF
Palestra Espirita De Onde Vem as Tentacoes - KSSF
 
Deus lhe quer bem
Deus lhe quer bemDeus lhe quer bem
Deus lhe quer bem
 
Boletim CBG_18 ago-2013
Boletim CBG_18 ago-2013Boletim CBG_18 ago-2013
Boletim CBG_18 ago-2013
 
Ebook o poder da palavra
Ebook o poder da palavraEbook o poder da palavra
Ebook o poder da palavra
 
Interceder
IntercederInterceder
Interceder
 
Lição 10 Vencendo as Tentações
Lição 10   Vencendo as TentaçõesLição 10   Vencendo as Tentações
Lição 10 Vencendo as Tentações
 
Teologia da liderança e da administração
Teologia da liderança e da administraçãoTeologia da liderança e da administração
Teologia da liderança e da administração
 
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junhoTeologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
Teologia da liderança e da administração dias 25 de maio e 2 de junho
 
A tentação
A tentaçãoA tentação
A tentação
 
Jovens25 lição07
Jovens25   lição07Jovens25   lição07
Jovens25 lição07
 

Mais de Quenia Damata

Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
Quenia Damata
 

Mais de Quenia Damata (17)

Parabéns Pastora Zade
Parabéns Pastora ZadeParabéns Pastora Zade
Parabéns Pastora Zade
 
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participação
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participaçãoDinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participação
Dinâmica do Quebra-Cabeça - Incentivar a união e participação
 
As parábolas de Jesus
As parábolas de JesusAs parábolas de Jesus
As parábolas de Jesus
 
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto domésticoLição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
Lição 10: A necessidade e a urgência do culto doméstico
 
Autoridade das Escrituras
Autoridade das EscriturasAutoridade das Escrituras
Autoridade das Escrituras
 
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
 
O Natal em mangá
O Natal em mangáO Natal em mangá
O Natal em mangá
 
O Espírito Santo, Deus em nós - lição 9
O Espírito Santo, Deus em nós - lição 9O Espírito Santo, Deus em nós - lição 9
O Espírito Santo, Deus em nós - lição 9
 
O pecado e suas consequências - Lição 6
O pecado e suas consequências - Lição 6O pecado e suas consequências - Lição 6
O pecado e suas consequências - Lição 6
 
O caráter de Deus
O caráter de DeusO caráter de Deus
O caráter de Deus
 
A verdadeira Adoração
A verdadeira AdoraçãoA verdadeira Adoração
A verdadeira Adoração
 
O Bom Samaritano
O Bom SamaritanoO Bom Samaritano
O Bom Samaritano
 
Namoro, muito mais que diversão.
Namoro, muito mais que diversão.Namoro, muito mais que diversão.
Namoro, muito mais que diversão.
 
Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?
 
Deus, o Pai Perfeito
Deus, o  Pai PerfeitoDeus, o  Pai Perfeito
Deus, o Pai Perfeito
 
O valor do perdão
O valor do perdãoO valor do perdão
O valor do perdão
 
Na contramão da sociedade, Adolescer +, Editora Betel
Na contramão da sociedade, Adolescer +, Editora BetelNa contramão da sociedade, Adolescer +, Editora Betel
Na contramão da sociedade, Adolescer +, Editora Betel
 

A tentação de Jesus

  • 1. A TENTAÇÃO DE JESUS Lição 5
  • 2. TEXTOS BÍBLICOS: MATEUS 4.1-11; MARCOS 1.12-13; LUCAS 4.1-13
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15. Fonte: Mangá Messias – Ed. Vida Nova
  • 16. TEXTO BÍBLICO: MATEUS 4.1-11 “Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo. E, tendo jejuado quarenta dias e quarenta noites, depois teve fome;
  • 17. E, chegando-se a ele o tentador, disse: Se tu és o Filho de Deus, manda que estas pedras se tornem em pães. Ele, porém, respondendo, disse: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus.
  • 18. Então o diabo o transportou à cidade santa, e colocou-o sobre o pináculo do templo, e disse-lhe: Se tu és o Filho de Deus, lança-te de aqui abaixo; porque está escrito: Que aos seus anjos dará ordens a teu respeito, E tomar- te-ão nas mãos, Para que nunca tropeces em alguma pedra. Disse-lhe Jesus: Também está escrito: Não tentarás o Senhor teu Deus.
  • 19. Novamente o transportou o diabo a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles. E disse-lhe: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares. Então disse-lhe Jesus: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás. Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos, e o serviam.” Mateus 4:1-11
  • 20. ENFOQUE BÍBLICO “Vigiai e orai, para que não entreis em tentação.” Marcos 14.38
  • 21. Somente com a ajuda do Espírito Santo podemos vencer as tentações, conter nossos desejos e inclinações para o mal.
  • 22. EM JESUS TENS A PALMA DA VITÓRIA 1 Tentado, não cedas, ceder é pecar, Melhor e mais nobre, será triunfar, Coragem, ó crente, domina o teu mal. Deus pode livrar-te de queda fatal. Em Jesus tens a palma Da vitória, minh’alma; E também doce calma Pelo sangue da cruz! 2 Evita o pecado, procura agradar A Deus, a quem deves no corpo exaltar; Não manches teus lábios com impura voz; Defende tua alma do vicio atroz. 3 Sê manso e benigno, qual morto até. Na rocha eterna, firma tua fé; Veraz é teu dito: de Deus é teu ser? T’espera a coroa, tu podes vencer.
  • 23. FIQUE ALERTA “Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar. Mas, quando forem tentados, ele lhes providenciará um escape, para que o possam suportar.” 1 Coríntios 10:13
  • 24. REFLITA! “As tentações ocorrem precisamente no começo do ministério público de Jesus e têm a ver com a maneira como ele vai desenvolver esse ministério. Sugerem caminhos alternativos que, no fundo, reproduzem a tentação de Adão: a de trocar uma relação de dependência filial por um projeto autônomo.” Paul Freston
  • 25. PALAVRA VIVA Satanás havia tentado Eva e Adão, que caíram, e também queria derrotar Jesus. Ele O tentou, como também nos tenta hoje, nas áreas físicas, emocionais e psicológicas.
  • 26. NECESSIDADE FÍSICA DE JESUS Jesus foi tentado quando teve fome.Ele havia jejuado 40 dias, preparando-se para o seu ministério. Satanás tentou persuadir Jesus a usar seus poderes divinos para satisfazer sua necessidade físicas, mas Jesus havia se despojado de seu poder para ser e viver totalmente como ser humano, igual a nós.
  • 27. “Jesus enfrentou teste semelhante ao de Adão, embora curiosamente inverso. Você pode ser igual a Deus, a serpente perguntou no Éden. Você pode ser verdadeiramente humano? perguntou o tentador no deserto.” Philip Yancey
  • 28. A DÚVIDA: “...SE VOCÊ É FILHO DE DEUS, MANDE...” (MT .4.3) “O diabo procura tentar Jesus no nível da sua obediência ao Pai, não no nível de sua consciência de ser o filho.” Paul Freston
  • 29. LIÇÃO QUE APRENDEMOS NA 1ª TENTAÇÃO “A versão moderna seria: “Já que você é cristão, mande que seu dinheiro cresça, que você seja bem-sucedido, que todas as suas vontades se realizem, que você nunca passe por dificuldades na vida”. É a religião do filho mimado, tão própria de uma sociedade consumista que não consegue imaginar por que, tendo os meios à disposição, alguém poderia não transformar pedras em pães.” Paul Freston
  • 30. LOCAL DA AÇÃO A tentação de Jesus ocorreu quando Ele estava longe dos parentes e amigos, onde se sentia cansado, só e faminto. Uma das estratégias do inimigo é tentar-nos quando estamos sob tensão física ou emocional: solitários, cansados, diante de uma grande decisão ou dúvida.
  • 31. Somos tentados a satisfazer um desejo normal de um modo, ou no momento errado. A entrega ao sexo antes do casamento ou roubar para conseguir comida, é satisfazer, de modo errado, os desejos que nos foram dados por Deus. A satisfação desses desejos indiscriminadamente é denominada por João por concupiscência da carne (1 Jo 2.16).
  • 32. EMOÇÕES A TODA PROVA O alvo do ataque aqui, foi levar Jesus a interpretar, equivocadamente, as promessas de Deus. Cuidado, um versículo isolado pode comprovar qualquer ideia, mas ele precisa ser comparado com outros trechos das Escrituras. Jesus foi incisivo:
  • 33.
  • 34. LIÇÃO QUE APRENDEMOS NA 2ª TENTAÇÃO “Jesus aponta para a diferença entre poder e dever. Ele deixa de exercer um poder seu, para cumprir o dever de se submeter ao Pai em confiança implícita. Como eu tento o Senhor? Pela busca indevida do poder. Pelo uso de meios errados. Pela falta de temor. Tentando viver das minhas conquistas espirituais passadas e não da obediência de hoje.” Paul Freston
  • 35. AUDÁCIA DO INIMIGO A audácia do inimigo chegou a ponto de querer que Jesus o adorasse (Mt 4.5-8). Ele apelou para a necessidade psicológica denominada importância, poder, realização. Jesus foi tentado a tornar-se o governante político das nações naquele momento.
  • 36. O que o inimigo queria era frustrar a execução do plano de redenção da humanidade. Nosso inimigo é capaz de produzir um quadro visionário de todas as glórias do mundo para nos enganar. Jesus compreendeu a ideia, mas não se deixou influenciar por ela. Faça como Jesus. Expulse o inimigo e vença a tentação.
  • 37. REFLITA! Ás vezes a igreja alia-se ao governo que oferece um atalho para o poder. “A adoração do sucesso geralmente é a forma de adoração de ídolos que o diabo cultiva com mais assiduidade”. Ás vezes a igreja simplesmente toma emprestadas as ferramentas da manipulação aperfeiçoadas pelos políticos, pelos vendedores e pelos redatores de propaganda. (Philip Yancey)
  • 38. LIÇÃO QUE APRENDEMOS NA 3ª TENTAÇÃO “Os cristãos que dizem que o poder nos pertence, de direito, aqui e agora, estão aceitando o atalho que o diabo oferece a Jesus: governo sem cruz. Oramos para que Deus facilite nosso caminho e nosso ministério. Mas às vezes o caminho fácil é uma tentação a ser resistida!” Paul Freston
  • 39. VIGIEM E OREM Jesus, mediante a Palavra de Deus, nos informou o segredo da vitória sobre as tentações. Ele disse “Vigiem e orem” (Mc 14.38). As tentações podem vir a qualquer momento, em qualquer lugar.
  • 40. Tentação Necessidade utilizada na tentação Possível dúvida Fraqueza que procurou explorar As respostas de Jesus Fazer pão Necessidade física: fome Deus proveria a comida? Fome, impaciência Dt 8.3 - Depender de Deus. Enfoque: “O propósito de Deus.” Desafiar (tentar) a Deus Necessidade emocional: segurança Deus protegeria? Orgulho, insegurança, necessidade de testar Deus Dt 6.16 – Não tentar Deus. Enfoque: “O plano de Deus” Adorar a Satanás Necessidade psicológica: importância, poder, realização. Deus governaria? Desejo pelo poder rapidamente, soluções fáceis Dt 6.13 – Não transigir com o mal. Enfoque: “A pessoa de Deus
  • 41. ROMPENDO FRONTEIRAS Aprendemos que Satanás tenta os crentes. Os outros que não lhe oferecem resistência são sua propriedade. Silencie o inimigo com as Escrituras. Memorize um versículo que fale sobre a vitória sobre a tentação (exemplo: 1 Co 10.13) e compartilhe com um amigo que esteja enfrentando algum tipo de tentação.