UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOSPRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃOPROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL BIBLIOTECONOMIA E CIÊNCIA DAINFOR...
TRAJETÓRIA ACADÊMICA- MESTRE EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA ESOCIEDADE - UFSCAR (2012);- ESPECIALISTA EM GESTÃO DE UNIDADES DEINFO...
TRAJETÓRIA PROFISSIONAL- INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO,CIÊNCIA ETECNOLOGIA DE SÃO PAULO – IFSP (DESDE 2006);- FUNDAÇÃO HEM...
Ambiente universitário Responsabilidade Dedicação Respeito CooperaçãoCompreensão Profissionalização Educação Comprometimen...
Educação continuada aprendizado/capacitação constante,possibilita ao profissional acompanhar as atualizaçõescientíficas/te...
PÓS-GRADUAÇÃO STRICTU SENSU NOCONTEXTO SOCIOCOGNITIVO DOPROFISSIONAL BIBLIOTECÁRIOO primeiro curso strictu sensu em nível ...
MESTRADO ACADÊMICO MESTRADO PROFISSIONAL- De responsabilidade da Capes - De responsabilidade da Capes- Enfatiza estudos ap...
MESTRADO ACADÊMICO MESTRADO PROFISSIONAL- TCC deverá ser umadissertação- TCC poderá ser: dissertação;artigo; patente; regi...
PPRINCIPAIS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EMBIBLIOTECONOMIA/CIÊNCIA E GESTÃO DA INFORMAÇÃONO BRASILPROGRAMA/INSTITUIÇÃOMA/MPD...
PROGRAMA/INSTITUIÇÃOMA/MPDT*SITEPPGCI – UFSC MA e DT http://pgcin.paginas.ufsc.br/PPGCInf – UNB MA eDT http://www.ppgcinf....
PROGRAMA/INSTITUIÇÃOMA/MPDT*SITEPPGCTS – UFSCar MA e DT www.ppgcts.ufscar.brPPGB – UNIRIO MP http://www2.unirio.br/unirio/...
Mestrado acadêmicoÁrea de concentração: Ciência, Tecnologia e SociedadeLinhas de Pesquisa: Dimensões Sociais da Ciência e ...
Dissertação: As unidades de informação dos Institutos Federais noapoio ao desenvolvimento da ciência e da tecnologia: umes...
Metodologia qualitativa com abordagem sociocognitivaUTILIZAÇÃO DE 2INSTRUMENTOS DE COLETA DEDADOSQUESTIONÁRIORampazzo (200...
RESULTADOS E DISCUSSÃOQuestionário: caracterização sócio-histórica e organizacional dabibliotecas do IFSPPVG: formação de ...
CONSIDERAÇÕES FINAISA metodologia qualitativa com abordagem sociocognitiva apresentou-sesatisfatoriamente nesta pesquisa;A...
CONSIDERAÇÕES FINAISPara o exercício da ciência e da tecnologia, são necessários ambientes queofertem possibilidades de pe...
SUGESTÕES/INDICAÇÕESLegitimação das bibliotecas do IFSP ;Criação do Sistema de Bibliotecas do IFSP;Maior investimento p...
REFERÊNCIASCRESPO, I. RODRIGUES, A; MIRANDA, C. Educação continuada para bibliotecários: características eperspectivas em ...
Obrigada!Cintia Santoscintia@ifsp.edu.brcintiasert@hotmail.comhttp://arq.ifsp.edu.br/Biblioteca/library.html“Feliz aquele ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

"A contribuição da pós-graduação strictu sensu no contexto sociocognitivo do profissional bibliotecário: o mestrado acadêmico como ponto focal" - Cintia Almeida da Silva Santos

1.196 visualizações

Publicada em

Apresentação realizada no "III seminário: O saber profissional" Oferecido pelo Programa de Educação Tutorial de Biblioteconomia e Ciência da Informação - PETBCI

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.196
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
859
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

"A contribuição da pós-graduação strictu sensu no contexto sociocognitivo do profissional bibliotecário: o mestrado acadêmico como ponto focal" - Cintia Almeida da Silva Santos

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOSPRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃOPROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL BIBLIOTECONOMIA E CIÊNCIA DAINFORMAÇÃO“III SEMINÁRIO O SABER PROFISSIONAL”"A CONTRIBUIÇÃO DA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTUSENSU NO CONTEXTO SOCIOCOGNITIVO DOPROFISSIONAL BIBLIOTECÁRIO: O MESTRADOACADÊMICO COMO PONTO FOCAL"Ma. Cintia Almeida da Silva SantosMa. Cintia Almeida da Silva SantosSão Carlos2013
  2. 2. TRAJETÓRIA ACADÊMICA- MESTRE EM CIÊNCIA, TECNOLOGIA ESOCIEDADE - UFSCAR (2012);- ESPECIALISTA EM GESTÃO DE UNIDADES DEINFORMAÇÃO - UNICEP (2009);- BIBLIOTECÁRIA E CIENTISTA DA INFORMAÇÃO– UFSCAR (2003).FONTE: HTTP://CABIBLIOTECONOMIA.BLOGSPOT.COM.BR/
  3. 3. TRAJETÓRIA PROFISSIONAL- INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO,CIÊNCIA ETECNOLOGIA DE SÃO PAULO – IFSP (DESDE 2006);- FUNDAÇÃO HEMOCENTRO DE RIBEIRÃO PRETO(2007-2010);- SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA – SESI (2004 –2006);- COLÉGIO NOSSA SENHORA AUXILIADORA DERIBEIRÃO PRETO (2004).Fonte: http://www.posfacio.com.br/2012/05/21/bibliomania-as-boas-e-velhas-listas/
  4. 4. Ambiente universitário Responsabilidade Dedicação Respeito CooperaçãoCompreensão Profissionalização Educação Comprometimento TrabalhoAdmiração Talento Vocação DocênciaUFSCARBIBLIOTECONOMIA E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃOMUDANÇA DE VIDA / PERCEPÇÕESFonte: http://www.oagora.com/tag/vida/
  5. 5. Educação continuada aprendizado/capacitação constante,possibilita ao profissional acompanhar as atualizaçõescientíficas/tecnológicas de sua área. Pode ser feita à partir denecessidades da instituição a qual a pessoa trabalha ou à partir denecessidades pessoais (CRESPO; RODRIGUES; MIRANDA, 2006).O profissional bibliotecário deverá se incorporar de habilidades,conhecimentos e valores que estejam relacionados à busca, acesso,avaliação, organização e difusão da informação e do conhecimento(DUDZIAK, 2003, p. 23).A educação continuada se apresenta nos mais variados aspectos(formais e informais), eventos e cursos lato e strictu sensu.A importância da educação continuada no contextosociocognitivo e profissional do bibliotecário
  6. 6. PÓS-GRADUAÇÃO STRICTU SENSU NOCONTEXTO SOCIOCOGNITIVO DOPROFISSIONAL BIBLIOTECÁRIOO primeiro curso strictu sensu em nível demestrado acadêmico foi criado pelo IBICT nadécada de 70 em parceria com a UFRJ – inciou-seo processo de formação docente dosbibliotecários e o aumento na produçãoacadêmico-científica brasileira na área de Ciênciada Informação/Biblioteconomia (RUSSO, 2010,p. 95).Fonte:http://leiturasnolisboa.blogspot.com.br/2012/03/12-marco-dia-da-bibliotecaria.html
  7. 7. MESTRADO ACADÊMICO MESTRADO PROFISSIONAL- De responsabilidade da Capes - De responsabilidade da Capes- Enfatiza estudos aprofundadossobre determinado campo dosaber- Enfatiza estudos e técnicas dealto nível de qualificaçãoprofissional sob determinadocampo do saber- Possui validade nacional dodiploma condicionada aoreconhecimento prévio do curso- Possui validade nacional dodiploma condicionada aoreconhecimento prévio do curso- Surgiu na década de 60 – Lei nº5.540 de 28/12/1968- Reconhecimento - Portaria nº80 de 6/12/1998.Regulamentação - PortariaNormativa nº 7, de 22/06/2009(MEC)?Fonte: http://www.capes.gov.br/duvidas-frequentes/62-pos-graduacao/2376-qual-e-a-diferenca-entre-o-mestrado-academico-e-o-mestrado-profissional
  8. 8. MESTRADO ACADÊMICO MESTRADO PROFISSIONAL- TCC deverá ser umadissertação- TCC poderá ser: dissertação;artigo; patente; registros depropriedade intelectual;projetos técnicos; produçãoartística....- Cultura em formarpesquisadores /docentes- Formar mestresprofissionais atuantes;estreitar laços entreuniversidades e setoresprodutivos-Possibilita a docência - Possibilita a docência?Fonte: http://www.capes.gov.br/duvidas-frequentes/62-pos-graduacao/2376-qual-e-a-diferenca-entre-o-mestrado-academico-e-o-mestrado-profissional
  9. 9. PPRINCIPAIS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EMBIBLIOTECONOMIA/CIÊNCIA E GESTÃO DA INFORMAÇÃONO BRASILPROGRAMA/INSTITUIÇÃOMA/MPDT*SITEPPGCI – IBICT/UFRJ MA e DT http://www.ppgci.ufrj.brPPGCI - UFBA MA e DT http://www.posici.ufba.brPPGCI – UFMG MA e DT http://ppgci.eci.ufmg.br/PPGCI – UFPB MA http://dci.ccsa.ufpb.br/ppgci/index.phpPPGCI - UFPE MA http://www.ufpe.br/ppgci/PPGCOM – UFRGS MA e DT http://www.ppgcom.ufrgs.br/novosite/index.php*MA – mestrado acadêmico / MP – mestrado profissional / DT - doutoradoFonte: http://www.ancib.org.br/pages/pos-graduacoes-em-ci.php
  10. 10. PROGRAMA/INSTITUIÇÃOMA/MPDT*SITEPPGCI – UFSC MA e DT http://pgcin.paginas.ufsc.br/PPGCInf – UNB MA eDT http://www.ppgcinf.fci.unb.br/PPGCI – UNESP MA e DT http://www.marilia.unesp.br/#!/posci/PPG Memória Social - UNIRIO MA e DT http://www.memoriasocial.pro.br/proposta-area.phpPPGCI ECA/USP MA e DT http://www.pos.eca.usp.br/index.php?q=pt-br/ciencia_da_informacaoPPGCI - UEL MA http://www.uel.br/pos/ppgci/PPG-PMUS - UNIRIO MA http://www.unirio.br/cch/ppg-pmus/inicio.htm*MA – mestrado acadêmico / MP – mestrado profissional / DT - doutoradoFonte: http://www.ancib.org.br/pages/pos-graduacoes-em-ci.phpPPRINCIPAIS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EMBIBLIOTECONOMIA/CIÊNCIA E GESTÃO DA INFORMAÇÃONO BRASIL
  11. 11. PROGRAMA/INSTITUIÇÃOMA/MPDT*SITEPPGCTS – UFSCar MA e DT www.ppgcts.ufscar.brPPGB – UNIRIO MP http://www2.unirio.br/unirio/cchs/ppgbPPGMPGi – UEL MP http://www.uel.br/pos/mestradoinformacao/PPGInfo - UDESC MP http://www.faed.udesc.br/?id=660PPG Si e GC – Univ. FUMEC MP http://www.fumec.br/cursos/pos-graduacao/mestrado/sistemas-de-informacao-e-gestao-do-conhecimento/programa/*MA – mestrado acadêmico / MP – mestrado profissional / DT - doutoradoFonte: http://www.ancib.org.br/pages/pos-graduacoes-em-ci.phpPPRINCIPAIS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EMBIBLIOTECONOMIA/CIÊNCIA E GESTÃO DA INFORMAÇÃONO BRASIL
  12. 12. Mestrado acadêmicoÁrea de concentração: Ciência, Tecnologia e SociedadeLinhas de Pesquisa: Dimensões Sociais da Ciência e da Tecnologia; GestãoTecnológica e Sociedade Sustentável; Linguagens, Comunicação e CiênciaMotivos por optar pelo mestrado do PPGCTS• interesse pela docência•corpo docente e universidade•estudos em CTS – relação com o IFSP• interação dos estudos biblioteconômicos e dos estudos em CTSproximidade e maior conhecimento do objeto de estudo –bibliotecas do IFSP.Fonte: http://blog.unica.br/?page_id=399
  13. 13. Dissertação: As unidades de informação dos Institutos Federais noapoio ao desenvolvimento da ciência e da tecnologia: umestudo de percepção sociocognitiva com o uso do protocoloverbal em grupoOrientação: Profa. Dra. Wanda Aparecida Machado HoffmannCo-orientação: Profa. Dra. Vera Regina Casari BoccatoObjetivo: registrar e divulgar os resultados obtidos com o estudo sobreas bibliotecas do IFSP campi São Paulo, Guarulhos e Salto, de forma acontribuir para a geração e divulgação do conhecimento científico etecnológico e a inserção das bibliotecas do IFSP no cenário científico
  14. 14. Metodologia qualitativa com abordagem sociocognitivaUTILIZAÇÃO DE 2INSTRUMENTOS DE COLETA DEDADOSQUESTIONÁRIORampazzo (2005)PROTOCOLO VERBAL NAMODALIDADE EM GRUPOBoccato (2009); Dal’Evedove (2010); Fujita(1999, 2009); Gonçalves (2008); Nardi (1993);Rubi (2004); Valentim (2008)
  15. 15. RESULTADOS E DISCUSSÃOQuestionário: caracterização sócio-histórica e organizacional dabibliotecas do IFSPPVG: formação de 7 categorias de análise1)Bibliotecas do IFSP: estrutura física e serviços oferecidos.2)O papel das bibliotecas no desenvolvimento das atividades de ensino,pesquisa e extensão do IFSP.3)Mudanças dos suportes informacionais.4)Perspectivas atuais e futuras das bibliotecas do IFSP.5)Interação intrabibliotecários e entre bibliotecários.6)Perspectivas atuais e futuras de atuação do bibliotecário do IFSP.7)Visão dos gestores do IFSP no contexto organizacional das bibliotecas.
  16. 16. CONSIDERAÇÕES FINAISA metodologia qualitativa com abordagem sociocognitiva apresentou-sesatisfatoriamente nesta pesquisa;A concepção dos Institutos Federais é recente, é necessária a inserção dasbibliotecas e de seus bibliotecários no desenvolvimento institucional;As bibliotecas do IFSP possuem um caráter “multi tipológico” – reúnemcaracterísticas das bibliotecas: universitária, escolar e especializada;Encontram-se em estágio inicial de formação e as margens de seudesenvolvimento institucional;O processo informativo-educativo é a base tanto para a ciência, quanto para atecnologia e a biblioteca possui como matéria prima a informação;Não existe exercício da cidadania sem informação (TARGINO, 2006, p. 71);
  17. 17. CONSIDERAÇÕES FINAISPara o exercício da ciência e da tecnologia, são necessários ambientes queofertem possibilidades de pensamentos reflexivos, a biblioteca pode ser oambiente para aguçar e fortalecer o despertar científico e tecnológico de seususuários;As bibliotecas do IFSP, apoiando as atividades de pesquisa e de extensão,poderão atuar como protagonistas institucionais, auxiliando no fortalecimentoda ciência e da tecnologia;É importante a continuidade de investigações, reflexões e divulgações sobre asbibliotecas do IFSP no âmbito acadêmico-científico. A expansão do IFSPdeverá expressar também a expansão sistêmica e estrutural de suas bibliotecas.
  18. 18. SUGESTÕES/INDICAÇÕESLegitimação das bibliotecas do IFSP ;Criação do Sistema de Bibliotecas do IFSP;Maior investimento para as bibliotecas do IFSP;Atualização dos suportes informacionais e tecnologias;Criação da biblioteca digital do IFSP;Incentivo/investimentos na educação continuada dos bibliotecários– colaborativa no desenvolvimento do fazer dos bibliotecários;Participação das bibliotecas nos processos político, pedagógico, depesquisa e de extensão do IFSP;Continuidade nos estudos acerca das bibliotecas do IFSP.
  19. 19. REFERÊNCIASCRESPO, I. RODRIGUES, A; MIRANDA, C. Educação continuada para bibliotecários: características eperspectivas em um cenário de mudanças. Biblios, 2006, vol. 7, n. 25/26. Disponívelem:<http://eprints.rclis.org/8801/1/25_08.pdf>. Acesso em: 13 maio 2013.DUDZIAK, E. A. Information literacy: princípios, filosofia e prática. Ci Inf., Brasília, DF, v. 32, n. 1, p. 23-35.Disponível em:< http://revista.ibict.br/ciinf/index.php/ciinf/article/view/123/104>. Acesso em: 11 maio 2013.RUSSO, M. A formação profissional do bibliotecário: ensino de graduação e de pós-graduação. In.: RUSSO, M.Fundamentos da Biblioteconomia e Ciência da Informação. Rio de Janeiro: E-pappers Serviços Editoriais, 2010.p. 88 - 100.TARGINO, Maria das Graças. Olhares e fragmentos: cotidiano da Biblioteconomia e Ciência da Informação.Teresina: EDUFPI, 2006. 266 p.
  20. 20. Obrigada!Cintia Santoscintia@ifsp.edu.brcintiasert@hotmail.comhttp://arq.ifsp.edu.br/Biblioteca/library.html“Feliz aquele que transfere o que sabe e aprendeo que ensina”(Cora Coralina, 1889-1985)

×